• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 7
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 7
  • 7
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Análise da interação entre moléculas desenhadas a partir do ácido anacárdico e a proteína PPAR usando ferramentas in silico

Lima, Jônatas Cunha Barbosa 11 February 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Biologia Molecular, 2016. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2016-06-21T13:49:50Z No. of bitstreams: 1 2016_JonatasCunhaBarbosaLima.pdf: 12778637 bytes, checksum: c258c171be4d50b2c97969f5f51f1ee1 (MD5) / Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2016-07-28T11:07:17Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_JonatasCunhaBarbosaLima.pdf: 12778637 bytes, checksum: c258c171be4d50b2c97969f5f51f1ee1 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-07-28T11:07:17Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_JonatasCunhaBarbosaLima.pdf: 12778637 bytes, checksum: c258c171be4d50b2c97969f5f51f1ee1 (MD5) / Os receptores nucleares ativados por proliferadores de peroxissoma (PPAR) se mostram de grande importância nos mais diversos tecidos, dentre eles o tecido adiposo e o muscular de forma especial por estarem relacionados ao metabolismo glicose e lipídeos. Sendo assim, sua alteração pode estar relacionada a vários tipos de doenças como: diabetes, aterosclerose, hipertensão, dislipidemia e câncer, entre outras. Os PPAR tem sua conformação alterada após a interação com o ligante, podendo este ser diversas gorduras da dieta ou diversos metabólitos de lipídeos, permitindo assim a modulação de sua atividade pela ligação de diferentes cofatores. Devido a sua grande importância em várias partes do metabolismo, os PPAR têm sido alvo de várias moléculas contra as mais variadas doenças. Sendo assim, o presente trabalho usou análises in silico para estudar a interação entre a proteína PPARγ e possíveis ligantes derivados do ácido anacárdico. Para este objetivo, utilizou-se o programa Autodock Vina para realização das análises de docking e o Gromacs para a dinâmica molecular. Observou-se nas duas estratégias distintas de docking utilizadas (rígido e flexível) que todos os ligantes mostraram capacidade de interagir na região próxima à hélice 12 (RH12) e próxima à hélice 3 e às fitas β (RH3). Os ligantes LDT11, 13, 208, 380 e 383 apresentaram mais ligações de hidrogênio, o que pode estar relacionado a maior estabilidade do ligante: hélice 12, possivelmente gerando um maior recrutamento de coativadores. Uma terceira posição (RH3'), interagindo de modo polar com resíduos como Glu259 e Arg280, muito presente no docking rígido, quase não esteve presente no flexível que foi feito com alguns aminoácidos flexíveis, apresentando valores de afinidade menores. Nos experimentos de dinâmica molecular o LDT11 realizou interações durante longos períodos com a Ser289, His449 e Tyr473 na região da hélice 12, levando a menores valores de RMSD do que a estrutura apo, principalmente com dois ligantes no sítio de interação, o que pode indicar a cooperatividade como importante na estabilização dessa região da proteína. Na hélice 3 e fitas β, os contatos foram com a Arg288, Glu291, Ser342 e Glu343, possivelmente relacionado à estabilização e consequente inibição da fosforilação da Ser273. A região de interação com o ligante (LBD) da PPARγ foi expressa em grande porcentagem solúvel nas cepas de E. coli BL21 (DE3) e BL21 (DE3) pLysE a 25ºC e na BL21 (DE3) pLysS a 28ºC. A purificação da proteína foi executada por cromatografia de afinidade a metal imobilizado, sendo eluída a 250 mM de imidazol. _______________________________________________________________________ ABSTRACT / The nuclear peroxisome proliferator-activated receptors (PPARs) are active and important in many tissues, such as the adipose and muscle tissue, due to their involvement in glucose and lipid metabolism. For that reason, alterations in their gene expression can lead to diseases like diabetes, atherosclerosis, hypertension, dyslipidemia and cancer, among others. PPAR suffers conformational changes when binding to ligands derived from fat or lipid metabolites, which modulate PPAR's ability to bind to different co-factors. Because of their important role in metabolism, PPARs have been targeted with a variety of molecules to treat different diseases. Thereby, the objective of this study is to test the interaction of designed ligands derived from anacardic acid with PPARγ. To fulfill this task, docking was performed with the Autodock Vina program and molecular dynamics with the Gromacs program. In both types of docking (rigid and flexible) all ligands showed interaction capacity in regions close to helix 12 (RH12) and helix 3 and β sheets (RH3). The ligands LDT11, 13, 208, 380 and 383 had more hydrogen bonds; this fact can be related to the greater ligand:helix 12 stabilization, possibly inducing better co-activator recruiting. In another docking pose (RH3’), the ligand interacts via polar contacts with residues like Glu259 and Arg280. This pose is consistently observed in protein rigid docking results, while in flexible docking this pose was not frequent, moreover this pose showed smaller affinity values. In molecular dynamics experiments LDT11 had interactions during long periods with Ser289, His449 and Tyr473 in the region of helix 12, leading to smaller RMSD values than the apo structure, especially in experiments with two simultaneous ligands, possibly indicating the importance of agonist cooperation. In helix 3, the contacts with Arg288, Glu291, Ser342 and Glu343 indicate a local stabilization capacity that might be related to the inhibition of Ser273 phosphorylation. The ligand binding domain (LBD) of PPARγ was expressed in soluble form in E. coli BL21 (DE3) and BL21 (DE3) pLysE at 25ºC and BL21 (DE3) pLysS at 28ºC. The protein was purified by immobilized metal affinity chromatography, eluting with 250 mM of imidazole.
2

Síntese e avaliação biológica de novos agentes anti-inflamatórios planejados a partir do ácido anacárdico / Synthesis and biological evaluation of new anti-inflammatory compounds designed from anacardic acid

Alves, Priscilla Souza 24 February 2015 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, 2015. / Submitted by Camila Duarte (camiladias@bce.unb.br) on 2017-01-03T12:32:34Z No. of bitstreams: 1 2015_PriscillaSouzaAlves.pdf: 4434623 bytes, checksum: 8dca546d6c0b549962bd5a0df3257d9e (MD5) / Approved for entry into archive by Patrícia Nunes da Silva(patricia@bce.unb.br) on 2017-01-03T15:48:38Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2015_PriscillaSouzaAlves.pdf: 4434623 bytes, checksum: 8dca546d6c0b549962bd5a0df3257d9e (MD5) / Made available in DSpace on 2017-01-03T15:48:38Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2015_PriscillaSouzaAlves.pdf: 4434623 bytes, checksum: 8dca546d6c0b549962bd5a0df3257d9e (MD5) / A doença de Crohn (DC) é uma doença inflamatória intestinal, cujo processo inflamatório transmural e segmentar pode acometer qualquer parte do trato gastrointestinal. Embora a etiologia da DC ainda não tenha sido completamente estabelecida, a maioria dos estudos converge para a associação de vários fatores, dentre os quais destacam-se a desregulação do sistema imune. Neste contexto, este trabalho descreve o planejamento, a síntese e a avaliação biológica de novos compostos inibidores da atividade de p300 e agonistas PPAR-α e PPAR-γ como potencial estratégia multialvo para o tratamento da DC, assim como para o tratamento de outras patologias inflamatórias. A partir do ácido anacárdico, um lipídeo fenólico do liquido da casca da castanha de caju com atividade anti-inflamatória, foram sintetizados 30 derivados-alvo em rendimentos que variaram de 35% a 98%. A avaliação da atividade biológica in vitro dos compostos-alvo frente à enzima p300 revelou que os derivados ácidos LDT11 (16), LDT13 (17) e LDT30 (20) foram capazes de inibir mais de 50% da atividade enzimática na concentração de 50 μM, apresentando IC50 de 3,0 μM (16 e 17) e 10,0 μM (20). Os estudos preliminares do perfil frente a PPAR-α e PPAR-γ foram finalizados para a primeira série. Os valores de EC50 variaram de 1,5 μM a 32,0 μM para PPAR-α. e 12,4 μM, 12,1 μM, respectivamente. Considerando PPAR-γ, os derivados LDT11 (16) e LDT13 (17) mostraram-se equipotentes com EC50 em torno de 12,0 μM. As análises SAR evidenciaram o íon carboxilato e aceptor de ligação de hidrogênio como grupos farmacofórico e moduladores reconhecimento molecular e ativação de ambos PPAR-α e PPAR-γ, bem como inibição de p300. O planejamento de novos derivados, a otimização dos rendimentos das reações, bem como a avaliação de todas as séries frente à inibição NF-κB in vitro e posteriormente em modelos de colite in vivo constituem as perspectivas deste trabalho. / Crohn’s disease is an inflammatory bowel disease, whose transmural and segmental inflammatory process can affect any part of gastrointestinal tract. Although aetiology is unknown, most studies converge to an interplay of many factors, including a deregulated immune system. In this context, this work describes the design, synthesis and biological evaluation of new p300 inhibitors also PPAR-α and PPAR-γ agonists as a multi-target strategy for the treatment of Crohn’s disease and also of others inflammatory pathologies. From anacardic acid, an anti-inflammatory phenolic lipid of the cashew nutshell liquid, were synthesized 30 derivatives in yields ranging from 35% to 98%. The in vitro evaluation of p300 inhibition profile showed that the acids derivatives LDT11 (16), LDT13 (17) and LDT30 (20) were able to inhibit over than 50% of enzymatic activity at the concentration of 50 μM, with IC50 of 3.0 μM (16 and 17) and 10.0 μM (20). Preliminary studies about the PPAR activation profile were concluded to the first serie, with EC50 ranging from 1.5-32.0 μM to PPAR-α. Considering PPAR-γ, LDT11 (16) and LDT13 (17) also showed potent EC50 arround 12.0 μM. SAR studies exhibited carboxylate ion and hydrogen bond acceptor as pharmacophoric groups and molecular recognition modulators for PPAR-α/PPAR-γ activation and p300 inhibition. This work’s perspectives include new derivatives design, reaction yields optimization and the evaluation of NF-κB inhibition in vitro and posteriorly in vivo colitis models.
3

Caracterização dos efeitos antitumorais de compostos derivados do ácido anacárdico em linhagens celulares de adenocarcinoma de mama / Characterization of the antitumoral effects of anacardic acid derivatives in breast cancer cell lines

Sampaio, Erika Pereira 31 March 2015 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Patologia Molecular, 2015. / Submitted by Marília Freitas (marilia@bce.unb.br) on 2015-11-04T13:43:12Z No. of bitstreams: 1 2015_ErikaPereiraSampaio.pdf: 2604363 bytes, checksum: 330c5f79fff86de8706b10db7f0c723e (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2016-01-13T12:38:03Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2015_ErikaPereiraSampaio.pdf: 2604363 bytes, checksum: 330c5f79fff86de8706b10db7f0c723e (MD5) / Made available in DSpace on 2016-01-13T12:38:03Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2015_ErikaPereiraSampaio.pdf: 2604363 bytes, checksum: 330c5f79fff86de8706b10db7f0c723e (MD5) / O câncer de mama é o tipo de câncer que mais acomete mulheres em todo o mundo. Muitas drogas tem sido estudadas como potenciais terapias para este tipo de câncer, incluindo agonistas de PPARγ e anti-inflamatórios não-esteróides. A partir do ácido anacárdico, um lipídeo fenólico do líquido da casca da castanha de caju com características anti-inflamatórias, foram sintetizados diferentes agonistas parciais de PPARγ. O objetivo deste trabalho foi investigar o efeito de novos derivados do ácido anacárdico, previamente descritos como agonistas parciais de PPARγ, na viabilidade, proliferação, ciclo celular e migração de células tumorais de mama. Células MDA-MB-231 e MCF-7, células mononucleares do sangue periférico e células epiteliais de mama MCF-10 foram tratadas com os compostos derivados de ácido anacárdico e comparados com o controle (células sem tratamento). Ensaios para avaliar viabilidade (MTT), proliferação (ensaio clonogênico e CFSE), ciclo celular (PI), migração (wound healing) e apoptose (anexina/PI) foram realizados em células MDA-MB-231. Além disso, também investigamos a ocorrência de alteração na produção de ROS e NO, na biogênese de corpúsculos lipídicos e na expressão de 5LO, NFkB e PPARγ nesta linhagem celular após estímulo com os compostos LDT11, LDT13, LDT380 e LDT383. Após o tratamento com o composto LDT13, foi observada uma redução significativa na viabilidade de MCF-7 e MDA-MB-231, assim como diminuição na proliferação, enquanto a viabilidade de MCF-10 não foi afetada. O tratamento com os compostos LDT11, LDT13, LDT380 e LDT383 reduziram a viabilidade, aumentaram a apoptose, reduziram a proliferação e migração de MDA-MB-231 e promoveram alterações no ciclo celular. Os compostos LDT13 e LDT383 aumentaram a expressão de PPARγ, enquanto LDT11 e LDT380 não o fizeram. O composto LDT13 aumentou a produção de ROS e NO, reduziu a expressão de 5LO, e promoveu a translocação de NFκB para o núcleo em algumas células. Nossos dados sugerem que o composto LDT13 pode ser um candidato para testes clínicos e um agente terapêutico promissor para o tratamento de câncer de mama. / Breast cancer is the type of cancer that affects more women in the world. Many drugs have been studied as potential therapies for this type of cancer, including PPARγ agonists and nonsteroidal anti -inflammatory drugs. From the anacardic acid, an phenolic lipid of the cashew nutshell liquid with anti-inflammatory properties, were synthesized different partial agonists of PPARγ. The aim of this study was to investigate the effects of new anacardic acid derivatives, which were previously described as PPARγ partial agonists, on breast cancer cell lines viability, proliferation, cell cycle and migration. MDA-MB-231 and MCF-7 breast cancer cell-lines and nontumorigenic PBMCs and MCF-10 human mammary epithelial cells were treated with anacardic acid derivatives and compared with negative control (without treatment). Assays to evaluate viability (MTT), proliferation (CFSE and clonogenic assay), cell cycle (PI), migration (wound healing) and apoptosis (annexin v/ PI) were performed in MDA-MB-231. Moreover, we analyzed de occurrence of alterations in the production of ROS and NO, lipid bodies biogenesis, and 5LO, NFkB and PPARγ expression after treatment with LDT11, LDT13, LDT380 and LDT383. After treatment with the compound LDT13, we observed a significant reduction in MCF-7 and MDA-MB-231 viability, as well as a decrease in proliferation and cell cycle alterations, while MCF-10 viability was not affected. The treatment with the drugs LDT11, LDT13, LDT380 and LDT383 reduced viability, increased apoptosis, reduced proliferation and migration of MDA-MB-231 cells and promoted cell cycle alterations. LDT13 and LDT383 increased the expression of PPARγ, while LDT11 and LDT380 did not. LDT13 increased the production of ROS and NO, reduced the expression of 5LO, and promoted the translocation of NFκB in some cells. Our data suggest that new anacardic acid derivative LDT13 may be a strong candidate for breast cancer clinical trials and a promising therapeutic agent.
4

Efeito do ácido anacárdico in vitro e em modelos experimentais da malária

Cascaes, Andréia Cristina Gonçalves 14 July 2017 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Pós-graduação em Medicina Tropical, 2017. / Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2018-03-01T17:34:13Z No. of bitstreams: 1 2017_AndréiaCristinaGonçalvesCascaes.pdf: 3341412 bytes, checksum: 616b738fa70a7ad4f30ceb5bd61d102f (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-03-09T17:15:26Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_AndréiaCristinaGonçalvesCascaes.pdf: 3341412 bytes, checksum: 616b738fa70a7ad4f30ceb5bd61d102f (MD5) / Made available in DSpace on 2018-03-09T17:15:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_AndréiaCristinaGonçalvesCascaes.pdf: 3341412 bytes, checksum: 616b738fa70a7ad4f30ceb5bd61d102f (MD5) Previous issue date: 2018-03-09 / No ano de 2015 a malária 214 milhões de pessoas e causou 438 mil mortes. No Brasil ocorreram 142.967 casos da doença, no mesmo ano. A doença pode apresentar-­se de forma assintomática, sintomática e pode evoluir para as formas graves. O Plasmodium falciparum pode causar malária cerebral, a forma mais seria da doença. Os eritrócitos parasitados são capazes de ligar-­se a outros eritrócitos e ao endotélio vascular resultando na hiperativação do sistema imunitário. Mesmo com os tratamentos atuais eficientes usados na pratica clinica, a doença pode desenvolver-­se para as formas graves, facilitada pela resistência do parasito às drogas disponíveis. Espécies vegetais tem sido testados como alternativas terapêuticas. O ácido anacárdico (AA) é extraído da castanha de caju e tem mostrado atividades microbicidas, imunomoduladoras e parasiticida. Esse trabalho teve como objetivo avaliar o efeito do ácido anacárdico in vivo em modelos animais da malária e in vitro. Nos modelos susceptíveis a malária cerebral (CBA e C57BL/6) e não susceptíveis (BALB/c) infectados pelo P. berghei Anka tratados com 150, 100, 50 mg/kg/dia e 25 mg/kg/ duas doses. Foram analisados sobrevida, parasitemia, hematócrito e perda progressiva de peso. A citotoxicidade nas células J774 foi avaliada pelo teste de MTT usando utilizadas várias concentrações de ácido anacárdico. O efeito do ácido anacárdico na produção de óxido nítrico foi avaliado através da reação de Griess e a expressão de corpúsculos lipídicos foi realizadda pela coloração de Oil red O. O efeito de 50μM ácido anacárdico na produção de citocinas foi avaliado depois de estimulação in vitro das células J774 com eritrócitos parasitados ou não. A produção de citocinas foi avaliada com o estimulo de LPS e eritrócitos parasitados ou não com 50 μM de ácido anacárdico. Quando os animais CBA foram tratados com 150 e 100mg/Kg/dia de AA foi observado aumento da sobrevida dos animais após infecção com P.berghei ANKA. O AA não mostrou toxicidade para as células J774. O AA inibiu a produção do óxido nítrico quando associado com o LPS e eritrócitos parasitados. O aumento da expressão de corpúsculos lipídicos aumentou na presença de eritrócitos parasitados e LPS. O AA não mostrou efeito na produção de FNT-­a, porém aumentou a produção de IL-­10, e de IL-­6 e MCP-­1 quando associado ao LPS. Foi observado aumento da produção de MCP-­1 das células J774 tratadas com AA e estimuladas com eritrócitos parasitados obtidos de camundongos BALB/c infectados com P.berghei ANKA quando comparado com células estimuladas apenas com eritrócitos parasitados. As células J774 mostraram que o tratamento com AA e estimulo com eritrócitos parasitados obtidos de camundongos BALB/c infectados por P. berghei ANKA aumenta da produção de MCP-­1 em relação às células estimuladas apenas com eritrócitos parasitados. O AA aumentou a produção de IL-­10 nas células estimuladas com eritrócitos parasitados de BALB/c, porém diminuiu a produção nas células tratadas com eritrócitos de CBA. Concluímos que os diferentes efeitos do AA na malária experimental provavelmente ocorrem pelos diferentes tipos de desencadeamento das respostas inflamatórias dos modelos experimentais. / About 214 million cases of malaria occurred in 2015, leading to 438,000 deaths. In Brazil, 142,967 cases of malaria occurred in this same year. The disease can present as asymptomatic or asymptomatic form and severe disease can develop in some people. Plasmodium falciparum can cause cerebral malaria, the most serious form of the disease. Infected red blood cells can bind each other and to endothelial vascular cells, leading in hyperactivation of immune system. Even though the effective current treatments used in clinical practice, disease can evolve to severe forms due to the parasite ability to present drug resistance. Some vegetal species have been tested as alternative treatments. Anacardic acid (AA) is obtained from the cashew nut and has shown some activity against bacteria, parasites and it also has immunomodulatory activity. This work aimed to evaluate the in vivo activity in experimental animal models and in vitro activity of the anacardic acid as well as its. In cerebral malaria-­susceptible CBA and C57BL/6 and resistant BALB/c mice infected with Plasmodium berghei ANKA and treated with 150, 100, 50 mg/kg/day and 25 mg/kg/day twice by day anacardic acid were assessed the survival rates, parasitemia curves, hematocrit and weight evolution. Cytotoxicity to J774 cells was evaluated using several concentrations of anacardic acid by MTT test. Effect of anacardic acid on nitric oxide production by J774 cells was evaluated by Griess reaction and lipid bodies expression was tested with oil red O. Effect of 50μM anacardic acid on cytokine production was evaluated after in vitro stimulation with or without parasitized erythrocyte and LPS. When CBA mice were treated with 100 and 150 mg/kg/day of AA, it was observed an increased survival of the animals after infection with P. berghei ANKA. Anacardic acid showed no toxicity to J774 cells. Anacardic acid inhibited NO production when associated with LPS and parasitized erythrocytes. The increase expression of lipid bodies was enhanced in presence of parasitized erythrocytes and LPS. AA have no effect in tumor necrosis factor-­a production, it increased IL-­10 production and increased the IL-­6 and MCP-­1 production only when associated to LPS. There was an increased production of MCP-­1 by J774 cells treated with AA + parasitized erythrocytes that were obtained from BALB/c P. berghei-­infected mice when compared with to J774 cells incubated only with parasitized erythrocytes. AA increased IL-­10 production when J774 cells were stimulated with parasitized erythrocytes obtained from BALB/c mice;; however, it decreased IL-­10 production when J774 cells were stimulated with parasitized erythrocytes obtained from CBA mice. We conclude that the differing effects of AA in the different malaria experimental models could occur because these different strains of mice use different pathways of the inflammatory response.
5

Efeitos de nanoemulsões à base de óleo de açaí (Euterpe oleracea mart.) e ácido anacárdico em células de câncer de mama

Alexandre, Thamara Rodrigues 28 February 2018 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Pós-Graduação em Nanociência e Nanobiotecnologia, 2018. / Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2018-05-15T18:36:29Z No. of bitstreams: 1 2018_ThamaraRodriguesAlexandre.pdf: 3734253 bytes, checksum: 8a160917cc8a88b7cbe6b926e2e2238a (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-05-28T17:30:20Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2018_ThamaraRodriguesAlexandre.pdf: 3734253 bytes, checksum: 8a160917cc8a88b7cbe6b926e2e2238a (MD5) / Made available in DSpace on 2018-05-28T17:30:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2018_ThamaraRodriguesAlexandre.pdf: 3734253 bytes, checksum: 8a160917cc8a88b7cbe6b926e2e2238a (MD5) Previous issue date: 2018-05-28 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). / A neoplasia que apresenta maior incidência entre as mulheres em âmbito mundial é o câncer de mama. O Euterpe oleracea Mart., conhecido popularmente como açaí, vem sendo muito estudado nos últimos anos, devido sua elevada quantidade de polifenóis, que apresentam atividades antiproliferativa, pró-apoptótica, supressão tumoral e prevenção a adipogênese, estresse oxidativo e inflamação. O Anacardium occidentale, conhecido popularmente como caju, deriva de sua castanha um líquido escuro com característica viscosa denominada LCC, nele se encontra um composto chamado de ácido anacárdico (AA), no qual tem sido utilizado em diversas pesquisas, devido suas atividades antitumorais, antioxidante, moluscicida, antimicrobianas, gastroprotetoras e antioxidantes. A biodiversidade brasileira apresenta uma grande variedade de fitoquímicos, que como estes, são pouco solúveis em soluções aquosas, o que apresenta complicações para sua administração e também a absorção pelo organismo. Tendo em vista este quadro, a utilização de compostos nanoestruturados demonstra ser uma alternativa promissora para contornar estas variáveis e potencializar os efeitos biológicos. Perante o exposto, o objetivo deste presente projeto foi avaliar os efeitos terapêuticos do tratamento associado com nanoemulsões à base de óleo de açaí (AçNE) e ácido anacárdico livre em células de câncer de mama com potencial metastático (4T1), in vitro. Testes de estabilidade avaliaram que as nanogotículas presentes nas nanoemulsões à base de óleo de açaí (AçNE) possuem diâmetro hidrodinâmico de ± 170 nm, com índice de polidespersão de 0,220, potencial de superfície de ± 17,5 mV, pH 7, e estabilidade de suas propriedades físico-químicas por 120 dias. Para realização dos experimentos, foram empregadas AçNE à base de óleo de açaí e também foram utilizadas as AçNE com alteração em sua superfície, sendo adicionado polímeros de quitosana (CH) ou polietileno glicol (PEG). Estas nanoformulações apresentaram efeito citotóxico na linhagem de adenocarcinoma murino 4T1. No entanto, a nanoformulação com PEG, independentemente da associação a nanoformulação com AçNE, mostrou citotoxicidade, sendo desconsiderada para ensaios subsequentes. As nanoemulsões de AçNE e AçNE com CH apresentaram similaridade na redução de viabilidade celular em ensaios com a adição de AA, não demonstrando efeito combinatório. No entanto, o efeito combinatório foi observado no emprego do tratamento seriado (intervalo de 24 horas para cada tratamento). Apesar da AçNE e AçNE CH ainda apresentarem efeitos similares, a AçNE foi escolhida devido ao custo mais vantajoso e ao protocolo de formulação mais simples. Dados adquiridos na citometria de fluxo sugeriram a morte celular por apoptose no tratamento seriado com AçNE e AA. Resultados analisados no ensaio de wound healing (migração celular) monstraram o efeito inibitório e combinatório da AçNE e AA. Desta forma, o presente estudo sugere que o efeito combinatório entre nanoemulsão à base de óleo de açaí e AA possa ser uma alternativa para futuras terapêuticas antineoplásicas a serem melhor fundamentadas em estudos futuros. / The neoplasia with the highest incidence among women worldwide is breast cancer. Euterpe oleracea Mart., Commonly known as açaí, has been extensively studied in recent years due to its high polyphenols, which have antiproliferative, pro-apoptotic, tumor suppression and adipogenesis, oxidative stress and inflammation activities. Anacardium occidentale, commonly known as cashew, derives from its chestnut a dark liquid with a viscous characteristic called LCC, in it is a compound called anacardic acid (AA), in which it has been used in several researches due to its antitumor activities, antioxidant, molluscicide, antimicrobials, gastroprotectives and antioxidants. The Brazilian biodiversity presents a great variety of phytochemicals, which like these, are little soluble in aqueous solutions, which presents complications for its administration and also the absorption by the organism. In view of this, the use of nanostructured compounds proves to be a promising alternative to circumvent these variables and potentiate the biological effects. In view of the above, the objective of this present project was to evaluate the therapeutic effects of the treatment associated with açaí oil-based nanoemulsions (AçNE) and free anacardic acid in breast cancer cells with metastatic potential (4T1) in vitro. Stability tests evaluated that the nanoglobes present in açaí oil-based nanoemulsions (AçNE) have a hydrodynamic diameter of ± 170 nm, with polydispersion index of 0.220, surface potential of ± 17.5 mV, pH 7, and stability of its physical-chemical properties for 120 days. To perform the experiments, AçNE based on açaí oil was used and the AçNE with change in its surface were also used, being polymers of chitosan (CH) or polyethylene glycol (PEG). These nanoformulations had a cytotoxic effect on the murine adenocarcinoma 4T1 lineage. However, PEG nanoformulation, regardless of the association to nanoforming with AçNE, showed cytotoxicity and was disregarded for subsequent assays. The nanoemulsions of AçNE and AçNE with CH presented similarity in the reduction of cell viability in tests with the addition of AA, showing no combinatorial effect. However, the combinatorial effect was observed in the use of serial treatment (24-hour interval for each treatment). Although AçNE and AçNE CH still have similar effects, AçNE was chosen because of the more cost-effective and simpler formulation protocol. Data acquired in flow cytometry suggested cell death by apoptosis in serial treatment with AçNE and AA. Results analyzed in the wound healing assay showed the inhibitory and combinatorial effect of AçNE and AA. Thus, the present study suggests that the combinatorial effect between açaí oil-based nanoemulsion and AA may be an alternative for future antineoplastic therapies to be better informed in future studies.
6

Estudos visando à síntese de heterociclos de 5-membros a partir dos lipídios fenólicos do LCC : isobenzofuranonas e indolinonas em foco

Souza Filho, Roberto Yoshio de 14 August 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Química, Programa de Pós-Graduação em Química, 2013. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2014-05-06T15:15:49Z No. of bitstreams: 1 2013_RobertoYoshiodeSouzaFilho.pdf: 3247936 bytes, checksum: 3d2cb1a6437bc43b2b6b5909ac0bf146 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2014-06-03T13:46:29Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_RobertoYoshiodeSouzaFilho.pdf: 3247936 bytes, checksum: 3d2cb1a6437bc43b2b6b5909ac0bf146 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-06-03T13:46:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_RobertoYoshiodeSouzaFilho.pdf: 3247936 bytes, checksum: 3d2cb1a6437bc43b2b6b5909ac0bf146 (MD5) / O Brasil é o terceiro produtor mundial de castanha de caju. Na região Nordeste, a cadeia produtiva do caju é responsável por mais de 300 mil empregos e parque industrial com capacidade de processamento de até 45 mil toneladas de líquido da casca da castanha de caju (LCC). Neste cenário, o LCC apresenta-se como matéria abundante e de baixo valor econômico para o desenvolvimento de pesquisas que objetivam as mais variadas aplicações, como por exemplo, conservantes alimentares, agentes sanitários e farmoquímicos. Visando agregar valor a esta matéria-prima, este trabalho apresenta a utilização do ácido anacárdico, constituinte fenólico do LCC, como material de partida para a síntese de uma molécula inédita, baseada na acetoftalidina, contribuindo, dessa forma, para ampliação do estudo de compostos da série das ftalidinas (isobenzofuranona). Adicionalmente, descreve estudos visando a obtenção, a partir do cardol, de novos membros da classe das indolinonas. Os resultados obtidos demonstram a viabilidade da rota de síntese proposta como ponto de partida para a ampliação da série de homólogos da isobenzofuranona obtida, visando o estudo sistemático da estrutura e atividade biológica. Para determinação estrutural dos compostos intermediários e finais, assim como da matéria-prima, foram utilizadas técnicas espectroscópicas de RMN de 1H, 13C (uni e bidimensional) e IV. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Brazil is the world's third largest producer of cashew nuts. In the Northeast, its production chain is responsible for over 300,000 jobs and industrial capacity of processing up to 45 tons of cashew nut shell liquid (CNSL). In this scenario, the CNSL is characterized as an abundant and low economic raw material to the development of research which aims varied applications, such as food preservatives, health agents and pharmaceutical chemicals. In order to add economic value to this raw material, this work shows the use of anacardic acid, phenolic constituent of the CNSL, as starting material for the synthesis of a novel molecule, based on acetophthatalidin, contributing thus to expand the study of phthalidin serie compounds. Additionally, it describes studies aiming to obtain, from cardol, new members of the class of indolinones. The results demonstrate the feasibility of the synthetic route proposed as a trigger for increasing the number of phthalidin series counterparts, toward the systematic study of the structure and biological activity. For structural determination of the intermediate and final compounds, as well as the raw material,NMR 1H, 13C (uni and two-dimentional) and IR spectroscopic techniques were used.
7

Anacardium occidentale: avaliação do efeito fotoprotetor e conservante em preparações cosméticas

César de Sousa, Bráulio January 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T16:31:45Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo6188_1.pdf: 1800807 bytes, checksum: 83b21b32c48aa637f5347aaa7287e8bb (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2007 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / A exposição crônica da pele a radiação ultravioleta (UV) solar pode causar vários danos a pele dependendo da quantidade, forma da radiação UV e tipo de indivíduo exposto. Os danos incluem queimaduras solares, estresse oxidativo e fotoenvelhecimento. O fotoprotetor minimiza agressões cutâneas contribuindo, inclusive, para prevenir doenças graves como o câncer de pele. Sendo assim, é de grande importância para saúde pública. Fontes naturais de antioxidantes fornecem novas possibilidades para tratamento e prevenção de doenças provocadas pela radiação UV. A flora brasileira é rica em plantas medicinais, onde são amplamente encontrados antioxidantes. A atividade antioxidante dos ácidos anacárdicos, presentes no Anacardium occidentale, provém em grande parte da sua capacidade de inibir diversas enzimas oxidativas, dentre elas a xantina oxidase. Estas oxidases produzem radicais livres no corpo humano. No desenvolvimento de protetores solares, o formulador busca definir uma formulação que apresente o máximo de aproveitamento das matérias-primas, racionalizando o qualitativo e o quantitativo de cada item com o objetivo de obter um produto adequado dentro dos parâmetros de eficácia, inocuidade, relação custo/benefício e aceitação pelo consumidor. Portanto, através dos estudos realizados, comprova-se que o extrato de Anacardium occidentale pode potencializar a ação dos filtros UVB (290 a 320 nm), bem como reduzir eventuais contaminações microbianas presentes em preparações cosméticas, auxiliando na conservação das mesmas. Sendo portanto uma matéria prima de origem vegetal versátil para formuladores cosméticos

Page generated in 0.1899 seconds