• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 171
  • Tagged with
  • 172
  • 60
  • 59
  • 47
  • 36
  • 34
  • 30
  • 28
  • 25
  • 25
  • 22
  • 22
  • 21
  • 20
  • 19
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Representações do exílio e da melancolia : uma leitura das crônicas de Berna, de Clarice Lispector

Souza, Tayza Codina de. 2015 (has links)
Orientador: Gilberto Figueiredo Martins Banca: Penha Lucilda de Souza Silvestre Banca: Sandra Aparecida Ferreira Resumo: Este trabalho realiza uma leitura interpretativa das crônicas de Berna, escritas por Clarice Lispector e publicadas no Jornal do Brasil, entre 1967 e 1973, com destaque para os temas do exílio e da melancolia. Objetiva-se demonstrar como a produção literária da escritora está vinculada a sua própria experiência de deslocamento e segregação, representadas nos textos pelo recurso da ficcionalização de "enunciadores" que transitam em um estado subjetivo de melancolia e vazio, não se identificando com o espaço estrangeiro e com o outro que ali habita. A sustentação teórica acerca do conceito de recriação da experiência concentra-se em Garramuño (2012), a literatura de exílio encontra-se, sobretudo, em Nancy (1996) e Rouanet (2008), ao passo que o apoio para a discussão sobre a estética da melancolia veio principalmente de Freud (2011), Hassoun (2002) e Lambotte (2000). Nas crônicas, a autora explora a percepção do espaço público urbano, oferecendo um olhar que capta o cotidiano e o representa em um misto de "crônica de viagem" com "reflexão lírica". A intenção é apresentar aspectos do projeto literário de Clarice Lispector, mobilizados na criação das crônicas de Berna, as quais podem ser lidas individualmente, mas também em conjunto, como se constituíssem um único texto. Desenvolve-se, então, um processo de busca de indícios para a recriação da tessitura literária da obra, por meio da análise das crônicas e da recorrência destas no romance A cidade sitiada, atentando, inclusive, para a preocupação recorrente da escritora em retornar ao texto já publicado para ressignificá-lo e reconstruí-lo, desenvolvendo assim uma escrita em Palimpsesto Abstract: This work undertakes an interpretative reading of The Chronicle of Bern written by Clarice Lispector and published in Jornal do Brasil between 1967 and 1973 highlighting the themes of exile and melancholy. It aims to demonstrate how the literary production of the writer is linked to her own experiences of displacement and segregation represented in the texts by the use of fictionalization of "enunciators" that transit in a subjective state of melancholy and emptiness and do not identify with the foreign space and the others who live there. The theoretical basis of the concept of recreating the experience focuses on Garramuño (2012), the exile literature can be found in Nancy (1996) and Rouanet (2008) whereas the support for the discussion of melancholy aesthetics came mainly from Freud (2011), Hassoun (2002) and Lambotte (2000).The writer explores the perception of urban public space in the chronicle offering a feeling that captures the everyday and represents it in a mixture of "trip chronicle" and "lyric reflection". The objctive is to present the aspects of Clarice Lispector's literary project mobilized in the creation of The Chronicle of Bern which can be individually read, but can also be read all together as if they were a single text. Then, it develops a process of searching for evidence for the recreation of the literary texture of the work through the chronicle analysis and the recurrence of these in the novel A Cidade Sitiada, paying attention to the concern of the writer to return to text that has been already published to give another meaning and rebuild it developing a written in Palimpsest Mestre
2

Mosaicos da memória : estudo da crônica humorística de Luís Fernando Veríssimo

Antonio, Andréia Simoni Luiz. 2006 (has links)
Orientador: Sylvia Helena Telarolli de Almeida Leite Banca: Flávio Wolf de Aguiar Banca: Sílvia Maria Azevedo Banca: Márcia Valéria Zamboni Gobbi Banca: Adalberto Luís Vicente Abstract: This study intends to present an analyses of Luís Fernando Veríssimo‘s chronicles. The chronicles are published on ‘80s and ‘90s and they can be find on the books: O popular, 1973; A grande mulher nua, 1975; Amor brasileiro, 1977; O rei do rock, 1978; Sexo na cabeça, 1980; O analista de Bagé, 1981; Outras do analista de Bagé, 1982; A velhinha de Taubaté, 1983; A mulher do Silva, 1984 e A mãe do Freud, 1985. The general mains of this study are: to study the origin and the development of the chronicle in Brazil and to understand, on Luís Fernando Veríssimo’s productions, the relations among his literature, the History and the newspaper. First of all, this work situates the representative moments of the chronicles’s story, its origin, the influence of the newspaper (since times of the "folhetim"). After this, the study searches for the corpus’s analyse, specifically, for the study of the relations between humour and chronicle and about the comic resources used in Luís Fernando Veríssimo’s chronicles. The methodology used in this analyses results in the models. These models show the main thematic and structural characteristic of the corpus, and they are divided into: "crônicas metalingüísticas", "crônicas meta-humorísticas", "crônicas politico-sociais", "crônicas de costumes" e "crônicas lingüísticas" or "crônicas de/sobre palavras". The relation between text and context was stablished in this work, in other words, each chronicle sends, at least, an aspect of the cultural and social context on 1970 and 1980. This contest is retaken and it used to improve the literary interpretation of the ficcional text, because, in the chronicle, the external element leaves of being only a social and political description to becoming an internal element of the literature... (Complete abstract, click electronic access below) Doutor
3

As musas clássicas ao rés-do-chão : as epopeias de Homero e Virgílio em "A Semana" de Machado de Assis (1892 a 1897)

Satin, Ionara. 2013 (has links)
Orientadora: Daniela Mantarro Callipo Banca: Silvia Maria Azevedo Banca: Lucia Granja Resumo: A crônica é um texto leve, fluente e sintético, apresenta-se por um modo de ser natural, é feita de uma linguagem que fala de perto, com a "sensibilidade de todo dia". Se comparada ao romance, à dramaturgia ou à poesia, a crônica não oferece cenários sublimes, carregados de adjetivos e períodos cadentes, fala do "miúdo" e mostra uma grandeza, a beleza de um singular jamais suspeitado. (CANDIDO, 1992). Por se abrigar em um veículo transitório como o jornal, ocupa-se do "espírito do tempo" devido as suas características formais, como também pelo conteúdo, pela relação que nela se instaura entre ficção e história. Machado de Assis é um notável representante desse gênero: em suas crônicas, tece o dia-a-dia da cidade, por meio de uma linguagem intertextual e marcada pela oralidade. Dialoga com outras culturas e literaturas, dentre elas a literatura clássica. Em sua colaboração para a coluna dominical "A Semana" do jornal Gazeta de Notícias este fio clássico é muito recorrente, sobretudo a presença Homero e Virgílio. Nesse sentido, este trabalho visa analisar exclusivamente os intertextos tecidos por Machado de Assis com esses dois autores e as referências explícitas as suas epopeias. Todo esse entrelaçar de fios homéricos e virgilianos e a sua atualização no contexto da época será pensado quanto à formação de um novo tecido-texto: a crônica machadiana. Sendo esse diálogo estabelecido em um texto cujo habitat é o jornal, deve se levar em consideração a relação desses intertextos com os acontecimentos do momento em questão e, obviamente, os leitores da época Riassunto: La cronaca è un testo leggero, fluido e sintetico, si presenta in un modo naturale di essere, è scritta in un linguaggio che parla da vicino, con la "sensibilità di tutti i giorni". Se comparata al romanzo, alla drammaturgia o alla poesia, la cronaca non offre paesaggi sublimi, carichi di aggettivi e di periodi cadenti, ma parla delle "cose piccole" e mostra una grandezza, la bellezza di qualcosa di una singolarità mai sospettata. (CANDIDO, 1992). Proprio perché si rifugia in un veicolo transitorio come il giornale, si occupa dello "spirito del tempo", a causa delle sue caratteristiche formali, così come del contenuto, del rapporto che si stabilisce tra finzione e storia. Machado de Assis è un notevole rappresentante di questo genere: nelle sue cronache, racconta il quotidiano della città, attraverso un linguaggio intertestuale e segnato dalla oralità. Dialoga con altre culture e letterature, tra le quali la letteratura classica. Nei suoi scritti per il domenicale "A Semana" del quotidiano Gazeta de Notícias questo stile classico è molto ricorrente, in particolare la presenza di Omero e Virgilio. In questo senso, questo lavoro si propone di analizzare gli intertesti tessuti da Machado de Assis, con questi due autori e i riferimenti espliciti ai loro poemi epici. Tutto questo 'intreccio di filati' omerici e virgiliani e il suo aggiornamento nel contesto dell'epoca sarà pensato in relazione alla formazione di un nuovo 'tessuto-testo': la cronaca 'machadiana'. Poiché si tratta di un dialogo stabilito in un testo il cui habitat è il giornale, si deve prendere in considerazione il rapporto di questi intertesti con gli eventi del momento in questione, e, naturalmente, con i lettori dell'epoca Mestre
4

Fabulosas crônicas : La Fontaine nas crônicas de Machado de Assis

Cunha, Fernanda Oliveira. 2015 (has links)
Orientadora: Daniela Mantarro Callipo Banca: Silvia Maria Azevedo Banca: Maria Lúcia Dias Mendes Resumo: Este trabalho tem como objetivo analisar a presença de La Fontaine em dezessete crônicas machadianas escritas entre 1861 e 1896 nos jornais cariocas Diário do Rio de Janeiro,O Futuro, Ilustração Brasileira e Gazeta de Notícias. Nestes textos jornalísticos, é possível verificar a marcante presença de La Fontaine, seja por meio de citações ou de alusões às suas fábulas. Entretanto, esta pesquisa não visa apenas localizar as fontes citadas pelo escritor brasileiro, mas buscar semelhanças e diferenças entre os dois autores, demonstrando de que maneira Machado de Assis utilizou os versos de La Fontaine, adaptando-os ao seu discurso e estabelecendo, desse modo, um diálogo intertextual com o mestre das fábulas. Pretende-se verificar de que modo Machado de Assis serviu-se das fábulas de La Fontaine para enriquecer seu discurso e qual o papel desempenhado pelo autor das Fábulas nas divertidas crônicas escritas pelo escritor brasileiro Abstract: Ce travail vise à analyser la présence de La Fontaine dans les chroniques de Machado de Assis, écrites entre 1861 et 1896, dans les journaux Diário do Rio de Janeiro , O Futuro, Ilustração Brasileira et Gazeta de Notícias. Dans ces textes journalistiques, il est possible de vérifier la forte présence de La Fontaine , à travers les citations ou les allusions à ses fables . Toutefois, cette recherche ne vise pas seulement à localiser les sources citées par l'écrivain brésilien , mais aussi chercher les similitudes et les différences entre les deux auteurs , en montrant comment Machado a utilisé les vers de La Fontaine, en les adaptant à son discours, en établissant, de cette façon, un dialogue intertextuel avec le maître des fables . L'intention est de vérifier la manière dont Machado de Assis s'est servi des fables de La Fontaine pour enrichir son discours et quel est le rôle joué par l'auteur des Fables dans les amusantes chroniques écrites par l'écrivain brésilien Mestre
5

O leitor machadiano das crônicas da Gazeta de Notícias

Nasser, Silvia Maria Gomes da Conceição. 2014 (has links)
Orientador: Arnaldo Cortina Banca: Fernanda Massi Banca: Luiz Gonzaga Marchezan Banca: Luiz Carlos Migliozzi Ferreira de Mello Banca: Luzmara Curcino Ferreira Resumo: Machado de Assis esteve presente na imprensa brasileira, principalmente carioca, desde a produção de seu primeiro poema. Poeta, contista, romancista, dramaturgo e cronista, seus textos literários chegaram a seus leitores, primeiramente, por meio dos jornais nos quais colaborou. A maior produção desse autor foram as crônicas, das quais três quartos foram publicadas no jornal Gazeta de Notícias do Rio de Janeiro, entre 1881 até 1897. Este trabalho, por meio da análise das crônicas publicadas na seção "Bons Dias!", em 1888 e 1889, e em "A Semana", durante os anos de 1892 e 1893, objetiva reconstruir os perfis dos leitores desses textos sob o prisma da semiótica greimasiana, sobretudo empregando elementos da análise do nível discursivo do percurso gerativo do sentido: técnicas de persuasão, escolha da temática, efeitos de objetividade e subjetividade criados pelo enunciador, contratos firmados. Tais contornos referem-se ao leitor construído no instante da produção do discurso o qual, como ato de comunicação, é elaborado por um enunciador que se dirige a um enunciatário. Essa imagem de leitor não representa somente um polo para o qual o discurso é dirigido, mas é também considerada na escolha dos constituintes discursivos feita pelo enunciador, o escritor virtual. Ao selecionar o vocabulário, as estruturas sintáticas, entre outros recursos em função desse destinatário, torna-o coautor do discurso. É esse leitor forjado que se busca nessas crônicas machadianas publicadas na Gazeta de Notícias: elas revelam uma interação entre enunciador e enunciatário de forma a aproximar aquele o máximo possível do "leitor real" que toma a Gazeta em mãos. Enquanto gênero reconhecidamente misto de referencialidade jornalística e narração literária, a crônica recebeu de Machado de Assis características peculiares: a possibilidade de trabalhar com vários temas, significados e linguagens (em outras palavras... Résumé: Depuis la parution de son premier poème, Machado de Assis a marqué de sa présence la presse brésilienne et particulièrement la presse « carioca » (de Rio de Janeiro). Les lecteurs brésiliens ont connu les textes littéraires de cet auteur, qui était à la fois poète, conteur, romancier, dramaturge et chroniqueur, à travers les journaux auxquels il a collaboré. Les chroniques représentent la majeure partie de l'oeuvre de Machado de Assis et les trois quarts d'entre elles ont été publiés dans le journal Gazeta de Notícias de Rio de Janeiro, de 1881 à 1897. Ce travail vise à reconstruire les profils des lecteurs des chroniques publiées à la rubrique "Bons Dias!", de 1888 à 1889, et à la rubrique "A Semana", de 1892 à 1893. Pour ce faire, l'analyse des chroniques a suivi l'approche de la sémiotique greimasienne, en reprenant, notamment, les éléments du niveau discursif du parcours génératif du sens : les techniques de persuasion, le choix de la thématique, les effets d'objectivité et de subjectivité créés par l'énonciateur ainsi que les contrats établis. Les contours ainsi formés se réfèrent au lecteur construit au moment de la production du discours qui, en tant qu'acte de communication, est élaboré par un énonciateur s'adressant à un énonciataire. Cette image du lecteur réprésente un pôle vers lequel se dirige le discours et reflète aussi le choix des constituants discursifs, qui est fait par l'énonciateur, c'est-à-dire par l'écrivain virtuel. Les ressources employées par l'auteur en fonction de son destinataire, comme la sélection du vocabulaire et des structures syntaxiques, font de ce même destinataire le co-auteur du discours. Le lecteur ainsi conçu dans les chroniques machadiennes de la Gazeta de Notícias constitue l'objet de notre recherche. En effet, une interaction entre l'énonciateur et l'énonciataire, qui tente à rapprocher le plus... Abstract: Machado de Assis was present in the Brazilian press, mainly of the Rio de Janeiro, since the production of his first poem. His novels, short stories and chronicles reached its readers, first, through the newspapers. In all these genres, he sought the new is created, in turn, a tradition, a different form of expression. His work is dominated by aesthetic sense: he has observed the society of his time with an acute and sensitive look and he has transformed that reality in art. For this reason, his work was not only as a historical document of the Brazilian society, but also as a literary heritage. This work analyzes the chronicles published in the sections "Bons Dias!" (1888-1889) and "A Semana" (1892-1893) of the 19th century Brazilian newspaper Gazeta de Notícias in order to draw profiles of readers of these two series. This approach considers the semiotics concepts of Greimas, especially the elements of the analysis of discursive level of generative path of sense: persuasion techniques, thematic choice, effects of objectivity and subjectivity created by the enunciator, contracts signed. Such contours refer to the reader built at the time of production of discourse. This image of the reader not only represents a pole to which the speech is directed, but is also considered in the choice of the discursive constituents made by the enunciator. It is this interaction between the enunciator and the virtual reader that will reveal the reader search in these Machado's chronicles published in Gazeta de Notícias: they reveal an interaction between enunciator and enunciate to bringing that the maximum possible "real player" which takes the Gazeta in hands. The Machado de Assis' chronicles have peculiar characteristics: the possibility of working with various themes, meanings and languages (in other words, comprehensiveness, autonomy and semantic aesthetics). The author exploited in "Bons dias" and in "A semana", more than... Doutor
6

Interpretando a linguagem figurada : um estudo das crônicas de Martha Medeiros

Souza, Aline Pereira de. 2013 (has links)
Orientador: Antonio Suárez Abreu Banca: Ana Eliza Barbosa de Oliveira Banca: Maria Eunice Barbosa Vidal Mendonça Resumo: Martha Medeiros é uma grande cronista contemporânea que escreve, normalmente, sobre temas cotidianos, que envolvem muitas vezes reflexões acerca do comportamento humano. É uma autora muito conhecida e muito citada em vários blogs e, inclusive, nas redes sociais, que têm sido grandes divulgadoras e formadoras de opinião. Os livros publicados por ela quase sempre figuram nas listas dos livros mais vendidos e por diversas vezes recebem indicações a prêmios literários, que são, por vezes, recebidos por ela. Esses foram alguns dos fatores que inicialmente motivaram a proposta desse trabalho: verificar o que há em seus textos que exerce atração em leitores de perfis tão heterogêneos. Um dos recursos mais utilizados por ela é o da projeção de histórias sobre histórias, as parábolas e também outros tipos de projeção, como a metáfora e a metonímia. Esta dissertação tem o objetivo, pois, de descrever esses processos de projeção a partir das modernas ferramentas da linguística cognitiva. O corpus do trabalho é composto de textos de seus dois últimos livros de crônicas: Doidas e Santas (2008) e Feliz por nada (2011). Partindo de fatos cotidianos, Martha apresenta várias reflexões acerca da vida e expressa opiniões a respeito de diversos assuntos. Na análise, foi dada especial atenção às metáforas e metonímias presentes nos textos, que são formas de projeção muito utilizadas, e que, muitas vezes, também são responsáveis pela transmissão da mensagem pretendidas pela autora. Investigaram-se, também, quais "estratégias" linguísticas estão presentes nos textos e que fazem com que eles se tornem populares entre os leitores. Além disso, procurou-se verificar de que outros mecanismos a autora se utiliza para defender seus pontos de vista acerca dos assuntos que trata; qual o efeito que esses mecanismos exercem no leitor... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) Abstract: Marta Medeiros is an important contemporary chronicler. She usually writes about everyday themes, which mostly involves reflections about human behavior. She is a well-known author, quoted in several blogs and also on social networks, which undoubtedly spread and form opinions. The books published by Medeiros are almost always on the best-seller lists and often receive indications to literary awards, which are, sometimes, received by her. These were some of the reasons which initially motivated the purpose of this research: to check what there is in her texts that attracts this range of heterogeneous readers. In order to conduct this study, concepts of the Modern Cognitive Linguistics, which study the great ability of the human brain to perform projections, were used. Projections are an ability believed to be a fundamental part of the human cognition to our survival. It is known that, due to projections, we can use literary texts not only as entertainment while reading, but also, in some situations, to educate, moralize and persuade. The corpus of this research is made of chronicles from Medeiros's last two chronicle books: "Doidas e Santas" (2008) and "Feliz por nada" (2011). By writing about everyday facts, Martha presents many reflections about life and, when expressing opinions, she uses parables, metaphors and metonymies. It was judged important to verify and understand the processes of projection and the parables used in the chronicles, intending to visualize their persuasive effects. Moreover, special attention was given to metaphors and metonymies present in the texts, which are widely used in projection, and also very often responsible for transmitting the author' intended messages. Linguistic "strategies" present in the texts, which make them popular among the readers, were also investigated. Furthermore, other mechanisms... (Complete abstract click electronic access below) Mestre
7

Considerações sobre a construção intelectual de Mário de Andrade: o Turista aprendiz

Oliveira, Cristiano Mello de 4 March 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-graduação de Literatura Made available in DSpace on 2013-03-04T18:18:51Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2015-03-18T20:31:55Z : No. of bitstreams: 1 310059.pdf: 1496914 bytes, checksum: 2c5cf8a203e2160c6ab9a4b269d51a55 (MD5) Esta dissertação investiga a posição do intelectual Mário de Andrade, ao se referir à obra O turista aprendiz, no que concerne a sua representação e a seu desempenho como escritor voltado a compreender os problemas sociais, durante sua estada nos estados do Norte e do Nordeste brasileiro. O bojo das visitas etnográficas embutido na obra é sua atenção ao público proletário, na busca pela formulação de uma cultura popular nacional. O escritor modernista assume postura de intelectual comprometido com a sociedade que ele busca representar, em seus escritos e crônicas de viagens dessa mesma obra. Buscamos ensaiar, exclusivamente, sua atuação durante suas andanças nas principais cidades do Norte e Nordeste Brasileiro, com a preocupação de integrar a seus escritos um caráter social. Também abrimos uma investigação sobre as principais vanguardas europeias, assim como sobre as facetas intelectuais de Mário de Andrade, a fim de rastrear seu potencial de artista polígrafo, perfazendo seu movimento nos diversos meios artísticos durante sua vida. As vanguardas europeias oriundas de Mário de Andrade são fruto de grande relevância social e literária inserida em seus contextos de época, onde agem como desencadeadoras e antecipadoras de outras obras de grande valor. Com rigor, problematizamos todo esse material artístico, buscando possíveis respostas para seu estilo eclético, frente às responsabilidades que ele assumiu como intelectual múltiplo, defendendo o povo e da cultura brasileira. Mário de Andrade, ao se aproximar do povo, gerou inúmeras contribuições sociais. Por esse motivo, utilizamos muitos fragmentos extraídos da própria obra, para evidenciar nosso mote de pesquisa, sob a luz dos teóricos que dão consistência ao objeto de análise. Diante dos fragmentos iluminados, buscamos: levantar interpretações, esmiuçando-os, para buscar elementos que esbocem as relações abrangentes, sob a luz do cabedal teórico justificado e escolhido; e trazer o pensamento de Mário de Andrade, como representação canônica de um modelo literário. Fechamos o trabalho com o levantamento de um debate imaginário com o escritor Mário de Andrade, fazendo com que ele especule suas principais respostas e busque, ainda mais, indagar alguns assuntos pertinentes ao oficio do escritor e do intelectual This dissertation aims at investigating the perspective of the intellectual Mario de Andrade in his work O turista aprendiz, in relation to his representation and performance as a writer who is concerned with comprehending the social problems he witnessed during his stay in the North and in the Northeast Brazil. The core of his ethnographic visits, embedded in his work, is the attention devoted to the proletariat audience, in the search for the formulations of a popular culture, aimed at a national level. We understand that the modernist writer assumes the position of an intellectual committed to the society he aims at representing through his writings and the travel chronicles present in the aforementioned work. We shall discuss, exclusively, his performance in his trips around the main cities of North and Northeast Brazil, with the concern of integrating a type of social character to his writings. This work also opens a discussion about the main European avant-gardes, as well as intellectual aspects of Mario de Andrade, attempting to trace his potential as a polygraph artist, comprising his movement in the various artistic means during the trajectory of his life. The European avant-gardes derived from Mario de Andrade are results of a great social and literary relevance inserted in his time contexts, in which they act as triggers and anticipators of other works of great value. Accurately, we problematize all this artistic material, searching for possible answers for his eclectic style facing the responsibilities he assumed as a multiple intellectual who defends the people and the culture of Brazil. When approaching the people, Mário de Andrade produced social contributions that permeate all this dissertation. For this reason, we use many fragments extracted from de Andrade's work to highlight our research motto, under the light of the theorists who will give consistence to our analysis object. Facing the enlighted fragments, we will try to raise some interpretations, in detail, scrutinizing them in order to examine and search for elements that can outline the broad relations under the light of the justified and chosen theoretical parameters. Furthermore, we bring Mário de Andrade#'s thoughts as a canonic representation of a literary model. Finally, we will examine and end our work with and imaginary debate with the writer Mário de Andrade, making him speculate his main answers and look for more questioning of some subjects concerning the work of the writer and of the intellectual
8

O significado da vivencia da doença crônica para o adolescente

Schneider, Karine Larissa Knaesel 25 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2010 Made available in DSpace on 2012-10-25T09:07:11Z (GMT). No. of bitstreams: 1 277939.pdf: 3290421 bytes, checksum: 76b2c7ea2a831a1cb7658a2d87fc2d59 (MD5) Esta pesquisa qualitativa do tipo exploratório-descritiva teve como objetivo compreender os significados da vivência de uma doença crônica para o adolescente hospitalizado ou em acompanhamento ambulatorial. Os aspectos teóricos acerca da adolescência evidenciam a existência de um momento de ricas transformações, no qual se torna necessário um olhar cuidadoso e amoroso sobre o cotidiano destas pessoas. Os profissionais de enfermagem, por lidarem com questões relacionadas à saúde e ao adoecimento, têm importantes contribuições a acrescentar ao processo de viver destes seres, em especial aos que vivenciam uma doença crônica. Para direcionar a pesquisa foi utilizado o Interacionismo Simbólico. Este referencial teórico está alicerçado na concepção de que os seres humanos agem em relação aos significados que as coisas têm para eles. Os locais escolhidos para o seu desenvolvimento foram a Unidade de Internação Pediátrica e o Ambulatório de Pediatria do Hospital Universitário da Universidade Federal de Santa Catarina. Participaram onze adolescentes na faixa etária de 12 a 17 anos com diagnóstico de doença crônica (internados na Unidade de Internação Pediátrica ou que realizavam acompanhamento no Ambulatório de Pediatria) no período de março a junho de 2009. Os dados foram coletados por meio de entrevistas individuais semiestruturadas e registrados com sistema de gravação. A análise dos dados seguiu os passos do Discurso do Sujeito Coletivo, à luz do referencial teórico. Os resultados da pesquisa são apresentados na forma de três manuscritos intitulados: 1) Doença Crônica e Adolescência, que aborda como é conviver com uma doença com características de cronicidade, quais os significados construídos pelo adolescente em suas interações e como ele se sente em relação à sua doença; 2) Cotidiano do Adolescente com Doença Crônica, que discute as alterações no processo de escolarização e as restrições alimentares no cotidiano destes adolescentes; e 3) (Con)vivendo com uma Doença Crônica durante a Adolescência, que traz questões referentes às hospitalizações, à convivência com limitações e restrições e às experiências destes adolescentes ao compartilharem seus sentimentos. O conhecimento destes processos é essencial na promoção do melhor enfrentamento de sua condição crônica. Esta pesquisa contribui para ampliar o olhar sobre a vivência da doença crônica a partir da percepção e dos significados atribuídos pelo adolescente, buscando novas formas de atuar e pensar o cuidado, a fim de propor intervenções que realmente o auxiliem no enfrentamento positivo de sua doença.
9

Clarice Lispector cronista: no Jornal do Brasil (1967-1973)

Ranzolin, Célia Regina 1985 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Made available in DSpace on 2012-10-15T23:28:57Z (GMT). No. of bitstreams: 0
10

Fabulas do gol : as cronicas esportivas de Nelson Rodrigues

Vogel, Daisi Irmgard 1997 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão Made available in DSpace on 2012-10-17T00:04:17Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T22:22:04Z : No. of bitstreams: 1 108555.pdf: 16195106 bytes, checksum: bdb00c8026b96ab308e378945b8f6a5a (MD5) O primeiro volume reúne a série completa das crônicas esportivas que Nelson Rodrigues publicou na revista Manchete Esportiva entre novembro de 1955 e maio de 1959, somando 156 artigos, dos quais 99 são inéditos em livro. O segundo volume inicia uma leitura dessas crônicas a partir de pressupostos teóricos de Mikhail Bakhtin, utilzando dele conceitos como cronotopo, dialogismo e carnavalização. A leitura aborda a importância dessas crônicas na conformação da imagem do seu autor e na compreensão de sua riqueza estilística, considerando-as como território em que duas representações - esporte e narrativa - se articulam.

Page generated in 0.0518 seconds