• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 161
  • 2
  • 2
  • Tagged with
  • 165
  • 165
  • 165
  • 102
  • 63
  • 50
  • 49
  • 46
  • 43
  • 35
  • 32
  • 28
  • 28
  • 27
  • 25
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O papel da espacialidade em Quatrevingt-treize de Victor Hugo : um romance histórico à espreita dos espaços monárquicos e revolucionários

Ribeiro, Rosária Cristina Costa. 2007 (has links)
Orientador: Sidney Barbosa Banca: Daniela Mantarro Calippo Banca: Marisa Martins Gama-Kahlil Resumo: A Revolução Francesa redefiniu vários campos, até mesmo os semânticos, e contribuiu para a formação do mundo contemporâneo de maneira extremamente ampla. Em Quatrevingt-treize (1874) de Victor Hugo (1802-1885), temos, por meio de uma visão finissecular e romântica, a composição literária de espaços rebeldes e monárquicos. Tal composição faz completude ao intento de se re-escrever a História da Revolução Francesa, materializado nesse derradeiro romance hugoano. Trata-se de um romance histórico tradicional, segundo Georges Lukàcs (1936), representante de uma leitura pouco comum dos acontecimentos e que busca resgatar os valores e ideologias latentes não no momento da escritura, mas sim naquele que se tenta registrar por meio da mescla de personagens históricos e fictícios em meio a tempo e espaços realmente existentes. Em relação à totalidade da obra hugoana, mostra-se como o último romance produzido pelo autor, embora possua muitas características em comum com a obra Notre-Dame de Paris (1831). Durante a leitura da obra, somos assaltados pela surpresa de uma narração da resistência ao progresso revolucionário em 1793: 'a pequena guerra da Vendéia', um espaço eminentemente monarquista e feudal, oposto àquele da revolucionária Paris. Logo, Victor Hugo, ao colocar como tema de sua obra a Revolução Francesa, dialoga com o Romantismo, ora por meio da temática tipicamente nacionalista ora pelos aspectos constitutivos do texto (caracterização das personagens, abundante adjetivação, etc.). Ao darmos atenção ao período da escritura do livro, vemos, em 1871, o escritor francês que, ao retornar do exílio, encontra seu país em uma guerra civil causada pelo descontentamento contra o governo e a população revoltada contra a Revolução que prometera Liberdade, Igualdade e Fraternidade a todos, além de uma guerra externa contra a Prússia. (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) Abstract: La Révolution Française, elle redéfinit plusiers champs allant, jusqu aux sémantiques, et elle a collaboré avec la constituition du monde moderne d'une façon importante. Dans Quatrevingt-treize (1874) de Victor Hugo (1802-1885), nous avons, par le moyen d'une vision de la fin de siècle et romantique, une composition littéraire marquée par les places révolutionnaires et royalistes. Cette composition s'insère dans l'intention de se réecrire l'Histoire de la Révolution Française, qui prend forme dans ce dernier roman de Victor Hugo. Il s'agit d'un roman historique traditionnel, selon Georges Lukàcs (1936), représentant d'une lecture peu commune des actions qui vraiment ont eu lieu et qui cherche à racheter les valeurs et pensées latentes, pas au moment de l'écriture, mais dans celui que l'on essaie d'enregistrer par le moyen du mélange entre personnes historiques et personnages fictifs, dans le temps et l' espace réels. Par rapport à la totalité de l'oeuvre littéraire de Hugo, Quatrevingt-treize se montre comme le dernier roman écrit par l'auteur. Cependent il a beaucoup de caractéristiques en commun avec Notre-Dame de Paris (1831). Pendent la lecture, on s'etónne d'un récit sur la résistence au progrès revolutionnaire en 1793, c'est-à-dire, 'la petite guerre de Vendée', un endroit surtout royaliste et féodal, opposé à celui de Paris révolutionnaire. Par conséquent, Victor Hugo, en prennant comme thème de son oeuvre la Révolution Française, entame un dialogue avec le Romantisme, tantôt par le moyen du thème nationaliste, tantôt pour les aspects du texte (montage des personnages, usage des adjectifs, etc.). Si l'on se penche sur le période de l'écriture du livre, on voit, en 1871, l'écrivain français que, en rentrant de l'exil, trouva son pays en guerre civile dûe au mécontentement contre le gouvernement...(Complete abstract click eletronic access below) Mestre
2

Gêneros discursivos orais em perspectiva :a construção de sentidos em eventos de letramento na voz de acadêmicos de história

Lima, Abdul Joari, Fritzen, Maristela Pereira, Universidade Regional de Blumenau. Programa de Pós-Graduação em Educação. 2012 (has links)
Orientador: Maristela Pereira Fritzen. Dissertação (mestrado) - Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação.
3

Instantes líricos de revelação : a narrativa poética em A paixão segundo G. H.

Alonso, Mariângela. 2007 (has links)
Orientador: Guacira Marcondes Machado Leite Banca: Wilma Patrícia Marzari Dinardo Maas Banca: Ana Maria Domingues de Oliveira Resumo: A Modernidade foi palco da presença do "eu" do narrador realizada inicialmente pelo Romantismo e pelo Simbolismo. Ao contrário do realismo dos narradores do século XIX, a ficção moderna é caracterizada pelo emprego cada vez mais freqüente do foco narrativo em primeira pessoa. A narrativa A Paixão Segundo G.H., de Clarice Lispector enquadra-se perfeitamente nesta perspectiva. A crítica tem apontado esta obra como a narrativa que sintetiza os procedimentos enunciativos modernos e o trabalho artístico com a palavra. O procedimento de Clarice Lispector nesta obra ressalta a necessidade de se recorrer ao conceito de narrativa poética, uma vez que a autora funde a técnica da prosa e da poesia para relatar, em primeira pessoa, a viagem mítica da personagem G.H. pelo espaço labiríntico de seu apartamento. O poético apresenta-se em todos os níveis, desde a linguagem, marcada por um traço sumamente polissêmico, até as referências de tempo e espaço, na medida em que ganham a multiplicidade de sentidos. A narrativa gravita em torno dos passos que a personagem G.H. dá em seu apartamento, metáfora da peregrinação de ordem interior, a partir da decisão rotineira de arrumá-lo. No quarto da empregada, último cômodo de sua casa e primeiro a ser "arrumado", a personagem defronta-se com uma barata, ser que estabelece o ponto de partida para uma longa introspecção. Para demonstrar os momentos líricos de revelação tomados pela protagonista em seu apartamento, Clarice Lispector opta pela linguagem e estrutura poéticas, favorecendo, desta maneira, a análise e descrição da obra baseada na teoria da narrativa poética, postulada por Jean-Yves Tadié e Ralph Freedman. Abstract: The modernity was stage for the presence of the "I" from the narrator, already played before by Romanticism and Symbolism. Different of the narrators' realism from the XIX century, the modern fiction is characterized by the use always more often of the narrative focus in the first person. The narrative The passion according to G.H., by Clarice Lispector, makes part perfectly of this perspective. The criticism has pointed this act as the narrative which synthesizes the modern enunciative procedures and the artistic work with the word. Clarice Lispector's procedure in this act highlights the necessity of refer to the lyrical novel concept, once the narrator mixes techniques from prose and poetry to show, in the first person, the mythic trip of the character G.H. around the labyrinthine space of its apartment. The poetical presents in all the levels, since the language marked by a line a little polysemic, until to the references of time and space as they get multiplicity of sense. The narrative gravitates beyond the steps that the character G.H. gives in its apartment, metaphor of peregrination of low order from the daily decision in setting it. Gets surprised in the maid's room, the last room of its house and the first that gets cleaned up, the character faces a cockroach, which sets a starting point for a long introspection. Joining the lyrics moments of revelation gotten by the protagonist in its apartment, Clarice Lispector chooses the language and the poetic structures, promoting in this way, the analyze and description of the work based in the theory of the lyrical novel, postulated by Jean-Yves Tadié and Ralph Freedman. Mestre
4

O realismo inverossímil na literatura combinatória de Italo Calvino

Sousa, Rafael Nascimento. 2007 (has links)
Orientador: Guacira Marcondes Machado Leite Banca: Sérgio Mauro Banca: Adriana Iozzi Resumo: Italo Calvino iniciou sua produção literária em meio ao contexto histórico do pós-guerra italiano que determinara, mais como uma necessidade social do que artística, o surgimento do período do neo-realismo na literatura. No primeiro romance dessa fase, Il sentiero dei nidi di ragno, o escritor traz para o plano central do romance as histórias da resistenza, marcada pela luta dos partigiani contra a ocupação alemã. Da literatura engajada, Calvino passou à literatura "fantástica", bem representada pela trilogia I Nostri antenati, em que utiliza-se de características e temáticas de toda a tradição literária para compor imagens que, apesar de dissonantes com o contexto histórico-social do escritor, acabam por representar figurações de suas idéias acerca dos desafios que se mostram ao homem e à literatura de sua época. Observando a obra romanesca de Calvino até esse momento, é possível perceber que ela desenvolve um percurso temático que parte do empenho rumo às reflexões sobre o ato criador, que Calvino desenvolveria em obras posteriores. Neste percurso, o romance Il barone rampante constitui o ponto central da trilogia, romance em que o escritor demonstra um distanciamento do engajamento rumo às questões filosófico-sociais, mas que já apresenta, também, concretização de algumas de suas idéias literárias no desenvolver a narrativa. O intuito do presente trabalho é demonstrar como Calvino utiliza-se de constantes retomadas da tradição literária na constituição de imagens narrativas que, por extraordinárias que possam parecer, acabam por se apresentar como imagens das principais idéias do escritor sobre o momento em que vive, constituindo o que aqui é chamado de realismoinverossímil. Abstract: Italo Calvino started his literary work in post-war historical context. A moment that had caused the neo-realistic period in literature as a result from social more than literary needs. In the fisrt work in this period, Il Sentiero dei nidi di ragno, the writer presents stories from the resistenza, marked by partigiani's fights against germanic occupation. From engaged literature Calvino passed to "fantastic" literature, well represented by I Nostri antenati trilogy, in wich he employs characteristics and themes from literary tradition to build images. In despite of their non-direct relation with the writer's social-historical context that images figuratively present his ideas about the challenges that both man an literature faced in the moment when his is wrinting. Looking at his novels from this moment, we can see that they have a thematic development that goes from the engagement to some thoughts about the creative act. The novel Il Barone rampante is the central point in the trilogy. It is quite distant from the engagement in its pointing to socialphilosophical questions and presents the concretization of some ideas about the creative act. Our pourpose here is to show how Calvino uses the literary tradition in order to build narrative images that, in despite of their extraordinarity, figures as his main ideas about the moment in which he lives, and because of that they constitue what we call here relismo-inverossímil. Mestre
5

Análise documental em textos narrativos de ficção : subsídios para o processo de análise

Sabbag, Deise Maria Antonio. 2013 (has links)
Orientador: João Batista Ernesto de Moraes Banca: Fábio Assis Pinho Banca: José Augusto Chaves Guimarães Banca: Helen de Castro Silva Casarin Banca: Marisa Brascher Basilio Medeiros Resumo: A pesquisa Análise Documental de Textos Narrativos de Ficção: subsídios para o processo de análise tem como foco a representação do conteúdo temático de documentos de ficção. Tem como ponto de partida o conteúdo temático dos textos narrativos de ficção e o processo de análise, levantando o questionamento que este precisa levar em consideração o plano de conteúdo dos documentos. O problema da pesquisa foi a verificação da natureza e das características das representações documentais de textos narrativos de ficção com vista à proposição de elementos que corroborassem para análise desses documentos para sua representação e recuperação. O objetivo geral foi contribuir para uma proposta de metodologia para a análise de textos narrativos de ficção. Teve como objetivos específicos: definir o que é texto narrativo de ficção; propor ao analista, por meio da teoria do Percurso Gerativo de Sentido, as partes do documento que devem ser exploradas no momento da leitura técnica de textos narrativos de ficção; propor ao analista quais categorias devem ser analisadas para a definição do conteúdo de textos narrativos de ficção; e contribuir para o delineamento das etapas do processo de Análise Documental. A metodologia utilizada foi a elaborada para as ciências sociais proposta por Quivy e Van Campehoudt (2008) onde a investigação deve responder a alguns princípios estáveis e idênticos utilizando um caminho que mostre o procedimento da investigação na busca do objetivo final. Para o processo de análise de textos narrativos de ficção buscou-se subsídios no Percurso Gerativo de Sentido, articulado com a figura do espetáculo (leitura técnica) e as categorias propostas por Beghtol (1994) para a definição dos conteúdos dos documentos. Foram realizadas análises do processo proposto em duas obras de ficção... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) Abstract: The research Documentary Analysis of Narrative Fiction Texts: support for process analysis focuses on the representation of the thematic content of documents of fiction. It has as its basis the thematic content of the narrative texts of fiction and the process of analysis, raising the question that this needs to take into account the content of the plan documents. The research problem was to verify the nature and characteristics of documentary representations of fictional narrative texts in order to proposing elements to corroborate the analysis of these documents for their representation and retrieval. The overall objective was to contribute to a proposed methodology for the analysis of narrative texts of fiction. It had the following objectives: to define what is fictional narrative text; to propose to the analyst, through the theory of Generative Route Sense, parts of the document that should be explored at the time of reading technique fictional narrative texts; to propose to the analyst which categories should be analyzed to define the content of narrative texts of fiction; and contribute to the delineation of the stages of Document Analysis. The methodology used was developed for the social sciences andproposed by Quivy and Van Campehoudt (2008) where research should answer some stable and identical principles using a way that shows the procedure of the investigation in the pursuit of the ultimate goal. For the process of analyzing narrative texts of fiction sought to subsidies on Route Generative Sense, pleading with the spectacle figure (read technical) and the categories proposed by Beghtol (1994) to define the contents of the documents. it were performed analyzes of the proposed process in two works of fiction. The analyzes showed that the process of analyzing narrative texts of fiction proves efficient, representing the contents of documents of fiction Doutor
6

O gênero conto em Lives of Girls and Women : o labirinto de vozes em "Heirs of the Living Body"

Pizzi, Maria Claudia Bontempi. 2007 (has links)
Orientador: Maria das Graças Gomes Villa da Silva Banca: Ramira Maria Siqueira da Silva Pires Banca: Nelson Viana Resumo: Alice Munro destaca-se como grande autora de contos que, elaborados de forma renovada, desafiam a classificação do gênero e são caracterizados pelos finais em aberto. É no contraponto entre realismo, modernismo e pós-modernismo que Alice Munro constrói suas narrativas, um momento de transição e concepções renovadas a respeito do trabalho literário que, expresso em sua obra, conjuga os contrastes por meio de técnicas sofisticadas. A obra Lives of girls and women (2001), em destaque neste trabalho, é classificada como romance por alguns críticos - e até pela própria autora -, assumindo, por vezes, características de um Bildungsroman. No entanto, é constituída por contos, fragmentação que favorece a independência de cada narrativa, mas que não rompe definitivamente com a noção de continuidade, característica do romance. É nessa forma de trabalhar com o conto na obra citada que o projeto em questão se detém, buscando verificar como essa questão se dá dentro da estrutura do livro estudado e seus efeitos de sentido. Também constitui o objetivo do estudo identificar, em meio a essa fragmentação, o labirinto de vozes que, em parte, é responsável pelo efeito de reminiscência. Abstract: Alice Munro stands out as a great short-story writer with texts that, elaborated in a new form, defy the genre qualification and are characterized by the open endings. It is in the counterpoint between realism, modernism and post-modernism that Alice Munro builds her narratives, a moment of transition and renewed conceptions related to the literary work that, expressed in her pieces, conjugates the contrasts by sophisticated techniques. The piece Lives of girls and women (2001), in prominence in this work, is classified as a novel by some critics - and the writer herself -, having, sometimes, the characteristics of a Bildungsroman. However, it is made of shortstories, fragmentation that favours the independence of each narrative, but that does not break definitively the notion of continuity, characteristic of the novel. It is this way of working with the short-story in the cited piece that the project in question studies, trying to verify how this situation happens inside the book structure and its meaning effects. It is also an aim of the study to identify, in the middle of this fragmentation, the maze of voices that, in part, is responsible for the reminiscence effect. Mestre
7

O papel da espacialidade em Quatrevingt-treize de Victor Hugo: um romance histórico à espreita dos espaços monárquicos e revolucionários

Ribeiro, Rosária Cristina Costa [UNESP] 27 March 2007 (has links)
A Revolução Francesa redefiniu vários campos, até mesmo os semânticos, e contribuiu para a formação do mundo contemporâneo de maneira extremamente ampla. Em Quatrevingt-treize (1874) de Victor Hugo (1802-1885), temos, por meio de uma visão finissecular e romântica, a composição literária de espaços rebeldes e monárquicos. Tal composição faz completude ao intento de se re-escrever a História da Revolução Francesa, materializado nesse derradeiro romance hugoano. Trata-se de um romance histórico tradicional, segundo Georges Lukàcs (1936), representante de uma leitura pouco comum dos acontecimentos e que busca resgatar os valores e ideologias latentes não no momento da escritura, mas sim naquele que se tenta registrar por meio da mescla de personagens históricos e fictícios em meio a tempo e espaços realmente existentes. Em relação à totalidade da obra hugoana, mostra-se como o último romance produzido pelo autor, embora possua muitas características em comum com a obra Notre-Dame de Paris (1831). Durante a leitura da obra, somos assaltados pela surpresa de uma narração da resistência ao progresso revolucionário em 1793: 'a pequena guerra da Vendéia', um espaço eminentemente monarquista e feudal, oposto àquele da revolucionária Paris. Logo, Victor Hugo, ao colocar como tema de sua obra a Revolução Francesa, dialoga com o Romantismo, ora por meio da temática tipicamente nacionalista ora pelos aspectos constitutivos do texto (caracterização das personagens, abundante adjetivação, etc.). Ao darmos atenção ao período da escritura do livro, vemos, em 1871, o escritor francês que, ao retornar do exílio, encontra seu país em uma guerra civil causada pelo descontentamento contra o governo e a população revoltada contra a Revolução que prometera Liberdade, Igualdade e Fraternidade a todos, além de uma guerra externa contra a Prússia. La Révolution Française, elle redéfinit plusiers champs allant, jusqu aux sémantiques, et elle a collaboré avec la constituition du monde moderne d'une façon importante. Dans Quatrevingt-treize (1874) de Victor Hugo (1802-1885), nous avons, par le moyen d'une vision de la fin de siècle et romantique, une composition littéraire marquée par les places révolutionnaires et royalistes. Cette composition s'insère dans l'intention de se réecrire l'Histoire de la Révolution Française, qui prend forme dans ce dernier roman de Victor Hugo. Il s'agit d'un roman historique traditionnel, selon Georges Lukàcs (1936), représentant d'une lecture peu commune des actions qui vraiment ont eu lieu et qui cherche à racheter les valeurs et pensées latentes, pas au moment de l'écriture, mais dans celui que l'on essaie d'enregistrer par le moyen du mélange entre personnes historiques et personnages fictifs, dans le temps et l' espace réels. Par rapport à la totalité de l'oeuvre littéraire de Hugo, Quatrevingt-treize se montre comme le dernier roman écrit par l'auteur. Cependent il a beaucoup de caractéristiques en commun avec Notre-Dame de Paris (1831). Pendent la lecture, on s'etónne d'un récit sur la résistence au progrès revolutionnaire en 1793, c'est-à-dire, 'la petite guerre de Vendée', un endroit surtout royaliste et féodal, opposé à celui de Paris révolutionnaire. Par conséquent, Victor Hugo, en prennant comme thème de son oeuvre la Révolution Française, entame un dialogue avec le Romantisme, tantôt par le moyen du thème nationaliste, tantôt pour les aspects du texte (montage des personnages, usage des adjectifs, etc.). Si l'on se penche sur le période de l'écriture du livre, on voit, en 1871, l'écrivain français que, en rentrant de l'exil, trouva son pays en guerre civile dûe au mécontentement contre le gouvernement...(Complete abstract click eletronic access below)
8

Análise documental em textos narrativos de ficção: subsídios para o processo de análise

Sabbag, Deise Maria Antonio [UNESP] 6 August 2013 (has links)
The research Documentary Analysis of Narrative Fiction Texts: support for process analysis focuses on the representation of the thematic content of documents of fiction. It has as its basis the thematic content of the narrative texts of fiction and the process of analysis, raising the question that this needs to take into account the content of the plan documents. The research problem was to verify the nature and characteristics of documentary representations of fictional narrative texts in order to proposing elements to corroborate the analysis of these documents for their representation and retrieval. The overall objective was to contribute to a proposed methodology for the analysis of narrative texts of fiction. It had the following objectives: to define what is fictional narrative text; to propose to the analyst, through the theory of Generative Route Sense, parts of the document that should be explored at the time of reading technique fictional narrative texts; to propose to the analyst which categories should be analyzed to define the content of narrative texts of fiction; and contribute to the delineation of the stages of Document Analysis. The methodology used was developed for the social sciences andproposed by Quivy and Van Campehoudt (2008) where research should answer some stable and identical principles using a way that shows the procedure of the investigation in the pursuit of the ultimate goal. For the process of analyzing narrative texts of fiction sought to subsidies on Route Generative Sense, pleading with the spectacle figure (read technical) and the categories proposed by Beghtol (1994) to define the contents of the documents. it were performed analyzes of the proposed process in two works of fiction. The analyzes showed that the process of analyzing narrative texts of fiction proves efficient, representing the contents of documents of fiction A pesquisa Análise Documental de Textos Narrativos de Ficção: subsídios para o processo de análise tem como foco a representação do conteúdo temático de documentos de ficção. Tem como ponto de partida o conteúdo temático dos textos narrativos de ficção e o processo de análise, levantando o questionamento que este precisa levar em consideração o plano de conteúdo dos documentos. O problema da pesquisa foi a verificação da natureza e das características das representações documentais de textos narrativos de ficção com vista à proposição de elementos que corroborassem para análise desses documentos para sua representação e recuperação. O objetivo geral foi contribuir para uma proposta de metodologia para a análise de textos narrativos de ficção. Teve como objetivos específicos: definir o que é texto narrativo de ficção; propor ao analista, por meio da teoria do Percurso Gerativo de Sentido, as partes do documento que devem ser exploradas no momento da leitura técnica de textos narrativos de ficção; propor ao analista quais categorias devem ser analisadas para a definição do conteúdo de textos narrativos de ficção; e contribuir para o delineamento das etapas do processo de Análise Documental. A metodologia utilizada foi a elaborada para as ciências sociais proposta por Quivy e Van Campehoudt (2008) onde a investigação deve responder a alguns princípios estáveis e idênticos utilizando um caminho que mostre o procedimento da investigação na busca do objetivo final. Para o processo de análise de textos narrativos de ficção buscou-se subsídios no Percurso Gerativo de Sentido, articulado com a figura do espetáculo (leitura técnica) e as categorias propostas por Beghtol (1994) para a definição dos conteúdos dos documentos. Foram realizadas análises do processo proposto em duas obras de ficção...
9

Bendito : a narrativa em fluxos transmídia

Reis Neto, Ruy Mendes, 1975- 2014 (has links)
Orientador: Rosanela da Silva Leote Banca: Agnus Valente Banca: Luiz Guilherme de C. Antunes Resumo: Esta dissertação aborda a evolução da narrativa aristotélica para a narrativa transmídia. A primeira parte deste processo envolveu o estudo de teorias narrativas clássicas, principalmente as obras de Aristóteles (1999), Tzvetan Todorov (2003) e Robert Mckee (2006); a abordagem de algumas transformações culturais que teriam influenciado a narrativa, tais como expostas por Gilles Deleuze e Felix Guatarri (1987) e seu conceito de rizoma, Michel Foucault (2008) no que diz respeito à sua proposta de interpretação da história, e Jean-François Lyotard (1984) sobre as metanarrativas; e a discussão sobre narrativas transmídia tal como apresentadas por Rosangella Leote (2007), Henry Jenkins (2008), Vicente Gosciola (2012) e Lev Manovich (1999). Este estudo sustenta e é suscitado pela segunda parte deste processo, que envolveu o planejamento para uma produção multimídia, cuja formatação se mostra aqui visando o desenvolvimento futuro da obra Bendito, com o patrocínio necessário. A obra toma por base a narrativa clássica contida no livro de Jó, adaptando-a, através de técnicas narrativas transmídia, para uma produção contemporânea. A produção final, uma vez patrocinada, deverá envolver os meios digitais, suportes físicos e o espaço público. Anexado a este volume está um CD, com um curta metragem Sacrifício (2010) mp4, uma música Bendito seja o nome (2014).wav, e uma pasta com nove imagens estereográficas. O curta metragem foi realizado por nós em época anterior a este trabalho, e serve de exemplo a um tópico discutido à página 77. Já a música e as imagens foram realizadas por nós no decorrer deste trabalho, e são parte integrante deste Abstract: This paper discusses the evolution of Aristotelian narrative towards transmedia narratives. The first part of this process involved the study of classical narrative theories, especially the works of Aristotle (1999), Tzvetan Todorov (2003) and Robert Mckee (2006); the approach to cultural changes that have influenced the narrative, such as exposed by Gilles Deleuze and Felix Guatarri (1987) and their concept of rhizome, Michel Foucault (2008) with regard to his proposed interpretation of history, and Jean-François Lyotard (1984) on the meta-narratives; and the discussion of transmedia narratives as presented by Rosangella Leote (2007), Henrique Jenkins (2008), Vicente Gosciola (2012) and Lev Manovich (1999). This study supports and is elicited by the second part of this process, which involved planning for multimedia production whose format is shown here aiming at the future developmentof the work Bendito with the necessary sponsorship. The work is based on the classic narrative contained in the book of Job, adapting it through transmedia storytelling techniques to a conteporary production. The final production, once spored, should involve digital media, physical media and the public space. Attached to this volume is a CD with a short film Sacrificio (2010) mp4, a song Bendito seja o nome (2014).wav, and a folder with nine stereographic images. The short film was made by us previously, and serves as an example to a topic discussed on page 77. The music and the images were made by us during the course of this work, and are an integral part of it Mestre
10

O realismo mágico na comunhão estética entre Memorial do convento e Cem anos de solidão

Lopes, Tania Mara Antonietti. 2007 (has links)
Orientador: Márcia Valéria Zamboni Gobbi Banca: Maria Dolores Aybar Ramirez Banca: Lílian Lopondo Resumo: Memorial do Convento (1982), de José Saramago (1922), é a obra primordial que constitui o corpus de nossa pesquisa, na qual o autor português lança mão de um dos elementos representativos da expressão que, de certa forma, se associa à literatura hispano-americana e que se denomina como realismo mágico. É sob a perspectiva dessa categoria literária que propomos uma análise do romance do autor português. O mais importante na configuração do realismo mágico é a descoberta da misteriosa relação existente entre o homem e as circunstâncias em que está inserido. É importante esclarecermos que o realismo mágico não é hoje exclusivo da América Latina, mas foi apropriado por outras literaturas; sua preocupação elementar é constatar uma nova atitude do narrador diante do real. A produção de José Saramago e a de Gabriel García Márquez (1928) - autor cuja obra, Cem Anos de Solidão (1967), também integra, secundariamente, o nosso corpus - se assemelham em determinados procedimentos narrativos - tais como o realismo mágico, a desintegração da lógica linear de construção e a diversidade das vozes narrativas, que justificam sua aproximação. Considerando esses procedimentos, comuns na literatura hispano-americana, pretendemos estudar a comunhão estética entre as duas narrativas em questão, observando como o realismo mágico singulariza a relação entre história e ficção no romance de José Saramago. Abstract: Memorial do Convento (1982), by José Saramago (1922), is the main work in our research corpus, in which the Portuguese author uses one of the representative elements of the expression that is associated, in a way, with the Hispano-American literature and is called magical realism. It is through the perspective of this literary category that we propose an analysis of Saramago's novel. The most important element in the configuration of magical realism is the discovery of the mysterious relationship between man and the circumstances that surround him. It is important to clarify that magical realism today is not confined to Latin America, but was absorbed by other literatures; its main concern is to show a new attitude of the narrator towards reality. The work of José Saramago and Gabriel García Márquez (1928) - a writer whose novel Cem Anos de Solidão (1967) is also, secondarily, a part of our corpus - resemble each other in certain narrative procedures, like magical realism itself, the breakdown of linear logic and the diversity of narrative voices, all of which warrant their proximity. By considering those procedures, common in Hispano-American literature, we intend to study the aesthetic communion between the two narratives, showing how magical realism informs the relationship between history and fiction in José Saramago's novel. Mestre

Page generated in 0.1669 seconds