• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 82
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 85
  • 22
  • 20
  • 15
  • 12
  • 11
  • 11
  • 11
  • 11
  • 10
  • 10
  • 9
  • 9
  • 9
  • 8
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Comportamento viscoelastico de tendões do musculo gracil e semitendineo humano e tendão calcaneo bovino

Piedade, Sérgio Rocha, 1965- 26 February 2003 (has links)
Orientador: Reinaldo Gamba / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas / Made available in DSpace on 2018-08-03T14:44:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Piedade_SergioRocha_D.pdf: 5184527 bytes, checksum: 2f53f48f50f988ab2e964f6046b09772 (MD5) Previous issue date: 2003 / Resumo: Este trabalho teve por finalidade analisar o comportamento de tendões calcâneo bovino e tendões do músculo grácil e semitendíneo humano submetidos a ensaios mecânicos de relaxamento estático ou cíclico de força, seguidos de ensaios uniaxial de tração até a ruptura. Os ensaios de relaxamento estático de força foram conduzidos aplicando-se uma deformação de 2,5% durante 600s. Após um intervalo de repouso de 300s, um segundo ensaio, semelhante ao primeiro, foi realizado. Os ensaios de relaxamento cíclico de força consistiram de 3 ensaios de 10 ciclos de tração e 3 níveis de deformação: 2,5%, 3% e 4%. Ao término de cada ensaio o tendão era mantido por 300s de repouso. A velocidade de carregamento adotada para os ensaios de relaxamento de força (cíclico e estático) foi de 10% do comprimento do corpo de prova. Todos os tendões, imediatamente, após os ensaios de relaxamento de força (cíclico e estático) foram submetidos a ensaios uniaxiais de tração até a ruptura, com velocidade de carregamento de 3,85 mm/s. Os resultados obtidos foram submetidos a análise de variância com delineamento de parcelas subdivididas no tempo e blocos casualizados (os tendões) nas parcelas. Com a metodologia empregada, os resultados permitiram concluir que nos ensaios de relaxamento estático de força, o fator tempo mostrou para os tendões bovino e humanos (músculo grácil e semitendíneo), diferenças entre a força inicial em relação as demais (300s e 600s), evidenciando o relaxamento de força. Observou-se diferença estatística significativa para os valores de relaxamento médio de força nos ensaios 1 e 2, exceto para o tendão do músculo semitendíneo humano. Nos ensaio de relaxamento cíclico de força para os três tendões estudados registrou-se que a força média no primeiro ciclo foi maior que no décimo ciclo, indicando relaxamento de força. As forças médias para os três tendões estudados registraram na deformação de 4,0%, valor superior ao obtido para as deformações 2,5% e 3,0%, não havendo diferença entre 2,5% e 3,0%, provavelmente resultante da proximidade desses níveis de deformações. Nos ensaios uniaxiais de tração, as forças médias de ruptura dos tendões calcâneo bovino, tendões do músculo grácil e semitendíneo humano, pré-condicionados estaticamente e ciclicamente, foram: 690,84 ± 46,97 N e 663,57 ± 38,81 N; 495,15 ± 38,81 N e 582,80 ± 55,98 N; 480,47 ± 50,96 N e 502,93 ± 39,01 N, respectivamente. Na definição da força ideal de pré-tensionamento, deve-se ter presente que a forma de tracionamento ressalta as propriedades viscoelásticas de tendões e ligamentos, portanto há que se considerar a variável tempo / Abstract: This research work presents an experimental study on the mechanical behavior of human gracilis and semitendineous muscle tendon and as well as bovine calcaneous tendons. The static relaxation tests consisted in applying a deformation of 2.5% of the total length for a time interval of 600s, leaving the specimens to rest for 300s before a new application of a similar test. A total number of 03 cyclic relaxation tests with 10 cycles respectively at 2.5%, 3.0% and 4.0% of deformation have been performed for each specimen. The specimens were kept at rest for 300s between the tests. Deformation rate for both cyclic and static relaxation tests were maintained at 10% of the initial length per second. After the relaxation tests each specimen was submitted to a uniaxial traction to failure at a deformation rate of 3.85 mm/s. Obtained results were submitted to an analysis of variance of split-plot in time design with randomized blocks (the tendons) in the plots. Static relaxation tests carried on all tendons showed a statistically significative difference between the forces at the beginning as well as the forces at the instants correspondent to 300s and 600s of the tests. This fact clearly emphasizes the occurrence of a force relaxation phenomena. Average relaxation force values obtained from the trials 1 and 2 was significative as well except for the semitendinous human tendon. Cylcic relaxation tests carried on all tendons showed that the average force correspondent to the first cycle was statistically significatively greater than the average force correspondent to the tenth cycle. This also emphasizes the occurrence of a force relaxation phenomena. For all tested tendons the average force corresponding to 4.0% deformation level showed to be significative greater than the average forces corresponding to 2.5% and 3.0% of deformation level. The ideal force for pre-tension procedure is close related to the time parameter because the viscoelastic behavior of tendons as well as ligaments are clearly evident / Doutorado / Cirurgia / Doutor em Cirurgia
2

Estudo exploratório da elastografia 'Acoustic Radiation Force Impulse (ARFI)' sobre estruturas flexoras da porção distal dos membros torácicos de equinos /

Bernardi, Nara Saraiva. January 2017 (has links)
Orientador: José Corrêa de Lacerda Neto / Coorientador: Marcus Antonio Rossi Feliciano / Banca: Deborah Penteado Martins Dias / Banca: Raquel Mincarelli Albernaz / Banca: Paulo Aléscio Canola / Banca: Márcia Rita Fernandes Machado / Resumo: A elastografia ARFI é uma técnica de imagem por ultrassom capaz de avaliar qualitativa e quantitativamente a rigidez dos tecidos. Não existe até o momento aplicação dessa técnica aos tendões e ligamentos de equinos e sob este aspecto o trabalho é inédito. Objetivou-se avaliar a rigidez dos tendões flexores digitais superficial (TFDS) e profundo (TFDP), ligamento acessório (LA) e ligamento suspensor do boleto (LSB) de equinos hígidos por meio da elastografia ARFI ("Acoustic Radiation Force Impulse"), determinando os padrões quantitativos (velocidade de cisalhamento - VC) ainda não descritos na espécie equina. Para tal, utilizou-se 24 animais, nos quais se avaliou ambos os membros torácicos. Após a realização de exames prévios e verificada a higidez, estes foram submetidos ao exame ultrassonográfico convencional e elastografia (método ARFI quantitativo) dos tendões e ligamentos, em diferentes regiões anatômicas. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado e utilizou-se nível de significância de 5% para todos os testes realizados. Os elastogramas em escala de cor mostraram que as estruturas estudadas são não deformáveis, apresentam coloração alaranjada ou tendendo ao vermelho e as estruturas adjacentes, os tecidos moles, apresentaram tonalidades esverdeadas a azuis, indicando menor rigidez em relação aos tendões e ligamentos. Não houve diferenças em relação ao membro avaliado (esquerdo ou direito), e a velocidade de cisalhamento foi maior nos cortes longitudinais e... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: ARFI elastography is an ultrasound imaging technique capable of qualitatively and quantitatively evaluate tissue stiffness. At the moment, there is no application of this technique to horse's tendons and ligaments. The aim of the present study was to evaluate the stiffness of the superficial (SDFT) and deep digital flexor tendons (DDFT), accessory ligament of the deep digital flexor tendon (AL) and suspensory ligament (SL) of the forelimb in healthy horses through ARFI (Acoustic Radiation Force Impulse) elastography imaging, determining the quantitative patterns (shear velocity - SV) which have not yet been described in equine veterinary medicine. Twenty four animals were used, after conducting preliminary tests to verify absence of musculoskeletal disorders, they were subjected to conventional ultrasonographic examination and elastography imaging (quantitative ARFI method) of tendons and ligaments in nine different anatomical regions. The experimental design was completely randomized with a level of significance of 5%. The color scale elastograms showed that the studied structures are non-deformable, being orange or tending to red and the adjacent structures had greenish-blue tones, indicating less stiffness in relation to tendons and ligaments. There were no differences in relation to the evaluated limb (left or right), shear velocities were higher in longitudinal versus transversal planes. In the transveral plane, SV of the evaluated structures differed significantly being... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor
3

Tratamento com glicosaminoglicanos polissulfatados no processo cicatricial tendíneo em eqüinos : análise morfológica /

Facco, Gilberto Gonçalves. January 2003 (has links)
Orientador: Julieta Rodini Engracia de Moraes / Banca: José Correa de Lacerda Neto / Banca: Helton Luiz Aparecido Delfino / Resumo: Os glicosaminoglicanos polissulfatados (GAGPS) são amplamente utilizados no tratamento das doenças articulares degenerativas de várias espécies. O escopo deste estudo foi o de analisar morfologicamente o efeito do tratamento com glicosaminoglicanos polissulfatados (GAGPS) na organização do colágeno na área de regeneração tendínea de tendões flexores superficiais em dez cavalos árabes de ambos os sexos após injúria pela colagenase. Segmentos de 20 tendões flexores digitais dos membros torácicos lesionados pela colagenase e tratados com GAGPS (n=10) ou com salina (n=10) foram corados pelo método de picrossírius e analisados em microscópio de luz polarizada 150 dias após a injúria. A análise morfométrica foi realizada contando-se o número de feixes de colágeno organizados e desorganizados em cada um dos animais, em lâminas coradas pelo método de picrossírius empregando-se ocular integradora Carl Zeiss. A área delimitada pela ocular integradora foi determinada por meio de retículo quadriculado (Olympus, Tokyo). Para as contagens foram tomados ao acaso cinco campos, de dois cortes em duas lâminas de cada animal onde foram considerados os feixes presentes nos pontos de intercessão das linhas do retículo. Os resultados foram analisados estatisticamente e revelaram significante aumento das fibrilas de colágeno organizadas nos tendões tratados com GAGPS. Desta forma, conclui-se que GAGPS foi efetivo na regeneração tendínea, sendo assim indicado por seu efeito morfológico no processo cicatricial observado neste estudo. / Abstract: The aim of this study was to accompany the process of testicular development from the indifferentiable phase to its complete formation. Embryos and fetuses of Nelore breed cows (Bos taurus indicus) were obtained in slaughterhouses near the Uberlandia city, Minas Gerais. As soon as the females were slaughtered, the uterus was opened and the embryos and fetuses gathered. The gonads and the smaller embryos were fixed in Bouin's fixative and afterwards processed for conventional optical microscopy. It was carried out the PCR (Polymerase Chain Reaction) from parts of embryos whose sex could not be identified macroscopically. The gonadal ridge was observed firstly in a 1.0 cm long embryo. In 2.5 cm long embryos the presence of the albuginea allowed the sex identification. The mean thickness of the albuginea ranged from 29.1 to 558.5 mm. Gradually increase of vascularization of the albuginea and parenchyma was observed. The mediastinum was located centrally. There was a decrease in the space occupied by the testicular cords, from 63.7 to 42.0 % of the total testes volume. Its diameter ranged from 31.7 to 48.8 mm. The diameter of germinal cells (and their nuclei) ranged from 12.3 (6.6) to 16.9 914.2) mm. The quantity of germinal cells by cross section of cord decreased from a maximum of 2.8 to 0.86. The total number of germinal cells was from 16 at the beginning of colonization of the gonad to 18.3 x 106 at the end of the study. The number of Sertoli's cells by cross section of cord ranged from 10.0 to 16.2. The results showed that the origin and formation of testes in embryos and fetuses from Nelore breed cows (Bos taurus indicus) does occur in a very similar way to what is described for Bos taurus taurus. / Mestre
4

Restabelecimento funcional do tendão extensor digital longo submetido à tenectomia em eqüinos: observação macroscópica, ultra-sonográfica e histopatológica /

Gianini, Carla Guimarães January 2003 (has links)
Orientador: Carlos Alberto Hussni / Resumo: Com o objetivo de se estudar o tendão extensor digital longo no seu restabelecimento funcional, foram utilizados 10 eqüinos, submetidos à ressecção parcial do tendão extensor digital longo. A ocorrência do restabelecimento da função do tendão foi considerada quando o membro operado apresentou capacidade de elevar e avançar o membro operado, em locomoção a passo. As observações ultra-ultra-sonográficas foram realizadas nos momentos préoperatório, a cada 15 dias e no dia do restabelecimento da capacidade funcional. A avaliação macroscópica quanto ao aspecto e características da ferida, foi realizada a cada 48 horas até o momento do restabelecimento funcional do tendão. A mensuração das lesões feita por planimetria, iniciou-se no dia da cirurgia e repetiu-se a cada 10 dias, até o restabelecimento funcional do membro. Biópsias das lesões e tecidos neoformados foram realizadas no dia do restabelecimento funcional do membro. O restabelecimento funcional do membro submetido à ressecção parcial do tendão deu-se em média no 45º dia, com as feridas apresentando aspecto granulomatoso tendo evoluindo com evidente retração, sem epitelização da lesão. O acompanhamento ultra-sonográfico revelou evolução cicatricial das lesões, com tecido de preenchimento de densidade variável e intensa neovascularização, sem mostrar reorganização estrutural do tendão. À histopatologia observou-se tecido neoformado, vascularizado, com infiltrado leucocitário e deposição colágena, sem completa epitelização. O tecido cicatricial formado na região da ressecção do tendão, imaturo e sem a organização estrutural do tendão normal, mostrou-se suficiente para o restabelecimento funcional do membro operado / Abstract: The objective of this work was to study the long digital extensor tendon in its functional restoration. Ten equines have been undergone long digital extensor tendon partial resection. The tendon function has been considered restorated when the operated limb showed ability to lift and go forward under walk locomotion. The ultrasonographic examination has been performed prior to surgery, every 15 days and at the functional ability restoration day. The macroscopic evaluation relating to the wound characteristic and aspect has been carried out every 48 hours up to the tendon functional restoration. The lesion measurement by planimetry has been initiated at the surgery day and repeated every 10 days up to the limb functional restoration. Lesion and newly formed tissue biopsies have been performed at the limb functional restoration day. The functional restoration of the limb under tendon partial resection has occurred around the 45th day, with the wounds showing granulomatous aspect, evolved with clear retraction, without lesion epithelization. The ultrasonographic follow-up revealed lesion healing with newly formed tissues with variable density and high neovascularization without tendon structural reorganization. The histopathology has shown newly formed vascularized tissue, with leukocytic infiltrate and collagenous deposition without full epithelization. The cicatrization tissue formed in the resection region of the tendon, immature and without the structural organization of the normal tendon, has shown to be able to functional restoration of the operated limb / Mestre
5

Tratamento com glicosaminoglicanos polissulfatados no processo cicatricial tendíneo em eqüinos: análise morfológica

Facco, Gilberto Gonçalves [UNESP] 30 June 2003 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:27:58Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2003-06-30Bitstream added on 2014-06-13T19:36:22Z : No. of bitstreams: 1 facco_gg_me_jabo.pdf: 917552 bytes, checksum: 050066fbc31e62c7d9be9e3ebe379794 (MD5) / Os glicosaminoglicanos polissulfatados (GAGPS) são amplamente utilizados no tratamento das doenças articulares degenerativas de várias espécies. O escopo deste estudo foi o de analisar morfologicamente o efeito do tratamento com glicosaminoglicanos polissulfatados (GAGPS) na organização do colágeno na área de regeneração tendínea de tendões flexores superficiais em dez cavalos árabes de ambos os sexos após injúria pela colagenase. Segmentos de 20 tendões flexores digitais dos membros torácicos lesionados pela colagenase e tratados com GAGPS (n=10) ou com salina (n=10) foram corados pelo método de picrossírius e analisados em microscópio de luz polarizada 150 dias após a injúria. A análise morfométrica foi realizada contando-se o número de feixes de colágeno organizados e desorganizados em cada um dos animais, em lâminas coradas pelo método de picrossírius empregando-se ocular integradora Carl Zeiss. A área delimitada pela ocular integradora foi determinada por meio de retículo quadriculado (Olympus, Tokyo). Para as contagens foram tomados ao acaso cinco campos, de dois cortes em duas lâminas de cada animal onde foram considerados os feixes presentes nos pontos de intercessão das linhas do retículo. Os resultados foram analisados estatisticamente e revelaram significante aumento das fibrilas de colágeno organizadas nos tendões tratados com GAGPS. Desta forma, conclui-se que GAGPS foi efetivo na regeneração tendínea, sendo assim indicado por seu efeito morfológico no processo cicatricial observado neste estudo. / The aim of this study was to accompany the process of testicular development from the indifferentiable phase to its complete formation. Embryos and fetuses of Nelore breed cows (Bos taurus indicus) were obtained in slaughterhouses near the Uberlandia city, Minas Gerais. As soon as the females were slaughtered, the uterus was opened and the embryos and fetuses gathered. The gonads and the smaller embryos were fixed in Bouin's fixative and afterwards processed for conventional optical microscopy. It was carried out the PCR (Polymerase Chain Reaction) from parts of embryos whose sex could not be identified macroscopically. The gonadal ridge was observed firstly in a 1.0 cm long embryo. In 2.5 cm long embryos the presence of the albuginea allowed the sex identification. The mean thickness of the albuginea ranged from 29.1 to 558.5 mm. Gradually increase of vascularization of the albuginea and parenchyma was observed. The mediastinum was located centrally. There was a decrease in the space occupied by the testicular cords, from 63.7 to 42.0 % of the total testes volume. Its diameter ranged from 31.7 to 48.8 mm. The diameter of germinal cells (and their nuclei) ranged from 12.3 (6.6) to 16.9 914.2) mm. The quantity of germinal cells by cross section of cord decreased from a maximum of 2.8 to 0.86. The total number of germinal cells was from 16 at the beginning of colonization of the gonad to 18.3 x 106 at the end of the study. The number of Sertoli's cells by cross section of cord ranged from 10.0 to 16.2. The results showed that the origin and formation of testes in embryos and fetuses from Nelore breed cows (Bos taurus indicus) does occur in a very similar way to what is described for Bos taurus taurus.
6

Restabelecimento funcional do tendão extensor digital longo submetido à tenectomia em eqüinos: observação macroscópica, ultra-sonográfica e histopatológica

Gianini, Carla Guimarães [UNESP] January 2003 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:23:44Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2003Bitstream added on 2014-06-13T18:51:15Z : No. of bitstreams: 1 gianini_cg_me_botfmvz.pdf: 710661 bytes, checksum: 9d71cc1deadc4b45db8939d536624fe6 (MD5) / Com o objetivo de se estudar o tendão extensor digital longo no seu restabelecimento funcional, foram utilizados 10 eqüinos, submetidos à ressecção parcial do tendão extensor digital longo. A ocorrência do restabelecimento da função do tendão foi considerada quando o membro operado apresentou capacidade de elevar e avançar o membro operado, em locomoção a passo. As observações ultra-ultra-sonográficas foram realizadas nos momentos préoperatório, a cada 15 dias e no dia do restabelecimento da capacidade funcional. A avaliação macroscópica quanto ao aspecto e características da ferida, foi realizada a cada 48 horas até o momento do restabelecimento funcional do tendão. A mensuração das lesões feita por planimetria, iniciou-se no dia da cirurgia e repetiu-se a cada 10 dias, até o restabelecimento funcional do membro. Biópsias das lesões e tecidos neoformados foram realizadas no dia do restabelecimento funcional do membro. O restabelecimento funcional do membro submetido à ressecção parcial do tendão deu-se em média no 45º dia, com as feridas apresentando aspecto granulomatoso tendo evoluindo com evidente retração, sem epitelização da lesão. O acompanhamento ultra-sonográfico revelou evolução cicatricial das lesões, com tecido de preenchimento de densidade variável e intensa neovascularização, sem mostrar reorganização estrutural do tendão. À histopatologia observou-se tecido neoformado, vascularizado, com infiltrado leucocitário e deposição colágena, sem completa epitelização. O tecido cicatricial formado na região da ressecção do tendão, imaturo e sem a organização estrutural do tendão normal, mostrou-se suficiente para o restabelecimento funcional do membro operado / The objective of this work was to study the long digital extensor tendon in its functional restoration. Ten equines have been undergone long digital extensor tendon partial resection. The tendon function has been considered restorated when the operated limb showed ability to lift and go forward under walk locomotion. The ultrasonographic examination has been performed prior to surgery, every 15 days and at the functional ability restoration day. The macroscopic evaluation relating to the wound characteristic and aspect has been carried out every 48 hours up to the tendon functional restoration. The lesion measurement by planimetry has been initiated at the surgery day and repeated every 10 days up to the limb functional restoration. Lesion and newly formed tissue biopsies have been performed at the limb functional restoration day. The functional restoration of the limb under tendon partial resection has occurred around the 45th day, with the wounds showing granulomatous aspect, evolved with clear retraction, without lesion epithelization. The ultrasonographic follow-up revealed lesion healing with newly formed tissues with variable density and high neovascularization without tendon structural reorganization. The histopathology has shown newly formed vascularized tissue, with leukocytic infiltrate and collagenous deposition without full epithelization. The cicatrization tissue formed in the resection region of the tendon, immature and without the structural organization of the normal tendon, has shown to be able to functional restoration of the operated limb
7

Reprodutibilidade intra e interexaminador de medidas da arquitetura tendínea usando ultrassonografia em pacientes críticos

Castro, Joana D'Arc Teles 02 February 2018 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ceilândia, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação, 2018. / Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2018-03-21T18:16:33Z No. of bitstreams: 1 2017_JoanaD`ArcTelesCastro.pdf: 1391345 bytes, checksum: ac3123f68b61285f406a4b5e92e519fb (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-05-24T18:44:47Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_JoanaD`ArcTelesCastro.pdf: 1391345 bytes, checksum: ac3123f68b61285f406a4b5e92e519fb (MD5) / Made available in DSpace on 2018-05-24T18:44:47Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_JoanaD`ArcTelesCastro.pdf: 1391345 bytes, checksum: ac3123f68b61285f406a4b5e92e519fb (MD5) Previous issue date: 2018-06-24 / Introdução: Os tendões podem apresentar alterações estruturais visualizadas ao ultrassom (US). Apesar de tratar-se de um exame não ionizante e realizável a beira leito, a reprodutibilidade do US para avaliação tendína ainda não foi determinada em ambiente de terapia intensiva. Objetivo: Determinar a reprodutibilidade intra e interexaminador da imagem sonográfica tendínea em pacientes criticamente enfermos. Métodos: Um estudo observacional, transversal, foi realizado para avaliar a espessura, área de secção transversa (AST) e ecogenicidade dos tendões patelar e quadricipital direito em 20 pacientes criticamente enfermos. A aquisição das imagens foi realizada por dois examinadores independentes e com diferente nível de experiência com o instrumento de US. A confiabilidade foi avaliada pelo coeficiente de correlação intraclasse (ICC) e, em uma escala nominal, pela estatística de Kappa. Para a concordância utilizou-se o limite de concordância LOA) obtido pela análise de Bland-Altman. Resultados: A avaliação do tendão por US foi reprodutível tanto na análise qualitativa quanto quantitativa da morfologia do tecido em relação à espessura e AST referente ao momento da aquisição da imagem. A análise de Bland-Altman demonstrou haver melhor concordância interexaminadores utilizando-se duas medidas da mesma estrutura. Conclusão: a avaliação por US pode ser útil na monitorização da espessura e AST tendínea em pacientes criticamente enfermos. A experiência do examinador com a técnica não influenciou na aquisição da imagem. Uma única medida não é recomendável para a caracterização das dimensões tendíneas. / Background: Structural alterations in tendons can be visualized on ultrasound (US) images. Although it is a practical examination without the use of ionizing radiation, the reproducibility of US on tendons has not yet been determined in an intensive care unit (ICU). Objective: To determine the intra- and inter-rater reproducibility of tendon sonographic imaging in critically ill patients. Methods: A cross-sectional, observational study was performed to assess the thickness, cross sectional area and echogenicity of patellar and quadriceps tendons by US in 20 critically ill patients. Image acquisition reproducibility was performed by two independent raters with different levels of experience with US techniques. Reliability was assessed by intraclass coefficient correlation and by Kappa statistics at a nominal scale. Agreement was assessed by Bland-Altman plot analysis. Results: Tendon US evaluation was reliable both in the qualitative and quantitative analysis of the morphology of the tendon tissue in relation to thickness and CSA evaluation. Moreover, the Bland-Altman analysis demonstrated good agreement between repeated measures. Conclusion: US imaging acquisition can be useful in monitoring tendon thickness and CSA evaluation in critically ill patients. These results were not influenced by the rater’s experience with the technique. A single measurement is not recommended for the characterization of tendon dimensions.
8

Estudo sobre a matriz extracelular de diferentes regiões de tres tendões de ratos

Covizi, Daniela Zanin 27 July 1995 (has links)
Orientador: Edson Rosa Pimentel / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-20T12:49:28Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Covizi_DanielaZanin_M.pdf: 5501060 bytes, checksum: d867f84ccf659267d9d346abfc1db3d9 (MD5) Previous issue date: 1995 / Resumo: o tendão é um tipo de tecido conjuntivo denso onde há um predomínio de matriz extracelular (MEC) em relação a quantidade de células. Sua principal função é transmitir as forças de tensão geradas pela contração do músculo onde ele se origina ao osso no qual ele se insere. Os principais componentes da MEC de tendões são o colágeno do tipo I, os pequenos proteoglicanos (PGs) e as proteínas não colagênicas (PNC). Existem tendões que passam próximo a um osso em uma articulação antes da inserção, que ocorre numa direção diferente do músculo, e neste caso são denominados "wrap around", e no local em que estão sob a articulação recebem forças de compressão e fricção adicionais às forças de tensão. Neste local geralmente ocorre o desenvolvimento de uma estrutura fibrocartilaginosa com feixes de colágeno espessos, quantidade elevada de PG e células semelhantes a condrócitos. O objetivo deste trabalho foi analisar a composição de PNC e pequenos PGs da MEC de diferentes regiões do tendão do músculo flexor digital profundo (TFDP), do tendão do músculo flexor digital superficial (TFDS) e do tendão calcanear (TC), que por apresentarem trajeto não linear provavelmente estão sob a ação de forças de compressão e fricção além das forças de tensão. O TFDP e o TFDS foram divididos em regiões denominadas proximal, intennediária e distal, enquanto o TC foi dividido nas regiões proximal e distal. Todas as regiões dos três tendões foram extraídas com 25 volumes de c1oridrato de guanidina (GuRCI) 4M com inibi dores de proteases. As dosagens de proteínas realizadas em cada extrato mostraram que no TFDP havia uma maior presença de proteínas não colagênicas/mg de tecido, sendo que nas regiões intennediária e distal esta proporção foi maior. Com relação às dosagens de glicosaminoglicanos (GAGs) sulfatados, após digestão com papaína, foi verificado que a região distal do TC apresentou uma maior quantidade de GAG/mg de tecido, comparando com as regiões dos TFDP e TFDS. De um modo geral, a quantidade de GAG/mg de tecido, nos três tendões, foi sempre maior nas regiões em que os tendões contornam a articulação. O GAG dermatam sulfato foi encontrado em todas as regiões nos três tendões na eletroforese em gel de agarose, enquanto condroitim sulfato foi encontrado apenas nas regiões que estão sob forças de compressão do TFDP e do TC. Amostras de todos os extratos foram fracionadas em coluna de DEAE-celulose. O material ligado à resina foi eluído da coluna em gradiente linear de NaO de O a 1 M, e as frações analisadas em SDS-PAGE 4 a 16 % com e sem 2-mercaptoetanol (2-Me). Em todas as regiões dos três tendões observou-se a presença de componentes com Mr entre 94 kDa e 232 kDa. O pequeno PG fibromodulim foi encontrado em todas as regiões dos TFDP, TFDS e TC, e pelo resultado do teste imunoquímico podemos deduzir que possui duas isoformas do PG. Uma característica interessante deste fibromodulim foi seu comportamento em SDS-PAGE migrando mais lentamente quando não era previamente incubado com 2-Me. O componente poli disperso com Mr na faixa de 67 a 115 kda, provavelmente decorim, também foi encontrado em todas as regiões dos tendões TFDP, TFDS e Te. A presença desses pequenos PGs em tecidos tipicamente fibrosos deve-se à sua provável função de regular a fibrilogênese das moléculas de colágeno. As propriedades de intumescimento apresentadas pelos três tendões foram típicas de uma matriz colagênica fibrosa / Abstract: Tendon is a typical example of done connective tissue, with a predominance of extracellular matrix (ECM). Its main function is transmitting tension from the musc1e to the bone. The main ECM component of tendons are type I collagen, small proteoglycans and non collagenous proteins. Tendons which pass under bones are called a wrap around tendon, and way receive compression and frictional forces in adhesion to tensile forces. Normally, this region has a structure similar to a fibrocartilage with collagen fibers and elevated levels of g1ycosaminoglycans, with cells resembling chondrocytes. The purpose of this work was to analyse the composition of non collagenous proteins and small proteoglycans present in the ECM of different regions of the deep digital flexor tendon (DDFT), superficial digital flexor tendon (SDFr) and calcanear tendon (CT). These tendons probably experience compressive and frictional forces in addition to tensile forces. The DDFr and SDFr were divided in proximal, intermediate and distal regions, while the CT was divided in proximal and distal regions. Every region was treated with 25 volumes of 4M guanidine hydrochIoride (GuHCI) with proteases inhibitors. Quantitation of proteins in each extract showed that in DDFr there was a larger presence of non collagenous protein/ .g of tissue than in the other two tendons. In the intermediate and distal region of the DDFr, the proposition of this protein was higher. In relation to the presence of sulfated glycosaminog1ycans (GAGs), after papain digestion, more GAG/mg of tissue was found in the distal region of CT, compared to the regions of the DDFr and SDFr. In general, the amount of GAG/mg of tissue, was always higher in regions where the tendon passed under the joint. Eletrophoresis in agarose gel showed the presence of sulfate dermatan, in alI regions of the three tendons, whi1e chondroitin sulfate was found only in regions passing under bone, in DDFf and CT. Samples of every extract were fractioned on a DEAE-celulose column. The bound material was eluted with a linear gradient of O-1M NaCI, and fractions analysed in SDS-PAGE in presence and absence of 2-mercaptoethanol. In alI regions of the three tendons components with Mr between 94 and 232 kDa were delected. The small proteoglycan fibromodulin was present in every region of the DDFf, SDFf and CT. The immunochemical test inc1inated tqat fibromodulin may be present in two isoforms of the proteog1ycan. A interesting characteristic of this fibromodulin was its behaviour in SDS- P AGE, migrant more slowly when electrophoresis was in non reducing conditions. The polydisperse component with Mr in the range of 67 to 115 kDa, probably corresponding to decorin, was found in every region of the three tendons. The presence of these two small proteoglycans in fibrous tissues it is probable due to the function of regulating collagen fibrilogenesis. The swelling properties demonstrated for the three tendons were tipical of a collagenous fibrous matrix / Mestrado / Biologia Celular / Mestre em Ciências Biológicas
9

Desenvolvimento do tendão elastico de aves : caracteristicas estruturais e aspectos ultra-estruturais relacionados a região elastica e a fibrocartilagem

Pimentel, Silvia Borges 16 April 2002 (has links)
Orientador : Hernandes F. Carvalho / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-08-01T09:16:28Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Pimentel_SilviaBorges_M.pdf: 11853574 bytes, checksum: d6b74e1b0b82b8e7c7186759bf83e21e (MD5) Previous issue date: 2002 / Resumo: Embora os tendões realizem o papel mecânico de transmitir forças de tensão geradas pela contração muscular ao osso no qual ele se insere, muitas vezes há funções ou propriedades adicionais frente a uma demanda biomecânica diferenciada. A região elástica corresponde à maior parte do tendão elástico da asa de frangos e é responsável pelas propriedades mecânicas principais do tendão. Entretanto, a presença de um sesamóide fibrocartilaginoso toma o tendão elástico num excelente modelo de diferenciação de regiões distintas ao longo de um tendão, principalmente quanto à investigação dos fatores que levam à diferenciação destas duas regiões modificadas: a região elástica e a fibrocartilaginosa. Este projeto teve por objetivo a caracterização da capacidade do envolvimento de células, a nível estrutural e ultraestrutural, quanto aos aspectos relacionados à elastogênese. Estes aspectos seriam importantes pois auxiliariam no entendimento de interrelações existentes entre elastina-colágeno-proteoglicano. Esta análise é de grande relevância para a biologia dos tecidos elásticos, pois o tipo deinterações observados entre as células e as fibras elásticas, não é evidente para outros tecidos como aorta e ligamento nucal. Para isto análises em microscopia de luz usando várias técnicas de coloração para identificar a matriz extracelular em geral, e algumas particularidades, assim como análises ultraestruturais desde a fase embrionária, e técnicas imunocitoquímicas foram usadas. Neste trabalho, pudemos demonstrar que as células da região elástica tem um ativo papel não somente na síntese dos componentes da matriz extracelular mas também estão envolvidas com o estabelecimento de domínios distintos e específicos para a formação de fibras de colágeno e fibras elásticas, bem çomo a organização de elementos fibrilares na região elástica. Dois tipos celulares predominantes são encontrados na Lfibrocartilagem. Células parecidas com fibrocondrócitos são encontradas junto aos fibroblastos ou ocupando diferentes domínios onde, aparentemente, estão envolvidas com a síntese de componentes específicos da. matriz extracelular. Com o desenvolvimento OCOITe um progressivo acúmulo de proteoglicanos na matriz extracelular, que são inicialmente difusos, mas depois ficam restritos à matriz pericelular dos fibrocondrócitos. Há um progressivo espessamento das fibras e feixes de colágeno, que se arranjam com um padrão de rede de basquete. Associados à superficie destas fibras e feixes de colágeno existem fibras elásticas. Embora estas diferentes regiões pareçam se formar diante de diferentes estímulos/necessidades mecânicas, a natureza específica destes fatores não pode ser ainda identificada / Abstract: Tendons are "usua11y suited for the transmission of mechanical forces from the musc1e of origin the bone of insertion. However, in many instances there are additionaI funCtiODS and properties difrering from the tendon ordinary anay, facing different biomechanical demands. The elastic tendon of the chicken wing has an elastic region that outspends to a large extent of its length and is responsible for the main mechanical properties of this tendon. However, the presence of a fibrocartiIaginous sesamoid tums this tendon in an excellent model of the lengthwise variation in tendon mórphology and, specially, with to the investigation of factors leading to the development of the elastic and fibrocartiIaginous regions. This work has as objective the characterization of the developmental steps of the elastic region and fibrocartilage, with emphasis in the participation of cell in the collagen fibrillogenesis and elastogenesis, at the structural and ultrastructural levels. These aspects are important because they could help understanding the relationships between elastin-collagen-proteoglycans in these complex systems. This work was also considered important, because the type of cell-matrix interactions observed before, are not found in the tissues like the aorta or nuchae ligament. The methodology involved light microscopy of tissue sections after different cytochemical stainings, immunocytochemistry and transmission electron microscopy applied to samples taken from embtyos and post-hatched individuals. In this work we could show that: 1) the cells of the elastic region has an active role not on1y in the synthesis of the extra cellular components but also are involved with the establishment of specific and distinct domains for the fonnation of collagen and elastic fibers, as well as are involved with the isolation and organization of the fibrillar elements in the elastic region. 2) Fibrochondrocyte-like cells are found in the fibrocartilage besides fibroblasts, either occupying different domains and apparently being involved with the synthesis of different extracellular matrix components. 3) There is a progressive accumulation of proteog1ycans in the extracellular matrix and they are initiaIly diffuse but then restricted to the fibrochondrocyte pericellular matrix. 4) Collagen fibers/bundles are progressively thicker, arranged in as basket weave-like pattem and show thin elastic fibers found at their surfaces and in the middle-substance. 5) Though these different regions seem to derive from different mechanical demands, the specific differentiation factors could not be delineated at this point / Mestrado / Biologia Celular / Mestre em Biologia Celular e Estrutural
10

Bioquimica e biomecanica dos tendões flexores digitais de frangos

Benevides, Gustavo Pereira 30 August 2002 (has links)
Orientador : Laurecir Gomes / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-08-02T04:16:37Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Benevides_GustavoPereira_M.pdf: 3664952 bytes, checksum: ef5b67c22777a7a7f3100fd8c2d45f24 (MD5) Previous issue date: 2002 / Resumo: Os tendões transferem forças entre os músculos e ossos. O tecido conjuntivo tendíneo muda suas propriedades mecânicas e estruturais respondendo às alterações de estresse como um fenômeno de adaptação funcional e otimização operacional. A característica peculiar do tecido conjuntivo é a presença de colágeno na matriz extracelular. A rede fibrosa colagênica é o principal elemento que provê a integridade mecânica tecidual em combinação com os proteoglicanos. Nesse estudo frangos da linhagem Hy-line foram divididos em dois grupos. Um grupo de animais foi mantido em gaiolas as quais restringia a deambulação e o outro grupo foi criado em um ambiente que possibilitava ampla locomoção. Os tendões flexores digitais profundos e superficiais foram retirados, de ambos os grupos de animais com 60 dias, para análises bioquímicas e do comportamento mecânico. Para as análises bioquímicas o tendão flexor superficial foi dissecado em três regiões de acordo com a situação anatômica, assim foram obtidas duas regiões de compressão, proximal e intermédia, e uma região de tração, distal. Do tendão profundo foi analisada a região intermediária a qual recebe eminentemente força de tração. As concentrações de proteínas, colágeno e glicosaminoglicanos foram diferentes entre os grupos de animais e as diversas regiões dos tendões. O condroitim sulfato foi o glicosaminoglicano predominante nas regiões de compressão e o dermatam sulfato na de tração. Dessas regiões, foram isolados dois pequenos proteoglicanos e identificados pelo seqüenciamento das suas porções N-terminal como sendo decorim e fibromodulim. Os tendões superficiais de ambos os grupos foram submetidos a testes de deformação sob tração onde foi verificado que os tendões provenientes dos animais de ambiente amplo apresentaram maior resistência a tração, menor deformação no pico de força e maior deslocamento total. Esses resultados demonstram que há diferenças bioquímicas entre as regiões de compressão e tração dos tendões dos animais e também foram notados os efeitos positivos do exercício ativo não forçado nas propriedades mecânicas dos tendões dos animais de ambiente amplo / Abstract: Tendons have function of transmitting tension forces from musc1e to bones. The tendinous connective tissue changes their mechanical and structure properties in response to stress alteration as a phenomenon of functional adaptation and optimal operation. The peculiar characteristic of connective tissue is the presence of collagen in the extracellular matrix, providing the mechanical tissue integrity. The tendons are composed by a combination of collagen fibres and proteoglycans. In this study Hy-line chickens were randomly divided in two groups. One group was maintained in cages and the other group was raised in a wide environment. The animals were killed with 60 days old and the deep and superficial digital flexor tendons were analysed to identify the biochemical aspects and the mechanical behaviour. For the biochemical study the superficial digital flexor tendon was divided in proximal, intermediate and distal region. The proximal and intermediate regions bear compressive forces while the distal region withstands tensional forces. About the deep tendon was studied the intermediate region that receive on1y tensional forces. Comparing the two groups of animals and the several tendons regions, it was found a larger amount of proteins, collagen and glycosaminoglycans, in animals raised free than animals raised in cages. The chodroitin sulfate was prominent in compressive regions while dermatan sulfate was detected in tensional regions. The small proteoglycans, decorin and fibromodulin, were isolated and identified by analysis of N-terminal segments. A more expressive presence of decorin and fibromodulin were observed in chickens raised free, in relation to the caged chikens. The superficial tendons of both animals groups were submitted for tensile test and it was observed that the tendons of free animals showed more resistance to the tension, less deformation as the load increases and more displacement. Our biochemical and biomechanical studies showed that the physical exercise have positive effect on the strengthening of the tendons / Mestrado / Biologia Celular / Mestre em Biologia Celular e Estrutural

Page generated in 0.047 seconds