• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 8
  • Tagged with
  • 8
  • 8
  • 7
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Estudo comparativo entre heparina sódica e heparina de baixo peso molecular (nadroparina cálcica) em cães (Canis familiaris) submetidos à hemódialise /

Brant, João Roberto de Araújo Caldeira. January 2003 (has links)
Orientador: Flávio Quaresma Moutinho / Resumo: Durante a realização das sessões de hemodiálise (HD) observam-se alterações relacionadas à coagulação, pelo contato do sangue do paciente com os circuitos extracorpóreos. Essas alterações podem ser decorrentes da ativação dos mecanismos intrínsecos da cascata de coagulação sangüínea, que resultam na formação de trombos. No modelo hemodialítico, utilizam-se substâncias anticoagulantes com a finalidade de prevenir a formação destes trombos. A substância padrão utilizada para anticoagulação em HD é a heparina sódica. As heparina de baixo peso molecular (HBPM) são fragmentos da heparina sódica com muitas vantagens. Exibe uma biodisponibilidade maior, possui menor ligação com proteínas plasmáticas e meia vida superior, resultando desta maneira, menor risco de sangramento. O objetivo principal desta pesquisa foi comparar e avaliar a heparina sódica com HBPM em cães submetidos à HD. Utilizou-se 14 cães que foram divididos em 2 grupos. O primeiro grupo, foi utilizada a heparina sódica e o segundo grupo a HBPM. Para avaliação do sistema hemostático dos animais foram colhidas amostras de sangue durante o período de 3 horas em 4 momentos distintos (M1, M2 e M3) e 24 horas (M4) após o término das sessões de hemodiálise para a realização de provas de coagulação como: tempo de tromboplastina parcial ativada (TTPA), tempo de protombina (TP), tempo de coagulação ativada (TCA), prova Anti-Xa e hemograma completo. Neste estudo a dose padronizada de heparina foi de 100UI/Kg/IV/Bolus com repetição de o da dose 60 e 120 minutos após o inicio, e 125 U anti-Xa/Kg/IV/Bolus com repetição de ? da dose após 90 minutos para HBPM. De acordo com os resultados obtidos nesta pesquisa pode-se concluir que não existiram diferenças estatisticamente significantes quando se utiliza a heparina sódica e HBPM como substâncias anticoagulantes... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo). / Abstract: Coagulation disturbances, with thrombus formation, are common in hemodialysis due to activation of the intrinsic mechanism of the coagulation cascade. Anticoagulant substances are used for preventing thrombus formation. Heparin is the standard substance used for this purpose. However, heparin has troublesome pharmacokinetics, its clearance is dose dependent, it is highly protein bound and a minimum or threshold level is necessary to achieve an antithrombotic effect. Low molecular weight heparins are depolymerized preparations of heparin with multiple advantages over heparin. They exhibit less binding to cells and proteins and have superior bioavailability, a longer plasma half life and more predictable dose-response characteristics and carry a lower risk of hemorrhage and the immune mediated thrombocytopenia is less common. This research was planned to compare the effect of the low molecular weight heparin with the standard heparin in dogs submitted do hemodialysis. 14 dogs divided in two groups were studied.Group 1 used heparin 50 UI/Kg/IV Bolus with o of the initial dose repeated at 60 and 120 minutes after the beginning of the experiment. Group 2 used Low molecular weight heparin (Nadroparin) 125 U anti aX/kg//IV with a 1/3 of the initial dose repeated 90 minutes after the beginning of the experiment.Blood samples were drawn at 3 hours interval called (M1, M2,M3) and at 24 hours (M4) after ending the hemodialysis session.The coagulation system of the dogs was evaluated by the aPTT, PTT, aCT, aX and hemogram. The patency of the dialytic system was also evaluated. Our results showed no statistically significant differences between the two heparins, and the dose of the low-molecular-weight heparin was standardized for hemodialysis in dogs. / Mestre
2

Avaliação nutricional de pacientes em hemodiálise no município de Araraquara /

Piratelli, Cynthia Mauro. January 2009 (has links)
Orientador: Rodolpho Telarolli Junior / Banca: Rodolpho Telarolli Junior / Banca: Maria Rita Brancini de Oliveira / Banca: Osvaldo Merege Vieira Neto / Resumo: Insuficiência Renal Crônica (IRC) é o quadro clínico decorrente da perda progressiva e irreversível da função renal. Pacientes com IRC em hemodiálise apresentam uma alta prevalência de desnutrição protéico-energética caracterizada por alterações nas proteínas séricas e desequilíbrio nos compartimentos protéico e adiposo do organismo. A desnutrição, associada à piora da capacidade funcional e ao pior prognóstico de morbi-mortalidade resultam em aumento significativo nos gastos com saúde. Apesar disso, não existe ainda um método uniforme para avaliar o estado nutricional destes pacientes e o que se recomenda hoje é a aplicação de um conjunto de métodos subjetivos, antropométricos e bioquímicos para se chegar aos diagnósticos nutricionais adequados. O objetivo deste estudo foi traçar o perfil nutricional de uma população submetida à hemodiálise crônica no município de Araraquara (n=48) por meio da Avaliação Subjetiva Global modificada (ASG m), antropometria e exames bioquímicos verificando a correlação entre eles. A freqüência de desnutrição moderada e grave variou de 22 a 54%, de acordo com o parâmetro utilizado. As correlações mais significativas foram observadas entre índice de massa corporal (IMC) e adequações de prega triciptal (PCT), circunferência do braço (CB) e circunferência muscular do braço (CMB); e entre a ASGm e adequações de CB e CMB. O consumo alimentar não foi avaliado neste estudo. O acompanhamento nutricional de rotina e a validação de métodos que estudem a composição corporal de pacientes renais em hemodiálise são de extrema importância para diagnosticar precocemente a desnutrição, prevenir complicações e reduzir as taxas de morbimortalidade associadas ao estado nutricional deste paciente. / Abstract: Chronic Renal Failure (CRF) is a secondary syndrome that happens when kidneys stop working. The prevalence of protein-energy malnutrition in hemodialysis patients is high and characterized by plasma proteins abnormalities and an unbalance between protein and fat body compartments. Malnutrition plus functional incompetence and worsening clinical outcome may play a role in financial public health in this population. Despite of that, there isn't yet a uniform technique to evaluate the nutritional status of hemodialysis patients and what is recommended is a subjective and objective tool set to assess the real nutritional status of the patients. The aim of this study was to draw the nutritional profile of patients undergoing chronic hemodialysis in Araraquara city, by using the modified Subjective Global Assessment, anthropometric and biochemical data, as well as checking the correlations between them. The prevalence of moderate and severe malnutrition was variable from 22 to 54%, accordingly the criteria used. The most important correlation was between body mass index (BMI) and percentage of fit of triceps skin fold (TSF), arm circumference (AC) and arm-muscle circumference (AMC); and between modified SGA and percentage of fit of AC and AMC. The food consumption was not the aim of this work. The nutritional evaluation and analysis of body composition in chronic renal failure patients on hemodialysis is of paramount importance for an adequate clinical and nutritional intervention and to reduce the elevated mortality rate in this population. / Mestre
3

Efeitos da redução no conteúdo de sódio da dieta sobre o volume de água corporal e marcadores inflamatórios em pacientes com insuficiência renal crônica em tratamento hemodialítico /

Telini, Lidiane Silva Rodrigues. January 2010 (has links)
Orientador: Pasqual Barretti / Banca: Andre Luis Balbi / Banca: Denise Mafra / Resumo: A mortalidade por doenças cardiovasculares (DCV) em pacientes por hemodiálise (HD) crônica é elevada, com risco de morte 10 a 20 vezes maior que o da população geral. Muitos mecanismos têm sido propostos para a gênese das DCV nesses pacientes, como hipervolemia, hipertensão arterial, dislipidemia e elevação do produto cálcio-fósforo, sendo que atualmente a inflamação tem sido apontada como fator de risco independente e associada óbito por essas doenças. Recentemente, a possibilidade da expansão de volume ser uma das causas de inflamação foi considerada em pacientes com Insuficiência Cardíaca Congestiva, sendo que aqueles com edema periférico tinham maiores concentrações da proteína C reativa (PCR), do que aqueles sem edema. Nesses casos, o edema da parede intestinal poderia favorecer a translocação de endotoxinas com conseqüente inflamação. O objetivo do estudo foi avaliar os efeitos da diminuição da quantidade de sódio na dieta sobre a evolução do volume de água corporal, dos marcadores nutricionais e marcadores inflamatórios em pacientes em HD. Foram incluídos pacientes adultos, tratados regularmente por HD há pelo menos 30 dias, com níveis séricos da PCR maiores que 0,7 mg/dl. Os pacientes foram randomizados em dois grupos: grupo A, constituído de 21 pacientes para os quais foram, prescritas dietas com redução em 2 gramas do teor de sódio em relação à dieta habitual e grupo B, controle, com 18 pacientes. Na primeira, 8ª e 16ª semanas foram determinados marcadores inflamatórios, bioquímicos, hematológicos, nutricionais, e a quantificação da prescrição dialítica. Quanto às características basais não houve diferenças significantes entre os grupos. Os marcadores bioquímicos e hematológicos não variaram significantemente nos grupos estudados, assim como o volume de água corporal, água... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Cardiovascular mortality is excessively high in chronic hemodialysis (HD) patients with risk of death 10 to 20 times higher when compared to the general population. Several mechanisms have been proposed to explain cardiovascular disease (CVD) genesis in HD patients, as hypervolemia, hypertension, lipid disorders and high calcium-phosphorus product; actually inflammation has been considered as an independent risk factor associated to death by CVD. Recently the hypothesis of inflammation induction by volume expansion was stated in edematous patients with congestive heart failure which presented higher C reactive protein (CRP) concentrations than those without edema. Possibly, intestinal wall edema could favor endotoxins translocation resulting in inflammatory response. The aim of this study was to evaluate, in HD patients, the effects of dietary sodium reduction on body water volume, inflammatory and nutritional markers evolution. Adult patients on regular HD for at least 30 days, with CRP serum levels higher than 0.7 mg/dl were enrolled to study and randomized in two groups: group A, with 21 patients treated by sodium reduction of 2 grams in their habitual diet and group B, with 18 control patients. At baseline, 8th and 16th weeks inflammatory, biochemical, hematological and nutritional markers were determined as well as the quantification of delivered dialysis dose. Baseline characteristics were similar between groups and biochemical and hematological markers did not show significant changes in the groups, as well as body volume, intracellular and extracellular water (by electrical bioimpedance), interdialytic weight gain, systolic and diastolic blood pressure. However, group A patients presented significant reduction of PCR, -1 acid glycoprotein, tumor necrosis factor- (TNF- ) and interleukin-6 serum levels, in relation to the initial... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
4

Avaliação respiratória de pacientes com lesão renal aguda submetidas à diálise peritoneal contínua ou a hemodiálise diária /

Almeida, Cibele Taís Puato de. January 2012 (has links)
Orientador: André Luís Balbi / Banca: José Mauro Vieira Junior / Banca: Emerson Quintino de Lima / Resumo: Pacientes com Lesão Renal Aguda (LRA) em Diálise Peritoneal Contínua (DPC) ou Hemodiálise Diária (HD) podem apresentar alterações da função pulmonar relacionadas à hipóxia, retirada de líquidos ou toxinas uremias e, no caso da DPC, ao aumento da pressão intra-abdominal (PIA). Os objetivos deste estudo foram realizar avaliação respiratória de pacientes com LRA dialítica internados em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) em Ventilação Mecânica Invasiva (VMI), submetidos à DPC e ou HD e avaliar a PIA nos pacientes em DPC. Foi realizado estudo prospectivo descritivo em que foram avaliadas complacência estática (Cest, expresso em mL/cmH2O), resistência do sistema respiratório (Rsr, expresso em cmH2O/L/s), relação PaO2/FiO2 e FiO2 (expresso em %) em pacientes submetidos a DPC e HD e PIA (expresso em mmHg) naqueles em DPC. Os pacientes do Grupo DPC foram avaliados nos momentos M0 (pré-diálise/cavidade vazia), M1(pós-infusão do dialisato da 1ª sessão de diálise/cavidade cheia), M2, M3 e M4 (após cada sessão de DP/cavidade vazia) e do Grupo HD nos momentos M1, M3 e M5 (pré-diálise) e M2, M4 e M6 (pós-diálise). Análise Estatística: Para comparar as variáveis de Cest, Rsr, PaO2/FiO2, FiO2 e PIA no tempo foi utilizado o modelo Anova de medidas repetidas e comparações múltiplas ajustado por Tukey ou o modelo de medidas repetidas usando uma distribuição assimétrica (Gama) através do procedimento GENMOD pela opção DIFF. Nível de significância de 5%. NO grupo DPC foram avaliados 20 pacientes em 44 sessões. A média de idade foi de 73,2± 11 anos, o APACHE II foi 24,1±4 e o ATN-ISS foi 0,64±23. A Cest diminuiu após a infusão do dialisato (cavidade abdominal cheia) em relação ao Pré- Diálise/cavidade abdominal vazia (M0= 36± 14,7 e M1= 33,85± 13,8 ml/cmH2O; p=ns) e após as trocas do dialisato... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Acute kidney injury (AKI) patients on continuous peritoneal dialysis (CPD) or daily hemodialysis (HD) may show changes in lung function related to hypoxia or removal of uremic toxins and fluids and in those undergoing PD also due to increased intraabdominal pressure (IAP). Objective of this study was to evaluate respiratory mechanic of critical AKI patients undergoing invasive mechanical ventilation (IMV) and treated by CPD or HD and assessment the IAP in patients on CPD. A prospective descriptive study was performed to determine static compliance (Cest expressed in mL/cmH2O), respiratory system resistance (Rsr expressed in cmH2O/L/s), PaO2/FiO2 ratio and Fi2O (expressed in %) in patients undergoing HD and CPD and PIA (expressed in mmHg) in those on CPD. CPD group was evaluated at M0 (pre dialysis/ empty cavity), M1 (post-infusion of the dialysate / filled cavity), M2, M3 and M4 (after each session of DP / empty cavity ) and the HD group at M1, M3 and M5 (pre-dialysis) and M2, M4 and M6 (post-dialysis). Statistical Analysis: To compare the variables Rsr, PaO2/FiO2, FiO2 and PIA was used ANOVA for repeated measures and Tukey adjusted for multiple comparisons or repeated measures model GENMOD procedure for the DIFF option. Significance level of 5%. Twenty patients (44 sessions) were evaluated in CPD group. Age was 73.2 ± 11 years, APACHE II was 24.1 ± 4 and ATN-ISS was 23 ± 0.64. Cest decreased after infusion of the dialysate (abdominal cavity filled) compared to the Pre-Dialysis / empty abdominal cavity (M0 = M1 and 36 ± 14.7 ± 13.8 mL/cmH2O = 33.85, p = ns) and increased progressively after exchanges of dialysate (empty abdominal cavity) (M2 = 38.42 ± 13.4; M3= 40.6± 13.5; and M4 = 53.4 ± 21.9 mL/cmH2O; M4 vs M0: p = 0.0018; M4 vs M1: p = 0.0004; M4 vs M2: p = 0.0017 M4 vs M3: p = 0.04). PIA... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
5

Produtos nitrogenados na saliva de portadores de doença renal crônica em hemodiálise /

Moreira, Luiziane Albino Gonçalves. January 2010 (has links)
Orientador: Júlio Sérgio Marchini / Banca: João Bosco Faria / Banca: Karina Pfrimer / Resumo: Na avaliação de pacientes portadores de doença renal crônica, além da análise da alimentação ingerida é importante a análise da presença de produtos nitrogenados nos fluidos corporais como o sangue e urina, apresentando para este fim como grande potencial, a análise da saliva. Nesse sentido, uma das áreas relacionadas com a análise de alterações da composição bioquímica da saliva e que vem despertando o interesse, é a evolução clínica de pacientes portadores de doença renal, submetidos ou não a tratamento dialítico. Com base no contexto acima, a presente pesquisa teve por objetivo avaliar a saliva como meio de monitorar as variações dos compostos nitrogenados, em portadores desta patologia submetidos ao tratamento dialítico. No desenvolvimento da pesquisa foram avaliados a ingestão alimentar, a antropometria e os seguintes indicadores bioquímicos e físico-químicos: uréia, proteína total, aminoácidos, pH, e fluxo salivar. Foram encontrados nas determinações de uréia realizadas no soro, saliva não estimulada e saliva estimulada 136 mg/dl,107 mg/dl e 97 mg/dl antes da hemodiálise, respectivamente; e após a mesma, 39 mg/dl, 38,9 mg/dl e 36,0 mg/dl. As proteínas totais no soro, na saliva não estimulada e saliva estimulada apresentaram respectivamente valores de 7,0 g/dl, 0,30 g/dl; e 0,19 g/dl antes da hemodiálise e após a mesma, 9,0 g/dl, 0,22 g/dl e 0,20 g/dl. O pH salivar sofreu decréscimo após a hemodiálise. Os resultados obtidos permitem concluir que as proteínas totais na saliva e no soro não apresentaram comportamento semelhante. A hemodiálise atua sobre o pH salivar, mas não restabelece os níveis normais. A hemodiálise foi efetiva em reduzir a concentração dos compostos nitrogenados presentes na saliva / Abstract: In the evaluation of patient carriers of chronic renal disease, besides the analysis of the ingested food, the analysis of the presence of nitrogenous products in the physical fluids like blood and urine and saliva are also important. In this sense, one of the areas of great scientific interest related to the analysis of biochemical composition alterations of saliva is the clinical evolution of patient carriers of renal disease, subjected or not to hemodialysis treatment. These studies can subsidize the development in the future of diagnoses methods for renal patients through the analysis of saliva. Based on the above context, this research aimed to evaluate saliva as a means of monitoring changes of nitrogen compounds in patients with renal disease undergoing dialysis. At the development of this research, food ingestion, the antropometria and the following biochemical and physical-chemical indicators were analyzed: urea, total protein, aminoacids, pH and salivary flow. The determinations of urea in the serum, of not stimulated saliva and of stimulated saliva were 136 mg/dl, 107 mg/dl and 97 mg/dl, respectively, before the hemodialysis, and after that, 39mg/dl, 38,9mg/dl and 36,0mg/dl. The total proteins in the serum, not stimulated saliva and stimulated saliva showed up 7,0 g/dl, 0,3 g/dl and 0,19 g/dl before the hemodialysis, respectively, and after that 9,0 g/dl, 0,22 g/dl and 0,20 g/dl. The saliva pH decreased after the hemodialysis. The obtained results allowed to conclude that the total proteins in the saliva and in the serum did not present similar behavior. The hemodialysis influences the salivary pH but does not restore it to normal levels. The hemodialysis was effective in the reduction of nitrogen compounds present in saliva / Mestre
6

Formação de biofilmes e resistência a antifúngico e biocidas em Candida parapsilosis e C. orthopsilosis isoladas de águas usadas para hemodiálise /

Pires, Regina Helena. January 2010 (has links)
Orientador: Maria José Soares Mendes Giannini / Banca: Marcia de Souza Carvalho Melhem / Banca: Christiane Pienna Soares / Banca: Carlos Eduardo Vergani / Banca: Maria Célia Jamur / Resumo: Unidades de hemodiálise utilizam enormes quantidades de água potável para o funcionamento de "rins artificiais". Problemas microbiológicos com sistemas de distribuição de água potável são geralmente associados à presença de biofilmes formados por adesão e crescimento de microrganismos em superfícies. O patógeno humano Candida é capaz de crescer como biofilme na maioria dos aparatos médicos de uso corrente. Nos sistemas de hemodiálise, a formação de biofilme é relevante devido à contínua liberação de microrganismos que o compõe, os quais mostram fenótipo diverso daquele encontrado em seus homólogos de vida livre (forma planctônica de crescimento) com relação à transcrição gênica, velocidade de crescimento e habilidade de resistir a antimicrobianos e biocidas. Candida parapsilosis, atualmente dividida em três espécies distintas, tem sido associada às infecções decorrentes do uso de dispositivos médicos constituídos de material plástico e também de proliferar em soluções ricas em glicose, sendo que, tipicamente, tais infecções são relacionadas à formação de biofilmes. Assim, este trabalho teve como principais objetivos caracterizar molecularmente isolados identificados como C. parapsilosis advindos do circuito hídrico de uma Unidade de Hemodiálise coletados entre 2004 e 2006; verificar a capacidade de formação de biofilmes pelos mesmos; o efeito de produtos sintéticos e naturais, bem como a sensibilidade aos agentes antimicrobianos de uso clínico: anfotericina, fluconazol e voriconazol nos isolados. Por outro lado, técnicas proteômicas foram usadas para comparar o perfil de proteínas em isolados de C. parapsilosis capazes de crescerem no modo biofilme e em isolados que não apresentaram essa propriedade. Assim, 100 isolados fenotipicamente classificados como C. parapsilosis foram reclassificados por técnicas moleculares. Biofilmes foram... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Hemodialysis units use large amounts of water for the operation of "artificial kidneys". Microbiological problems with distribution systems of drinking water are usually associated with the presence of biofilms formed by adhesion and growth of microorganisms on surfaces. The human pathogen Candida is able to grow as biofilm in most medical devices in current use. In hemodialysis systems, biofilm formation is relevant because of the continuous release of organisms that compose it, which have a phenotype different from their counterparts found in free-living (planktonic growth form) with respect to gene transcription, growth rate and ability to resist antibiotics and disinfectants. Candida parapsilosis, currently divided into three distinct species, has been linked to infections resulting from the use of medical devices made of plastic material and also to proliferate in glucose-rich solutions, and, typically, such infections are related to the formation of biofilms. The goals of the present study were to molecularly characterize isolates identified as C. parapsilosis coming from the water circuit of a hemodialysis unit between 2004 and 2006, assess at ability to form biofilms by these species, and to monitor the effect of synthetic and natural, as well the susceptibilities to antifungal agents in clinical use: amphotericin, fluconazole and voriconazole. Moreover, proteomic techniques were used to compare the profile of proteins isolated from C. parapsilosis able to grow in the biofilm mode and isolates that did not have this property. Thus, 100 strains classified as C. parapsilosis were identified by molecular techniques. Candida biofilms were formed in microplates and monitored by using colorimetric assay of tetrazolium salts reducing method (MTT), by the enumeration of colony forming units (CFU/mL), and by confocal scanning laser microscopy. The susceptibility to antifungal drugs... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor
7

Efeito dos solutos urêmicos sobre espécies reativas de oxigênio em sistemas-modelo in vitro /

Assis, Renata Pires de. January 2012 (has links)
Orientador: Iguatemy Lourenço Brunetti / Banca: Mariza Pires de Melo / Banca: Eduardo Maffud Cilli / Resumo: Em pacientes com doença renal crônica é observado à presença de estresse oxidativo e a exacerbação desse estresse com o tratamento hemodialítico, bem como tem se postulado a ação antioxidante de alguns solutos urêmicos. Esse contexto instigou-nos explorar, a ação antioxidante dos solutos urêmicos: L-arginina, Ácido Úrico, Ácido Hipúrico, Creatinina, Fenol, Metilguanidina, p-Cresol, L-tirosina e Uréia, utilizando sistemas-modelo in vitro. Quatro desses solutos mostraram eficiência (expressa via o IC50 em µmol/L) para os sistemas-modelo: Capacidade de captura sobre o ABTS + , p-Cresol (3,99 ± 0,01), L-tirosina (5,23 ± 0,02), Fenol (12,98 ± 0,09) e o Ácido Úrico (16,75 ± 0,14); Capacidade de captura sobre o HOCl / OCl -, L-tirosina (2,83 ± 0,04), Ácido Úrico (5,75 ± 0,13), Fenol (8,95 ± 0,10) e p- Cresol (15,75 ± 0,12), e o bleaching da crocina (lipoperoxidação), Ácido Úrico (6,90), Fenol (1125,81) e p-Cresol (1162,31). Em relação à capacidade de captura sobre o Ânion Radical Superóxido e o Peróxido de Hidrogênio nenhum dos solutos apresentou atividade significativa. Em todos os ensaios onde não foi observada atividade antioxidante, investigou-se desde concentrações fisiológicas, urêmicas e até 10 vezes maior que as concentrações urêmicas médias. Como os solutos urêmicos, Ácido Úrico, p-Cresol, Fenol e L-tirosina capturaram significativamente as espécies reativas, ABTS + , HOCl / OCl - e ROO  , estudou-se o comportamento da mistura desses solutos, tendo como referência o IC50 de cada soluto. Obteve-se nos ensaios de captura do ABTS + e do HOCl / OCl - os IC50, como uma fração de concentração de 26 e 27%, respectivamente, para cada soluto na mistura, o que demonstrou um efeito aditivo... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Patients with chronic kidney disease suffer from oxidative stress and this stress is exacerbated by hemodialysis. It has been postulated that some uremic solutes have antioxidant effects. This context prompted us to explore the antioxidant action of the uremic solutes: L-arginine, uric acid, hippuric acid, creatinine, phenol, methylguanidine, p-cresol, L-tyrosine and urea, by means of 5 in vitro model systems. Only four of these solutes were effective antioxidants (assessed by their IC50 in µmol/L) in 3 model systems: ABTS + scavenging: p-cresol (3.99±0.01), L-tyrosine (5.23±0.02), phenol (12.98±0.09) and uric acid (16.75±0.14); hypochlorous acid scavenging: L-tyrosine (2.83±0.04), uric acid (5.75±0.13), phenol (8.95±0.10) and p-cresol (15.75±0.12); and crocin bleaching (lipoperoxidation): uric acid (6.90), phenol (1,125.81) and p-cresol (1,162.31). In tests with the superoxide radical anion and hydrogen peroxide, none of the solutes showed antioxidant activity. In each of the assays in which no activity was detected, tests were carried out over a range of solute concentrations, from normal physiological levels, through typical uremic up to ten times higher than mean uremic concentrations. As the 4 uremic solutes, uric acid, p-cresol, phenol and L-tyrosine showed significant scavenging activity for 3 reactive species, ABTS + , HOCl / OCl - and ROO  , the behavior of mixture of these solutes was investigated, with reference to the IC50 of each solute. In the ABTS + and HOCl / OCl - scavenging assays, the IC50 involved a concentration of 26% and 27%, respectively, of each solute in the mixture, demonstrating... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
8

O impacto social da hemodiálise para classe trabalhadora /

Silva, Márcia Cristina Freitas. January 2010 (has links)
Orientador: Iris Fenner Bertani / Banca: Cléria Maria Lobo Bittar Pucci Bueno / Banca: Fernanda de Oliveira Sarreta / Resumo: As doenças crônicas têm recebido maior atenção dos profissionais nas últimas décadas. Isso se deve ao importante papel desempenhado na morbimortalidade da população mundial e no Brasil. Entre essas doenças, está a insuficiência renal crônica, que se traduz em uma série de mudanças na vida dos trabalhadores e está em evidência na atualidade. Os usuários em diálise encontram-se privados muitas situações e atividades que interferem em sua qualidade de vida, apesar dos avanços tecnológicos da hemodiálise. O presente trabalho tem como objetivo conhecer o impacto social decorrente do processo de hemodiálise na vida dos trabalhadores com insuficiência renal crônica. A metodologia utilizada é a pesquisa exploratória, por meio de entrevista semiestruturada com 6 (seis) sujeitos em programa de hemodiálise, de ambos os sexos, na faixa etária de 20 a 45 anos, em período inicial de tratamento. O estudo tem natureza quanti-qualitativa, com dados obtidos pela análise documental e utiliza como base a orientação teórica do materialismo histórico-dialético. Os resultados dão visibilidade às expressões da questão social implicadas no processo de saúde-doença do sujeito em hemodiálise, decifrando a realidade, ampliando o conhecimento no campo de trabalho e suas particularidades, onde o impacto constitui um paradoxo, pois de um lado estão presentes o alívio dos sintomas da doença e a sobrevida e, de outro, a dependência do tratamento, as restrições e os reflexos que afligem a vida do usuário e de sua família, gerados por um sistema econômico que viola os direitos de saúde da classe trabalhadora / Abstract: Chronic diseases have received increased attention of professionals in recent decades. This is due to the important role played in morbi-mortality of the world population and in Brazil. Among these diseases are chronic renal failure, which translates into a series of changes in workers' lives and is in evidence today. Users on dialysis are deprived in many situations and activities that interfere with their quality of life, despite the technological advances of hemodialysis. This study aims to evaluate the social impact of the process of hemodialysis on workers with chronic renal failure. The methodology employed is the exploratory research, using semistructured interviews with 6 (six) patients on hemodialysis, both sexes, aged from 20 to 45 years in the early period of treatment. The study has both quantitative and qualitative elements, with data obtained by the documental analysis and uses as a basis theoretical orientation of the historic- dialectical materialism. The expected results give visibility to expressions of social issues involved in the process of health and illness of the patient in hemodialysis, deciphering the reality, expanding knowledge in the field of work and its peculiarities, where the impact is a paradox, because on one side are presents the symptom relief of the disease and survival and, secondly, the dependence on treatment, restrictions and reflections that affect the user's life and his family, generated by an economic system that violates the rights of health of the working class / Mestre

Page generated in 0.1152 seconds