• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 3068
  • 4
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 3074
  • 3074
  • 3074
  • 2450
  • 1040
  • 640
  • 610
  • 579
  • 490
  • 390
  • 374
  • 362
  • 352
  • 328
  • 276
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Gêneros textuais no livro didático de português: problemas de abordagem

Barros, Daniela Samira da Cruz 17 September 2007 (has links)
Submitted by Renata Lopes (renatasil82@gmail.com) on 2016-11-01T11:10:25Z No. of bitstreams: 1 danielasamiradacruzbarros.pdf: 394312 bytes, checksum: 62fecd1caedd4376c3d9b32e92401f75 (MD5) / Rejected by Adriana Oliveira (adriana.oliveira@ufjf.edu.br), reason: Favor verificar palavras chave na autorização on 2016-12-15T13:19:38Z (GMT) / Submitted by Renata Lopes (renatasil82@gmail.com) on 2016-12-15T13:22:43Z No. of bitstreams: 1 danielasamiradacruzbarros.pdf: 394312 bytes, checksum: 62fecd1caedd4376c3d9b32e92401f75 (MD5) / Approved for entry into archive by Adriana Oliveira (adriana.oliveira@ufjf.edu.br) on 2016-12-15T13:24:49Z (GMT) No. of bitstreams: 1 danielasamiradacruzbarros.pdf: 394312 bytes, checksum: 62fecd1caedd4376c3d9b32e92401f75 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-12-15T13:24:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 danielasamiradacruzbarros.pdf: 394312 bytes, checksum: 62fecd1caedd4376c3d9b32e92401f75 (MD5) Previous issue date: 2007-09-17 / Este trabalho tem por objetivo investigar de que forma os gêneros textuais têm sido efetivamente tratados nos manuais didáticos de Língua Portuguesa no contexto do Ensino Fundamental. Após análise de alguns livros recomendados pelo Programa Nacional do Livro didático (PNLD), optamos por focalizar a abordagem utilizada pela coleção Português Paratodos, de Ernani Terra e Floriana Cavallete, por tratar-se de material realmente adotado em escolas da rede pública de Três Rios, RJ. Tal pesquisa baseia-se em alguns conceitos-chave das teorias de gêneros, seguindo-se principalmente a perspectiva sócio-discursiva de Bakhtin, os aportes da sócio-retórica de Swales e a discussão sobre a transposição didática do gênero empreendida pelo Grupo de Genebra (Dolz e Schneuwly, em particular). Recorre-se também a estudos sobre a própria questão do uso do livro didático no ensino-aprendizagem de Português. Em constante diálogo com esses enquadres teóricos, a presente análise aponta problemas de abordagem dos gêneros nos livros pesquisados, mas sugere também propostas alternativas. / This research aims at investigating how text genres have been effectively approached in Portuguese textbooks in Brazil. After analyzing some books which were recommended by the National Program of Textbooks (PNLD), we decided to focus on the series Português Paratodos, by Ernani Terra and Floriana Cavallete, since it has been really adopted by public schools located in Três Rios, RJ. This study relies on some basic concepts from genre theory, mainly sociointeracionist and sociorhetorical perspectives (Bakhtin and Swales), and on the matter of pedagogical implications as discussed by Dolz and Schneuwly. We also investigated some studies on the use of textbooks for the learning and teaching of Portuguese. Proposing an articulation between these theories, our research points out problems observed in the textbooks analyzed and also suggests some alternative approaches.
2

Contato dialetal: análise do falar paulista em João Pessoa

Chacon, Karoline de Albuquerque 21 September 2012 (has links)
Made available in DSpace on 2015-05-14T12:42:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 arquivototal.pdf: 1788966 bytes, checksum: 2bef7d200a4321839afa4f3f78667fbf (MD5) Previous issue date: 2012-09-21 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / El presente estudio tuvo como objetivo evaluar la existencia o no del proceso de acomodación de la palatalización en coda medial en el contacto dialectal de paulistas con pessoenses. A la luz de la Teoría de la Variación Lingüística (LABOV, 1983 [1972]; LABOV et al, 2006 [1968]; LABOV, 2008 [1972]), Teoría de la Acomodación (GILES et al, 1973; GILES, 1977, GILES et al, 2010 [1991]) y consideraciones sobre las actitudes lingüísticas (LAMBERT, 1967, GILES et al, 2010 [1991]; FERNÁNDEZ, 1998; COUPLAND, 2007), fueron analizadas las variables estilísticas, sociales y de actitud de los hablantes para entender la incidencia del fenómeno estudiado. La investigación fue experimental, de naturaleza cuantitativa y cualitativa, al cual participaron diez hablantes paulistas seleccionados por edad (19-25 y mayores de 30 años de edad) y por el tiempo de residencia en João Pessoa (más de un año). Como variables fueron controladas las lingüísticas dependientes: los fones [s, z] antes de /t/ y los fones [ʃ, ʒ] antes de / d /; las variables estilísticas: tipos de lectura de textos y entrevistas; las variables sociales independientes: edad, tiempo de exposición, naturalidad de los padres; y la variable de actitud: la actitud lingüística. El análisis del fenómeno fue posible a partir de las dos fases, la primera rellenando los datos del formulario de la caracterización de los sujetos, la entrevista sociolingüística y de la percepción del hablante y de la lectura de tres mini-textos con 17 palabras con el objeto de estudio en la posición átona y 14 en la posición tónica, distribuidos al azar. El segundo paso, los resultados estadísticos ejecutados en el Programa GoldVarbX, el cual señaló el peso relativo para las variables controladas que definen su significancia y correlación probabilística entre las variables más relevantes con los datos de las actitudes lingüísticas. Tras el análisis de los datos cuantitativos y cualitativos encontraron que aunque las variables, tiempo de exposición y edad favoreciesen la acomodación de la palatalización la incidencia general de este fenómeno fue menos del 35%, lo que indica poca aplicación de la palatalización. Además, investigar los datos de actitud de los hablantes que han aplicado el fenómeno permitió observar que es en la infancia y la adolescencia que el estatus y las fuerzas relacionadas al poder y el habla estimulan emociones negativas que favorecen a la acomodación, por lo tanto, la edad y el tiempo de exposición fueron los factores más relevantes para la acomodación de la palatalización. Por otro lado, también indicó que los aspectos de la solidaridad con el habla de origen contribuyen en la preservación de los aspectos del habla familiar, manteniendo cierto vínculo paulista y divergiendo con la acomodación a la palatalización. / O presente estudo teve por objetivo avaliar a existência ou não do processo de acomodação da palatalização em coda medial no contato dialetal de paulistas com pessoenses. À luz da Teoria da Variação Linguística (LABOV, 1983 [1972]; LABOV et al, 2006 [1968]; LABOV, 2008 [1972]), Teoria da Acomodação (GILES et al, 1973; GILES, 1977; GILES et al, 2010 [1991]) e considerações sobre as atitudes linguísticas (LAMBERT, 1967; GILES et al, 2010 [1991]; FERNÁNDEZ, 1998; COUPLAND, 2007), foram analisadas as variáveis estilísticas, sociais e atitudinais dos falantes para compreender a incidência do fenômeno estudado. A pesquisa foi do tipo experimental e de naturezas quantitativa e qualitativa, da qual participaram dez falantes paulistas selecionados por faixa etária (de 19 a 25 e acima de 30 anos de idade) e pelo tempo de residência em João Pessoa (acima de um ano). Como variáveis, foram estipuladas as linguísticas dependentes: fones [s,z] antes de /t/ e os fones [ʃ,Ʒ] antes de /d/; as variáveis estilísticas: estilos de leitura de texto e de entrevistas; as variáveis sociais independentes: idade, tempo de exposição, naturalidade dos pais; e a variável atitudinal: atitude linguística. A análise do fenômeno foi possível a partir de duas etapas, sendo a primeira, por meio do preenchimento da ficha de caracterização do sujeito, da entrevista sociolinguística e de percepção do falante e da leitura de três mini-textos com 17 palavras, com o objeto de estudo em posição pretônica e 14 em posição tônica, distribuídas aleatoriamente. A segunda etapa, com os resultados estatísticos rodados no Programa GoldVarbX, que apontou o peso relativo para as variáveis controladas, definindo a significância, bem como a correlação probabilística entre as variáveis mais relevantes com os dados atitudinais da análise das atitudes linguísticas. Após análise dos dados quantitativos e qualitativos, considerou-se que, apesar das variáveis tempo de exposição e idade favorecerem à acomodação da palatalização, à incidência geral deste fenômeno foi menor que 35%, indicando a pouca aplicação da palatalização. Além disso, investigar os dados atitudinais dos falantes que aplicaram o fenômeno possibilitou observar que é na fase da infância e da adolescência que o status e as forças relacionadas ao poder e à fala estimulam emoções negativas que favorecem à acomodação. Por isso, a idade e o tempo de exposição foram os fatores sociais mais relevantes para a acomodação da palatalização. Por outro lado, indicou também que aspectos de solidariedade com o falar de origem ajudam na preservação de aspectos do falar familiar, mantendo certo vínculo paulista e divergindo com a acomodação à palatalização.
3

A INFLUÊNCIA DO SN-SUJEITO NO PROCESSAMENTO DE ORAÇÕES RELATIVAS AMBÍGUAS NO PORTUGUÊS BRASILEIRO

Prestes, Liliane da Silva 23 February 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2016-03-22T17:27:38Z (GMT). No. of bitstreams: 1 LILIANE.pdf: 1182992 bytes, checksum: 5c92972ef795377ea9598495c2bfe752 (MD5) Previous issue date: 2006-02-23 / The present work aims at analyzing the influence of the internal structure of the NPsubject in the interpretation of ambiguous relative clauses of Brazilian Portuguese. The objective of the research was to investigate the performance of parser related to the preference of attachment of this type of clause, searching a possible relation with the structure, under the syntactic and prosodic points of view, which defined the combination of variables to be observed: simple and short NP; simple and long; composed and short; and composed and long. In order to compare silent and oral reading, collection of data instruments had been elaborated. The silent reading experiment was applied to a total of one hundred and ten informers; in turn, the oral reading experiment was applied to seven informers, all university students and monolingual speakers of Brazilian Portuguese. For the elaboration of the instrument, we took as a reference the type of construction used in the forth experiment proposed by Cuettos and Mitchell (1988). For the accomplishment of this study, we were based on the Implicit Prosody Hipotesis (Fodor, 2002), Prosodic Theory (Nespor and Vogel, 1986), studies about prosody-syntax interface (Inkelas and Zed, 2000), as well as studies refered to the processing of sentences in languages such as English, Spanish and Brazilian Portuguese (Bader, 1998; Fernández, 2002; Finger and Zimmer, 2005; Lourenço-Gomes, 2003; Maia et al, 2004, entre outros). We analyzed, in silent reading, the attachment preferences; and, in oral reading, such preferences had been associated to acoustic analysis, in order to find relations between the division of the structure in phnological phrases and the related choices. The results of the research had disclosed, for this type of structure, a significant preference for the early closure of the relative clause in both silent and oral reading. The results had converged in the direction to confirm the hypothesis that the more 20 natural prosodic contour of the language would influence the resolution of this type of ambiguity. However, the variable studied here revealed itself as irrelevant, which sent us to possible explanations related to the type and the length of the involved structures, as well as the proper collection of data instrument configuration. The results obtained in this analysis had allowed us to infer that the parser would be influenced by proper characteristics of each language, contributing, thus, for the deepening of the studies on language processing. / O presente trabalho apresenta um estudo sobre a influência da estrutura interna do SN-sujeito na interpretação de orações relativas ambíguas do português brasileiro. O objetivo da pesquisa foi investigar a atuação do parser no que se refere à preferência de aposição desse tipo de oração, buscando uma possível relação com a estrutura, sob os pontos de vista sintático e prosódico, o que definiu a combinação de variáveis a serem observadas: SN simples e curto; simples e longo; composto e curto; e composto e longo. A fim de comparar leitura silenciosa o oral, foram elaborados instrumentos para coleta de dados. O experimento de leitura silenciosa foi aplicado a um total de cento e dez informantes; enquanto que o experimento de leitura oral foi aplicado a sete informantes, todos universitários e falantes monolíngües do português brasileiro. Para a elaboração do instrumento, tomamos como referência o tipo de construção utilizada no quarto experimento proposto por Cuettos e Mitchell (1988). Para a realização deste estudo, fundamentamo-nos na Hipótese da Prosódia Implícita (Fodor, 2002), na Teoria Prosódica (Nespor e Vogel, 1986), em estudos sobre a interface prosódia-sintaxe (Inkelas e Zec, 2000), bem como em estudos referentes ao processamento de frases em línguas como inglês, espanhol e português brasileiro (Bader, 1998; Fernández, 2002; Finger e Zimmer, 2005; Lourenço-Gomes, 2003; Maia et al, 2004, entre outros). Analisamos, na leitura silenciosa, as preferências de aposição; e, na leitura oral, tais preferências foram associadas à analise acústica, buscando encontrar relações entre o fraseamento prosódico e as referidas escolhas. Os resultados da pesquisa revelaram, para este tipo de estrutura, uma expressiva preferência pela aposição alta da oração relativa tanto na leitura silenciosa quanto na leitura oral. Os resultados convergiram no 18 sentido de confirmar a hipótese de que o contorno prosódico mais natural da língua influenciaria a resolução desse tipo de ambigüidade. Entretanto, a variável em estudo revelou-se irrelevante, o que remeteu-nos a possíveis explicações relacionadas ao tipo e ao comprimento das estruturas envolvidas, bem como à própria configuração do instrumento de coleta de dados. Os resultados obtidos com esta análise permitiram depreender que o parser seria influenciado por características próprias de cada língua, contribuindo, assim, para o aprofundamento dos estudos sobre o processamento da linguagem
4

A construção de duração com dar no português do Brasil – uma abordagem sociocognitiva

Gonçalves, Maria Angélica 14 December 2005 (has links)
Submitted by Renata Lopes (renatasil82@gmail.com) on 2017-02-07T11:26:00Z No. of bitstreams: 1 mariaangelicagoncalves.pdf: 661381 bytes, checksum: 832ae9a50f5cc50a693483addd76dd3b (MD5) / Approved for entry into archive by Adriana Oliveira (adriana.oliveira@ufjf.edu.br) on 2017-02-07T14:11:01Z (GMT) No. of bitstreams: 1 mariaangelicagoncalves.pdf: 661381 bytes, checksum: 832ae9a50f5cc50a693483addd76dd3b (MD5) / Made available in DSpace on 2017-02-07T14:11:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 mariaangelicagoncalves.pdf: 661381 bytes, checksum: 832ae9a50f5cc50a693483addd76dd3b (MD5) Previous issue date: 2005-12-14 / O presente estudo aborda as construções nominalizadas que se apresentam sob a forma dar uma X+da(SP) cuja ocorrência é bastante comum na conversação espontânea do Português do Brasil. As frases a seguir ilustram a forma estudada: Ela deu uma andada pelo shopping / Ele deu uma arrumada na gaveta / Ela deu uma conversada com a amiga. A teoria da Lingüística Sociocognitiva nos forneceu o suporte necessário para apresentar os elos de sua relação motivacional na rede de construções em que se inscreve. Propomos, portanto, que a construção nominalizada, alvo de nosso estudo, seja motivada, por sua inserção na grande rede das construções com o verbo dar realizada por meio de conexões intermediárias pela construção básica de Transferência de Posse. O fenômeno estudado caracteriza-se por uma específica construção que se especializou na expressão de uma nuança de significação aspectual, isto é, uma sentença dita pelo falante para expressar eventos que possam denotar duração (diminutizada). / This dissertation approaches nominalized constructions that have the following form dar uma X-da(SP) which commonly occurs is very common in spontaneous speech in the Portuguese language of Brazil. This form is illustrated by the following phrases: Ela deu uma andada pelo shopping / Ele deu uma arrumada na gaveta / Ela deu uma conversada com a amiga. The theory of sociocognitive linguistics provided the necessary background to analyze the links of their motivational relation taking into account the network of constructions in which this form is inserted. This study suggests that the nominalized construction, which is the aim of this thesis, is motivated by its insertion into the great network of constructions with the verb dar and it is realized by means of intermediary connections that are provided by the basic construction of the Transfer Possession. The subject is characterized by a specific construction that turned into an expression of a nuance of aspectual signification, this it, a sentence that is uttered by the speaker in order to express duration.
5

Interagindo e construindo significados em situações de conflito através da prática discursiva de explicações

Divan, Líllian Márcia Ferreira 20 October 2006 (has links)
Submitted by Renata Lopes (renatasil82@gmail.com) on 2017-02-07T14:32:12Z No. of bitstreams: 1 lillianmarciaferreiradivan.pdf: 678159 bytes, checksum: bbe009ef5719a34cc982a4aa94d322ab (MD5) / Approved for entry into archive by Adriana Oliveira (adriana.oliveira@ufjf.edu.br) on 2017-02-08T12:34:32Z (GMT) No. of bitstreams: 1 lillianmarciaferreiradivan.pdf: 678159 bytes, checksum: bbe009ef5719a34cc982a4aa94d322ab (MD5) / Made available in DSpace on 2017-02-08T12:34:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 lillianmarciaferreiradivan.pdf: 678159 bytes, checksum: bbe009ef5719a34cc982a4aa94d322ab (MD5) Previous issue date: 2006-10-20 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / O objetivo deste estudo é analisar de que forma os participantes de audiências de conciliação no PROCON de Juiz de Fora, Minas Gerais, se utilizam das explicações como recursos discursivo-interacionais para expor seus pontos de vista, para se posicionar no discurso, e para construir o significado. Procuramos focalizar duas dimensões do fenômeno discursivo das explicações. Num primeiro momento, analisamos as explicações na sua dimensão interacional, em um nível de formulação lingüística, destacando-as como parte de um processo corretivo e como estratégia de posicionamento do self e do outro. Num segundo momento, focalizamos as explicações como prática discursiva de construção do significado. A análise evidenciou que o reclamado fez uso de escusas, justificativas e recusas para tentar reconstituir o evento de fala e apresentar o seu próprio ponto de vista a respeito do que foi dito. O reclamante também fez uso de explicações, que tomaram a forma de relatos da situação problemática, para apresentar sua versão sobre os fatos e redefinir a situação problemática. O mediador se utilizou da fala explicativa para ser o porta-voz do consumidor e para tentar produzir um acordo entre as partes. Ao exporem seus pontos de vista através das explicações, os participantes se posicionaram no discurso. O objetivo deste estudo é analisar de que forma os participantes de audiências de conciliação no PROCON de Juiz de Fora, Minas Gerais, se utilizam das explicações como recursos discursivo-interacionais para expor seus pontos de vista, para se posicionar no discurso, e para construir o significado. Procuramos focalizar duas dimensões do fenômeno discursivo das explicações. Num primeiro momento, analisamos as explicações na sua dimensão interacional, em um nível de formulação lingüística, destacando-as como parte de um processo corretivo e como estratégia de posicionamento do self e do outro. Num segundo momento, focalizamos as explicações como prática discursiva de construção do significado. A análise evidenciou que o reclamado fez uso de escusas, justificativas e recusas para tentar reconstituir o evento de fala e apresentar o seu próprio ponto de vista a respeito do que foi dito. O reclamante também fez uso de explicações, que tomaram a forma de relatos da situação problemática, para apresentar sua versão sobre os fatos e redefinir a situação problemática. O mediador se utilizou da fala explicativa para ser o porta-voz do consumidor e para tentar produzir um acordo entre as partes. Ao exporem seus pontos de vista através das explicações, os participantes se posicionaram no discurso. / This study has as objective to analyze how the participants of conciliation hearings in the PROCON of Juiz de Fora, Minas Gerais, use accounts as discursive- interactional strategies to display their points of view, to position themselves and to construct meaning. We have focused on two dimensions of the account discursive practices. First, we analyzed the accounts in its interactional dimension, on a linguistics formulation level, highlighting them as a remedial work and as positioning strategies. Secondly, we focused the accounts as discursive practices to construct meaning. The analysis has shown that the complainee used excuses, justifications and refuses to try to reconstitute the event and to present his own point of view concerning what has been said. The complainer also have used the accounts, which took the form of reports of the problematic situation, to present his version about the facts and to redefine the problematic situation. The mediator used the explanatory speech to be the consumer spokesman and to try to produce an agreement between the parts. As they displayed their points of view through accounts, the participants positioned themselves in the speech.
6

Mem?ria at?vica: a est?tica da loucura em M?rio Quintana

Barata J?nior, Carlos Roberto Rodrigues 21 September 2016 (has links)
Submitted by Automa??o e Estat?stica (sst@bczm.ufrn.br) on 2018-02-21T20:59:43Z No. of bitstreams: 1 CarlosRobertoRodriguesBarataJunior_TESE.pdf: 11011732 bytes, checksum: 4d363dbacacd63e4ed1103d2417e1c10 (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2018-02-21T23:36:44Z (GMT) No. of bitstreams: 1 CarlosRobertoRodriguesBarataJunior_TESE.pdf: 11011732 bytes, checksum: 4d363dbacacd63e4ed1103d2417e1c10 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-02-21T23:36:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 CarlosRobertoRodriguesBarataJunior_TESE.pdf: 11011732 bytes, checksum: 4d363dbacacd63e4ed1103d2417e1c10 (MD5) Previous issue date: 2016-09-21 / Este trabalho tem como objetivo investigar as acep??es do termo ?loucura? e de seus numerosos derivados na obra do poeta Mario Quintana (1906-1994). Por pouco mais de meio s?culo, o escritor ga?cho entrela?ou insistentes imagens em um plano est?tico unificado, com vistas a questionar os conceitos de raz?o e de consci?ncia. O poema Atavismo (1977) se ofereceu para servir ao mesmo tempo enquanto ponto de partida e eixo central para nossas an?lises. Conduzido por Atavismo, este estudo observou que os termos ?loucura? e ?poesia? t?m ambos a mesma g?nese: uma mem?ria at?vica. Por isso, foi preciso que consider?ssemos as infer?ncias sobre o atavismo, conceito das ci?ncias biol?gicas relativo a um tipo especial de mem?ria e, tamb?m, a mem?ria ela mesma. Na redund?ncia proposital formada pelo adjetivo ?at?vica? e pelo substantivo ?mem?ria?, o poeta nos induz ? percep??o de que a discuss?o sobre a loucura/poesia orbita em torno de um problema coletivo, isto ?, social, em sua rela??o com os tempos e com os valores dos tempos. A compreens?o assumida ? a de que o(s) termo(s) loucura/poesia se erige(m) como ant?tese de formas espec?ficas das configura??es sociais vigentes, sejam elas pol?ticas, art?sticas, econ?micas ou culturais. ?, na busca do entendimento dessa ant?tese, que apregoa formas mais espont?neas de vida que este trabalho finaliza seus esfor?os, apurando as figuras e recursos est?ticos com os quais o poeta incorporou seu intento: a crian?a, o louco, Trebizonda e outros adidos no elenco lingu?stico quintaniano. Por trabalharmos com uma po?tica bem articulada em si, a leitura interligada dos poemas de Mario Quintana se sustenta por si mesma, mas n?o se institui necessariamente herm?tica, exclusiva. Sendo esta uma pesquisa qualitativa, e n?o havendo fortuna cr?tica que verse sobre a tem?tica, a melhor forma de trabalho ?, antes de tudo, a leitura atenta dos poemas e a anu?ncia de suas pr?prias vozes. Entretanto, isso n?o impede que lancemos m?o de outros textos e elementos elucidativos que subsidiem esta pesquisa com aportes te?ricos, cr?ticos, est?ticos e filos?ficos. Dessa forma, ? de grande valia a intersec??o dos poemas com outras vozes, tais quais, S?focles (497?-406? a.C.), Shakespeare (1560?-1616), Machado de Assis (1839-1908), Mikhail Bakhtin (1895-1975), Henri Bergson (1859-1941), Maurice Halbwachs (1877-1945), Salvador Dal? (1904-1989), Jacques Le Goff (1924-), Michel Foucault (1926-1984), Ecl?a Bosi, dentre outras. Tais vozes impulsionam apontamentos cr?ticos mais ricos acerca de uma obra brasileira propagada durante uma vida inteira em defesa de uma humanidade al?m da l?gica cartesiana. / This work aims to investigate the meanings of the trope ?madness? and its many derivatives in the work of the Brazilian poet Mario Quintana (1906-1994). The Southern poet worked for over half a century with an aesthetic unified plan, like a tapestry of recurring images, in an attempt to question the concepts of reason and conscience. The poem Atavismo (1977) offers itself as a central axle to our analysis. Guided by Atavismo, this study observed the terms ?madness? and ?poetry? have the same genesis: an atavistic memory. In order to do so, it was necessary to consider inferences about atavism, a concept from Biology concerned to a special type of memory and about memory itself. Because its redundant insistence with the adjective ?atavist? as an attribute of memory, the poet lead us to the perception that the discussion about madness/poetry turns around a collective problem, that is a social problem in relation with time and the values of time. The comprehension is that the terms madness/poetry are built as an antithesis of specific social settings like political, artistic, economic and cultural backgrounds. Trying to achieve a comprehension of such antithesis that defends more spontaneous ways of life, his work walks towards its end analyzing the tropes and aesthetical resources with which the poet embodied his plan: the child, the madman, Trebizon and other attach?s in the Quintanian linguistic cast. Since we have been working with a very articulated poetics, a connected reading of the poems is desirable, which does not mean hermetic or exclusive. However, this approach does not prevent lay hold of other texts and explanatory elements that support this research with theoretical, critical, aesthetic and philosophical contributions. Therefore, the intersection of the poems with the voices of texts like Sophocles (497?-406? BC), William Shakespeare (1560?-1616), Machado de Assis (1839-1908), Mikhail Bakhtin (1895- 1975), Henri Bergson (1859-1941), Maurice Halbwachs (1877-1945), Salvador Dal? (1904-1989), Jacques Le Goff (1924-), Michel Foucault (1926-1984), Ecl?a Bosi among others. Such voices promote richer critical notes about a Brazilian work spread over a lifetime in defense of a humanity beyond Cartesian logic.
7

O estilo segundo a lingu?stica textual coseriana: uma proposta de conceptualiza??o

Moreira, Juzelly Fernandes Barreto 02 February 2018 (has links)
Submitted by Automa??o e Estat?stica (sst@bczm.ufrn.br) on 2018-04-02T12:13:56Z No. of bitstreams: 1 JuzellyFernandesBarretoMoreira_DISSERT.pdf: 1347395 bytes, checksum: 62dc0e05b0a72d0e79fe5a9f39e67d1c (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2018-04-04T11:24:22Z (GMT) No. of bitstreams: 1 JuzellyFernandesBarretoMoreira_DISSERT.pdf: 1347395 bytes, checksum: 62dc0e05b0a72d0e79fe5a9f39e67d1c (MD5) / Made available in DSpace on 2018-04-04T11:24:22Z (GMT). No. of bitstreams: 1 JuzellyFernandesBarretoMoreira_DISSERT.pdf: 1347395 bytes, checksum: 62dc0e05b0a72d0e79fe5a9f39e67d1c (MD5) Previous issue date: 2018-02-02 / Enquanto fen?meno investigado pelos estudos lingu?stico-discursivos, o estilo tem sido visto sob diferentes perspectivas, dentre as quais destacamos: a perspectiva da l?ngua, que parte da ideia de um sistema expressivo da l?ngua para caracteriz?-lo (BALLY, 1951, 1957; RIFFATERRE, 1973; MATTOSO C?MARA JR., 1972); a perspectiva dos g?neros, que o designa como um dos componentes conceituais de g?nero discursivo (BAKHTIN, 2011); a perspectiva semi?tica, que o associa ? constru??o do ethos do sujeito da enuncia??o (DISCINI, 2007, 2015, 2015a) e a perspectiva textual (ADAM, 2002; COUTINHO, 2002; POSSENTI, 2007), a qual ? representada por alguns estudos que apontam para a exist?ncia de uma rela??o entre texto e estilo, mas que apresentam investiga??es ainda pouco desenvolvidas sobre o tema, restringido? se a tratar da no??o de estilo, sem conceptualiz?-lo. Este trabalho, de natureza essencialmente te?rica, tem como objetivo ampliar essa discuss?o te?rica, trazendo ? luz uma outra concep??o de estilo que se encontra situada em uma abordagem espec?fica dos estudos lingu?sticos do texto: a lingu?stica textual coseriana. Nossas reflex?es s?o amparadas na separa??o que Coseriu (2007) estabelece entre os n?veis de linguagem, a saber: 1) o n?vel universal, 2) o n?vel hist?rico e 3) o n?vel individual. Segundo o autor, a lingu?stica do texto est? inserida no n?vel individual da linguagem, toma cada texto como evento ?nico e se ocupa da investiga??o da hermen?utica do sentido, o qual ? objetivado atrav?s de procedimentos textuais. Com base nesses postulados coserianos, fundamentamos nossa proposi??o de estilo: trata-se de um fen?meno situado no n?vel individual da linguagem que pode ser conceptualizado como o conjunto de procedimentos que objetivam o sentido do texto. Consideramos, portanto, que este quadro epistemol?gico constitui uma aplica??o conceitual poss?vel, atrav?s da qual pretendemos contribuir tanto para o avan?o dos debates sobre estilo, como para o desenvolvimento da lingu?stica do texto postulada por Eugenio Coseriu. / As a phenomenon investigated by linguistic-discursive studies, style has been seen under different perspectives, among which, we highlight: the perspective of language, departing from the idea of an expressive system of language to characterize it (BALLY, 1951, 1957, RIFFATERRE, 1973; MATTOSO CAMARA JR., 1972); the perspective of genres, which designates it as one of the conceptual components of discursive genre (BAKHTIN, 2011); semiotic perspective, which associates it with the construction of the ethos of the enunciator (DISCINI, 2007, 2015, 2015a) and textual perspective (ADAM, 2002, COUTINHO, 2002; POSSENTI, 2007), which is represented by studies which point to the existence of a relationship between text and style, but present investigations on the subject which are still little developed, limited to dealing with the notion of style without conceptualizing it. This work, essentially of theoretical kind, aims to broaden this theoretical discussion, bringing another conception of style into light which is situated in a specific approach of the linguistic studies of text: Coserian text linguistics. Our reflections are supported by the separation Coseriu (2007) establishes among the levels of language, namely, 1) Universal level, 2) Historical level and 3) Individual level. According to the author, text linguistics is inserted in the individual level of language, considering each text as a unique event and deals with the investigation of hermeneutics of meaning, being objectified through textual procedures. Based on these Coserian postulates, we introduce our proposition on style: it is a phenomenon situated at the individual level of language that can be conceptualized as the set of procedures that objectify the meaning of a text. We consider, therefore, that this epistemological framework constitutes a possible conceptual application, through which, we intend to contribute both to the advancement of debates on style as well as to the development of text linguistics as postulated by Eugenio Coseriu.
8

Velhice e ironia em contos de Dalton Trevisan e Clarice Lispector

Costa, Joice Marques Ribeiro 21 July 2017 (has links)
Submitted by Automa??o e Estat?stica (sst@bczm.ufrn.br) on 2017-11-01T21:02:10Z No. of bitstreams: 1 JoiceMarquesRibeiroCosta_DISSERT.pdf: 968238 bytes, checksum: 5772eae24f39f090561bfdaf64449ffc (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2017-11-06T22:59:40Z (GMT) No. of bitstreams: 1 JoiceMarquesRibeiroCosta_DISSERT.pdf: 968238 bytes, checksum: 5772eae24f39f090561bfdaf64449ffc (MD5) / Made available in DSpace on 2017-11-06T22:59:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 JoiceMarquesRibeiroCosta_DISSERT.pdf: 968238 bytes, checksum: 5772eae24f39f090561bfdaf64449ffc (MD5) Previous issue date: 2017-07-21 / Este trabalho pretende analisar, na fic??o de Dalton Trevisan e de Clarice Lispector, particularmente os contos Cl?nica de Repouso, 92, Feliz anivers?rio e Viagem a Petr?polis, a representa??o da velhice, procurando identificar, comparativamente, tanto a semelhan?a quanto as singularidades das obras, no que tange ? problem?tica da velhice mediante a ideologia da realidade social moderna e o modo como a literatura internaliza-a. O trabalho procura mostrar que a literatura tamb?m assume uma fun??o social, na medida em que estimula o leitor para uma maior percep??o do mundo e de si mesmo, dando destaque as caracter?sticas ir?nicas dos contos em estudo para dar ?nfase ao tema discutido. Para discutir a representa??o da velhice, o presente estudo toma como principais refer?ncias o pensamento de Simone Beauvoir em A velhice (1990) e Ecl?a Bosi em Mem?rias e Sociedade, Lembran?as de Velhos (1994). Para discutir a quest?o em torno das rela??es entre literatura e sociedade, fic??o e realidade, tomamos como teoria as reflex?es de Antonio Candido, presentes principalmente no livro Literatura e Sociedade (2006), o pensamento de Raymond Williams em Cultura e Materialismo (2011) e P?vel Nikol?ievich Medvi?dev, em O m?todo formal nos estudos liter?rios: introdu??o cr?tica a uma po?tica sociol?gica (2012). No que tange as marcas ou dimens?es ir?nicas dos contos, analisar-as-emos sob ? luz dos conceitos de Soren Kierkegaard em O conceito de ironia: constantemente referido a Socr?tes (2013) e Bete Brait em Ironia em perspectiva polif?nica (2008). A discuss?o compreende o modo como a sociedade industrial, sendo guiada pelo prisma da acelera??o e do capital tecnol?gico, transforma o velho em sin?nimo de decad?ncia, colocando-o ? margem desse novo desenvolvimento. O idoso, na contemporaneidade, reflete olhares e perspectivas de an?lise social, que est?o pautadas dentro da categoria trabalho, e, diferentemente das sociedades ocidentais modernas, nas sociedades tradicionais ? visto como ente conhecedor e respons?vel maior pela experi?ncia adquirida e acumulada a ser transmitida a gera??es futuras. Os contos analisados, Cl?nica de Repouso, 92, Feliz anivers?rio e Viagem a Petr?polis, revelam a incorpora??o dos maus tratos e a falta de respeito para com os mais velhos, fazendo-nos refletir acerca da realidade social moderna, assunto caro ? sociedade. / This thesis aims to analyze, in the fiction of Dalton Trevisan and Clarice Lispector, particularly the short stories Rest Home, 92, Happy Anniversary e Trip to Petr?polis, the representation old-age, trying to identify, comparatively both the similarity and singularities of the works, refers to the problem of old-age through the ideology of modern social reality and the way in which literature internalizes it. The paper seeks to show that literature also assumes a social function in that it stimulates the reader to a greater perception of the world and of himself, highlighting the ironic characteristics of the stories being studied to emphasize the theme discussed. To discuss the representation of old-age, the present study takes as main references Simone Beauvoir's thought in The Coming of Age (1990) and Ecl?a Bosi in Memories and Society, Memories of the Old (1994). In order to discuss the relationship between literature and society, fiction and reality, we take as a theory the reflections of Antonio Candido, present mainly in the book Literature and Society (2006), the thinking of Raymond Williams in Culture and Materialism (2011) and P?vel Nikolayev Medvedev, i n The formal method in literary studies: critical introduction to a sociological poetics (2012). Regarding the ironic marks or dimensions of the short stories, we will analyze them in the light of Soren Kierkegaard's concepts in The concept of irony: constantly referred to Socrates (2013) and Bete Brait in Ironia in polyphonic perspective (2008). The discussion includes the way in which industrial society, guided by the prism of acceleration and technological capital, transforms the elderly into a synonym of decadence by placing it on the margins of this new development. The elderly, in contemporary, times reflect perspectives of social analysis, which are based on the category of work and unlike modern Western societies, in traditional societies is seen as knowledgeable and responsible greater by the acquired and accumulated experience to be transmitted to future generations. The short stories analyzed, Rest Clinic, 92, Happy Birthday e Trip to Petr?polis, reveal the incorporation of mistreatment and lack of respect for elders, making us reflect on the modern social reality, expensive subject to society.
9

Enunciado dos cartazes das manifestações de junho de 2013: uma forma carnavalesca de contar a história do Brasil

Novaes, Tatiani Daiana de 23 March 2018 (has links)
Submitted by Automação e Estatística (sst@bczm.ufrn.br) on 2018-06-15T18:56:59Z No. of bitstreams: 1 TatianiDaianaDeNovaes_TESE.pdf: 3526737 bytes, checksum: 6aeeb75a2caef9e61286643c827fb06c (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2018-06-15T22:48:29Z (GMT) No. of bitstreams: 1 TatianiDaianaDeNovaes_TESE.pdf: 3526737 bytes, checksum: 6aeeb75a2caef9e61286643c827fb06c (MD5) / Made available in DSpace on 2018-06-15T22:48:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 TatianiDaianaDeNovaes_TESE.pdf: 3526737 bytes, checksum: 6aeeb75a2caef9e61286643c827fb06c (MD5) Previous issue date: 2018-03-23 / Este trabalho teve como questão central a reflexão em torno de como os enunciados dos cartazes de protesto materializaram as relações dialógicas e, a partir delas, como identificar os sentidos valorados que contribuíram para a escrita carnavalesca e risível da história das manifestações de junho de 2013 no Brasil. A pesquisa investiga os enunciados de protesto dos cartazes presentes nas jornadas de junho de 2013, com base nas concepções teóricas e no método sociológico escritos pelo Círculo de Bakhtin, além de reflexões contemporâneas da análise enunciativa do discurso. A reflexão parte da concretização de alguns objetivos estabelecidos: a) compreender como ocorrem as relações dialógicas nos enunciados dos cartazes de protesto de junho de 2013; b) identificar as marcas da carnavalização e do risível; c) descrever os processos de enunciação dos cartazes de protesto de junho de 2013; d) compreender como se materializam as formas de representar discursivamente um fenômeno político e histórico como as jornadas de junho de 2013 por meio de um discurso marginal/não oficial, como os enunciados de protesto. As análises apresentam duas partes: uma que discute a relação que há entre as manifestações de junho de 2013 e a cosmovisão carnavalesca; e outra com as análises dos cinco enunciados que compõem o corpus da pesquisa. Como resultado, conclui que o posicionamento axiológico do sujeito é um elemento constitutivo do enunciado de protesto, contribuindo para o objetivo comunicativo, para o riso transgressor, para a crítica debochada. Alguns aspectos de destaque na análise são: a carnavalização e o risível ocorrem por meio da violência e do destronamento; os sentidos valorados também resultam das relações dialógicas a partir das relações sóciohistóricas do contexto de produção do enunciado; as relações axiológicas não são atos individuais, de sujeitos únicos, mas sim, coletivos, ancorados na dimensão ideológica de determinados grupos discursivos que se engajam valorativamente; os enunciados não refletiram as marcas de um manifestante tradicional: um sindicalista; uma feminista clássica; um habitual sujeito do movimento negro, indígena, LGBT; os sujeitos das manifestações são mais provisórios, envolvidos pela espetacularização e dispersam no fim da festa. Além disso, é recorrente o uso da linguagem coloquial, típica do novo manifestante. / This work has a main question to reflect how protest posters realize dialogical relationships and, based on them, how to identify valued senses that contribute to carnavalization and comedy writings related to the public demonstration during June 2013 in Brazil? This research studies protest discourse in the posters presents in the Journeys of June 2013, based on theoretical concepts and sociological methods from Bakhtin’s Circle, in addition to contemporary reflections from enunciative discourse analyze. This research aims to achieve some objectives: a) to comprehend how occur dialogical relationship in the protest posters from June demonstration; b) to identify carnavalization and comedy signs; c) to describe protest posters enunciative processes from June 2013; d) to comprehend how to get some forms to represent discursively a political and historical phenomenon like Journeys of June 2013 by a marginal/not official discourse like protest speeches. This analyze presents two parts: the first one to discourse relationship between June 2013 demonstration and carnival worldview; the second one to analyze five speeches from data. As a result, it concludes subjective axiological position is an ordinary element from protest speech, contributing to communicative aiming to the transgressive comedy and sneering critic. Some aspects to detach from this analyze are: carnavalization and comedy are consequence from violence and dethronement; valued senses are a result from dialogical relationships based on social-historical enunciative production context; axiological relationships are not individual actions, from a unique individual, but collective ones, based on ideological dimension from some discursive groups that are connected by some values; speeches are not a sign of reflection from a traditional demonstrator: syndicalist, classical feminist, an ordinary person from black movement, aborigine, LGBT; demonstrators are temporary, linked to spectacularization and break up at the end of the party. In addition, they use colloquial language, typical to new demonstrators.
10

Análise discursiva dos comentários : textualização e historicidade do / sobre o Marco Civil da Internet / Discursive analysis of comments: textualization and historicity of / on the Civil Marco Internet

Silva, José Cláudio Vasconcelos da 15 July 2015 (has links)
Submitted by Izabel Franco (izabel-franco@ufscar.br) on 2016-10-03T14:10:03Z No. of bitstreams: 1 DissJCVS.pdf: 22246447 bytes, checksum: fa57e32f76e20e163b84aff272ae8a95 (MD5) / Approved for entry into archive by Marina Freitas (marinapf@ufscar.br) on 2016-10-20T18:30:29Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DissJCVS.pdf: 22246447 bytes, checksum: fa57e32f76e20e163b84aff272ae8a95 (MD5) / Approved for entry into archive by Marina Freitas (marinapf@ufscar.br) on 2016-10-20T18:30:34Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DissJCVS.pdf: 22246447 bytes, checksum: fa57e32f76e20e163b84aff272ae8a95 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-10-20T18:30:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DissJCVS.pdf: 22246447 bytes, checksum: fa57e32f76e20e163b84aff272ae8a95 (MD5) Previous issue date: 2015-07-15 / Não recebi financiamento / This study analyzed, based on French Discourse Analysis, the circulation of the senses on the Civil Marco of the Internet through the comments in the digital space. Our study object are their comments from a news published in various media on the Internet. We proved that these comments are quite heterogeneous, in various forms, compositions and completely different meanings effects. For the analysis, we chose from various websites the same news: "The House passed the Civil Marco of the Internet" as well as the same news, but now published on a blog that deals with specific issues regulations on the Internet, the Sérgio Amadeu’s blog. We attempted to understand which sense effects circulated in these two Internet environments, that resulted important details for our research regarding on the digital media publishing field differences and the possibility for publishing comments and discussions and access to them. The blog usually deals with a specific theme and only those who are interested in these topics are that follow and comment on that, and usually the readers know the blog’s author, which unlike the websites, they can address different subjects and they are aimed to readers also distinct but able to give an opinion on various newspaper articles even possessing open feedback channels and generally they are free. Our objective was to understand how the individuals comment on the internet, how they think of to read news and what the senses are circulated through their comments. Our objective was also to understand the textualizations that circulated on the network about the regulation of the Civil Marco of the Internet. The articulation of our file comments with the theoretical and methodological propositions whom we signed in this study were able to give us the possibility to understand the conditions of production of these readers-authors to then understand the speeches that circulated and influenced others comments with the ideology and related similar discursive features. / Este trabalho analisou com base na Análise de Discurso de linha francesa a circulação dos sentidos sobre o Marco Civil da Internet por meio dos comentários no espaço digital. Nosso objeto de estudo são os comentários produzidos a partir de uma notícia publicada em vários veículos de comunicação na internet. Comprovamos que esses comentários são bastante heterogêneos, de diversas formas, composições e de efeitos de sentidos completamente distintos. Para a análise, escolhemos de vários sites a mesma notícia: “A Câmara aprovou o Marco Civil da Internet” como também a mesma notícia, porém agora publicada em um blog que trata questões específicas de regulamentação na internet, o blog do Sérgio Amadeu. Buscamos compreender quais efeitos de sentidos circularam nestes dois ambientes da internet, o que nos resultou detalhes importantes para nossa pesquisa no que se refere sobre as diferenças de campo de publicação nas mídias digitais e a possibilidade de publicação de comentários e debates e o acesso a estes. O blog, em geral, trata de um tema específico e somente quem se interessa por este tema é que o segue e comenta, além de normalmente os leitores conhecerem o autor dos blogs, que diferentemente dos sites, podem abordar assuntos distintos e são destinados a leitores também distintos capazes de opinar sobre diversas matérias jornalísticas que possuem canais de comentários abertos e normalmente livres. Nosso objetivo foi compreender como os sujeitos comentam na internet, como eles opinam sobre a notícia lida e quais os sentidos são circulados por meio de seus comentários. Nosso objetivo também foi entender as textualizações que circularam na rede sobre a regulamentação do Marco Civil da Internet. A articulação do nosso arquivo de comentários juntamente com as proposições teórico-metodológicas a quem nos firmamos neste trabalho foram capazes de nos dar a possibilidade de entender as condições de produção desses leitores-autores para então entender o discursos que por eles circulam e que influenciam outros comentários com a ideologia e características discursivas semelhantes e relacionadas.

Page generated in 0.0754 seconds