• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 2840
  • 49
  • 49
  • 45
  • 38
  • 36
  • 33
  • 21
  • 21
  • 15
  • 11
  • 8
  • 7
  • 7
  • 6
  • Tagged with
  • 2960
  • 1553
  • 1107
  • 762
  • 587
  • 526
  • 474
  • 412
  • 406
  • 404
  • 402
  • 390
  • 386
  • 378
  • 349
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

As comissões nas fabricas e a greve de ocupação em Osasco-SP-1968

Galetti, Luiz Carlos 13 July 2018 (has links)
Orientador: Decio Azevedo Marques de Saes / Dissertação (mestrado)-Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas / Made available in DSpace on 2018-07-13T20:09:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Galetti_LuizCarlos_M.pdf: 6714213 bytes, checksum: 12443054a01e88c4bb9a1886e8c8ed69 (MD5) Previous issue date: 1985 / Resumo: Não informado / Abstract: Not informed. / Mestrado / Mestre em Ciência Política
2

Protagonismo político e social na velhice

Rozendo, Adriano da Silva [UNESP] 08 February 2013 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:35:04Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-02-08Bitstream added on 2014-06-13T20:45:53Z : No. of bitstreams: 1 rozendo_as_dr_assis_parcial.pdf: 90886 bytes, checksum: ca74e068a3f37ae152c6217b654fc5b5 (MD5) Bitstreams deleted on 2015-02-23T17:35:45Z: rozendo_as_dr_assis_parcial.pdf,Bitstream added on 2015-02-23T17:36:19Z : No. of bitstreams: 1 000712414.pdf: 1268498 bytes, checksum: 05accb3185b85d255ebbf8c2f7a44f56 (MD5) / A presente pesquisa se propõe a analisar o protagonismo político e social dos idosos tendo como principal referência, os frequentadores do Núcleo de Estudos e Atividades da Terceira Idade - NEATI, serviço de atenção à velhice desenvolvido por uma universidade pública federal, localizada no Centro-oeste do Brasil, no interior do Estado de Mato Grosso. O protagonismo político e social é uma questão bastante debatida e difundida na atualidade e o idoso passou a integrá-la desde os idos dos anos de (19)90. Discursos acerca da cidadania e participação política e social de cidadãos comuns se associam a uma lógica ideológica de gestão, que coopta a velhice em espaços organizados e coordenados pelo Estado, pelo mercado, pela ciência e pelo terceiro setor. Orientados pelo referencial teórico/metodológico do Construcionismo Social, buscamos extrair das narrativas dos entrevistados se vinham exercendo o papel de protagonistas políticos e sociais, em diversos cenários da vida, e qual é a implicação dos programas de atenção à velhice no protagonismo e empoderamento dos envelhecentes; ou no absentismo e ostracismo político social dos mesmos. Constatou-se que o ingresso nos programas especializados restringe o tempo e os espaços de circulação dos envolvidos, inserindo-os em uma lógica de gestão que inibe protagonizações efetivas no âmbito macropolítico e macrossocial. Por outro lado, os espaços especializados disparam importantes transformações na vida dos envolvidos, tornando-os mais independentes e aptos para realizações mundanas, principalmente no caso das mulheres. Acontecimentos analisados na história do Brasil, assim como no período de realização da pesquisa no NEATI comprovam o potencial de protagonização política e social dos mais velhos, sobretudo diante de situações de carência e violação de direitos / The present research is proposed to analyze the political and social protagonism of the seniors citizens taking as a principal reference the members of Núcleo de Estudos e Atividades da Terceira Idade - NEATI (Senior Citizen’s Activity and Studies Center), a service direct to old age developed by a public federal university located in the Western-centre of Brazil, in the State of Mato Grosso. The political and social protagonism is a question very debated nowadays and the seniors citizens started to integrate it sine the beginning of the (19) 90’. Speeches about the citizenship and political and social participation of common citizens are associated to an ideological logic of management, which co-opts the old age in spaces organized and coordinated by the State, by the market, by the science and by the third sector. Orientated by the referential theorical-methodological from the Social Construcionism,, we look to extract of the narratives of the interviewed ones if they were performing the role of political and social protagonists, in several sceneries of the life and what is the implication of the programs of attention to the old age in the protagonism and empowerment of the elderly; or in the absenteeism and political social ostracism of the same ones. Were found that the admission in the specialized programs restricts the time and the spaces of circulation of the involved ones, inserting them in a logic of management that inhibits the participation/empowerment in the macropolicy and macrosocial areas. By other way, the specialized spaces shoots important transformations in the life of the seniors, making them more independent and suitable for worldly realizations, principally in case of the women’s. Events analyzed in the history of Brazil, as well as in the period of realization of the present research in the NEATI proved the potential of participation/empowerment political and social of ...
3

Protagonismo político e social na velhice /

Rozendo, Adriano da Silva. January 2013 (has links)
Orientador: José Sterza Justo / Banca: Deivis Perez Bispo dos Santos / Banca: José Artur Molina / Banca: Soraia Georgina Ferreira Paiva-Cruz / Banca: Meyre Eiras Barros Pinto / Resumo: A presente pesquisa se propõe a analisar o protagonismo político e social dos idosos tendo como principal referência, os frequentadores do Núcleo de Estudos e Atividades da Terceira Idade - NEATI, serviço de atenção à velhice desenvolvido por uma universidade pública federal, localizada no Centro-oeste do Brasil, no interior do Estado de Mato Grosso. O protagonismo político e social é uma questão bastante debatida e difundida na atualidade e o idoso passou a integrá-la desde os idos dos anos de (19)90. Discursos acerca da cidadania e participação política e social de cidadãos comuns se associam a uma lógica ideológica de gestão, que coopta a velhice em espaços organizados e coordenados pelo Estado, pelo mercado, pela ciência e pelo terceiro setor. Orientados pelo referencial teórico/metodológico do Construcionismo Social, buscamos extrair das narrativas dos entrevistados se vinham exercendo o papel de protagonistas políticos e sociais, em diversos cenários da vida, e qual é a implicação dos programas de atenção à velhice no protagonismo e empoderamento dos envelhecentes; ou no absentismo e ostracismo político social dos mesmos. Constatou-se que o ingresso nos programas especializados restringe o tempo e os espaços de circulação dos envolvidos, inserindo-os em uma lógica de gestão que inibe protagonizações efetivas no âmbito macropolítico e macrossocial. Por outro lado, os espaços especializados disparam importantes transformações na vida dos envolvidos, tornando-os mais independentes e aptos para realizações mundanas, principalmente no caso das mulheres. Acontecimentos analisados na história do Brasil, assim como no período de realização da pesquisa no NEATI comprovam o potencial de protagonização política e social dos mais velhos, sobretudo diante de situações de carência e violação de direitos / Abstract: The present research is proposed to analyze the political and social protagonism of the seniors citizens taking as a principal reference the members of Núcleo de Estudos e Atividades da Terceira Idade - NEATI (Senior Citizen's Activity and Studies Center), a service direct to old age developed by a public federal university located in the Western-centre of Brazil, in the State of Mato Grosso. The political and social protagonism is a question very debated nowadays and the seniors citizens started to integrate it sine the beginning of the (19) 90'. Speeches about the citizenship and political and social participation of common citizens are associated to an ideological logic of management, which co-opts the old age in spaces organized and coordinated by the State, by the market, by the science and by the third sector. Orientated by the referential theorical-methodological from the Social Construcionism,, we look to extract of the narratives of the interviewed ones if they were performing the role of political and social protagonists, in several sceneries of the life and what is the implication of the programs of attention to the old age in the protagonism and empowerment of the elderly; or in the absenteeism and political social ostracism of the same ones. Were found that the admission in the specialized programs restricts the time and the spaces of circulation of the involved ones, inserting them in a logic of management that inhibits the participation/empowerment in the macropolicy and macrosocial areas. By other way, the specialized spaces shoots important transformations in the life of the seniors, making them more independent and suitable for worldly realizations, principally in case of the women's. Events analyzed in the history of Brazil, as well as in the period of realization of the present research in the NEATI proved the potential of participation/empowerment political and social of ... / Doutor
4

A transformação das tradições: os direitos culturais e a participação social

Nascimento, Anne Reis Batista January 2015 (has links)
Submitted by Fernanda Weschenfelder (fernanda.weschenfelder@uniceub.br) on 2018-05-15T18:20:35Z No. of bitstreams: 1 61350024.pdf: 1274439 bytes, checksum: 109b51220e43c62bc72af4ad95441ae9 (MD5) / Approved for entry into archive by Fernanda Weschenfelder (fernanda.weschenfelder@uniceub.br) on 2018-05-15T18:20:44Z (GMT) No. of bitstreams: 1 61350024.pdf: 1274439 bytes, checksum: 109b51220e43c62bc72af4ad95441ae9 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-05-15T18:20:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 61350024.pdf: 1274439 bytes, checksum: 109b51220e43c62bc72af4ad95441ae9 (MD5) Previous issue date: 2015 / Na formação da filosofia política brasileira as relações entre o Estado e a sociedade foram marcadas pela exclusão de conquistas sociais, construídas de forma coletiva, privilegiando, ao invés disso, as relações com grupos oligárquicos. Sob essa perspectiva, a contenção da participação e a tendência centralizadora do Estado podem ser identificadas como tradições nacionais, visto que, desde o início da formação política brasileira, esses comportamentos têm sido perpetuados, adaptando-se a cada nova conjuntura. Para construir uma nova tradição que rompesse com os antigos modelos centralizadores e patriarcais, uma fórmula jurídica foi idealizada: a Constituição de 1988, que marca o início de um novo período no Brasil. A nova carta política buscou proporcionar condições normativas para um regime democrático e participativo, podemos perceber a narrativa jurídica propondo a construção de uma nova tradição. O artigo 216-A, incisos X e XI, da CF/88 estabelece que o Sistema Nacional de Cultura será organizado em regime de colaboração, de forma descentralizada e participativa para promover a gestão conjunta de políticas públicas de cultura. Tendo grande importância para o novo cenário, a participação pode ser percebida como um elemento que teria o potencial de romper com as tradições do patrimonialismo e da centralização estatal, pois, em tese, promoveria a transparência nas deliberações democratizando o sistema decisório e proporcionaria a igualdade por meio da expressão das demandas sociais. Apesar do discurso de transformação ser agradável, inventar uma nova tradição, romper com antigos padrões é um desafio extremamente complexo, dado às estruturas longamente fixadas de dominação e conformação. Para viabilizar a interação e dar voz à sociedade foram idealizados os conselhos. Essas estruturas procuram evitar o monopólio dos recursos que irão influir nas decisões, são contra poderes sociais e precisam ter a capacidade de abrir e fazer circular o conhecimento técnico-político a todos. Nesse trabalho consideramos que a Política Pública é um meio de se alcançar os objetivos socialmente relevantes e politicamente determinados, ela é fruto de um conjunto de decisões públicas e se realizam por meio de programas de ação governamental, tendo como resultado e modificação da realidade. Assim as políticas públicas são parte do esforço de 7 garantia de direitos e apresentam grande potencial, embora muitas vezes sejam limitadas em termos institucionais, para alcançar os objetivos descritos na Constituição Federal de 1988. A fim de verificar se a tradição centralizadora e exclusão da participação podem ser transformadas pelas políticas públicas analisamos um recorte do Sistema Nacional de Cultura onde há a representação da Sociedade e Governo. O Conselho Nacional de Política Cultural foi escolhido como recorte para teste de hipótese, pois é um órgão colegiado integrante da estrutura básica do Ministério da Cultura, que tem por finalidade propor a formulação de políticas públicas que contribuam para o desenvolvimento e o fomento das atividades culturais no território nacional. Para examinar a questão da institucionalização da participação por meio dos conselhos e a subsequente perda de democratização, analisamos os conselhos sob cinco dimensões analíticas: o modelo ideal da política participativa; a estrutura participativa formal; a relação do Conselho com o Governo; a o conteúdo dos debates e o poder de decisão efetivo do Conselho Nacional de Política Cultural. Portanto, avaliamos como verdadeira a hipótese que prevê uma reprodução da tradição. Os documentos, relatos e normas observados mostram que o discurso jurídico pretende alterar a situação e gerar uma nova tradição, mas na realidade não pode fazê-lo satisfatoriamente. Muitas outras condições sociais devem convergir. Apesar de a Constituição de 1988 apresentar inúmeros de institutos, normas e princípios participativos, a tradição centralizadora ainda predomina contornando as regras, fazendo uma esforço para manter o status quo ante.
5

Capacidade das instâncias institucionalizadas de participação social em saúde da RIDE-DF : potencialidades e fragilidades para influenciar a melhoria da atenção básica

Moura, Luciana Melo de 17 April 2015 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2015. / As conferências e os conselhos de saúde tem importância estratégica na reorientação do modelo de saúde, e a atenção básica é considerada o eixo estruturador para sua expansão e consolidação. Este trabalho teve como objetivo analisar a capacidade das instâncias institucionalizadas de participação social em saúde de Municípios da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno, de influir na gestão de políticas públicas, especialmente da atenção básica, com vistas ao alcance da satisfação dos usuários. Trata-se de um estudo qualitativo e quantitativo em que se empregou a triangulação de métodos e técnicas. A amostra constituiu-se dos municípios de Buritis, Novo Gama, Valparaíso, Planaltina de Goiás, Santo Antônio do Descoberto, Cidade Ocidental, Pirenópolis e Formosa. A pesquisa fundamentou-se em quatro estudos. O primeiro baseado na análise da organização e dinâmica das conferências municipais de saúde por meio da aplicação de questionário para caracterização do perfil sócio demográfico dos conselheiros representantes do segmento de usuários presentes nas conferências, na observação participante das conferências municipais de saúde e nas propostas das conferências. O segundo com base na análise da organização e dinâmica dos conselhos municipais de saúde por meio da avaliação multidimensional dos conselhos, da entrevista em profundidade com os presidentes dos oito conselhos municipais sobre participação social e da aplicação de questionário de evocação sobre os termos saúde, doença, direito à saúde e cidadania a 71 conselheiros. O terceiro estudo baseou-se na avaliação da responsividade dos serviços de saúde da atenção básica, por meio da aplicação de questionário de responsividade a 403 usuários da estratégia de saúde da família da área urbana. O quarto estudo culminou com a proposta de qualificação dos conselhos municipais de saúde por meio de oficinas. Os resultados indicam elevadas coberturas populacionais da estratégia de saúde da família, presença de propostas das conferências voltadas a expansão e consolidação da estratégia saúde da família e atendimento, embora que parcial das expectativas e necessidades dos usuários dos serviços de saúde da atenção básica. Conclui-se que a capacidade das instâncias institucionalizadas de participação social em saúde dos municípios estudados de melhorar a qualidade da atenção básica, com vistas ao alcance da satisfação dos usuários mostrou-se parcialmente satisfatória. / Conferences and health advice has strategic importance in reorienting the model of health, and primary care is considered the structural axis for its expansion and consolidation. This study aimed to analyze the capacity of instances of institutionalized social participation in health of the Integrated Development Region Municipalities of the Distrito Federal and surrounding areas, to influence the management of public policies, especially primary care, in order to attain the satisfaction of users. This is a qualitative and quantitative study in which we used the triangulation of methods and techniques. The sample was composed of the municipalities of Buritis, Novo Gama, Valparaíso, Planaltina-GO, Santo Antônio do Descoberto, Cidade Ocidental, Pirenópolis and Formosa. The research was based on four studies. The first based on the analysis of the organization and dynamics of municipal health conferences through a questionnaire to characterize the socio-demographic profile of the directors representatives of the users present in the segment Conference on participant observation of municipal health conferences and proposals of conferences. The second based on the analysis of the organization and dynamics of the municipal health councils through the multidimensional evaluation of the boards, in-depth interviews with the presidents of the eight municipal councils on social participation and the application of evocation questionnaire about the terms health, disease , right to health and citizenship to 71 directors. The third study was based on the evaluation of the responsiveness of health primary care services through the application of responsiveness questionnaire to 403 users of health strategy of the family of the urban area. The fourth study culminated with the proposed classification of municipal health advice through workshops. The results indicate high population coverage of family health strategy, presence of proposals aimed conferences the expansion and consolidation of the family health strategy and service, although that part of the expectations and needs of users of health primary care services. We conclude that the ability of the instances of institutionalized social participation in health of both cities to improve the quality of primary care, in order to attain the satisfaction of users showed partially satisfactory.
6

Estratégias enunciativas do jornalismo participativo na TV /

Grzesiuk, Mariana Dourado. January 2011 (has links)
Orientador: Ana Silvia Lopes Davi Medola / Banca: Jean Cristtus Portela / Banca: Christiane Maria da Boa Viagem Oliveira / Resumo: O desenvolvimento tecnológico dos últimos anos, aliado a uma cultura do hacker e do slogan punk do "faça você mesmo", além de uma história demanda pela democratização dos meios de comunicação, permitiram o surgimento de uma cultura de participação e interação. No jornalismo, o público receptor passa a ter a oportunidade de atuar também como produtor de informação e conteúdo. Pela facilidade de interação, o jornalismo participativo encontrou terreno fértil para a atuação na web, mas começa também a ser incorporada por outros meios de comunicação e veículos de jornalismo tradicionais, que precisam acompanhar as tendências e os desejos do público consumidor para se manter no mercado. Este trabalho analisa o quadro Na Hora Certa, da Rede Paranaense de Televisão, afiliada da Rede Globo no Paraná, que proporciona uma abertura para o público na confecção de conteúdos jornalísticos. Apoiada no instrumento teórico metodológico da semiótica discursiva, esta análise investiga como se dá a apropriação da participação do público pela mídia tradicional e como o público assimila e reproduz o discurso telejornalístico que, a princípio, não possui domínio teórico ou prático. A partir da análise do texto audiovisual sincrético, o trabalho investiga os procedimentos de discursivização e as estratégias enunciativas que articulam a construção de sentido no uso da participação do público. Expondo essa temática, pretende contribuir para o debate sobre a interação entre emissores e receptores e a reflexão sobre esse rearranjo do processo produtivo jornalístico / Abstract: Not available / Mestre
7

A soberania possível: a reconstrução da soberania do povo na modernidade periférica

Ferreira, Desirée Cavalcante January 2016 (has links)
FERREIRA, Desirée Cavalcante. A soberania possível: a reconstrução da soberania do povo na modernidade periférica. 2016. 105 f. Dissertação (Mestrado em Direito) - Faculdade de Direito, Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Direito, Fortaleza, 2016. / Submitted by Vera Martins (vera.lumar@hotmail.com) on 2017-06-28T17:11:15Z No. of bitstreams: 1 2016_dis_dcferreira.pdf: 1145440 bytes, checksum: d662da8b38fa3f5540245614c91e2e3b (MD5) / Approved for entry into archive by Camila Freitas (camila.morais@ufc.br) on 2017-07-04T10:28:13Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_dis_dcferreira.pdf: 1145440 bytes, checksum: d662da8b38fa3f5540245614c91e2e3b (MD5) / Made available in DSpace on 2017-07-04T10:28:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_dis_dcferreira.pdf: 1145440 bytes, checksum: d662da8b38fa3f5540245614c91e2e3b (MD5) Previous issue date: 2016 / The objective of this study is to analyze the development of popular sovereignty concept and its compatibility with the brazilian democratic context, taking into consideration interpretations about the particular tensions and issues of its socio-political development. The main purpose is to identify a rational and democratic interpretation of sovereignty, which provides stability and security to juridical relations, but, at the same time, does not ignore demands and obstacles from realities of social exclusion. For this, it will be discussed the need of recognizing the plurality and the impossibility of unification or homogenization of various elements of social life and the insufficiency to use the sovereignty concept on a rhetoric/ideological way to explain the Democratic State foundation. / O trabalho visa analisar o desenvolvimento do conceito de soberania do povo e a adequação ao contexto da democracia brasileira, considerando as interpretações acerca das tensões e das questões próprias ao seu desenvolvimento sociopolítico. O objetivo central é identificar uma interpretação racional e democrática da soberania, que proporcione estabilidade e segurança às relações jurídicas, mas que não ignore as demandas e os entraves sociais próprios de realidades excludentes. Para tanto, considera-se a necessidade de reconhecimento da pluralidade e da impossibilidade de unificação ou homogeneização de diversos elementos da vida social e a insuficiência do uso retórico/ideológico da soberania do povo para a fundamentação do Estado Democrático de Direito.
8

Aspectos clinicos e psicossociais de pacientes em pós-alta de hanseníase no municipio de Fortaleza-CE / Physical disability, and limitation of activity social participation in person at the moment after high leprosy in Fortaleza-Ce

Mangueira, Jorgiana de Oliveira January 2009 (has links)
MANGUEIRA, Jorgiana de Oliveira. Incapacidades físicas, limitação da atividade e da participação social em pessoas no momento pós-alta de hanseníase em Fortaleza/CE. 2009. 95 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2009. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2013-12-18T12:33:41Z No. of bitstreams: 1 2009_dis_jomangueira.pdf: 905343 bytes, checksum: 170ad5fb18409f1f1a309c650ef83fff (MD5) / Approved for entry into archive by denise santos(denise.santos@ufc.br) on 2013-12-18T12:34:06Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dis_jomangueira.pdf: 905343 bytes, checksum: 170ad5fb18409f1f1a309c650ef83fff (MD5) / Made available in DSpace on 2013-12-18T12:34:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dis_jomangueira.pdf: 905343 bytes, checksum: 170ad5fb18409f1f1a309c650ef83fff (MD5) Previous issue date: 2009 / To describe clinical and psychosocial aspects of leprosy patients after release from treatment, who were diagnosed from 2004-2006 in the city of Fortaleza (Ceará State, Brazil); to describe in these patients activity limitation, safety awareness and social participation. METHODS. A cross-sectional study was carried out in primary health care centers of Fortaleza, from August 2008 to May 2009. Forty-five patients after release from treatment were included. A structured questionnaire was applied, and neural functions of peripheral nerves were assessed. In addition, the Screening of Activity Limitation and Safety Awareness (SALSA) and the Social Participation scale were applied. RESULTS. The majority of the study population consisted of females (60%), with a mean age of 53,5 years, mainly of underprivileged socio-cultural status. 55,6% were classified as multibacillary. We observed an increase of disability grading 1 and 2, as compared to the date of release from treatment with multidrug therapy. Sixty % of the patients presented with an EHF score of 0. The majority (84,4%) did not show any restriction of social participation, 66,6% did not have any functional limitation, and 75,5% did not present any safety awareness. There was a positive correlation between SALSA and EHF scores (p=0,0254; rho=0,3330), SALSA and Social Participation (p=0,0004; rho=0,5056), and Social Participation and EHF score (p=0,0100; rho=0,3800). CONCLUSIONS. Considering the fact that a considerable part of patients presented with sequels and light functional limitations, and that few had low safety awareness, we conclude that patients need special attention after release from multidrug therapy. Health education activities should be intensified, as the majority of patients, even after treatment, had limited knowledge about the disease and as a considerable part suffered from discrimination. / Caracterizar as incapacidades físicas, a limitação de atividade e restrição da participação social de pessoas no momento pós-alta de hanseníase diagnosticadas no período de 2004-2006 no Município de Fortaleza/CE. METODOLOGIA. Estudo transversal realizado em unidades básicas de saúde da Secretaria Executiva Regional III, no período de agosto de 2008 a maio de 2009. Foram avaliados 45 pacientes em pós-alta de hanseníase. Realizou-se avaliação simplificada das funções neurais. Além disso, foram aplicados a escala Triagem para Limitação de Atividade e Consciência de Risco (“SALSA”) e a escala de Participação Social. RESULTADOS. A população do estudo foi composta em sua maioria por mulheres (60%), com idade média de 53,5 anos. Os participantes, em sua maioria, eram multibacilares (55,6%). Constatou-se um aumento de pacientes com graus 1 e 2 na atualidade, comparado com o momento da alta da poliquimioterapia. 60% dos pacientes apresentaram escore EHF (eye, hand, foot) 0. A maioria (84,4%) dos pacientes não apresentou restrição à participação social, 66,6% não apresentaram limitação funcional, mas 75,5% exibiram consciência de risco 0. Houve correlações significativamente positivas entre os escores SALSA e EHF (p=0,0254; rho=0,3330), SALSA e Participação Social (p=0,0004; rho=0,5056) e Participação Social e EHF (p=0,0100; 0,3800). CONCLUSÕES. Existe necessidade da continuidade da assistência visando à integralidade da atenção, de forma a assegurar ações preventivas, curativas e de reabilitação. O período pós-alta da doença necessita de cuidados e acompanhamento dos pacientes, em razão do risco do desenvolvimento de reações, incapacidades físicas e restrição à participação social dos indivíduos.
9

A compreensão de participação dos membros gestores do comitê da sub-bacia hidrográfica do rio Salgado : um enfoque para a promoção da saúde / The participation understanding of the manager members of the Salgado sub-river basin committee : a focus to health promotion

Lopes, Maria do Socorro Vieira January 2009 (has links)
LOPES, Maria do Socorro Vieira. A compreensão de participação dos membros gestores do comitê da sub-bacia hidrográfica do rio Salgado : um enfoque para a promoção da saúde. 2009. 177 f. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2009. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2012-02-23T12:02:27Z No. of bitstreams: 1 2009_tese_msvlopes.pdf: 822119 bytes, checksum: 5ba5163a95144279b9389b9c5631c1df (MD5) / Approved for entry into archive by Eliene Nascimento(elienegvn@hotmail.com) on 2012-02-27T11:45:53Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_tese_msvlopes.pdf: 822119 bytes, checksum: 5ba5163a95144279b9389b9c5631c1df (MD5) / Made available in DSpace on 2012-02-27T11:45:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_tese_msvlopes.pdf: 822119 bytes, checksum: 5ba5163a95144279b9389b9c5631c1df (MD5) Previous issue date: 2009 / The water for human consumption it’s becoming one of the growing concerns of the new millennium. When it comes to water administration, the river basin was adopted by Integrated System of Water Resources as management unit with the river basin committees as its fundamental element. These committees are considered one of the most important instances of participation and planning integration and of actions in water resources area. It is fundamental that their members understand the relevance of the participation process in the decision making for the best use of water and for the necessary investments around this basin. This study aimed to understand the meaning of participation for the Salgado Sub-River Basin Committee members supporting health promotion for a sustainable atmosphere when it comes to water resources. A qualitative study was carried out in the period from March to October 2008, in the context of the Salgado Sub-River Basin. The members of the Salgado Sub-River Basin Committee participated of the study together with 18 informers of the micro basin three that represent the municipal districts of Crato, Juazeiro do Norte and Caririaçu in Ceará. The data were collected through interview applying leading questions and were analyzed through the Collective Subjects Discourse. To assure the ethical procedures this research was submitted and approved for the Ethical Committee of the Federal University of Ceará, protocol number 19/08. The results revealed that participation is understood by the group as social conscience, collectivity representation, directing information and local subjects for collective discussion, to know to listen and discern the best. The difficulties pointed were: the lack of infrastructure that guarantees the members locomotion, as well as difficulties of communication, training and information. The facilities pointed were: personal motivation, dialogue and freedom to manifest demands, which demonstrates several forms of participation, some times discussing other times silencing to reflect and decide what is better for collectivity. These people can take hold of knowledge and take care of their surroundings, aiming actions that seek health promotion of the families that are part of the inclusion area of the Salgado Sub-River Basin. / A água para consumo humano tem se apresentado como uma das preocupações crescentes do novo milênio. No que se refere a gestão das águas, a bacia hidrográfica foi adotada pelo Sistema Integrado de Recursos Hídricos como unidade de gestão sendo os comitês de bacia hidrográfica o seu elemento fundamental. Estes comitês são considerados como uma das instâncias mais importantes de participação e integração de planejamento e das ações na área dos recursos hídricos. Para tanto, é fundamental que seus membros entendam a relevância do processo participativo na tomada de decisão pelo melhor uso da água e pelos investimentos necessários em torno desta bacia. Assim este estudo objetivou compreender o significado de participação para os integrantes do Comitê da Sub Bacia Hidrográfica do Rio Salgado subsidiando a promoção da saúde para um ambiente sustentável no que se refere aos recursos hídricos. Realizamos um estudo qualitativo no período de março a outubro de 2008, no contexto da Sub Bacia Hidrográfica do Rio Salgado. Participaram do estudo os integrantes do Comitê da Sub Bacia Hidrográfica do Rio Salgado, com 18 informantes da micro bacia três que representam os municípios de Crato, Juazeiro do Norte, e Caririaçu no Ceará. Os dados foram coletados por meio de entrevista mediante questões norteadoras e analisados através do Discurso do Sujeito Coletivo. Procurando assegurar os procedimentos éticos, esta pesquisa foi submetida e aprovada pelo Comitê de Ética da Universidade Federal do Ceará com número de protocolo 19/08. Os resultados revelaram que participação é compreendida pelo grupo como consciência social, como representação da coletividade, como encaminhamento de informações e questões locais para discussão coletiva, para o saber ouvir e o discernir o melhor. Foram apontadas como dificuldades a falta de infra-estrutura que garanta a locomoção dos integrantes, bem como dificuldades de comunicação, capacitação e informação. As facilidades apontadas foram: motivação pessoal, diálogo e liberdade para manifestar demandas o que demonstra várias formas de participar, ora discutindo ora silenciando para refletir e decidir o que seja melhor para a coletividade. Dessa forma, essas pessoas se empoderam e podem cuidar do seu entorno, vislumbrando ações que visem à promoção da saúde das famílias que fazem parte da área de abrangência da Sub Bacia Hidrográfica do Rio Salgado.
10

O processo de expansão do IFES: democracia, participação e função social.

BROTTO, C. V. P. 18 April 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2016-08-29T11:11:51Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_6700_CLAUDIO VALERIO DE PAULA BROTTO.pdf: 3482599 bytes, checksum: 82aacd070ea800aafe4f34095b45f85f (MD5) Previous issue date: 2013-04-18 / Esta dissertação analisa como se deu o processo de expansão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (IFES) ocorrida no governo Lula (2003 a 2010). Em 100 anos de existência da Rede Federal de Educação Profissional foram criadas 140 unidades em todo o Brasil, enquanto que no recorte de tempo desta dissertação, foram criadas 214 unidades. No caso específico do Instituto Federal do Espírito Santo, foram criados, até 2010,15campi, distribuídos em vários Municípios do Estado. As seguintes perguntas nortearam a investigação: houve democratização do acesso a um maior número de alunos pela criação de unidades e de vagas/matrículas? Houve participação dos servidores do Ifes no processo da expansão e de sua criação? A expansão reforçou e/ou recriou a função social do Ifes? O objetivo geral foi investigar o processo de criação e expansão do Ifes, na perspectiva da afirmação da democracia, no sentido da democratização do acesso e da participação dos servidores. Ademais, foi analisada a perspectiva do cumprimento da função social do Ifes. A metodologia empregada é quali-quantitativa, pois foram utilizadas análises dos dados do crescimento da oferta, assim como foi feita análise documental e fez-se uso de um referencial teórico que auxiliou na compreensão do processo. Os instrumentos utilizados foram questionários com os servidores do Ifes e entrevistas com os gestores. A entrevista foi semi-estruturada em função do contato direto com o entrevistado e, o questionário, foi o estruturado, pois foi realizado por meio eletrônico. Foram ouvidos em entrevista todos os gestores que estavam no Ifes no período de 2003 a 2010. Para os professores e técnico-administrativos, denominados na dissertação de servidores, foi aplicado um questionário estruturado para 10% do total de servidores que estavam efetivos no período de 2003 a 2010. Os documentos analisados foram leis, decretos e normas, gerais e internas à instituição, destacando as leis de expansão da Rede e de criação do Ifes (Leis nº 11.196/05 e 11.892/08), a LDB/96, a Lei nº 11.741/08 que incorporou a organização da educação profissional à LDB/96, bem como os Planos de Desenvolvimento Institucional, os Projetos Pedagógicos Institucional, os Relatórios de Gestão, as Atas do Conselho Diretor e algumas Atas da Câmara de Ensino e Pesquisa do Cefetes. Partiu-se do princípio de que não basta que se construam novos campi ou estruturas escolares, se o processo de expansão não atender à necessidade da sociedade e se a participação dos gestores, professores e técnico-administrativos não tiverem sido levados em conta no processo de construção desta nova institucionalidade. Mas, sobretudo, entende-se que é importante que essa expansão seja significativa na sociedade em termos de criação de mais e melhores oportunidades de formação e qualificação profissional, que fomente um aprendizado voltado para educação de um cidadão autônomo. Como conclusão, observou-se que houve um avanço na democratização do acesso ao Ifes, na medida em que se ampliou o número de campus e sua interiorização, bem como o número de matrículas. Por outro lado permanece o desafio da universalização da educação em todos os seus níveis. No campo da participação, ficou revelada a não participação, o que demonstra ainda um sistema de organização em que muito se informa, mas pouco se participa efetivamente, no sentido da decisão. Quanto ao atendimento a função social é possível afirmar que houve um aumento da relação de matrículas com a população total do Estado do Espírito Santo, além da percepção dos servidores e gestores de que foi realmente positivo e um passo importante na direção de que a cada dia se possa aproximar mais das necessidades de cada contexto local e realizar efetivamente um projeto de inclusão social.

Page generated in 0.0486 seconds