• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 209
  • 3
  • 1
  • Tagged with
  • 212
  • 212
  • 119
  • 73
  • 57
  • 54
  • 52
  • 48
  • 40
  • 33
  • 32
  • 31
  • 31
  • 31
  • 28
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
11

O microempreendedor individual (MEI) no litoral do Paraná : uma análise da formalização sob a perspectiva do trabalho

Silva, Marcus Aurélio Soares da January 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Ivan Jairo Junckes / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Matinhos, 30/03/2017 / Inclui referências : f. 119-130 / Resumo: A partir da primeira década de 1970 o conceito keynesianismo/fordismo entrou em declínio concorrendo para mudanças estruturais de gerenciamento, alocação de recursos humanos, reorganização do espaço. Dentro desse contexto, há o deslocamento compulsório do trabalhador fabril para as mais diversas atividades no mercado de trabalho no setor terciário. Boa parte das atividades desempenhadas pelos trabalhadores desse setor é desenvolvida na informalidade. No Brasil, para reverter o quadro de alastramento e superlativação do setor informal foi criada a Lei Complementar128/08 que formaliza a figura do Microempreendedor Individual (MEI). Na implantação dessa política pública está prevista uma série de dispositivos que tem o objetivo de auxiliar na sustentabilidade e expansão desse novo tecido empresarial. Nos municípios do Litoral do Paraná a implantação da referida lei se dá, principalmente, pela parceria entre as prefeituras e o SEBRAE, através das salas do empreendedor em cada município, que se constitui em canal de ligação entre as estratégias e ações desenvolvidas no sentido de atendimento do MEI. Este trabalho visa a investigar como os trabalhadores, mercado e organizações públicas e sociais têm promovido e acolhido a formalização do microempreendedor individual na Microrregião Geográfica de Paranaguá/Litoral Paranaense. Para o desenvolvimento dos trabalhos foram pesquisados dados secundários, realizada pesquisa bibliográfica e foi realizado um total de 38 entrevistas e aplicação de questionários com agentes públicos de desenvolvimento e MEI. Os resultados permitem conhecer a situação dos MEI no litoral paranaense assim como servem de subsídio para elaboração de políticas específicas voltadas a essa população. Palavras-chave: Trabalho. Informalidade. Política Pública. Microempreendedor individual. Litoral paranaense. / Resumen: Desde los primeros años de 1970 el concepto keynesianismo/fordismo entró en declinación concurriendo para los cambios estructurales de gestión, asignación de recursos humanos, reorganización del espacio. Dentro de ese contexto, hay el desplazamiento obligatorio del trabajador fabril para las más distintas actividades en el mercado de trabajo en el sector terciario. Buena parte de las actividades desempeñadas por los trabajadores de este sector es desarrollada en la informalidad. En Brasil, para volver el cuadro de extensión y superlativación del sector informal fue creada la Ley Complementar 128/08 que formaliza la figura del micro emprendedor individual (MEI). En la implantación de esta política pública está prevista una serie de dispositivos que tiene el objetivo de auxiliar en la sostenibilidad y expansión de este entorno empresarial. En los municipios del litoral del Paraná la implantación de la referida ley se da, principalmente, por la asociación entre los ayuntamientos y l SEBRAE, a través de las salas del emprendedor en cada municipio, que se constituye en canal de conexión entre las estrategias y acciones desarrolladas en apoyo a MEI. Este trabajo busca investigar como los trabajadores, mercado y organizaciones públicas y sociales han promovido y acogido la formación del micro emprendedor individual en la microrregión de Paranaguá/Litoral paranaense. Para el desarrollo del trabajo fueron investigados datos secundarios, fue hecha una búsqueda bibliográfica y fue realizado un total de 38 entrevistas y aplicación de cuestionarios con agentes públicos de desarrollo y MEI. Los resultados permiten conocer la situación de los MEI en la costa paranaense, así como sirven de subsidios para elaboración de políticas específicas orientadas a esa población. Palabras - clave: Trabajo. Informalidad. Política Pública. Micro empresário individual. Litoral paranaense
12

Mulheres e trabalho : diversidade sexual, vivências profissionais e desenvolvimento

Salino, Rita Estela January 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Marcos Claudio Signorelli / Co-orientadora: Profa. Dra. Nadia Terezinha Covolan / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Matinhos, 30/03/2017 / Inclui referências : f. 114-122 / Resumo: Este estudo investigou a relação entre mulheres e seus trabalhos, com foco nas intersecções entre diversidade sexual, vivências profissionais e desenvolvimento humano e sustentável. Partiu-se das perguntas norteadoras: Em que medida a diversidade sexual das mulheres influencia suas relações com o mundo do trabalho? Como a diversidade sexual de mulheres e sua relação com o trabalho interpela o desenvolvimento humano e sustentável? A abordagem metodológica envolveu a pesquisa quali-quantitativa com 108 mulheres com orientação sexual homossexual e bissexual de diversas regiões do Brasil, entre junho a outubro de 2016. Os dados quantitativos foram obtidos mediante questionário online e compilados mediante estatística descritiva; os dados qualitativos emergiram mediante 25 entrevistas em profundidade realizadas com questões semiestruturadas, gravadas, transcritas, codificadas. Os dados do campo foram cotejados com a literatura pertinente, especialmente com os estudos de gênero relacionados ao desenvolvimento humano e sustentável. A análise dos dados permitiu a elaboração de três artigos que integram a seção de resultados. No primeiro artigo, abordam-se as oportunidades de emprego e renda das mulheres homo e bissexuais, suas conquistas e desafios e a relação desses com o desenvolvimento sustentável. No segundo tratou-se das violências de gênero no acesso ao emprego, ascensão na carreira e das interações profissionais cotidianas que interpelam o desenvolvimento humano e sustentável. No terceiro, abordou-se a interseccionalidade de gênero, orientação sexual e raça/cor no acesso ao emprego, ascensão na carreira e interações profissionais para o desenvolvimento das mulheres. Por fim, são tecidas considerações sobre todo ouvido, lido e vivido nesse período. Com este estudo, em síntese, argumenta-se que: 1) a diversidade sexual engendra preconceitos no trabalho, que se interseccionam com questões de gênero; 2) o ambiente do trabalho configurou-se por um território com exercício de poder heteronormativo; 3) o trabalho pode caracterizar-se como um espaço limitador da autonomia feminina, uma vez que impede o direito das mulheres homo e bissexuais de terem asseguradas suas liberdades substantivas e de viverem de acordo com seus próprios valores; e por isso implica em entraves para o desenvolvimento humano e sustentável de mulheres com orientação sexual homossexual e bissexual no trabalho. Palavras-chave: Gênero. Diversidade. Trabalho. Desenvolvimento Humano. Desenvolvimento Sustentável. / Abstract: This study investigated the relationship between women and their work, focusing on the intersections between sexual diversity, professional experiences and human and sustainable development. From the guiding questions: To what extent does the sexual diversity of women influence their relations with the world of work? How does the sexual diversity of women and their relation to labor challenge human and sustainable development? The methodological approach involved qualitative and quantitative research with 108 women with homosexual and bisexual sexual orientation from different regions of Brazil from June to October 2016. Quantitative data were obtained through online questionnaire and compiled through descriptive statistics; The qualitative data emerged through 25 in-depth interviews conducted with semi-structured, recorded, transcribed, coded questions. Field data were collated with relevant literature, especially with gender studies related to human and sustainable development. Data analysis allowed the elaboration of three articles that are part of the results section. The first article addresses the employment and income opportunities of homosexual and bisexual women, their achievements and challenges, and their relationship to sustainable development. The second dealt with gender-based violence in access to employment, career advancement and daily professional interactions that challenge human and sustainable development. In the third, the intersectionality of gender, sexual orientation and race / color in access to employment, career advancement and professional interactions for the development of women were addressed. Finally, considerations are woven over all heard, read and lived in this period. With this study, in summary, it is argued that: 1) sexual diversity generates prejudices at work, which intersect with gender issues; 2) the work environment was configured by a territory with exercise of heteronormative power; 3) work can be characterized as a space limiting female autonomy, since it impedes the right of homosexual and bisexual women to have their substantive freedoms guaranteed and to live according to their own values; and therefore implies obstacles to the human and sustainable development of women with homosexual and bisexual sexual orientation at work. . Key-words: Gender. Diversity. Work. Human Development. Sustaining Development.
13

As representações sociais do legislativo municipal de Matinhos-PR sobre desenvolvimento territorial sustentável

Oliveira, Erick Renan Xavier de January 2016 (has links)
Orientador : Profª. Drª. Daniela Archanjo Resende / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Curitiba, 06/06/2016 / Inclui referências : f. 81-90 / Resumo: O tema desenvolvimento sustentável tem sido recorrentemente abordado no século XXI, foco de muitas pesquisas, discussões e abordagens. Embora haja um intenso debate, o termo por si só pode assumir diferentes significados nos diversos âmbitos da sociedade, visto que não há uma teoria que apreenda toda a sua complexidade. No âmbito político, esse discurso pode tomar corpo tanto nas falas quanto nas ações dos representantes políticos. Neste sentido, investigar como este grupo entende o desenvolvimento territorial sustentável pode abrir espaço para visualizar as diferentes formas de apropriação do termo e também verificar até que ponto este entendimento perpassa a sua fala, refletindo na sua atuação de forma prática. Para buscar essa compreensão, tomou-se como base a teoria das representações sociais nas perspectivas de Serge Moscovici, Denise Jodelet e Mary Jane Spink, tendo também a teoria do Eco desenvolvimento de Ignacy Sachs como referencial do Desenvolvimento territorial sustentável. Os sujeitos, para esta pesquisa foram delimitados aos vereadores da cidade de Matinhos-PR, visto que sob o enfoque territorial (atores que estabelecem relação de poder no território) desempenham um papel importante na construção de políticas públicas/ou na legislação sobre o tema. As objetivas centrais desta pesquisa foram: (i) verificar quais são as representações sociais dos vereadores sobre desenvolvimento territorial sustentável, apontando assuas divergências e similitudes e; como dialogam em relação à teoria do Eco desenvolvimento de Ignacy Sachs; (ii) verificar em que medida há aproximação entre estas representações sociais e a produção legislativa dos vereadores, entendida como dimensão prática (da ação) dos sujeitos como atores sociais no território. A metodologia valeu-se de instrumento qualitativo para apreensão das representações sociais (e práticas legislativas) em forma de roteiro semi-estrutura do aplicado nas entrevistas em campo junto aos (nove) vereadores e da técnica da observação das sessões legislativas (outubro e novembro/ 2015). Além destes, fez seo levantamento da produção legislativa dos anos de 2013 e 2014 como instrumento de correlação entre as representações e a prática dos sujeitos. Para realizar o diálogo entre as representações sociais e a literatura, foram utilizadas as dimensões de sustentabilidade de Sachs, oriundas da teoria do Eco desenvolvimento com pequenas adaptações. Como resultados desta pesquisa evidenciou-se que os vereadores de Matinhos-PR (legislatura 2013-2016) têm suas representações sociais pautadas principalmente em questões como turismo e meio ambiente. As representações sociais dos sujeitos nesta pesquisa apresentaram pouca correlação com a produção legislativa analisada, embora tenham citado algumas das medidas que reconhecem como desenvolvimento territorial sustentável. O diálogo com a literatura demonstrou correlações (de similitude e divergência) com as dimensões de sustentabilidade econômica (turismo) e ecológica (preservação, reciclagem, educação ambiental).Palavras-chaves: Representações sociais. Poder Le / Abstract: The theme of sustainable development has been recurrently addressed in the twenty-first century, focus of much research, discussions and approaches. Although there is intense debate, the term itself can have different meanings in different areasof society, since there not exist a theory that explicated all its complexity. Politically, discourse can take shape both in the words and in the actions of politica representatives. In this sense, to investigate how this group understands sustainable territorial development can open space to see the different forms of ownership of the term and also check to extent this understanding permeates his speech, reflecting on their performance in a practical way. To get this understanding, it took as a basis that theory of social representations in perspective of Serge Moscovici, Denise Jodeletand Mary Jane Spink also having Eco development theory of Ignacy Sachs as a benchmark for sustainable territorial development. The subjects for this study were limited to city alderman of Matinhos-PR, as on the territorial approach (actors that establish power relationship in the territory) play an important role in building public policies / or legislation on the subject. The main objectives of this research were: (i)verify what are the social representations of the city alderman on sustainable territorial development, pointing out their differences and similarities and; as dialogue regarding Eco development theory of Ignacy Sachs; (ii) to verify to what extent the reis an approximation between these social representations and the legislative production of aldermen, understood as practical dimension (action) of the subjects as social actors in the territory. The methodology drew on qualitative tool for apprehension of social representations (and legislative practices) in the form of semistructuredapplied in the interviews in the field with the (nine) councilors and the observation technique of legislative sessions (October and November / 2015).Besides these, there was the lifting of the legislative production of the years 2013and 2014 as a correlation tool between the representations and practice of the subjects. To carry out the dialogue between social representations and literature, we used the Sachs sustainability dimensions arising from the Eco development theory with minor adaptations. As a result of this research showed that the councilors of Matinhos-PR (2013-2016 legislature) have their social representations guided mainly on issues such as tourism and the environment. The Social representations of the subjects in this study showed little correlation with the analyzed legislative production, although they quoted some of the measures that recognize as sustainable territorial development. The dialogue with the literature show decorrelations (of similarity and divergence) with dimensions of economic sustainability(tourism) and ecological (conservation, recycling, environmental education).Keywords: Social representations. Power City Council. Sustainable TerritorialDevelopment.
14

Envelhecimento e qualidade de vida : idosos participantes do serviço de convivência e fortalecimento de vínculos em Pontal do Paraná

Santos, Tarcimeri Serpa dos January 2017 (has links)
Orientadora : Profª. Drª. Marisete Teresinha Hoffmann-Horochovski / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Matinhos, 28/08/2017 / Inclui referências : f. 111-118 / Resumo: Num contexto de crescente envelhecimento populacional, é fundamental conhecer mais sobre essa fase da vida, suas demandas e sobre as políticas públicas existentes. Este trabalho apresenta um estudo a respeito da qualidade de vida e vivência de pessoas idosas que frequentam o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Pessoa Idosa (SCFVI) no Centro de Referência de Assistência Social - CRAS Canoas, município de Pontal do Paraná (PR). A pesquisa de campo foi realizada no período de maio a dezembro de 2016, com o objetivo de avaliar a qualidade de vida e compreender o processo de envelhecimento dos idosos participantes do serviço. A metodologia utilizada foi quali-quantitativa, com os seguintes instrumentos de coleta de dados: observação participante durante a realização dos encontros do grupo do SCFVI; aplicação do questionário WHOQOL-Bref e entrevista semiestruturada com os dezesseis idosos integrantes do grupo. Nos resultados obtidos com o WHOQOL-Bref, evidenciou-se que a participação dos idosos nas atividades do serviço não foi determinante para uma melhora na qualidade de vida. Todavia, por meio das entrevistas e da observação, foi possível compreender melhor alguns aspectos que influenciam o envelhecimento e a qualidade de vida dos pesquisados, que estão em situação de vulnerabilidade social (socioeconômicas, condições precárias de moradia, ausência de um ambiente familiar), bem como perceber as atitudes dos participantes na interação grupal. De forma geral, na conclusão, aponta-se que os encontros do SCFVI colaboraram para o fortalecimento de vínculos e autonomia social, com atividades que buscaram incentivar a socialização, convivência comunitária e valorização das experiências vividas. Palavras-chave: Envelhecimento. Qualidade de vida. Vivência. Pessoa Idosa. SCFVI. / Abstract: In a context of increasing ageing population, It is fundamental to know more about this phase of life, Its demands and on existing public policies. This work introduces a study about the quality of life and livingness of older people that attend the Service of Interaction and Strengthening of the Older People's Bond (SCFVI) in the Social Assistance Reference Center (CRAS), located in Canoas, city of Pontal do Paraná, Paraná, Brazil. The Field Research was conducted from May to December 2016, with the aim of assess the quality of life and understand the ageing process of the elderly participants of the service. The methodology used was a quali-quantitative approach, with the following instruments of data collection: participant observation during the meetings of the (SCFVI) group; application of a questionnaire (WHOQOL-BREF), and semi-structured interview with the sixteen elderly members of the group. The results obtained with (WHOQOL-BREF), showed that the participation of the elderly in the activities of the service was not determinant to improve the older people's quality of life. However, through interviews and observation, was possible to better understand some aspects that influence the ageing and quality of life of the surveyed, that are in a socially vulnerable situation (socioeconomic, in precarious conditions of housing and lack of family environment), as well as realize the participants' attitudes in group interaction. In general, at the conclusion, it is worth to point out that the (SCFVI) meetings cooperated in the strengthening of the bonds and social autonomy, with activities that sought to encourage socialization, community life and valorization of the experiences of life. Keywords: Ageing, quality of life, livingness, older person, (SCFVI).
15

O investimento eleitoral e as elites político-empresariais nas comissões da câmara dos deputados em 2016

Geara, Luiz Eduardo January 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Ivan Jairo Junckes / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Matinhos, 23/08/2017 / Inclui referências : f. 91-97 / Resumo: A presente dissertação versa sobre a investigação das relações entre o financiamento eleitoral empresarial dos deputados federais eleitos para a 55ª Legislatura (2015-2019) e a composição das comissões permanentes na Câmara Federal durante o exercício legislativo de 2016. Apresentam-se as seguintes questões para análise: Como estão formadas as redes de financiamento dos parlamentares membros das comissões? Quem são os financiadores de maior influência e a quais grupos econômicos estão vinculados? As fontes da pesquisa são o site da Câmara dos Deputados, as páginas eletrônicas dos principais grupos econômicos que realizaram investimentos eleitorais em 2014 e as informações sobre candidatos e sobre a prestação de contas eleitorais disponibilizadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e organizados em banco de dados pelo Grupo de Estudos Territoriais (GETE/UEPG). Os dados foram submetidos à metodologia Análise das Redes Sociais (ARS) e processados no programa Gephi, utilizando-se também planilhas eletrônicas e editor de texto para o trabalho. Os resultados evidenciam uma acentuada conectividade do capital financiador e a direcionalidade dos recursos de financiamento para comissões cujas funções estão diretamente associadas aos interesses dos agentes corporativos. Palavras-Chave: Financiamento eleitoral; Câmara dos Deputados; Comissões Permanentes; Grupos de interesse e pressão; Análise de Redes Sociais. / Abstract: This dissertation is about the investigation of the relationship between the corporate election financing of federal deputies elected to the 55th Legislature (2015-2019) and the composition of the standing committees in the Federal Chamber during the 2016 legislative exercise. The following questions for analysis: How are the funding networks of parliamentarians committee members formed? Who are the most influential financiers and to which economic groups are they linked? The sources of the research are the website of the Chamber of Deputies, the electronic pages of the main economic groups that carried out electoral investments in 2014, and the information on candidates and the electoral accounts provided by the Superior Electoral Court (TSE) and organized in a bank The Territorial Studies Group (GETE / UEPG). The data were submitted to the methodology of Social Network Analysis (SNA) and processed in the Gephi program, using also spreadsheets and text editor for the work. The results show a strong connectivity of financing capital and the directionality of financing resources for commissions whose functions are directly associated with the interests of corporate agents. Key words: Electoral financing; Chamber of Deputies; Standing Committees; Interest and pressure groups; Social Network Analysis.
16

A prática educativa e o desenvolvimento territorial : um estudo de caso no município de Chapada Gaúcha, MG

Salgado, Cecília Langoni 07 May 2010 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2010. / Submitted by Fernanda Weschenfelder (nandaweschenfelder@gmail.com) on 2010-11-08T19:25:08Z No. of bitstreams: 1 2010_CeciliaLangoniSalgado.pdf: 987198 bytes, checksum: 2f4458957b30a3e26ec0a65657e48147 (MD5) / Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2010-11-11T00:07:01Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2010_CeciliaLangoniSalgado.pdf: 987198 bytes, checksum: 2f4458957b30a3e26ec0a65657e48147 (MD5) / Made available in DSpace on 2010-11-11T00:07:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2010_CeciliaLangoniSalgado.pdf: 987198 bytes, checksum: 2f4458957b30a3e26ec0a65657e48147 (MD5) / O desregrado desenvolvimento técnico-científico da civilização humana tem gerado conseqüências socioambientais profundas, modificando as formas sócio-organizativas e políticoeconômicas da relação „sociedade - meio ambiente‟. Estas conseqüências evidenciaram, dentre outros, a necessidade de mudanças emergenciais, promovendo o resgate de conceitos sob nova relevância de qualidade e eqüidade socioambiental. Nestas circunstâncias, o presente trabalho apresenta a releitura de dois conceitos e a possibilidade de correlação entre eles, sendo o „desenvolvimento territorial‟ e a „educação‟. Com ênfase nas dimensões institucional e ambiental do desenvolvimento territorial, o presente trabalho propõe os processos educativos como ferramentas para projetos que objetivam o empoderamento teórico e crítico da população visando seu processo de autogestão num território dado. Objetivando a compreensão dos contributos da educação para o desenvolvimento territorial, buscou-se averiguar de que maneira as instituições escolares podem contribuir para a transformação dos sujeitos e das organizações sociais em prol do desenvolvimento territorial; identificar em que medida a escola e os projetos estudados podem ou não potencializar a qualidade de vida socioambiental na região; e elaborar um modelo teórico-metodológico. O trabalho foi realizado no município de Chapada Gaúcha (MG), junto à Escola Estadual de Serra das Araras e à Escola Municipal Santa Terezinha situadas, respectivamente, na Vila de Serra das Araras e na comunidade de Buraquinho, sob o âmbito dos projetos de desenvolvimento territorial „Urucuia Grande Sertão‟ e „Mosaico Sertão Veredas-Peruaçu‟. A pesquisa compreendeu o levantamento teórico e o trabalho em campo. O primeiro abrangeu pesquisas documentais e bibliográficas como aporte teórico ao modelo. O segundo concretizou-se nas entrevistas as comunidades, aos atores escolares (corpo pedagógico-administrativo) e as instituições promotoras do desenvolvimento. Os resultados apresentaram uma realidade distinta à proposta teórica, relacionando-se a carências materiais e estruturais. As propostas de desenvolvimento territorial existentes na região são dúbias, vinculando o município a territórios distintos, nem sempre compatíveis com a identidade da população; e suas atividades encontram-se desconectas e pouco reconhecidas pela população. As escolas possuem necessidades básicas anteriores a capacidade interativa, como inadequada estrutura física; baixa qualificação e regularidade na formação dos profissionais; e delicado relacionamento interno e externo, com pouco diálogo existente entre seus profissionais e com a inexistência de parcerias contínuas com a comunidade e demais instituições. Outro agravante é que a comunidade é majoritariamente desprovida de bases materiais e informacionais. Estes fatores dificultam seriamente a participação da população nos projetos propostos, bem como à estruturação e continuidade destes enquanto novas propostas de desenvolvimento. Todavia, caracteres como o rico contexto socioambiental, a capacidade organizativa da população, o apoio político e a sensibilização territorial já existente, contribuem significativamente para mudanças de fato com qualidade e equidade socioambiental. Para tanto, sugere-se a revisão e reestruturação dos pontos críticos. Sanadas as carências materiais básicas tanto da população como das atividades escolares, propõe-se o firmamento de parcerias entre as instituições e os projetos desenvolvidos, ressaltando-se e retoma a importância humana enquanto „ferramenta‟ indispensável para o desenvolvimento, tendo a escola como elo imprescindível, enquanto gestora e fomentadora de parcerias para a capacidade humana em modificar seu espaço-tempo e (re)criar sua realidade sócio-comunitária. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The irregular technical scientific development of human civilization has brought deep socialenvironmental consequences, modifying the social and political type of „society-environment‟ relation. These consequences highlighted the necessity of emergencial changes, providing the concept about new relevance of social-environmental quality and equity. Throught these circumstances, this work presents the two concepts and the possibility of correlation between them, the „territorial development‟ and „education‟. Enfasizing in the institutional and environmental territorial development, this work proposes the educative processes as tools for projects which aims the managing process of a population in a certain given territory. Aiming the comprehension on how education contributes to territorial development, we tried to discover how the schools can contribute to the subject transformation; identify in what way the school and the studied projects are able or not to potencialize the social environmental quality of life in a region; and elaborate a theoretical and methodological model. The work was done in Chapada Gaucha (MG) town, with the participation of Serra das Araras School and Santa Terezinha School, respectively situated in „Vila de Serra das Araras‟ and „Buraquinho‟, under the projects of territorial development „Urucuia Grande Sertão‟ and „Mosaico Sertão Veredas-Peruaçu‟. The research comprehended the theoric data and work with the population. The first comprised documental and bibliographic researches as theoric suport to the model. The second was done with interviews in the communities, the school staff and the institutions that promoted development. The results showed a distinct reality to the theoric proposal, relating to the structural and material lack. The proposals of territory development existent in the region are different, joing the district to distinct territories, not always compatible with the population identity and their activities are desconect and a little recognized by the population. The schools have basic necessities more than the interactive capacity, such as inadequate physical structure; low qualification and regularity in the staff formation; delicate relationship, with a little dialogue among their staff and with the inexistence of partnership with the community and other institutions. Another difficulty is that the community is in their majority lack of material basis and information. These facts can not allow the participation of population in the projects, as well as their continuation, concerning new proposal of development. However, caracters such as the socioenvironmental context, the organizative capacity of population, the political suport and the territorial sensibilization already existent, have a large contribution to changes with quality and socioenvironmental equity. We suggest the revision and the restructuration of the critical points. Solved the population material lack and those of the school activities, we propose partnership between institutions and the development projects, highlighting the human importance as a 'tool' to development, having school as an important chain, being a manager of partnership to human capacity in modifying its „time and space‟ and create its sociocommunity reality.
17

Redes de parlamentares na Câmara dos Deputados : uma metodologia de análise da atuação Política no Brasil

Paz, Fernando Henrique de Souza January 2015 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Ivan Jairo Junckes / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Curitiba, 31/03/2016 / Inclui referências : f. 114-115 / Resumo: Esta dissertação de mestrado apresenta uma análise da atuação dos quatro deputados federais do estado do Paraná entre os anos 2011-2015: André Zacharow, Edmar Arruda, Fernando Francischini, Hidekazu Takayama, assim como dos demais parlamentares a eles relacionados em coautoria nas proposições formalizadas no parlamento. A fonte de dados é o acervo digital da Câmara dos Deputados do Brasil. Foram analisadas 504 proposições parlamentares submetidas a classificação temática e tratamento no programa de análise de redes sociais - Gephi - para identificação de temas relacionados à teoria do desenvolvimento territorial sustentável. Os resultados demonstram baixa relação entre a atuação desses parlamentares e temas relacionados à teoria do desenvolvimento territorial sustentável. Essa investigação inova no campo de exploração da atuação parlamentar em função da temática selecionada e em função da elaboração de uma metodologia generalizável para o estudo de outros grupos parlamentares, ou mesmo de todos os membros de uma legislatura. Palavras-Chave: política; eleições, deputados federais; análise de redes sociais. / Abstract: This dissertation presents a performance analysis of the four deputies of Paraná state between the years 2011-2015: André Zacharow, Edmar Arruda, Fernando Francischini, Hidekazu Takayama, as well as other parliamentarians related to them coauthored the formalized propositions in parliament. The data source is the digital collection of the Chamber of Deputies of Brazil. Were analyzed 504 parliamentary proposals submitted to thematic classification and treatment in the software of social networks - Gephi - to identify issues related to the theory of sustainable territorial development. The results show the low ratio between the performance of these parliamentarians and sustainable territorial development. This research breaks new ground in holding the parliamentary field of action depending on the selected theme and depending on the development of a generalized methodology for the study of other parliamentary groups or even all members of the legislature. Keywords: politics; election; federal deputies; social network analysis.
18

Sentidos e percursos da cidadania : Estudo das relações entre beneficiários e agentes operadores de políticas sociais em Matinhos/PR

Costa, Ilda Janete Steimetz January 2016 (has links)
Orientador : Profª. Drª. Marisete Teresinha Hoffmann-Horochovski / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Matinhos, 20/05/2016 / Inclui referências : f. 105-111 / Resumo: Esta dissertação resulta de um estudo que buscou compreender quais sentidos de cidadania são produzidos nas relações entre famílias pobres e agentes operadores das políticas sociais no bairro Tabuleiro, na cidade de Matinhos/PR. A pesquisa foi inspirada no método etnográfico, através do qual foram acompanhadas oito famílias moradores do bairro, como também entrevistados agentes das políticas de Assistência Social, Educação e Saúde que atuam no território estudado. Adotou-se uma abordagem teórica que compreende que as relações entre os atores produzem os sentidos das práticas sociais. O diálogo com a bibliografia envolveu ainda autores que, no contexto brasileiro, têm estudado temas como políticas sociais, cidadania e famílias de classes populares no âmbito das ciências sociais. Algumas conclusões deste trabalho apontam que as experiências vividas pelas famílias pesquisadas revelam que as condições desiguais a que estão submetidas impedem que usufruam de direitos sociais. Associado a isso, percebe-se que as famílias significam o acesso aos programas e serviços a partir de duas marcas significativas de suas trajetórias: o tipo de vínculo que estabelecem com a cidade, por sua condição de "ser de fora", e suas experiências de constantes recomeços, expressas pela necessidade de migração para Matinhos. O estudo identificou ainda que o modelo de gestão em vigor na cidade, associado às relações instáveis de trabalho dos agentes operadores das políticas sociais tem significativo impacto na atuação destes agentes. Tais características resultariam em certa cautela desta população quanto as expectativas perante o estado e suas políticas. Finaliza-se apontando que as relações estudadas se inserem entre os repertórios de relações que constituem os percursos de cidadania no Brasil. Palavras-chave: Cidadania. Políticas sociais. Famílias pobres. / Abstract: This dissertation is the result of a study that attempted a comprehension of which directions of citizenship are produced in the relations between working class families and operating agents of social policies in the district Tabuleiro, in the city of Matinhos, Paraná. The survey was inspired by the ethnographic method, through which eight resident families of the district were accompanied, and agents from the programs of Social Assistance, Education and Health, who worked in the territory under study, were interviewed as well. A theoretical approach was adopted, which acknowledged that the relations between the participants produced the directions of the social practices. Moreover, the dialogue with the bibliography was comprised of authors who, in a Brazilian context, have studied themes such as social policies, citizenship and working class families in the scope of the social sciences. Some conclusions of this paper indicate that the experiences which the surveyed families undergo reveal that the discriminatory conditions, to which they are submitted, hinder their capitalization of social rights. In addition, it is noticed that the families equate access to the programs and services from two significant landmarks of their paths in life: the link that they have established with the city, due to their "outsider" status, and their experiences of constant restarts, expressed by the need to migrate to Matinhos. The study also identified that the administration model in vigor in the city, associated with the unstable work relations of the operating agents of the social policies, has a significant impact on the performance of these agents. Such characteristics would result in a bit of caution by the population regarding the expectations of the state and its policies. The paper is concluded by revealing that the studied relations are ingrained within the repertoire of relations that constitute the routes of citizenship in Brazil. Key-words: Citizenship. Social policies. Working class families.
19

A coroazinha da Ilha do Mel : territorialidade de uma comunidade tradicional de pescadores(as) artesanais na Ponta Oeste, Paranaguá - PR

Moura, Ezequiel Antonio de January 2016 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Luiz Everson da Silva / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Curitiba, 30/03/2016 / Inclui referências : f. 111-119 / Resumo: A presente dissertação trata do tema de povos e comunidades tradicionais e seus territórios, especificamente sobre pescadores artesanais, que possuem uma dinâmica própria de constituição de sua territorialidade baseada em práticas de uso comum dos recursos naturais. O objetivo desta pesquisa foi o de fazer um levantamento da biodiversidade manejada pela comunidade tradicional de pescadores artesanais da Ponta Oeste, localizada na Ilha do Mel (Paranaguá - PR) e verificar a importância desta prática tradicional na territorialidade da comunidade. Partimos da hipótese de que a Ponta Oeste é uma comunidade tradicional que maneja recursos naturais em regime de uso comum da água e da terra e que isso faz parte da territorialidade desta comunidade. Através de métodos etnoecológicos para a coleta de dados em campo (entrevistas nãoestruturadas e semi-estruturadas, check-list, estímulos visuais e turnê guiada) foi possível diagnosticar a biodiversidade manejada pelos pescadores da Ponta Oeste. O universo amostral da pesquisa consistiu de todos os pescadores e pescadoras que residem na Ponta Oeste e ainda outros que residem na cidade e se deslocam para a Ponta Oeste com frequência para realizar práticas tradicionais de manejo de biodiversidade. Foram listadas e identificadas 79 espécies de plantas, 64 espécies de peixes, além de outros animais aquáticos e terrestres manejados em menor quantidade. Todos os animais e plantas conhecidos recebem nomes populares e ainda que não sejam manejados com frequência compõe o corpo de conhecimento tradicional. As plantas são manejadas em quintais, hortas e outras áreas próximas às residências para as quais são atribuídos usos específicos tais como alimentar, medicinal, construção de barcos e de remos, para tingir rede e espinhel, para produzir sombra, cercados e quebra-ventos. Os peixes são capturados geralmente com o uso de embarcações motorizadas através de diversas técnicas e apetrechos de pesca como anzol, catoeiro espinhel, gaiola, gerival, pulsal, tarrafa e redes com malhas de diferentes tamanhos. Uma espécie aquática é manejada através de cultivos aquícolas, a Ostra, o que se configura como uma forma de manejo da biodiversidade diferente, ao mesmo tempo com conhecimentos tradicionais e com uso de técnicas e tecnologias da Aquicultura. Os resultados desta pesquisa indicam que a biodiversidade identificada e as formas de manejo caracterizam práticas de uso comum típicas de comunidade tradicionais, mesmo após sérias restrições ambientais impostas nas últimas décadas. A territorialidade dos pescadores e pescadoras desta comunidade se constitui historicamente por práticas tradicionais de manejo da biodiversidade, na água e na terra, que mostram que o território tradicionalmente ocupado atualmente abrange uma área de terra na Ilha do Mel e grandes porções de água na baía e em mar aberto. Contudo, esta tradicionalidade não é levada em consideração atualmente pelas ações do Estado que, ao invés de garantir os direitos territoriais, principalmente de uso da biodiversidade para subsistência e para geração de renda, impõe serias restrições às práticas tradicionais. Palavras-Chave: comunidades tradicionais, territorialidade; pescadores artesanais, manejo de biodiversidade, uso comum / Abstract: A presente dissertação trata do tema de povos e comunidades tradicionais e seus territórios, especificamente sobre pescadores artesanais, que possuem uma dinâmica própria de constituição de sua territorialidade baseada em práticas de uso comum dos recursos naturais. O objetivo desta pesquisa foi o de fazer um levantamento da biodiversidade manejada pela comunidade tradicional de pescadores artesanais da Ponta Oeste, localizada na Ilha do Mel (Paranaguá - PR) e verificar a importância desta prática tradicional na territorialidade da comunidade. Partimos da hipótese de que a Ponta Oeste é uma comunidade tradicional que maneja recursos naturais em regime de uso comum da água e da terra e que isso faz parte da territorialidade desta comunidade. Através de métodos etnoecológicos para a coleta de dados em campo (entrevistas nãoestruturadas e semi-estruturadas, check-list, estímulos visuais e turnê guiada) foi possível diagnosticar a biodiversidade manejada pelos pescadores da Ponta Oeste. O universo amostral da pesquisa consistiu de todos os pescadores e pescadoras que residem na Ponta Oeste e ainda outros que residem na cidade e se deslocam para a Ponta Oeste com In this dissertation, we discussed the people in their traditional communities and their territories, specifically artisanal fishermen, who have their own dynamics of constitution of their territoriality based on a common use of natural resources. The objective of this dissertation was to research the biodiversity managed by artisanal fishermen in the traditional community of Ponta Oeste, located in Ilha do Mel (Paranaguá - PR). Our hypothesis is that Ponta Oeste is a traditional community that manages natural resources in a common use system of water and land and that this is part of the territoriality of this community. Through ethnoecological methods for data collection (non-structured interviews and semi-structured checklist, visual stimuli and guided tour) it was possible to diagnose biodiversity managed by the Ponta Oeste fishermen. The sample of the survey universe consisted of all fishermen and fisherwomen who live in Ponta Oeste and others who live in the city and also those who often move to Ponta Oeste to perform traditional practices of biodiversity management. It was listed and identified 79 species of plants, 64 species of fish and other aquatic and terrestrial animals. All animals and plants receive popular names and even if not being often handled they compose the body of their traditional knowledge. The plants are cultivated in backyards, gardens and other areas near their homes and are assigned specific uses, such as to serve as food, medicines, building boats and oars, to dye net and longline, for shade, fences and windbreaks. The fish are usually caught up with the use of motorized boats through various techniques and fishing tackle, such as hook, catoeiro, espinhel, gaiola, gerival, pulsal, cast nets and nets with meshes of different sizes. An aquatic species is managed through aquaculture crops, the Oyster, which is configured as a form of management of different biodiversity at the same time with traditional knowledge and use of techniques and aquaculture technologies. The results of this dissertation indicate that the identified biodiversity and the management of forms characterize typical common use of traditional community practices even after serious environmental restrictions in recent decades. The fishermen and fisherwomen territoriality conception is based on traditional biodiversity management practices in water and on land, showing that the traditional territory currently occupied covers an earth land in Ilha do Mel and a water area in the bay and by the open sea. However, these traditions have not been currently considered by the State representatives who should guarantee territorial security rights, especially about biodiversity uses by livelihoods to income generation, besides imposing serious restrictions on their traditional practices. Keywords: traditional communities; territoriality; fisherfolk, management of biodiversity; common use.frequência para realizar práticas tradicionais de manejo de biodiversidade. Foram listadas e identificadas 79 espécies de plantas, 64 espécies de peixes, além de outros animais aquáticos e terrestres manejados em menor quantidade. Todos os animais e plantas conhecidos recebem nomes populares e ainda que não sejam manejados com frequência compõe o corpo de conhecimento tradicional. As plantas são manejadas em quintais, hortas e outras áreas próximas às residências para as quais são atribuídos usos específicos tais como alimentar, medicinal, construção de barcos e de remos, para tingir rede e espinhel, para produzir sombra, cercados e quebra-ventos. Os peixes são capturados geralmente com o uso de embarcações motorizadas através de diversas técnicas e apetrechos de pesca como anzol, catoeiro espinhel, gaiola, gerival, pulsal, tarrafa e redes com malhas de diferentes tamanhos. Uma espécie aquática é manejada através de cultivos aquícolas, a Ostra, o que se configura como uma forma de manejo da biodiversidade diferente, ao mesmo tempo com conhecimentos tradicionais e com uso de técnicas e tecnologias da Aquicultura. Os resultados desta pesquisa indicam que a biodiversidade identificada e as formas de manejo caracterizam práticas de uso comum típicas de comunidade tradicionais, mesmo após sérias restrições ambientais impostas nas últimas décadas. A territorialidade dos pescadores e pescadoras desta comunidade se constitui historicamente por práticas tradicionais de manejo da biodiversidade, na água e na terra, que mostram que o território tradicionalmente ocupado atualmente abrange uma área de terra na Ilha do Mel e grandes porções de água na baía e em mar aberto. Contudo, esta tradicionalidade não é levada em consideração atualmente pelas ações do Estado que, ao invés de garantir os direitos territoriais, principalmente de uso da biodiversidade para subsistência e para geração de renda, impõe serias restrições às práticas tradicionais. Palavras-Chave: comunidades tradicionais, territorialidade; pescadores artesanais, manejo de biodiversidade, uso comum
20

Da origem a formação em desenvolvimento regional com autonomia do sujeito no curso de Gestão e Empreendedorismo do Setor Litoral da Universidade Federal do Paraná

Nascimento, Loide Sulamita Mendes do January 2017 (has links)
Orientador : Profª. Drª. Mayra Taiza Sulzbach / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor Litoral, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável. Defesa: Curitiba, 31/10/2017 / Inclui referências : f. 131-133 / Resumo: O presente trabalho aborda diferentes concepções de desenvolvimentos, com foco no desenvolvimento regional, proposta do Curso de Gestão e Empreendedorismo, da Universidade Federal do Paraná - Setor Litoral, bem como outro fim a que se institui: a autonomia do sujeito, esta a partir de Paulo Freire. A metodologia da pesquisa caracteriza-se como do tipo documental explicativa e aplicada com uma abordagem predominantemente qualitativa. Para a identificação da origem da ideia do desenvolvimento regional e da autonomia no Curso, foi realizado um levantamento dos documentos que deram origem ao Setor Litoral e ao Curso, considerando os Projetos Políticos Pedagógicos destes. Os desenvolvimentos foram categorizados pelas adjetivações e a autonomia foi tratada como um método. As categorias de desenvolvimento foram identificadas e analisadas sob a perspectiva do desenvolvimento regional nas ementas dos Planos de Ensino e referências bibliográficas, após, suas concepções foram levantadas a partir dos autores indicados, a fim de identificar as concepções de desenvolvimento transmitidos à formação do Gestor e Empreendedor. Autonomia do sujeito, como método, foi identificada na metodologia proposta pelo Projeto Político Pedagógico do Setor e adoção no Curso, puxada pelo Projeto de Aprendizagem. Os resultados da pesquisa demonstram que o desenvolvimento regional é desenhado na proposta de expansão das vagas do ensino superior do Governo Federal, quando da criação do Setor e adotado no Curso para apoiar o desenvolvimento local, através dos estudantes, mas que parece diminuir-se com o Plano de Adaptação do Curso. A autonomia, prevista para a gestão administrativa e pedagógica de uma universidade, se estende ao estudante no Projeto Político Pedagógico, com base na autonomia do sujeito na construção do seu conhecimento, se apresenta como métodos que orientam os Projetos de Aprendizagem dos estudantes do Curso, os quais, com o Plano de Adaptação, são em parte abordados. Palavras-Chave: Desenvolvimento. Autonomia. Projeto Político Pedagógico. Curso de Gestão e Empreendedorismo. / Abstract: The present work deals with different conceptions of development, with a focus on regional development, a proposal of the Management and Entrepreneurship Course of the Federal University of Paraná - Setor Litoral, as well as another purpose to which it is established: the autonomy of the subject, Paulo Freire. The research methodology is characterized as an explanatory and applied document type with a predominantly qualitative approach. In order to identify the origin of the idea of regional development and autonomy in the Course, a survey of the documents that gave origin to the Coastal Sector and to the Course was carried out, considering the Pedagogical Political Projects of these. Developments were categorized by adjectives and autonomy was treated as a method. The categories of development were identified and analyzed from a regional development perspective in the Plans of Teaching and bibliographical references, after which their conceptions were drawn from the indicated authors in order to identify the development conceptions transmitted to the Manager's formation and Entrepreneur. Autonomy of the subject, as a method, was identified in the methodology proposed by the Sector's Political Pedagogical Project and adoption in the Course, drawn by the Learning Project. The results of the research demonstrate that regional development is designed in the proposal of expansion of the posts of higher education of the Federal Government, when the Sector was created and adopted in the Course to support the local development, through the students, but that seems to diminish with the Course Adaptation Plan. The autonomy, foreseen for the administrative and pedagogical management of a university, extends to the student in the Political Pedagogical Project, based on the autonomy of the subject in the construction of his knowledge, presents itself as methods that guide the Learning Projects of the students of the Course, which, with the Adaptation Plan, are partly addressed. Keywords: Development. Autonomy. Political Pedagogical Project. Course of Management and Entrepreneurship.

Page generated in 0.1502 seconds