• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 10
  • Tagged with
  • 10
  • 5
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Indexação híbrida

Brigidi, Fabiana Hennies January 2016 (has links)
Dissertação (mestrado profissional) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Centro de Ciências Humanas e da Educação, Programa de Pós-Graduação em Gestão da Informação, Florianópolis, 2016. / Made available in DSpace on 2017-08-28T16:18:11Z (GMT). No. of bitstreams: 1 341810.pdf: 2854978 bytes, checksum: 047b23feb99c14bc37a96b0500257b20 (MD5) Previous issue date: 2016 / Esta pesquisa propõe uma investigação direcionada à linha de pesquisa "Gestão de Unidades de Informação", abordando o tema da indexação híbrida com foco no vocabulário controlado e na folksonomia. Analisou-se a possibilidade de uma indexação híbrida, aliando o trabalho do indexador no uso do vocabulário controlado junto aos termos livres disponibilizados pelos autores da produção intelectual produzida na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Optou-se pela análise de teses e dissertações da área da Ciência da Computação, em virtude de suas constantes atualizações terminológicas. O objetivo geral da pesquisa é propor um modelo de uma indexação híbrida de caráter colaborativo, agregando a folksonomia ao vocabulário controlado do Sistema de Bibliotecas da UFSC (SiBi/UFSC) para auxiliar na recuperação da informação das teses e dissertações da área da Ciência da Computação depositadas na Biblioteca Central (BC). Para fundamentar o universo da pesquisa, o referencial teórico aborda a Organização da Informação (OI); o Tratamento Temático da Informação (TTI); a indexação; a Recuperação da Informação (RI); a Web 2.0; a folksonomia, bem como sua tipologia, vantagens e desvantagens e a colaboratividade na sociedade da informação. A metodologia proposta configura-se num estudo de caso único, pois se refere ao caso específico da UFSC, com abordagem quali-quantitativa de caráter exploratório e descritivo, tendo como técnicas de coleta de dados a análise documental e de conteúdo. Como resultado, obtiveram-se subsídios para fazer uso dos termos criados pelos autores da produção intelectual do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação da UFSC (PGCC/UFSC), com base no modelo de indexação híbrida de caráter colaborativo proposto nesta dissertação, fundamentado em Santarem Segundo (2010) e Silva (2013). Observou-se ainda a necessidade da criação de uma política de indexação híbrida e, portanto, propõe-se um modelo de política baseado em Carneiro (1985) e Espíndola (2015), com a finalidade de nortear as atividades do indexador. Como contribuição para a área, espera-se que esta pesquisa estimule a indexação de caráter colaborativo proporcionado pela união da indexação tradicional e da folksonomia, além de ampliar a literatura da Ciência da Informação (CI) sobre essa temática.<br> / Abstract : This research is based on the field of study titled "Information Management Unit," by which it explores themes of hybrid indexing focused on the controlled vocabulary as well as folksonomy. This project analyzed the hybrid indexing as a possible model allied with indexer's work while using the controlled vocabulary alongside the free terms made available by the authors affiliated with Federal University of Santa Catarina (UFSC). This analysis focused on graduate students' works - both doctoral dissertations as well as masters' thesis - from the Computer Science Department due to its constant terminological updates. The main goal was to deliver a workable model of hybrid indexing of a collaborative nature, that is, one that includes folksonomy to the controlled vocabulary of the Library System of UFSC (SiBi/UFSC). Such model will further support the information retrieval regarding the dissertations and thesis from the Computer Science Department available at the Main Library. The theoretical approach is informed by the Information Organization (OI); Thematic Information Management (TTI); the indexing; Information Retrieval (RI); the Web 2.0; the folksonomy; as well as typology; advantages and disadvantages, and the collaborative work within the information society. The research methods applied to the present project were of mixed nature: namely Case Study focused on UFSC context; and approached from both qualitative and quantitative perspectives. The qualitative and quantitative aspects of the research were informed by placing emphasis on the exploratory and descriptive practices through techniques of data collecting, documental analysis, and content analysis. This research findings showed significant search tools improvements while using the terms created by the authors from the Computer Science Graduate Program at UFSC (PGCC/UFSC). This research delivered successfully the hybrid indexing model of collaborative nature as it proved by the above-mentioned search improvements (Santarem Segundo 2010; Silva 2013). This research also points to the needs to create a hybrid indexing model policy based on Carneiro (1985) and Espíndola (2015) aiming to guide the indexer?s activities. This research results showed the potential of the indexing of collaborative nature through the mixing of traditional indexing and folksonomy. Furthermore, this work contributes significantly to the field of Information Science since it complicates and provides successful models to the Information Science literature.
2

Um mecanismo de classificação cooperativa para busca e recuperação de componentes de software

Vanderlei, Taciana Amorim January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:59:47Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo5569_1.pdf: 1939646 bytes, checksum: fb402f0e0817dc663bf9de104b9d5b70 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico / O reuso de software é uma área de pesquisa em engenharia de software que tem por objetivo prover melhorias significantes na produtividade e qualidade através da otimização do esforço para criar novas aplicações. Porém, existem muitos problemas que devem ser resolvidos para obter os benefícios inerentes ao reuso. Um deles é o problema da busca e recuperação de componentes. Segundo relatos da literatura, a principal dificuldade é encontrar o componente que atenda à solução do problema do desenvolvedor, haja vista que existe uma lacuna entre a formulação do problema e a descrição do componente no repositório. Além disso, estudos mostram que os mecanismos de busca devem estar focados em formas mais intuitivas de classificar os componentes a um baixo custo e serem baseados em informações familiares ao desenvolvedor. Assim, diferentes técnicas devem ser utilizadas para tratar dos inconvenientes mencionados, dentre elas, a folksonomia, uma abordagem colaborativa para categorizar informações na Web pelos usuários. Essa abordagem pode ser uma solução viável para um sistema de classificação distribuída com um baixo custo inicial. Nesse contexto, com o objetivo de minimizar os problemas de busca e recuperação apresentados, este trabalho propõe uma extensão do MARACATU, mecanismo de busca integrado ao Eclipse, que utiliza esquemas de busca por palavras-chave e facetas, com uma abordagem de classificação colaborativa. A solução proposta é baseada nos resultados das pesquisas em busca e recuperação de componentes e folksonomia. Como resultado, a solução apresenta uma nova arquitetura e implementação, combinando folksonomia aos esquemas de busca iniciais do MARACATU. Em seguida, a solução é avaliada através de um estudo de caso baseado em cinco projetos reais
3

Identificação de critérios para a avaliação de ideias: um método utilizando folksonomias

Rochadel, Willian January 2016 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico, Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento, Florianópolis, 2016. / Made available in DSpace on 2016-04-19T04:22:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 339507.pdf: 5537368 bytes, checksum: 13b13ff4aa68d8f85ba8b5b7fd7967b0 (MD5) Previous issue date: 2016 / As ferramentas de cocriação encontram uma rica fonte de conhecimento baseada nas interações sociais que ocorrem na Web. Essa interação coletiva é a principal característica dos Sistemas de apoio à inovação, em especial para os sistemas de gestão de ideias. Entretanto, para avaliar ideias, as soluções atuais limitam-se a métodos baseados em formulários com critérios pré-estabelecidos ou, então, por métricas de engajamento social. O contexto organizacional é crítico para o sucesso de uma ideia, porém, ao considerar apenas índices de popularidade, as avaliações não agregam semanticamente o conhecimento atribuído pelo usuário, bem como não determinam quais critérios foram ponderados pela comunidade. A fim de compreender este conhecimento coletivo, a presente pesquisa propõe um método de identificação e análise de critérios para a avaliação de ideias. O desenvolvimento desse artefato é baseado na metodologia da ciência do design e explora o conhecimento a partir de atribuições sociais por notas e tags, as folksonomias. Assim, no contexto do front end da Inovação, o método representa uma apropriação semântica e qualitativa dos critérios atribuídos pela comunidade. A verificação utiliza técnicas da mineração de folksonomias em uma base de dados representada por um modelo de hipergrafo. Como resultado, o método permite evidenciar um conjunto de características a serem consideradas pela organização como critérios de avaliação. Além disso, a solução constata que a popularidade não é uma medida de consenso da comunidade, portanto sub comunidades auferem medidas mais precisas em suas atribuições; e a flexibilização temporal, própria das interações sociais, colaboram na recomendação de ideias baseada em tendências e no contexto organizacional.<br> / Abstract : Co-creation tools meet a rich source of knowledge on social interactions that occurs on the Web. This collective interaction is the main characteristic of innovation support systems, especially idea management systems. However, in order to evaluate ideas, current solutions are limited to methods based on forms with pre-established criteria or metrics of social engagement. The organizational context is critical to the success of an idea. Nevertheless, when considering just popularity ratings, the evaluations do not semantically aggregate the knowledge attributed by the user. It also does not determine what criteria was weighted by the community. In order to understand this collective knowledge, the present research proposes a method for identification and analysis of criteria in idea evaluation. The development of this artefact is based on the design science research methodology, and it explores the knowledge from social attributions using grades and tags, also known as folksonomy. Therefore, within the front end of innovation, the method represents a semantic, qualitative appropriation of criteria attributed by the community. The artefact was verified using folksonomy mining techniques in a database represented by a hypergraph model. As a result, the method allows to visualize a set of characteristics to be considered as evaluation criteria by any organization. In addition, the results showed that popularity is not a community s consensus measure. Therefore, sub communities get more precise measurements in their attributes; and temporal flexibility, which is specific to social interactions, collaborate on the idea recommendation based on trends and organizational context.
4

Estratégias de classificação de informação em instituições de I&=eD : um estudo de caso sobre o INESC-Porto

Paulino, Bruno Eduardo January 2009 (has links)
Tese de mestrado. Gestão da Informação. Faculdade de Engenharia. Universidade do Porto. 2009
5

Discurso, sujeito e sentido: percursos entre (os) nós da/na rede eletrônica / Discourse, subject and senses: pathways between (the) nodes of/in the eletctronic web

Vívian Lemes Moreira 14 September 2012 (has links)
Os efeitos de rede criados por uma arquitetura de participação no contexto da Web 2.0, possibilitou um maior compartilhamento e disseminação das informações e arquivos entre os internautas, como também recursos para uma gestão coletiva no que tange a organização desses conteúdos por meio do processo da folksonomia. Esta que é configurada como um sistema colaborativo de rotulação/classificação realizado pelo sujeito-navegador utilizando-se das tags (palavras-chave), para indexar de forma livre as informações e arquivos de seu interesse. O intento desse trabalho é discutir, sob a ótica da Analise do Discurso de filiação Francesa, as formas como o sujeito tem se posicionado discursivamente na organização das informações e arquivos no ambiente da rede através das tags; visando uma reflexão sobre as possibilidades de interpretação da materialidade linguística. Observa-se que dentro desse contexto calcado pela interatividade, e pela convergência das mídias, exige-se cada vez mais a inscrição dos sujeitos, o desenrolar da palavra que não pode cessar; esse aspecto não modifica apenas o modo de organização dos dizeres, mas também o modo de constituição e circulação dos mesmos, visto que o sujeito passa a ter uma outra relação com as palavras. A partir dos pressupostos conceituais da Análise do Discurso, analisamos os efeitos de sentidos instalados pela tag Egito nas informações e arquivos do sistema de microblog Twitter e do bookmarking social Delicious. O que nos permitiu que fosse realizado o cotejo dos sentidos que envolvem as tags e os dizeres a partir do processo da folksonomia na web, investigando a forma como a ideologia opera no trânsito dos dizeres, gerando (im)possibilidades de leituras e acesso aos arquivos sobre Egito. Observamos também, como as condições de produção possibilitadas pelas tecnologias da informação e da comunicação (TICs), permitem a circulação de outras maneiras de dizer, organizar, indexar e significar as informações, utilizando-se da inteligência coletiva para a elaboração de novos métodos de organização e busca das informações na web. / Network effects created by an architecture of participation in the context of Web 2.0, enabled a major sharing and dissemination of information and files between the users on Internet, as well as resources for a collective management regarding the organization of this contents through the process of folksonomy. This is configured as a collaborative system of labeling/classification performed by the subjects using tags (keywords) to index in a \"free\" form the information and files of interest. The intent of this paper is to discuss, from the perspective of the Analysis of the Discourse of French filiation, the ways in which the subject has been discursively positioned in the organization of information and files in the network environment through the tags, in order to reflect on the possibilities of interpretation of linguistic materiality. It is observed that within this context underpinned by interactivity and media convergence, it requires increasing the enrollment of subjects, the conduct of the word that cant cease, this aspect not only modifies the way of organization saying, but also the way of constitution and circulation of the same ones, since the subject starts to have one another relationship with words. From the conceptual assumptions of discourse analysis, we analyzed the effects of meanings installed by the tag \"Egypt\" on information and files on the microblog Twitter and Delicious social bookmarking. What allowed it to be done in the comparison involving the senses the tags and the words from the process of web folksonomy, investigating how ideology operates in the transit of words, generating (im) possibilities of readings and access to files in Egypt. We also observed how the conditions of production made possible by information and communication technologies (ICTs), allow the movement of other ways to tell, organize, index and mean information, using the collective intelligence for the development of new methods to organize and find information on the web.
6

Discurso, sujeito e sentido: percursos entre (os) nós da/na rede eletrônica / Discourse, subject and senses: pathways between (the) nodes of/in the eletctronic web

Moreira, Vívian Lemes 14 September 2012 (has links)
Os efeitos de rede criados por uma arquitetura de participação no contexto da Web 2.0, possibilitou um maior compartilhamento e disseminação das informações e arquivos entre os internautas, como também recursos para uma gestão coletiva no que tange a organização desses conteúdos por meio do processo da folksonomia. Esta que é configurada como um sistema colaborativo de rotulação/classificação realizado pelo sujeito-navegador utilizando-se das tags (palavras-chave), para indexar de forma livre as informações e arquivos de seu interesse. O intento desse trabalho é discutir, sob a ótica da Analise do Discurso de filiação Francesa, as formas como o sujeito tem se posicionado discursivamente na organização das informações e arquivos no ambiente da rede através das tags; visando uma reflexão sobre as possibilidades de interpretação da materialidade linguística. Observa-se que dentro desse contexto calcado pela interatividade, e pela convergência das mídias, exige-se cada vez mais a inscrição dos sujeitos, o desenrolar da palavra que não pode cessar; esse aspecto não modifica apenas o modo de organização dos dizeres, mas também o modo de constituição e circulação dos mesmos, visto que o sujeito passa a ter uma outra relação com as palavras. A partir dos pressupostos conceituais da Análise do Discurso, analisamos os efeitos de sentidos instalados pela tag Egito nas informações e arquivos do sistema de microblog Twitter e do bookmarking social Delicious. O que nos permitiu que fosse realizado o cotejo dos sentidos que envolvem as tags e os dizeres a partir do processo da folksonomia na web, investigando a forma como a ideologia opera no trânsito dos dizeres, gerando (im)possibilidades de leituras e acesso aos arquivos sobre Egito. Observamos também, como as condições de produção possibilitadas pelas tecnologias da informação e da comunicação (TICs), permitem a circulação de outras maneiras de dizer, organizar, indexar e significar as informações, utilizando-se da inteligência coletiva para a elaboração de novos métodos de organização e busca das informações na web. / Network effects created by an architecture of participation in the context of Web 2.0, enabled a major sharing and dissemination of information and files between the users on Internet, as well as resources for a collective management regarding the organization of this contents through the process of folksonomy. This is configured as a collaborative system of labeling/classification performed by the subjects using tags (keywords) to index in a \"free\" form the information and files of interest. The intent of this paper is to discuss, from the perspective of the Analysis of the Discourse of French filiation, the ways in which the subject has been discursively positioned in the organization of information and files in the network environment through the tags, in order to reflect on the possibilities of interpretation of linguistic materiality. It is observed that within this context underpinned by interactivity and media convergence, it requires increasing the enrollment of subjects, the conduct of the word that cant cease, this aspect not only modifies the way of organization saying, but also the way of constitution and circulation of the same ones, since the subject starts to have one another relationship with words. From the conceptual assumptions of discourse analysis, we analyzed the effects of meanings installed by the tag \"Egypt\" on information and files on the microblog Twitter and Delicious social bookmarking. What allowed it to be done in the comparison involving the senses the tags and the words from the process of web folksonomy, investigating how ideology operates in the transit of words, generating (im) possibilities of readings and access to files in Egypt. We also observed how the conditions of production made possible by information and communication technologies (ICTs), allow the movement of other ways to tell, organize, index and mean information, using the collective intelligence for the development of new methods to organize and find information on the web.
7

A folksonomia como prática de classificação colaborativa para a recuperação da informação

Barros, Léa Maria de Souza 25 February 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2015-10-19T11:50:16Z (GMT). No. of bitstreams: 1 LeaBarrosDissertacao.pdf: 1427816 bytes, checksum: 78352f8e68dbfeff8d959ed1d05a2cfd (MD5) Previous issue date: 2011-02-25 / Investiga o conceito e as práticas de folksonomia, etiquetamento e classificação colaborativa para a representação e recuperação de informação em ambientes web. Ressalta a importância do vocabulário livre usado por usuários para o aprimoramento das linguagens documentárias, destacando a interdisciplinaridade entre a Ciência da Informação e a Linguística. Aborda teorias linguísticas de diversos autores e ressalta a importância de aproximação entre estudos linguísticos e os de representação da informação......
8

Aprendizado automático de relações semânticas entre tags de folksonomias.

RÊGO, Alex Sandro da Cunha. 05 June 2018 (has links)
Submitted by Maria Medeiros (maria.dilva1@ufcg.edu.br) on 2018-06-05T14:49:44Z No. of bitstreams: 1 ALEX SANDRO DA CUNHA RÊGO - TESE (PPGCC) 2016.pdf: 1783053 bytes, checksum: 4ae3b5d42dde739cfd57afaa25fd7e63 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-06-05T14:49:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 ALEX SANDRO DA CUNHA RÊGO - TESE (PPGCC) 2016.pdf: 1783053 bytes, checksum: 4ae3b5d42dde739cfd57afaa25fd7e63 (MD5) Previous issue date: 2016 / As folksonomias têm despontado como ferramentas úteis de gerenciamento online de conteúdo digital. A exemplo dos populares websites Delicious, Flickr e BibSonomy, diariamente os usuários utilizam esses sistemas para efetuar upload de recursos web (e.g., url, fotos, vídeos e referências bibliográficas) e categorizá-los por meio de tags. A ausência de relações semânticas do tipo sinonímia e hiperonímia/hiponímia no espaço de tags das folksonomias reduz a capacidade do usuário de encontrar recursos relevantes. Para mitigar esse problema, muitos trabalhos de pesquisa se apoiam na aplicação de medidas de similaridade para detecção de sinonímia e construção automática de hierarquias de tags por meio de algoritmos heurísticos. Nesta tese de doutorado, o problema de detecção de sinonímia e hiperonímia/hiponímia entre pares de tags é modelado como um problema de classificação em Aprendizado de Máquina. A partir da literatura, várias medidas de similaridade consideradas boas indicadoras de sinonímia e hiperonímia/hiponímia foram identificadas e empregadas como atributos de aprendizagem. A incidência de um severo desbalanceamento e sobreposição de classes motivou a investigação de técnicas de balanceamento para superar ambos os problemas. Resultados experimentais usando dados reais das folksonomias BibSonomy e Delicious mostraram que a abordagem proposta denominada CPDST supera em termos de acurácia o baseline de melhor desempenho nas tarefas de detecção de sinonímia e hiperonímia/hiponímia. Também, aplicou-se a abordagem CPDST no contexto de geração de listas de tags semanticamente relacionadas, com o intuito de prover acesso a recursos adicionais anotados com outros conceitos pertencentes ao domínio da busca. Além da abordagem CPDST, foram propostos dois algoritmos fundamentados no acesso ao WordNet e ConceptNet para sugestão de listas especializadas com tags sinônimas e hipônimas. O resultado de uma avaliação quantitativa demonstrou que a abordagem CPDST provê listas de tags relevantes em relação às listas providas pelos métodos comparados. / Folksonomies have emerged as useful tools for online management of digital content. Popular websites as Delicious, Flickr and BibSonomy are now widespread with thousands of users using them daily to upload digital content (e.g., webpages, photos, videos and bibliographic information) and tagging for later retrieval. The lack of semantic relations such as synonym and hypernym/hyponym in the tag space may diminish the ability of users in finding relevant resources. Many research works in the literature employ similarity measures to detect synonymy and to build hierarchies of tags automatically by means of heuristic algorithms. In this thesis, the problems of synonym and subsumption detection between pairs of tags are cast as a pairwise classification problem. From the literature, several similarity measures that are good indicators of synonymy and subsumption were identified, which are used as learning features. Under this setting, there is a severe class imbalance and class overlapping which motivated us to investigate and employ class imbalance techniques to overcome these problems. A comprehensive set of experiments were conducted on two large real-world datasets of BibSonomy and Delicious systems, showing that the proposed approach named CPDST outperforms the best performing heuristic-based baseline in the tasks of synonym and subsumption detection. CPDST is also applied in the context of tag list generation for providing access to additional resources annotated with other semantically related tags. Besides CPDST approach, two algorithms based on WordNet and ConceptNet accesses are proposed for capturing specifically synonyms and hyponyms. The outcome of an evaluative quantitative analysis showed that CPDST approach yields relevant tag lists in relation to the produced ones by the compared methods.
9

Dos modelos classificatórios tradicionais na ciência da informação à folksonomia: um enfoque discursivo / From classification traditional models in Information Science to folksonomy: a approach discursive

Reis, Lívia de Lima 03 May 2012 (has links)
Made available in DSpace on 2016-06-02T20:25:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 5534.pdf: 1218547 bytes, checksum: a7e30c3158af97575b9b5f53c4fb9387 (MD5) Previous issue date: 2012-05-03 / This research is about the models of organization and classification of information in the field of Librarianship and Information Science, prioritizing a more dialogical form of organization of information, the folksonomy. Initially, we aim to understand, through the archaeological and genealogical Foucault s methods, the conditions of possibility of two different classification procedures, one traditional and other contemporary. For doing this, a contextualization of the field of knowledge called Librarianship and Information Science will be presented, as well as the models of information organization used, and this field s tendencies. In sequence, considering the theoretical categories derived from the works of Bakhtin and Foucault, we will analyze different forms of classification of knowledge and of language concepts that underlie them. Some of the results indicate that there is a new form of power implied in the social practice of folksonomy, understood as one collaborative tool to organize the information in the Web 2.0, in which the subjects themselves act in the regulation of discourse and in the creation of new concepts. The analytical reflections illustrate that the subjects act in a responsive way on the internet by manipulating linguistic features through the creation of tags related to different semantic universes. We also intended to locate points of resistance focusing on the linguistic and discursive practices of folksonomy as a locus of social change. The Web 2.0 works based on a dynamics of incitement and pleasure which reinforces the flow of information and online relationships, thus, folksonomy works like a type of social network which allows relationships among the subjects with the same interests through the use of a creative, collaborative and personalized way of content organization. Regarding the current trends of studies in the field of Librarianship and Information Science, folksonomy has functioned as a tool to assist the approaches that take into account the users and context of use of information in documentary languages. / Esta pesquisa trata dos modelos de organização e classificação das informações na área da Biblioteconomia e Ciência da Informação, priorizando uma forma mais dialógica de organização das informações, a folksonomia. Inicialmente, trata-se de compreender, por meio dos métodos arqueológico e genealógico de Foucault, as condições de possibilidade de dois tipos diferentes de procedimentos de classificação, um tradicional e outro contemporâneo. Para tanto, será feita uma contextualização do campo de saber da Biblioteconomia e Ciência da Informação, dos modelos de organização das informações utilizados por ele, e das tendências de estudo neste campo. Na sequência, a partir de categorias teóricas oriundas dos trabalhos de Bakhtin e de Foucault, pretendese analisar diferentes formas de classificação do conhecimento e as concepções de língua subjacentes a eles. Alguns resultados indicam que há uma nova forma de circulação do poder na prática da folksonomia, tomada como uma ferramenta colaborativa de organização de informações da Web 2.0, em que os próprios sujeitos funcionam como instâncias de regulamentação de discursos e criação de novos conceitos. As reflexões analíticas ilustram a possibilidade da ação responsiva dos sujeitos na Internet através da manipulação linguística na criação de tags vinculadas a universos semânticos diferenciados. Tentou-se localizar pontos de resistências focalizando as práticas linguístico-discursivas da folksonomia como lócus de mudanças sociais. A Web 2.0 funciona segundo uma dinâmica do poder de incitação à circulação e ao relacionamento online, assim, a folksonomia funciona também como um tipo de rede social que possibilita relacionamentos entre sujeitos com os mesmos interesses, além de uma organização de conteúdos criativa, personalizada e colaborativa. A respeito das tendências atuais de estudos do campo da Biblioteconomia e Ciência da Informação, a folksonomia tem funcionado como uma ferramenta de auxílio nas abordagens que levam em consideração o sujeito e o contexto de uso da informação na utilização de linguagens documentárias.
10

Sistema de recomendação de tags aplicado na catalogação de recursos de aprendizagem / Tags recommendation system applied on the cataloguing os learning resources

Amaral, Anderson Roque do 03 December 2014 (has links)
Made available in DSpace on 2016-06-02T19:07:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 AMARAL_Anderson_2014.pdf: 3835882 bytes, checksum: 2fdc6c0cc705277a06fbcce246dd4b79 (MD5) Previous issue date: 2014-12-03 / Aspects of social tagging have been studied in the last years aiming at addressing concepts, applicability and techniques related to the generation and management of tags as key elements for the resource research and classification. Social tagging has been recognized as an important alternative for the description of resources available on the Web. Concerning on the rapid growth of resources and their information on the Web, it has become increasingly difficult to find and organize such massive data by traditional methods as based on directories classification. The process of social tagging has been investigated to improve the cataloging of resources, being recommendation algorithms of tags, visualization techniques and automatic generation of tags, among others have been explored for this purpose. Within the e-learning context, the social tagging may assist on building of metadata of learning objects. Thus, all the advantages linked to this model of resources organization, has emerged as solutions for e-learning systems. The main contribuition of a teaching-learning environment is the creation, storing and maintenance of the catalog of learning resources that can be checked and updated continuously. This work proposes a tags recommendation system, improving the process of cataloguing of learning resources on the web. Three experiments were carried out with technician students of a informatics course to validate the proposal: the first one examined the social tagging activity without using the tag recommendation system; the second one was conducted to evaluate the tagging activity, but including the tags recommendation system; and the third one verified the students navigation from the tagged resources created from the first and the second experiment, in order to check that the support of the recommendation was effective in the descriptor vocabulary of the resource. / Aspectos da marca¸c ao social t em sido estudados nos ´ultimos anos com o objetivo de abordar conceitos, aplicabilidade e t´ecnicas relacionadas `a gera¸c ao e gest ao de tags como elementos-chave para a pesquisa de recursos e classifica¸c ao. A marca¸c ao social tem sido reconhecida como uma importante alternativa para a descri¸c ao dos recursos dispon´&#305;veis na Web. No que diz respeito sobre o r´apido crescimento dos recursos e suas informa¸c oes na Web, tornou-se cada vez mais dif´&#305;cil de encontrar e organizar essa grande massa de dados por m´etodos tradicionais com base na classifica¸c ao em diret´orios. O processo de marca¸c ao social tem sido investigado para melhorar a cataloga¸c ao de recursos, sendo que estrat´egias como algoritmos de recomenda¸c ao de tags, t´ecnicas de visualiza¸c ao e gera¸c ao autom´atica de tags, entre outras foram exploradas para esta finalidade. Dentro do contexto de e-learning, a marca¸c ao social pode ajudar na constru¸c ao de metadados de objetos de aprendizagem. Assim, todas as vantagens associadas a este modelo de organiza¸c ao de recursos, surgiu como solu¸c ao para sistemas de e-learning. A principal contribui¸c ao de um ambiente de ensino-aprendizagem ´e a cria¸c ao, armazenamento e manuten¸c ao do cat´alogo de recursos de aprendizagem que pode ser verificado e atualizado continuamente. Este trabalho prop oe um sistema de recomenda¸c ao de tags, melhorando o processo de cataloga¸c ao de recursos de aprendizagem na Web. Tr es experimentos foram realizados com os alunos de um curso t´ecnico de inform´atica para validar a proposta: o primeiro examinou a atividade de marca¸c ao social sem usar o sistema de recomenda¸c ao de tags; o segundo foi realizado para avaliar a atividade de marca¸c ao, mas incluindo o sistema de recomenda¸c ao de tags; e o terceiro verificou a navega¸c ao dos estudantes a partir dos recursos marcados e criados a partir do primeiro e do segundo experimentos, a fim de verificar que o apoio da recomenda¸c ao foi eficaz no vocabul´ario descritor dos recursos.

Page generated in 0.0234 seconds