• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 10
  • 1
  • Tagged with
  • 11
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Identificação do gene PROPEP1 em Nicotiana benthamiana e seu envolvimento na resistência a Botrytis cinerea / Identification of PROPEP1 gene in Nicotiana benthamiana and his involvement in resistance to Botrytis cinerea

Zanin, Julie Graziela January 2014 (has links)
O gene PROPEP1 codifica o peptídeo sinal AtPep1 em Arabidopsis thaliana e está relacionado à amplificação de sinais de defesa. Este peptídeo aumentou a resistência de A. thaliana contra o patógeno necrotrófico Pythium irregulare, tendo sido caracterizados ortólogos deste peptídeo em milho, soja e tomate. Devido a sua importância na resistência de plantas a patógenos necrotróficos, o objetivo deste estudo foi caracterizar o gene PROPEP em Nicotiana benthamiana e sua importância na resistência a Botrytis cinerea. A partir das buscas in silico, foi encontrado um EST e a partir deste, dois genes, identificados como NbPROPEP1 e NbPROPEP2. Estes genes possuem os 23 aminoácidos da região C-terminal de suas proteínas preditas idênticas entre si. Comparados a outras espécies, assemelhando-se em 39% com a sequência de A. thaliana, 60% com Solanum tuberosum e 65% com Solanum lycopersicum, indicando ser um possível peptídeo sinalizador. Estes genes foram avaliados quanto a sua expressão em diferentes órgãos e durante o desenvolvimento, apresentando mais alta expressão de NbPROPEP1 na raiz e caule e NbPROPEP2 no caule. Além disso, as plantas com 6 e 8 semanas foram aquelas com maior expressão de ambos os genes e redução em tempos mais avançados. Para investigar o possível envolvimento deste peptídeo na resistência a B. cinerea, foi empregado o método VIGS, a fim de silenciar a região correspondente ao peptídeo, bem como a síntese e infiltração do peptídeo em folha. O silenciamento resultou no aumento da lesão em folha, além da morte celular sistêmica. O peptídeo infiltrado resultou em níveis de expressão dos genes NbPROPEP1 e NbPROPEP2 e média de lesão, semelhantes as encontradas nas plantas silenciadas. Plantas com os dois tratamentos juntos apresentaram o dobro de lesão. Os resultados obtidos indicam que os mecanismos induzidos em plantas silenciadas e infiltradas com o peptídeo sintético foram semelhantes, permitindo o avanço do patógeno e induzindo a expressão de genes envolvidos na defesa. Conclui-se que NbPep pode estar envolvido na resistência de N. benthamiana a B. cinerea, permitindo maior severidade da doença quando reduzido ou em excesso na planta. / PROPEP1 gene encodes the peptide signal AtPep1 in Arabidopsis thaliana and is related to the amplification defense signal. This peptide increase the resistance of A. thaliana against necrotrophic pathogen Pythium irregular. Orthologs of this peptide have been characterized in maize, soybean and tomato. Due to this importance in plant resistance to necrotrophic pathogens, the aim of this study was to characterize PROPEP in Nicotiana benthamiana and its importance in resistance to Botrytis cinerea. In silico search was found one EST and from this, two genes, identified as NbPROPEP1 and NbPROPEP2. These genes have the 23 amino acid C-terminal region of their predicted proteins identical to each other. Compared to other species, resembling in 39 % with the sequence of A. thaliana, Solanum tuberosum with 60 % and 65 % with Solanum lycopersicum and could be a possible peptide signal. These genes were measured their expression in different organs and during development, with the highest expression of NbPROPEP1 in the root and stem and NbPROPEP2 in stem. In addition, the 6th and 8th week were those with higher expression of both genes and reduction in more advanced times. To investigate the possible involvement of this peptide in resistance to B. cinerea, VIGS was used in order to silencing the region corresponding to the peptide, the peptide synthesis and infiltration of the sheet. The silencing resulted in increase of leaf lesion and systemic cell death. The infiltrate peptide resulted in expression levels of NbPROPEP2 and NbPROPEP1 genes and average lesion, similar to that found in the silenced plants. Plants with two treatments together demonstrated double of lesion. The results indicate that the mechanisms induced in silencing and infiltrating with synthetic peptide were similar, allowing the advance of the pathogen and inducing the expression of defense genes. We conclude that NbPep may be involved in resistance of N. benthamiana to B. cinerea, allowing greater disease severity when reduce or excess in the plant.
2

Identificação do gene PROPEP1 em Nicotiana benthamiana e seu envolvimento na resistência a Botrytis cinerea / Identification of PROPEP1 gene in Nicotiana benthamiana and his involvement in resistance to Botrytis cinerea

Zanin, Julie Graziela January 2014 (has links)
O gene PROPEP1 codifica o peptídeo sinal AtPep1 em Arabidopsis thaliana e está relacionado à amplificação de sinais de defesa. Este peptídeo aumentou a resistência de A. thaliana contra o patógeno necrotrófico Pythium irregulare, tendo sido caracterizados ortólogos deste peptídeo em milho, soja e tomate. Devido a sua importância na resistência de plantas a patógenos necrotróficos, o objetivo deste estudo foi caracterizar o gene PROPEP em Nicotiana benthamiana e sua importância na resistência a Botrytis cinerea. A partir das buscas in silico, foi encontrado um EST e a partir deste, dois genes, identificados como NbPROPEP1 e NbPROPEP2. Estes genes possuem os 23 aminoácidos da região C-terminal de suas proteínas preditas idênticas entre si. Comparados a outras espécies, assemelhando-se em 39% com a sequência de A. thaliana, 60% com Solanum tuberosum e 65% com Solanum lycopersicum, indicando ser um possível peptídeo sinalizador. Estes genes foram avaliados quanto a sua expressão em diferentes órgãos e durante o desenvolvimento, apresentando mais alta expressão de NbPROPEP1 na raiz e caule e NbPROPEP2 no caule. Além disso, as plantas com 6 e 8 semanas foram aquelas com maior expressão de ambos os genes e redução em tempos mais avançados. Para investigar o possível envolvimento deste peptídeo na resistência a B. cinerea, foi empregado o método VIGS, a fim de silenciar a região correspondente ao peptídeo, bem como a síntese e infiltração do peptídeo em folha. O silenciamento resultou no aumento da lesão em folha, além da morte celular sistêmica. O peptídeo infiltrado resultou em níveis de expressão dos genes NbPROPEP1 e NbPROPEP2 e média de lesão, semelhantes as encontradas nas plantas silenciadas. Plantas com os dois tratamentos juntos apresentaram o dobro de lesão. Os resultados obtidos indicam que os mecanismos induzidos em plantas silenciadas e infiltradas com o peptídeo sintético foram semelhantes, permitindo o avanço do patógeno e induzindo a expressão de genes envolvidos na defesa. Conclui-se que NbPep pode estar envolvido na resistência de N. benthamiana a B. cinerea, permitindo maior severidade da doença quando reduzido ou em excesso na planta. / PROPEP1 gene encodes the peptide signal AtPep1 in Arabidopsis thaliana and is related to the amplification defense signal. This peptide increase the resistance of A. thaliana against necrotrophic pathogen Pythium irregular. Orthologs of this peptide have been characterized in maize, soybean and tomato. Due to this importance in plant resistance to necrotrophic pathogens, the aim of this study was to characterize PROPEP in Nicotiana benthamiana and its importance in resistance to Botrytis cinerea. In silico search was found one EST and from this, two genes, identified as NbPROPEP1 and NbPROPEP2. These genes have the 23 amino acid C-terminal region of their predicted proteins identical to each other. Compared to other species, resembling in 39 % with the sequence of A. thaliana, Solanum tuberosum with 60 % and 65 % with Solanum lycopersicum and could be a possible peptide signal. These genes were measured their expression in different organs and during development, with the highest expression of NbPROPEP1 in the root and stem and NbPROPEP2 in stem. In addition, the 6th and 8th week were those with higher expression of both genes and reduction in more advanced times. To investigate the possible involvement of this peptide in resistance to B. cinerea, VIGS was used in order to silencing the region corresponding to the peptide, the peptide synthesis and infiltration of the sheet. The silencing resulted in increase of leaf lesion and systemic cell death. The infiltrate peptide resulted in expression levels of NbPROPEP2 and NbPROPEP1 genes and average lesion, similar to that found in the silenced plants. Plants with two treatments together demonstrated double of lesion. The results indicate that the mechanisms induced in silencing and infiltrating with synthetic peptide were similar, allowing the advance of the pathogen and inducing the expression of defense genes. We conclude that NbPep may be involved in resistance of N. benthamiana to B. cinerea, allowing greater disease severity when reduce or excess in the plant.
3

Identificação do gene PROPEP1 em Nicotiana benthamiana e seu envolvimento na resistência a Botrytis cinerea / Identification of PROPEP1 gene in Nicotiana benthamiana and his involvement in resistance to Botrytis cinerea

Zanin, Julie Graziela January 2014 (has links)
O gene PROPEP1 codifica o peptídeo sinal AtPep1 em Arabidopsis thaliana e está relacionado à amplificação de sinais de defesa. Este peptídeo aumentou a resistência de A. thaliana contra o patógeno necrotrófico Pythium irregulare, tendo sido caracterizados ortólogos deste peptídeo em milho, soja e tomate. Devido a sua importância na resistência de plantas a patógenos necrotróficos, o objetivo deste estudo foi caracterizar o gene PROPEP em Nicotiana benthamiana e sua importância na resistência a Botrytis cinerea. A partir das buscas in silico, foi encontrado um EST e a partir deste, dois genes, identificados como NbPROPEP1 e NbPROPEP2. Estes genes possuem os 23 aminoácidos da região C-terminal de suas proteínas preditas idênticas entre si. Comparados a outras espécies, assemelhando-se em 39% com a sequência de A. thaliana, 60% com Solanum tuberosum e 65% com Solanum lycopersicum, indicando ser um possível peptídeo sinalizador. Estes genes foram avaliados quanto a sua expressão em diferentes órgãos e durante o desenvolvimento, apresentando mais alta expressão de NbPROPEP1 na raiz e caule e NbPROPEP2 no caule. Além disso, as plantas com 6 e 8 semanas foram aquelas com maior expressão de ambos os genes e redução em tempos mais avançados. Para investigar o possível envolvimento deste peptídeo na resistência a B. cinerea, foi empregado o método VIGS, a fim de silenciar a região correspondente ao peptídeo, bem como a síntese e infiltração do peptídeo em folha. O silenciamento resultou no aumento da lesão em folha, além da morte celular sistêmica. O peptídeo infiltrado resultou em níveis de expressão dos genes NbPROPEP1 e NbPROPEP2 e média de lesão, semelhantes as encontradas nas plantas silenciadas. Plantas com os dois tratamentos juntos apresentaram o dobro de lesão. Os resultados obtidos indicam que os mecanismos induzidos em plantas silenciadas e infiltradas com o peptídeo sintético foram semelhantes, permitindo o avanço do patógeno e induzindo a expressão de genes envolvidos na defesa. Conclui-se que NbPep pode estar envolvido na resistência de N. benthamiana a B. cinerea, permitindo maior severidade da doença quando reduzido ou em excesso na planta. / PROPEP1 gene encodes the peptide signal AtPep1 in Arabidopsis thaliana and is related to the amplification defense signal. This peptide increase the resistance of A. thaliana against necrotrophic pathogen Pythium irregular. Orthologs of this peptide have been characterized in maize, soybean and tomato. Due to this importance in plant resistance to necrotrophic pathogens, the aim of this study was to characterize PROPEP in Nicotiana benthamiana and its importance in resistance to Botrytis cinerea. In silico search was found one EST and from this, two genes, identified as NbPROPEP1 and NbPROPEP2. These genes have the 23 amino acid C-terminal region of their predicted proteins identical to each other. Compared to other species, resembling in 39 % with the sequence of A. thaliana, Solanum tuberosum with 60 % and 65 % with Solanum lycopersicum and could be a possible peptide signal. These genes were measured their expression in different organs and during development, with the highest expression of NbPROPEP1 in the root and stem and NbPROPEP2 in stem. In addition, the 6th and 8th week were those with higher expression of both genes and reduction in more advanced times. To investigate the possible involvement of this peptide in resistance to B. cinerea, VIGS was used in order to silencing the region corresponding to the peptide, the peptide synthesis and infiltration of the sheet. The silencing resulted in increase of leaf lesion and systemic cell death. The infiltrate peptide resulted in expression levels of NbPROPEP2 and NbPROPEP1 genes and average lesion, similar to that found in the silenced plants. Plants with two treatments together demonstrated double of lesion. The results indicate that the mechanisms induced in silencing and infiltrating with synthetic peptide were similar, allowing the advance of the pathogen and inducing the expression of defense genes. We conclude that NbPep may be involved in resistance of N. benthamiana to B. cinerea, allowing greater disease severity when reduce or excess in the plant.
4

Purificação parcial e caracterização de um peptídeo antimicrobiano produzido por Pseudomonas aeroginosa 4B / Partial purification and characterization of an antimicrobial peptide produced by Pseudomonas aeruginosa 4B

Fontoura, Roberta January 2008 (has links)
Uma substância antimicrobiana produzida por Pseudomonas aeruginosa foi caracterizada. O microrganismo produtor foi isolado de um lago de tratamento de efluentes em um frigorífico localizado na região do vale do Rio Pardo, no Rio Grande do Sul. O isolado foi caracterizado por análise bioquímica e seqüenciamento do 16S rDNA. As condições de maior produção ocorreram a 30°C, sob agitação contínua, com o maior pico de produção a partir de 108 horas. A substância antimicrobiana foi parcialmente purificada através de precipitação com sulfato de amônio 70%, cromatografia de gel filtração (Sephadex G-100) e de troca iônica (DEAE Sepharose). A substância antimicrobiana foi caracterizada com as duas alíquotas coletadas a partir do eluato da coluna de gel filtração. Os dados da caracterização indicam que ambas as alíquotas são a mesma substância. A atividade antimicrobiana foi analisada sobre o gel de poliacrilamida. Uma banda majoritária no gel de poliacrilamida sugere que o peptídeo apresente uma massa molecular de aproximadamente 30 kDa. A substância apresentou uma ampla atividade antimicrobiana sobre cepas indicadoras, tais como S. aureus, L. monocytogenes, B. cereus e importantes bactérias patogênicas e deteriorantes. A atividade antimicrobiana foi constante na faixa de 10 a 100°C, por até 60 minutos, iniciando um declínio a 120°C. O peptídeo antimicrobiano resistiu a todas as proteases testadas e teve sua atividade diminuída com DMSO, Tween 20 e 80, TCA e uréia. A substância parcialmente purificada foi utilizada no combate de S. aureus artificialmente inoculados em hambúrgueres crus de carne bovina e não inibiu seu crescimento nas condições do experimento. / An antimicrobial substance produced by Pseudomonas aeruginosa was characterized. The producer microorganism was isolated from an effluents treatment lake from an abattoir localized in Rio Pardo valley area, Rio Grande do Sul, Brazil. The strain was characterized by chemical profiling and 16S sequencing. It has reached its maximum of production under the following conditions: 86ºF, continuous agitation and aeration, 108 h. The antimicrobial substance was partially purified by ammonium sulfate precipitation 70%, gel filtration (Sephadex G-100) and ion exchange chromatography (DEAE Sepharose). The antimicrobial substance was characterized into two fractions collected from gel filtration’s eluate. The characterization data indicates that both fractions are the same substance. Direct activity on sodium dodecyl sulfate polyacrylamide gel electrophoresis (SDS-PAGE) was observed. A major band on SDS-PAGE suggested that the peptide had a molecular mass of about 30 kDa. The substance was inhibitory to a broad range of indicator strains such as S. aureus, L. monocytogenes B. cereus, and important pathogenic and spoilage bacterias. The activity was constant from 50 to 212ºF, for 60 minutes, beginning to decline at 248ºF. The antimicrobial peptide resisted to all proteolitic enzymes tested and only reduced its activity with dimethyl sulfoxide, polysorbate 20, polysorbate 80, trichloroacetic acid and urea. The partially purified substance was used to combat S. aureus in meat hamburgers and didn’t inhibit its growth at the experiment conditions.
5

Purificação parcial e caracterização de um peptídeo antimicrobiano produzido por Pseudomonas aeroginosa 4B / Partial purification and characterization of an antimicrobial peptide produced by Pseudomonas aeruginosa 4B

Fontoura, Roberta January 2008 (has links)
Uma substância antimicrobiana produzida por Pseudomonas aeruginosa foi caracterizada. O microrganismo produtor foi isolado de um lago de tratamento de efluentes em um frigorífico localizado na região do vale do Rio Pardo, no Rio Grande do Sul. O isolado foi caracterizado por análise bioquímica e seqüenciamento do 16S rDNA. As condições de maior produção ocorreram a 30°C, sob agitação contínua, com o maior pico de produção a partir de 108 horas. A substância antimicrobiana foi parcialmente purificada através de precipitação com sulfato de amônio 70%, cromatografia de gel filtração (Sephadex G-100) e de troca iônica (DEAE Sepharose). A substância antimicrobiana foi caracterizada com as duas alíquotas coletadas a partir do eluato da coluna de gel filtração. Os dados da caracterização indicam que ambas as alíquotas são a mesma substância. A atividade antimicrobiana foi analisada sobre o gel de poliacrilamida. Uma banda majoritária no gel de poliacrilamida sugere que o peptídeo apresente uma massa molecular de aproximadamente 30 kDa. A substância apresentou uma ampla atividade antimicrobiana sobre cepas indicadoras, tais como S. aureus, L. monocytogenes, B. cereus e importantes bactérias patogênicas e deteriorantes. A atividade antimicrobiana foi constante na faixa de 10 a 100°C, por até 60 minutos, iniciando um declínio a 120°C. O peptídeo antimicrobiano resistiu a todas as proteases testadas e teve sua atividade diminuída com DMSO, Tween 20 e 80, TCA e uréia. A substância parcialmente purificada foi utilizada no combate de S. aureus artificialmente inoculados em hambúrgueres crus de carne bovina e não inibiu seu crescimento nas condições do experimento. / An antimicrobial substance produced by Pseudomonas aeruginosa was characterized. The producer microorganism was isolated from an effluents treatment lake from an abattoir localized in Rio Pardo valley area, Rio Grande do Sul, Brazil. The strain was characterized by chemical profiling and 16S sequencing. It has reached its maximum of production under the following conditions: 86ºF, continuous agitation and aeration, 108 h. The antimicrobial substance was partially purified by ammonium sulfate precipitation 70%, gel filtration (Sephadex G-100) and ion exchange chromatography (DEAE Sepharose). The antimicrobial substance was characterized into two fractions collected from gel filtration’s eluate. The characterization data indicates that both fractions are the same substance. Direct activity on sodium dodecyl sulfate polyacrylamide gel electrophoresis (SDS-PAGE) was observed. A major band on SDS-PAGE suggested that the peptide had a molecular mass of about 30 kDa. The substance was inhibitory to a broad range of indicator strains such as S. aureus, L. monocytogenes B. cereus, and important pathogenic and spoilage bacterias. The activity was constant from 50 to 212ºF, for 60 minutes, beginning to decline at 248ºF. The antimicrobial peptide resisted to all proteolitic enzymes tested and only reduced its activity with dimethyl sulfoxide, polysorbate 20, polysorbate 80, trichloroacetic acid and urea. The partially purified substance was used to combat S. aureus in meat hamburgers and didn’t inhibit its growth at the experiment conditions.
6

Purificação parcial e caracterização de um peptídeo antimicrobiano produzido por Pseudomonas aeroginosa 4B / Partial purification and characterization of an antimicrobial peptide produced by Pseudomonas aeruginosa 4B

Fontoura, Roberta January 2008 (has links)
Uma substância antimicrobiana produzida por Pseudomonas aeruginosa foi caracterizada. O microrganismo produtor foi isolado de um lago de tratamento de efluentes em um frigorífico localizado na região do vale do Rio Pardo, no Rio Grande do Sul. O isolado foi caracterizado por análise bioquímica e seqüenciamento do 16S rDNA. As condições de maior produção ocorreram a 30°C, sob agitação contínua, com o maior pico de produção a partir de 108 horas. A substância antimicrobiana foi parcialmente purificada através de precipitação com sulfato de amônio 70%, cromatografia de gel filtração (Sephadex G-100) e de troca iônica (DEAE Sepharose). A substância antimicrobiana foi caracterizada com as duas alíquotas coletadas a partir do eluato da coluna de gel filtração. Os dados da caracterização indicam que ambas as alíquotas são a mesma substância. A atividade antimicrobiana foi analisada sobre o gel de poliacrilamida. Uma banda majoritária no gel de poliacrilamida sugere que o peptídeo apresente uma massa molecular de aproximadamente 30 kDa. A substância apresentou uma ampla atividade antimicrobiana sobre cepas indicadoras, tais como S. aureus, L. monocytogenes, B. cereus e importantes bactérias patogênicas e deteriorantes. A atividade antimicrobiana foi constante na faixa de 10 a 100°C, por até 60 minutos, iniciando um declínio a 120°C. O peptídeo antimicrobiano resistiu a todas as proteases testadas e teve sua atividade diminuída com DMSO, Tween 20 e 80, TCA e uréia. A substância parcialmente purificada foi utilizada no combate de S. aureus artificialmente inoculados em hambúrgueres crus de carne bovina e não inibiu seu crescimento nas condições do experimento. / An antimicrobial substance produced by Pseudomonas aeruginosa was characterized. The producer microorganism was isolated from an effluents treatment lake from an abattoir localized in Rio Pardo valley area, Rio Grande do Sul, Brazil. The strain was characterized by chemical profiling and 16S sequencing. It has reached its maximum of production under the following conditions: 86ºF, continuous agitation and aeration, 108 h. The antimicrobial substance was partially purified by ammonium sulfate precipitation 70%, gel filtration (Sephadex G-100) and ion exchange chromatography (DEAE Sepharose). The antimicrobial substance was characterized into two fractions collected from gel filtration’s eluate. The characterization data indicates that both fractions are the same substance. Direct activity on sodium dodecyl sulfate polyacrylamide gel electrophoresis (SDS-PAGE) was observed. A major band on SDS-PAGE suggested that the peptide had a molecular mass of about 30 kDa. The substance was inhibitory to a broad range of indicator strains such as S. aureus, L. monocytogenes B. cereus, and important pathogenic and spoilage bacterias. The activity was constant from 50 to 212ºF, for 60 minutes, beginning to decline at 248ºF. The antimicrobial peptide resisted to all proteolitic enzymes tested and only reduced its activity with dimethyl sulfoxide, polysorbate 20, polysorbate 80, trichloroacetic acid and urea. The partially purified substance was used to combat S. aureus in meat hamburgers and didn’t inhibit its growth at the experiment conditions.
7

Desenvolvimento de um radiofármaco para marcação com Tc-99m para a identificação de infecção utilizando um peptídeo catiônico sintético / Development of a Tc-99m labeling radiopharmaceutical for infection identification using a synthetic cationic peptide

Dias, Luís Alberto Pereira 03 September 2015 (has links)
O crescimento anual no número de procedimentos realizados em Medicina Nuclear se deve em primeiro lugar à vantagem de não serem invasivos. Cerca de 80% dos diagnósticos realizados em Medicina Nuclear utilizam radiofármacos preparados com tecnécio-99m devido a suas características físicas ideais, disponibilidade e baixo custo. Dentre os radiofármacos utilizados para identificar processos de infecção e inflamação estão os leucócitos marcados com tecnécio-99m, considerado o padrão ouro e o citrato de gálio (67 Ga), atualmente comercializado no Brasi. Os leucócitos marcados possuem a desvantagem da técnica laboriosa de marcação nem sempre disponível nos centros de Medicina Nuclear, enquanto o citrato de gálio (67 Ga) não é específico e possui energias desfavoráveis para a dosimetria do paciente e para a aquisição de imagens. Neste cenário, novas moléculas para diagnóstico de focos de infecção têm sido pesquisadas, particularmente envolvendo biomoléculas, como os peptídeos antimicrobianos. Nesta categoria, a Ubiquicidina na forma de um fragmento sintético (UBI 29-41) despertou o interesse de pesquisadores que estudaram a marcação com tecnécio-99m utilizando métodos direto e indireto. Um reagente liofilizado de UBI 29-41descrito na literatura demonstrou eficácia no diagnóstico de focos de infecção utilizando-se imagens cintilográficas, porém o produto não está disponível no Brasil. O objetivo deste trabalho foi estudar a marcação do fragmento de UBI 29-41 com tecnécio-99m por método direto e avaliar a utilização de soluções tampão no procedimento de marcação, de modo a flexibilizar o volume da solução de pertecnetato de sódio a ser utilizado, o que constitui aspecto de ineditismo deste trabalho. O fragmento foi radiomarcado com diferentes volumes de soluções tampão alcalinas (carbonato e fosfato) e a utilização dos tampões em substituição à solução de hidróxido de sódio possibilitou realizar a marcação com diferentes volumes da solução de pertecnetato de sódio, sem comprometimento do rendimento de marcação. Uma formulação liofilizada foi avaliada, demonstrando estabilidade por período de 12 meses, viabilizando a produção rotineira do agente de marcação. Os estudos de biodistribuição das preparações efetuadas com os diferentes tampões demonstraram que os complexos formados apresentam características gerais de biodistribuição semelhantes ao composto padrão descrito na literatura, incluindo rápido clareamento sanguíneo e alta captação renal, condizente com a eliminação do produto por esta via. Entretanto, as preparações estudadas apresentaram captação hepática maior e captação renal menor que o composto padrão. As preparações estudadas captaram no foco de infecção provocado por S.aureus e demonstraram potencial para aplicação clínica no diagnóstico em Medicina Nuclear. Como pré-requisito para a realização de estudos clínicos de um novo composto foi realizado estudo de cito e genotoxicidade, cujos resultados demonstraram a segurança das preparações estudadas. / The annual growth in the number of Nuclear Medicine procedures is directly related to the fact that they are non invasive techniques. About 80% of diagnostic procedures in Nuclear Medicine use technetium-labelled radiopharmaceuticals, because of ideal physics characteristics of this radionuclide, disponibility and low cost. Some radiopharmaceuticas employed in the diagnostic of infection and inflammation is technetium labeled leukocytes, considered the gold standard, and gallium citrate (67 Ga) that are commercialized in Brazil. The procedures for labeling leukocytes are laborious and not always aviable in the Nuclear Medicine Centers, that constitutes a disadvantage of this radiopharmaceutical. On the other hand, galium citrate (67 Ga) is not specific and its energies are not favourable for patient dosimetry and image. In this context, new molecules for diagnostic of infection have been studied, particularly biomolecules, as the antimicrobians peptides. In this category, the Ubiquicidine, as a synthetic fragment (UBI 29-41), was particularly investigated by many researchers for labeling with technetium-99m by direct and indirect methods. A liophylized kit described in the literature showed good results in the diagnostic of infection focous by scintilographic images, but this product is not aviable in Brazil. The objective of this work was to study the labeling of the UBI 29-41 fragment with technetium-99m by direct method using buffer solutions on labeling procedure, that results in a less restrictive labeling technique concerning the volume of sodium pertechnetate solution employed, that constitutes in the originality of this work. UBI fragment was labeled with different volumes of alkaline buffers (carbonate and phosphate) and the use of buffers instead sodium hydroxide solution resulted in labeling procedures that employed different volumes of sodium pertechnetate solution without loss in the labeling yield. A liophylized kit was prepared, showing stability for 12 months, that supports a rotine production of this labeling agent. The biodistribution studies using the radiopharmaceutical prepared with different buffers showed that the resulted complexes presented biodistribution characteristics similar to the standard preparation described in the literature, including fast blood clearance and renal excretion. However, the studied preparations showed higher liver uptake and lower renal uptake when compared to the standard preparation. The studied preparations presented good uptake on infection focus produced by inoculation of S.aureus and showed potential for application in clinical procedures in Nuclear Medicine. Citotoxicity and genotoxicity studies were conducted with the peptide fragment as prerequisit for future clinical studies and the results showed the security of the compound for clinical application.
8

Desenvolvimento de um radiofármaco para marcação com Tc-99m para a identificação de infecção utilizando um peptídeo catiônico sintético / Development of a Tc-99m labeling radiopharmaceutical for infection identification using a synthetic cationic peptide

Luís Alberto Pereira Dias 03 September 2015 (has links)
O crescimento anual no número de procedimentos realizados em Medicina Nuclear se deve em primeiro lugar à vantagem de não serem invasivos. Cerca de 80% dos diagnósticos realizados em Medicina Nuclear utilizam radiofármacos preparados com tecnécio-99m devido a suas características físicas ideais, disponibilidade e baixo custo. Dentre os radiofármacos utilizados para identificar processos de infecção e inflamação estão os leucócitos marcados com tecnécio-99m, considerado o padrão ouro e o citrato de gálio (67 Ga), atualmente comercializado no Brasi. Os leucócitos marcados possuem a desvantagem da técnica laboriosa de marcação nem sempre disponível nos centros de Medicina Nuclear, enquanto o citrato de gálio (67 Ga) não é específico e possui energias desfavoráveis para a dosimetria do paciente e para a aquisição de imagens. Neste cenário, novas moléculas para diagnóstico de focos de infecção têm sido pesquisadas, particularmente envolvendo biomoléculas, como os peptídeos antimicrobianos. Nesta categoria, a Ubiquicidina na forma de um fragmento sintético (UBI 29-41) despertou o interesse de pesquisadores que estudaram a marcação com tecnécio-99m utilizando métodos direto e indireto. Um reagente liofilizado de UBI 29-41descrito na literatura demonstrou eficácia no diagnóstico de focos de infecção utilizando-se imagens cintilográficas, porém o produto não está disponível no Brasil. O objetivo deste trabalho foi estudar a marcação do fragmento de UBI 29-41 com tecnécio-99m por método direto e avaliar a utilização de soluções tampão no procedimento de marcação, de modo a flexibilizar o volume da solução de pertecnetato de sódio a ser utilizado, o que constitui aspecto de ineditismo deste trabalho. O fragmento foi radiomarcado com diferentes volumes de soluções tampão alcalinas (carbonato e fosfato) e a utilização dos tampões em substituição à solução de hidróxido de sódio possibilitou realizar a marcação com diferentes volumes da solução de pertecnetato de sódio, sem comprometimento do rendimento de marcação. Uma formulação liofilizada foi avaliada, demonstrando estabilidade por período de 12 meses, viabilizando a produção rotineira do agente de marcação. Os estudos de biodistribuição das preparações efetuadas com os diferentes tampões demonstraram que os complexos formados apresentam características gerais de biodistribuição semelhantes ao composto padrão descrito na literatura, incluindo rápido clareamento sanguíneo e alta captação renal, condizente com a eliminação do produto por esta via. Entretanto, as preparações estudadas apresentaram captação hepática maior e captação renal menor que o composto padrão. As preparações estudadas captaram no foco de infecção provocado por S.aureus e demonstraram potencial para aplicação clínica no diagnóstico em Medicina Nuclear. Como pré-requisito para a realização de estudos clínicos de um novo composto foi realizado estudo de cito e genotoxicidade, cujos resultados demonstraram a segurança das preparações estudadas. / The annual growth in the number of Nuclear Medicine procedures is directly related to the fact that they are non invasive techniques. About 80% of diagnostic procedures in Nuclear Medicine use technetium-labelled radiopharmaceuticals, because of ideal physics characteristics of this radionuclide, disponibility and low cost. Some radiopharmaceuticas employed in the diagnostic of infection and inflammation is technetium labeled leukocytes, considered the gold standard, and gallium citrate (67 Ga) that are commercialized in Brazil. The procedures for labeling leukocytes are laborious and not always aviable in the Nuclear Medicine Centers, that constitutes a disadvantage of this radiopharmaceutical. On the other hand, galium citrate (67 Ga) is not specific and its energies are not favourable for patient dosimetry and image. In this context, new molecules for diagnostic of infection have been studied, particularly biomolecules, as the antimicrobians peptides. In this category, the Ubiquicidine, as a synthetic fragment (UBI 29-41), was particularly investigated by many researchers for labeling with technetium-99m by direct and indirect methods. A liophylized kit described in the literature showed good results in the diagnostic of infection focous by scintilographic images, but this product is not aviable in Brazil. The objective of this work was to study the labeling of the UBI 29-41 fragment with technetium-99m by direct method using buffer solutions on labeling procedure, that results in a less restrictive labeling technique concerning the volume of sodium pertechnetate solution employed, that constitutes in the originality of this work. UBI fragment was labeled with different volumes of alkaline buffers (carbonate and phosphate) and the use of buffers instead sodium hydroxide solution resulted in labeling procedures that employed different volumes of sodium pertechnetate solution without loss in the labeling yield. A liophylized kit was prepared, showing stability for 12 months, that supports a rotine production of this labeling agent. The biodistribution studies using the radiopharmaceutical prepared with different buffers showed that the resulted complexes presented biodistribution characteristics similar to the standard preparation described in the literature, including fast blood clearance and renal excretion. However, the studied preparations showed higher liver uptake and lower renal uptake when compared to the standard preparation. The studied preparations presented good uptake on infection focus produced by inoculation of S.aureus and showed potential for application in clinical procedures in Nuclear Medicine. Citotoxicity and genotoxicity studies were conducted with the peptide fragment as prerequisit for future clinical studies and the results showed the security of the compound for clinical application.
9

Polimorfismos do gene bm86 de Boophilus microplus canestrini, 1887 (acari: ixodidae) e análise da conservação genética de peptídeos integrantes da vacina sintética SBm7462 / Polimorphisms of the gene bm86 of Boophilus microplus canestrini, 1887 (acari: ixodidae) and analysis of the genetic conservation of integral peptides of the synthetic vaccine SBm7462

Sossai, Sidimar 08 October 2004 (has links)
Submitted by Nathália Faria da Silva (nathaliafsilva.ufv@gmail.com) on 2017-06-08T13:32:28Z No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 4048898 bytes, checksum: f5cec7deaee542231b18913fa6a7d0e7 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-06-08T13:32:28Z (GMT). No. of bitstreams: 1 texto completo.pdf: 4048898 bytes, checksum: f5cec7deaee542231b18913fa6a7d0e7 (MD5) Previous issue date: 2004-10-08 / Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Minas Gerais / O carrapato B. microplus é considerado o principal ectoparasita para a pecuária bovina mundial. Seu controle repousa pesadamente sobre a utilização de acaricidas que a cada ano que passa se mostram menos eficientes devido a aquisição de resistência pelo parasita. Como alternativa ecologicamente segura para controlar este parasito, tem sido desenvolvidas vacinas derivadas de antígenos ocultos para o sistema imune do hospedeiro. Porém, falhas vacinais com a glicoproteína Bm86 recombinante já tem sido descritas devido à polimorfismos no seu gene em diferentes populações de B. microplus. Já foi descrito variações de até 8.6% na seqüência deste gene. Uma variante da Bm86, denominada Bm95, foi identificada e também utilizada como vacina recombinante, revertendo os resultados negativos naquelas populações que foram resistentes à vacinação com a Bm86, mas com eficiências variáveis. Pesquisadores do Laboratório de Biologia e Controle de Hematozoários, da Universidade Federal de Viçosa, MG desenvolveram uma vacina sintética composta de três peptídeos derivados da Bm86, sendo que um deles, o 4824, é considerado o principal indutor da produção de anticorpos anti-SBm7462. Com o intuito de avaliar mutações no gene bm86 e a conservação da seqüência peptídica 4824 foram analisadas 30 populações de carrapatos B. microplus, de regiões geograficamente distintas do Brasil e países vizinhos. Para isso foi sintetizado, através do RNA total extraído das amostras, o cDNA que serviu de molde nas reações de PCR para amplificação da seqüência nucleotídica compreendida entre os nucleotídeos 278 – 1071. O material amplificado foi clonado em vetor pGEM ® e seqüenciado em seqüenciador automático pelo método enzimático. A análise foi feita através de alinhamento de múltiplas seqüências pelo programa BioEdit versão 5.0.5 e a verificação de polimorfismos por inspeção visual. As análises confirmaram as conservações das seqüências nucleotídicas e aminoácidicas do peptídeo 4824 e revelaram variabilidade genética dentro do gene bm86 entre as amostras pesquisadas. Através do sequenciamento do fragmento que codifica o peptídeo 4822 foi possível determinar que os testes realizados com a vacina sintética SBm7462 foram em amostras que divergiam em dois aminoácidos da seqüência peptídica da vacina, além de apresentarem variações superiores a 4.94% na seqüência da glicoproteína intestinal. / The tick B. microplus is considered the main ectoparasite for the world bovine cattle. Its control rests heavily about the acaricides use that are less efficient due to resistance acquisition on the part of the parasite to every year that passes. As alternative ecologically holds to control this parasite, it has been developed derived vaccines of cancealed antigens for the immune system of the host. Even so, flaws vaccinate with the protein Bm86 recombinant it has already been described due to the polymorphisms of its gene in different populations of B. microplus. It was already described variations of up to 8.6% in the sequence of this gene. A variant of Bm86, denominated Bm95, it was identified and also used as vaccine recombinant, reverting the negative results in those populations that were resistant to the vaccination with for Bm86 but with variable efficiencies. Researchers of the Laboratory of Biology and Control of Hematozoários, of the Federal University of Viçosa, MG developed a synthetic vaccine composed of three derived peptides of Bm86, and one of them, the 4824, the main inductor of the production of antibodies anti-SBm7462 is considered. With the intuit of evaluating mutations in the gene xiibm86 and the conservation of the sequence peptides 4824, 30 populations of ticks B. microplus were analyzed, of areas geographically different from Brazil and neighboring countries. For that it was synthesized, through extracted total RNA of the samples, the cDNA that served as mold in the reactions of PCR for amplification of the sequence of nucleotides understood among the nucleotides 278 - 1071. The amplified material was cloned in vectorial pGEM® and sequenced in automatic sequencer for the enzymatic method. The analysis was made through alignment of multiple sequences by the program BioEdit version 5.0.5 and the polymorphisms verification for visual inspection. The analyses confirmed the conservations of the sequences nucleotides and amino acids of the peptides 4824 and they revealed genetic variability inside of the gene bm86 among the researched samples. Through the sequencing of the fragment that codes the peptides 4822 it was possible to determine that the tests accomplished with the synthetic vaccine SBm7462 were in samples that diverged in two amino acids of the sequence peptides of the vaccine, besides they present superior variations at 4.94% in the sequence of the intestinal protein.
10

[fr] LE MARQUAGE DES PEPTIDES AVEC DES MÉTAUX ET DÉTECTION PAR MS ET L OPTIMISATION DES PROCÉDURES DE L EXTRACTION DE MÉTALLOPROTÉINES DANS LES ÉCHANTILLONS BIOLOGIQUES À DES FINS DE PROTÉOMIQUE / [pt] MARCAÇÃO DE PEPTÍDEOS COM METAIS USANDO DETECÇÃO POR MS E OTIMIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS DE EXTRAÇÃO DE METALOPROTEÍNAS EM AMOSTRAS BIOLÓGICAS COM PROPÓSITOS PROTEÔMICOS / [en] PEPTIDE-LABELING WITH METALS USING MS DETECTION AND OPTIMIZATION OF METALLOPROTEIN EXTRACTION PROCEDURES IN BIOLOGICAL SAMPLES WITH PROTEOMIC PURPOSES

19 November 2021 (has links)
[pt] Método de identificação e quantificação de peptídeos, através da otimização de estratégias para a marcação de peptídeos com metais e subsequente separação por nano-HPLC-UV, MALDI MS. Primeiramente, peptídeos foram marcados com 3 diferentes metais lantanídeos usando um reagente funcional NHS-DOTA. Os resultados demonstraram que a reação de derivatização usando o reagente quelante DOTA foi eficiente para peptídeos simples e misturas dos mesmos, verificada através do MALDI MS a partir da relação m/z. Em paralelo, análises ambientais foram realizadas pela otimização de um procedimento de extração de metalotioneína em bílis de peixe, uma vez que esta matriz tem sido reportada como um biomarcador ambiental de contaminação por metal. Diferentes procedimentos e agentes de redução foram aplicadas para a extração de metalotioneína em bílis e fígado de peixe (Oreochromis niloticus. Análises espectrofotométricas foram realizadas a fim de quantificar os extratos de MT, e gel SDS-PAGE foi usado para avaliação qualitativa dos diferentes procedimentos usados. Cada procedimento foi avaliado estatisticamente. Metodologia de superfície de resposta foi aplicada para amostras de bílis, a fim de avaliar a resposta desta matriz. Em um contexto ambiental, concentrações de MT biliar foi mais baixa que MT do fígado, no entanto, a primeira mostrou-se mais adequada para um monitoramento ambiental. / [en] This work developed a new method for the identification and quantification of peptides, by optimizing some of the available strategies suitable for labeling peptides with lanthanide metals with subsequent separation by nano-HPLC with UV detection, matrix-assisted laser desorption ionization-mass spectrometry (MALDI MS). First, peptides were labeled with the three different lanthanide metals using a functional DOTA-based reagent. The results demonstrate that the derivatization reaction using the chelating reagent DOTA-NHS-ester was effective for single peptides and peptide mixtures, verified from the m/z relation obtained by MALDI MS. In parallel, environmental analyses were conducted, by performing the standardization of metalloprotein purification in fish bile, since this matrix has been reported as a biomarker for environmental metal contamination. Different procedures and reducing agents were applied to purify MT isolated from fish (Oreochromis niloticus) bile and liver. Spectrophotometrical analyses were used to quantify the resulting MT samples, and SDS-PAGE gels were used to qualitatively assess the different procedure results. A response surface methodology was applied for bile samples. In an environmental context, biliary MT was lower than liver MT, and, bile MT seems to be more adequate in environmental monitoring scopes. / [fr] Ce travail a développé une nouvelle méthode pour l identification et la quantification des peptides, par l optimisation de certaines stratégies disponibles appropriées pour le marquage des peptides avec des métaux lanthanide, une séparation par nano-HPLC et détection UV, et suivi par MALDI MS. Tout d abord, les peptides ont été marqués avec les trois métaux lanthanides différents et un réactif fonctionnel - DOTA. Les résultats montrent que la réaction de transformation en dérivé à l aide du réactif chélateur DOTA-NHS-ester a été efficace pour des peptides individuels et des mélanges de peptides, vérifiées à partir de la relation m/z obtenue par MALDI MS. En parallèle, nous avons effectué l optimisation pour la purification de métalloprotéine dans la bile de poisson, qui est signalée entant que biomarqueurs de contamination métallique de l environnement. Des procédures différentes et les agents réduisant ont été apliqués pour purifier les MT isolées de la bile et du foie des poissons (Oreochromis niloticus). Des analyses spectrophotométriques ont été utilisées pour quantifier les échantillons de MT, et le gel SDS-PAGE a été utilisé pour évaluer qualitativement les différents résultats de la procédure. Chaque procédure a en suíte été évaluée statistiquement, une méhtode des surfaces de réponse a été appliquée. Les MT de la bile semblent être plus adéquate pour la surveillance de l environnement en ce qui concerne l exposition récente à des xénobiotiques qui peuvent influer sur l expression protéomique et metalloproteomique de cette matrice biologique.

Page generated in 0.0591 seconds