• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 3
  • Tagged with
  • 3
  • 3
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Avaliação da estocagem de dois tipos de soluções parenterais de grande volume em hospitais

Quintas, Maria Aparecida Rodrigues Cerveira 30 July 2004 (has links)
Orientador: Reinaldo Wilson Vieira / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas / Made available in DSpace on 2018-08-04T01:15:27Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Quintas_MariaAparecidaRodriguesCerveira_M.pdf: 4545577 bytes, checksum: 562fe56789f4f05ec0319c2ae066ef79 (MD5) Previous issue date: 2004 / Resumo: Com o objetivo de avaliar uma possível contaminação e as alterações do pH nas soluções parenterais de grande volume, armazenadas em almoxarifados das Instituições Hospitalares, analisamos em duas Instituições as soluções de glicose a 5% e de Ringer lactato. Foram coletadas dez amostras de cada solução, sendo cinco para estudo microbiológico e cinco para estudo hemodinâmico em animais de experimentação, a saber: 40 ratos (Norvegicus albinus, Rodentia mamalia) da linhagem Wistar, acondicionados em gaiolas de propileno apropriadas, divididos em oito grupos de cinco animais cada. Foram também considerados os tempos TI - quando da chegada das soluções no almoxarifado - e T2 - quinze dias depois da chegada. Os resultados apontaram que duas amostras coletadas de solução glicosada a 5% , T2, Instituição A, não se mantiveram estéreis, havendo também variações significantes do pH em TI e T2, com exceção da Solução de Ringer lactato (em T2 não houve variabilidade). Todas as soluções apresentaram umpH dentro dos limites normais estipulados pela United States Farmacopéia - USP. Não foi observada alteração hemodinâmica caracterizada como estado hiperdinâmico, no estudo experimental / Abstract: With the aim of avalíar possible contamination and pH alterations in great volume parenteral solutions, kept in stock rooms ofhospitals, the present study sought the analysis in two Institutions (A and B) of 5% glucose and Ringer lactate solutions, with 10 samples collected of each solution, 5 for microbiological study and 5 for haemodynamic study in the trial animaIs, 40 rats (Norvegicus albinus, Rodentia mamalia), Wistar lineage, in appropriate polyethylene cages, divided into 8 groups with 5 animais each. Two periods were considered:TI - whenthe sampleswere sent to the stock roomsand T2 - 15 days afier their arrival.The results showedtOOtwo 5% glucose samples- T2 - InstitutionA, did not remained sterile, there were significant variances in pH - TI and T2 , except for Ringer lactate (there was no variance in T2), and pH remained within normal U.S.P. - United states Pharmacopéia - standards in all the solutions / Mestrado / Pesquisa Experimental / Mestre em Cirurgia
2

Desenvolvimento de nanopartícula lipídica sólida contendo um análogo de pirimidina e avaliação in vitro da atividade antitumoral

Dal Pizzol, Carine January 2014 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Farmácia, Florianópolis, 2014 / Made available in DSpace on 2015-02-05T20:27:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 331123.pdf: 8939835 bytes, checksum: c99e68a52a7441188881d0e1802660a8 (MD5) Previous issue date: 2014 / Esta tese está sendo apresentada em quatro etapas. A primeira foi avaliar doze moléculas de análogos de pirimidina, quanto ao aspecto de citotoxicidade e tipo de morte celular em três linhagens celulares tumorais (L1210, B16F10 e CEM). Quatro moléculas apresentaram efeito citotóxico relevante. Assim, prosseguiu-se a avaliação da molécula C3, escolhida entre as quatro pela facilidade de obtenção.Testes preliminares apresentaram baixa solubilidade em água, o que dificultaria a administração parenteral. Desta maneira, a segunda etapa foi desenvolver uma formulação para facilitar a administração desta molécula in vivo. Neste sentido, foi realizada a avaliação da influência do emulsionante e do tipo de lipídeo nas características físico-químicas e na biocompatibilidade de nanopartículas lipídicas sólidas (NLS). Formulações foram preparadas com diferentes lipídeos (tripalmitina (TRP), monoestearato de glicerila (MEG) e ácido esteárico (AE)) e emulsionantes (polissorbato 80 e lecitina S75) em diferentes concentrações. Os estudos de biocompatibilidade celular realizados foram: viabilidade celular por MTT, análise da morfologia celular por laranja de acridina, ciclo celular por citometria de fluxo e hemólise de eritrócitos. As formulações demonstraram boa estabilidade físicoquímica e apresentaram um tamanho de partícula entre 116 a 306 nm, com índice de polidispersão (PI) entre 0,25 a 0,30 com valores negativos para o potencial zeta (PZ). As NLS produzidas com AE mostraram maior citotoxicidade in vitro quando comparadas com as NLS produzidas com TRP e MEG e apresentaram atividade hemolítica. A terceira etapa foi otimizar uma formulação de NLS aplicando um delineamento experimental. A partir desta otimização, NLS foram preparadas pelo método de ultrassom e o C3 foi incorporado em diferentes concentrações (250, 500 e 1000 µg.mL-1). Um método por cromatografia líquida de alta eficiência foi desenvolvido e validado para o doseamento do C3 incorporado nas NLS. A adição de diferentes quantidades de C3 nas formulações não afetou o diâmetro médio das nanopartículas. O PI foi menor que 0,22 para todas as formulações. O PZ das NLS apresentram valor negativo e houve variações entre as formulações preparadas indicando a adsorção do C3 na superfície das nanopartículas. A eficiência de encapsulação foi maior que 97% para as formulações desenvolvidas. O estudo de estabilidade revelou expulsão do C3 da NLS ao longo do tempo, assim um estudo de liofilização foi realizado. Boas características de ressuspensão foram atingidas e o teor de C3 foi mantido ao longo do tempo. O ensaio de liberação indicou uma eficiência na retenção do C3 pelas NLS. No estudo de citotoxicidade com linhagem celular tumoral L1210, as NLS contendo a molécula encapsulada apresentou um perfil de toxicidade semelhante à molécula livre. Por fim, como quarta etapa deste trabalho, visando facilitar uma possível passagem de escala, foi realizada uma comparação das características das NLS produzidas pela técnica de utltrassonicação e de homogeneização por alta pressão. Como conclusão, os resultados obtidos revelaram a capacidade de incorporação de uma molécula pouco solúvel em NLS, o que viabiliza a administração parenteral e torna este sistema adequado para testes in vivo.<br> / Abstract: This thesis is presented in four steps. The first step in this work was the evaluation of the cytotoxicity of twelve pyrimidine analogs in three cell lines (L1210, B16F10 and CEM) and to assess the type of cell death induced by these molecules. Four molecules showed significant cytotoxic effect. Thus, C3 molecule was chosen to continue the study because it is easy to obtain it. Preliminary tests showed low solubility of the molecule in water, making it difficult to parenteral administration. Therefore, the second step was to develop a formulation to facilitate the administration of this molecule in vivo. In this regard, a review of the preliminary influence of the emulsifier and the lipid type on the physicochemical characteristics and biocompatibility of solid lipid nanoparticles (SLN) were performed. Formulations were prepared with lipids commonly used for production of SLN (tripalmitin (TRP), glyceryl monostearate (MEG) and stearic acid (SA) and emulsifiers(polysorbate 80 and lecithin S75) at different concentrations. Cell biocompatibility studies were performed: cell viability by MTT analysis of cell morphology with acridine orange stain, cell cycle by flow cytometry and hemolysis of erythrocytes. The formulations studied showed good physical-chemical stability and they showed the particlesize between 116 and 306 nm, polydispersity index (PI) 0.25 and 0.30 with negative zeta potencial (PZ) values. The SLN manufactured using SA showed greater cytotoxicity in vitro when compared to SLN produced with MEG and TRP, and SNL-SA showed hemolytic activity.The third step was to optimize a formulation of NLS applying an experimental design. The optimized formulation was prepared by the ultrasound method and C3 was incorporated at different concentrations in SLN (250, 500 and 1000 µg.mL-1). A high performance liquid chromatographic (HPLC) method was developed and validated for the quantitative determination of C3 in SLN. The addition of different amounts of C3 in the formulation did not affect the mean diameter of the nanoparticles. The PI was less than 0.22 for all formulations. PZ of the SLN showed a negative value and there were variations among the formulations prepared indicating adsorption of the C3 on the surface ofnanoparticles. The encapsulation efficiency was higher than 97% for allthe formulations developed. The stability study revealed expulsion ofthe C3 in SLN over time, and for this a lyophilisation study was conducted. Good proprieties of resuspension were established and the formulations stability were maintained over time. The release assay indicated a retention of the C3 in NLS. The cytotoxicity study with L1210 cell lines the SLN containing C3 encapsulated showed a similar profile to the free-molecule cytotoxicity. Finally, as a fourth step of this work, to facilitate a possibility to scale up, a comparison of the SLN physicochemical proprieties produced by the ultrasound method and high pressure homogenization was performed. The results showed that both techniques are suitable for the production of SLN. In conclusion, these findings suggest that a pyrimidine analogue loaded solid lipid nanoparticle is a promising formulation for parenteral administrations and that it suitable for in vivo testing.
3

Soluções Parenterais de Grande Volume: avaliação da estabilidade da solução e qualidade física e química da embalagem primária / Large Volume Parenteral Solutions: evaluation of the stability of the solution and physical and chemical quality of the primary packing

Ana Claudia Zampronio Bassi 04 May 2012 (has links)
As Soluções Parenterais de Grande Volume (SPGV´s) são definidas como solução estéril e apirogênica destinada à aplicação parenteral em dose única, na qual o plástico é o material de acondicionamento primário utilizado. O presente trabalho teve como objetivo avaliar as características físico-químicas e microbiológicas da solução fisiológica de cloreto de sódio 0,9% (m/v), bem como as propriedades químicas e físicas da embalagem primária. Foram utilizadas amostras de solução injetável de cloreto de sódio 0,9% m/v de 500 mL em diferentes apresentações comerciais e tipo de embalagem primária (Grupos A, B, C e D), após armazenamento em câmara climática. Foi realizada avaliação físico-química e microbiológica da solução contida nas diferentes embalagens, antes e após armazenamento de 90 e 180 dias em câmara climática, mantida a temperatura de 40ºC e umidade relativa de 25% conforme estabelecido pela International Conference on Harmonisation (ICH) e 75%, conforme preconizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Realizou-se a determinação dos ensaios químicos e físicos para a embalagem primária em contato com a solução. Além disso, foram avaliados os cuidados de conservação das SPGV´s em instituições hospitalares. Verificou-se a influência da umidade relativa (UR) nas taxas de permeabilidade ao vapor de água, as quais foram estatisticamente significantes (p<0,05) para todos os Grupos. Em todas as comparações, a perda de peso realizada a 25% de UR foi sempre maior que a 75% UR, sendo o Grupo B o que apresentou menor perda de peso comparado aos demais grupos. Foram encontrados volumes abaixo do especificado pela Farmacopéia Americana para o Grupo D em todos os tempos de armazenamento. Falhas de integridade e ruptura das embalagens primárias foram observadas nos Grupos C e D, o que propiciam vazamento da solução e permite a entrada de microorganismos. As propriedades de tração foram avaliadas e o Grupo A apresentou maior valor de ruptura e menor valor de alongamento, quando comparados aos Grupos C e D. Estes apresentaram diferença significativa entre si com relação à resistência máxima à tração, sendo o Grupo C o que apresentou maiores valores deste parâmetro. Os resultados mostram a influência e particularidade de cada tipo de embalagem para acondicionamento primário, além da importância da adequação do ambiente de estocagem do medicamento após a fabricação para que não ocorra o comprometimento da estabilidade e utilização das soluções parenterais. / The Large Volume Parenteral Solutions (LVP´s) are defined as an apyrogenic and sterile solution used in a single dosage in parenteral application, in which the plastic is the primary packaging material used. This study aimed to evaluate physicalchemical and microbiological characteristics of physiological sodium chloride solution 0,0% m/v, as well as the chemical and physical properties of the primary packaging material. In this work, samples of sodium chloride solution injection of 0,9% m/v of 500 mL in many different commercial primary packing (Groups A, B, C and D) were used, after being stored in a climatic chamber. An evaluation of the physical-chemical and microbiological characteristics of the solution was performed by storing the different packages in a climatic chamber during the period of 0, 90 and 180 days, under conditions of 40ºC of temperature and 75% of humidity, as established by the International Conference on Harmonisation (ICH) and 25% RH, according to the specific legislation of the Health Surveillance Agency (ANVISA). An assessment was carried out to determine the chemical and physical tests for the primary packaging in contact with the solution. In addition, was evaluated the conservation of care in hospitals LVP\'s. The results confirmed the influence of relative humidity (RH) in the rate of permeability to water vapor, which was statistically significant (p<0,05) for all groups. In all comparisons, the weight loss performed at 25% RH was always higher than 75% RH, and Group B showed the lowest weight loss compared to other groups. Group D presented results for volume that are different from the specification of United States Pharmacopoeia, at all storage times. Integrity failures and rupture of the primary packages were observed in Groups C and D, which provide leakage of the solution and allows entry of microorganisms. The tensile properties were evaluated and Group A showed higher breakdown and lower elongation as compared to Groups C and D. These Groups presented significant difference between them related to maximum tensile strength and Group C showed the highest values of this parameter. The evaluation results show the influence and particularity of each packing type and also showed the importance of an adequate product storage environment after manufacturing so the use and stability of the parenteral solutions is not jeopardized.

Page generated in 0.0806 seconds