• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 157
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 7
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 162
  • 162
  • 53
  • 40
  • 40
  • 33
  • 33
  • 30
  • 27
  • 24
  • 22
  • 20
  • 18
  • 17
  • 16
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
21

A Origem Natural da Poluição por Cromo no Aquífero Adamantina, Município de Urânia (SP) / Not available.

Almodovar, Marta Lúcia Nunes 24 November 2000 (has links)
Teores anômalos de cromo, algumas vezes ultrapassando o limite máximo permitido para consumo humano (0,05 mg/L), têm sido detectados nas águas subterrâneas de pelo menos 53 cidades da região noroeste do Estado de São Paulo. Esta pesquisa objetivou definir a origem do cromo nas águas subterrâneas em Urânia, se antrópica ou natural e os mecanismos hidrogeoquímicos que controlam a presença deste elemento no sistema rocha-água. A cidade de Urânia foi selecionada para estudo por apresentar um dos maiores e mais persistentes teores deste elemento na região. Para atingir estes objetivos foi executado um levantamento de fontes antrópicas potenciais de cromo e enfatizada a hidrogeoquímica das zonas não-saturada e saturada com detalhe. Os ensaios na zona não-saturada basearam-se na coleta de amostras de solo e sedimento para análises macroscópica, granulométrica, química, mineralógica e extração sequencial. Para o estudo na zona saturada foram cadastrados poços tubulares e cacimbas de Urânia, definido o modelo conceitual de circulação das águas subterrâneas, amostradas e analisadas as águas destes poços. Através dos resultados obtidos pode-se comprovar que a origem do cromo nas águas subterrânes de Urânia é natural, proveniente da dissolução de minerais cromíferos (cromita, espinélio, hematita, ilmenita, magnetita, rutilo e ulvoespinélio) dos solos e sedimentos da Formação Adamantina. Estes minerais estão associados à fração grossa (> 635mesh), na qual foram detectados teores de cromo variando de 1.475 a 7.704 ppm. A extração sequencial comprovou que o cromo é proveniente de minerais primários, sendo que nos solos da área de pesquisa está associado aos materiais residuais e minerais silicáticos. A baixa capacidade de adsorção de cromo na fase sólida, permite que o íon se mantenha na fase líquida. O modelo de equilíbrio químico utilizado-MINTEQ A2 (Versão 4.0) mostrou que os ambientes hidroquímicos mais alcalinos da área ) de estudo são propícios à dissolução de minerais portadores de cromo. As elevadas concentrações de cromo nos poços tubulares (profundos) em relação aos cacimbas (rasos) são decorrentes do maior tempo de contato água-rocha, oferecendo melhores condições para o equilíbrio entre os minerais e a solução percolante e permitindo sua passagem para o meio líquido. / Anomalous chromium contents, sometimes exceeding the maximum limit permitted for human consumption (0.05 mg/L) have been detected in groundwaters of at least 53 cities of northwestern São Paulo State. This research aimed at defining if the origin of chromium in Urânia groundwaters was anthropic or natural, and the hydrogeochemical mechanisms that control the presence of the element in the rock-water system. Urânia city was selected for the study due to its highest and most persistent contents of chromium in the region. To achieve these objectives a suryey of potential anthropic Cr sources was carried out and the hydrogeochemistry of the non-saturated and saturated zones was studied in detail. The tests in the non-saturated zone were based on soil and sediment sample collecting for macroscopic, granulometric, chemical, mineralogical and sequential extraction analyses. To investigate the saturated zone Urânia tubular wells and shallow dug wells were catalogued, a conceptual groundwater circulation model was defined and the water from these wells sampled and analysed. The data show that the origin of chromium in Urânia groundwaters is natural, resulting from dissolution of Cr-bearing minerals (chromite, spinel, hematite, ilmenite, magnetite, rutile and ülvospinel) in soils and sediments of the Adamantina Formation. These minerals are found in the coarse fraction (> 635 mesh), where Cr contents from 1,475 to 7,705 ppm were detected. The sequential extraction analysis proved that chromium came from primary minerals and it is associated with residual materials and silicatic minerals in soils of the study area. The low Cr absorption capacity of the solid phase maintains the ion in the liquid phase. The chemical equilibrium model used -MINTEQ A2 (4.0 version) showed that the more alkaline hydrochemical environments of the study area are favourable for the dissolution of Cr-bearing minerals. The high Cr concentrations in (deep) tubular wells in relation to shallow dug wells result from a greater water-rock interaction time, allowing better conditions of chemical equilibrium between minerals and percolating solutions and its exchange with the liquid medium.
22

Avaliação hidrogeológica e hidrogeoquímica em área contaminada por manganês na região de Suzano - SP / Not available.

Ishimine, Vinicius 19 April 2002 (has links)
A prática antiga de disposição de resíduos de óxido de manganês em valas sem impermeabilização permitiu a contaminação de solo e água subterrânea por manganês em uma área em Suzano, São Paulo. No local, foram mapeadas duas fontes de contaminação, a principal delas encontra-se enterrada em terreno adjacente à área da indústria, e a secundária, que não foi formada por disposição voluntária de resíduo no solo, encontra-se na área da indústria, como resultado de deposição de material particulado liberado durante o manuseio do produto. Testes de condutividade hidráulica \'in situ\' apresentaram valores de K na ordem de \'10 POT. -7\' m/s. A velocidade da água subterrânea encontra-se no intervalo entre 0,33 e 17,26 cm/dia. Os resultados analíticos nas amostras de água subterrânea indicaram presença de manganês com valores acima dos limites estabelecidos pela Portaria 1469 do Ministério da Saúde na maioria dos poços de monitoramento (Valor Máximo Permitido, 0,10 mg/L), alcançando valores máximos de 6.800 mg/L no primeiro evento de monitoramento (outubro/98) e 4.876 mg/L no segundo (abril/99). Amostras de solo da porção jusante da área indicaram concentrações elevadas de manganês, atingindo valores de até 41.000 mg/Kg. O mapeamento da pluma de contaminação de água subterrânea mostra que ela está inserida em parte do terreno ocupado pela área em estudo e quase que a totalidade da porção jusante a este (área alagadiça). A modelagem hidrogeoquímica realizada através do programa Wateq4f apresentou supersaturação de hidróxido de ferro na maioria das amostras indicando que muitos metais podem estar adsorvidos neste complexo. Muitas amostras indicaram presença de sulfato de manganês, MnS\'O IND. 4 POT. 0\' (aq). Devido às altas concentrações de manganês encontradas em solo e água subterrânea, recomenda-se a execução de ações corretivas, uma vez que o local encontra-se inserido numa Área de Proteção de Mananciais. / The past practice of burying waste of manganese oxide in open, unprepared ditches in an industrial site in Suzano, São Paulo, has originated soil and groundwater contamination. Two sources of contamination were mapped at the site and its neighbourhood. The main source was placed as buried waste on a property adjacent to the industrial área. A second source was originated from dust coming from handling material at the industry. In situ hydraulic conductvty tests indicated K on the order of \'10 IND. -7\' m/s and 17,26 cm/dia. Chemical analyses from groundwater samples indicated manganese concentration above Brazilian standards in most monitoring wells (Portaria 1469 of the Ministerio da Saúde - Valor Máximo Permitido, 0,10 mg/L). The highest manganese concentration were 6.800 mg/L in the first sampling round and 4.876 mg/L in the second. Soil samples from the downgradient portion of the area also indicated high manganese concentrations, with values as high as 41.000 mg/Kg. The mapping of the groundwater contamination plume shows only a small portion of it within the limits of the industry site. Most of plume lies downgradient of the site, in the wetlands. The hydrogeochemical modeling using Wateq4f indicated a supersaturation of iron hydroxide in most groundwater samples, which indicates that many metals might be adsorbed into these complexes. Many samples indicated the presence of manganese sulphate, \'MnSO IND. 4 POT. 0\' (aq). Due to the very high concentration of manganese found in the area, it is recommended a corrective action for soil and groundwater, since the site is located within an Environment Protection Area (Área de Proteção de Mananciais).
23

Análise de diferentes fatores na disposição de metais pesados em sedimentos lacustres no Parque Ecológico do Tietê / Not available.

Cyntia Helena Ravena Pinheiro 11 December 2001 (has links)
Verificar a existência de metais pesados nos sedimentos lacustres do Parque Ecológico do Tietê - Centro de Lazer Engenheiro Goulart (PET), sua distribuição horizontal e a identificação das suas prováveis fontes constitui o objetivo desta dissertação, bem como avaliar os parâmetros físicos, físico-químicos e químicos que poderiam disponibilizá-los de maneira a comprometer a qualidade desse ambiente. As amostragens consistiram de dois períodos climáticos distintos, um na estação climática de menor pluviosidade (inverno) e outro na estação de maior pluviosidade (verão). Os sedimentos coletados em dezesseis estações foram subdivididos em duas subamostras denominadas de topo e base e essas submetidas a análises químicas dos teores totais dos metais cobre, cromo, níquel e zinco, bem como do ferro, alumínio, manganês e fósforo. Análises químicas totais foram efetuadas em água da interface e contribuíram para a melhor compreensão da provável dinâmica que resultou nas diferenças entre os teores dos metais nos sedimentos exibidos entre as duas coletas. Os parâmetros físico-químicos determinados no campo, tanto para os sedimentos do topo e da base, quanto da água da interface (Eh, pH, condutividade elétrica, temperatura e oxigênio dissolvido) foram fundamentais para consubstanciar a interpretação da transferência dos metais de um compartimento para outro nos dois períodos de coleta. Os particulados em suspensão, foram analisados em microscópio eletrônico de varredura (MEV), com Energy Dispersive Spectrum (EDS), acoplado. Análises granulométricas permitiram a determinação do porcentual das frações mais finas dos sedimentos, principalmente as frações argila e silte, bem como do teor de matéria orgânica, por exibirem alta capacidade de adsorção de metais. Essas amostras também foram submetidas à análise do conteúdo mineral por difratometria de raios-X (DRX). A caracterização dos sedimentos como ambientes altamente redutores e levemente ácidos também indicou que os sulfetos desses metais fazem parte do equilíbrio entre as formas químicas que constituem esses ambientes. Os resultados obtidos receberam tratamentos matemáticos e geoestatísticos para auxiliar na compreensão do comportamento dos metais e a similaridade entre eles. O fator de correlação de Pearson foi um dos instrumentos utilizados e permitiu verificar a correlação existente principalmente entre o ferro e os metais zinco e cromo; entre o cobre e o zinco; fósforo e os metais ferro e alumínio; entre o alumínio, o zinco e o ferro; entre o teor de umidade e zinco. Elevadas também foram as correlações entre os particulados mais finos (silite \'mais\' argila) e os metais zinco, cromo e cobre. O cálculo do fator de enriquecimento dos metais nos sedimentos incluiu a normalização de suas concentrações utilizando o teor de Al2O3, visando minimizar os efeitos das diferenças granulométricas e mineralógicas dos sedimentos. Esse fator permitiu verificar o enriquecimento dos sedimentos do topo com relação à base em ambas as coletas e de somente parte desses metais no topo da 2ª coleta em relação à 1ª. Algumas das estações de coleta mais próximas à entrada da água do rio Tietê apresentaram os sedimentos do topo mais enriquecidos que as demais. O emprego do programa geoestatístico SURFER permitiu uma clara visualização da distribuição das isolíneas de concentração. Através da intensidade das cores utilizadas nos mapas de isoteores pôde-se facilmente verificar as áreas com maiores concentrações associadas às tonalidades mais fortes, situadas à NW e a SE do lago. Esses mapas também auxiliaram na identificação de fontes de dispersão dos metais, provenientes tanto das entradas de esgoto quanto das águas do rio Tietê. A interação entre a biota e metais pesados foi verificada através da observação dos particulados em suspensão com o auxílio do MEV. Análises químicas qualitativas pontuais realizadas nesse material indicaram a presença desses metais nas estruturas internas de alguns exemplares do fitoplâncton. / The verification of the existence of heavy metals in the lacustrine sediments of the Parque Ecológico do Tietê - Centro de lazer Engenheiro Goulart (PET), their horizontal distribution and the identification of their probable sources constitute this dissertation objective, as well as to evaluate the physical, physicochemical and chemical parameters that could make them available in way to commit the environment quality. The sediments samples collected were divided in two sub-samples, top and bottom and submitted to chemical analysis with the objective of the detection of the metals cooper, chrome, nickel, zinc, iron, aluminum and manganese total concentration. The water interface total chemistries analyses contributed to the best understanding of the probable dynamics that resulted in different metals quantities in the sediments. The certain physical-chemical parameters in the work field, either for the top and bottom sediments as for the water interface (Eh, pH, electric conductivity, temperature and dissolved oxygen) were fundamental for the interpretation of those lacustrine dynamics. The particles in suspension were examined in electronic microscope (MEV) coupled with the Energy Dispersive Spectrum (EDS). Grain sizes analyses were realized for the percentile of the finest fractions (silt and clay) of the sediments determination, as well as the organic matter content. Both exhibit high capacity of adsorption of metals. Those samples were also submitted to the mineral content analysis by X-ray difratometry (DRX). The sediments characterization as highly reducers and slightly acids environments also indicated that the sulfides of those metals are part of the balance among the chemical forms that constitute these environments. The obtained results received mathematical and geostatistics treatments to aid in the understanding of the metals behavior and the similarity with which other. The Pearson correlation factor was one of the most important instruments used and it allowed verifying the great correlation that there is among the iron, copper, zinc, match and organic matter and at the same time between those metals and the sediments humidity content. The metals enrichment factor calculation in the sediments included their concentrations using the Al2O3 percent, seeking to minimize the effects of the grain and the mineralogical sediment differences. That factor allowed verifying the enrichment of the top sediments regarding the bottom, in both collections, and that only part of these metals in the top of the 2nd collection in relation to 1st. Some of the closer collection stations to the river Tietê water entrance presented the top sediments more enriched than others. The geoestatistic program SURFER allowed a clear visualization of the concentration isolines distribution. Through the colors intensity used in the isoteores maps we can easily verify the areas with larger concentrations associated to the strongest shades, located on NW and SE of the lake. Those maps also aided in the identification of probable sources of dispersion of the metals, like sewage emissions on lake and Tietê river water. The interaction between the biota and the heavy metals was verified through the observation of the particles in suspension with the aid of the electronic microscope. Punctual qualitative chemical analyses accomplished in that material indicated the presence of those metals in the internal structures of some copies of the phytoplankton.
24

Mercúrio em ambientes aquáticos de Poconé-MT / Not available.

Alexandre Pessoa da Silva 13 December 1996 (has links)
Buscando dimensionar a participação do transporte aquático na contaminação ambiental foram realizados, no período entre 1989 e 1994, ensaios com sedimentos e determinados os teores de mercúrio total nos compartimentos ambientais água, sedimentos e material particulado em suspensão das drenagens diretamente impactadas pela atividade garimpeira, no município de Poconé. Além do rio Bento Gomes, foram investigados seus principais afluentes que drenam o Município de Poconé, representando ambientes diretamente impactados e vias de transporte do poluente para o Pantanal. Neste trabalho foi desenvolvido um dispositivo que permitiu a detecção e determinação de mercúrio total em solos e sedimentos com teores de 0,1 a 100 ppm. O processo consiste essencialmente em volatiliza-lo da amostra através de aquecimento, na sua absorção em solução ácida oxidante, seguida de sua extração com solução de ditizona em solventes orgânicos e na determinação de seu teor por comparação colorimétrica dos ditizonatos formados com padrões. Através desta nova metodologia, foram analisadas amostras de sedimentos do córrego Tanque dos Padres, o que permitiu detectar a existência de focos de contaminação onde a concentração de mercúrio total nos sedimentos chega a 34ppm. Ensaios realizados com amostras de sedimentos coletados em áreas sob influência direta das emissões de rejeitos, com baixa concentração de matéria orgânica, apresentaram adsorção superior a 99% do mercúrio na forma iônica. Em amostras de água brutas a concentração de mercúrio total apresentou valores entre 120 ng/L no rio Bento Gomes, na estiagem e 1342 ng/L no córrego Piraputanga, no período das chuvas. Os teores de mercúrio total nas amostras de material particulado em suspensão oscilaram entre 55 e 1,425 ppb , sendo as maiores concentrações encontradas nas amostras coletadas no período das chuvas nos córregos Piranema e Piraputanga. Os teores de Hg total nas amostras de sedimentos analisadas variaram entre 92 e 880 ppb, sendo as maiores concentrações determinadas nas amostras coletadas nos córregos Piraputanga (880ppb) e Piranema (840 ppb) que apresentaram teores de matéria orgânica de 3,32% e 2,85%, respectivamente. Nos sedimentos o mercúrio se concentra nas frações granulométricas mais finas, menor que 250\'mü\'. Na fração granulométrica até 3\'mü\' o mercúrio total apresenta concentrações superiores em mais de 10 vezes a sua concentração na fração granulométrica entre 250 e 1.000\'mü\'. Os estudos assinalaram a baixa mobilidade do mercúrio metálico, emitido juntamente com os rejeitos de amalgamação. Por outro lado, principalmente na época das fortes chuvas, o material particulado torna-se uma eficiente via de transporte para o mercúrio iônico depositado nas camadas mais superficiais dos solos. / To estimate the participation of water transport n the overall environmental pollution, tests have been performed between 1989 and 1994 on sediments. Furthermore, the concentration of mercury in the waters, the sediments and the suspended matter of rivers directly influenced by gold small miners (garimpos) at the Poconé township in Mato Grosso have been determined. Not only the main river Bento Gomes, but all the sidearms have also been investigated to cover the whole region of directed contamination and all ways of transport of this polluting material on his way to the Pantanal swamps. A process has been developed to determinate total Hg levels of soils and sediments in the range of 0.1 to 100 ppm. By means of heating, Hg is volatilized from the sample, absorbed by oxidizing acid solutions and extracted with dithizon-solutions in organic solvents. The concentrations of the Hg-salts of dithizon have been determined by classical colorimetric procedures. By means of this method, sediments of the sideriver \"Tanque dos Padres\" revealed local high levels of contamination reaching 34 ppm in sediments. Analyses of sediments collected in regions of direct influence of the polluting small mining activities showed absorption of mercury in ionic form mainly enriched in iron oxide or with high organic matter but influenced by the hydrological Pantanal swamp system. Water samples collected during the dry season showed about 120 mg/l (Bento Gomes river) and 1343 mg/l during the rainy season (Piraputanga river). The mercury concentrations of the suspended matter, directly correlated with the content of organic matter, reached 55 to 1425 ppb. The high values have been determined during the rainy season in the rivers Piranema and Piraputanga. The concentration of Hg in the sediments analysed showed levels of 92 to 880 ppb. The higher values typical for the rivers Piraputanga (880 ppb) and Piranema (840 ppb). These two rivers showed 3.32% and 2.85% of organic material respectively. In the sediments, the mercury is concentrated in the sieve fraction smaller than 250\'mü\', whereby on finds up to 10 times higher concentrations at sizes of 3\'mü\' composed with the amount in the fraction from 250 to 1000\'mü\'. These studies showed a low mobility of Hg in its elementary form produced and distributed by the process of amalgamation. On the other hand, and especially during the rainy season, the suspended matter in rivers provides an efficient way of transport of Hg in ionic form absorbed in the uppermost levels of soils.
25

Avaliação ambiental preliminar de antigas áreas de disposição de resíduos sólidos urbanos do município de São Paulo / Not available.

Francisco Adrião Neves da Silva 15 March 2001 (has links)
O trabalho apresenta a avaliação ambiental preliminar de antigas áreas de disposição de resíduos sólidos no Município de São Paulo, que correspondem aos primeiros aterros chamados de \"sanitários\" executados na década de 70. Avalia-se os impactos ambientais existentes e presumidos, com ênfase à saúde pública, utilizando-se os seguintes métodos: análise de fotografias aéreas, inspeções aos locais e coleta de informações disponíveis. Verifica-se como estas áreas estão sendo consideradas no arcabouço institucional atual, em relação aos mecanismos de controle ambiental e de planejamento de uso do solo. Os oito aterros avaliados apresentam impactos ambientais não apenas referentes à contaminação como também de estabilidade geotécnica. Há evidências de geração significativa de gases e o risco de explosões não pode ser descartado. A principal via de exposição é o contato direto com os resíduos e com o percolado, onde os maiores riscos encontram-se nos aterros Raposo Tavares e Jd. Damasceno. Outra via importante é a inalação de substâncias nas áreas ocupadas por residências nos aterros da Pedreira Itapui e do Jd. Damasceno, nas áreas com uso comercial do Carandiru e Lauzanne Paulista e nos parques de Raposo Tavares e Engenheiro Goulart. A exposição pela contaminação das águas subterrâneas não é muito importante num primeiro momento, visto que os aterros estão em áreas de descargas locais e em regiões com abastecimento público de água. Os problemas geotécnicos são mais graves nos aterros de encosta, onde existe situação de risco, e os recalques diferenciais causam prejuízos econômicos. Exceto no aterro de Engenheiro Goulart não se encontrou nenhum trabalho recente sobre estas áreas, o que mostra a necessidade de um programa de gerenciamento de áreas contaminadas, não só para determinar a prioridade de recuperação, mas também para realizar um controle do uso do solo, através da implantação de um cadastro a ser considerado no planejamento urbano, aprovação de projetos e transferência de propriedades, além de tornar pública a localização das áreas. Este aspecto é importante para as áreas ainda livres da Pedreira Cit e Vila São Francisco. / The work presents the preliminary assessment of old solid waste disposal areas on the São Paulo city that represents the first landfills called \"sanitary\" performed in the decade of 70. The existing and presumptive environmental impacts are evaluated, with emphasis to public health, using the following methods: aerial photographs analysis, site inspections and available information collecting. How these sites are being considerate in the actual institutional framework is verified, as its relationship to environmental control mechanisms and land use planning. The eight evaluated landfills presents environmental impacts, not only about contamination, but of geotechnical stability too. There are evidences of gas significant generation and the risk of explosions cannot be discarded. The main exposure pathway is the direct contact with waste and leachate, where the majors risks are present on the Raposo Tavares and Jd. Damasceno landfills. Another important pathway is the inhalation of chemicals in the sites with residential use on the Pedreira Itapuí and Jd. Damasceno landfills, in the sites with services uses on the Carandiru and Lauzanne Paulista landfills and in the parks of Raposo Tavares and Engenheiro Goulart. The exposure for groundwater contamination is not very important at the first moment, due the sites are in local discharge areas and in regions with water public supply. The geotechnical problems are more serious at landfills in slope, where risk situations exist, and differential settlements causes economic injuries. Except to Engenheiro Goulart landfill, no recent publication about these sites were found, showing the necessity of a management program at contaminated sites, not only to determine the priority of reclamation, but also to realize the land use control within implementation of the inventory to be considerate at the urban planning, projects approval and transactions of properties, moreover make public the site localizations. This aspect is important to the sites not yet occupied of the Pedreira Cit and Vila São Francisco.
26

Distribuição de metais pesados (Cr, Cu, Ni e Zn) em sedimentos de fundo do Rio Embu-Mirim - SP / Not available.

Claudia Lucia de Moura 22 August 2002 (has links)
O rio Embu-Mirim representa um dos principais tributários que formam a bacia hidrográfica do Reservatório de Guarapiranga, que abastece grande parte da população da Região Metropolitana da Grande São Paulo. Esta área serviu para o desenvolvimento dessa dissertação de mestrado que estudou os metais pesados Cromo (CR), Cobre (CU), Níquel (NI) e Zinco (ZN), nos sedimentos de fundo deste rio. Tal estudo considerou a concentração total dos metais pesados ao longo da drenagem para cada subamostra de topo e base do core de sedimentos e a influência que as propriedades físico-químicas, a granulometria dos sedimentos e os teores de matéria orgânica, exercem no comportamento químico e na distribuição desses metais. Os 10 pontos de amostragem foram locados de montante para jusante desta drenagem, até seu deságüe no Reservatório de Guarapiranga. Cada amostra, coletada em períodos de maior e menor pluviosidade, foi subdividida em amostra de topo (os três primeiros centímetros do core de sedimentos) e amostra de base (os três últimos centímetros do core de sedimentos). Para cada subamostra, determinaram-se os valores pH e Eh, no próprio campo, teores de matéria orgânica, teores totais dos metais pesados e a granulometria dos sedimentos. Os resultados obtidos sugerem que a granulometria dos sedimentos possam estar influenciando o comportamento químico dos metais CR e NI, para os períodos úmido e seco de coleta, e o metal CU apenas no período seco. Em ambos os períodos de coleta, os teores de matéria orgânica apresentaram grande tendência a influenciar o comportamento químico do metal CR, bem como para os metais CU e NI, no período úmido. Quanto aos parâmetros físico-químicos, os valores de pH obtidos para os sedimentos de fundo coletados revelaram estar influenciando na distribuição dos metais pesados CR, CU e ZN. O metal ZN mostrou também forte tendência de alterar seu comportamento químico em função dos valores obtidos para o Eh dos sedimentos. Verificou-se que o ZN exibe uma relação numérica inversa para os valores obtidos de pH e Eh. Os metais pesados apresentaram-se na ordem decrescente de contaminação, NI > CR > CU > ZN, segundo os limites atribuídos para qualidade de sedimentos ISQG (Ínterim Sediment Quality Guideline) e PEL (Probable Effect Level), utilizados pela falta de um padrão próprio para os sedimentos coletados para realização desta dissertação. Estes dados indicam que a área em estudo deva merecer cuidados especiais quanto da atenção dos teores de metais pesados analisados, para que a qualidade dos sedimentos de fundo deste rio não seja totalmente comprometida, desencadeando uma série de danos a outros recursos hídricos que possam ser comprometidos pela qualidade dos sedimentos de fundo do rio Embu-Mirim / The Embu-Mirim River is one of the main tributary streams which constitutes the basin hydrographic of the Guarapiranga Reservoir which is the water supply of most population in the Metropolitan Region of São Paulo State. This place was used for the development of my research based on heavy metals, such as Cr (Chromium), Cu (Copper), Ni (Nickel) and Zn (Zinc), found on the bottom sediments of this very river. Such study considered the total amount of the heavy metals along this basin for each subsample (the top and the basin of core sediments) and the influence of the physicochemical properties, the organic matter content and the granulometric content have on the chemical behavior and in the distribution of those metals. The ten sampling points were collected from the upstream to the downstream of the basin until its discharge into the Guarapiranga Reservoir. Each sample, collected during the rainy and dry period, were subdivided in top sample (the first three centimeters of the core sediments) and base sample (The last three centimeters of the core sediments). For each subsample, were defined the values of pH and Eh, and in the same field, the organic matter content, the heavy metals total content and the granulometric sediments. The results obtained so far suggest the granulometric of the sediments influence the chemical behavior of the metals Cr and Ni, over the dry and rainy season, and Cu only in the dry season. During both collection periods the organic matter contents showed a strong tendency of influencing the chemical behavior of Cr as well as Cu and Ni over the rainy season. For the physicochemical parameters, the pH results, obtained from the collection of the bottom sediments, showed an influence on the distribution of the heavy metals such as Cr, Cu and Zn also showed a strong tendency to change its chemical behavior due to the values obtained from the Eh of the sediments. In addition Zn has numerical inversion between the pH value and Eh value. According to the contamination level we have, in decreasing order Ni > Cr > Cu > Zn, what were based regarding the quality limits attributed by ISQS (Interim Sediment Quality Guideline) and PEL (Probable Effect Level) sediments, since there was no other pattern available to evaluated the sediments collected, for the conclusion of this essay. This data suggests that the studying area deserve a special care for the heavy metal contents analysis, so the quality of the bottom sediment won\'t present considerable decline, trigging a series of problems to the others hydric resources which can be jeopardized by the low quality of the bottom sediments of the Embu-Mirim River.
27

Tecnologias alternativas de remoção de produtos farmacêuticos em matrizes aquosas

Coelho, Sílvia Maria Castro January 2008 (has links)
a / Tese de mestrado integrado. Engenharia Química. Faculdade de Engenharia. Universidade do Porto. 2008
28

Um modelo matemático para o controle de poluição das águas

Cardoso, Francisco das Chagas de Oliveira January 1980 (has links)
Neste trabalho, apresenta-se um modelo matemático para problemas de dispersão em regime estacionário, cuja finalidade é estudar o controle de qualidade da água, isto é determinar as concentrações de um poluente derivado de efluentes sujeitos ou não a restrições, de tal forma - que estas concentrações sejam ou não limitadas por um valor previamente estabelecido, e que o custo de dos efluentes seja mínimo. Para resolver o problema, utiliza-se a tratamento técnica dos elementos finitos para discretizar o modelo no espaço, podendo-se usar elementos quadráticos unidimensionais, ele mentes triangulares lineares e quadráticos, e elementos quadriláteros isoparamétricos lineares e quadráticos. A otimização do problema (minimização do custo de tratamento dos efluentes) e resolvida através da programação linear. No final, são apresentados exemplos de aplicação do modelo e comentários sobre os resultados.
29

Um modelo matemático para o controle de poluição das águas

Cardoso, Francisco das Chagas de Oliveira January 1980 (has links)
Neste trabalho, apresenta-se um modelo matemático para problemas de dispersão em regime estacionário, cuja finalidade é estudar o controle de qualidade da água, isto é determinar as concentrações de um poluente derivado de efluentes sujeitos ou não a restrições, de tal forma - que estas concentrações sejam ou não limitadas por um valor previamente estabelecido, e que o custo de dos efluentes seja mínimo. Para resolver o problema, utiliza-se a tratamento técnica dos elementos finitos para discretizar o modelo no espaço, podendo-se usar elementos quadráticos unidimensionais, ele mentes triangulares lineares e quadráticos, e elementos quadriláteros isoparamétricos lineares e quadráticos. A otimização do problema (minimização do custo de tratamento dos efluentes) e resolvida através da programação linear. No final, são apresentados exemplos de aplicação do modelo e comentários sobre os resultados.
30

Um modelo matemático para o controle de poluição das águas

Cardoso, Francisco das Chagas de Oliveira January 1980 (has links)
Neste trabalho, apresenta-se um modelo matemático para problemas de dispersão em regime estacionário, cuja finalidade é estudar o controle de qualidade da água, isto é determinar as concentrações de um poluente derivado de efluentes sujeitos ou não a restrições, de tal forma - que estas concentrações sejam ou não limitadas por um valor previamente estabelecido, e que o custo de dos efluentes seja mínimo. Para resolver o problema, utiliza-se a tratamento técnica dos elementos finitos para discretizar o modelo no espaço, podendo-se usar elementos quadráticos unidimensionais, ele mentes triangulares lineares e quadráticos, e elementos quadriláteros isoparamétricos lineares e quadráticos. A otimização do problema (minimização do custo de tratamento dos efluentes) e resolvida através da programação linear. No final, são apresentados exemplos de aplicação do modelo e comentários sobre os resultados.

Page generated in 0.1397 seconds