• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 21
  • 1
  • Tagged with
  • 23
  • 11
  • 8
  • 6
  • 5
  • 5
  • 5
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Epidemiologia das parasitoses intestinais e caracterização genotípica de isolados de Giardia duodenalis de escolares do município de Pratânia, estado de São Paulo /

Coradi, Silvana Torossian. January 2010 (has links)
Orientador: Semíramis Guimarães Ferraz Viana / Banca: Ana Julia Urias / Banca: Regina Maura Bueno Franco / Banca: Paulo Câmara Marques Pereira / Banca: Paulo Eduardo Martins Ribolla / Resumo: O presente estudo foi realizado para investigar a epidemiologia de parasitas intestinais em uma população de escolares do município de Pratânia, Estado de São Paulo, e caracterizar geneticamente os isolados de Giardia duodenalis obtidos dos indivíduos desse grupo. Amostras de fezes de 431 escolares da rede municipal com idade de três a 10 anos e formalmente autorizados a participar do estudo foram colhidas e processadas pelo método de centrífugo-flutuação e pelo kit TF-test®. Além do exame coproparasitológico, as crianças foram submetidas a avaliações clínica e antropométrica e aos pais e/ou responsáveis foi aplicado um questionário para a obtenção de dados epidemiológicos. As crianças parasitadas foram encaminhadas para tratamento de acordo com a prescrição médica e, após 15 a 21 dias do tratamento, novas amostras de fezes foram analisadas para o controle de cura. Para a caracterização genotípica, o DNA extraído de 131 (39 extraídas de amostras positivas e 92 de amostras negativas para Giardia) foi amplificado utilizando técnicas baseadas em PCR para a amplificação das seqüências correspondentes aos genes gdh (glutamato desidrogenase) e tpi (triose-fosfato-isomerase) e os fragmentos amplificados foram seqüenciados. Os seguintes enteroparasitas detectados e suas respectivas freqüências foram: Entamoeba coli (14,2%), Cryptosporidium (11,2%), Giardia duodenalis (9,3%), Endolimax nana (3,3%), Blastocystis hominis (1,62%), Enterobius vermicularis (2,3%), Trichuris trichiura (1,62%), Ascaris lumbricoides (0,7%), e Hymenolepis nana (0,2%). Nas crianças com enteroparasitas, crianças portadoras de infecções por Cryptosporidium, por helmintos e por protozoários comensais, as frequências de infecções foram significativamente mais elevadas quando nas famílias os responsáveis não eram alfabetizados ou se o tempo de escolaridade... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: This study was conducted to investigate the epidemiology of intestinal parasites in a population of school children of Pratânia, Estado de Sao Paulo, and genetically characterize isolates of Giardia duodenalis obtained from individuals in this group. Stool samples from 431 schoolchildren aged three to 10 years and formally authorized to participate in the study were collected and processed by means of flotation and the TF-test kit ®. In addition to fecal examination, the children underwent clinical and anthropometric evaluation and parents or guardians received a questionnaire to get additional data. Children positive for intestinal parasites were referred for treatment in accordance with the prescriptions and, after 15 to 21 days of treatment, new samples were analyzed for the control of cure. To genetic characterization, DNA extracted from 131 (39 extracted from positive samples and 92 samples negative for Giardia) was amplified using techniques based on PCR amplification of sequences corresponding to genes gdh (glutamate dehydrogenase) and tpi (triosephosphate isomerase) and amplified fragments were sequenced. The intestinal parasites were detected following frequencies: Entamoeba coli (14.2%), Cryptosporidium (11.2%), Giardia duodenalis (9.3%), Endolimax nana (3.3%), Blastocystis hominis (1, 62%), Enterobius vermicularis (2.3%), Trichuris trichiura (1.62%), Ascaris lumbricoides (0.7%), and Hymenolepis nana (0.2%). In children with intestinal parasites, children with Cryptosporidium infection, helminth and protozoan, the frequencies of infections were significantly higher in families where those responsible were illiterate or if the level of education was no more than five years (P < 0.05). With regard to anthropometric measurements, most children presented to the height / age index, weight / age and weight / height values of z-scores within the normal range... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor
2

Epidemiologia das parasitoses intestinais e caracterização genotípica de isolados de Giardia duodenalis de escolares do município de Pratânia, estado de São Paulo

Coradi, Silvana Torossian [UNESP] 26 February 2010 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:31:29Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2010-02-26Bitstream added on 2014-06-13T20:22:14Z : No. of bitstreams: 1 coradi_st_dr_botfm.pdf: 625344 bytes, checksum: 6449eeacb0db26adc19ebeca9818d24f (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / O presente estudo foi realizado para investigar a epidemiologia de parasitas intestinais em uma população de escolares do município de Pratânia, Estado de São Paulo, e caracterizar geneticamente os isolados de Giardia duodenalis obtidos dos indivíduos desse grupo. Amostras de fezes de 431 escolares da rede municipal com idade de três a 10 anos e formalmente autorizados a participar do estudo foram colhidas e processadas pelo método de centrífugo-flutuação e pelo kit TF-test®. Além do exame coproparasitológico, as crianças foram submetidas a avaliações clínica e antropométrica e aos pais e/ou responsáveis foi aplicado um questionário para a obtenção de dados epidemiológicos. As crianças parasitadas foram encaminhadas para tratamento de acordo com a prescrição médica e, após 15 a 21 dias do tratamento, novas amostras de fezes foram analisadas para o controle de cura. Para a caracterização genotípica, o DNA extraído de 131 (39 extraídas de amostras positivas e 92 de amostras negativas para Giardia) foi amplificado utilizando técnicas baseadas em PCR para a amplificação das seqüências correspondentes aos genes gdh (glutamato desidrogenase) e tpi (triose-fosfato-isomerase) e os fragmentos amplificados foram seqüenciados. Os seguintes enteroparasitas detectados e suas respectivas freqüências foram: Entamoeba coli (14,2%), Cryptosporidium (11,2%), Giardia duodenalis (9,3%), Endolimax nana (3,3%), Blastocystis hominis (1,62%), Enterobius vermicularis (2,3%), Trichuris trichiura (1,62%), Ascaris lumbricoides (0,7%), e Hymenolepis nana (0,2%). Nas crianças com enteroparasitas, crianças portadoras de infecções por Cryptosporidium, por helmintos e por protozoários comensais, as frequências de infecções foram significativamente mais elevadas quando nas famílias os responsáveis não eram alfabetizados ou se o tempo de escolaridade... / This study was conducted to investigate the epidemiology of intestinal parasites in a population of school children of Pratânia, Estado de Sao Paulo, and genetically characterize isolates of Giardia duodenalis obtained from individuals in this group. Stool samples from 431 schoolchildren aged three to 10 years and formally authorized to participate in the study were collected and processed by means of flotation and the TF-test kit ®. In addition to fecal examination, the children underwent clinical and anthropometric evaluation and parents or guardians received a questionnaire to get additional data. Children positive for intestinal parasites were referred for treatment in accordance with the prescriptions and, after 15 to 21 days of treatment, new samples were analyzed for the control of cure. To genetic characterization, DNA extracted from 131 (39 extracted from positive samples and 92 samples negative for Giardia) was amplified using techniques based on PCR amplification of sequences corresponding to genes gdh (glutamate dehydrogenase) and tpi (triosephosphate isomerase) and amplified fragments were sequenced. The intestinal parasites were detected following frequencies: Entamoeba coli (14.2%), Cryptosporidium (11.2%), Giardia duodenalis (9.3%), Endolimax nana (3.3%), Blastocystis hominis (1, 62%), Enterobius vermicularis (2.3%), Trichuris trichiura (1.62%), Ascaris lumbricoides (0.7%), and Hymenolepis nana (0.2%). In children with intestinal parasites, children with Cryptosporidium infection, helminth and protozoan, the frequencies of infections were significantly higher in families where those responsible were illiterate or if the level of education was no more than five years (P < 0.05). With regard to anthropometric measurements, most children presented to the height / age index, weight / age and weight / height values of z-scores within the normal range... (Complete abstract click electronic access below)
3

Avaliação socioeconômica, demográfica, parasitológica e hematológica de comunidades quilombolas do norte do Espírito Santo, Brasil.

BRAUER, A. M. N. W. 31 March 2017 (has links)
Made available in DSpace on 2018-08-01T23:27:55Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_9426_Dissertação de Mestrado - Alline Mikaele Nunes Wildemberg Brauer.pdf: 1479016 bytes, checksum: 211ecab2a55e9c0660946ed6fa06d592 (MD5) Previous issue date: 2017-03-31 / O Brasil é considerado o país, extra África, que apresenta o maior contingente de população negra. Contudo, ainda é possível observar, especialmente nas comunidades quilombolas, um cenário marcado pela marginalização socioeconômica e precárias condições de vida e saúde. O presente trabalho trata-se de um estudo transversal, descritivo e quantitativo, com o objetivo de realizar uma avaliação socioeconômica, demográfica, parasitológica e hematológica dos moradores de comunidades quilombolas situadas na região Norte do Espírito Santo, Brasil. A avaliação socioeconômica e demográfica foi executada por unidade familiar, através da aplicação de um questionário baseado na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios. Para investigação de parasitos intestinais utilizaram-se os métodos de sedimentação espontânea (HPJ) e Kato Katz. No inquérito hematológico foram realizados o hemograma completo, os testes de triagem e confirmatório de hemoglobinopatias (teste de resistência osmótica, eletroforese alcalina em acetato de celulose e cromatografia líquida de alta eficiência). Os resultados obtidos foram avaliados através de ferramentas da estatística descritiva e inferencial, utilizando-se para tanto testes de qui-quadrado de Pearson e análise de regressão de Poisson, adotando o intervalo de confiança 95% (p<0,05). Observou-se que dos 76 chefes de família entrevistados, 90,79% (n=69) possuem água canalizada na residência e 72,37% (n=55) informaram que a origem da água utilizada por eles é de poço ou de nascente. Além disso, 98,68% (n=75) referiram ter banheiro no domicílio, sendo que destes, 90,67% (n=68) relataram ter como escoadouro a fossa rudimentar e 63,16% (n=48) alegaram que o lixo gerado é enterrado ou queimado. Em relação a saúde geral da população, 78,94% (n=60) informaram ter acesso a serviços de saúde pública e 64,47% (n=49) referiram já ter tido doenças parasitárias, sendo que 63,15% (n=48) alegaram conhecer como são transmitidas. Por outro lado, 92,10% (n=70) informaram que não sabem se são portadores da anemia falciforme ou do traço falcêmico e 94,73% (n=72) desconhecem como são adquiridos. Os exames parasitológicos apresentaram resultados positivos em 48% (n=72) do total de amostras analisadas (150), sendo que 25% (n=18) dessas amostras apresentaram dois ou mais parasitos. O parasito mais frequente foi o Ascaris lumbricoides (19,4%, n=14). Entre os comensais a Entamoeba coli (55,6%, n=40), seguido da Endolimax nana (16,7%, n=12). Considerando a avaliação hematológica, das 192 amostras analisadas, observou-se uma frequência de 13,54% (n=26) de indivíduos portadores de anemia, sendo 80,77% (n=21) de gravidade leve. Houve predomínio da anemia normocrômica (92,31%, n=24) e normocítica (73,07%, n=19). Já em relação às hemoglobinopatias 9,37% (n=18) dos indivíduos apresentaram hemoglobinas variantes confirmadas por cromatografia líquida de alta eficiência, observando-se a presença de heterozigose para Hb AS em 6,77% (n=13) e para Hb AC em 2,60% (n=5). Os resultados sugerem a existência de precárias condições socioeconômicas nas comunidades quilombolas do norte do Espírito Santo e indicam a necessidade de se implementar medidas de saúde pública visando reduzir, prevenir e tratar as parasitoses intestinais. A prevalência considerável de hemoglobinas variantes na região e o desconhecimento sobre esse assunto demonstram a importância de capacitar profissionais de saúde para atender portadores de hemoglobinopatias, principalmente atuando no aconselhamento genético.
4

Amebíase e outras parasitoses intestinais no município de São João do Piauí, PI - Brasil

Rosa Maria Ribeiro Vieira 09 April 2004 (has links)
Este trabalho é resultado de uma pesquisa para determinar a prevalência das enteroparasitoses e sobretudo da amebíase em indivíduos residentes em áreas urbana e rural do Município de São João do Piauí, onde as condições de higiene e de saneamento básico são precárias, sem água tratada para a maioria dos moradores. Na primeira etapa, foram recolhidas 791 amostras de fezes e constatou-se que 58% dos indivíduos apresentavam um ou mais parasito intestinal, incluindo alguns de interesse médico; na segunda etapa, realizou-se a diferenciação das amebas do Complexo Entamoeba histolytica / Entamoeba dispar em 33 amostras de fezes frescas das 172 amostras positivas, que revelou a prevalência de 39% para a forma patogênica e invasiva Entamoeba histolytica. A análise de amostras de soro pela técnica de Imunofluorescência indireta para avaliar a possibilidade de ocorrência de casos de amebíase extraintestinal, revelou que apenas 5% dos soros testados apresentavam títulos de anticorpo anti-Entamoeba histolytica, sugerindo que a colonização por Entamoeba histolytica não necessariamente induz a produção de resposta imune humoral e que a ocorrência de quadros invasivos o abscesso hepático não é comum na região / This work is the result of research to determine the prevalence of enteroparasitosis, particularly amoebiasis, in individual who reside in the rural and urban areas of São João do Piauí municipality where basic sanitary and hygienic conditions are precarious, the water having no types of treatment for the majority of people. In the first step, 791 stools samples were collected and it was confirmed that 58% of the individuals presented one or more intestinal parasites, including some of medical interest; in the second step, a differentiation was made between the amoebas of the Entamoeba histolytica / Entamoeba dispar complex in 33 fresh stool of 172 positive samples which revealed a prevalence of 39% of the pathogenic and invasive form of Entamoeba histolytica. The analysis of serum samples by Indirect Immunofluorescence techinique to evaluate the probability of occurrence of extra-intestinal amoebiasis reveled only 5% of the tested sera suggesting that antibody titles of Entamoeba histolytica do not necessarily colonize the humoral immune response and that invasive events such as hepatic abscess are not common in this region
5

Prevalência e fatores associados a enteroparasitoses em pacientes com artrite reumatoide

Reis, Ana Paula Monteiro Gomides 05 September 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas, 2016. / Submitted by Camila Duarte (camiladias@bce.unb.br) on 2016-10-21T15:07:20Z No. of bitstreams: 1 2016_AnaPaulaMonteiroGomidesReis.pdf: 2765887 bytes, checksum: 7c66e1da52c9bd62fc169292456d379d (MD5) / Rejected by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br), reason: Boa tarde, Por favor, adeque o nome do Orientador e adicione o nome do Co-Orientador. Atenciosamente, on 2017-01-16T16:38:55Z (GMT) / Submitted by Camila Duarte (camiladias@bce.unb.br) on 2017-01-17T13:28:47Z No. of bitstreams: 1 2016_AnaPaulaMonteiroGomidesReis.pdf: 2765887 bytes, checksum: 7c66e1da52c9bd62fc169292456d379d (MD5) / Approved for entry into archive by Ruthléa Nascimento(ruthleanascimento@bce.unb.br) on 2017-03-07T14:04:41Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_AnaPaulaMonteiroGomidesReis.pdf: 2765887 bytes, checksum: 7c66e1da52c9bd62fc169292456d379d (MD5) / Made available in DSpace on 2017-03-07T14:04:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_AnaPaulaMonteiroGomidesReis.pdf: 2765887 bytes, checksum: 7c66e1da52c9bd62fc169292456d379d (MD5) / Introdução: Os pacientes portadores de doenças reumáticas apresentam profundas alterações no sistema imunitário em virtude das doenças de base e dos tratamentos utilizados, o que aumenta o risco de ocorrência e a gravidade de infecções, dentre elas as enteroparasitoses. O tratamento atual da artrite reumatoide envolve terapias imunossupressores potentes havendo a necessidade de rastreamento para processos infecciosos latentes. Não há na literatura estudos de prevalência de parasitoses em portadores de artrite reumatoide até o momento. O conhecimento destes dados epidemiológicos são fundamentais para fornecer elementos para o adequado manejo destes pacientes na prática clínica. Objetivos: a) Avaliar a prevalência de parasitoses em uma população com Artrite Reumatoide; b) Determinar a prevalência das helmintíases e protozooses por espécie nos pacientes; c) Avaliar as condições socioeconômicas dos pacientes e sua relação com a ocorrência das enteroparasitoses; d) Demonstrar a possível relação entre a presença de parasitoses intestinais e parâmetros de atividade de doença. Pacientes e Métodos: Foram coletados dados socioeconômicos demográficos e clínicos de uma amostra de conveniência de 67 pacientes acompanhados regularmente no ambulatório de AR do Hospital Universitário de Brasília no período de julho de 2015 a abril de 2016. Todos os pacientes foram submetidos ao exames parasitológico de fezes (EPF) pelo método de Hoffman, Pons e Janer (HPJ). Foram obtidas as frequências das variáveis de interesse, realizada análise bivariada e análise de regressão de Poisson múltipla com variância robusta. Resultados: A idade média foi de 53.9 anos, com predomínio em mulheres (94%) brancas (47.8%). O tempo médio de doença foi de 9.2 anos e a maioria dos pacientes estava com a doença em remissão ou atividade leve . A prevalência de parasitoses foi de 11.9%, sendo todos os casos de protozoários das seguintes espécies: Endolimax nana, Entamoeba histolytica e Entamoeba Coli. A análise multivariada final indicou que a presença de parasitose tem relação estatística significativa com ausência fadiga pela EVA (p = 0,0488) e com melhor índice de saúde atual pela EVA (p = 0,0012). / Introduction: Patients with rheumatic diseases have profound alterations in the immune system as a result of underlying diseases and the treatments used, which increases the risk of occurrence and severity of infections, among them the enteroparasitosis. The current treatment of rheumatoid arthritis involves immunosuppressive therapies powerfully needed for screening infectious processes. There are no studies in the literature on the prevalence of parasitic infections in patients with rheumatoid arthritis till date. The knowledge of these epidemiologic data are crucial to provide elements for the proper management of these patients in clinical practice. Objectives: a) To assess the prevalence of parasitic diseases in a population with Rheumatoid Arthritis; b) To determine the prevalence of helminthiasis and protozooses by species in patients; (c) Assess the socioeconomic conditions of the patients and its relationship with the occurrence of enteroparasitosis; (d) To demonstrate the possible relationship between the presence of intestinal parasitic infections and parameters of disease activity. Patients and methods: We collected demographic and socioeconomic data of a convenience sample of 67 patients followed up regularly at the clinic of the Hospital Universitário de Brasília in July 2015 period to April 2016. All patients were presented for parasitological examination of stools (EPF) by Hoffman, Pons and Janer (HPJ). We obtained the frequencies of the variables of interest, performed bivariate analysis and logistic regression, Poisson regression with robust variance. Results: The mean age was 53.9 years, predominantly in women (94%) white (47.8%). The mean disease duration was 9.2 years and most patients had the disease in remission or light activity. The prevalence of parasitic infections was 11.9%, with all cases of protozoa of the following species: Endolimax nana, Entamoeba histolytica and Entamoeba coli. The final multivariate analysis indicated that the presence of disease has significant statistical relationship with no fatigue by VAS (p=0.0488) and best current health index by VAS (p = 0.0012).
6

Avaliação do perfil enteroparasitário, nutricional e odontológico de indivíduos de uma comunidade do município de Porto Velho - RO

Flávia Serrano Batista 17 July 2008 (has links)
O presente estudo teve como hipótese avaliar o perfil de indivíduos da comunidade do bairro Planalto no município de Porto Velho - RO, em diversas idades, analisando seu perfil parasitológico, nutricional e odontológico. O estudo foi realizado no bairro Planalto, localizado em área periurbana do município de Porto de Velho capital do estado de Rondônia. O estudo foi descritivo, de uma população avaliando cada perfil proposto. Foram treinadas equipes multidisciplinares, com alunos dos cursos de biomedicina, nutrição e odontologia. Os avaliadores previamente treinados e calibrados fizeram a aplicação de um questionário epidemiológico, o qual teve a finalidade de obter informações para avaliar as condições sócio-econômicas, ambiental e cultural. Quanto ao perfil parasitológico, a população recebeu coletores parasitológicos (Universal) de fezes, os quais foram orientados a coletar as amostras em três dias alternados, as amostras foram analisadas no laboratório de parasitologia da Faculdade São Lucas. A condição odontológica foi avaliada por meio da aplicação dos índices CPODs, CEO e IPCs e o perfil nutricional através de avaliação antopromética e aplicação de inquérito alimentar. Os resultados mostraram que 85% dos indivíduos avaliados apresentaram enteroparasitoses, e a maior prevalência foi de protozoários intestinais como Giardia lamblia (54%) e Entamoeba histolytica (39,5%). A condição nutricional revelou que 10% das crianças apresentaram desnutrição crônica e 5% desnutrição aguda, sendo o alimento mais consumido foi carboidratos (100%). Quanto ao perfil odontológico foram encontrados 88% de prevalência de cárie entre a população de todas as idades. Optouse por não calcular o CEOD e nem dividir a amostra por faixa etária em conseqüência do número de participantes. Quanto aos defeitos de mineralização do esmalte dentário, foi encontrado 20,5% da população já com dentes permanentes (acima de 6 anos de idade) 32% tiveram todos os sextantes excluídos, provavelmente devido a perdas dentárias. Sendo que algum tipo de alteração periodontal foi encontrado nos 28% restantes. Há necessidade de promoção em saúde, bem como uma melhoria nas condições de saneamento básico podendo possibilitar uma melhoria na qualidade de vida da população estudada. / A search was developed to evaluate the peoples conditions in one of Porto Velhos neighborhood where it has 481 families living by. Porto Velho is Rondônias capital. This study had analyzed, people from diverse ages, its parasitologic, nutritional and dentistry profile. Teams had been trained to multidiscipline, with students from the following courses: Biomedicine, Nutrition and Dentistry. The team that was trained and had maden epidemiologicals questions, which had the purpose to get information to evaluate the social conditions and environmental. The population received dregss parasitologic collectors, which had been guided to collect the samples in three days alternated, the analyses had been carried through in the parasitological laboratory. The dentistry condition was evaluated through the application of the indices CPODs, CEO and IPCs. The results had shown that 85% of the evaluated individuals had presented enteroparasitosis, and the biggest prevalence was of enteric protozoan as l Giardia lamblia or Lamblia intestinalis (54%) and Entamoeba Histolytica (39.5%). The nutritional condition showed that 10% of the children had presented chronic malnutrition, a lack of nutrition and 5% sharp, acute malnutrition, the food that was more consumed was carbohydrate (100%). In relation to the dentistry evaluation, the CPO-D index was of 11,6 from people that is around fifteen to fifty three years old and the CEO was bigger in children with nine years old. There is a need of an implementation of basic sanitation and healths education to turn in a better lifes quality to the population that has been studied.
7

Nova abordagem laboratorial na investigação das Enteroparasitoses em humanos

Patrícia Xavier de Souza 23 February 2005 (has links)
Com o objetivo de estabelecer um protocolo metodológico de exame parasitológico de fezes para o diagnóstico das enteroparasitoses, com alta confiabilidade e que possibilite a detecção da maioria dos parasitos intestinais, foi feito um estudo de prevalência em uma população carente do Bairro do Jóquei (São Gonçalo, RJ), onde foram avaliadas as condições sanitárias da população estudada. Foram analisadas amostras fecais de 188 moradores da região, selecionados ao acaso, e que concordaram em participar do estudo. As fezes foram colhidas em frascos contendo formol tamponado 10% e processadas pelo método padronizado Coprotest. Os sedimentos que deixaram dúvidas em relação à morfologia de protozoários foram colocados no líquido fixador SAF (acetato de sódio ácido acético formaldeído) e submetidos à coloração tricrômica e hematoxilina férrica simplificada. Os sedimentos correspondentes ao material fecal de crianças na faixa etária entre 1 e 5 anos, foram corados pela safranina-azul de metileno, para a investigação de coccídeos intestinais. A prevalência global de e enteroparasitoses na população estudada foi de 46%, sendo que 53% dos indivíduos encontravam-se parasitados por mais de uma espécie. Os parasitos mais freqüentes foram: Entamoeba coli (14%), Ascaris lumbricoides (13%), Entamoeba histolytica/Entamoeba dispar (11%) e Blastocystis hominis (9%). No entanto, não foi encontrado nenhum caso de coccidiose na população na faixa de 1 a 5 anos, onde esses parasitos são mais freqüentes.Esses resultados podem ser atribuídos ao baixo desenvolvimento econômico e às precárias condições de higiene e saneamento na região, onde não foi relatada a presença de rede de esgoto, sendo os dejetos liberados em valas ou em área aberta. Diferenças estatisticamente significativas em relação ao sexo foram observadas para E.coli, E. histolytica/E.dispar e A. lumbricoides,sendo mais prevalentes no sexo masculino. Sintomas comuns em indivíduos com parasitoses intestinais como dor abdominal e diarréia, foram observados em 22% e 16% respectivamente das pessoas parasitadas. Quando comparados por faixa etária, Giardia lamblia foi mais freqüente em crianças de 0 a 10 anos, provavelmente devido à falta de hábitos higiênicos nessa idade e ao sistema imune ainda em desenvolvimento. Todos os casos positivos para protozoários intestinais que deixaram dúvida quanto à caracterização com a utilização do corante temporário Lugol, foram esclarecidos utilizando as colorações tricrômica, e hematoxilina férrica modificada demonstrando a importância da sua utilização na diferenciação morfológica dos parasitos. O sedimento fecal obtido com o método Coprotest também permitiu uma boa identificação do Cryptosporidium sp. com o uso da coloração safranina azul de metileno. O protocolo proposto possibilitou, portanto, um estudo bem confiável sobre a prevalência das enteroparasitoses na região / A study was carried out in order to estabilish a protocol for intestinal human parasitic diagnosis using a study of prevalence of parasitic infections including analisis of sanitary conditions, among the poor community of Jóquei, a district of São Gonçalo, RJ. Stool specimens were collected from 188 subjects selected by chance whom agreeded in their participation in the study. The stool specimens were collected in labeled plastic vials with 10% buffered formaldehyde and processed by the standardized Coprotest method. The sediments with questionable morphology of the protozoan were dived in the SAF fixative and submitted to the trichrome stain and iron haematoxilin simplified. The fecal material sediment from children between 1 and 5 years old were all stained with safranin-methylene blue for the investigation of the intestinal coccidial. The global prevalency of enteroparasitosis was 46% of the researched population, where 53% were found infected by more than one species. The more frequents parasites were: Entamoeba coli (14%), Ascaris lumbricoides (13%), Entamoeba histolytica/Entamoeba dispar (11%) e Blastocistis hominis (9%). Therefore, no cocidiose case was found in the population between 1 and 5 years old, age group where these parasites are usually more found. The high prevalence found in this study can be explained by the low socio-economic and environmental conditions in the community. A chi-square analysis showed that Entamoeba coli, Entamoeba histolytica / Entamoeba dispar and Ascaris lumbricoides infections were significantly higher in males than females. In this current study most of the complaints by the study population: colic (22%) and diarrhea (16%) were related with intestinal parasitic infection. Age group 0 10 years old had the highest prevalence to Giardia lamblia possible due to poor sanitary and low immunity. All of the stool samples examined that presented questionable Lugol temporary stain were confirmed by trichrome stain and iron hematoxilin modified, showing the importance of its use in the detection and identification of intestinal parasites. The fecal sediment of Coprotest method also was stained with safranin methylene blue and was efficient to identify Cryptosporidium sp.. Hence, the proposed protocol enables a confiable study of intestinal parasites prevalence in the estudied community
8

Ocorrência de enteroparasitoses em manipuladores de alimentos na cidade de Florianópolis - SC

Nolla, Alexandre Costa January 2004 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Farmácia. / Made available in DSpace on 2012-10-21T13:18:42Z (GMT). No. of bitstreams: 1 203838.pdf: 328325 bytes, checksum: abc29699ee262dd49b69ad2f2c8aa3ee (MD5) / Foi estudada a ocorrência de enteroparasitoses em manipuladores de alimentos na cidade de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil, de março de 2002 à setembro de 2003. Para tal, foram analisadas 238 amostras oriundas de duas populações de indivíduos: os que trabalhavam em uma empresa de alimentos (Fast-food - "refeições rápidas" - grupo "A") e trabalhadores de feiras livres e "sacolões" (grupo "B"). Informações epidemiológicas e sócio-econômicas também foram coletadas por meio de um questionário. As técnicas parasitológicas empregadas nesta pesquisa foram: centrífugo-flutuação em solução de sulfato de zinco a 33%, d = 1,180 g/mL (método de Faust), centrífugo-flutuação em solução de sulfato de zinco a 35%, d = 1,270 g/mL (método de Faust mofidicado); Lutz (Hoffman, Pons e Janer), Baermann e o método da fita adesiva ou método de Graham. As taxas de infecção do grupo "A" foram de 42,85%, enquanto que do grupo "B" foram de 47,06%. Os protozoários mais freqüentes foram Endolimax nana (21,9%), Entamoeba coli (14,7%), Blastocystis hominis (14,3%) e Giardia lamblia (6,3%), sendo que o hábito de ingerir hortaliças e frutas foram os fatores mais associados ao alto grau de parasitismo. Outros fatores sócio-econômicos, como distribuição de renda, escolaridade e categorias ocupacionais, foram importantes dentro deste contexto. Em relação às técnicas empregadas, o método de Faust modificado proposto, foi o que apresentou maior sensibilidade na detecção de enteroparasitas. Pelos resultados obtidos, conclui-se que há necessidade de uma vigilância epidemiológica mais constante para todos os manipuladores de alimentos, incluindo o tratamento específico, o treinamento sobre o controle de higiene de alimentos e higiene pessoal, bem como o exame parasitológico periódico com técnicas mais sensíveis para um diagnóstico mais preciso.
9

Prevalência da Entamoeba histolytica em alunos de escolas públicas da cidade de Maceió

DUARTE, Iasmin de Albuquerque Cavalcanti January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:31:29Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo8113_1.pdf: 1534236 bytes, checksum: c8ba77e64e07b5daa9db296504c03727 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / A amebíase é uma infecção causada pela Entamoeba histolytica e considerada importante causa de morbi-mortalidade no mundo. O estudo epidemiológico da amebíase tem sido reavaliado desde que a E. histolytica, a causadora da forma patogênica, foi distinta da E. dispar, causadora da forma não patogênica. A recomendação da Organização Mundial de Saúde é fazer o tratamento apenas nos pacientes com diagnóstico específico da infecção pela E. histolytica. O objetivo desta pesquisa foi avaliar a prevalência da E. histolytica em alunos de 4 15 anos das escolas públicas da cidade de Maceió, mediante aplicação em série dos testes de microscopia e ensaios imunoenzimáticos: ENZYMEBA® (Instituto de Medicina Tropical Pedro Kouri ,Havana, Cuba) e E. histolytica II® (TechLab Inc., Blacksburg, Estados Unidos). O ENZYMEBA® confirmou todos os resultados positivos para E. histolytica/E. dispar detectado pela microscopia seguido pela aplicação do teste E. histolytica II® que detectou a presença de E. histolytica. Um total de 1.798 amostras fecais foi analisado de alunos de 18 escolas públicas. A prevalência da infecção para E. histolytica/E. dispar pela microscopia e confirmado pelo teste ENZYMEBA® foi de 3,8% e de E. histolytica foi de 1,0% pelo E. histolytica II®. A aplicação dos dois testes de ELISA permitiu definir a prevalência de 2,8% para E. dispar. Considerando o teste E. histolytica II® como padrão de referência, o baixo valor preditivo positivo da microscopia de 26,4% refletiu o grande número de resultados falso-positivos para amebíase por este método. Todas as amostras fecais foram submetidas ao exame microscópico, indicando que 38,6% dos alunos estavam parasitados por um ou mais parasitos intestinais. Os parasitos mais freqüentes foram Ascaris lumbricoides (16,2%) e Trichuris trichiura (11,7%). Os resultados deste trabalho demonstraram que o exame da microscopia óptica não foi o método adequado para o diagnóstico da amebíase e sugere a aplicação de métodos mais sensíveis para o diagnóstico desta parasitose, utilizando técnicas específicas que distingam a E. histolytica da E. dispar
10

Comparação de quatro métodos laboratoriais para o diagnóstico da Giardia lamblia em fezes de crianças da região de Araraquara-SP /

Garcia, José Gustavo Donato. January 2005 (has links)
Resumo: O protozoário Giardia lamblia foi escolhido como tema de estudo, por ser um enteroparasita de prevalência significativa no mundo inteiro. Os objetivos desta pesquisa foram estudar a reprodutibilidade diagnóstica dos métodos Direto, Faust e cols., COPROTEST e Hematoxilina Férrica, bem como descrever a presença da Giardia lamblia, segundo a associação com algumas características da população de estudo como: grupo etário, gênero e distribuição dos casos segundo a variação sazonal nos meses em que se desenvolveu a pesquisa. Foram analisadas 200 amostras de fezes de crianças da região de Araraquara-SP e como resultados encontrou-se Giardia lamblia como o parasita mais freqüente, com 8,0%, não houve associação com o gênero; quanto à idade ocorreram mais casos no grupo de 03 a 05 anos e a maior freqüência de casos foi no mês de janeiro. Em relação as metodologias utilizadas chegou-se a conclusão que o melhor método diagnóstico para Giardia lamblia seria a associação de pelo menos, duas metodologias associadas de ótima reprodutibilidade que nesse estudo foram: COPROTEST - Faust; Direto-Faust e Coprotest-Direto (k > 0,81). / Abstract: Giardia lamblia protozoan was chosen as a study them due to its significant prevalence all over the world. The present dissertation aims to study the diagnostic reproductibility of Direct, Faust et al., COPROTEST and Ferric Hematoxiline methods. It also describes the presence of Giardia lamblia, according to the association with some characteristics of the population in study, such as group age, gender and distribution of cases according to seasonal variation in the month studied. 200 feces samples of children from the region of Araraquara-SP were analysed and to cach of them the four diagnostic methodolgies were applied and then compared. From the results obtained it was possible to conclude that Giardia lamblia was the most frequent parasite, with 8, 0% occurrence; there was no association with gender; most cases of parasites were found in the 3-5 year-old groups, the highest frequency of parasites occurred in january and the best diagnostic to detect Giardia lamblia was the association of at least two methodologies of optimum reproductibility. The associations of optimum reproductibility were COPROTEST- Faust, Direct- Faust and COPROTEST- Direct (k >0, 81). / Orientador: Maria Jacira Silva Simões / Coorientador: Vera Lucy de Santi Alvarenga / Banca: João Aristeu da Rosa / Banca: Ana Amélia Carraro Abrahão / Mestre

Page generated in 0.0891 seconds