• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 72
  • Tagged with
  • 72
  • 72
  • 29
  • 28
  • 24
  • 23
  • 23
  • 21
  • 20
  • 19
  • 18
  • 16
  • 14
  • 13
  • 12
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

A inserção e os tempos verbais no Português falado

Fernandes, Maria Alice de Mello [UNESP] 04 April 2006 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:47Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-04-04Bitstream added on 2014-06-13T20:04:18Z : No. of bitstreams: 1 fernandes_mam_dr_ararafcl.pdf: 615978 bytes, checksum: d09b115cdb2769d112f1dec7cf6d3d4a (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Esta tese aborda o estudo da inserção - uma das estratégias do Português falado - e o uso dos tempos verbais com base nos princípios teóricos da Lingüística na visão da Lingüística Textual e da Semântica. Para a investigação analisaram-se excertos do corpus, constituído por inquéritos do Projeto de Estudo da Norma Lingüística Urbana Culta de São Paulo, do Atlas Lingüístico de Mato Grosso do Sul e do Projeto Filologia Bandeirante e Português Popular do Brasil, ambos de São Paulo, com informantes de sexo diferente, além de faixa etária e escolaridade variadas. Foram analisados, nesses excertos, a natureza e as funções do fenômeno da inserção, o uso dos tempos verbais nos diferentes tipos de inserções, a relação entre o uso dos tempos verbais nas inserções e nos segmentos anteriores e posteriores a elas, além da relação entre o uso dos tempos verbais e a atitude comunicativa e a perspectiva comunicativa, além do relevo, quando pertencentes ao mundo narrado. A partir dos dados obtidos, em análise qualitativa, verificou-se que existem variações quanto às transições verbais nos diferentes estados e entre informantes e que a inserção não interrompe a seqüência textual; pelo contrário, contribui para a coerência, o que justifica a maior freqüência das funções explicativas e de comentário. Observou-se, ainda, que o uso dos tempos verbais, tanto no caso das transições homogêneas como nas heterogêneas está sempre subordinado ao discurso e o discurso aos temas desenvolvidos, e ambos às características sociais de seus falantes. / This dissertation studies insertion- one of the strategies of spoken Portuguese- and the use of verbal tenses, based on the theoretical principles of Linguistics from the perspective of Textual Linguistics and Semantics. For this research, some excerpts of the corpora were analyzed which were established by exploration of the Cult Urban Linguistic Pattern of São Paulo, of Mato Grosso do Sul Linguistics Atlas and the Bandeirante Project of Philology and Popular Portuguese of Brazil, from São Paulo State, with the informants belonging to different genders, diverse age groups and education level. In order to proceed with this researched, the nature and functions of insertion phenomenon, the use of verbal tenses in the different types of insertion, the relationship between the use of verbal tenses in those insertions as well as in preceding and following insertions, in addition to the relationship between the use of the verbal tenses and the communicative attitude and communicative perspective beyond the relevance, when part of the narrated world. From the obtained data, in qualitative analysis, it was possible to verify that there are variations as to the verbal transitions in those mentioned States (Mato Grosso do Sul and São Paulo) and also among informants and that insertion does not interrupt the textual sequence, yet, quite on the contrary, it contributes for the coherence, which justifies the major frequency of explainable functions and comments. It was also observed that the use of verbal tenses, both in the case of homogeneous and heterogeneous transitions, have always been subordinated to discourse, which is also subordinated to the developed themes and both to the social characteristics of the speakers.
2

O referendo do comércio de armas no Brasil : diferenças e divergências no discurso jornalístico sobre

Silva, Carla Letuza Moreira e January 2007 (has links)
Cette dissertation a pour but réaliser une approche discursive de la question de la polémique concernant le discours journalistique sur le Référendum du Commerce d’ Armes, réalisé le 23 octobre 2005, au Brésil. À partir du tableau théorique et méthodologique de l’ Analyse du Discours de ligne française, j’ essaye de réfléchir sur la production des sens dans le discours journalistique en tant que pratique sociale et idéologique, étant donné l’ effet de vérité qui soutient et est soutenu par le mouvement des sens dans ce discours. Ainsi, dans la première partie, intitulée “Le discours journalistique sur le Référendum du Commerce d’ Armes selon la perspective de l’ analyse française du discours “, je cherche de mettre en rapport les notions théoriques et méthodologiques mobilisées dans les analyses concernant le tableau épistémologique de la discipline qui rapporte la Linguistique, le Matérialisme Historique et la Psychanalyse , par le moyen de l’ historicité où ce sont articulés la langue, l’ histoire et l’ inconscient. Dans cette partie, je prends des notes sur la thématique considérérée et sur les conditions de production du discours. Dans la deuxième partie, “Du tableau théorique et méthodologique aux analyses”, je présente la méthodologie utilisée dans les analyses des séquences discursives, découpées du discours de trois magazines nationalement connus: “Época”, “Veja” et “Isto É”. Pour autant, j’ analyse l´ élément conditionnel SE sous une perspective discursive, car cet élément permet d’ observer les rapports entre l’ intériorité et l’ extériorité dans le langage. Devant la plémique du discours journalistique sur le Référendum, cette marque discursive remet à un processus de contestation et permet d’ appréhender les rapports de sens entre les différentes façons de dire des positions-sujet-journalistiques (Oui et Non) au sein de la Formation Discursive Journalistique du Droit à la Vie – FDJDV – comme soutènement d’ effets de sens déterminés. Le discours à faveur du Non est celui qui défend le droit à la vie à travers le maintient du droit de propriété d’ arme à feu, le discours pour le Oui est celui qui défend le droit à la vie par l’ interdiction du port/usage/commerce d’ armes à feu. Ces discours émergent devant la scène sociale signalée par la violence urbaine et par les discours sur cette violence, en construisant un imaginaire discursif dans des conditions déterminées de production. De cette façon, c’ est attestée la constitution contradictoire et hétérogène du discours journalistique et c’ est enregistré le regard explicatif de l’ analyste de discours sur la thématique. / O objetivo desta dissertação é realizar uma abordagem discursiva da questão da polêmica no discurso jornalístico sobre o Referendo do Comércio de Armas realizado em 23 de outubro de 2005, no Brasil. A partir do quadro teórico-metodológico da Análise do Discurso de linha francesa, procuro refletir sobre a produção dos sentidos no discurso jornalístico enquanto prática social e ideológica, tendo em vista o efeito de verdade que sustenta e é sustentado pelo movimento dos sentidos nesse discurso. Assim sendo, na primeira parte, intitulada “O discurso jornalístico sobre o Referendo do Comércio de Armas na perspectiva da análise do discurso francesa”, busco relacionar as noções teórico-metodológicas mobilizadas nas análises ao quadro epistemológico da disciplina que relaciona a Lingüística, o Materialismo Histórico e a Psicanálise, através da historicidade em que são articulados língua, história e inconsciente. Nessa parte, faço apontamentos sobre a temática abordada e sobre as condições de produção do discurso. Na segunda parte, “Do quadro teórico-metodológico às análises”, apresento a metodologia utilizada nas análises das seqüências discursivas recortadas do discurso de três revistas nacionalmente conhecidas: Época, Veja e IstoÉ. Para tanto, analiso o conector condicional Se em uma perspectiva discursiva, por este elemento permitir observar as relações entre a interioridade e a exterioridade na linguagem. Diante da polêmica do discurso jornalístico sobre o Referendo, esta marca discursiva remete a um processo de contestação e permite apreender as relações de sentido entre os diferentes modos de dizer das posições-sujeito-jornalísticas (Sim e Não) no âmbito da Formação Discursiva Jornalística do Direito à Vida − FDJDV − na sustentação de determinados efeitos de sentido. O discurso em defesa do Não é aquele que defende o direito à vida através da manutenção do direito de propriedade de arma de fogo; o discurso do Sim é aquele que defende o direito à vida na proibição do porte/uso/comércio de armas de fogo. Esses discursos emergem ante o cenário social marcado pela violência urbana e pelos discursos sobre essa violência, construindo um imaginário discursivo em determinadas condições de produção. Desta forma, fica atestada a constituição contraditória e heterogênea do discurso jornalístico e fica registrado o olhar interpretativo do analista de discurso sobre a temática.
3

O referendo do comércio de armas no Brasil : diferenças e divergências no discurso jornalístico sobre

Silva, Carla Letuza Moreira e January 2007 (has links)
Cette dissertation a pour but réaliser une approche discursive de la question de la polémique concernant le discours journalistique sur le Référendum du Commerce d’ Armes, réalisé le 23 octobre 2005, au Brésil. À partir du tableau théorique et méthodologique de l’ Analyse du Discours de ligne française, j’ essaye de réfléchir sur la production des sens dans le discours journalistique en tant que pratique sociale et idéologique, étant donné l’ effet de vérité qui soutient et est soutenu par le mouvement des sens dans ce discours. Ainsi, dans la première partie, intitulée “Le discours journalistique sur le Référendum du Commerce d’ Armes selon la perspective de l’ analyse française du discours “, je cherche de mettre en rapport les notions théoriques et méthodologiques mobilisées dans les analyses concernant le tableau épistémologique de la discipline qui rapporte la Linguistique, le Matérialisme Historique et la Psychanalyse , par le moyen de l’ historicité où ce sont articulés la langue, l’ histoire et l’ inconscient. Dans cette partie, je prends des notes sur la thématique considérérée et sur les conditions de production du discours. Dans la deuxième partie, “Du tableau théorique et méthodologique aux analyses”, je présente la méthodologie utilisée dans les analyses des séquences discursives, découpées du discours de trois magazines nationalement connus: “Época”, “Veja” et “Isto É”. Pour autant, j’ analyse l´ élément conditionnel SE sous une perspective discursive, car cet élément permet d’ observer les rapports entre l’ intériorité et l’ extériorité dans le langage. Devant la plémique du discours journalistique sur le Référendum, cette marque discursive remet à un processus de contestation et permet d’ appréhender les rapports de sens entre les différentes façons de dire des positions-sujet-journalistiques (Oui et Non) au sein de la Formation Discursive Journalistique du Droit à la Vie – FDJDV – comme soutènement d’ effets de sens déterminés. Le discours à faveur du Non est celui qui défend le droit à la vie à travers le maintient du droit de propriété d’ arme à feu, le discours pour le Oui est celui qui défend le droit à la vie par l’ interdiction du port/usage/commerce d’ armes à feu. Ces discours émergent devant la scène sociale signalée par la violence urbaine et par les discours sur cette violence, en construisant un imaginaire discursif dans des conditions déterminées de production. De cette façon, c’ est attestée la constitution contradictoire et hétérogène du discours journalistique et c’ est enregistré le regard explicatif de l’ analyste de discours sur la thématique. / O objetivo desta dissertação é realizar uma abordagem discursiva da questão da polêmica no discurso jornalístico sobre o Referendo do Comércio de Armas realizado em 23 de outubro de 2005, no Brasil. A partir do quadro teórico-metodológico da Análise do Discurso de linha francesa, procuro refletir sobre a produção dos sentidos no discurso jornalístico enquanto prática social e ideológica, tendo em vista o efeito de verdade que sustenta e é sustentado pelo movimento dos sentidos nesse discurso. Assim sendo, na primeira parte, intitulada “O discurso jornalístico sobre o Referendo do Comércio de Armas na perspectiva da análise do discurso francesa”, busco relacionar as noções teórico-metodológicas mobilizadas nas análises ao quadro epistemológico da disciplina que relaciona a Lingüística, o Materialismo Histórico e a Psicanálise, através da historicidade em que são articulados língua, história e inconsciente. Nessa parte, faço apontamentos sobre a temática abordada e sobre as condições de produção do discurso. Na segunda parte, “Do quadro teórico-metodológico às análises”, apresento a metodologia utilizada nas análises das seqüências discursivas recortadas do discurso de três revistas nacionalmente conhecidas: Época, Veja e IstoÉ. Para tanto, analiso o conector condicional Se em uma perspectiva discursiva, por este elemento permitir observar as relações entre a interioridade e a exterioridade na linguagem. Diante da polêmica do discurso jornalístico sobre o Referendo, esta marca discursiva remete a um processo de contestação e permite apreender as relações de sentido entre os diferentes modos de dizer das posições-sujeito-jornalísticas (Sim e Não) no âmbito da Formação Discursiva Jornalística do Direito à Vida − FDJDV − na sustentação de determinados efeitos de sentido. O discurso em defesa do Não é aquele que defende o direito à vida através da manutenção do direito de propriedade de arma de fogo; o discurso do Sim é aquele que defende o direito à vida na proibição do porte/uso/comércio de armas de fogo. Esses discursos emergem ante o cenário social marcado pela violência urbana e pelos discursos sobre essa violência, construindo um imaginário discursivo em determinadas condições de produção. Desta forma, fica atestada a constituição contraditória e heterogênea do discurso jornalístico e fica registrado o olhar interpretativo do analista de discurso sobre a temática.
4

Referenciação, multimodalidade e tipografia cinética: reflexões em linguística textual

SILVA, Nadiana Lima da 29 September 2016 (has links)
Submitted by Fernanda Rodrigues de Lima (fernanda.rlima@ufpe.br) on 2018-08-02T21:07:28Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Nadiana Lima da Silva.pdf: 9811617 bytes, checksum: 93ab561301d862ed1b7f9b56477230fa (MD5) / Approved for entry into archive by Alice Araujo (alice.caraujo@ufpe.br) on 2018-08-07T19:46:08Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Nadiana Lima da Silva.pdf: 9811617 bytes, checksum: 93ab561301d862ed1b7f9b56477230fa (MD5) / Made available in DSpace on 2018-08-07T19:46:08Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Nadiana Lima da Silva.pdf: 9811617 bytes, checksum: 93ab561301d862ed1b7f9b56477230fa (MD5) Previous issue date: 2016-09-29 / CAPES / Este trabalho tem por objetivo principal investigar as estratégias textual-discursivas que operam conjunta e retoricamente em textos construídos com base na tipografia cinética, técnica por meio da qual os textos podem congregar movimento, som, alterações tipográficas (quanto à cor, ao formato, ao tamanho etc.) e inserção de imagens (pictóricas ou fotográficas). Para alcançar esse propósito, analisamos vídeos institucionais que visam à tomada de posição ou à ampliação da discussão quanto a determinado tema, à angariação de donativos e afins, de modo a verificar como as marcas visuais tipográficas, bem como outras que se associem a estas, reformulam e homologam um referente, acrescendo um novo viés ao referente retomado e contribuindo para a orientação argumentativa do texto. Por isso, sob a perspectiva do Sociocognitivismo, nosso empreendimento teórico-metodológico consiste em associar o aparato analítico da Linguística Textual com as ferramentas de análise oriundas dos estudos multimodais, mais especificamente da linha sociossemiótica. Também fundamentam nossa análise os pressupostos gerais da Nova Retórica e da Retórica Visual. Os resultados demonstram que os recursos verbo-visuais, sobretudo quando cinéticos, são bastante produtivos para a argumentação de um texto e participam conjuntamente do processo de referenciação, o que revela a necessidade de atentar para outros elementos das composições textuais, além do linguístico, nas análises em Linguística Textual. / The main objective of this paper is to investigate the textual-discursive strategies that operate along with and rhetorically in texts constructed based on kinetic typography, a technique by which texts can congregate movement, sound, typographic alterations (regarding color, format, size, etc.) and image insertion (pictorial or photographic). To achieve this purpose, we analyzed institutional videos that aim at position-taking or broadening the discussion regarding a specific topic, at donation gathering and others, in order to verify how typographic visual brands, as well as other brands associated to them, reformulate and ratify a referent, adding a new perspective to the referent retaken and contributing for the argumentativeness of the text. Thus, under the sociocognitivism perspective, our theoretical-methodological effort consists in associating the analytical apparatus of Textual Linguistics with the tools of analysis derived from the multimodal studies, more specifically from the socio-semiotics approach. Our analysis is also based on the general assumptions of the New Rhetoric and the Visual Rhetoric. Findings demonstrate that visual-verbal resources, mainly kinetic, are very productive for the argumentation of a text while participating in the referential process, which reveals the need to be aware for other elements of the textual composition, beyond linguistics, in the Textual Linguistics analysis.
5

O referendo do comércio de armas no Brasil : diferenças e divergências no discurso jornalístico sobre

Silva, Carla Letuza Moreira e January 2007 (has links)
Cette dissertation a pour but réaliser une approche discursive de la question de la polémique concernant le discours journalistique sur le Référendum du Commerce d’ Armes, réalisé le 23 octobre 2005, au Brésil. À partir du tableau théorique et méthodologique de l’ Analyse du Discours de ligne française, j’ essaye de réfléchir sur la production des sens dans le discours journalistique en tant que pratique sociale et idéologique, étant donné l’ effet de vérité qui soutient et est soutenu par le mouvement des sens dans ce discours. Ainsi, dans la première partie, intitulée “Le discours journalistique sur le Référendum du Commerce d’ Armes selon la perspective de l’ analyse française du discours “, je cherche de mettre en rapport les notions théoriques et méthodologiques mobilisées dans les analyses concernant le tableau épistémologique de la discipline qui rapporte la Linguistique, le Matérialisme Historique et la Psychanalyse , par le moyen de l’ historicité où ce sont articulés la langue, l’ histoire et l’ inconscient. Dans cette partie, je prends des notes sur la thématique considérérée et sur les conditions de production du discours. Dans la deuxième partie, “Du tableau théorique et méthodologique aux analyses”, je présente la méthodologie utilisée dans les analyses des séquences discursives, découpées du discours de trois magazines nationalement connus: “Época”, “Veja” et “Isto É”. Pour autant, j’ analyse l´ élément conditionnel SE sous une perspective discursive, car cet élément permet d’ observer les rapports entre l’ intériorité et l’ extériorité dans le langage. Devant la plémique du discours journalistique sur le Référendum, cette marque discursive remet à un processus de contestation et permet d’ appréhender les rapports de sens entre les différentes façons de dire des positions-sujet-journalistiques (Oui et Non) au sein de la Formation Discursive Journalistique du Droit à la Vie – FDJDV – comme soutènement d’ effets de sens déterminés. Le discours à faveur du Non est celui qui défend le droit à la vie à travers le maintient du droit de propriété d’ arme à feu, le discours pour le Oui est celui qui défend le droit à la vie par l’ interdiction du port/usage/commerce d’ armes à feu. Ces discours émergent devant la scène sociale signalée par la violence urbaine et par les discours sur cette violence, en construisant un imaginaire discursif dans des conditions déterminées de production. De cette façon, c’ est attestée la constitution contradictoire et hétérogène du discours journalistique et c’ est enregistré le regard explicatif de l’ analyste de discours sur la thématique. / O objetivo desta dissertação é realizar uma abordagem discursiva da questão da polêmica no discurso jornalístico sobre o Referendo do Comércio de Armas realizado em 23 de outubro de 2005, no Brasil. A partir do quadro teórico-metodológico da Análise do Discurso de linha francesa, procuro refletir sobre a produção dos sentidos no discurso jornalístico enquanto prática social e ideológica, tendo em vista o efeito de verdade que sustenta e é sustentado pelo movimento dos sentidos nesse discurso. Assim sendo, na primeira parte, intitulada “O discurso jornalístico sobre o Referendo do Comércio de Armas na perspectiva da análise do discurso francesa”, busco relacionar as noções teórico-metodológicas mobilizadas nas análises ao quadro epistemológico da disciplina que relaciona a Lingüística, o Materialismo Histórico e a Psicanálise, através da historicidade em que são articulados língua, história e inconsciente. Nessa parte, faço apontamentos sobre a temática abordada e sobre as condições de produção do discurso. Na segunda parte, “Do quadro teórico-metodológico às análises”, apresento a metodologia utilizada nas análises das seqüências discursivas recortadas do discurso de três revistas nacionalmente conhecidas: Época, Veja e IstoÉ. Para tanto, analiso o conector condicional Se em uma perspectiva discursiva, por este elemento permitir observar as relações entre a interioridade e a exterioridade na linguagem. Diante da polêmica do discurso jornalístico sobre o Referendo, esta marca discursiva remete a um processo de contestação e permite apreender as relações de sentido entre os diferentes modos de dizer das posições-sujeito-jornalísticas (Sim e Não) no âmbito da Formação Discursiva Jornalística do Direito à Vida − FDJDV − na sustentação de determinados efeitos de sentido. O discurso em defesa do Não é aquele que defende o direito à vida através da manutenção do direito de propriedade de arma de fogo; o discurso do Sim é aquele que defende o direito à vida na proibição do porte/uso/comércio de armas de fogo. Esses discursos emergem ante o cenário social marcado pela violência urbana e pelos discursos sobre essa violência, construindo um imaginário discursivo em determinadas condições de produção. Desta forma, fica atestada a constituição contraditória e heterogênea do discurso jornalístico e fica registrado o olhar interpretativo do analista de discurso sobre a temática.
6

A inserção e os tempos verbais no Português falado /

Fernandes, Maria Alice de Mello. January 2006 (has links)
Orientador: Odette Gertrudes Luiza Altmann de Souza Campos / Banca: Rosane de Andrade Berlinck / Banca: Beatriz Nunes de Oliveira Longo / Banca: Ingedore Grunfeld Villaça Koch / Banca: Gladis Maria Barcelos de Almeida / Resumo: Esta tese aborda o estudo da inserção - uma das estratégias do Português falado - e o uso dos tempos verbais com base nos princípios teóricos da Lingüística na visão da Lingüística Textual e da Semântica. Para a investigação analisaram-se excertos do corpus, constituído por inquéritos do Projeto de Estudo da Norma Lingüística Urbana Culta de São Paulo, do Atlas Lingüístico de Mato Grosso do Sul e do Projeto Filologia Bandeirante e Português Popular do Brasil, ambos de São Paulo, com informantes de sexo diferente, além de faixa etária e escolaridade variadas. Foram analisados, nesses excertos, a natureza e as funções do fenômeno da inserção, o uso dos tempos verbais nos diferentes tipos de inserções, a relação entre o uso dos tempos verbais nas inserções e nos segmentos anteriores e posteriores a elas, além da relação entre o uso dos tempos verbais e a atitude comunicativa e a perspectiva comunicativa, além do relevo, quando pertencentes ao mundo narrado. A partir dos dados obtidos, em análise qualitativa, verificou-se que existem variações quanto às transições verbais nos diferentes estados e entre informantes e que a inserção não interrompe a seqüência textual; pelo contrário, contribui para a coerência, o que justifica a maior freqüência das funções explicativas e de comentário. Observou-se, ainda, que o uso dos tempos verbais, tanto no caso das transições homogêneas como nas heterogêneas está sempre subordinado ao discurso e o discurso aos temas desenvolvidos, e ambos às características sociais de seus falantes. / Abstract: This dissertation studies insertion- one of the strategies of spoken Portuguese- and the use of verbal tenses, based on the theoretical principles of Linguistics from the perspective of Textual Linguistics and Semantics. For this research, some excerpts of the "corpora" were analyzed which were established by exploration of the Cult Urban Linguistic Pattern of São Paulo, of Mato Grosso do Sul Linguistics Atlas and the Bandeirante Project of Philology and Popular Portuguese of Brazil, from São Paulo State, with the informants belonging to different genders, diverse age groups and education level. In order to proceed with this researched, the nature and functions of insertion phenomenon, the use of verbal tenses in the different types of insertion, the relationship between the use of verbal tenses in those insertions as well as in preceding and following insertions, in addition to the relationship between the use of the verbal tenses and the communicative attitude and communicative perspective beyond the relevance, when part of the narrated world. From the obtained data, in qualitative analysis, it was possible to verify that there are variations as to the verbal transitions in those mentioned States (Mato Grosso do Sul and São Paulo) and also among informants and that insertion does not interrupt the textual sequence, yet, quite on the contrary, it contributes for the coherence, which justifies the major frequency of explainable functions and comments. It was also observed that the use of verbal tenses, both in the case of homogeneous and heterogeneous transitions, have always been subordinated to discourse, which is also subordinated to the developed themes and both to the social characteristics of the speakers. / Doutor
7

Concurso vestibular : uma análise tipológica e enunciativa

Fidelis, Fabiana Cardoso January 2002 (has links)
Neste trabalho, faz-se uma análise dos textos das provas do Concurso Vestibular UFRGS 2001 a partir da Lingüística Textual, tendo-se como referência Teorias da Enunciação. Busca-se verificar como se caracterizam os textos das provas do ponto de vista lingüístico. Para isso, baseando-se em elementos de textualização, analisam-se alguns aspectos que se destacaram na organização estrutural e enunciativa dos textos das provas. Nesta análise, faz-se também uma tipologização das seqüências textuais que aparecem nos textos das questões das provas. Conclui-se que os textos das provas do vestibular da UFRGS de 2001 caracterizam-se por estabelecer uma aparente proximidade do enunciador com o leitor por meio de alguns recursos de modalização enunciativa e, ao mesmo tempo, por uma tentativa de não-marcação da enunciação, tendo em vista se inserirem numa situação formal de avaliação. A forma como se compõem os textos das provas revela a tentativa de um máximo controle do sentido. É necessário, durante a elaboração das provas, que sejam previstos os conhecimentos e inferências que o leitor poderá fazer a partir de seu conhecimento de mundo e do conhecimento do conteúdo que está sendo avaliado. Por sua vez, o leitor precisa relacionar e mobilizar o seu conhecimento de mundo e do conteúdo avaliado com o que supostamente está de acordo com o mundo científico em que se insere a prova. Quanto mais os conhecimentos de mundo e de conteúdo do produtor e do leitor-candidato coincidirem, maior será a possibilidade de êxito do candidato nas provas. Este trabalho é de interesse especialmente aos estudiosos de língua em seus aspectos textuais e enunciativos, mas também o consideramos pertinente aos professores que preparam seus alunos para provas de escolha múltipla, seja de vestibulares ou concursos públicos em geral.
8

CONSTRUÇÃO DE SENTIDOS EM LIVROS DIDÁTICOS: UMA ABORDAGEM DIALÓGICO-TEXTUAL

Sales, Myrian Conceição Crusoé Rocha 18 March 2016 (has links)
Submitted by Roberth Novaes (roberth.novaes@live.com) on 2018-07-05T13:28:31Z No. of bitstreams: 1 2 Dissertação Myrian (2) 27.01.pdf: 6500414 bytes, checksum: 424d1485317e94668c8dfe9f0f90e64d (MD5) / Approved for entry into archive by Setor de Periódicos (per_macedocosta@ufba.br) on 2018-07-05T20:44:58Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2 Dissertação Myrian (2) 27.01.pdf: 6500414 bytes, checksum: 424d1485317e94668c8dfe9f0f90e64d (MD5) / Made available in DSpace on 2018-07-05T20:44:58Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2 Dissertação Myrian (2) 27.01.pdf: 6500414 bytes, checksum: 424d1485317e94668c8dfe9f0f90e64d (MD5) / Esta dissertação analisou questões de construção de sentidos apresentadas em três Livros Didáticos (LD) do ensino médio aprovados pelo Ministério da Educação (MEC). De caráter qualitativo, a presente pesquisa observou também as conjunturas políticas e pedagógicas que envolvem a produção desses materiais didáticos como: os critérios de avalição do LD elaborados pelo MEC e o Manual do Professor (aporte teórico-metodológico exposto pelos autores do LD destinados aos docentes). As questões de compreensão textual selecionadas nos LD fazem parte de um corpus de 15 exemplos, analisados à luz da Linguística Textual (LT), mais especificamente no sociocognitivo-interacional, nos estudos bakhtiniano que reconhecem os aspectos sócio-histórico-ideológicos presentes no texto. Para tanto, utilizou-se dos pressupostos da fase sociocognitivo-interacional apresentada por Koch (2008, 2009, 2010, 2011), e da fase bakhtiniana proposta por Heine (2008, 2010, 2011, 2012). Foram acrescentadas reflexões com foco nas relações exotópicas na construção de sentido, tendo como base teórica as concepções de texto e sua correlação com os sujeitos. Na análise dos critérios de aprovação do LD, elaborados pelo MEC, os quais direcionam o trabalho dos autores desse material didático, observou-se uma tendência à teoria sociocognitivo-interacional ao propor “estratégias cognitivas”, “interação entre leitor-autor-texto”, ignorando qualquer outra possibilidade de interação com o texto para a construção de sentidos. Os resultados obtidos revelam que embora os critérios tendam à teoria sociocognitivo-interacional, os LD pouco apresentam atividades de construção de sentidos dentro dos parâmetros dessa teoria, muitos deles ainda se apresentam presos às primeiras fases da LT concebendo o texto como produto pronto a ser apreendido pelo leitor; encontraram-se poucas questões inferenciais que explorassem aspectos sócio-histórico-ideológicos do texto, fato constatado nas análises das questões selecionadas. A pesquisa revelou ainda que no Manual do Professor, encontram-se várias teorias da LT para o trabalho com texto, desde as formalistas até as funcionalistas, algumas vezes, nas apresentações de tais teorias, os autores do LD não são precisos nas explanações o que pode causar confusão para os docentes. Os resultados demostram ainda que, os critérios do MEC para avaliação do LD e os Manuais do professor contemplam teorias desatualizadas sem acuidade necessária para o aprimoramento do estudo de texto. Além disso, não concebem o texto na fase bahktiniana que considera os aspectos sócio-histórico-ideológicos e o sujeito responsivo. Recomenda-se que os critérios do MEC para avaliação do LD sejam mais específicos no que se refere à construção de sentidos, trazendo a abordagem textual contemporânea da LT para a construção das atividades com textos que investe nos aspectos sócio-histórico-ideológico, como também os LD apresentem mais questões de construção de sentido que compreendam os aspectos sociais, históricos e ideológicos do texto, oportunizando o sujeito responsivo a dialogar com o texto. / This research aims at analyzing the way meaning is built in reading comprehension activities, based on updated studies of Text Linguistics: the social-cognitive interactional phase proposed by Koch (2008, 2009, 2010, 2011) and the Bakhtinian phase proposed by Heine (2008, 2010, 2011, 2012), both of them considering the text beyond the verbal language and a reflection of different factors such as social, cultural, political and historical. According to this point of view the readers play a very dynamic role, reacting actively to everything they read. In order to reach the major objective of this work, 15 reading activities were selected from 3 high school course books approved by MEC, taking into consideration the theory and methodology that are presented in their teacher‟s manual, too. Political and pedagogical aspects involving the production of such course books were also observed. Although these manuals mention the above theory (social-cognitive interactional) they hardly ever show activities that really work with inferences, allowing the readers to consider social, historical and political aspects that are present in any text. Most of the proposed activities view the text as a product (as a container) from which the readers get ideas and not as a process. Two other important points were a mix of theories (formalists and functionalists) presented in the manuals that may confuse inexperienced professionals and unclear criteria from MEC in terms of course books evaluation. As a conclusion of this research it is recommended that high school course books bring updated concepts towards reading comprehension activities so that social, historical and political factors can also be worked on in class and the readers can become critical and reflective citizens.
9

O GESTAR II DE LÍNGUA PORTUGUESA: UMA INVESTIGAÇÃO DAS ATIVIDADES DE COMPREENSÃO TEXTUAL

Cruz, Adriano Rodrigues Santa January 2017 (has links)
Submitted by Roberth Novaes (roberth.novaes@live.com) on 2018-07-17T17:19:14Z No. of bitstreams: 1 Dissertação definitiva com anexos- versão final.pdf: 29182855 bytes, checksum: 59d2ea9afe6bcacbbb6cf38ab977df7b (MD5) / Approved for entry into archive by Setor de Periódicos (per_macedocosta@ufba.br) on 2018-07-17T18:22:56Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Dissertação definitiva com anexos- versão final.pdf: 29182855 bytes, checksum: 59d2ea9afe6bcacbbb6cf38ab977df7b (MD5) / Made available in DSpace on 2018-07-17T18:22:56Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertação definitiva com anexos- versão final.pdf: 29182855 bytes, checksum: 59d2ea9afe6bcacbbb6cf38ab977df7b (MD5) / Esta dissertação tem como objetivo investigar as atividades de leitura presentes nos materiais didáticos (MD) do Programa de Gestão da Aprendizagem Escolar II (GESTAR II), distribuídos pela Secretaria da Educação da Bahia, de modo a verificar o que cada tipologia de pergunta significa para o desenvolvimento da competência leitora dos estudantes. Para tanto, tem-se como fundamentação teórica a Linguística Textual (LT), sobretudo as fases sociocognitivo-interacionista (KOCH, 2009) e bakhtiniana (ALVAREZ; HEINE, 2012; HEINE, 2015). A pesquisa é de natureza qualitativa, tendo como procedimentos metodológicos a contextualização do livro didático (LD) na escola, de modo a destacar em que período entrou em maior evidência, a análise dos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) de língua portuguesa (LP) e do Guia Geral do GESTAR II (BRASIL, 2010), sendo que este último se fundamenta em tal documento oficial. Depois disso, tendo em vista Marcuschi (1996, 2005, 2008), Alvarez et al. (2014) e Neiva (2015), procede-se com a classificação das perguntas relativas aos textos em tipologias e a seleção das que tiveram um maior número de ocorrência para a descrição, sendo esses os pontos centrais da pesquisa. Observou-se que as questões que podem ser consideradas de compreensão textual, como as inferenciais e as críticas, ficaram um pouco acima da metade do total de ocorrências, o que é um valor razoável, embora se diga, no Guia Geral, que a centralidade do programa na disciplina de LP seja o desenvolvimento de habilidades de compreensão, interpretação e produção de textos. Dessa forma, as demais perguntas tiveram quase a metade do número geral de ocorrências. Todavia, tais perguntas não podem ser consideradas de compreensão textual, o que não implica, necessariamente, negar algum grau de importância delas para a formação dos estudantes. Além disso, constatou-se que em certas circunstâncias o texto é concebido como um código linguístico apenas, visto que não o tratam como verbo-visual, bem como cobram extrações de informações de sua superfície através de uma porcentagem considerável de perguntas de cópia. Além dessa tipologia, a classificada como pessoal apareceu de forma bastante notória ao longo da análise, a qual admite respostas sem base no texto lido. Outra questão refere-se às atividades classificadas como intencionais, as quais tornam a compreensão como uma descoberta da intenção do autor, desconsiderando os conhecimentos prévios do leitor. Além do mais, perguntas que exploram de algum modo questões ligadas à língua falada, só tiveram um número muito pequeno de ocorrências no geral, o que dá indícios de que essa modalidade da língua foi pouco explorada pelos MD. Diante dessas considerações, nota-se que os MD do GESTAR II de LP precisam avançar em relação ao estudo do texto, a fim de consolidar com mais ênfase o seu objetivo geral mencionado e trazer novas contribuições oferecidas pela LT para a análise textual em sala de aula. / This dissertation aims to investigate the reading activities presents in Teaching Materials (Materiais Didáticos – (MD) of the Program of Management of the School Learning II (GESTAR II),distributed by Secretaria de Educação da Bahia in order to verify what each question typology means for the development of the reading students’ competence. In order to do so, we have as theoretical foundation the Textual Linguistics (TL), especially the sociocognitive-interactionist (KOCH, 2009) and Bakhtinian (ALVAREZ; HEINE, 2012; HEINE, 2015) phases. The research is of a qualitative nature, having as methodological procedures the contextualization of the MD in the school, in order to highlight in what period the evidence of the Portuguese National Curricular Parameters (NCP) and the General GESTAR II (BRAZIL, 2010), the latter being based on such official document. After that, according to Marcuschi (1996, 2005, 2008), Alvarez et al. (2014) and Neiva (2015), we proceed to classify the questions related to texts in typologies and the selection of those that had a greater number of occurrence for description, being these the central points of the research. It was observed that questions that can be considered textual comprehension, such as inferential and critical, were slightly above half the total number of occurrences, which is a reasonable value, although it was said that, in the General Guide, the centrality of program in the discipline of LP has to be the development skills of understanding, interpretation and production of texts. In this way, the other questions had almost half of the general number of occurrences. However, such questions cannot be considered textual comprehension, which does not necessarily imply denying some degree of importance to the students' training. In addition, it has been found that in certain circumstances the text is conceived as a linguistic code only, since it is not treated as a verbal-visual or merely extracts information from its surface through copy questions. Besides to this typology, the classification classified as personal appeared quite noticeably throughout the analysis, which admits answers based on the text read. Another question concerns the activities classified as intentional, which make the understanding as a discovery of the author’s intentions, disregarding the reader's prior knowledge. Moreover, questions that explore language issues in some way, only had fewer occurrences in general, which gives indications that this modality of the language was little explored by MD. In view of these considerations, it should be noted that the PL of GESTAR II in LD need to advance in relation to the study of the text, in order to emphasize its mentioned general objective and to bring new contributions offered by TL for the textual
10

Concurso vestibular : uma análise tipológica e enunciativa

Fidelis, Fabiana Cardoso January 2002 (has links)
Neste trabalho, faz-se uma análise dos textos das provas do Concurso Vestibular UFRGS 2001 a partir da Lingüística Textual, tendo-se como referência Teorias da Enunciação. Busca-se verificar como se caracterizam os textos das provas do ponto de vista lingüístico. Para isso, baseando-se em elementos de textualização, analisam-se alguns aspectos que se destacaram na organização estrutural e enunciativa dos textos das provas. Nesta análise, faz-se também uma tipologização das seqüências textuais que aparecem nos textos das questões das provas. Conclui-se que os textos das provas do vestibular da UFRGS de 2001 caracterizam-se por estabelecer uma aparente proximidade do enunciador com o leitor por meio de alguns recursos de modalização enunciativa e, ao mesmo tempo, por uma tentativa de não-marcação da enunciação, tendo em vista se inserirem numa situação formal de avaliação. A forma como se compõem os textos das provas revela a tentativa de um máximo controle do sentido. É necessário, durante a elaboração das provas, que sejam previstos os conhecimentos e inferências que o leitor poderá fazer a partir de seu conhecimento de mundo e do conhecimento do conteúdo que está sendo avaliado. Por sua vez, o leitor precisa relacionar e mobilizar o seu conhecimento de mundo e do conteúdo avaliado com o que supostamente está de acordo com o mundo científico em que se insere a prova. Quanto mais os conhecimentos de mundo e de conteúdo do produtor e do leitor-candidato coincidirem, maior será a possibilidade de êxito do candidato nas provas. Este trabalho é de interesse especialmente aos estudiosos de língua em seus aspectos textuais e enunciativos, mas também o consideramos pertinente aos professores que preparam seus alunos para provas de escolha múltipla, seja de vestibulares ou concursos públicos em geral.

Page generated in 0.2471 seconds