• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 1135
  • 46
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 1199
  • 1199
  • 1199
  • 754
  • 752
  • 283
  • 178
  • 173
  • 134
  • 131
  • 127
  • 113
  • 104
  • 99
  • 94
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Silicose em cavadores de poços da região da Ibiapaba : papel da intervenção educativa no controle da doença / Silicosis diggers of wells in the Ibiapaba Region : role of educational intervention in disease control

Holanda, Márcia Alcântara January 1998 (has links)
HOLANDA, Márcia Alcântara. Silicose em cavadores de poços da região da Ibiapaba : papel da intervenção educativa no controle da doença. 1998. 201 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 1998. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2016-03-29T11:57:49Z No. of bitstreams: 1 1998_dis_maholanda.pdf: 14146338 bytes, checksum: fe64b9d8959243bf80b139db970759ef (MD5) / Approved for entry into archive by denise santos(denise.santos@ufc.br) on 2016-03-29T13:22:21Z (GMT) No. of bitstreams: 1 1998_dis_maholanda.pdf: 14146338 bytes, checksum: fe64b9d8959243bf80b139db970759ef (MD5) / Made available in DSpace on 2016-03-29T13:22:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 1998_dis_maholanda.pdf: 14146338 bytes, checksum: fe64b9d8959243bf80b139db970759ef (MD5) Previous issue date: 1998 / Silicosis affects pit diggers in the lbiapaba Mountain Range (IMR). They are men with a mean age of 39. The circumstances that favors the pit digging activities are: 1) lack of natural water sources in the IMR 2) long periods of drought 3) lack of water supply to the population from the local water reservoir 4) lack of alternatives jobs for those men 5) governmental measures with incentives in emergency programs which encourage the manual pit digging activities in an attempt to curb the drought effects. The pit diggers who acquired silicosis had less than 10 years of silica exposure. Most of them became sick after 391,4 days of activity. A primary educational intervention was implemented to a total number of 687 pit diggers in five cities of IMR in intend to prevent silicosis. The Paulo Freire’s educational method was used it was applied to the pit diggers to make them learn about the disease and the sickening process, including how to prevent it. The pit diggers actively participated in the educational program content. This was done by person to person contact among health workers and pit diggers; by group reunions and by large popular communications. In the present study, 283 of the 687 pit diggers answered a questionary in order to evaluate the effects of the educational program on the pit diggers learning about the disease and on the pit digging activities. One hundred fifteen (40,6%) of the pit diggers known they had silicosis, 122 (43,1%) known they did not have silicosis and 46 (16,3%) did not know their diagnosis. The results indicated that the educational program was important to control the disease. The majority of the pit diggers, 277 (98,9%) believed that digging pits was related to getting silicosis This believing was not different among silicotics or non-silicotics (p=0,362). Two hundred seventy one (958%) pit diggers learned that the rock dust causes silicosis and 221 (78,1%) learned that silicosis is acquired by digging pits. The pit diggers said that person to person contact was the best way to learn about silicosis. Most of them, 241 (85,8%) interrupted digging activities. This attitude was influenced by the knowledge of their diagnosis. It was more frequent if they known they had silicosis (p=0,001). The most relevant motive to stop digging was the knowledge about the presence of the silicosis among the diggers 211 (89,1%). There was an association between stopping digging and being diagnosed as silicotic (p=0,034). Nevertheless, 174 (77,7%) wished to change theirjob activity. This was not related to their health status (p=0,831). The pit diggers who did not assimilated the educational program or did not change their attitude regarding pit digging consisted a minority. They did not realize their problem and they need further attention to assimilate an educational intervention / A silicose em cavadores de poços da Região da lbiapaba é uma entidade nosológica ocupacional adquirida por homens com idade média de 39 anos, cujas razões para cavar poços de modo artesanal são: 1) ausência de fontes naturais de água na RI; 2) existência de longos períodos de estiagem; 3) falta de distribuição democrática da água existente no reservatório da RI; 4) falta de alternativa de ocupação para o ganho por parte desses homens; 5) estímulo à escavação manual de poços pelas frentes de serviço dos planos emergenciais de combate aos efeitos da seca. Os cavadores acometidos adoecem em menos de 10 anos de exposição à poeira podendo vir a adoecer em apenas 391,4 dias de atividade. Para prevenir a silicose, foi aplicada à população de 687 cavadores de cinco municípios da RI uma intervenção educativa primária conforme o método Paulo Freire, para o aprendizado sobre o que é a doença, como e por que os cavadores de poços a contraem e como podem evitá-la. O conteúdo educativo do programa foi criado e repassado com a participação ativa dos educandos, tendo sido feito de pessoa a pessoa, pelos profissionais de saúde e cavadores; através de reunião de grupo e da comunicação de massa. No presente estudo, 283 cavadores dos 687 beneficiados com a intervenção responderam a um questionário para se conhecer o papel dessa intervenção no conhecimento dos cavadores sobre a silicose e na atividade de cavar. Cento e quinze (40,6%) eram silicóticos, 122 (43,1%) eram não silicóticos e 46 (16,3%) não sabiam do seu diagnóstico. Os resultados obtidos indicaram que as medidas educativas aplicadas aos cavadores de poços tiveram importante papel no controle da doença. A maioria dos cavadores, 277 (98,9%), acredita que a atividade de cavar poços trás doença. Não houve relação entre a crença e o estado de saúde dos cavadores, (p= 0,362). Duzentos e setenta e um cavadores (95,8%) aprenderam que é o pó da pedra o causador da silicose e 221 (78,1%) disseram que se adquire a doença cavando poços. Com relação à melhor maneira de aprender sobre a silicose, os cavadores disseram que foi através de intervenção feita de pessoa a pessoa. A imensa maioria dos cavadores 241 (85,8%) interrompeu a atividade de cavar e o fato de serem silicóticos influenciou de modo significativo a interrupção da atividade (p=0,001). O principal motivo para interromperem a atividade de cavar foi a silicose 211 (89,1%). A relação entre o motivo para parar de cavar e o fato de serem portadores de silicose foi significativa: p=0,034. Entretanto, o desejo de mudar de atividade foi expresso pela maioria 174 (77,7%) e não sofreu influência do estado de saúde dos cavadores, (p=0,831). A minoria que não assimilou o conteúdo educativo sobre a silicose ou que não mudou de atitude quanto à atividade de cavar poços, não se conscientizou da realidade e precisa receber atenções no sentido de alcançarem essa conscientização.
2

Efeitos de uma intervenção de enfermagem voltada à promoção do método dos dias fixos / Effects of a nursing intervention aimed at promoting the Standard Days Method

Valente, Mayenne Myrcea Quintino Pereira January 2014 (has links)
VALENTE, Mayenne Myrcea Quintino Pereira. Efeitos de uma intervenção de enfermagem voltada à promoção do método dos dias fixos. 2014. 153 f. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2014. / Submitted by denise santos (denise.santos@ufc.br) on 2014-08-06T13:45:05Z No. of bitstreams: 1 2014_tese_mmqpvalente.pdf: 2342452 bytes, checksum: 6a48e4920778399b3bbce2d2de7b46e1 (MD5) / Approved for entry into archive by denise santos(denise.santos@ufc.br) on 2014-08-06T13:45:31Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_tese_mmqpvalente.pdf: 2342452 bytes, checksum: 6a48e4920778399b3bbce2d2de7b46e1 (MD5) / Made available in DSpace on 2014-08-06T13:45:31Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_tese_mmqpvalente.pdf: 2342452 bytes, checksum: 6a48e4920778399b3bbce2d2de7b46e1 (MD5) Previous issue date: 2014 / The Standard Days Method (SDM) is a contraceptive option part of the methods offered in the family planning services; however, its disclosure and use are still scarce in Brazil. Therefore, it becomes essential to promote the SDM in the Unified Health System in the country. For this purpose, we established the thesis: Nursing intervention based on educational strategy using the workshop technique is effective in promoting the SDM, improving the knowledge, attitude, and practice of women as regards the method. Thus, we conducted a quasi-experimental research aimed to test a nursing intervention based on the use of the workshop technique. The study followed the steps: presentation exercise, integration exercise, dialogue-exhibition about the SDM, making the necklace, presenting the use of the necklace by participants, and workshop evaluation. We included women of childbearing age, users of a primary health care unit of the 6th Regional Executive Office in Fortaleza-CE, Brazil. Data collection happened from June to December 2013 through interview and Knowledge, Attitude and Practice (KAP) survey applied before and after the intervention (immediately and after one and two months), with 102, 47, 30, and 27 female participants in their respective moments of investigation. Data analysis occurred through the Statistical Package for Social Sciences (SPSS) version 21.0. We used the McNemar’s test to compare the KAP of participants before and after the intervention. We submitted the research project to the Research Ethics Committee of the Universidade Federal do Ceará, in accordance with Resolution No. 466/12, which approved it under protocol No. 237.127. The participants signed the Free and Informed Consent Form. The participants presented an average age of 26.98 ±6.96 years; average monthly income of R$1073.11 ±721.05; 79 (77.5%) women reported being in a stable relationship; average of 9.10 ±2.63 years of education; average of 1.52 ±1.51 child; 100.0% reported previous use of some contraceptive method, with 63 (61.8%) informing side effects from its use; 70 (68.6%) women had no desire to become pregnant. The nursing intervention promoted improvement in all items of knowledge and attitude dimensions in the three post-intervention surveys. The dimension of practice before the intervention and immediately after proved nonexistent, and with one and two months after the intervention it increased to 25 (83.3%) and 23 (85.1%), respectively. The post-intervention surveys presented statistically significant improvement in knowledge, attitude and practice of participants (p< 0.001) compared to the pre-intervention survey. Given the above, we confirm the thesis that the nursing intervention based on educational workshop technique is effective in promoting the SDM, improving the KAP of women regarding the method. / O Método dos Dias Fixos (MDF) é uma opção contraceptiva que apesar de compor o leque de métodos anticoncepcionais ofertado nos serviços de planejamento familiar, ainda é pouco divulgado e subutilizado no Brasil. Torna-se, portanto, relevante promover o MDF no Sistema Único de Saúde do país. Neste contexto, estabeleceu-se a tese: a intervenção de Enfermagem baseada em estratégia educativa, utilizando a técnica de oficina, é eficaz na promoção do MDF, melhorando o conhecimento, a atitude e a prática de mulheres com relação ao método. Assim, realizou-se pesquisa quase-experimental, com objetivo de testar intervenção de Enfermagem baseada na utilização da técnica de oficina. Esta seguiu os passos: exercício de apresentação, exercício de integração, exposição dialogada sobre o MDF, confecção do colar, apresentação do uso do colar pelas participantes e avaliação da oficina. Foram incluídas mulheres em idade fértil, usuárias de uma unidade de atenção primária à saúde da Secretaria Executiva Regional VI, de Fortaleza-CE, Brasil. Os dados foram coletados de junho a dezembro de 2013, por meio de entrevista e do inquérito Conhecimento, Atitude e Prática (CAP), aplicado antes da intervenção e após a intervenção (imediatamente e após um e dois meses), com o número de participantes de 102, 47, 30 e 27 mulheres, nos respectivos momentos do inquérito. Os dados foram analisados por meio do software Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) versão 21.0. Utilizou-se o teste de McNemar para comparar o CAP das participantes antes e após a intervenção. O projeto de pesquisa foi submetido ao Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Ceará, seguindo a Resolução nº. 466/12, sendo aprovado conforme protocolo nº. 237.127. As participantes assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. A idade das participantes foi em média 26,98 ± 6,96 anos; a renda média mensal foi R$ 1.073,11 ± 721,05; 79 (77,5%) mulheres relataram companheiro fixo; a média de anos de estudo foi de 9,10 ± 2,63 anos; a média de filhos de 1,52 ± 1,51; 100,0% afirmaram uso prévio de algum método anticoncepcional, com 63 (61,8%) referindo efeitos colaterais decorrentes do uso; 70 (68,6%) das mulheres não tinham desejo de engravidar. A intervenção de Enfermagem promoveu melhoria em todos os itens das dimensões conhecimento e atitude nos três inquéritos pós-intervenção. A dimensão prática antes da intervenção e imediatamente mostraram-se inexistente, e entre um e dois meses após a intervenção, passou para 25 (83,3%) e 23 (85,1%), respectivamente. Os inquéritos pós-intervenção apresentaram melhora estatisticamente significante do conhecimento, da atitude e da prática das participantes (p< 0,001) em relação ao inquérito pré-intervenção. Mediante o exposto, confirma-se a tese de que a intervenção de Enfermagem baseada na técnica de oficina educativa é eficaz na promoção do MDF, melhorando o CAP de mulheres com relação ao método.
3

Atuação da equipe saúde da família e do gerente da UBASF na adesão do usuário hipertenso ao tratamento : análise com enfoque na educação em saúde

Gomes, Regina Cláudia Tabosa Ferreira 14 December 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2019-04-05T23:11:29Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-12-14 / Study exploratory-descriptive that permited the elaboration of two articles. In the first, it was analyzed the performance of the team health of the family in the adhesion of the user hypertensive to the treatment, with approach in the education in health. Therefore, it was evidenced that the educative actions developed for the adhesion of the hypertensive user to the treatment were individual and collective direction, through the delivery visitation, lectures, etc. the experience of the professionals in the adhesion of the hypertensive person it varied of good, reasonable the difficult, and was related to the inherent aspects the user, family, professional and managers. Soon, it is concludes that the adhesion still is a great challenge for the professionals of the health, and that the performance of the team must on the basis of be rethink the principles of the SUS and the determinative factors of this. In second the article, it is analysed the management in the UBASF with sight to the adhesion of the hypertensive user at the treatment. Then, the performance of the manager in the UBASF, with sight to make possible the adhesion of the hypertensive users at the treatment was reasonable, in what it depended on its management, but the accessibility of the population to the attendance to its necessary was made it difficult and defalcated, in results of the fragility in the fulfilment of its rights, mainly in relation to the requested procedures to the attention average and of high complexity, as in the cases of accomplishment of examinations and evaluations for diagnose and treatment, beyond hospital internments. It is standed out that this problematic one, also was decurrently of the partial inoperacionalização of the system of reference and total of against-reference. / Estudo exploratório-descritivo que possibilitou a elaboração de dois artigos. No primeiro, analisou-se a atuação da equipe saúde da família na adesão do usuário hipertenso ao tratamento, com enfoque na educação em saúde. Portanto, constatou-se que as ações educativas desenvolvidas para a adesão do usuário hipertenso ao tratamento eram orientações individuais e coletivas, através da visitação domiciliária, palestras, etc. A experiência dos profissionais na adesão da pessoa hipertensa variou de boa, razoável a difícil, e estava relacionada aos aspectos inerentes ao usuário, à família, ao profissional e aos gestores. Logo, conclui-se que a adesão, ainda é um grande desafio para os profissionais da saúde, e que a atuação da equipe deverá ser repensada com base nos princípios do SUS e dos fatores determinantes dessa. No segundo artigo, analisou-se o gerenciamento na UBASF com vista à adesão do usuário hipertenso ao tratamento. Então, conclui-se que a atuação dos gerentes nas UBASF, com vista a possibilitar a adesão dos usuários hipertensos ao tratamento era razoável, no que dependia de sua gerência, mas a acessibilidade da população ao atendimento às suas necessidades era dificultada e desfalcada, em decorrências da fragilidade no cumprimento dos seus direitos, principalmente em relação aos procedimentos solicitados à atenção média e de alta complexidade, como nos casos de realização de exames e avaliações para diagnose e tratamento, além de internações hospitalares. Ressalta-se que essa problemática, também era decorrente da inoperacionalização parcial do sistema de referência e total de contra-referência.
4

Melhoria das condições de vida : análise de uma rede social

Guerra, Gladys Mary Costa 19 December 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2019-04-05T23:11:32Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-12-19 / Nowadays, the social networks configure newest field in knowledge and practice construction that turn back to transform the social relationships, the ways of learning, working and act over life conditions. Descriptive study that had as general objective: to analyze a social network as strategy to work the life conditions of popular segments in a needy community. Specific objectives: 1) To know the emergence history and the social network evolution; 2) To analyze attendance model and the main organization elements responsible by customers adhesion/fixation; 3) To investigate the socialmetric configuration in its terms and group dynamic that reflects itself in the intervention model in association with the community. Uses conjectures from social networks analysis methodology, contemplating aspects from quantitative and qualitative approaching in the stages of collect, organization and data analysis. The data collect field was the physical space in which works a non-governmental organization (NGO) in implantation stage, called Family and Community Integration Network (RIFAC), subject of this investigation. It were considered as informers of the study 55 people in the age range between 38 and 87 years old, at the rate that 53 within that people are associated with the community. The other couple of participants it s about the mediator that acts as a supporter in the group dynamics and the RIFAC s coordinator. The data were collected during the months of July to September of the 2006 year. In the first moment, as data collect techniques, it was adopted the oral history. Still were adopted the participant observation, the documental research and socialmetric test as a way of identification of the attendance model and main organizational elements responsible by the customer adhesion/fixation. The data processing and presentation were accomplished with the help of two computing softwares: UCINET 6.123, for entry and data handling; the NetDraw 2.38, for network map visualization. As results the social network analysis allowed to evidence its high density, meaning that many connections are happening, what means that the individuals are exposed to exchange and to support trades. During the socialmetric test, as main justification to the positive choices it were distinguished the predicatives friendship (referred 44 times), followed by gracious (30 times) and participative (22 times). For the negative choices it were distinguished antipathy (referred 16 times), don t participate (16 times) and misses a lot (12 times). It is noticed that the friend, constituted in existential group process, acts as a motivational basis to the collective activities accomplished. In these terms, the absence in strategy verification that allow/stimulate the emergence of new leaderships may be inferred as a restrictive factor in the development of the collective activities. / Na atualidade, as redes sociais configuram o mais novo campo de elaboração de conhecimentos e de práticas que se voltam para transformar as relações sociais, as formas de aprender, trabalhar e atuar sobre as condições de vida. Estudo descritivo que teve como objetivo geral: analisar uma rede social como estratégia para se melhorar as condições de vida de segmentos populacionais em uma comunidade carente. E objetivos específicos: 1) conhecer a história de surgimento e evolução da rede social; 2) analisar modelo de atendimento e principais elementos da organização responsáveis pela adesão/fixação da clientela; 3) investigar a configuração sociométrica, em termos de suas relações e dinâmica grupal, que se reflete no modelo de intervenção junto à comunidade. Utiliza pressupostos da etodologia de análise das redes sociais, contemplando aspectos das abordagens quantitativa e qualitativa nas etapas de coleta, organização e análise dos dados. O campo de coleta de dados foi o espaço físico onde funciona a organização não governamental (ONG) em fase de implantação, denominada Rede de Integração Familiar e Comunitária (RIFAC), objeto dessa investigação. Foram consideradas informantes do estudo 55 pessoas na faixa etária entre 38 e 87 anos de idade, sendo que 53 dentre estas pessoas integram a comunidade. Os dois outros participantes são o seminarista que atua como apoio nas dinâmicas de grupos e a coordenadora da RIFAC. Os dados foram coletados durante os meses de julho a setembro do ano de 2006. No primeiro momento, como técnicas de coleta de dados, adotou-se a história oral. Ainda foram adotadas a observação participante, a pesquisa documental e o teste sociométrico como forma de identificação da dinâmica grupal, o modelo de atendimento e principais elementos da organização responsáveis pela adesão/fixação dos participantes. O processamento e apresentação dos dados foram realizados com o auxílio de dois programas computacionais: UCINET 6.123, para entrada e manipulação dos dados; e NetDraw 2.38, para visualização do mapa da rede. Como resultados, a análise da rede social permitiu constatar sua alta densidade, significando com isto que muitas conexões estão acontecendo, que os indivíduos se expõem aos intercâmbios e às trocas de suporte. Durante o teste sociométrico, como principais justificativas para as escolhas positivas, destacam-se os adjetivos amizade (referido 44 vezes), seguida de prestativo (30 vezes) e participativo (22 vezes). Para as escolhas negativas, destaca-se antipatia (referido 16 vezes), não participa (16 vezes) e falta muito (12 vezes). Percebe-se que o amigo, constituído no processo vivencial do grupo, atua como a base motivacional para as atividades coletivas realizadas. Nestes termos, a ausência da verificação de estratégias que permitam/estimulem o surgimento de mais lideranças pode ser inferido como fator restritivo ao desenvolvimento de atividades coletivas.
5

Eficácia percebida da eletroacupuntura facial : promoção do equilíbrio energético, saúde e bem viver de mulheres idosas

Ximenes Júnior, Olavo Pereira 27 December 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2019-04-05T23:11:27Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-12-27 / The face is a mean of communication with the society, aging in conformity with the way we live and where we live. The cloaking of suffering, may increase the process of alterations occurred on the facial skin, such as; flabby cheeks, wrinkles, marks and senile stains. These are only treated externally by the biomedical model, forgetting to investigate within the human being, his emotions, his soul, the vital energy that may contribute to the aging process when unbalanced. The present society appreciates a lot the youth, leaving the senile isolated and low self-esteemed, disregarded, with no right to treat themselves mainly regarding the beauty, by thinking they are already old and ugly . This study approaches the efficiency noticed by the facial electro acupuncture, a oriental medicine technique, for facial rejuvenation, promoting the energetic balance and welfare of senile women from the Brazilian Northeast. For doing so, the narratives are analyzed before, during and after the consultation, built trough the open interviews accomplishing an ethno evaluation and the efficiency noticed by the senile and the impacts generated during and after the therapy. The pictures were analyzed and compared allowing the researcher to see the difference before and after the facial electro acupuncture and the senile women noticed the difference of their faces before and after intervention. The therapeutic process was analyzed, specially the facial rejuvenation and the transformation of the souls of those senile. The facial electro acupuncture enters in the subjective of the participant women of the research; makes a holistic approach of their health with their thoughts and sufferings. The therapeutic favors a more human contact, not biomedical, leading the accommodated senile to look at themselves physically and emotionally prettier. / A face é um meio de comunicação com a sociedade, envelhecendo conforme o modo como vivemos e onde vivemos. A interiorização dos sofrimentos, podem aumentar o processo de alterações ocasionadas na pele facial, como; flacidez, rugas, marcas e manchas senis. Estes são apenas tratados externamente pelo modelo biomédico, esquecendo de investigar o interior do ser humano, as suas emoções, sua alma, a sua energia vital que podem contribuir para o processo do envelhecimento quando desequilibradas. A sociedade atual valoriza muito os jovens, deixando os idosos isolados e com baixo-estima,, sendo desprezados, não tendo o direito de se cuidarem principalmente em relação a beleza, por se acharem que já estão velhos e feios. Este estudo aborda a eficácia percebida da eletroacupuntura facial, técnica da medicina Oriental, para rejuvenescimento facial, promovendo o equilíbrio energético e bem viver de mulheres idosas do Nordeste brasileiro. Para tanto, são analisados as narrativas antes, durante e depois do atendimento, construídas através das entrevistas abertas realizando uma etnoavaliação e a eficácia percebida pelas idosas e os impactos gerados durante e depois da terapia. As fotografias foram analisadas e comparadas proporcionando ao pesquisador ver a diferença do antes e depois da eletroacupuntura facial e as idosas perceberem a diferença dos seus rostos pré e pós-intervenção. O processo terapêutico foi analisado, especialmente o rejuvenescimento facial e a transformação na alma dessas idosas. A eletroacupuntura facial adentra na subjetividade das senhoras participantes da pesquisa; faz uma abordagem holística da saúde destas com seus sentimentos e sofrimentos. A terapêutica favorece o contato mais humanizado, não biomédico, levando as idosas atendidas a se verem mais belas fisicamente e emocionalmente.
6

Avaliação da qualidade de vida do professor com queixas vocais

Araújo, Antoniele Oliveira Lima 20 December 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2019-04-05T23:12:04Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-12-20 / This study was undertaken to evaluate the dysphonic teachers` quality of life, through the use of the Voice-Related Quality of Life Protocol (V-RQOL), translated in Brazil as Protocolo de Qualidade de Vida em Voz (QVV). This validated outcomes instrument evaluates the physical and socio-emotional domains of individuals` quality of life that experience voice disorders. A total of 51 teachers participated in this study, with vocal complaints, from middle, high and graduate schools. A number of 7 teachers were selected among a speech therapist`s patients and 44 teachers were chosen on visits to 12 local schools, both private or public, in Fortaleza, Ceará, between June and November, 2006. The age group varied from 19 to 60 years old. The majority of the interviewees was constituted by women (40 schoolmistresses). Besides the V-RQOL, an additional questionnaire of 4 questions related to teachers` professional activities and the care of voice disorder was included. The physical score was 62,4 , the socio-emotional score was 85,1 and the final score was 71,5. The physical parameter was the most damaged to the teachers` quality of life with dysphonia. The questions on physical score related to the phonatory system coordination (question 2) and the challenge in speaking out loud or to be listened in noisy environments (question 1) were the ones which presented the biggest proportions in answers 3, 4 and 5, reflecting the worst responses in this domain. The answers to the 4 additional questions indicated that a number of teachers do not have healthy speech habits nor were well-informed about the subject during their graduation course, what turns difficult to control the possibility of dysphonia. This essay has noticed that speech problems have a negative impact on the teachers` quality of life and this impact is little noticeable among them. According to the results, it is essential a vocal health promotion through specific actions. / Este estudo foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a qualidade de vida (QV) do professor com disfonia, através da utilização do Protocolo Voice-Related Quality of Life (V-RQOL), traduzido para o Brasil como Protocolo de Qualidade de Vida em Voz (QVV). Este instrumento avalia os domínios físico e sócio-emocional da qualidade de vida dos indivíduos com distúrbios da voz. Participaram deste estudo 51 professores, com queixas vocais, do ensino fundamental, médio e superior. Foram recrutados 7 docentes que procuraram um consultório de fonoaudiologia e 44 docentes através de visitas a 12 instituições de ensino público e privado de Fortaleza, Ceará, entre os meses de junho e novembro de 2006. A idade do grupo variou entre 19 a 60 anos. A maioria dos recrutados era do sexo feminino (40 professores). Além do QVV, foi incluído um questionário complementar contendo 4 perguntas relacionadas às atividades profissionais dos docentes e aos cuidados com a voz. O escore físico encontrado foi 62,4, o escore sócio-emocional foi 85,1 e o escore total foi de 71,5. O domínio físico foi o mais prejudicado na QV dos professores com disfonia. Os quesitos do escore físico que se referem à coordenação pneumofonoarticulatória (quesito 2) e à dificuldade em falar forte ou ser ouvido em ambientes ruidosos (quesito 1) foram os que apresentaram as maiores proporções de respostas 3, 4 e 5, refletindo os piores resultados dentro do domínio. As respostas às 4 questões adicionais indicaram que muitos professores não utilizam cuidados específicos para a saúde da voz nem receberam informações relacionadas ao assunto durante sua formação, o que torna difícil o controle da disfonia. Este trabalho constatou que os problemas de voz têm impacto negativo na QV dos docentes e este impacto é pouco percebido por eles. Em virtude dos achados, tornam-se fundamentais ações específicas de promoção da saúde vocal.
7

Atuação do enfermeiro na prevenção do tromboembolismo venoso na gravidez : uma contribuição para a educação em saúde

Costa, Francisca Liliane Pereira da 25 February 2005 (has links)
Made available in DSpace on 2019-04-05T23:05:45Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2005-02-25 / The dense Venous Thrombosis is a multifactor sickness that is difficult to diagnostic that requires a specific knowledge of the nurse to prevent and secure the physical, social and emotional welfare for the pregnant woman without intercurrence. To verify how the nurses identify during a prenatal examine in one of the basic health units that is integrated in the Health network of Fortaleza the main risks of a dense venous thrombosis; to identify the professional capacity of the nurses to prevent the dense venous thrombosis during the prenatal and investigate the uses of health education acts to warn the prevention of the dense venous thrombosis (TVP). It s a exploratory - descriptive research , evolved in the Health Unities of the Municipality of Fortaleza in 2004, with nurses that realize prenatal in pregnancies with low chances. The semi-structure interview was used to get the results that were organized and analyzed according to the statistical tests. The space researched, 20 participants (23, 5%) identified the main risk for the dense venous thrombosis is the presence of varicose, 14 participants (16, 4%) an edema in the lower members, and a quantity of 24 participants (28, 2%) indicate family members with the same problem and pain in the low members. Adding that there were no declarations of pregnancies as a main risk of venous thrombosis. About the degrees, verify that 37 of them have a specialty degrees (80,4%), making up a total of 44 courses in varied areas, 08 have master degrees 917,3%) and 1 participant (2,1%) concluded doctorate . In concern of the educational skills most say they implement during the examine. Concluded that, based on the statistical tests, for the nurses to adopt the correct performance to prevent risks pregnancies, depends on what kind of specialty that they have. Besides, the respondents show that they know the main risks of TVP, but there is a hiatus of adapting the correct performance to prevent it. / A trombose venosa profunda é uma doença multifatorial de difícil diagnóstico, o que exige do enfermeiro conhecimento mais específico para a sua prevenção dessa enfermidade e assegurar o bem estar físico, social e emocional da gestante favorecendo uma gravidez sem intercorrência. Verificar como os enfermeiros das unidades municipais de saúde da regional seis identificam os fatores de risco para trombose venosa profunda, durante a consulta de enfermagem no pré-natal, identificar a capacitação profissional dos enfermeiros para a prevenção da trombose venosa profunda durante o acompanhamento pré-natal e investigar a utilização, pelos enfermeiros, de ações educativas em saúde, visando à prevenção da trombose venosa profunda (TVP). Trata-se de um estudo exploratório-descritivo, desenvolvido nas Unidades de Saúde do Município de Fortaleza, em 2004, com quarenta enfermeiros que realizam pré-natal de baixo risco. A entrevista semi-estruturada foi usada para obtenção dos dados, ordenados e analisados de acordo com testes estatísticos. Do universo pesquisado, 20 participantes (23,5%) identificaram como fator de risco para trombose a presença de varizes; 14 participantes (16,4%), o edema de membros inferiores, e um quantitativo de 24 participantes (28,2%) indicou a história familiar e a dor nos membros inferiores. Acrescenta-se que em nenhum depoimento a gravidez foi citada como fator de risco para trombose venosa. Quanto à titulação, verificou-se que 37 deles possuíam o título de especialista (80,4%), perfazendo um total de 44 cursos em diversas áreas afins; 08 eram mestres (17,3%) e 01 participante (2,1%) concluiu doutorado. Em relação às práticas educativas, a maioria afirmou que as implementam durante as consultas realizadas. Concluiu-se que, mediante os testes estatísticos, para o enfermeiro adotar a conduta adequada à prevenção de gestantes com fatores de risco, está na dependência do tipo de especialização que o mesmo possui. Outrossim, os respondentes aparentam conhecer os fatores de risco para a TVP, mas detecta-se um hiato entre a efetivação de condutas adotadas para preveni-la.
8

Saúde e educação: estudo a partir de uma prática no curso de enfermagem da UNIFESP / Health and education: an study of a health action practice developed by the UNIFESP nursing course

Fonseca, Maria Fernanda Batista Coelho da [UNIFESP] January 2005 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-12-06T23:05:39Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2005 / A presente pesquisa origina-se da participação em uma prática de ação de saúde desenvolvida pelos graduandos em enfermagem da UNIFESP, em ambientes escolares. O objetivo geral deste estudo foi analisar as concepções de professores, graduandos do Curso de Enfermagem e Coordenadores Pedagógicos envolvidos numa prática que articula Universidade e Escola Básica. No campo do referencial teórico adotado, privilegiou-se um diálogo com as orientações curriculares da Educação Básica e com as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Superior em Saúde, procurando-se também construir uma concepção conceitual sobre Educação em Saúde. A pesquisa foi realizada tendo como cenário a disciplina Curricular de Enfermagem Pediátrica – Enfermagem em Saúde da Criança e do Adolescente I, do Curso de Enfermagem da Universidade Federal de São Paulo. A metodologia abrangeu como sujeitos 03 professores enfermeiros responsáveis pela disciplina, 23 graduandos da 3ª série do Curso de Enfermagem na UNIFESP e 06 Coordenadores Pedagógicos de escolas públicas envolvidas nas atividades. O processo de coleta de dados compreendeu a realização de entrevistas semiestruturadas com professores e coordenadores pedagógicos, além da aplicação de questionários aos discentes. O processo de análise de dados, orientado pelos objetivos assumidos, buscou apreender significados tendo como referência a análise temática. A discussão dos resultados obtidos permite destacar que as concepções de saúde apresentam fortes traços de transição entre um olhar ainda centrado na ausência de doenças e uma perspectiva que compreende saúde como processo biológico, histórico, cultural e socialmente condicionado. A mesma percepção se evidencia em relação às concepções de educação; esta é entendida como uma construção em dimensão processual e com abrangência social, mas também emergem óticas centradas no atendimento às necessidades das crianças. No campo das expectativas e contribuições da experiência realçam-se as ênfases no objetivo de conhecer o desenvolvimento da criança e ampliar os espaços de inserção do enfermeiro, bem como na possibilidade de criar na escola um espaço de promoção da saúde, estabelecendo relações de troca e ajuda entre profissionais da educação e da saúde. As dificuldades parecem residir no âmbito institucional (estrutura curricular, carga horária disponível) e no âmbito do espaço escolar (organização do trabalho, resistência dos profissionais), reconhecendo-se a necessidade de um trabalho mais articulado. As análises empreendidas permitem configurar uma compreensão de que as relações entre Universidade e Escola Básica apresentam-se com grande potencial de mobilização e parceria, emergindo como uma via de mão dupla: campo de estágio (relação teoria e prática) e cenário pedagógico diferenciado. / The present study resulted from our participation in a heath action program developed in an education institute by Nursing undergraduate students at UNIFESP. Its general aim was to analyze the conceptions shared by Nursing undergraduate students and pedagogic coordinators in a program involving the University and Elementary Schools. In the theoretical field adopted, the main focus was put on the examination of the curricular guidance to basic education and the National Curricular Guidance to health teaching in college, also attempting to evidence the conceptions about health education. The study was carried out having as scenario the discipline of Pediatric Nursing − Nursing in Children and Adolescents’ Health I − included in the Nursing Course of the Federal University of São Paulo. The methodology included as subjects 3 Nurse Teachers responsible for this discipline, 23 undergraduates in the 3rd period of the Nursing Course of UNIFESP and 6 Pedagogic Coordinators of public schools involved in the program. Data collection was performed through semistructured interviews with teachers and pedagogic coordinators as well as questionnaires applied to the undergraduates. The analysis process guided by the adopted aims attempted to evidence the meanings conceived by the participants in a thematic analysis. The discussion of the results allow to highlight that the health conceptions showed marked aspects characteristic of a transition from a view of health as the absence of disease to one in which heath is regarded as a biological, historical and cultural process conditioned by a sociological aspect. The same perception is evidenced with regard education, which is viewed as an institution in building process and having a social role, but some views focusing the child’s needs came up. In the realm of expectations and contributions the highlights are the requirement for knowledge about child’s development, the widening of nurses’ activities and the introduction of school facilities for health promotion, so establishing exchange and mutual help between teaching and health staffs. Difficulties seem to be in the curricular (structure and available teaching time load) and professional ( work organization, acceptance by teaching staff) fields, where it is acknowledge the need for a better integration work. The analysis carried out indicate that the relationship between University and Elementary School have a large potential of mobilization and partnership emerging as a 2-way road: training field (where theory is put against practice) and enhanced pedagogic environment. / BV UNIFESP: Teses e dissertações
9

O significado do cuidar de si mesmo para os educadores em saúde

Pedroso, Mirna January 2000 (has links)
O presente estudo busca compreender o significado de cuidar de si para os educadores em saúde. Para tanto, enfoca as diferentes dimensões do processo de cuidar, bem como o olhar filosófico de Heidegger, Lévinas e Giles sobre os significados desvelados no vivido dos educadores em saúde. A investigação caracteriza-se como um estudo qualitativo, com uma abordagem fenomenológica, tendo como participantes 07 (sete) docentes da área de saúde, sendo 04 (quatro) homens e 03 (três) mulheres, de uma universidade privada da Grande Porto AlegrelRio Grande do Sul. Para coleta dos dados, fez-se uso da entrevista semiestruturada e para análise o método fenomenológico proposto por Giorgi, ampliado com as dimensões fenomenológicas de Comiotto. No mundo vivido pelos educadores em saúde, as essências que se mostraram foram : Conceituando cuidado e suas dimensões fenomenológicas: Cuidar é estar-aí, cuidado relacionado com o outro, cuidado é ser sensível; Cuidado e suas diferentes dimensões com suas dimensões fenomenológicas: Sentimentos, as relações familiares e sociais, corporeidade, crenças e religiosidade, cuidado cultural e econômico; Cuidar de si e suas dimensões fenomenológicas: dar-se conta do ser como existência, cuidado do ser corporal e simbólico, auto-escuta, modo de ser do ser educador no cuidado; Vivências do educador: idealizando o ser educador, a construção do ser educador, cuidando a construção do ser educando para o cuidado, a ética, a estética e a moral do ser educando como cuidador. Percebeu-se na reflexão dos docentes que o cuidar de si tem um entrelaçamento com a sua prática, como docentes formadores de cuidadores. Revelou-se, assim, a necessidade de um novo olhar do educador em saúde sobre a sua prática como docente, cuidador do outro e principalmente como cuidador de si mesmo. Verificou-se a importância da inclusão de algumas práticas no cotidiano do educador para possibilitar aprendizagem no processo de cuidar, tais como a formação de grupos de discussão ou vivências, com a realização de oficinas de convivências com docentes, explorando os significados dos sentimentos e das inter-relações pessoais; sugerir o cuidar de si como uma metodologia de ensino para ser aplicada quando os alunos forem exercitar suas práticas com o outro; criar grupos de estudos, de pesquisa sobre o cuidado como forma de unir a tecnologia e o existir humano, resultando na humanização das ações.
10

Efeitos da apresentação de material educativo para pacientes com diabetes mellitus tipo 2 sobre o conhecimento da enfermidade e a adesão ao tratamento

Brasil, Flávia Priscila da Silva 04 1900 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação Processos de Desenvolvimento Humano e Saúde, 2009. / Submitted by Allan Wanick Motta (allan_wanick@hotmail.com) on 2010-03-26T20:18:49Z No. of bitstreams: 1 2009_FlaviaPrisciladaSilvaBrasil.pdf: 1895666 bytes, checksum: 50accb444d67836a052901425a4482e5 (MD5) / Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2010-04-05T23:38:53Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_FlaviaPrisciladaSilvaBrasil.pdf: 1895666 bytes, checksum: 50accb444d67836a052901425a4482e5 (MD5) / Made available in DSpace on 2010-04-05T23:38:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_FlaviaPrisciladaSilvaBrasil.pdf: 1895666 bytes, checksum: 50accb444d67836a052901425a4482e5 (MD5) Previous issue date: 2009-04 / Pacientes diabéticos necessitam monitorar e regular um tratamento complexo que abrange um conjunto de habilidades, como o uso de adoçantes e/ou de medicamentos, dieta balanceada, mensurações glicêmicas e a prática regular de atividade física. Essas habilidades devem ser adquiridas e mantidas pelo paciente ao longo de sua vida, concorrendo com hábitos muitas vezes já instalados, como a ingestão de açúcar refinado, o sedentarismo e os padrões alimentares da própria família. Dentre as estratégias utilizadas para melhorar a adesão, pesquisas têm apontado a importância de ações educativas para informar e orientar os pacientes acerca da enfermidade e do tratamento. O estudo teve delineamento quase-experimental, com pré e pós-teste, e objetivou: (1) identificar o nível de conhecimento do paciente sobre o diabetes, o tratamento e as práticas relativas à atividade física, dieta e cuidados de saúde, antes e após intervenção educativa; (2) identificar os comportamentos de adesão acerca da atividade física, dieta e cuidados de saúde, na linha de base e no seguimento; (3) avaliar junto aos participantes a adequação do conteúdo da cartilha educativa. Na linha de base foram utilizados como instrumentos um roteiro de entrevista semi-estruturado, um teste para avaliar o nível de conhecimento sobre o diabetes, um inventário para identificar as condutas de adesão relativas à atividade física, dieta e cuidados de saúde. Logo após a avaliação da linha de base, na mesma sessão, foi feita a intervenção educativa que utilizou uma cartilha visando ampliar o conhecimento dos participantes acerca da doença e do tratamento. Ainda quanto aos procedimentos, cerca de dez dias após a intervenção, foi aplicado um roteiro de avaliação da cartilha; após trinta dias da aplicação deste roteiro, foram reaplicados o teste de conhecimentos e o inventário, no seguimento. Participaram da pesquisa quatro mulheres e oito homens portadores de diabetes tipo 2, de 25 a 68 anos (M=50; DP=10,17), usuários de dois serviços da rede pública, com tempo de diagnóstico que variou de um a doze meses. Os resultados do teste de conhecimentos indicaram que, após a atividade educativa, os escores do conjunto dos participantes aumentaram, observando-se diferença estatisticamente significativa nos três temas investigados. Na análise individual dos doze casos, os escores também aumentaram, indicando melhoria do conhecimento sobre os temas focalizados. Os participantes relataram um aumento, ainda que sutil, de comportamentos de adesão ao tratamento na fase de seguimento, com diferença significativa quanto à atividade física e à dieta. Os escores individuais apontaram o aumento ou manutenção dos comportamentos de adesão no seguimento em relação à linha de base, no entanto, apenas dois participantes obtiveram um aumento estatisticamente significativo dos escores médios: um em atividade física e outro em relação à dieta. Quanto à avaliação da cartilha, os relatos dos participantes indicaram satisfação com o conteúdo e forma, sem sugestões de mudanças. O estudo apontou que a atividade educativa foi relevante para a melhora do conhecimento e teve uma repercussão, mesmo que discreta, no incremento de comportamentos de adesão. O estudo aponta para a importância de se utilizar materiais gráficos específicos nas ações educativas em saúde e sinaliza a necessidade de mais pesquisas e de intervenções que promovam estratégias que favoreçam o autogerenciamento da doença. O reduzido número de participantes e a utilização do auto-relato como medida única do conhecimento e da adesão levam à necessidade de parcimônia quanto aos resultados obtidos no estudo. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / Diabetic patients need to monitor and regulate a complex treatment that involves a conjunct of new habits, like the use of sweeteners and/or medication, balanced diet, glycemic control and the regular practice of physical activity. These practices must be assumed and preserved by patients throughout their lives, fighting old habits, like refined sugar ingestion, sedentariness and dietary patterns of its own family. Among the strategies used to improve the adherence, researches point out the importance of educative actions to inform and orientate patients about the disease and its treatment. This study followed an quasi-experimental design, with pre and post tests, and aimed to: (1) identify the level of the patients knowledge on diabetes, the treatment and practices related to physical activity, diet and medication, before and after the educative intervention; (2) identify the adherence behaviors on physical activity, diet and medication, in the baseline and followup period; (3) evaluate with the participants the contents of the educative guideline. On the baseline a semi-structured interview, a test to evaluate the level of knowledge on diabetes and an inventory to identify the adherence behaviors related to physical activity, diet and medication were used as instruments. Soon after the baseline evaluation, at the same session, the educative intervention took place, using a guideline to broaden participants knowledge on the disease and its treatment. Still as to the procedures, about ten days after the intervention a script to evaluate the guideline was applied; after 30 days of this event, the knowledge test and the inventory were reapplied during the follow-up period. Four women and eight men participated on the research diabetes carriers type 2, from 25 to 68 years old (M=50; SD= 10,17), patients of two medical care services of public health clinics, with time of diagnosis varying from one to 12 months. The results of the knowledge test indicate that, after the educative activity, the scores of the group of participants were higher, with a significant statistical difference on the three subjects investigated. Analyzing individually the 12 cases, the scores were also higher, indicating a knowledge improvement on specifically focused subjects. The participants related an improvement, although subtle, of adherence behaviors to the treatment on the follow-up period, with significant difference as to the physical activity and diet. The individual scores pointed out the rise or maintenance of adherence behaviors on the follow-up period when compared to the baseline one. However, only two participants had a significant statistical rise of the medium scores: one on physical activity and the other on diet. As to the guideline evaluation, the participants reports indicated their satisfaction about its contents and form, with no suggestions of changes. The study also pointed out that the educative activity was relevant to improve knowledge and had a repercussion, although modest, on the increment of compliance behaviors. The study shows the importance of using specific graphical materials on educative actions on health and the need of more researches and interventions that promote strategies to allow the disease self-management. The reduced number of participants and the self-report technique as only measurement of knowledge and compliance demand for parsimony when analyzing the results obtained by this study.

Page generated in 3.6834 seconds