• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 10
  • 1
  • Tagged with
  • 11
  • 6
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Cobertura e empacotamento por circuitos através de um elemento em matróides

Paulo Castalonga, João January 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:33:20Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo8703_1.pdf: 670727 bytes, checksum: 9918037a2d4726b9b9c433582614d4f0 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2007 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Seja M uma matróide conexa e e um elemento de M tal que M/e seja conexa. Seja CeM o conjunto dos elementos de M que contém e, veM o tamanho de uma maior subfamília Ce na qual cada dois membros se encontram somente em e e 0eM o tamanho de uma maior subfamília de CeM que cobre M. Lemos e Oxley demonstraram que veM + 0eM < r*M + 2, e, em particular, veM + 0eM < r*M + 1 se M não possui um menor F7 usando e. O objetivo deste trabalho é apresentar a prova para tal teorema, bem como a teoria necessária para seu entendimento e algumas de suas consequências. Em paricular, o trabalho inclui alguns resultados importantes em conectividade em matróides(especialmente em 3-connectividade), e, como consequência do teorema principal, um teorema de Seymour, o qual diz que, em uma matróide conexa M, a soma do tamanho de uma maior família de circuitos disjuntos com o tamanho de uma menor família cobrindo M é, no máximo, r*M + 1
2

Matróides induzidas por empacotamentos em grafos com pesos

Cavalcante Coutinho, Hebe January 1990 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:31:25Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo7664_1.pdf: 826523 bytes, checksum: 137f501d35ab75799fa17d1aae25d76b (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 1990 / Esta dissertação se propõe a explorar o artigo intitulado Matroids induced by packing wheited subgraphs de M. Lemos. Apresentamos, baseado no artigo de M. Loebl e S. Poljak, On Matroids induced by packing subgraphs, uma família F, de subgrafos de G que preservam a propriedade de o conjunto dos vértices cobertos por algum F-empacotamento gerarem uma matróide. Introduzimos os conceitos de família hipoemparelhável, H, e família fechada de propulsores enraizados , e mostramos que se F = H[, os conjuntos dos vértices dos F,-empacotamentos de peso máximo de uma matróide, com pequenas restrições à função peso, formam uma matróide
3

Matróides Com Poucas Bases Não-Comuns

Silva, Maria Isabelle 05 1900 (has links)
Submitted by Etelvina Domingos (etelvina.domingos@ufpe.br) on 2015-03-10T18:09:49Z No. of bitstreams: 2 Tese_Maria Isabelle.pdf: 664516 bytes, checksum: 86bc23fbb9b6a3915107f2f71747f961 (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-10T18:09:49Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Tese_Maria Isabelle.pdf: 664516 bytes, checksum: 86bc23fbb9b6a3915107f2f71747f961 (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Previous issue date: 2012-05 / Nesta tese caracterizamos pares de matróides (M1;M2) que possuem poucas bases não-comuns, isto é, |B(M1) B(M2)| ≤ n, para um natural n ≥ 3, desde que M1 e M2 não possuam circuitos e cocircuitos pequenos, mais precisamente com cardinalidade inferior a n. Para o caso em que n = 3, fazemos o estudo também para as matróides possuindo circuitos e cocircuitos de qualquer tamanho, inclusive tamanhos um e dois.
4

Número de triângulos e de elementos cobertos por triângulos em matróides binárias que são cominimalmente 3-conexas

GOMES JUNIOR, Antonio José Ferreira 13 August 2013 (has links)
Submitted by Pedro Barros (pedro.silvabarros@ufpe.br) on 2018-10-02T22:18:32Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Antonio José Ferreira Gomes Junior.pdf: 795094 bytes, checksum: 529f11681a4d9bb3ee2869e50d35e58f (MD5) / Approved for entry into archive by Alice Araujo (alice.caraujo@ufpe.br) on 2018-11-22T22:30:27Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Antonio José Ferreira Gomes Junior.pdf: 795094 bytes, checksum: 529f11681a4d9bb3ee2869e50d35e58f (MD5) / Made available in DSpace on 2018-11-22T22:30:27Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 811 bytes, checksum: e39d27027a6cc9cb039ad269a5db8e34 (MD5) TESE Antonio José Ferreira Gomes Junior.pdf: 795094 bytes, checksum: 529f11681a4d9bb3ee2869e50d35e58f (MD5) Previous issue date: 2013-08-13 / CAPES / Manoel Lemos em seu artigo “Elements belonging to triads in 3-connected matroids” (2004) estabeleceu uma cota inferior para o número de elementos cobertos por triângulos em uma matróide cominimalmente 3-conexa com uma quantidade suficientemente grande de elementos, em função de sua quantidade de elementos. No seu artigo “On the number of triangles in 3-connected matrids” (2007) mostrou uma cota semelhante para o número de triângulos desse tipo de matróide. Ele ainda, em ambos os casos, encontrou uma família infinita de matróides que atingiam tais cotas. Assim, motivados por esses artigos, adicionamos ao problema a hipótese da matróide ser binária e construímos algumas matróides com uma pequena quantidade de elementos, satisfazendo essas condições, que foram utilizadas em decomposições necessárias para as demonstrações de resultados similares aos dos artigos de Lemos. Além disso, também encontramos, em ambos os casos, uma família infinita de matróides compostas pelas criadas para a decomposição que atingem o limite dessas cotas, mostrando que os resultados obtidos são os melhores possíveis. / Manoel Lemos in his article “Elements belonging do triads in 3-connected matroids” (2004) established a lower bound for the number of elements covered by triangles in a cominimally 3-connected matroid with a sufficiently large number of elements, depending on their amount of elements. In his article “On the number of triangles in 3-connected matrids” (2007) he showed a similar quota for the number of triangles of this type of matroid. He still, in both cases, found an endless family of matroids who reached such heights. Thus, motivated by these articles, we add to the problem the hypothesis of the matroid being binary and we construct some matroids with a small amount of elements, satisfying these conditions, that were used in necessary decompositions for the demonstrations of results similar to the articles of Lemos. In addition, we also find in both cases an infinite family of matroids composed by the maids for decomposition that reach the limit of these dimensions, showing that the obtained results are the best possible.
5

Aplicações do Polinômio de Tutte aos códigos lineares. / Applications of the Tutte polynomial to linear codes.

SILVA, Lino Marcos da. 09 July 2018 (has links)
Submitted by Johnny Rodrigues (johnnyrodrigues@ufcg.edu.br) on 2018-07-09T18:02:46Z No. of bitstreams: 1 LINO MARCOS DA SILVA - DISSERTAÇÃO PPGMAT 2006..pdf: 606293 bytes, checksum: f6729428e1a4d16d1b38704fe9b418a4 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-07-09T18:02:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 LINO MARCOS DA SILVA - DISSERTAÇÃO PPGMAT 2006..pdf: 606293 bytes, checksum: f6729428e1a4d16d1b38704fe9b418a4 (MD5) Previous issue date: 2006-03 / Capes / Neste trabalho apresentamos algumas relações entre matróides e códigos lineares. Estudamos vários invariantes numéricos de matróides e vemos que este é um dos muitos aspectos de teoria das matróides que tiveram origem em teoria dos grafos. Analisamos uma classe especial de tais invariantes: os invariantes Tutte-Grothendieck. Mostramos que o polinômio de Tutte é o invariante T-Guniversal (Brilawski,1972) e o relacionamos à teoria dos códigos mostrando que a distribuição de pesos de palavras-código em um código linear é um invariante T-G generalizado (Greene,1976). / In this work we present a relation between matroid and linear codes. Numericals invariants for matroids is one the many topics of matroid theory having its origins graph theory. The Tutte Polynomial of the matroid play a role very important in various problems concerned with such invariants. In 1972 Brylawski showed that the Tutte Polynomial is a T-G invariant. In 1976, Greene established a relation among linear codes and the Tutte Polynomial showing that the distribuition of codeweigths in a linear codes is a generalized T-G invariant.
6

A Propriedade Erdös-Pósa para matróides. / The Erdös-Posa Property for matroids.

VASCONCELOS, José Eder Salvador de. 23 July 2018 (has links)
Submitted by Johnny Rodrigues (johnnyrodrigues@ufcg.edu.br) on 2018-07-23T15:16:49Z No. of bitstreams: 1 JOSÉ EDER SALVADOR DE VASCONCELOS - DISSERTAÇÃO PPGMAT 2009..pdf: 634118 bytes, checksum: e65e70c702364b197a36f09e8d1ef296 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-07-23T15:16:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 JOSÉ EDER SALVADOR DE VASCONCELOS - DISSERTAÇÃO PPGMAT 2009..pdf: 634118 bytes, checksum: e65e70c702364b197a36f09e8d1ef296 (MD5) Previous issue date: 2009-11 / Capes / O número de cocircuitos disjuntos em uma matróide é delimitado pelo seu posto. Existem, no entanto, matróides de posto arbitrariamente grande que não contêm dois cocircuitos disjuntos. Considere, por exemplo,M(Kn) eUn,2n. Além disso, a matróide bicircularB(Kn) pode ter posto arbitrariamente grande, mas não tem 3 cocircuitos disjuntos. Nós apresentaremos uma prova, obtida por Jim Geelen e Kasper Kabell em (5), para o seguinte fato: para cadak en, existe uma constantec tal que, seM é uma matróide com posto no mínimoc, entãoM temk cocircuitos disjuntos ou contém uma das seguintes matróides como menorUn,2n,M(Kn) ouB(Kn). / The number of disjoint cocircuits in a matroid is bounded by its rank. There are, however, matroids of rank arbitrarily large that do not contain two disjoint cocircuits. Consider, for example,M(kn) andUn,2n. Moreover, the bicircular matroidB(kn) may have arbitrarily large rank but do not have 3 disjoints cocircuits. We show a proof obtained by Jim Geelen and Kasper Kabell in (5) to the following fact: for everyk andn, there is a constantc such that ifM is a matroid with rank at leastc, thenM hask disjoint cocircuits orM contains one of the following matroids as a minorUn,2n, M(kn) orB(kn).
7

Invariantes de Tutte-Grothendieck em Grafos. / Invariants of Tutte-Grothendieck in Graphs.

SILVA JÚNIOR, Aluizio Freire da. 09 July 2018 (has links)
Submitted by Johnny Rodrigues (johnnyrodrigues@ufcg.edu.br) on 2018-07-09T18:31:20Z No. of bitstreams: 1 ALUIZIO FREIRE DA SILVA JÚNIOR - DISSERTAÇÃO PPGMAT 2006..pdf: 980989 bytes, checksum: f1926c139600c32faa072dcabfe92429 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-07-09T18:31:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 ALUIZIO FREIRE DA SILVA JÚNIOR - DISSERTAÇÃO PPGMAT 2006..pdf: 980989 bytes, checksum: f1926c139600c32faa072dcabfe92429 (MD5) Previous issue date: 2006-03 / Capes / Este trabalho tem como objetivo estabelecer algumas técnicas de T-G aplicadas a alguns problemas da teoria dos grafos, como: o problema da existência de um 6-fluxo não-nulo, problemas relacionados a orientações acíclicas, coloração a duas variáveis, e percolação. Para isto, estaremos apresentando uma pequena introdução ao polinômio de Tutte para matróides com seus principais resultados. / This work has as objective to establish some T-G techniques applied to some problems of the graph theory, as: the problem of existence of a nowhere-zero 6-flow, problems concern to acyclic orientations, two-variable coloring, and percolation. To do this, we shall present a little introduction to Tutte polynomials to matroids with its main results.
8

Partição de matróides, conjuntos co-geradores e bridget-it

Rios dos Santos, Jalila January 2003 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:31:43Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo8519_1.pdf: 1184960 bytes, checksum: bacaee589325d0137cd7cd316fb23a67 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2003 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / O trabalho aqui apresentado consiste no estudo e plicação da teoria relacionada com conjuntos co-geradores de uma matróide, desenvolvida por Alfred Lehman e Jack Edmonds, num jogo chamado Bridge-it. Para tanto, exibimos um algoritmo que encontra, dada uma matróide, um subconjunto maximal de seus elementos, A0, o qual pode ser particionado em k subconjuntos independentes co-geradores, disjuntos, e geradores de A0. Este conjunto A0 está fortemente relacionado com as estratégias dos jogadores
9

Risco e confiabilidade sobre estruturas combinatórias: uma modelagem para redes elétricas

Tadeu Cristino, Cláudio 31 January 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:28:12Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo4242_1.pdf: 3502695 bytes, checksum: 7d8f5bbed7587ceb776cda9c6b06e631 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2008 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / Confiabilidade de um item é a probabilidade deste desempenhar bem suas funções, sob condições específicas. Oposto ao conceito de confiabilidade, tem-se a noção de risco, que é definido com a probabilidade de falha versus o custo associando a tal falha. Modelos matemáticos são freqüentemente utilizados em projetos de engenharia e na análise de confiabilidade, robustez e vulnerabilidade de tais projetos. Este trabalho tem como principais objetivos a abstração de uma rede elétrica, que é definida como um grafo com pesos nas arestas e vértices, usando-a como ferramenta no estudo de avaliação probabilística de risco, além da indicação de todo ferramental necessário ao primeiro objetivo. São obtidos resultados a respeito de distribuições estatísticas, resultados sobre a definição de funções de probabilidade sobre estruturas combinatórias, definidas como polinômios de Tutte a quatro variáveis e resultados computacionais a partir de simulações sobre redes elétricas reais
10

Metodos de construção de codigos quanticos CSS e conexões entre codigos quanticos e matroides / Construction methods of CSS quantum codes and relationships between quantum codes and matroids

La Guardia, Giuliano Gadioli 07 December 2008 (has links)
Orientadores: Reginaldo Palazzo Junior, Carlile Campos Lavor / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Engenharia Eletrica e de Computação / Made available in DSpace on 2018-08-11T22:44:54Z (GMT). No. of bitstreams: 1 LaGuardia_GiulianoGadioli_D.pdf: 1126065 bytes, checksum: c3ad65915db4e87e1752adbbbbef2841 (MD5) Previous issue date: 2008 / Resumo: Como principais contribuições desta tese, apresentamos novos métodos de construção que geram novas famílias de códigos quânticos CSS. As construções são baseadas em códigos cíclicos (clássicos) BCH, Reed-Solomon, Reed-Muller, Resíduos quadráticos e também nos códigos derivados do produto tensorial de dois códigos Reed-Solomon. Os principais códigos quânticos construídos neste trabalho, em termos de parâmetros, são os derivados dos códigos BCH clássicos. Além disso, estudamos as condições necessárias para analisar as situações nas quais os códigos cíclicos quânticos (clássicos) são códigos MDS (do inglês, Maximum- Distance-Separable codes). Apresentamos, também, novas conexões entre a teoria de matróides e a teoria dos códigos quânticos CSS, que acreditamos serem as primeiras conexões entre tais teorias. Mais especificamente, demonstramos que a função enumeradora de pesos de um código quântico CSS é uma avaliação do polinômio de Tutte da soma direta dos matróides originados a partir dos códigos clássicos utilizados na construção CSS. / Abstract: This thesis proposes, as the main contributions, constructions method of new families of quantum CSS codes. These constructions are based on classical cyclic codes of the types BCH, Reed-Solomon, Reed-Muller, Quadratic Residue and also are based on product codes of classical Reed-Solomon codes. The main family of quantum codes constructed in this work, i. e., quantum codes having better parameters, are the ones derived from classical BCH codes. Moreover, we present some new conditions in which quantum CSS cyclic codes are quantumMDS codes. In addition, we provide the elements to connect matroid theory and quantum coding theory. More specifically, we show that the weight enumerator of a CSS quantum code is equivalent to evaluating the Tutte polynomial of the direct sum of the matroid associated to the classical codes used in the CSS construction. / Doutorado / Telecomunicações e Telemática / Doutor em Engenharia Elétrica

Page generated in 0.0454 seconds