• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 131
  • 4
  • 1
  • Tagged with
  • 136
  • 136
  • 40
  • 35
  • 35
  • 35
  • 35
  • 35
  • 30
  • 27
  • 27
  • 25
  • 20
  • 19
  • 18
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

A Balança comercial do Nordeste brasileiro: uma análise empírica

Damasceno, Mariana Gomes de Freitas January 2003 (has links)
DAMASCENO, Mariana Gomes de Freitas. A Balança comercial do Nordeste brasileiro: uma análise empírica. Fortaleza, 2003. 79f. Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Fortaleza, 2003. / Submitted by Mônica Correia Aquino (monicacorreiaaquino@gmail.com) on 2013-06-24T17:12:07Z No. of bitstreams: 1 2003_dissert_mgfdamasceno.pdf: 677674 bytes, checksum: d179e096c391042d213f60909fa54f5e (MD5) / Approved for entry into archive by Mônica Correia Aquino(monicacorreiaaquino@gmail.com) on 2013-06-24T17:12:25Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2003_dissert_mgfdamasceno.pdf: 677674 bytes, checksum: d179e096c391042d213f60909fa54f5e (MD5) / Made available in DSpace on 2013-06-24T17:12:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2003_dissert_mgfdamasceno.pdf: 677674 bytes, checksum: d179e096c391042d213f60909fa54f5e (MD5) Previous issue date: 2003 / This dissertation is a presentation of practical studies based on statistics and other data of the International Trade Balance, imports and exports of North-East Region of Brazil --of which the three most import states are Bahia, Ceará and Pernambuco--, and of national economic from 1990 through 2001. The figures of foreign commerce of each individual state, of the whole region, and of the country as a whole, are measured and compared. The grade of openness of each of these economies is revealed. Through the method of Ordinary Minimum Squares (OMM) an estimate is made of the past impact of internal variables like price (exchange rates), local revenues (industrial production and ICMS), and external revenues (the USA index of Industrial Product and GNP) on the region’s ability to augment the volume of exports and imports.
2

Relações de investimentose comércio entre o Brasil e a China no contexto da rápida expansão chinesa e da trajetória recente da economia brasileira

Paiva, Dênis Mateus de 15 August 2014 (has links)
Submitted by Dênis Paiva (paivadenis@yahoo.com.br) on 2014-10-22T03:10:52Z No. of bitstreams: 1 RELAÇÕES DE INVESTIMENTOS E COMÉRCIO ENTRE O BRASIL E A CHINA NO CONTEXTO DA RÁPIDA EXPANSÃO CHINESA E DA TRAJETÓRIA RECENTE DA ECONOMIA BRASILEIRA.pdf: 1700100 bytes, checksum: 0c7385f7efe6025d23adcb2be2893fd3 (MD5) / Approved for entry into archive by Vania Magalhaes (magal@ufba.br) on 2014-10-27T12:11:51Z (GMT) No. of bitstreams: 1 RELAÇÕES DE INVESTIMENTOS E COMÉRCIO ENTRE O BRASIL E A CHINA NO CONTEXTO DA RÁPIDA EXPANSÃO CHINESA E DA TRAJETÓRIA RECENTE DA ECONOMIA BRASILEIRA.pdf: 1700100 bytes, checksum: 0c7385f7efe6025d23adcb2be2893fd3 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-10-27T12:11:51Z (GMT). No. of bitstreams: 1 RELAÇÕES DE INVESTIMENTOS E COMÉRCIO ENTRE O BRASIL E A CHINA NO CONTEXTO DA RÁPIDA EXPANSÃO CHINESA E DA TRAJETÓRIA RECENTE DA ECONOMIA BRASILEIRA.pdf: 1700100 bytes, checksum: 0c7385f7efe6025d23adcb2be2893fd3 (MD5) / CAPES / As últimas décadas apresentaram grandes mudanças para o cenário político-econômico de China e Brasil. O processo de abertura política e econômica conduziu China a um vigoroso crescimento econômico, que há três décadas apresenta índices elevados, superando as taxas apresentadas por economias dos países desenvolvidos. Esse processo possibilitou o ressurgimento da China como potência global. O Brasil - após o período de abertura econômica, conduzido a partir do final dos anos 1980, e de estabilização monetária, regida a partir de meados dos anos 1990 - chegou aos anos 2000 sob os olhares internacionais, que guardavam expectativas quanto a realização de investimentos e relações de comércio com o país. O ano de 2001, marcado pela entrada da China na Organização Mundial do Comércio, representou para Brasil e China uma mudança completa nas relações bilaterais entre as duas nações: o comércio entre eles apresentou um salto, efeito semelhante ocorrido com o fluxo de investimentos, onde cada vez mais empresas chinesas desembarcam no Brasil e empresas brasileiras pegam rota contrária. Em pouco mais de uma década a China se tornou o maior parceiro comercial brasileiro no mundo, sendo capaz até mesmo de influenciar diretamente na pauta exportadora do país. Neste ponto surge a questão da desindustrialização brasileira no contexto das vantagens econômicas e comerciais chinesas. As exportações chinesas de manufaturados exercem forte concorrência aos produtos brasileiros, seja no mercado interno do Brasil ou em terceiros mercados. A indústria brasileira tem passado por grandes dificuldades em face desses novos desafios lançados, entre outras razões, pela presença dos produtos chineses, produzidos em condições e padrões diferenciados que lhes conferem alta competitividade, nos marcos da nova divisão internacional do trabalho. Em virtude disso, e também para atender o colossal mercado interno chinês, de certo modo, os produtores brasileiros tem optado por produzir bens primários, que lhes tem conferido vantagens competitivas. A ameaça à indústria brasileira, representada pela expansão comercial e pelos investimentos chineses no mundo, serve de provocação para que o governo brasileiro busque estratégias capazes de defender a sua indústria nacional e também de permitir que esta evolua o necessário para poder competir em condições razoáveis com as firmas chinesas em nível global e também no próprio âmbito nacional. / In the last decades great changes took place in the political and economic scene of both Brazil and China. The political and economic open doors process led China to a vigorous economic growth for the past three decades with numbers superior to those of the developed countries. This process made possible the re-emergence of China as a global superpower. Brazil, - that after have opened its economy in the end of the 1980's, and the monetary stabilization achieved in the mid 1990's -, reached the 2000's observed with interest by the international community who had expectations about investing in the country and increasing the trade with it as well. The year of 2001, when China entered in the World Trade Organization, represented to both countries a complete shift in their bilateral relations: the commerce between them increased a lot and similar effect is observed on the investment flow with a bigger number of Chinese companies coming to Brazil and also their Brazilian counterpart going to China. In a bit more than a decade China's become Brazil's main commercial partner even being capable of influencing the country's exports basket. Thus comes the question on the Brazilian de-industrialization in the context of the commercial and economic chinese advantages over brazil. The Chinese exports of industrialized goods are strong competitors to their Brazilian equivalents not only domestically but abroad as well. The Brazilian industry has been through big difficulties brought by the new challenges, among other reasons, caused by the presence of the Chinese goods that are produced under differentiated conditions and standards that allow them to have high competitiveness considering the new international labour division. Because of that, and also because of their colossal Chinese domestic market, the Brazilians producers have opted to produce commodities, what have given to them competitive advantages. The menace to the Brazilian industry represented by the commercial expansion and the increase of the Chinese investment in the world serves as incentive to make the Brazilian government to seek strategies able to defend its national industry and also to allow it to evolve what it needs to be capable of competing minimaly with the Chinese companies on a global scale and, of course, domesticly as well / Las últimas décadas han sido testigo de importantes cambios en el panorama político y económico de China y Brasil. El proceso de apertura política y económica de China ha llevado a un crecimiento económico vigoroso, que durante tres décadas tiene niveles altos, superando las tasas presentadas por las economías de los países desarrollados. Este proceso permitió el resurgimiento de China como potencia mundial. El Brasil - después de un período de apertura económica, llevada a cabo desde finales de 1980, y la estabilización monetaria, gobernó desde mediados de la década de 1990 - la década de 2000 fue objeto de las miradas internacionales, guardando las expectativas para las inversiones y las relaciones comercial es con el país. El año 2001, marcado por la entrada de China en la Organización Mundial del Comercio, Brasil y China representó un cambio completo en las relaciones bilaterales entre las dos naciones: el comercio entre ellas mostró un salto efecto similar ocurrió con el flujo de inversiones, donde cada vez más empresas chinas cayeron en Brasil y las empresas brasileñas toman el camino opuesto. En poco más de una década China se ha convertido en el mayor socio comercial de Brasil en el mundo, ni si quiera ser capaz de influir directamente en la canasta exportadora del país. En este punto se plante a la cuestión de la industrialización de Brasil en el contexto de ventajas económicas y comerciales chinos. Las exportaciones chinas de productos manufacturados tienen una fuerte competencia para los productos brasileños, ya sea a nivel nacional en Brasil o en terceros mercados. Industria brasileña ha experimentado grandes dificultades en la cara de estos nuevos retos que plantea, entre otras razones, por la presencia de productos chinos, producidos en diferentes modelos y condiciones que confieren una alta competitividad, en el marco de la nueva división internacional del trabajo. Como resultado de ello, y también para satisfacer el mercado interno chino colosal, en cierto modo, los productores brasileños han optado por la producción de bienes primarios, que les ha dado ventajas competitivas. La amenaza a la industria brasileña, representada por la expansión del comercio y la inversión por los chinos e nel mundo, sirve como un reclamo para el gobierno brasileño para buscar estrategias para defender su industria nacional y también le permiten evolucionar necesaria para competir en condiciones justas con las empresas chinas a nivel mundial y también en el propio ámbito nacional.
3

Direito, soberania e vassalagem : as políticas do endividamento nas cortes constitucionais

Lopes, João Gabriel Pimentel 22 October 2015 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Direito, Programa de Pós-Graduação em Direito, 2016. / Submitted by Camila Duarte (camiladias@bce.unb.br) on 2016-05-03T18:14:39Z No. of bitstreams: 1 2016_JoãoGabrielPimentelLopes.pdf: 1488520 bytes, checksum: 1e71f359abbcdf06c8c61fe4bb5e5e39 (MD5) / Approved for entry into archive by Patrícia Nunes da Silva(patricia@bce.unb.br) on 2016-05-04T12:14:26Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_JoãoGabrielPimentelLopes.pdf: 1488520 bytes, checksum: 1e71f359abbcdf06c8c61fe4bb5e5e39 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-05-04T12:14:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_JoãoGabrielPimentelLopes.pdf: 1488520 bytes, checksum: 1e71f359abbcdf06c8c61fe4bb5e5e39 (MD5) / Este trabalho consiste em uma pesquisa exploratória com o objetivo de delimitar categorias jurídicas relevantes e promover um aprofundamento inicial sobre os julgamentos de cortes constitucionais que envolvem o tema do endividamento público argentino após a crise do início dos anos 2000, mediante a análise dos diversos discursos críticos das referidas decisões. Nos casos que constituem o objeto da pesquisa, verifica-se uma contínua tensão entre os poderes da soberania e os poderes dos contratos, o que leva a uma discussão sobre o posicionamento dos Estados como entidades negociantes na arena das finanças. Tal tensão pode ser localizada historicamente no contexto de mudanças sociais, políticas e econômicas que deslocaram os discursos sobre o exercício de poder de uma dimensão imperial centrada na razão de Estado para uma outra centralizada em uma governamentalidade centrada em figuras de gestão. O direito constitucional, especialmente por intermédio da figura do rule of law, surge, nesse contexto, como elemento legitimador das dominações dessa quadra histórica. Seu catalisador principal na segunda metade do século XX, as cortes constitucionais não escaparam dessa mobilização. O tratamento dado à questão do endividamento argentino torna-se um elemento indiciário da questão, de modo que decisões diversas daquelas que favorecem tal forma de governamentalidade somente são possíveis mediante o apelo a uma possível suspensão da ordem. Essa suspensão, entretanto, é facilmente afastada pela emergência constitucionalmente legitimada dos discursos de imperiais de expansão econômica, a sinalizar a conformação jurídica de uma relação de suserania e vassalagem entre credores tutelados por suas ordens jurídicas nacionais - ocupantes da posição dominadora - e países endividados - transformados em vassalos da ordem econômica internacional. / This work consists in an exploratory research that aims to define relevant legal categories and promote a reflection on the judgments promoted by constitutional courts involving the theme of Argentine public debt after the early 2000s crisis, through the analysis of several critical speeches of those decisions. There is a continuous tension between the powers of sovereignty and powers of the contracts in the study cases, which leads to a discussion about the position of the states as dealers entities in the arena of finance. Such tension can be located historically in the context of social, political and economic changes that have shifted the discourse on the exercise of power from an imperial dimension centered on reason of state to another centered in governmentality and focused on management figures. Constitutional law, especially through the figure of the rule of law, arises in this context legitimating the main forces within that historical period. Constitutional courts, which have been its main catalyst since the second half of the twentieth century, have not escaped these movements. The treatment of the question of Argentine debt becomes an evidentiary element of this situation, so that various decisions of those who favor this form of governmentality are only possible by calling for a possible suspension of the order. That suspension, however, is easily removed by the constitutional legitimation the discourses on imperial economic expansion, which represent the legal conformation of a suzerainty and vassalage relationship between protected creditors by their national legal systems - occupants of dominant position - and indebted countries - turned into vassals of the international economic order. / Esta investigación exploratoria tiene como objetivo delimitar y promover una profundización inicial de las categorías jurídicas relevantes que impregnan los juicios emitidos por cortes constitucionales sobre el tema de la deuda pública argentina tras la crisis que ocurrió en principios de los años 2000, mediante el análisis de los diversos discursos críticos de estas decisiones. En los casos investigados, se verificó tensión continua entre los poderes de la soberanía y los poderes de los contratos, lo que conduce a una discusión sobre la posición de los Estados como actores en la arena de las finanzas. Esta tensión se ubica históricamente en el contexto de los cambios sociales, políticos y económicos que dislocaron el eje de los discursos sobre el ejercicio del poder, inicialmente ajustado a una dimensión imperial centrada en la razón del Estado, y que ahora se orienta en una idea de gubernamentalidad centrada en figuras de gestión. El derecho constitucional, especialmente a través de la figura del rule of law, aparece en este contexto como elemento que legitima las dominaciones en ese cuadro histórico. Su principal catalizador en la segunda mitad del siglo XX, las cortes constitucionales no han escapado a esta movilización. El tratamiento de la deuda argentina es un elemento indiciario de los cambios en el eje discursivo, escenario en el cual la adopción de decisiones diversas de las que favorecen esta forma de gubernamentalidad solamente es posible haciendo apelo a una potencial suspensión del orden. Esa suspensión, sin embargo, es fácilmente retirada por la emergencia constitucionalmente legitimada de los discursos imperiales de expansión económica, señalando la conformación jurídica de una relación de señorío y vasallaje entre acreedores protegidos por sus ordenamientos jurídicos nacionales - ocupantes de posición dominante - y los países endeudados - convertido en vasallos del orden económico internacional.
4

Potencialidades de Acordos Preferenciais de Comércio entre o Brasil e seus principais parceiros / Preferential Trade Agreements potential between Brazil and its major partners

Pelegrini, Tatiane 07 July 2016 (has links)
Submitted by Reginaldo Soares de Freitas (reginaldo.freitas@ufv.br) on 2017-02-24T16:35:59Z No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 838324 bytes, checksum: c42b1a200ab90ffdb96731f38c164689 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-02-24T16:35:59Z (GMT). No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 838324 bytes, checksum: c42b1a200ab90ffdb96731f38c164689 (MD5) Previous issue date: 2016-07-07 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Os acordos preferenciais de comércio têm sido considerados uma estratégica básica de desenvolvimento comercial entre países, dada a grande expansão ocorrida, recentemente, das relações comerciais em nível global. O propósito deste trabalho foi examinar os possíveis ganhos de bem-estar decorrentes de acordos comerciais entre o Brasil e seus principais parceiros comerciais da atualidade - China, Estados Unidos e Argentina - sob a ótica de um modelo de equilíbrio geral computável, o chamado modelo GTAP (Global Trade Analysis Project). Os resultados foram apresentados sob duas hipóteses: i) envolve a negociação de acordos preferenciais com liberalização tarifária total e ii) acordos com uma supressão da ordem de 33% nas tarifas de importação e subsídios à exportação. No primeiro cenário, o Brasil obteve ganhos de bem-estar consideráveis em todos os cenários analisados, com saldos deficitários na Balança Comercial, dado o impulso superior das importações. Destacam-se os ganhos de bem-estar nos setores relacionados à agricultura e alimentos processados em um acordo sino-brasileiro, enquanto nas relações bilaterais com os EUA e a Argentina, observa-se efeitos de diminuição das exportações brasileiras na agricultura frente a aumentos na produção e exportação de bens com maior valor agregado, como manufaturas leves e pesadas. Nos acordos comerciais simulados com supressão parcial de tarifas, o Brasil também obteve ganhos significativos em termos de crescimento do PIB e de bem-estar, embora essas vantagens fossem reduzidas quando comparados ao cenário com liberalização total. As importações brasileiras tiveram maiores aumentos quando comparados aos aumentos das exportações. No acordo entre Brasil e China, os ganhos de bem-estar são positivos e relacionados aos setores de bens agrícolas e alimentos processados, com destaque para os ganhos de bem-estar. O acordo celebrado com os EUA promove estímulos à indústria brasileira, com ganhos de bem-estar, maior produção e exportações brasileiras em manufaturas leves e pesadas, em especial nos setores intensivos em mão de obra. Por fim, em um acordo entre Brasil e Argentina, pode-se verificar que os ganhos em bem-estar são pouco significativos para o primeiro, além de ocorrer uma piora nos termos de troca. Há um aumento na produção e exportação no setor de maquinaria e equipamentos e manufaturas leves. De modo geral, as oportunidades de ganhos com APCs deveriam ser mais exploradas pelo governo brasileiro, onde setores estratégicos poderiam ter sua importância ampliada, espelhando as vantagens comparativas de produção que puderam ser observadas em cada cenário. A principal medida a ser adotada seria a implantação pequenas reduções tarifárias, para categorias de bens específicas. / The preferential trade agreements have been considered one of the basic strategies of trade development between countries, given the current expansion occurred in the trade relations globally. The purpose of this study was to examine the potential welfare gains from trade agreements between Brazil and its main today's trading partners: China, United States and Argentina from the perspective of a computable general equilibrium model, GTAP model (Global Trade Analysis Project). The results were presented in two cases: i) involves the negotiation of preferential agreements with full tariff liberalization and ii) agreements with a suppression of the order of 33% in import tariffs and export subsidies. In the first scenario, Brazil has considerable welfare gains in all scenarios analyzed, with deficit balances in the trade balance, given the greater momentum of imports. Noteworthy are the welfare gains in sectors related to agriculture and processed food in a Chinese-Brazilian agreement, while in bilateral relations with the US and Argentina observed lowering effects of Brazilian exports in agriculture compared to increases in production and export of goods with higher added value, such as light and heavy manufacturing. In trade agreements, simulated with partial elimination of tariffs, Brazil has significant gains in terms of GDP growth and well-being, although these benefits were reduced when compared to the scenario with full liberalization. Brazilian imports had higher increases compared to exports. In the agreement between Brazil and China welfare gains are positive and related to the sectors of agricultural goods and processed foods, have featured in welfare gains. The agreement with the US promotes incentives for Brazilian industry, with welfare gains, increased production and Brazilian exports in lights and heavy manufacturing, particularly in sectors intensive in labor. Finally, in an agreement between Brazil and Argentina can be seen that the welfare gains are negligible for the first, and there is a worsening in the terms of trade. There is an increase in production and exports in the machinery and equipment sector and light manufacturing. Overall, the earnings opportunities with APCs should be further explored by the Brazilian government, as strategic sectors could have gained in importance, reflecting the comparative advantages of production that could be observed in each scenario. Based on this, the main measure to be adopted would be the implementation of small tariff reductions for specific goods categories.
5

O Sistema de Solução de Controvérsias da OMC : um estudo de caso sobre os subsídios da União Européia ao açúcar

Silva Rodrigues, Alberto January 2005 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T17:21:21Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo5999_1.pdf: 1073177 bytes, checksum: ffb66a0cabddd4b7627c5c3e795f2b62 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2005 / Esta Dissertação teve por objetivo analisar o Sistema de Solução de Controvérsias da Organização Mundial do Comércio, realizando um estudo sobre as raízes do GATT, da OMC e dos acordos de regulamentação do comércio internacional. Após a Conferencia de Bretton Woods o mundo passa a buscar o caminho da multilateralidade, que difere do modo bilateral que os países conduziam suas relações comerciais at então. Realizando um estudo sobre as origens das regulamentações do comércio internacional, desde o fim da Segunda Guerra Mundial, até os dias atuais, torna-se possível um melhor entendimento sobre o comércio global e seus desdobramentos nas economias dos países ricos e pobres. Este trabalho apresenta no seu último capítulo um estudo de caso atual, relatando a disputa comercial travada pela Austrália, Brasil e Tailândia contra a União Européia. O objeto da controvérsia é questão dos subsídios da UE destinados aos produtores de açúcar do bloco e através desse estudo é possível visualizar o funcionamento do Sistema de Solução de Controvérsias na prática. Tendo em vista que um dos principais objetivos citados no acordo constituti o da OMC é o incentivo ao desenvolvimento emelhorias das condições de vida dos cidadãos dos países através do comércio, a temática dadisputa comercial se torna de extrema importância no que tange os interesses dos países em desenvolvimento, fortemente dependentes do setor agrícola.
6

O grau de abertura financeira e o mecanismo de transmissão da política monetária brasileira no período de 2000 a 2016 / The degree of financial openness and the brazilian monetary policy transmission mechanism during the period from 2000 to 2016

Ferreira, Giuliano de Queiroz 18 January 2018 (has links)
Submitted by Marco Antônio de Ramos Chagas (mchagas@ufv.br) on 2018-02-27T10:48:38Z No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 1474337 bytes, checksum: ef8a37dd0ad51266a5a30a165d923701 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-02-27T10:48:38Z (GMT). No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 1474337 bytes, checksum: ef8a37dd0ad51266a5a30a165d923701 (MD5) Previous issue date: 2018-01-18 / A intensificação dos processos de globalização financeira e liberalização dos mercados de capitais trouxeram novos desafios para os bancos centrais do mundo. Atualmente, existe uma percepção de convergência das economias no que tange a elevação da integração econômica e financeira por meio do aumento do comércio internacional, da redução dos controles de capital e do desenvolvimento do mercado financeiro. Em especial, desde o início dos anos de 1990 o Brasil presencia regularmente um processo de abertura econômica e financeira, o que proporciona uma elevação do fluxo de comércio internacional e de movimento de capitais. Nesse cenário, o grau de abertura econômica e financeira assume um papel importante na determinação da eficácia da política monetária. Outro aspecto relevante para a política monetária refere-se às transformações trazidas pelos grandes eventos econômicos à efetividade do seu mecanismo de transmissão. A história econômica sugere que os instrumentos e os canais de política monetária sofrem alterações substanciais após a ocorrência de grandes eventos, como crises financeiras, depressões e guerras. Nesse sentido, o período da eleição presidencial de 2002 e a crise financeira global, iniciada em 2008, reabriu a necessidade de explorar o impacto desses eventos sobre o mecanismo de transmissão da política monetária brasileira. Dessa forma, este trabalho teve por objetivo analisar o padrão da relação existente entre o grau de abertura financeira e o mecanismo de transmissão monetária na economia brasileira após a implantação do regime de metas de inflação com câmbio flutuante. Especificamente, buscou-se mensurar e caracterizar o grau de abertura financeira da economia brasileira, e investigar a sua influência sobre o mecanismo de transmissão da política monetária. Adicionalmente, averiguou-se o impacto das grandes transformações ocorridas na economia brasileira durante o período eleitoral de 2002 e após a eclosão da crise financeira global de 2008. Os resultados indicaram a existência de uma relação positiva entre o grau de abertura financeira e a demanda por moeda na economia brasileira. Nesse sentido, uma elevação do grau de abertura financeira elevaria a demanda por moeda doméstica influenciando a taxa de juros e, por conseguinte, o mecanismo de transmissão da política monetária. Em relação ao impacto das grandes transformações experimentadas pela economia brasileira, constatou-se que o mecanismo de transmissão monetária comportou-se de forma distinta durante o período avaliado por este estudo. / The intensification of the financial globalization process and liberalization of the capital markets brought new challenges to the central banks around the world. Currently, there is a perception of the existence of a convergence among the economies towards economic and financial integration through the increase of international trade, reduction in capital controls and the financial market development. Especially since the beginning of 1990 ́s, Brazil has regularly witnessed an increase in its international trade flow and capital movements. In this scenario, the degree of economic and financial openness assumes an important role in the determination of the efficacy of monetary policy. Another relevant aspect for monetary policy is related to the changes brought by remarkable economic events to the effectiveness of its transmission mechanism. The economic history suggests that instruments and monetary policy channels suffer substantial changes after the occurrence of remarkable events, such as financial crises, depressions and wars. Therefore, the period of the presidential election of 2002 and the global financial crises that began in 2008 re-opened the need to explore the impact of these events over the Brazilian monetary policy transmission mechanism. This research had as objective to analyze the pattern of the relation between the degree of financial openness and the monetary policy transmission mechanism in the Brazilian economy after the implementation of the inflation target regime with floating exchange rate. Specifically, it was tried to measure and characterize the degree of the financial openness of the Brazilian economy, and to investigate its influence over the monetary policy transmission mechanism. Additionally, it was studied the impact of the most important changes occurred in the Brazilian economy over the period of presidential election of 2002 and after the beginning of the financial crises, 2008. The results brought evidence of the existence of a positive relation between the degree of financial openness and the money demand in the Brazilian economy. Therefore, an increase of the degree of the financial openness would raise the domestic money demand affecting the interest rate and, as a consequence the monetary policy transmission mechanism. Regarding the impact of the remarkable changes experienced by the Brazilian economy, it was found that the monetary policy transmission mechanism behaved differently during the period of the study.
7

Bahia e Mercosul: um estudo da importância e da integração comercial

Almeida, Carlos Danilo Peres 01 1900 (has links)
Submitted by Jacileide Oliveira (jacileideo@gmail.com) on 2015-04-16T12:37:14Z No. of bitstreams: 3 CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 1.pdf: 19912138 bytes, checksum: 4ad1fb3899d50f1a1c6db0332101622a (MD5) CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 2.pdf: 18741491 bytes, checksum: a8211e7a2c31286a2368509238895a38 (MD5) CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 3.pdf: 14229564 bytes, checksum: aa0185ab8652bae5732233c13b15613f (MD5) / Approved for entry into archive by Vania Magalhaes (magal@ufba.br) on 2015-04-30T13:22:04Z (GMT) No. of bitstreams: 3 CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 1.pdf: 19912138 bytes, checksum: 4ad1fb3899d50f1a1c6db0332101622a (MD5) CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 2.pdf: 18741491 bytes, checksum: a8211e7a2c31286a2368509238895a38 (MD5) CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 3.pdf: 14229564 bytes, checksum: aa0185ab8652bae5732233c13b15613f (MD5) / Made available in DSpace on 2015-04-30T13:22:05Z (GMT). No. of bitstreams: 3 CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 1.pdf: 19912138 bytes, checksum: 4ad1fb3899d50f1a1c6db0332101622a (MD5) CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 2.pdf: 18741491 bytes, checksum: a8211e7a2c31286a2368509238895a38 (MD5) CARLOS DANILO PERES ALMEIDA 3.pdf: 14229564 bytes, checksum: aa0185ab8652bae5732233c13b15613f (MD5) / CAPES / Este estudo discute o processo de integração da Bahia e Mercosul, inserindo a análise dentro do contexto das mudanças ocorridas na economia internacional e suas influências sobre as regiões. Especificamente foram descritas as particularidades do setor do comércio exterior baiano, identificando sua reação às variações estruturais da política econômica do Brasil, sabendo-se que a própria constituição do Mercosul partiu do plano federal.
8

Um estudo sobre os efeitos das ações antidumping nas importações brasileiras

Souza Júnior, Delphino Pires de 27 May 2010 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação, Departamento de Economia, 2012. / Submitted by Elna Araújo (elna@bce.unb.br) on 2013-01-07T18:56:01Z No. of bitstreams: 1 2012_DelphinoPiresSouzaJunior.pdf: 383268 bytes, checksum: 128341510a76229bb2af98867273eeed (MD5) / Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2013-01-10T13:56:41Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2012_DelphinoPiresSouzaJunior.pdf: 383268 bytes, checksum: 128341510a76229bb2af98867273eeed (MD5) / Made available in DSpace on 2013-01-10T13:56:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2012_DelphinoPiresSouzaJunior.pdf: 383268 bytes, checksum: 128341510a76229bb2af98867273eeed (MD5) / Esta dissertação tem como objetivo principal analisar os efeitos sobre as importações brasileiras das ações antidumping iniciadas pela Secretaria de Comércio Exterior no período compreendido entre agosto de 1995 e agosto de 2005. Destacam-se, entre os resultados obtidos nesta análise, as evidências encontradas da existência de desvio de comércio em favor das origens não citadas nas investigações de dumping, desvio que tende a ser em montante inferior ao da redução das importações de origens citadas. Outro resultado aponta a ocorrência do “efeito investigação” na presença de medidas provisórias. Analisando-se os dados segundo a abrangência das origens investigadas, observou-se que quando foi citada somente uma origem, a taxa de crescimento das origens não citadas foi menor do que quando foram citadas várias origens na investigação. Também foi verificado que as investigações conduzidas no período concentraram-se sobre bens intermediários. Além de analisar a evolução das importações brasileiras submetidas a ações de dumping, são resenhados trabalhos de autores que apresentaram evidências estatísticas sustentando a ocorrência de desvio de comércio favorecendo as importações de origens não citadas em investigações de dumping conduzidas nos Estados Unidos e na União Européia. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The main objective of this dissertation is to evaluate the effects of anti- dumping measures imposed over Brazilian imports, comprehending the investigations initiated by the Secretariat of Foreign Trade between August of 1995 and August of 2005. By the results of this analysis, there is evidence of trade diversion in favor of non-investigated origins of antidumping investigations. Nevertheless, the import increase from non-investigated origins tends to be less important than the reduction in the investigated origins. Another finding of this study is the existence of the so called "investigation effect", as a result of an imposition of provisional measures. Analyzing the data according to the number of investigated origins, it was found that the import increase from other origins in a single origin investigation tend to be lower than that of a multiple origin investigation. During the period of this research, the study revealed also a prevalence of antidumping investigations over the importation of intermediate goods. Besides analyzing the evolution of Brazilian imports subject to dumping measures, this study also contains a bibliography review over international studies supporting, with statistical data, the occurrence of trade diversion in favour of non- investigated origins in antidumping investigations conducted in the United States and in the European Union.
9

Mercosur ritual : politicos y diplomaticos en las politica de integracion del cono sur

Alvarez, Gabriel Omar 09 June 2000 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Sociais, Departamento de Antropologia, Programa de Pós-graduação em Antropologia Social, 2000. / Submitted by Jaqueline Ferreira de Souza (jaquefs.braz@gmail.com) on 2011-04-02T20:29:49Z No. of bitstreams: 1 2000_GabrielOmarAlvarez.pdf: 578780 bytes, checksum: e87dd0c5e9d5d687d12d5533ae9474e8 (MD5) / Approved for entry into archive by Jaqueline Ferreira de Souza(jaquefs.braz@gmail.com) on 2011-04-02T20:31:57Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2000_GabrielOmarAlvarez.pdf: 578780 bytes, checksum: e87dd0c5e9d5d687d12d5533ae9474e8 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-04-02T20:31:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2000_GabrielOmarAlvarez.pdf: 578780 bytes, checksum: e87dd0c5e9d5d687d12d5533ae9474e8 (MD5) / Este trabalho aborda o Mercosul a partir de distintas iniciativas de políticos e diplomatas implementadas durante o período 1997-1999. Estes atores serão considerados como brokers que tem um papel estratégico na articulação de um novo nível de integração. Os rituais apresentaram-se como uma ferramenta eficaz para explicar as diversas ambiguidades e contradições inerentes ao processo de integração. Trabalharei os diferentes rituais, que estruturam-se em um continuum que vai desde os rituais de agregação aos rituais de poder; desde os mais laxos aos mais rígidos. Os mesmos estruturam as relações entre os brokers, permitem-nos mostrar a passagem da comunidade de argumentação para uma comunidade de comunicação mais ampla e para a construção do Mercosul como comunidade imaginada. Os rituais são analisados como um poderoso veículo de comunicação de conteúdos altamente abstratos, os fazem sensíveis; dão existência simbólica ao projeto político no qual combinam-se regionalização e globalização. Por meio dos rituais se re-cria um poder estrutural, que faz sentir seus efeitos na economia política da região. _____________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / This study analyzes Mercosur starting from different initiatives of politician and diplomats implemented during the period 1997-1999. These actors will be considered as brokers that have a strategic role in the articulation of the new level of integration. Rituals were conceived as an effective tool for explaining the diverse ambiguities and inherent contradictions of the integration process. The different rituals are structured in a continuum that goes from rituals of aggregation to rituals of power; from the very lax to the very rigid. Ritual also structure the relationships among brokers; they allow us to show the passage from a community of argumentation to a broader community of communication and for the construction of Mercosur as an imagined community. Rituals are analyzed as a powerful vehicle of communication of highly abstract content, and they give symbolic existence, make them sensitive to the political project which combines regionalization and globalization. By means of the rituals a structural power is re-created, and its effect on the political economy of the region is felt. _____________________________________________________________________________________________ RESUMEN / Este trabajo aborda el Mercosur a partir de distintas iniciativas de políticos y diplomáticos implementadas durante el periodo 1997-1999. Estos actores serán considerados como brokers que tienen un papel estratégico en la articulación del nuevo nivel de integración. Los rituales se presentaron como una herramienta eficaz para explicar las diversas ambigüedades y contradicciones inherentes al proceso de integración. Trabajaré los diferentes rituales, que se estructuran en un continum que va desde los rituales de agregación a los rituales de poder, desde los más laxos a los más rígidos. Los mismos estructuran las relaciones entre los brokers, nos permiten mostrar el pasaje de la comunidad de argumentación para la comunidad de comunicación más amplia y para la construcción del Mercosur como comunidad imaginada. Los rituales son analizados como un poderoso vehículo de comunicación de contenidos altamente abstractos, los hacen sensibles; dan existencia simbólica al proyecto político en el que se combinan regionalización y globalización. Por medio de los rituales se re-crea un poder estructural, que deja sentir sus efectos en la economía política de la región.
10

Corrupção e comércio internacional de minerais extrativos na América do Sul / Corruption and international trade of mineral products in South America

Salazar, Cristian Andres Sanchez 24 February 2016 (has links)
Submitted by Marco Antônio de Ramos Chagas (mchagas@ufv.br) on 2016-07-14T13:03:48Z No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 2076525 bytes, checksum: 3ccebadfcab47e16bb3b8d25b14c038b (MD5) / Made available in DSpace on 2016-07-14T13:03:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 2076525 bytes, checksum: 3ccebadfcab47e16bb3b8d25b14c038b (MD5) Previous issue date: 2016-02-24 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Estudos mostram a existência de uma relação entre a variável institucional (corrupção) e comércio, no entanto, não existe consenso sobre os seus efeitos. Há uma primeira corrente que sinaliza que a corrupção limita as possibilidades do comércio, influenciando negativamente o crescimento econômico. Já a segunda, ao contrário, aponta que, sob algumas condições e setores, a corrupção pode afetar positivamente o comércio, estimulando o crescimento econômico. O setor de minerais, em face de suas características (forte demanda para exploração, estruturas de mercado imperfeitas, relevância geopolítica), adicionado à legislação vigente que o regulamenta, é um dos que mais se encontra propenso à corrupção. Notadamente, na América do Sul, essa é uma situação que tende a prevalecer em razão da pouca transparência e fracos ambientes institucionais. Parte da literatura aponta que em economias com ambientes institucionais fracos, ao se aumentar a corrupção, essa pode influir positivamente nos níveis de exploração, produção e comércio de recursos naturais. Deste modo, buscou-se, neste trabalho, averiguar se o comércio internacional de minerais extrativos, setor de grande relevância na América do Sul, tem sido afetado pela variável corrupção. Assim, o objetivo foi analisar o efeito dos diferenciais de corrupção no comércio internacional de minerais extrativos na América do Sul, no período de 1996 a 2013. Especificamente, foram analisados os subsetores de combustíveis, de metais e de pedras. O referencial teórico que dá sustentação ao problema em análise constitui-se da teoria da Economia Institucional e Comércio internacional e do Modelo de Gravidade no Comércio. O modelo gravitacional permite analisar o comércio setorial incluindo, além das variáveis gravitacionais padrão (PIB ́s e distância), variáveis institucionais (corrupção) e, ou, as que representam barreiras ao comércio (tarifas). O modelo gravitacional foi estimado empiricamente para três subsetores: combustíveis, metais e pedras. Os três modelos foram estimados usando Pseudo Poisson Máxima Verossimilhança por Efeitos Fixos. A variável de interesse foi o Diferencial de controle de corrupção entre o país j e i, ∆ ; que simplesmente representa a diferença entre o indicador de Controle da Corrupção do país importador e o país exportador. Nos modelos estimados, verificam-se, de modo geral, os sinais esperados, isto é, o PIB do país importador e o PIB do país exportador, como proxies dos tamanhos do mercado, têm efeitos positivos nas exportações dos três subsetores analisados. Já a distância, como proxy dos custos de transporte, mostrou-se negativa e significativa, com forte poder de explicação nos três subsetores de análise. A variável de interação entre corrupção e tarifas (Tx ∆ C), cujo coeficiente nos três subsetores foi negativo, indicou que sob altas tarifas, a corrupção tende a aumentar. Os resultados sugerem que o diferencial de controle da corrupção mostrou um efeito diferenciado no comércio dos diferentes minerais extrativos na América do Sul, no período de 1996 a 2013. Nos subsetores de Combustíveis e Pedras, os coeficientes de ΔC foram significativos e positivos, mostrando que a cada 0,1 unidades de aumento no diferencial de Controle de Corrupção têm-se um aumento nas exportações de Combustíveis e Pedras, em média, 0,27% e 0,15%, respectivamente. O que aponta que práticas menos corruptas por parte do país importador comparado com o país exportador aumenta o fluxo comercial do subsetor de combustíveis e pedras. Quanto ao subsetor de metais, o coeficiente o efeito de ΔC foi positivo, mas não significativo. Em conclusão, constatou-se a hipótese de que o diferencial de corrupção tem efeitos positivos e significativos no comércio internacional de combustíveis e pedras na América do Sul, no período de 1996 a 2013, o mesmo não foi observado no comércio de metais. Dessa forma, os resultados deste trabalho contribuem para ampliar a discussão sobre os efeitos das variáveis institucionais (corrupção) no comércio, os quais apresentaram ambiguidade em níveis desagregados de produtos. Esses resultados podem auxiliar na construção e implementação de políticas econômicas eficientes e eficazes voltadas ao fortalecimento institucional e comercial. / Studies show the existence of a relation between the institutional variable (corruption) and trade. However, there is no consensus about its effects. A first stream indicates that corruption limits the possibilities of trade influencing negatively economic growth. The second, in contrast, points out that, under some conditions and sectors, corruption can positively affect trade, stimulating economic growth. The minerals sector, due to its characteristics (strong demand for exploration, imperfect market structures, geopolitical relevance), added the current legislation that regulates it, is more prone to corruption. Notably in South America, this is a situation that tends to prevail, due to the low transparency and weak institutional environments. Part literature shows that in economies with weak institutional environments, by increasing corruption, this can positively influence the levels of exploration, production and trade in natural resources. Thus, we sought to, in this work; ascertain whether international trade in extractive minerals, very important sector in South America, has been affected by the variable corruption. The objective of this study was to analyze the effect of differential of corruption control, ∆ , in international extractive minerals trade in South America, from 1996 to 2013. Specifically, the sub-sectors of fuels, metals and stones were analyzed. The theoretical framework that supports the problem in question constitutes the theory of Institutional Economics and International Trade and the gravity model in trade. The gravity model allow to analyze the sectoral trade including, in addition to the standard variable gravitational (PIB's and distance), institutional variables (corruption) and, or, those that represent barriers to trade (tariffs). The gravity model was empirically estimated three sub-sectors: fuel, metals and stones. The three models were estimated using Poisson Pseudo Maximum Likelihood for Fixed Effects. The variable of interest was the differential of corruption control among the country j and i, ∆ ; it simply represents the difference between the control indicator of the importing country Corruption and the exporting country. In estimated models are verified, in general, the expected signals. That is, the GDP of the importing country and the GDP of the exporting country, as proxies of market size, have positive effects on exports from the three sub-sectors analyzed. Already the distance, as a proxy for transport costs, was negative and significant, with strong explanatory power in the three sub-sectors analysis. The variable interaction between corruption and tariffs (TxΔC), whose coefficient in the three sub-sectors was negative, indicated that at high tariffs, corruption tends to increase. The results suggest that differential of corruption control showed a different effect on trade of different extractive minerals in South America, in the 1996-2013 period. In the sub-sectors of fuels and Stones, the ΔC coefficients were significant and positive, showing that every 0.1 increase in units in the Corruption Control differential have an increase in exports of fuels and stones, on average, 0.27 % and 0.15%, respectively. What points less corrupt practices by the importing country compared to the exporting country increases the trade flow of the subsector of fuels and stones. As for the subsector of metal, the coefficient the ΔC effect was positive but not significant. In conclusion, there was the assumption that the differential of corruption has positive and significant effects on international trade in fuels and stones in South America, from 1996 to 2013, the same not being observed in the metal trade. The results of this research contribute to expand the discussion on the effects of institutional variables (corruption) in trade. These effects showed that ambiguity disaggregated product levels. These results can help in the construction and implementation of efficient and effective economic policies aimed at commercial and institutional strengthening. / Sem Lattes

Page generated in 0.1231 seconds