• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 41290
  • 1684
  • 1682
  • 1630
  • 1517
  • 1260
  • 423
  • 321
  • 269
  • 269
  • 261
  • 245
  • 208
  • 126
  • 105
  • Tagged with
  • 42630
  • 20698
  • 11184
  • 8431
  • 7497
  • 6622
  • 6392
  • 5869
  • 4871
  • 3999
  • 3932
  • 3629
  • 3517
  • 3414
  • 3198
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

A juventude frente a história : embates entre as propostas de documentos oficiais para o ensino médio e o significado da história como disciplina escolar

Lourençato, Lidiane Camila January 2017 (has links)
Orientadora: Profa. Dra. Maria Auxiliadora Moreira dos Santos Schmidt / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 13/03/2017 / Inclui referências : f. 221-231 / Resumo: A presente pesquisa tem como objetivo compreender como o conceito de Juventude e a proposta de Ensino de História estão presentes nos documentos oficiais do Ensino Médio, bem como analisar a maneira pela qual os professores e os jovens se relacionam com a ideia de Aprendizagem Histórica proposta por estes documentos. Esta investigação está situada no campo da Educação Histórica, no qual se compreende a História como uma ciência, que considera a existência de diversas explicações por possuir uma natureza multiperspectivada, conforme as explicações de Barca e Schmidt (2009). Utiliza como aporte teórico a teoria da Consciência Histórica na perspectiva de Rüsen (2001, 2007, 2010, 2012). Para dar subsídios às análises realizadas nos documentos oficiais para o Ensino Médio, primeiramente, buscou-se compreender como o conceito Juventude é abordado por autores como Dayrell (2003), Hobsbawm (1995), Torres (2008), Margulis e Urresti (2000), Pais (1990), Abad (2003), Bourdieu (2003), Edwards (1997), Dubet e Martucelli (1998), Charlot (2001), Kuenzer (2009) e Schmidt (2002). As pesquisas de Germinari (2010); Alves (2011); Fronza (2012); Azambuja (2013); Souza (2014) foram analisadas de forma descritiva e interpretativa, buscando os eixos de interseção em relação à Aprendizagem Histórica de jovens. Foi realizada a análise dos seguintes documentos oficiais do Ensino Médio: Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio (PCNEM, 1999; PCN+, 2002), as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN, 1998), as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio (DCNEM, 2012), os Documentos Orientadores do Ensino Médio Inovador (2009, 2011, 2013, 2014), e dois cadernos de formação de professores do Pacto Nacional pelo Fortalecimento do Ensino Médio (2013, 2014), sendo eles "O jovem como sujeito do Ensino Médio" e "Ciências Humanas". A análise destes documentos teve como objetivo entender o conceito de Juventude que foi utilizado e suas consequências para o Ensino de História. Foi realizada uma entrevista semiestruturada com uma professora de História que participou da formação de professores proposto pelo PNEM e ministrava aulas para o terceiro ano. Os jovens alunos desta professora também participaram da pesquisa, a eles foi aplicado um questionário composto de questões abertas. Estas análises ajudaram a compreender a forma como o conceito de Juventude vem sendo apropriado pelos documentos oficiais e relacionado com a Aprendizagem Histórica, assim como os embates entre as propostas oficiais e as carências dos sujeitos envolvidos no processo de ensino e aprendizagem. Palavras-chave: Ensino Médio; Ensino de História; Didática da História; Educação Histórica; Juventude. / Abstract: The present research seeks to understand how the concept of Youth and the proposal of History Teaching are present in the official documents of High School, as well as to analyze the way in which teachers and young people relate to the idea of Historical Learning proposed by these documents. This research is situated in the field of Historical Education, in which History is understood as a science, which considers the existence of several explanations for having a multiperspectivated nature, according to the explanations of Barca and Schmidt (2009). Use as theoretical contribution the Historical Consciousness theory from Rüsen's perspective (2001, 2007, 2010, 2012). In order to give subsidies to the analyzes carried out in the official documents for High School, it was firstly sought to understand how the concept of Youth is approached by authors such as Dayrell (2003), Hobsbawm (1995), Torres (2008), Margulis and Urresti Pais (1990), Abad (2003), Bourdieu (2003), Edwards (1997), Dubet and Martucelli (1998), Charlot (2001), Kuenzer (2009) and Schmidt (2002). The researches of Germinari (2010); Alves (2011); Fronza (2012); Azambuja (2013); Souza (2014) were analyzed in a descriptive and interpretive way, seeking the intersection axes in relation to the Historical Learning of young people. The following official documents of the Secondary School were analyzed: National Curricular Guidelines for Secondary Education (PCNEM, 1999, PCN +, 2002), the National Curriculum Guidelines (DCN, 1998), the National Curriculum Guidelines for Secondary Education (DCNEM, 2012), the Innovative High School Guidance (2009, 2011, 2013, 2014), and two training books of teachers of the National Pact for Strengthening Secondary Education (2013, 2014), being "Young as subject of High School" and "Human Sciences". The analysis of these documents had as objective to understand the concept of Youth that was used and its consequences for the Teaching of History. A semi-structured interview was conducted with a History teacher who participated in the teacher training offered by PNEM and taught classes for the third year. The young students of this teacher also participated in the research, they were applied a questionnaire composed of open questions. These analyzes helped to understand how the concept of Youth has been appropriated by official documents and related to Historical Learning, as well as the clashes between the official proposals and the needs of the subjects involved in the teaching and learning process. Key words: High School; History teaching; Didactics of History; Historical Education; Youth.
42

Educação para a tolerância : um estudo exploratório sobre a percepção de conduta de professores de português e matemática, a partir do relato verbal de alunos e professores

Guedes, Matheus January 2017 (has links)
Orientadora: Profª Drª Suzane Schmidlin Löhr / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 13/03/2017 / Inclui referências : f. 73-82 / Resumo: Esta pesquisa objetivou identificar se está ocorrendo o ensino da tolerância nas escolas, e se os professores de Português e Matemática estão aproveitando as oportunidades em sala de aula e escola para tratar desta temática. Na etapa de revisão da literatura, foram encontrados conceituações e padrões comportamentais diferentes para o termo tolerância, o que contribuiu para o estabelecimento e operacionalização dos conceitos de tolerância ativa e tolerância passiva. Ambos os conceitos nortearam a elaboração de questionários para alunos e professores, de modo que fosse possível levantar o relato dos participantes a respeito da postura dos professores em sala de aula, no trato de situações-problemas específicos, apresentados nos questionários. Participaram deste estudo 138 alunos regularmente matriculados no 1º e 2º ano do Ensino Médio, e nove professores efetivos, sendo cinco de Português e quatro de Matemática. Os resultados apontam que os professores de Português são avaliados pelos alunos como sendo mais tolerantes ativos em comparação aos professores de Matemática. Os dados também apontaram um baixo nível de habilidade de resolução de problemas, por parte dos professores de ambas as disciplinas. Por fim, os resultados indicam que está ocorrendo o ensino da tolerância ativa nas escolas, em ocorrência de debates e discussões em sala de aula, bem como na gestão dialógica de conflitos interpessoais entre alunos, oportunidades estas que são aproveitadas em maior número pelos professores de Português. Palavras-chaves: Tolerância Ativa; Tolerância Passiva; Análise do Comportamento; Educação em Direitos Humanos; Cidadania. / Abstract: This research aimed to identify whether tolerance teaching is occurring in schools and whether Portuguese and Mathematics teachers are taking advantage of opportunities in the classroom and school to address this issue. In the review stage of the literature, different concepts and behavioral patterns were found for the term tolerance, which contributed to the establishment and operationalization of the concepts of active tolerance and passive tolerance. Both concepts regulated the elaboration of questionnaires for students and teachers, so that it was possible to raise the participants' reports about the attitude of the teachers in the classroom, dealing with specific situations and problems presented in the questionnaires. The study included 138 students enrolled in the 1st and 2nd year of high school, and nine teachers, five from Portuguese and four from Mathematics. The results show that Portuguese teachers are evaluated by the students as being more tolerant active in comparison to teachers of Mathematics. The data also pointed to a low level of problem solving ability on the part of teachers from both disciplines. Finally, the results indicate that active tolerance teaching is taking place in schools, in the occurrence of debates and discussions in the classroom, as well as in the dialogical management of interpersonal conflicts among students, opportunities that are used in greater numbers by teachers of Portuguese. Keywords: Active Tolerance; Passive Tolerance; Behavior Analysis; Education in Human Rights; Citizenship.
43

Relações entre ensino, práticas artísticas e pesquisa : princípios didáticos para a formação do professor de artes visuais

Teuber, Mauren January 2016 (has links)
Orientadora: Profa. Dra. Tânia Maria F. Braga Garcia / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 17/03/2015 / Inclui referências : p. 245-253 / Resumo: Tem como tema as múltiplas dimensões que constituem o trabalho profissional do professor de Arte e os desafios para a formação docente. Apoia-se nos pressupostos teórico-metodológicos da etnografia educacional, com observação participante, mais particularmente na forma como compreendida por Rockwell (1987) e Garcia (2001). Foi desenvolvida em parte com a realização de um estágio sanduíche na Florida State University, onde foi realizado o trabalho empírico, entre agosto de 2014 e maio de 2015. Parte de pressuposições sobre o ensino de Artes Visuais na escola brasileira, marcada pela polivalência, e algumas problematizações relativas à desvalorização e à didatização da Arte como disciplina escolar, construídas a partir de autores como Chervel (1990), Honorato (2011), Loponte (2005), Schlichta (2009); em relação à possibilidade de examinar as experiências dos sujeitos na escola, destacam-se Forquin (1993) e Dominique Juliá (2001). Para o debate sobre a formação de professores no contexto contemporâneo, referenciase em autores como Marcelo Garcia (2009) e Nóvoa (1992), e, em particular sobre professores de Artes Visuais, em Fonseca da Silva (2013). Apresenta os resultados a partir de categorias analíticas construídas no diálogo entre a teoria e a empiria, especialmente apoiadas na observação das situações didáticas organizadas e desenvolvidas por uma professora-artista-pesquisadora. Evidencia a necessidade de compreender o trabalho do professor de Arte constituído por três dimensões e que são o núcleo de sustentação de práticas de ensino entendidas como adequadas a uma efetiva aprendizagem nessa disciplina. Intenta evidenciar a importância e a necessidade de fazer aproximações entre a ação pedagógica, a produção artística e a dimensão investigativa na formação do professor de Artes Visuais e sistematiza princípios a serem considerados em uma Didática para formar professores de Artes Visuais. Palavras-chave: Licenciatura em Artes Visuais. Formação do professor de Arte. Formação do formador de professores de Artes Visuais. Etnografia Educacional. Didática da Arte. / Abstract: The theme is the multiple dimensions that constitute the professional work of the Art teacher and challenges for teacher education. It is based on the theoretical and methodological principles of educational ethnography, with participant observation, more particularly in the way understood by Rockwell (1987) and Garcia (2001). It was developed in part with a doctorate degree internship at Florida State University, where the empirical work was conducted between August 2014 and May 2015. Part of assumptions about the teaching of Visual Arts in Brazilian schools, marked by polyvalence, and some problematizations relating to the depreciation and the didactization of Art as a school subject, are based in the authors like Chervel (1990), Honorato (2011), Loponte (2005), Schlichta (2009). The possibility of examining the experiences of the subjects in school is based in the authors Forquin (1993) and Dominique Julia (2001). For the debate on teacher education in the contemporary context, reference is to the authors Marcelo Garcia (2009), Novoa (1992) and - in particular about Visual Arts teachers - to Fonseca da Silva (2013). Results are presented from analytical categories built in the dialogue between theory and empiricism, especially supported in the observation of teaching situations organized and developed by a teacher-artist-researcher. The need to understand the Art teacher's work is evidenced as dwelling in three dimensions, which are the core of teaching practices considered appropriate for effective learning in this discipline. The importance and the need to make links between the pedagogical action, the artistic production and the investigative dimension in the formation of a teacher of Visual Arts are highlighted, and principles are presented and systematized to be considered in a didactic to the education of the teachers of Visual Arts. Keywords: Art Education Degree. Art Teacher Education. Art Teacher Formation. Education of the professor of Visual Arts Teachers. Educational Ethnography. Art Didactics.
44

Comportamento altruísta em crianças de dois a cinco anos

Vilalva, Suellen January 2017 (has links)
Orientadora: Profª Drª Suzane S. Löhr / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 15/03/2017 / Inclui referências : f. 51-59 / Resumo: O comportamento altruísta, também estudado sob os rótulos de comportamento pró-social, bondade, cuidado, é um comportamento de natureza moral essencial para a manutenção das relações humanas, está associado ao desenvolvimento socioemocional adequado e é um potencial inibidor do comportamento antissocial. O que é de extrema relevância, sobretudo na infância, já que a maioria dos comportamentos morais tem seu início nessa fase. Este estudo teve por objetivo investigar o relato verbal de crianças com idade de dois a cinco anos diante de situações-problema que trouxeram oportunidades para emissão de comportamentos altruístas. Adicionalmente, foi investigada a percepção de pais e professores acerca das possíveis escolhas da criança. Os resultados demonstraram que mais da metade das crianças indicou respostas altruístas adequadas à situação-problema em questão. O que indica que, desde muito cedo, as crianças são sensíveis às necessidades de outros e torna possível refletir sobre as diversas formas pelas quais pais e professores, enquanto figuras de referência, podem planejar oportunidades para o exercício efetivo do altruísmo. Palavras-chave: Altruísmo na infância, comportamento altruísta, infância, bondade. / Abstract: The altruistic behavior also studied under the labels of kindness, care, pro-social behavior, kindness and care, is a behavior of moral nature essential for the human relations maintenance, is associated with adequate socioemotional development and is a potential inhibitor of antisocial behavior. This is extremely relevant, especially in childhood since most moral behaviors begin at this stage. This study aimed to investigate the verbal report of children aged from 2 to 5 years in the face of problem situations that have brought opportunities for the altruistic behaviors expression. Additionally, the perception of parents and teachers about the child's possible choices was investigated. The results showed that more than half of the children indicated altruistic responses appropriate to the problem situation in question. This indicates that from an early age children are sensitive to the need of the others, and make it possible to reflect on the various ways in which parents and teachers as reference figures can plan opportunities for the effective exercise of altruism. Keywords: Altruism in childhood, altruistic behavior, childhood, kindness.
45

O letramento digital no ensino da matemática sob a perspectiva de complexidade

Souza, Andréia Rabello de January 2017 (has links)
Orientadora: Profª Drª Ettiène Cordeiro Guérios / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 28/03/2017 / Inclui referências : f. 186-193 / Resumo: O uso de tecnologias digitais tem transformado o campo da comunicação, permitindo o rápido acesso à informação, que por consequência, tem reconfigurado profundamente as práticas de escrita e leitura, ditas tradicionais. A mudança na visão do que seja alfabetização e letramento com lócus em contextos digitais, refletem na formação docente, avançando de aspectos meramente operacionais de uso para uma reflexão maior sobre o quê, como e por quê ensinar com o suporte digital. Traduzindo o exposto para a realidade escolar, esta pesquisa investigou que reflexos do letramento digital, em um contexto de intervenção pedagógica, são possíveis identificar na prática docente dos professores que ensinam matemática. O quadro teórico foi construído a partir de análise da abordagem histórico cultural de Vygostky (1998), de autores contemporâneos que abordam o letramento digital, tais como, Buzato (2001), Oliveira (2013), Rojo (2014), Soares (1988) e Xavier (2002) e de Morin (2000, 2003, 2011, 2013, 2015) na tecitura da pesquisa, particularmente quanto a perspectiva de complexidade na construção dos instrumentos para obtenção de dados empíricos e na criação das categorias de análise. A metodologia da pesquisa é de natureza qualitativa e foi realizada em quatro etapas: I) aplicação de questionário a professores que ensinam matemática da Educação Infantil ao Ensino Fundamental II, em uma escola particular na região de Curitiba; II) intervenção na modalidade de oficina pedagógica com produção digital; III) entrevistas; IV) análise dos dados coletados e apresentação de resultados. Os resultados apontaram que a intervenção pedagógica contribuiu com elementos teóricos e metodológicos na formação desses professores, pois, fundamentaram o tempo pedagógico para que se descobrissem em suas fases de letramento digital e como este processo de descoberta refletiu sobre a práxis no ensino da matemática. Palavras-chave: Formação de professores. Complexidade. Ensino de matemática. Tecnologias digitais. Intervenção pedagógica. / Abstract: The use of digital technologies has directly impacted the field of communication, allowing the rapid access to information, which has consequently deeply reconfigured traditional writing and reading practices. This research had the objective of verifying how the pedagogical intervention for the digital literacy of the teachers who teach mathematics, produces reflexes in the pedagogical practice. The research problem involved the question: "what reflexes of digital literacy in a context of pedagogical intervention, are possible to identify in the teaching practice of teachers who teach mathematics." It was sought to identify how the change in the vision of literacy and literacy with locus in digital contexts, reflect on the teacher's continuing education, advancing from merely operational aspects of use, aiming to achieve a greater reflection on: what, how and Why teach math with digital support. The theoretical framework was constructed from an analysis of the historical cultural approach of Vygostky (1998) and contemporary authors that approach the digital literacy, such as Buzato (2001), Morin (2013), Oliveira (2013), Rojo , Soares (1988) and Xavier (2002). The methodology was based on qualitative research, which was carried out in four stages: I) application of the questionnaire to teachers who teach mathematics from kindergarten to elementary school II, in a private school in the Curitiba region; II) intervention in the form of a pedagogical workshop with digital production; III) interviews; And finalizing, IV) analysis of the data collected and presentation of results. The results pointed out that the pedagogical intervention contributed with theoretical and methodological elements, since, they founded the pedagogical time for teachers to discover themselves in their digital literacy phases and, with this process, reflected on praxis in the teaching of mathematics. Keywords: Teacher Training, Complexity, Mathematics Teaching, Digital Technologies, Pedagogical Intervention. / Resumen: El uso de tecnologías digitales ha impactado directamente el campo de la comunicación, permitiendo el rápido acceso a la información, que por consiguiente, ha reconfigurado profundamente las prácticas de escritura y lectura, dichas tradicionales. Esta investigación tuvo por objetivo verificar de qué forma la intervención pedagógica para el letra digital de los profesores que enseñan matemáticas, produce reflejos en la práctica pedagógica. El problema de investigación involucró la cuestión: "que reflejos del letramento digital en un contexto de intervención pedagógica, es posible identificar en la práctica docente de los profesores que enseñan matemáticas". Se buscó identificar cómo el cambio en la visión de lo que es alfabetización y letramento con locus en contextos digitales, reflejan en la formación continuada del docente, avanzando a partir de aspectos meramente operativos de uso, buscando alcanzar una reflexión mayor sobre: qué, cómo y cómo, Por qué enseñar las matemáticas con el soporte digital. El cuadro teórico fue construido a partir de análisis del abordaje histórico cultural de Vygostky (1998) y de autores contemporáneos que abordan el letramento digital, tales como, Buzato (2001), Morin (2013), Oliveira (2013), Rojo (2014), Soares (1988) y Xavier (2002). La metodología se basó en investigación de naturaleza cualitativa, la cual se realizó en cuatro etapas: I) aplicación del cuestionario a profesores que enseñan matemáticas de la Educación Infantil a la Enseñanza Fundamental II, en una escuela particular en la región de Curitiba; II) intervención en la modalidad de taller pedagógico con producción digital; III) entrevistas; Y finalizando, IV) análisis de los datos recolectados y presentación de resultados. Los resultados apuntaron que la intervención pedagógica contribuyó con elementos teóricos y metodológicos, pues, fundamentaron el tiempo pedagógico para que los profesores se descubrían en sus fases de letra digital y, con este proceso, se reflexionó sobre la praxis en la enseñanza de las matemáticas. Palabras clave: Formación de Profesores, Complejidad, Ensino de Matemática, Tecnologías Digitales, Intervención Pedagógica.
46

O educador social e o pedagogo escolar na prevenção do abuso de drogas na adolescência

Lima, Tatiane Delurdes de January 2017 (has links)
Orientadora: Profª Drª Araci Asinelli-Luz / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 27/03/2017 / Inclui referências : f. 153-158 / Resumo: O presente estudo expõe uma investigação envolvendo a atuação do educador social e do pedagogo escolar na prevenção do abuso de drogas na adolescência. Partindo do problema: "quais são as ações profissionais do educador social e do pedagogo escolar frente à prevenção do abuso de drogas com adolescentes?" objetivou-se verificar os mecanismos/procedimentos no campo da Educação Social e da Pedagogia na prevenção do abuso de drogas na adolescência. Para isso, empregou-se no estudo o caráter descritivo, co-relacional e exploratório, analisando informações com abordagem qualitativa, em pesquisa de campo e com o uso de entrevistas semi-estruturadas. Foram participantes da pesquisa três educadoras sociais de um Centro da Juventude e três pedagogas escolares da rede de colégios estaduais, de um município da região Metropolitana de Curitiba. Para análise dos dados utilizou-se a técnica dos Núcleos de Significação, de Aguiar e Ozella (2006, 2013), oportunizando, com os dados, a apreensão dos sentidos manifestados pelas participantes da pesquisa. Dos resultados das análises emergiram cinco Núcleos de Significação: Ausência, Ser, Conhecer, Fazer e Sentir. Para compor o quadro teórico da discussão, optou-se pelos autores da Pedagogia Escolar e Pedagogia Social e relacionados à prevenção do abuso de drogas, tais como Asinelli-Luz (2000, 2014); Costa (1997); Machado (2002, 2012); Roselli-Cruz (2010). Constatou-se que o educador social e o pedagogo escolar possuem iniciativas próprias e reconhecimento da importância de atuar com a educação preventiva na adolescência. Porém, a escassa oferta de formação profissional e a ausência de suporte técnico e de trabalho em rede, dificultam a organização e ação de procedimentos na área. Considera-se que o objetivo da pesquisa foi alcançado, respondendo ao problema na medida em que se verificou os mecanismos/procedimentos no campo da Educação Social e da Pedagogia na prevenção do abuso de drogas na adolescência. Foi possível identificar os condicionantes que facilitam e, principalmente, dificultam essa prática. Com isso, se reforçou a relevância desses profissionais para a efetivação de ações voltadas ao desenvolvimento humano e à superação do abuso de drogas na adolescência. Palavras-Chave: Educação. Adolescência. Pedagogia Social. Pedagogia. Prevenção do abuso de drogas. Educação Social. / Abstract: This study presents an investigation involving the social educator and the pedagogue in the prevention of drug abuse during adolescence. Starting from the problem: "what are the professional actions of the social educator and the pedagogue in relation to the prevention of drug abuse with adolescents?" The objective was to verify the mechanisms / procedures in the field of Social Education and Pedagogy in the prevention of drug abuse in adolescence. For this, the descriptive, co-relational and exploratory character was used in the study, analyzing information with a qualitative approach, in field research and with the use of semi-structured interviews. The participants were three social educators from a Youth Center and three school pedagogues from the network of state colleges in a city from the Metropolitan area of Curitiba. To analyze the data, we used the Aguiar and Ozella Nucleus of Significance (2006, 2013) technique, providing the data with the apprehension of the senses manifested by the participants of the research. The results of the analysis emerged five Nuclei of Meaning: Absence, To be, to know, to do and to feel. In order to compose the theoretical framework of the discussion, we opted for the authors of School Pedagogy and Social Pedagogy and those related in the prevention of drug abuse, such as Asinelli-Luz (2000, 2014); Costa (1997); Machado (2002, 2012); Roselli-Cruz (2010). It was found that the social educator and the pedagogue have their own initiatives and recognize the importance of working with preventive education in adolescence. However, the scarce supply of vocational training and the lack of technical support and networking make it difficult to organize and act on procedures in the area. It is considered that the objective of the research was reached, responding to the problem as far as the mechanisms / procedures in the field of Social Education and Pedagogy in the prevention of drug abuse in adolescence were verified. It was possible to identify the conditions that facilitate and, mainly, make this practice difficult. This reinforced the relevance of these professionals for the implementation of actions aimed at human development and overcoming drug abuse in adolescence. Keywords: Education. Adolescence. Social Pedagogy. Pedagogy. Prevention of drug abuse. Social Education. / Rèsumè: La présente étude expose une enquête impliquant la prestation de l'éducateur social et du pédagogue scolaire dans la prévention de la toxicomanie à l'adolescence. En partant du problème "Quelles sont les actions professionnelles de l'éducateur social et du pédagogue scolaire face à la prévention de la toxicomanie parmi les adolescents?" visant à vérifier les mécanismes/procédures dans le domaine de l'éducation sociale et de la pédagogie dans la prévention de la toxicomanie à l'adolescence. Pour cela, nous avons utilisé dans l'étude un caractère descriptif, co-relationnel et expérimental, analysant les informations avec une approche qualitative, une recherche sur le terrain et au moyen d'entretiens semi-structurés. Comme participants à l'étude, il y avait trois éducateurs sociaux d'un centre de jeunesse et trois pédagogues scolaires de collèges d'État, d'une ville de la région Métropolitaine de Curitiba. Pour l'analyse des données, nous avons utilisé la technique des "Noyaux de Signification", de Aguiar et Ozella (2006, 2013), prenant comme données l'appréhension des sens manifestés par les participants à l'étude. Les résultats des analyses ont fait apparaître cinq "Noyaux de Signification": absence, être, connaître, faire et sentir. Pour composer le cadre théorique de la discussion, nous avons choisi des auteurs de pédagogie scolaire et pédagogie sociale en relation à la prévention de l'abus de drogues, comme Asinelli-Luz (2000, 2014); Costa (1997); Machado (2002, 2012); Roselli-Cruz (2010). Il a été constaté que l'éducateur social et le pédagogue scolaire ont des initiatives propres, et la reconnaissance de l'importance de travailler à une éducation préventive à l'adolescence. Cependant, le peu de formation professionnelle et l'absence de supports techniques et de travail en réseau, entraînent des difficultés pour l'organisation et l'action de procédures dans ce domaine. On considère que l'objectif de l'étude a été atteint, répondant au problème, dans la mesure où ont été vérifiés les mécanismes/procédures dans le domaine de l'éducation sociale et de la pédagogie dans la prévention de la toxicomanie à l'adolescence. Il a été possible d'identifier les conditions qui facilitent, et surtout celles qui posent des difficultés pour cette pratique. Ainsi a été renforcée la pertinence de ces professionnels pour effectuer des actions efficaces visant au développement humain et à la suppression de la toxicomanie à l'adolescence. Mots-clés: éducation. Adolescence. Pédagogie sociale. Pédagogie. Prévention de la toxicomanie. Éducation sociale. / Resumen: Este estudio expone una investigación que implica el desempeño del educador social y pedagogo de escuela en la prevención del abuso de drogas en la adolescencia. Partiendo del problema ", que son la actuación profesional de educador social y pedagogo frontal escuela para la prevención del abuso de drogas entre los adolescentes" con el objetivo de verificar los mecanismos / procedimientos en el campo de la Educación Social y Pedagogía en la prevención del abuso de drogas en la adolescencia. Para ello, se utilizó en el estudio lo descriptivo correlacionar y exploratorio, análisis de la información con un enfoque cualitativo en el campo de la investigación y el uso de entrevistas semiestructuradas. Había tres participantes educadores de investigación social de un centro juvenil y tres redes de pedagogos escolares de los colegios estatales, una ciudad de la región Metropolitana de Curitiba. Para el análisis de datos, se utilizó la técnica de la significación Núcleos de Aguiar y Ozella (2006, 2013), que proporciona oportunidades, con los datos, la incautación de los sentidos expresados por los participantes en la investigación. Los resultados del análisis fueron cinco Centros significando: Ausencia, ser, saber, hacer y sentir. Para componer el marco teórico de la discusión, se decidió por los autores de la Escuela de Educación y Pedagogía Social y relacionada con la prevención del abuso de drogas, tales como Asinelli-Luz (2000, 2014); Costa (1997); Machado (2002, 2012); Roselli-Cruz (2010). Se encontró que el educador social y el maestro de escuela tienen sus propias iniciativas y reconocimiento de la importancia de trabajar con la educación para la prevención en la adolescencia. Sin embargo, la escasez de formación y la falta de apoyo técnico y la creación de redes, obstaculizan los procedimientos de organización y de acción en el área. Se considera que el objetivo se logró, en respuesta al problema en el que se encontró los mecanismos / procedimientos en el campo de la Educación Social y Pedagogía en la prevención del abuso de drogas en la adolescencia. Fue posible identificar las condiciones que facilitan especialmente esta difícil práctica. De este modo, se refuerza la importancia de estos profesionales existentes, a los recursos destinados al desarrollo humano y para superar el abuso de drogas en la adolescencia. Palabras clave: La adolescencia. Pedagogía Social. Pedagogía. La prevención del abuso de drogas. La Educación Social.
47

A práxis como fenômeno formador do/a docente

Raimundo, Jerry Adriano January 2017 (has links)
Orientador: Prof. Dr. Maurício Cesar Vitória Fagundes / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 06/07/2017 / Inclui referências : f. 112-114 / Resumo: Este trabalho organiza e realiza investigações acerca da formação do/a professor/a em serviço, na perspectiva dialética que enfoca a práxis como fenômeno recursivo do trabalho docente, capaz de transformá-lo/a e formá-lo/a. A pesquisa parte do questionamento de como o/a professor/a pode se formar pela práxis do seu próprio trabalho, pressupondo que o conjunto de particularidades que o caracteriza responderá sobre a formação docente (coletiva). O direcionamento da pesquisa se formaliza metodologicamente com o objetivo de compreender o processo formativo dos/as professores/as, de anos iniciais de uma escola da rede pública do município de Curitiba, nas possibilidades e limites de seu próprio trabalho concebido como práxis. Para isso, utiliza o método dialético-materialista para fundamentar o processo investigativo e aborda qualitativamente os materiais da investigação. Com a perspectiva do método dialético, este trabalho se configura como estudo de caso, a fim de descrever o processo de formação docente em serviço, utilizando três procedimentos para coleta de materiais, a saber: pesquisa documental, entrevista com professores/as; e, entrevista exotópica com pedagogos/as desta escola. Os materiais são interpretados pela análise dialógica de discurso de Bakhtin, e são submetidos à lógica dialética para construir os resultados da pesquisa. As dimensões teóricas e metodológicas são discutidas com os seguintes pensadores: Álvaro Vieira Pinto, método dialético e educação; Adolfo Sánchez Vázquez, filosofia da práxis; Augusto Nibaldo Silva Triviños, metodologia de pesquisa, Mikhail Bakhtin, análise dialógica de discurso; e, Paulo Freire, educação e formação de professores. Palavras-chave: Formação docente. Existência. Práxis. / Abstract: This work organizes and realizes investigations about the teacher-forming in service, in the dialectical perspective that focuses on praxis as a recursive phenomenon of the teaching work, capable of transforming and forming him/her. The research starts from the questioning of how the teacher can be formed by the praxis of his own work, assuming that the set of particularities that characterize him/her will respond to the (collective) teacher formation. The direction of the research is formalized methodologically with the objective of understanding the formative process of the teachers of early years of a public school in the city of Curitiba (Brazil), in the possibilities and limits of their own work conceived as praxis. For this, it uses dialectical-materialist method to base the investigative process and qualitatively approaches the materials of the investigation. With the perspective of dialectical method, this work is configured as a case study, in order to describe the process of teacher formation in service, using three procedures for collecting materials, namely: documentary research, interview with teachers; and, exotopic interview with pedagogues of this school. The materials are interpreted by Bakhtin's dialogical analysis of discourse, and are subjected to dialectical logic to construct the results of the research. The theoretical and methodological dimensions are discussed with the fallowing thinkers: Álvaro Vieira Pinito, dialectical method and education; Adolfo Sánchez Vázquez, philosophy of praxis; Augusto Nibaldo Silva Triviños, methodology of research; Mikhail Bakhtin, dialogical discourse analysis; and, Paulo Freire, education and teacher-forming. Key words: Teacher formation. Existence. Praxis.
48

Interseções, conexões e oposições : currículo e curso de pedagogia nas dissertações produzidas no PPGE da UFPR (1977-1997)

Meira, Leticia Mara de January 2014 (has links)
Orientadora: Profª Drª Leziany Silveira Daniel / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 25/09/2014 / Inclui referências / Resumo: Este trabalho põe em discussão as representações sobre o currículo e o Curso de Pedagogia identificadas nas dissertações de mestrado do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Paraná no período compreendido entre o início das atividades do Curso de Mestrado em Educação (1977) e o primeiro ano de influência da Lei Nº 9394/96 (1997). Este período, no qual o currículo mínimo do curso era determinado pelo Parecer do Conselho Federal de Educação de número 252/69, é especialmente relevante porque compreende, além do início e da consolidação do Curso de Mestrado em Educação com área de concentração em Currículo na UFPR, um intenso movimento de reorganização curricular do Curso de Pedagogia impulsionado pelo Movimento Nacional para a Formação do Pedagogo. Num contexto político que vai da distensão do regime ditatorial aos primeiros anos da Nova República, esta discussão acadêmica refletiu e influenciou as redes de trabalho dentro da Universidade que neste momento via seu corpo docente buscar novas titulações e adensar as atividades de pesquisa. As principais referências utilizadas para esta análise foram Pierre Bourdieu com o conceito de campo científico, Roger Chartier com representação e, Michel de Certeau com os conceitos de lugar, tática e estratégia. A metodologia utilizada foi a análise de conteúdo de Bardin, contemplando também procedimentos da análise documental. As principais fontes utilizadas foram as dissertações defendidas no Mestrado em Educação do PPGE da UFPR. Como fontes auxiliares foram utilizadas publicações relacionadas ao Setor de Educação e os primeiros relatórios do PPGE. O trabalho aborda a organização do curso e as tendências temáticas do PPGE, bem como o posicionamento do mesmo no campo científico do currículo. Ao analisar as principais produções sobre o conceito de currículo e sobre questões relacionadas ao Curso de Pedagogia, foi possível identificar lugares de interseção, pontos de conexão e afirmações de oposição em um mesmo contexto institucional. As categorias de análise das dissertações possibilitaram, ao destacar as principais representações sobre o Curso de Pedagogia, discorrer sobre a posição dos trabalhos produzidos na UFPR no campo científico. Partícipes de uma mesma comunidade acadêmica, as representações em torno do currículo e do Curso de Pedagogia veiculadas nas dissertações do Mestrado em Educação demonstraram que, em um cenário onde as normativas federais produziam desdobramentos alinhados ao pensamento hegemônico, a Pós-graduação representava um lugar em que os posicionamentos divergentes podiam ser, e de fato eram expressados, o que evidencia a importância da produção acadêmica em um período de abertura política e construção democrática. Palavras Chave: Currículo, Curso de Pedagogia, Mestrado em Educação, Setor de Educação, Universidade Federal do Paraná. / Abstract: This study discusses issues concerning the curriculum and Pedagogy Course that have been raised in Master's Degree dissertations in the Post-Graduate Program in Education (PPGE) of the Federal University of Paraná between the inception of the Master's Degree in Education (1977) and the first year following the passing of Law 9394/96 (1997). During these two decades, the minimum requirements for the curriculum of the course were determined by Report 252/69 issued by the Federal Education Council. This period is particularly relevant because it includes the early consolidation of the Master's Degree in Education concentrating on the Curriculum at UFPR and an intense reorganization of the Pedagogy Course, propelled by the National Movement for Teacher Training. In a political context stretching from the military dictatorship to the early years of the New Republic, this academic discussion reflected and influenced working networks within the university. At this time, the teaching staff sought greater qualifications and further research activities. The main references for this analysis were Pierre Bourdieu, with the concept of the scientific field, Roger Chartier, with representation, and Michel de Certeau, with the concepts of place, tactics and strategy. The methodology was Bardin's content analysis, in addition to document analysis procedures. The main sources were the PPGE Master's Degree dissertations defended at the UFPR. Auxiliary sources included publications pertaining to the Education Sector and the first PPGE reports. The study broaches the organization of the course and the thematic trends of the PPGE, and the position of the program in the scientific field of the curriculum. An analysis of the main productions on the concept of curriculum and matters related to the Pedagogy Course enabled the identification of intersections, connecting points and opposing statements in the same institutional context. The analysis categories of the dissertations made it possible to highlight the main representations concerning the Pedagogy Course, discussing the position of the work produced at the UFPR in the scientific field. Stemming from the same academic community, the writings on the curriculum of the course in the dissertations of the Master's Degree in Education showed that, in a scenario where federal norms led to unfolding hegemonic thinking, the Post-graduate Course could be, and indeed was, a space in which differing opinions could be expressed. This is demonstrative of the importance of academic production at a time of political openness and democratic upheaval. Key words: Curriculum, Pedagogy Course, Master's Degree in Education, Education Sector, Federal University of Paraná.
49

Direitos humanos na capacitação de educadores : o que são? para que servem?

Souza, Leandro Corsico January 2013 (has links)
Orientadora: Profª Drª Tânia Stoltz / Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 27/09/2013 / Inclui referências / Resumo: A presente pesquisa tem como objetivo identificar as significações de direitos humanos de 81 (oitenta e um) participantes de capacitação em educação em direitos humanos. Assume-se como verdadeira a premissa, apontada pela literatura, de que tais direitos, construtos históricos e incompletos da humanidade, são dependentes da educação para disseminação de uma cultura com eles compatível. Neste sentido, procura-se analisar os objetivos colocados pelo Programa Nacional de Direitos Humanos - PNDH e pelo Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos - PNEDH no que tange à capacitação de educadores, destacando sua perspectiva de disseminação e multiplicação destes direitos, através de uma formação que, para além dos conhecimentos formais, desenvolve valores e práticas. Para tanto, a psicologia históricocultural de Vygotsky (1989, 2008, 2009) é chamada com vistas à compreensão da ressignificação dos direitos humanos desencadeada pela capacitação, considerando o caráter dialético da apropriação do conhecimento humano acumulado, de caráter geral, pelo indivíduo singular. O método de identificação de núcleos de significação (Aguiar e Ozella, 2009), baseado em Vygotsky, orientou a análise dos dados. Os dados foram obtidos a partir de uma abordagem ex post facto de curso de educação em direitos humanos, na modalidade educação a distância, realizado em 2011 pela Universidade Federal do Paraná. Quanto às significações identificadas, um resultado preliminar diz respeito às palavras relacionadas à educação em direitos humanos. Constata-se que as palavras inseridas com maior frequência correspondem a valores e a princípios formais presentes nos marcos legais e no vocabulário jurídico destes direitos. Além disto, foram constituídos três núcleos de significação: Definindo Direitos Humanos, Direitos Humanos para si e para o próximo, e (Re)Significando Direitos Humanos após a capacitação. Na análise internúcleos, define-se dois perfis principais das significações: um perfil formalista, que concebe os direitos humanos de modo abstrato e formal, significando o processo de capacitação a partir dos conhecimentos apreendidos e ampliados; e um perfil assistencialista, que concebe os direitos humanos como atitudes em relação ao próximo, significando a capacitação a partir das ações a serem desenvolvidas, ainda que estas sejam descontextualizadas do estatuto histórico e social destes direitos. Tais perfis espelham a mediação realizada pela capacitação. São feitas considerações a respeito das discrepâncias e contradições entre os dados obtidos e os objetivos da educação em direitos humanos. Palavras chave: educação em direitos humanos; Vygotsky; significações. / Abstract: This study's objective is to identify the meanings of human rights of 81 participants in training in human rights education. The premise pointed by literature that such rights, historical and incomplete constructions of humanity, depend on education to disseminate a culture which is compatible to theirs is taken as truthful. To this effect, this papers seeks to analyze the objectives presented in the National Program of Human Rights - PNDH and in the National Plan for Human Rights Education - PNEDH in what they refer to the training of educators, highlighting its perspective of dissemination and multiplication of these rights through a formation process which evolves values and practices, and which goes beyond formal education. In this manner, Vygotsky's cultural-historical psychology (1989, 2008, 2009) is dealt with heading resignification of human rights triggered by teacher-training, considering the dialectic character of the appropriation of accumulated human knowledge of any kind by the singular individual. The method of identifying meaning cores (Aguiar e Ozella, 2009) based on Vygotsky oriented the analysis of data. The data was obtained from an ex post facto approach in a course in the area of education in human rights, in the modality of distance education, which took place in 2011 in Universidade Federal do Paraná. In relation to the identified meanings, a prefatory result regards the words related to education in human rights. The words most frequently inserted correspond to formal values and principles which are present in legal frameworks and in the legal vocabulary of these rights. Furthermore, three meaning cores were constituted: Defining Human Rights, Human Rights for yourself and for your neighbor, and (Re)Signifying Human Rights after training. In the intercore analysis, are defined two main profiles of meanings: a formalist profile, which conceives human rights in an abstract and formal way, meaning the training process from the seized and expanded knowledge; and a welfare profile, which conceives human rights as attitudes towards fellow citizens, meaning training from the actions to be developed, even if these actions are decontextualized from the historical and social statute of these rights. Such profiles reflect the mediation training provides. Considerations are made referring to discrepancies and contradictions between the obtained data and the objectives of human rights education. Keywords: human rights education; Vygotsky; meanings.
50

Docências trans : entre a decência e a abjeção

Santos, Dayana Brunetto Carlin dos January 2017 (has links)
Orientadora: Profa. Dra. Maria Rita de Assis César / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação. Defesa: Curitiba, 31/03/2017 / Inclui referências : f. 416-438 / Resumo: Esta tese se dedica a uma questão do presente já observada no campo dos movimentos sociais de travestis e transexuais no Brasil e que institui uma hierarquização entre corpos e práticas trans* agora na docência. Isto é, investiga as condições de possibilidades para que a narrativa comum de que para ser professora da Educação Básica, a professora trans* deve se assumir como transexual, pois à travesti tal espaço é interdito. À travesti somente a prostituição, as ruas, as pistas e o escândalo. Tal narrativa produz um mapa estático da docência trans* com fronteiras fixas e bem traçadas. Esta pesquisa desconfia desses regimes de saber-poder-verdade, e investiga como se instituiu uma docência-decente nas escolas. Por meio desta docência-decente todos os corpos e condutas de professoras, trans* e cis* são distintamente governados a partir de rígidas normas regulatórias de gênero, sexualidade e raça. Tal investigação busca na fabricação das experiências e corpos das professoras trans*, nos seus processos de subjetivação e experimentação de si, bem como na dupla constituição de algumas das professoras trans* como docentes e profissionais do sexo, elementos para entender como se constituíram tais espaços autorizados ou interditos para esta ou aquela identidade. Por meio da cartografia foi possível sobrepor ao mapa estático da narrativa comum uma carta cartográfica que desloca o pensamento a respeito das docências trans*. Assim, qualquer generalização a respeito das experiências docentes trans* passa a ser perigosa. Palavras-chave: Docência-decente. Gênero. Sexualidade. Biopolítica. Política. Cartografia. Professoras trans*. / Abstract: This doctoral thesis deals with an issue that has already been observed in the field of social movements of transvestites and transsexuals in Brazil and which establishes a hierarchy between bodies and practices of trans* teachers. The present research investigates the conditions for the possible existence for the common narrative that in order to be a teacher of Basic Education, the trans* teacher must adopt the role of transsexual, because such space is interdicted to transvestites. The social spaces left for the transvestites are only prostitution, streets and scandal. This narrative produces a static map of trans* teaching practices with fixed and well-defined boundaries. This research questions these regimes of knowledge-power-truth, and investigates how 'decent teaching' was established in schools. Through this 'decent teaching' situation, all bodies and conducts of teachers - trans* and cis* - are distinctly governed by rigid regulatory norms of gender, sexuality and race. The research looks for elements to understand how such spaces were constituted and how they authorize or prohibit this or that identity, paying attention specially to the fabrication of the experiences and bodies of trans* teachers, in their processes of subjectivation and self-experimentation, as well as in the dual constitution of some of the trans* teachers as teachers and sex workers. Through the cartographical method, it was possible to overlap a cartographic chart on the static map of the common narrative that shifts the way trans* teaching is conceived. Thus, any generalization of trans* teacher experiences becomes dangerous. Keywords: Decent Teaching. Gender. Sexuality. Biopolitics. Policy. Cartography. Trans* teachers.

Page generated in 0.0801 seconds