• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 377
  • 5
  • 5
  • 5
  • 5
  • 4
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 380
  • 380
  • 158
  • 121
  • 103
  • 88
  • 77
  • 75
  • 65
  • 50
  • 46
  • 46
  • 45
  • 43
  • 42
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Os acidentes de trabalho

Guedes, Virgílio Marques January 1926 (has links)
No description available.
2

Estudo de variáveis organizacionais e psicológicas relacionadas a acidentes de trabalho em uma indústria de construção naval

Dela Coleta, José Augusto 10 October 1975 (has links)
Submitted by Estagiário SPT BMHS (spt@fgv.br) on 2012-03-28T12:31:28Z No. of bitstreams: 1 000006618.pdf: 27653891 bytes, checksum: b2a0161aae7364be8212ba94cbe09936 (MD5) / Made available in DSpace on 2012-03-28T12:33:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000006618.pdf: 27653891 bytes, checksum: b2a0161aae7364be8212ba94cbe09936 (MD5) / The aim of this thesis is to the parameters of organizat1onal and explore psychosocial variables, associated with the accidents of a Navy Construct1on Industry in Rio de Janeiro State by the utilization of rnathemat1cal models based on 'Queueing Theory'. The first part is about a review of the principal researches and studies relating several psycholog1cal social, physiological physical and sociological, organizational variables at the events of accidents which occured in a Navy Construction Industry (1974), when the parameters which rule the distribution of the number of accidents suffered per workers and the intervals between successive accidents were evidenced. It is still considered the equations which should be employed for the prevision of the two dependent variables considered. Finally some suggestions and conclusions are shawn the most important one refers to the invariance of the parameters when different personal characteristics are considered. This is expla1ned by considering that the grade of danger is very high and should leave out the influences of the personal variables at the occurrence of work accidents. / O objetivo principal deste trabalho consiste na exploração de parâmetros de variáveis organizacionais e psico-sociais relacionadas aos acidentes de trabalho de uma indústria de construção naval do Estado do Rio de Janeiro, através da aplicação de modelos matemáticos inspirados na Teoria das filas. A primeira parte compreende uma revisão das principais pesquisas 8 estudos relacionando diversas variáveis psicológicas, sociais sociológicas, fisiológicas físicas e organizacionais a ocorrência de acidentas de trabalho. A segunda parte do trabalho consiste na análise de 9.657 acidentes ocorri dos em uma indústria de construção naval no ano de 1974 quando são evidenciados os parâmetros que regem as distribuições do numero de acidentes sofridos por operário e do intervalo entre acidentes consecutivos são ainda propostas as equações que deveriam ser empregadas para a previsão das duas variáveis dependentes consideradas. Ao final são apresentadas algumas sugestões e conclusões onde a mais importante refere-se à invariância dos parâmetros quando se consideram diferentes características pessoais dos sujeitos. Tal fato é interpretado como produto do grau de periculosidade muito e levado da organização que esconde ria as influências das variáveis pessoais na ocorrência de acidentes de trabalho.
3

Incidência cumulativa anual de acidentes de trabalho não fatais - estimativas nacionais para o Brasil

Soares, Jorgana Fernanda de Souza January 2012 (has links)
Banca examinadora: Profª. Drª.Vilma Sousa Santana (orientadora); Profª. Drª. Letícia Coelho da Costa Nobre - CESAT; Profª. Drª. Silvia Ferrite Guimarães - UFBA; Profº. Drº. Marco Antônio Vasconcelos Rêgo - FAMEB-UFBA; Profº. Drº. Ademário Galvão Sinola - ISC-UFBA. data de defesa 18 de julho de 2012. / Submitted by Maria Creuza Silva (mariakreuza@yahoo.com.br) on 2012-10-04T15:12:49Z No. of bitstreams: 1 Tese. Jorgana Fernanda 2012.pdf: 1641886 bytes, checksum: 894e237b49ef24e167f5e6082011ab15 (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Creuza Silva(mariakreuza@yahoo.com.br) on 2012-10-04T15:13:21Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Tese. Jorgana Fernanda 2012.pdf: 1641886 bytes, checksum: 894e237b49ef24e167f5e6082011ab15 (MD5) / Made available in DSpace on 2012-10-04T15:13:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Tese. Jorgana Fernanda 2012.pdf: 1641886 bytes, checksum: 894e237b49ef24e167f5e6082011ab15 (MD5) Previous issue date: 2012 / Introdução: Informações acuradas sobre acidentes de trabalho, AT, permitem que seja delimitado o perfil de morbidade dos trabalhadores e podem contribuir na definição de prioridades para a realização de ações preventivas eficientes, adequadas às reais necessidades e demandas dos trabalhadores. Objetivos Geral: Estimar a incidência cumulativa anual de acidentes de trabalho não fatais para o Brasil e os fatores associados ao sub-registro. Específicos Estudo 1: Descrever os principais métodos empregados para a estimativa de incidência cumulativa anual dos acidentes de trabalho com dados parciais. Estudo 2: Estimar o número de casos e a incidência cumulativa anual de AT não fatais, IC-AT, para a população economicamente ativa ocupada brasileira. Estudo 3: Estimar os fatores associados ao sub-registro de AT não fatais na Comunicação de Acidentes de Trabalho, CAT, entre trabalhadores segurados. Método Estudo 1: Realizou-se revisão sistemática da literatura entre 1999 e 2009 no PubMed e na Scientific Electronic Library Online (SCiElo). Estudo 2: Estimou-se a incidência cumulativa anual de acidentes de trabalho, em 2008, para os trabalhadores formais por sexo, faixa de idade e ramo de atividade econômica, aplicando-se o coeficiente de incidência cumulativa anual na população de trabalhadores informais correspondente para a estimativa do número de acidentes de trabalho não fatais e a respectiva incidência cumulativa anual. Estudo 3: Estudo de coorte dinâmica, de base comunitária, empregando amostra aleatória de conglomerados de área realizado em Salvador nos anos 2000, 2002, 2004, 2006 e 2008. A população do estudo compreende os trabalhadores segurados vítimas de acidente de trabalho (n=267) elegíveis para o registro na CAT. A coleta de dados foi realizada empregando-se entrevistas domiciliares individuais. Resultados Estudo 1: Os principais métodos empregados na literatura foram a extrapolação e a captura-recaptura. A extrapolação consiste na aplicação da IC-AT de uma população tomada como referência no número de pessoas da população economicamente ativa ocupada correspondente, assumindo que as populações são comparáveis entre si. Na captura-recaptura, realiza-se a vinculação dos casos nos sistemas de informação para a identificação dos coincidentes e posterior exclusão, assumindo-se que os sistemas de informação empregados possuem a mesma probabilidade de registrar os casos. Estudo 2: O total de casos de acidentes de trabalho não fatais graves estimados foi de 508.811, com incidência cumulativa anual de 4,9/1.000 trabalhadores, maior entre os trabalhadores informais (6,5/1.000), sexo masculino (IC-AT: 8,2/1.000 trabalhadores), faixa de idade dos 50-59 anos (IC-AT: 6,3/1.000 trabalhadores), no ramo da construção (IC-AT: 34,2/1.000 trabalhadores). Para os trabalhadores do sexo masculino a incidência cumulativa anual foi maior na faixa de idade entre 20-24 anos e 30-39 anos (IC-AT: 8,8/1.000 trabalhadores). Para as mulheres, foi maior na faixa de iii 15 idade entre 50-59 anos (IC-AT: 3,5/1.000 trabalhadores). O ramo da construção apresentou maior incidência cumulativa anual para homens (IC-AT: 34,6/1.000 trabalhadores) e mulheres (IC-AT: 17,9/1.000 trabalhadores). Estudo 3: A proporção de sub-registro foi de 83%. Fatores associados ao sub-registro na CAT foram baixa renda do trabalhador, ser vendedor, trabalhador em serviços transversais, terceirizado, perceber o trabalho como não perigoso, trauma em membros inferiores e a duração da incapacidade para o trabalho menor que 15 dias. Considerações finais: Nesse trabalho, estimou-se que a IC-AT não fatais para a PEAO total corresponde a 3,2 vezes as estimativas oficiais realizadas empregando benefícios acidentários concedidos aos trabalhadores formais segurados pelo Seguro Acidente de Trabalho. Fatores como renda do trabalhador, ocupação, terceirização do trabalho, não perceber o trabalho como perigoso e menor gravidade do AT foram associadas ao sub-registro na CAT. Recomenda-se a realização de estudos confirmatórios para testar essas hipóteses. Sugere-se incorporar ao treinamento dos trabalhadores esclarecimentos sobre a emissão da CAT e intensificar as ações de vigilância aos AT nos ambientes de trabalho para aumentar o seu registro. / Salvador
4

Análise dos acidentes e doenças do trabalho ocorridos na atividade de construção, instalação e manutenção de redes de telecomunicações no Rio Grande do Sul em 2001 e 2002

Oliveira, Susana Freitas de January 2004 (has links)
Esta dissertação apresenta um levantamento da incidência de acidentes do trabalho nas atividades de construção, manutenção e instalação de redes de telecomunicações no Rio Grande do Sul. Os dados foram obtidos a partir da análise das CATs (Comunicação de Acidente do Trabalho), referentes aos anos de 2001 e 2002. São analisados o perfil dos trabalhadores, o tipo de atividade da empresa, a distribuição temporal dos acidentes, as partes do corpo atingidas, a natureza e a causa dos acidentes e das lesões. Os principais agentes causadores dos acidentes do trabalho, foram às escadas, os veículos e o esforço físico; a principal situação geradora de lesão foi o impacto de pessoa contra objeto; os tipos de lesões mais encontradas foram as contusões, fraturas e distensões; as partes do corpo atingidas foram os membros superiores, inferiores e dorso; os acidentes ocorreram em maior número nas primeiras horas trabalhadas, com os solteiros e o tipo de gravidade das lesões determinadas pelo maior número de afastamento com mais de 15 dias. Com os resultados obtidos, pretende-se subsidiar ações preventivas nestas atividades, pois com base nas principais causas de acidentes do trabalho é possível adotar medidas para reduzir o número e a gravidade dos acidentes.
5

A produção social do infortúnio: acidentes incapacitantes na construção civil no Rio de Janeiro / The social production of the misfortune: disability accidents in the civil construction in Rio de Janeiro

Gomes, Rafael da Silveira January 2003 (has links)
Made available in DSpace on 2012-09-06T01:11:09Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) 693.pdf: 586581 bytes, checksum: a0a8ef9f69aaf440c85a8210e699f154 (MD5) Previous issue date: 2003 / A construção civil é um setor da indústria nacional historicamente marcado pelos altos índices de acidentes de trabalho, sendo uma grande parcela composta por acidentes graves (fatais e incapacitantes). Estes acidentes quando não interrompem a vida do trabalhador deixam seqüelas permanentes que transformam profundamente suas existências e a de seus familiares. Essa situação agravou-se diante do processo de precarização pelo qual as condições de trabalho do setor vêm passando nas últimas décadas. O presente estudo enfocou tanto os acidentes incapacitantes permanentes totais - aqueles cujas seqüelas impedem o exercício de qualquer atividade laborativa - quanto os parciais, cujos efeitos exigem um maior esforço para a execução da mesma atividade desempenhada antes do acidente ou impossibilitam sua realização. Foram entrevistados seis trabalhadores que sofreram acidentes incapacitantes na construção civil no município do Rio de Janeiro. As entrevistas basearam-se nas histórias de vida dos trabalhadores com objetivo de coletar os dados sobre os acidentes contextualizados nas diferentes trajetórias. Os acidentes foram analisados não apenas a partir das condições de trabalho (ambiente, organização e segurança), mas também a partir das condições e histórias de vida de suas vítimas, posto que estão intrinsecamente ligadas ao evento. A infância pobre, a migração, o ingresso na construção civil, o acidente e seus desdobramentos são questões que se relacionam em maior ou menor grau. O acidente é entendido como um acontecimento instantâneo, porém histórico, dinâmico e múltiplo, que vai sendo construído pelo engendramento de diversas determinações e sobredeterminações que, num dado momento, mediante uma conformação específica de forças, ocorre. Discuti-se ainda as análises causais de acidentes assim como a postura Estatal em relação ao assunto.
6

Acidente do trabalho no Brasil

Rocha, Marcos de Souza January 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Economia. / Made available in DSpace on 2012-10-19T19:06:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 199752.pdf: 342494 bytes, checksum: c25564e2811ec99538127060d537610c (MD5) / No Brasil, a cada ano, em torno de 9.000 (nove mil) pessoas perdem a vida e outras 40.000 (quarenta mil) tornam-se permanentemente incapazes para o trabalho em decorrência do acontecimento de aproximadamente 990.000 (novecentos e noventa mil) acidentes do trabalho. Estes totais consideram os números oficialmente conhecidos, que se referem aos trabalhadores vinculados à Previdência Social, atuantes no mercado de trabalho formal, e consideram as inferências realizadas neste estudo a respeito dos trabalhadores atuantes na informalidade.
7

Acidentes de trabalho entre profissionais de enfermagem : uma análise do processo de trabalho

Moreira, Berenice January 2007 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2007. / Submitted by Fernanda Weschenfelder (nandaweschenfelder@gmail.com) on 2010-01-13T16:07:50Z No. of bitstreams: 1 2007_BereniceMoreira.PDF: 1225273 bytes, checksum: 085fc5c76e0a5944a0f479e261813487 (MD5) / Rejected by Lucila Saraiva(lucilasaraiva1@gmail.com), reason: Falta abstract. on 2010-01-13T22:04:34Z (GMT) / Submitted by Fernanda Weschenfelder (nandaweschenfelder@gmail.com) on 2010-01-14T16:24:26Z No. of bitstreams: 1 2007_BereniceMoreira.PDF: 1225273 bytes, checksum: 085fc5c76e0a5944a0f479e261813487 (MD5) / Approved for entry into archive by Lucila Saraiva(lucilasaraiva1@gmail.com) on 2010-01-14T23:31:41Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2007_BereniceMoreira.PDF: 1225273 bytes, checksum: 085fc5c76e0a5944a0f479e261813487 (MD5) / Made available in DSpace on 2010-01-14T23:31:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2007_BereniceMoreira.PDF: 1225273 bytes, checksum: 085fc5c76e0a5944a0f479e261813487 (MD5) Previous issue date: 2007 / Trata-se de um estudo descritivo em uma abordagem qualitativa, utilizando-se o referencial da Ergonomia objetivando analisar a ocorrência dos acidentes de trabalho com material perfurocortante em trabalhadores de enfermagem do Hospital Evangélico de Rio Verde-GO, identificar setores e grupos profissionais mais afetados e as situações (procedimento/atividade) que contribuíram para a ocorrência dos acidentes e os pontos críticos relacionados ao processo de trabalho. A coleta de dados foi realizada em três etapas por meio da análise de documentos, de observação direta das atividades e entrevistas. Participaram do estudo 24 trabalhadores de enfermagem envolvidos em acidentes de trabalho no período de 2002 a 2005. Os resultados revelaram que no período de 2002/2005, foram registrados 192 acidentes de trabalho, 52,6% destes acidentes foram com material perfurocortante, nas Enfermarias de Clínica Médica e Cirúrgica (29%) e Serviço de Emergência (15%). O grupo profissional mais exposto foi a enfermagem, correspondendo a 44,1% da totalidade dos acidentes. Os procedimentos com maior ocorrência foram: a administração de medicamentos por via parenteral (31%) e a punção venosa (25%). Verificou-se que os pontos críticos para os acidentes na realização destas atividades estão localizados nas últimas etapas do procedimento. Ao considerar-se no presente estudo que o acidente de trabalho é uma ruptura (quebra) da relação entre o trabalhador e o processo de trabalho, constatou-se que a ocorrência dos acidentes de trabalho com perfurocortantes estão relacionados a organização do processo de trabalho evidenciado pelo descarte inadequado; pela pressão temporal em função do excesso de trabalho e reencape da agulha. Nesta perspectiva o estudo oferece subsídios, a partir da análise ergonômica do trabalho, para a reeorganização do processo de trabalho, visando diminuir os riscos que fazem parte da natureza do trabalho dos profissionais de enfermagem. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / It concems a descriptive study in a qualitative research, using the Ergonomics referential aiming at analyzing the occurrence of job accidents with cutting and piercing material in nursing workers from Hospital Evangélico in Rio Verde-GO, at identifying the most affected Professional sections and groups and the situations (procedure/activity) that contributed for the occurrence of the accidents and the criticai points related to the work process. The data collection was performed in three stages through document analysis, direct observation of the activities and interviews. Twenty-four nursing workers involved in job accidents from 2002 to 2005 participated in the study. The results revealed that in the period 2002/2005, 192 job accidents were registered, 52,6% of these accidents were with cutting and piercing material, in the Infirmaries of Medicai and Surgical Clinic (29%) and Emergency Room Service (15%). The most exposed professional group was the nursing, corresponding to 44,1% of the totality of the accidents. The procedures with larger occurrence were: the administration of medicines through parenteral via (31%) and the venous puncture (25%). It was verified that the criticai points for the accidents in the performance of these activities are located in the last stages of the procedure. Considering, in the present study, that the job accident is an interruption (break up) of the relationship between the worker and the work process, it was verified that the occurrence of the job accidents with cutting and piercing material is related to the organization of the work process evidenced by the inadequate disposing, by the temporary pressure due to work excess, and by the re-wrapping of the needle. In this perspective the study offers subsidies, starting from the ergonomic analyzes of the work, for the reorganization of the work process, aiming at decreasing the risks that are part of the nature of the nursing professionals work.
8

Análise dos acidentes e doenças do trabalho ocorridos na atividade de construção, instalação e manutenção de redes de telecomunicações no Rio Grande do Sul em 2001 e 2002

Oliveira, Susana Freitas de January 2004 (has links)
Esta dissertação apresenta um levantamento da incidência de acidentes do trabalho nas atividades de construção, manutenção e instalação de redes de telecomunicações no Rio Grande do Sul. Os dados foram obtidos a partir da análise das CATs (Comunicação de Acidente do Trabalho), referentes aos anos de 2001 e 2002. São analisados o perfil dos trabalhadores, o tipo de atividade da empresa, a distribuição temporal dos acidentes, as partes do corpo atingidas, a natureza e a causa dos acidentes e das lesões. Os principais agentes causadores dos acidentes do trabalho, foram às escadas, os veículos e o esforço físico; a principal situação geradora de lesão foi o impacto de pessoa contra objeto; os tipos de lesões mais encontradas foram as contusões, fraturas e distensões; as partes do corpo atingidas foram os membros superiores, inferiores e dorso; os acidentes ocorreram em maior número nas primeiras horas trabalhadas, com os solteiros e o tipo de gravidade das lesões determinadas pelo maior número de afastamento com mais de 15 dias. Com os resultados obtidos, pretende-se subsidiar ações preventivas nestas atividades, pois com base nas principais causas de acidentes do trabalho é possível adotar medidas para reduzir o número e a gravidade dos acidentes.
9

Acidentes do trabalho em Marília-SP

Fuonke, Akemi [UNESP] January 2001 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:29:36Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2001Bitstream added on 2014-06-13T20:59:50Z : No. of bitstreams: 1 fuonke_a_me_botfm.pdf: 3019390 bytes, checksum: ab8dd084de9087784c2aa9b8d6025ae1 (MD5) / Este estudo descreve a ocorrência dos acidentes do trabalho (típicos, de trajeto, doenças profissionais e doenças relacionadas ao trabalho), contemplando aspectos relativos às empresas (setor e ramo de atividade econômica); a atributos dos acidentados (idade, sexo, estado civil e ocupação); a características dos acidentes (tempo decorrido após o início da jornada, causa externa, natureza da lesão, afastamento do trabalho e duração provável do tratamento) e ao local de atendimento, objetivando fornecer subsídios à implantação de programa de saúde do trabalhador no município. O material consiste de informações contidas em Comunicações de Acidentes do Trabalho (CAT), referentes aos casos ocorridos de 1º de julho de 1999 a 30 de junho de 2000 e registrados na agência local do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). As informações, transcritas para ficha de codificação, codificadas e digitadas por profissional treinado, foram processadas eletronicamente, utilizandose Programa Epi-Info, versão 6.04. No período do estudo foram registrados 521 acidentes do trabalho, assim distribuídos: 28 (5,4%) casos de doenças profissionais e relacionadas ao trabalho, 65 (12,5%), acidentes de trajeto e 428 (82,4%), acidentes do trabalho típicos. O pequeno número de casos de doenças registradas foi considerado indício de problemas de diagnóstico e, ou de registro desses agravos. Nos acidentes de trajeto e nos acidentes típicos ocorridos fora da empresa envolvendo meios de transporte: A) as lesões foram mais graves do que nos demais casos; B) as motocicletas participaram, respectivamente, de 51,3% e 66,7% dos casos e, as bicicletas, de 33,3% e 16,7%. Em relação aos acidentes típicos ocorridos nas empresas, observou-se que: A) de 55 acidentes pérfuro-cortantes ocorridos em empregados de hospitais e notificados ao Sistema de Vigilância... / This study describes the occurrence of work accidents (typically, of commuting, professional, and work related illnesses) looking at company related aspects (sector and type of economic activity); victim data (age, sex, status, and occupation); accident characteristics (length of time into shift of accident, external cause, nature of the lesion, time off work, and probable duration of treatment) and at the treatment center, with a view to providing subsidies for implanting the municipal program for workers heath. The material consists of information from Work Accidents Reports (Comunicações de Acidentes do Trabalho - CAT), between 1st July 1999 and 30th June 2000 registered at the local social security office of the Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). This information, transcribed using code cards and computerized by a trained coder, processed electronically using Epi-Info, version 6.04. During the study period 521 accidents were processed: 28 (5.4%) professional and work related illnesses; 65 (12.5%), commuting accidents; and 428 (82.4%), typical work accidents. The small number of registered illnesses was considered an indication of diagnosis problems and/or of registration. In commuting and typical work accidents occurring outside the workplace involving transportation: A) the lesions were more serious than the other cases; B) motorcycles were involved in 51.3% and 66.7% respectively, and bicycles in 33.3% and 16.7%. From typical workplace accidents, we observed: A) of the 55 puncture/cut type accidents on hospital workers notified to the Epidemiological Monitoring System, only 6 were registered with Social Security; B) the companies which registered between one and four cases were mainly small; they had the highest percentage of cases requiring time off... (Complete abstract click electronic access below)
10

Análise dos acidentes e doenças do trabalho ocorridos na atividade de construção, instalação e manutenção de redes de telecomunicações no Rio Grande do Sul em 2001 e 2002

Oliveira, Susana Freitas de January 2004 (has links)
Esta dissertação apresenta um levantamento da incidência de acidentes do trabalho nas atividades de construção, manutenção e instalação de redes de telecomunicações no Rio Grande do Sul. Os dados foram obtidos a partir da análise das CATs (Comunicação de Acidente do Trabalho), referentes aos anos de 2001 e 2002. São analisados o perfil dos trabalhadores, o tipo de atividade da empresa, a distribuição temporal dos acidentes, as partes do corpo atingidas, a natureza e a causa dos acidentes e das lesões. Os principais agentes causadores dos acidentes do trabalho, foram às escadas, os veículos e o esforço físico; a principal situação geradora de lesão foi o impacto de pessoa contra objeto; os tipos de lesões mais encontradas foram as contusões, fraturas e distensões; as partes do corpo atingidas foram os membros superiores, inferiores e dorso; os acidentes ocorreram em maior número nas primeiras horas trabalhadas, com os solteiros e o tipo de gravidade das lesões determinadas pelo maior número de afastamento com mais de 15 dias. Com os resultados obtidos, pretende-se subsidiar ações preventivas nestas atividades, pois com base nas principais causas de acidentes do trabalho é possível adotar medidas para reduzir o número e a gravidade dos acidentes.

Page generated in 0.1161 seconds