• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 9
  • Tagged with
  • 9
  • 9
  • 5
  • 4
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Avaliação dos impactos econômicos do potencial de desenvolvimento da mitilicultura no município de Ubatuba-SP /

Gelli, Valéria Cress. January 2007 (has links)
Orientador: Maria Inez Espagnoli Geraldo Martins / Banca: José Jorge Gebara / Banca: João Batista Kochenborger Fernandes / Resumo: A maricultura vem sendo desenvolvida no litoral de Ubatuba-SP de uma forma organizada, responsável e sustentada, porém está desestimulada ¬pela morosidade no processo de regularização. Através de entrevistas aplicadas foi possível caracterizar a mitilicultura. O município conta com 53 produtores, distribuídos em 16 praias, do mexilhão Perna perna e destes, 11 produzem experimentalmente a vieira Nodipecten nodosus. O sistema de cultivo adotado no município é em espinhei ou "Iong line" sendo que todos os mitilicultores foram capacitados pelo Instituto de Pesca da Agência Paulista Tecnológica dos Agronegócios da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento. Os principais entraves da atividade são: sementes, mão de obra especializada, roubo, local de manipulação em terra, acesso ao crédito, certificação sanitária do produto, regularização das áreas e obtenção do certificado de aqüicultor. O ordenamento da atividade em nível federal, estadual e municipal é recente e de difícil aplicação. O espaço destinado à implantação da aqüicultura de baixo impacto é de 2000m2 de lâmina de água para produção do mexilhão P. perna, porém nenhum produtor utiliza totalmente esta área. Por este motivo, utilizou-se os dados de questionários aplicados para a caracterização da tecnologia, produção e mercado e foi prospectada a ocupação total desta fazenda. A avaliação econômica desta situação apresentou-se economicamente viável com período de recuperação de capital de 3,35 anos, período recuperação de capital econômico de 4,17 anos, valor presente líquido de R$ 72.589,20, relação beneficio custo de 2,38, taxa interna de retorno de 29% por ano e custo operacional total de R$ l,42/kg . O número de 78 áreas aquícolas de baixo impacto para a implantação da maricultura foi estimado utilizando-se os dados dos pontos demarcados por Gelli e Marques...(Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Mariculture has been developed in an organized, responsible and sustainable way on the coast of Ubatuba, São Paulo State. However, it is hindered by the slowness of the legalization processo Through interviews it has been possible to characterize the mariculture. The municipality has 53 mussel (Perna Perna) farmers distributed along 16 beaches, 11 of whom experimentally farm the scallop Nodipecten nodosus.The long-line farming system has been adopted here, and ali the mitili farmers have been trained by the Fishing Institute of the State Secretary for Agriculture/s Paulista Technology Agency. The main impediments to the activity are seed, specialized manual labor, theft, areas where soi! is moved, access to credit, hygiene certification of the product, legalization of areas, and obtaining a farming certificate.. Regulation of the activity at federal, state and municipal levels is recent and therefore difficult to apply. The surface area of water assigned for low impact aquaculture is 2,000 m2 for the production of the mussel P. perna. However, none of the farmers use this total area. For this reason data from questionnaires on the characterization of technology, production and market was used, based on using the whole area of this farm. Under these conditions it showed itself to be economically viable, with a payback period in 3.35 years, payback period economic in 4.17 years, a net present value of R$ 72,589.20, a benefit-cost ratio of 2.38, an internal return rate of 29% per year, and a total operational cost of R$ 1.42. The number of 78 low-impact areas for establishing aquaculture was estimated using demarcation data points by Gelli and Marques (2001), and th€ practical experience of fishermen and mussel farmers from specific meetings held for this purpose. Thus, in the first phase of implementation of the planned activity, 390 jobs could be created in the municipality ...(Complete abstract, click electronic access below) / Mestre
2

Avaliação dos impactos econômicos do potencial de desenvolvimento da mitilicultura no município de Ubatuba-SP

Gelli, Valéria Cress [UNESP] 17 August 2007 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:22:23Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2007-08-17Bitstream added on 2014-06-13T19:27:39Z : No. of bitstreams: 1 gelli_vc_me_jabo.pdf: 560738 bytes, checksum: a8ca58c1ad65732b767112c144eddd5d (MD5) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / A maricultura vem sendo desenvolvida no litoral de Ubatuba-SP de uma forma organizada, responsável e sustentada, porém está desestimulada ¬pela morosidade no processo de regularização. Através de entrevistas aplicadas foi possível caracterizar a mitilicultura. O município conta com 53 produtores, distribuídos em 16 praias, do mexilhão Perna perna e destes, 11 produzem experimentalmente a vieira Nodipecten nodosus. O sistema de cultivo adotado no município é em espinhei ou Iong line sendo que todos os mitilicultores foram capacitados pelo Instituto de Pesca da Agência Paulista Tecnológica dos Agronegócios da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento. Os principais entraves da atividade são: sementes, mão de obra especializada, roubo, local de manipulação em terra, acesso ao crédito, certificação sanitária do produto, regularização das áreas e obtenção do certificado de aqüicultor. O ordenamento da atividade em nível federal, estadual e municipal é recente e de difícil aplicação. O espaço destinado à implantação da aqüicultura de baixo impacto é de 2000m2 de lâmina de água para produção do mexilhão P. perna, porém nenhum produtor utiliza totalmente esta área. Por este motivo, utilizou-se os dados de questionários aplicados para a caracterização da tecnologia, produção e mercado e foi prospectada a ocupação total desta fazenda. A avaliação econômica desta situação apresentou-se economicamente viável com período de recuperação de capital de 3,35 anos, período recuperação de capital econômico de 4,17 anos, valor presente líquido de R$ 72.589,20, relação beneficio custo de 2,38, taxa interna de retorno de 29% por ano e custo operacional total de R$ l,42/kg . O número de 78 áreas aquícolas de baixo impacto para a implantação da maricultura foi estimado utilizando-se os dados dos pontos demarcados por Gelli e Marques... / Mariculture has been developed in an organized, responsible and sustainable way on the coast of Ubatuba, São Paulo State. However, it is hindered by the slowness of the legalization processo Through interviews it has been possible to characterize the mariculture. The municipality has 53 mussel (Perna Perna) farmers distributed along 16 beaches, 11 of whom experimentally farm the scallop Nodipecten nodosus.The long-line farming system has been adopted here, and ali the mitili farmers have been trained by the Fishing Institute of the State Secretary for Agriculture/s Paulista Technology Agency. The main impediments to the activity are seed, specialized manual labor, theft, areas where soi! is moved, access to credit, hygiene certification of the product, legalization of areas, and obtaining a farming certificate.. Regulation of the activity at federal, state and municipal levels is recent and therefore difficult to apply. The surface area of water assigned for low impact aquaculture is 2,000 m2 for the production of the mussel P. perna. However, none of the farmers use this total area. For this reason data from questionnaires on the characterization of technology, production and market was used, based on using the whole area of this farm. Under these conditions it showed itself to be economically viable, with a payback period in 3.35 years, payback period economic in 4.17 years, a net present value of R$ 72,589.20, a benefit-cost ratio of 2.38, an internal return rate of 29% per year, and a total operational cost of R$ 1.42. The number of 78 low-impact areas for establishing aquaculture was estimated using demarcation data points by Gelli and Marques (2001), and th€ practical experience of fishermen and mussel farmers from specific meetings held for this purpose. Thus, in the first phase of implementation of the planned activity, 390 jobs could be created in the municipality ...(Complete abstract, click electronic access below)
3

Influência da velocidade da corrente e de variáveis limnológicas no desenvolvimento do Limnoperna fortunei /

Lima, Jéssica Pacheco de January 2018 (has links)
Orientador: Antonio Fernando Monteiro Camargo / Coorientador: Daercy Maria Monteiro de Rezende Ayroza / Banca: Matheus Nicolino Peixoto Henares / Banca: Gianmarco Silva David / Resumo: Objetivou-se avaliar a influência das variáveis limnológicas e da velocidade da corrente no desenvolvimento de Limnoperna fortunei e no recrutamento de novos indivíduos em áreas com tanques-rede, no Reservatório Canoas II, no Rio Paranapanema. Mensalmente de agosto/2016 a janeiro/2017 em campo foram realizadas medições de: transparência, oxigênio dissolvido potencial hidrogeniônico, condutividade elétrica e sólidos totais dissolvidos. Além destes, a água foi coletada e armazenada em frascos para serem analisadas em laboratório: nitrogênio total, nitrito, nitrato, amônia, fósforo total, ortofosfato, cálcio, alcalinidade, dureza e clorofila a. Medições de velocidade da corrente da água foram obtidas utilizando um fluxômetro e um ADCP. As amostras de larvas de L. fortunei foram obtidas utilizando bomba de sucção e rede de plâncton de 40 μm. Foram confeccionados substratos de madeira em cruz para contagem e medição do tamanho de larvas fixados. As variáveis limnológicas foram investigadas por meio da Análise de Componentes Principais (ACP). A comparação entre o comprimento dos indivíduos nas duas áreas avaliadas e a medição da velocidade de corrente com o ADCP foi realizada por meio de Box Whisker Plot. Os resultados de velocidade de corrente da água com o fluxômetro e a da relação entre densidade de larvas na coluna d'água e número de indivíduos fixados foi feita com o auxílio de gráficos. As variáveis limnológicas podem ter influenciado no desenvolvimento do L. fortunei, princi... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The objective of this study was to evaluate the influence of limnological variables and current velocity on the development of Limnoperna fortunei and the recruitment of new individuals in areas with network tanks in the Canoas II Reservoir on the Paranapanema River. Monthly from August / 2016 to January / 2017 in the field measurements were made of: transparency, dissolved oxygen potential hydrogen, electrical conductivity and total dissolved solids. In addition, water was collected and stored in bottles to be analyzed in laboratory: total nitrogen, nitrite, nitrate, ammonia, total phosphorus, orthophosphate, calcium, alkalinity, hardness and chlorophyll a. Water current velocity measurements were obtained using a flow meter and an ADCP. Samples of larvae of L. fortunei were obtained using a suction pump and 40 μm plankton net. Crosswood substrates were made for counting and measuring the size of fixed larvae. Limnological variables were investigated through Principal Component Analysis (PCA). The comparison between the length of the individuals in the two areas evaluated and the current velocity measurement with the ADCP was done by means of Box Whisker Plot. The results of current velocity of the water with the flowmeter and of the relation between larval density in the water column and number of fixed individuals was done with the aid of graphs. Limnological variables may have influenced the development of L. fortunei, especially in TR2. It has not been proven that water ... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
4

Cultivo de mexilhões Perna perna : evolução da atividade no Brasil e avaliação econômica da realidade de Santa Catarina /

Manzoni, Gilberto Caetano. January 2005 (has links)
Orientadora: Maria Inez Espagnoli Geraldo Martins / Banca: Maria Madalena Zocoller Borba / Banca: Adriano Weidner Cacciatori Marenzi / Banca: João Batista Kochenborger Fernandes / Banca: Sérgio Ostini / Resumo: O cultivo de organismos aquáticos (Aqüicultura) no Brasil, na ultima década teve um crescimento de 925%, enquanto que a pesca neste período apresentou um declínio de 1,7%. A produção de 235.000 toneladas, originárias da aqüicultura, colocam o Brasil na posição de 19o produtor mundial e 2o da América Latina. Os moluscos cultivados no litoral sul e sudeste são responsáveis pela produção de 12.500 mil toneladas. Esta produção comercial é resultado de 40 anos de atividades de pesquisa e extensão de universidades e instituições públicas e privadas, estaduais e federais. Através de uma revisão bibliográfica são revistas as ações científicas, políticos, tecnológicos que proporcionaram a evolução da mitilicultura no Brasil e principalmente em Santa Catarina, onde o cultivo de mexilhões é desenvolvido comercialmente há mais de 15 anos. Este estudo demonstrou que as primeiras informações biológicas sobre esta espécie ocorreram em São Paulo na década de 60. Entretanto informações sobre tecnologia de cultivo ocorreram na década de 70 no Rio de Janeiro, através do projeto Cabo Frio. Posteriormente nos anos 80, as pesquisas foram intensificadas em São Paulo, pelo Instituto de Pesca. Neste período a atividade era desenvolvida apenas em nível experimental, situação que se reverte na década de 90, quando as pesquisas são realizadas intensamente em Santa Catarina e se iniciou um programa de repasse de tecnologia para as comunidades pesqueiras entre a UFSC-EPAGRI. A UNIVALI, inserem-se nesta atividade em meados da década de 90, desenvolvendo trabalhos principalmente na área de monitoramento ambiental e desenvolvimento de tecnologia. A expectativa é que nos próximos anos o cultivo de moluscos seja desenvolvido de maneira comercial também em outros estado do Brasil, como tem-se observado em São Paulo, Rio de Janeiro e, recentemente, no Espírito Santo. Percebe-se... / Abstract: Not available / Doutor
5

Cultivo de mexilhões Perna perna: evolução da atividade no Brasil e avaliação econômica da realidade de Santa Catarina

Manzoni, Gilberto Caetano [UNESP] 09 March 2005 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2016-09-27T13:40:14Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2005-03-09. Added 1 bitstream(s) on 2016-09-27T13:45:38Z : No. of bitstreams: 1 000330614.pdf: 1911021 bytes, checksum: 1c9e12516eef603ca15070be2274491f (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / O cultivo de organismos aquáticos (Aqüicultura) no Brasil, na ultima década teve um crescimento de 925%, enquanto que a pesca neste período apresentou um declínio de 1,7%. A produção de 235.000 toneladas, originárias da aqüicultura, colocam o Brasil na posição de 19o produtor mundial e 2o da América Latina. Os moluscos cultivados no litoral sul e sudeste são responsáveis pela produção de 12.500 mil toneladas. Esta produção comercial é resultado de 40 anos de atividades de pesquisa e extensão de universidades e instituições públicas e privadas, estaduais e federais. Através de uma revisão bibliográfica são revistas as ações científicas, políticos, tecnológicos que proporcionaram a evolução da mitilicultura no Brasil e principalmente em Santa Catarina, onde o cultivo de mexilhões é desenvolvido comercialmente há mais de 15 anos. Este estudo demonstrou que as primeiras informações biológicas sobre esta espécie ocorreram em São Paulo na década de 60. Entretanto informações sobre tecnologia de cultivo ocorreram na década de 70 no Rio de Janeiro, através do projeto Cabo Frio. Posteriormente nos anos 80, as pesquisas foram intensificadas em São Paulo, pelo Instituto de Pesca. Neste período a atividade era desenvolvida apenas em nível experimental, situação que se reverte na década de 90, quando as pesquisas são realizadas intensamente em Santa Catarina e se iniciou um programa de repasse de tecnologia para as comunidades pesqueiras entre a UFSC-EPAGRI. A UNIVALI, inserem-se nesta atividade em meados da década de 90, desenvolvendo trabalhos principalmente na área de monitoramento ambiental e desenvolvimento de tecnologia. A expectativa é que nos próximos anos o cultivo de moluscos seja desenvolvido de maneira comercial também em outros estado do Brasil, como tem-se observado em São Paulo, Rio de Janeiro e, recentemente, no Espírito Santo. Percebe-se...
6

Biodiversidade de caranguejos Braquiúros (Cristacea: Decapoda) associada ao cultivo comercial de mexilhão Pena perna (Linnaeus, 1758) (molusca: Bivalvia) no litoral norte do estado de São Paulo

Camargo, Flávio de Vasconcelos [UNESP] 24 April 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:30:11Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-04-24Bitstream added on 2014-06-13T20:20:29Z : No. of bitstreams: 1 camargo_fv_me_botib.pdf: 2205953 bytes, checksum: e1b8e3fbcc0f56e4f6a5f6427c780dcc (MD5) / O objetivo deste estudo é descrever a composição e a estrutura da comunidade de decápodos braquiúros associada ao cultivo de mexilhão Perna perna em Ubatuba, litoral norte paulista (23”27’07 S – 45”02’49 W). Foram realizadas coletas mensais durante o período de março de 2002 a abril de 2003, em sistema “long-line” de cultivo. As amostras das redes de P. perna foram triadas e mensuradas quanto ao volume. Os braquiúros amostrados foram identificados quanto a espécie e sexo, mensurados quanto a largura de carapaça (LC) e analisados quanto a diversidade, equidade e equitabilidade. Foi obtido um total de 849 indivíduos distribuídos em 14 gêneros e 16 espécies, sendo que Panopeus austrobesus e Pachygrapsus transversus apresentaram a maior abundância com 711 e 68 indivíduos respectivamente, correspondendo juntos a 83% do total amostrados, além disso, foram registradas para essas duas espécies os maiores valores de diversidade, constância e abundância. A presença de P. austrobesus e P. tranversus durante todo estudo sugere que essas espécies apresentem maior eficiência competitiva em relação a colonização primária das redes, além disso essas espécies foram consideradas responsáveis pela dinâmica e regulação da comunidade de braquiúros nas redes. A baixa riqueza encontrada nas redes de cultivo quando comparada a ambientes heterogêneos é esperada, devido ao estágio inicial de desenvolvimento da comunidade de caranguejos em relação a um substrato homogêneo e recém-formado e as perturbações por ele sofridas. / The main goal of this study is describe the composition and structure of the community of the Decapod Brachyuran associated to the commercial raft of the mussel Perna perna in the southeastern Brazilian coast (23º27”07’S–45º02”49’W). Monthly collections of mussels’ net culture were carried out from March, 2002 to April, 2003. The crabs were sexed and identified as juvenile and adult, based on the abdomen morphology, and measured as the largest carapace width (CW). The samples were analyzed for some ecologic index as richness, diversity, constancy, evenness and equitability. A total of 849 individuals was obtained, distributed into 14 genera and 16 species. Panopeus austrobesus and Pachygrapsus transversus were the most abundant species, with 711 and 68 specimens respectively, together corresponding to 68% of the total crab’s samples. For these two species were also recorded the largest values for diversity and constancy. The presence of these two species over all sampled period pointing out its high competitive efficiency during the initial phase of the mussel colonization, thereby responsible for the community regulation during this colonization phase. The low values of richness recorded on the mussel rafts are expected for the homogeneous environments, as those created among the mussel shells. So, the crab community established on the mussel raft, in the southeastern Brazilian coast, is dominated for two pioneers’ species that are the main pieces for its regulation.
7

Análise tecnológica e sócio-econômica do cultivo de moluscos bivalves em sistema familiar na baía da Ilha Grande, Angra dos Reis, RJ /

Moschen, Fernando Vitor de Abreu. January 2007 (has links)
Orientadora: Maria Inez Espagnoli Geraldo Martins / Banca: Maria Madalena Zocoller Borba / Banca: Marcos Bastos Pereira / Banca: João Batista Kochenborger Fernandes / Banca: Rose Meire Vidotti. / Resumo: A maricultura realizada junto às famílias tradicionais de pescadores artesanais da Baía da Ilha Grande foi introduzida no ano de 1996, pelo Projeto de Desenvolvimento Sustentável da Baía da Ilha Grande, executado pela Prefeitura Municipal de Angra dos Reis. Foram instaladas 20 fazendas marinhas que cultivam o mexilhão Perna perna e a vieira Nodipecten nodosus, espécies nativas que possuem grande potencial, tanto zootécnico como de mercado. Neste estudo buscou-se descrever o estado da arte, as tecnologias de cutivo e ações voltadas para a malacocultura da região, realizando-se um diagnóstico tecnológico e sócioeconômico dos maricultores familiares da Baía da Ilha Grande e identificando as tecnologias de produção de mexilhões e vieiras utilizadas pelos produtores. Com o conjunto de informações coletadas foi possível realizar uma análise econômica do cultivo de mexilhões e vieiras na região. Foram analisados três sistemas de cultivos chamados de Sistema A (4 long-lines, com capacidade para produção de 3.030 kg de mexilhões e 7500 unidades de vieiras), B (6 long-lines, com produção de 4.545 kg de mexilhões e 11.250 unidades de vieiras) e C (18 long-lines, com produção de 15.150 kg de mexilhões e 30.000 unidades de vieiras. Os sistemas A se mostrou inviável economicamente quando se inclui nos custos a cobrança do ICMS sobre os produtos comercializados. Ao não se considerar a cobrança deste imposto, este sistema apresentou viabilidade econômica. Os sistemas B e C se mostraram viáveis economicamente independente da cobrança de imposto. A receita mensal obtida variou de R$ 888,03 (Sistema A) a R$ 3.799,57(Sistema C). / Abstract: Mariculture started as an activity among traditional fishermen families of Ilha Grande bay in 1996 through the Sustainable Development Project. This project, executed by the City council of Angra dos Reis, consisted of the installation of 20 marine farms. The species cultivated were the mussel Perna perna and the scallop Nodipecten nodosus, native species in the region with excellent potential with regards to zoo-technical performance and market-value. This study attempts to describe the "state-of-the-art" of shellfish culture in the region, through a socioeconomical survey, identifying production technologies of mussels and scallops being used by each producer. With the information and data gathered, it was possible to make an economical analysis of mussel and scallop culture in the region. Three culture configurations were analyzed: System A - composed of 4 long-lines, with production capacity of 3.030 of shell-on mussels and 7.500 units of scallops. System B - composed of 6 long-lines, with production capacity of 4.545 kg of shell-on mussel and 11.250 units of scallop. System C - composed of 18 long-lines with production capacity of 15.150 kg of mussels and 30.000 units of scallops. System A showed to be economically unfeasible after payment of local taxes (ICMS) upon marketed products. Nonetheless, this system showed feasibility if the taxes weren't applied. Systems B and C showed economically feasibility independently of the payment of taxes. The monthly gains varied between R$888,03 and R$3.799,57 according to the system. / Doutor
8

Análise tecnológica e sócio-econômica do cultivo de moluscos bivalves em sistema familiar na baía da Ilha Grande, Angra dos Reis, RJ

Moschen, Fernando Vitor de Abreu [UNESP] 30 January 2007 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2016-09-27T13:40:13Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2007-01-30. Added 1 bitstream(s) on 2016-09-27T13:45:34Z : No. of bitstreams: 1 000540833.pdf: 1077434 bytes, checksum: b5e088eaeeaa383a803380f3898f84e0 (MD5) / A maricultura realizada junto às famílias tradicionais de pescadores artesanais da Baía da Ilha Grande foi introduzida no ano de 1996, pelo Projeto de Desenvolvimento Sustentável da Baía da Ilha Grande, executado pela Prefeitura Municipal de Angra dos Reis. Foram instaladas 20 fazendas marinhas que cultivam o mexilhão Perna perna e a vieira Nodipecten nodosus, espécies nativas que possuem grande potencial, tanto zootécnico como de mercado. Neste estudo buscou-se descrever o estado da arte, as tecnologias de cutivo e ações voltadas para a malacocultura da região, realizando-se um diagnóstico tecnológico e sócioeconômico dos maricultores familiares da Baía da Ilha Grande e identificando as tecnologias de produção de mexilhões e vieiras utilizadas pelos produtores. Com o conjunto de informações coletadas foi possível realizar uma análise econômica do cultivo de mexilhões e vieiras na região. Foram analisados três sistemas de cultivos chamados de Sistema A (4 long-lines, com capacidade para produção de 3.030 kg de mexilhões e 7500 unidades de vieiras), B (6 long-lines, com produção de 4.545 kg de mexilhões e 11.250 unidades de vieiras) e C (18 long-lines, com produção de 15.150 kg de mexilhões e 30.000 unidades de vieiras. Os sistemas A se mostrou inviável economicamente quando se inclui nos custos a cobrança do ICMS sobre os produtos comercializados. Ao não se considerar a cobrança deste imposto, este sistema apresentou viabilidade econômica. Os sistemas B e C se mostraram viáveis economicamente independente da cobrança de imposto. A receita mensal obtida variou de R$ 888,03 (Sistema A) a R$ 3.799,57(Sistema C). / Mariculture started as an activity among traditional fishermen families of Ilha Grande bay in 1996 through the Sustainable Development Project. This project, executed by the City council of Angra dos Reis, consisted of the installation of 20 marine farms. The species cultivated were the mussel Perna perna and the scallop Nodipecten nodosus, native species in the region with excellent potential with regards to zoo-technical performance and market-value. This study attempts to describe the state-of-the-art of shellfish culture in the region, through a socioeconomical survey, identifying production technologies of mussels and scallops being used by each producer. With the information and data gathered, it was possible to make an economical analysis of mussel and scallop culture in the region. Three culture configurations were analyzed: System A - composed of 4 long-lines, with production capacity of 3.030 of shell-on mussels and 7.500 units of scallops. System B - composed of 6 long-lines, with production capacity of 4.545 kg of shell-on mussel and 11.250 units of scallop. System C - composed of 18 long-lines with production capacity of 15.150 kg of mussels and 30.000 units of scallops. System A showed to be economically unfeasible after payment of local taxes (ICMS) upon marketed products. Nonetheless, this system showed feasibility if the taxes weren't applied. Systems B and C showed economically feasibility independently of the payment of taxes. The monthly gains varied between R$888,03 and R$3.799,57 according to the system.
9

Biodiversidade de caranguejos Braquiúros (Cristacea: Decapoda) associada ao cultivo comercial de mexilhão Pena perna (Linnaeus, 1758) (molusca: Bivalvia) no litoral norte do estado de São Paulo /

Camargo, Flávio de Vasconcelos. January 2011 (has links)
Orientador: Adilson Fransozo / Banca: Valter José Cobo / Banca: Roberto Munehiza Shimizu / Resumo: O objetivo deste estudo é descrever a composição e a estrutura da comunidade de decápodos braquiúros associada ao cultivo de mexilhão Perna perna em Ubatuba, litoral norte paulista (23"27'07 S - 45"02'49 W). Foram realizadas coletas mensais durante o período de março de 2002 a abril de 2003, em sistema "long-line" de cultivo. As amostras das redes de P. perna foram triadas e mensuradas quanto ao volume. Os braquiúros amostrados foram identificados quanto a espécie e sexo, mensurados quanto a largura de carapaça (LC) e analisados quanto a diversidade, equidade e equitabilidade. Foi obtido um total de 849 indivíduos distribuídos em 14 gêneros e 16 espécies, sendo que Panopeus austrobesus e Pachygrapsus transversus apresentaram a maior abundância com 711 e 68 indivíduos respectivamente, correspondendo juntos a 83% do total amostrados, além disso, foram registradas para essas duas espécies os maiores valores de diversidade, constância e abundância. A presença de P. austrobesus e P. tranversus durante todo estudo sugere que essas espécies apresentem maior eficiência competitiva em relação a colonização primária das redes, além disso essas espécies foram consideradas responsáveis pela dinâmica e regulação da comunidade de braquiúros nas redes. A baixa riqueza encontrada nas redes de cultivo quando comparada a ambientes heterogêneos é esperada, devido ao estágio inicial de desenvolvimento da comunidade de caranguejos em relação a um substrato homogêneo e recém-formado e as perturbações por ele sofridas. / Abstract: The main goal of this study is describe the composition and structure of the community of the Decapod Brachyuran associated to the commercial raft of the mussel Perna perna in the southeastern Brazilian coast (23º27"07'S-45º02"49'W). Monthly collections of mussels' net culture were carried out from March, 2002 to April, 2003. The crabs were sexed and identified as juvenile and adult, based on the abdomen morphology, and measured as the largest carapace width (CW). The samples were analyzed for some ecologic index as richness, diversity, constancy, evenness and equitability. A total of 849 individuals was obtained, distributed into 14 genera and 16 species. Panopeus austrobesus and Pachygrapsus transversus were the most abundant species, with 711 and 68 specimens respectively, together corresponding to 68% of the total crab's samples. For these two species were also recorded the largest values for diversity and constancy. The presence of these two species over all sampled period pointing out its high competitive efficiency during the initial phase of the mussel colonization, thereby responsible for the community regulation during this colonization phase. The low values of richness recorded on the mussel rafts are expected for the homogeneous environments, as those created among the mussel shells. So, the crab community established on the mussel raft, in the southeastern Brazilian coast, is dominated for two pioneers' species that are the main pieces for its regulation. / Mestre

Page generated in 0.076 seconds