• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 23
  • 1
  • Tagged with
  • 24
  • 24
  • 24
  • 24
  • 17
  • 14
  • 11
  • 10
  • 7
  • 6
  • 6
  • 6
  • 5
  • 5
  • 5
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Desterritorializações saramaguianas : uma leitura de A Jangada de Pedra (José Saramango)

Godk, Bruna Dancini 2016 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Antonio Augusto Nery Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 29/07/2016 Inclui referências : f. 97-99 Área de concentração: Estudos literários Resumo: O presente trabalho busca analisar distintos aspectos da desterritorialização, conceito desenvolvido pelos filósofos Deleuze e Guattari, no discurso saramaguiano em A jangada de pedra (1986). Para tanto, buscamos inicialmente traçar um panorama de Portugal no século XX, atentando para a trajetória do romancista José Saramago tanto política quanto literariamente. Em seguida, averiguaremos as principais teses existentes sobre a obra saramaguiana. Posteriormente, refletiremos sobre os conceitos de pós-modernidade, contemporaneidade e, dentro desses, o conceito de desterritorialização, tendo em vista uma compreensão do desenvolvimento da literatura a partir da segunda metade do século XX e possibilitando, assim, a averiguação a que nos propomos. Por fim, passaremos à análise da narrativa A jangada de pedra, atentando para as discussões teóricas já assinaladas. Pretendemos comprovar que o conceito de desterritorialização perpassa a referida obra constituindo seu ponto nevrálgico, refletindo questões da contemporaneidade na escrita de José Saramago. PALAVRAS-CHAVE: Literatura Portuguesa; José Saramago; Pós-modernidade. Abstract: The present study aims to analyze distinct aspects of the concept of deterritorialization, term developed by the philosophers Deleuze and Guattari, on the discourse of José Saramago in his novel A jangada de pedra (2006). In order to do so, we look for, initially, trace a general perspective of Portugal in the twentieth century, paying attention to the trajectory of José Saramago, both politically and on literature. Later, we will explore the main thesis about the work of Saramago. Afterwards, we will reflect about the concepts of post-modernity, contemporaneity and, within those, the concept of deterritorialization, aiming to understand the development of the literature since the secong middle of the twentieth century, allowing the analyze that we propose. Lastly, we will analyze the novel A jangada de pedra, paying attention to the theoretical debates we have mentioned. We aim to prove that the concept of deterritorialization permeates the chosen novel, constituting the sore point that reflects concepts of post-modernism on the writing of José Saramago. KEY-WORDS : Portuguese literature; José Saramago; Post-modernism.
2

A concepção de humanidade em o envagelho segundo Jesus Cristo, de José Saramago

Lourenço, Diana Almeida 2015 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Antonio Augusto Nery Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 28/03/2016 Inclui referências : f. 86-88 Resumo: Em O Evangelho Segundo Jesus Cristo, José Saramago se propõe a recontar a história mais conhecida da sociedade ocidental: a vida de Cristo. É criada uma paródia dos Evangelhos canônicos e constrói-se uma crítica não só à Igreja, mas à toda tradição cristã. Apesar de a paródia religiosa ser um dos pontos crucias da narrativa, nossa pesquisa volta-se para o que muitos críticos acreditam ser a grande mensagem da obra-prima de José Saramago: a valorização da humanidade. A crítica literária que se dedicou ao autor acredita que a narrativa saramaguiana tende a ser subversora, questionando conceitos e manifestando pontos de vista explicitamente ateus, além de uma valorização exacerbada do ser humano. Uma literatura In nomine hominis. O objetivo da pesquisa é problematizar a ideia de um "humanismo radical" em O Evangelho Segundo Jesus Cristo e levantar a hipótese de uma concepção de humanidade criada a partir do olhar irônico do narrador: uma humanidade ao gosto do eu saramaguiano, construída através da organização da linguagem. Palavras-chave: Saramago, humanidade, Evangelho. Abstract: In The Gospel According to Jesus Christ, José Saramago aims to recount the best known history of Western society: the life of Christ. It created a parody of the canonical Gospels and a critique is built not only the Church, but the whole Christian tradition. Although the religious parody being one of crucials points of the narrative, our research turns to what many critics believe is the great message masterpiece of José Saramago: the valuation of mankind. Literary criticism that was dedicated to the book believes that Saramago narrative tends to be subversive, challenging concepts and stating explicitly atheistic views, as well as a heightened appreciation of the human being. A literature In nomine hominis. The objective of the research is to discuss the idea of a "radical humanism" in the Gospel, and raise the hypothesis of a conception of mankind, built through the organization of language. Key-words: Saramago, mankind, gospel.
3

O viés ensaístico na ficção de José Saramago

Beijo, Marilda [UNESP] 3 July 2012 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:48Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-07-03Bitstream added on 2014-06-13T20:27:46Z : No. of bitstreams: 1 beijo_m_dr_assis_parcial.pdf: 50709 bytes, checksum: 16e0c0e29d83b223e8a3aa1ffb34b26f (MD5) Bitstreams deleted on 2015-06-03T11:42:35Z: beijo_m_dr_assis_parcial.pdf,. Added 1 bitstream(s) on 2015-06-03T11:44:03Z : No. of bitstreams: 1 000694614_20150703.pdf: 50550 bytes, checksum: eef4ffd53b9cc93ffb9c1082588a561b (MD5) Bitstreams deleted on 2015-07-06T11:21:03Z: 000694614_20150703.pdf,. Added 1 bitstream(s) on 2015-07-06T11:21:36Z : No. of bitstreams: 1 000694614.pdf: 474737 bytes, checksum: e412f95c9cdd1c2da91862d50f600a9c (MD5) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) O presente trabalho propõe um estudo acerca da configuração ensaística no gênero romance, ou seja, o romance visto como um espaço que possibilita o desenvolvimento do gênero ensaio, seguindo o viés da narrativa e da ficção. Para a realização da pesquisa, foram utilizados como corpus principal do trabalho as seguintes obras: Manual de Pintura e Caligrafia, (1977) e o Ano da morte de Ricardo Reis (1984), ambas do escritor português contemporâneo José Saramago. A reflexão sobre a discussão ensaística ficcionalizada no romance desenvolve-se da seguinte forma: primeiramente, busca-se apurar a existência embrionária da discussão ensaística na trajetória romanesca de José Saramago, ressaltando as influências de Montaigne em sua obra. Posteriormente, um segundo momento é destinado ao conhecimento e sistematização da teoria sobre o gênero ensaio, abordando-se os principais teóricos sobre o assunto, buscando referência sobre o ensaio desde Michel de Montaigne. Por fim, para dar prosseguimento à pesquisa, foi necessário abordar os dois romances que fazem parte do corpus do trabalho, procurando demonstrar como se dá o ensaio crítico ficcionalizado em cada um deles, enfatizando como se dá a discussão sobre o fazer literário e o fazer artístico por meio da metalinguagem, intertextualidade, chegando a um ensaio crítico construído por meio da narrativa de ficção This work aims at studying the novel genre, analyzing it from the perspective of essay genre, in other words, novel seen as a space that enables the development of essay genre, following narrative and fiction view. In order to do this research, it was used as the work main corpus the following works: Manual of Painting and Calligraphy (1977) and The year of Ricardo Reis‟death (1984), both written by the contemporary Portuguese writer José Saramago. The reflection about the discussion essay fictionalized in the novel develops itself in the following way: at first, it is tried to investigate the embryonic existence of the essay discussion in José Saramago‟s novelistic trajectory, highlighting Montaigne‟s influences in his work. At a later time, a second moment is dedicated to knowledge and systematization of theory about essay genre, approaching the main researchers about the subject, searching for references about the essay since Michael de Montaigne. At last, to continue the research, it was necessary to approach these two novels that make part of the work corpus, trying to demonstrate how the critical essay fictionalized in each one of them occurs, emphasizing how occurs the discussion about the literary making and the artistic making by the means of metalanguage, intertextuality, getting to a critical essay written by the means of narrative fiction
4

Entre o claro e o escuro: uma poética da angústia em Saramago

Biziak, Jacob dos Santos [UNESP] 29 April 2015 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-08-20T17:10:13Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-04-29. Added 1 bitstream(s) on 2015-08-20T17:25:45Z : No. of bitstreams: 1 000841175.pdf: 601130 bytes, checksum: 6a7df28db9e8a44cf15f1c78683090f5 (MD5) Pensando na especificidade da representação artística do ficcão romanesca contemporânea, entendemos que há uma nova postura diante do que seria a realidade e das suas possibilidades de ganhar contorno pela linguagem. Sendo assim, esta pesquisa busca articular a mimesis empreeendida pelo romance contemporåneo e o comportamento do narrador. Logo, ocorre um questionamento - muitas vezes, metalinguístico - do real criado pela diegese. O narrador promove mais um bordeamento do que um preenchimento de sentido; o que nos levou à ideia de que a narração do romance contemporâneo se estrutura como angústia. Então, acreditamos que o narrador é o elemento narrativo central para termos acesso à construção da realidade apresentada pela ficção romanesca contemporânea. Diante disso, elegemos a angústia como afeto majoritariamente presente dentro deste romance, não só enquanto tema, mas também como constituinte da estrutura diegética. Dada esta situação, escolhemos dois romances de Saramago - pertencentes a fases distintas da obra do escritor, História do cerco de Lisboa e Ensaio sobre a cegueira - como exercício de análise dentro da proposta descrita anteriormente. Por fim, esta pesquisa busca não somente contribuir com estudos a respeito do romance contemporâneo, mas também sobre o funcionamento do narrador diante da tarefa de representar uma realidade. A respeito da metodologia, sobre a mimesis, a obra de Luiz Costa Lima é fundamental ao trabalho; principalmente pelo percurso diacrônico que propõe, ao mesmo tempo em que revê suas próprias postulações sobre o assunto. A obra de Genette é a base que permitiu fazer os estudos sobre narrador evoluírem em nosso trabalho. Sobre a angústia, são centrais as obras de três pensadores: Kierkegaard, Freud e Lacan (além de obras de intepretação da arte a partir destes mesmo autores) By thinking about the artistic representation specificity of the contemporary novelistic fiction, we understand that there is a new attitude towards what reality and its possibilities of gaining an outline through language would be. Thus, this research aims at articulating the mimesis that is undertaken by contemporary novel and the narrator's behavior. Therefore, a questioning occurs - which is, many times, a linguistic one - about the reality created by diegesis. The narrator promotes a bordering more than filling the meaning, which led us to the idea that the narration of the contemporary novel is structured as anguish. So, we believe that the narrator is the central narrative element for us to access the construction of the reality presented by the contemporary novelistic fiction. In view of that, we have chosen anguish as an affection mostly present inside this novel, not only as a theme, but also as component of the diegetic structure. Given this situation, we have chosen two novels by Saramago that belong to different phases of the writer's work, História do Cerco de Lisboa and Ensaio sobre a cegueira - as an exercise of analysis within the previously described proposal. Finally, this research seeks not only to contribute with studies about the contemporary novel, but also about the functioning of the narrator in face of the task of representing a reality. To what concerns methodology, the work of Luiz Costa Lima is essential to our study about mimesis, mainly because of the diachronic trajectory he proposes at the same time he reviews his own postulations about the issue. The work of Genette is the basis that allowed us to evolve in our studies regarding the narrator. In relation to anguish, the work of three thinkers is central to us: Kierkegaard, Freud and Lacan (besides works about art interpretation by the same authors)
5

Análise de Blindness como uma adaptação cinematográfica de Ensaio sobre a cegueira de José Saramago

Silva, Thais Maria Gonçalves da [UNESP] 20 December 2010 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:52Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2010-12-20Bitstream added on 2014-06-13T20:55:33Z : No. of bitstreams: 1 silva_tmg_me_assis.pdf: 282446 bytes, checksum: 2014b1e0809cf20c78c9b68a59525ca4 (MD5) Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) O trabalho propõe-se a analisar o filme dirigido por Fernando Meirelles (1955), com o roteiro de Don McKellar, Blindness, lançado em 2008, como uma adaptação do livro de José Saramago (1922-2010), Ensaio sobre a cegueira, publicado em 1995. Para tanto, primeiramente contextualizaremos o livro e o filme na produção artística de seus respectivos criadores, de modo a deixar claras as diferenças entre eles, pois o adaptador de uma obra não compartilha com seu autor o mesmo ponto de vista, preocupação estética ou momento histórico. Em um segundo momento, conheceremos diversas opiniões críticas sobre a relação entre a literatura e o cinema, colocadas cronologicamente, para mostrar a relação intrínseca que uma arte mantém com a outra. Ao final, poderemos ver claramente como estudo sobre Literatura e Cinema encara uma adaptação cinematográfica. Um filme baseado em uma obra literária não é visto nem analisado como uma mera transposição do livro em outra mídia, muitos críticos vêem no filme uma obra original que teve apenas como fonte a obra literária. Por fim, para realizar essa análise da obra a cinematográfica precisamos descobrir; quais modificações foram feitas em relação ao texto-fonte e quais são as razões e conseqüências dessas modificações The present work proposes to analyse the movie Blindness, directed by Fernando Meirelles (1955), with screenplay by Don McKellar, released in 2008 as a adaptation of the José Saramago´s (1922-2010) book, Blindess, published in 1995,. Firstly, in order to do so, we will contextualize the book and the movie among the artistic production of their respective creators, in order to make the differences between them clear, for the adapter of a work does not share the same point of view, aesthetic concerns or historical moment as its author. Secondly, we will present several critical opinions about the relation between literature and cinema, arranged in chronological order, in order to show the intrinsic relation the arts have with each other. At the end, we will be able to clearly see how the study on literature and cinema faces the film adaptation. A movie based upon a literary work neither is seen as a mere transposition of the book into another media, nor is analysed as such, many critics see in the movie an original work which had the literary work only as a source. At last, in order to carry out the analysis of the motion picture we need to find out what changes were made in relation to the prior text and what are the reasons and consequences of these changes
6

El viaje de Reis: de Pessoa a Saramago

Iturrieta Leal, Claudia 2010 (has links)
No description available.
7

Hoje é dia de cegueira

Matta, Eduarda Regina Drabczynski da 24 August 2012 (has links)
Resumo: Diante dos romances Memorial do Convento (1988) e Ensaio sobre a Cegueira (1995), a presença da alegoria, das questões históricas, da parábola, bem como das estratégias de construção do romance, do papel do narrador e a função dos personagens, além dos temas discutidos em paralelo, como a religião, política e o ser humano na sua essência, sustentam os discursos, opiniões e questionamentos do seu autor, José Saramago (1922-2010). Um ponto em comum dentre todos estes aspectos é a presença de uma cegueira que contorna essas discussões. Atuando de forma metafórica, pode ser uma saída para discorrer sobre tais assuntos de maneira “mais clara”, visto que, tanto em Memorial como em Ensaio, uma das suas representações se dá como uma visão a mais, e não como falta da mesma. Utilizando a História como pano de fundo em Memorial e a parábola apocalíptica em Ensaio, Saramago atribui diferentes significados às manifestações da cegueira, fazendo elas referência ao romance em que estão inseridas, ou funcionando como um discurso dito pelo próprio autor, em paralelo à narrativa. E qual é, ou quais são o(s) significado(s) destas manifestações, é a principal questão a ser respondida nesta pesquisa. Há, portanto, neste trabalho, o objetivo de expor tais concepções de cegueira, analisá-las e relacioná-las entre si, partindo dos estudos sobre romance histórico e de parábola, ademais da análise das estratégias de construção dos romances, como o estudo do narrador, personagens, enredo e, também, uma discussão considerando o fato de a temática da cegueira ser uma das identidades do narrador de José Saramago.
8

Paródia, carnavalização e erotismo : o feminino (re)valorizado em o evangelho segundo Jesus Cristo e Caim, de José Saramago

Dias, Bruno Vinicius Kutelak 2017 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Antonio Augusto Nery Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Letras. Defesa: Curitiba, 03/03/2017 Inclui referências : f. 123-125 Resumo: Uma das maiores influências da sociedade ocidental é o Cristianismo. Dogmas e costumes permeiam a cultura e guiam tanto os fiéis quanto os demais. Contrário a esse domínio cristão, José Saramago apresenta em suas obras, principalmente nas paródias dos textos sagrados, questionamentos a respeito destes padrões e das leis impostas, especialmente considerando a Igreja Católica. Dentre essas indagações estão temas que vêm sendo amplamente discutidos, como a posição da mulher na sociedade e o erotismo. Ambas as temáticas servirão de base para nosso trabalho. A presente dissertação apresenta um estudo a respeito da paródia, da carnavalização e do erotismo O foco é dirigido para as personagens femininas, nas obras O Evangelho Segundo Jesus Cristo (1991) e Caim (2009), de José Saramago. Nessas narrativas, a paródia, tanto a medieval teorizada por Bakhtin (1996) quanto a moderna teorizada por Hutcheon (1985), aparece como elemento de (re)construção das personagens nas novas versões das histórias bíblicas. Embasados nas teorias de Bataille (1987), Richards (1993) e Whitmont (1991), desenvolveremos a análise a respeito do modo como o erotismo é vinculado ao texto no sentido de ressaltar o feminino. O erotismo representa um elemento de libertação e empoderamento de Eva, Lilith, Maria e Maria de Magdala, personagens que na ficção renovam as figuras tradicionalmente propagadas pela Religião, mas também questionam dogmas e leis religiosas. Palavras-chave: Saramago, Paródia, Erotismo, Feminino Abstract: One of the major influences of Western society is Christianity. Dogmas and customs permeate culture and guide both the faithful and others. Contrary to this Christian domain, José Saramago presents in his works, especially in the parodies of the sacred texts, questions about these standards and imposed laws, especially considering the Catholic Church. Among these questions are topics that have been widely discussed as the position of women in society and eroticism, both will be the basis for our work. This paper presents a study about the parody, the carnivalization and eroticism, focusing on female characters in the works The Gospel According to Jesus Christ (1991) and Cain (2009), by José Saramago. In these narratives, parody, both medieval theorized by Bakhtin (1996) and modern theorized by Hutcheon (1985) appears as part of a (re)construction of the characters in the new versions of biblical stories. Based upon the theories of Bataille (1987), Richards (1993) and Whitmont (1991), we will develop the analysis about how eroticism is bound to the text in order to highlight the feminine. Eroticism is an element of liberation and empowerment of Eve, Lilith, Mary and Mary of Magdala, characters that, in these novels, renew figures traditionally propagated by religion, but also question dogmas and religious laws. Keywords: Saramago, Parody, Eroticism, Feminine
9

Ensaio sobre a cegueira, de José Saramago, e a experiência pós-moderna da verdade

Passos, Rodolfo Pereira [UNESP] 25 January 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:25:22Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-01-25Bitstream added on 2014-06-13T18:26:21Z : No. of bitstreams: 1 passos_rp_me_arafcl.pdf: 859479 bytes, checksum: 94ab286536014492513d474636ecf0b3 (MD5) O presente trabalho tem como objetivo pesquisar as relações intertextuais existentes entre o romance Ensaio Sobre a Cegueira, de José Saramago, e as reflexões propostas pelo pensamento de Martin Heidegger (1889-1976). Tendo como ponto central a obra Ser e Tempo (1927), e a partir de questões como o ser e a verdade, tentaremos estabelecer parâmetros possíveis de leitura da representação da “cegueira”, apresentada e criada por Saramago, capaz de afetar o homem contemporâneo. Delimitando como palco de atuação o mundo denominado pela crítica como “pós-moderno”, é nosso intuito apresentar e questionar algumas teorizações sobre o pós-modernismo e refletir sobre sua correspondência com a sociedade atual e suas consequentes correlações com a ficção de Saramago. Servirão, também, como acicate ao pensamento interpretativo, conceitos filosóficos heideggerianos, tais como pre-sença, ser-no-mundo, impessoal, angústia, e ser-para-a-morte. A verdade será (des)construída, principalmente no sentido de evidenciar que o sujeito racional perdeu sua força dentro da trama complexa do mundo pós-moderno. Pensaremos, também, neste sujeito cego e sua caminhada por uma cidade labiríntica. A realidade tornou-se plural e o homem não pode enxergar mais sua segurança epistemológica. Procuraremos perceber como o romancista português utilizase destes dados, através de uma dominante ontológica, para problematizar o ser humano e seu vínculo com um mundo marcado por um estado de “cegueira”, e assim, através da ficção, compor seus questionamentos pautados na ética e na existência The objective of the present work is to research the existent relation between José Saramago‟s novel Ensaio sobre a Cegueira, and the reflections offered by Martin Heidegger (1889-1976). Based in the philosophic work Ser e Tempo (1927), by Heidegger, as our main point, and in accordance with questions as being and truth, we have tried to establish possible parameters to interpret the “blindness” proposed by José Saramago, capable of affecting the contemporary man. We have the post-modern world as the center stage with the intention to expose and to ask about the postmodernism and to reflect about the relation between contemporary society and the consequent relation with Saramago´s fiction. Heideggerian concepts will be used as incentive to comprehend Saramago´s ideas as dasein, being-in-the-world, who, angst, and being-towards-death. The truth will be deconstructed to show that the rational subject lost his strength inside the complex postmodern world. We´ll also think about this blind subject and his walk through a maze city. The reality became plural and the human being could no longer see his epistemological safety. We´ll try to understand how the Portuguese writer has utilized these data through an ontological dominant to analyze the human being and his connection with a world marked by a state of blindness, and then, through the fiction, to establish his questionings based on ethic and existence
10

A poesia de José Saramago: análise de Os poemas Possíveis, Provavelmente Alegria e O ano de 1993 José Saramago’s poetry: analysis of Os Poemas Possíveis, Provavelmente Alegria and O Ano de 1993

Sgarbi, Elielson Antonio [UNESP] 12 July 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:49Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-07-12Bitstream added on 2014-06-13T19:06:54Z : No. of bitstreams: 1 sgarbi_ea_me_assis.pdf: 450707 bytes, checksum: 62ad6590ab270f7e871637fead75c5bd (MD5) A dissertação analisará construções imagéticas e estilísticas do escritor português José Saramago nas obras Os Poemas Possíveis (1966), Provavelmente Alegria (1970) e O Ano de 1993(1975), procurando estabelecer as diferenças e semelhanças entre as três obras mencionadas, tendo como foco o percurso figurativo e temático dos poemas, por meio da atenção ao rigor da construção, à tipologia dos versos e seus padrões rítmicos, aos campos semânticos e efeitos estilísticos. A dissertação também procurou estabelecer as relações entre lirismo e descrição; contenção irônica e fixação pelo problema limiar da arte e da poesia apresentadas pelo eu-lírico; uso de recursos retórico-poéticos; relação com arquétipos e mitos da memória coletiva; recortes epigramáticos; atributos simbólicos de conceitos chave (por exemplo: mar, terra, pedra, silêncio, palavra); construção da paisagem e seus componentes recorrentes (luz, sombra, água, terra, árvores, corpo), com vistas a compor o rol de motivos característicos à obra em análise. A análise, portanto, procurou realizar uma leitura que apreendeu as figuras de linguagem, a criação de imagens oníricas e a presença de conteúdos temáticos que atualizam assuntos de um repertório universal, com vistas a compor uma síntese das formas, imagens e temas recorrentes responsáveis pela configuração da linha poética do autor nas três obras consideradas, apontando nelas linhas convergentes e variantes. The dissertation analyzed the imagery and stylistic construction of José Saramago in Os Poemas Possíveis, Provavelmente Alegria and O Ano de 1993, aiming to establish differences and similarities between the three poetic works of José Saramago apart from focusing on the figurative and thematic itinerary of the poems through the attention given to rigor of construction, typology of the verses and its rhythmical patterns, semantic field and stylistic effects. The present dissertation sought to draw a parallel between lirism and description, ironic contention, fixation by the problem of threshold of art and poetry suggested by self-lyric; use of rhetorical-poetic resources; relationships with archetypes and myths of collective memory, epigrams; symbolic attributes to key concepts (sea, earth, rock, silence, word) the construction of landscape and its components (light, shadow, water, earth, trees, body), with the objective of showing the range of motives typical of the works mentioned. Therefore, the dissertation also analyzed the language, the creation of oniric images and the presence of thematic contents which may refer to subjects of a universal repertoire, aiming to compose a synthesis of forms, images and recurrent themes responsible for the poetic trait of Saramago in his three poetic works, pointing out convergent and variant characteristics.

Page generated in 0.1148 seconds