• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 20
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 22
  • 22
  • 10
  • 9
  • 6
  • 5
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Análise do impacto da classificação de risco no mercado de crédito brasileiro

Costa, João Henrique Lemos January 2009 (has links)
COSTA, João Henrique Lemos. Análise do impacto da classificação de risco no mercado de crédito brasileiro. 2009. 40f. Dissertação (mestrado profissional) - Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, Ceará, 2009. / Submitted by Mônica Correia Aquino (monicacorreiaaquino@gmail.com) on 2013-08-22T18:45:44Z No. of bitstreams: 1 2009_dissert_jhlcosta.pdf: 206421 bytes, checksum: 1938ef136985240969a4faae859c80be (MD5) / Approved for entry into archive by Mônica Correia Aquino(monicacorreiaaquino@gmail.com) on 2013-08-22T18:45:55Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dissert_jhlcosta.pdf: 206421 bytes, checksum: 1938ef136985240969a4faae859c80be (MD5) / Made available in DSpace on 2013-08-22T18:45:55Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dissert_jhlcosta.pdf: 206421 bytes, checksum: 1938ef136985240969a4faae859c80be (MD5) Previous issue date: 2009 / In this article, we analyze the rating impact on credit volume and the long-run equilibrium relationship between Gross Domestic Product (GDP), deposits and credit for the most relevant player in Brazilian financial system, under the monetary structural framework developed by Bernanke and Blinder (1988), which models the credit supply as a function of some idiosyncratic and macroeconomic key-variables. The results obtained from linear regressions and from an error-correction Engle and Ganger (1987) approach enables us to evidence the credit channel relevance as a monetary policy transmission instrument, emphasizing the relevance in observing the bank assets rubric. Based on the well-succeed benchmark model performance, we are able to measure the positive and significant impact of the investment grade, according to Moody´s agency, while intermediary rating changes do not seem to be so relevant. We also have evidences about the insignificant impact of interest rate changes on GDP growth rate. / Este artigo analisa o impacto das classificações de risco no volume de crédito e as relações de longo prazo entre Produto Interno Bruto (PIB), depósitos e crédito para o mais relevante agente no mercado financeiro brasileiro, sob um arcabouço monetário estrutural desenvolvido por Bernanke e Blinder (1988), o qual modela a oferta de crédito como uma função de variáveis idiossincráticas e macroeconômicas. Os resultados obtidos via Regressões Lineares e através do Método de Correção de Erros a la Engle e Ganger (1987) permitem evidenciar a relevância do canal de crédito como instrumento de transmissão da política monetária, enfatizando a importância de se acompanhar as rubricas bancárias. Baseado na bem sucedida performance do modelo benchmark, é possível mensurar o efeito significativamente positivo da obtenção do grau de investimento de acordo com a agência Moody´s no crédito, enquanto mudanças intermediárias na avaliação de risco não parecem ser tão relevantes. Há também evidências do efeito insignificante dos juros no crescimento do PIB.
2

A evolução do spread bancário brasileiro na última década: uma investigação empírica dos seus determinantes

Carvalho, Ranério Noronha de January 2013 (has links)
CARVALHO, Ranério Noronha de. A evolução do spread bancário na última década: uma investigação empírica dos seus determinantes. 2013. 33f. Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Fortaleza-CE, 2013. / Submitted by Mônica Correia Aquino (monicacorreiaaquino@gmail.com) on 2016-01-27T21:51:38Z No. of bitstreams: 1 2013_dissert_rncarvalho.pdf: 938709 bytes, checksum: 408ba0cab2241231e7b4f01185a31aa5 (MD5) / Approved for entry into archive by Mônica Correia Aquino(monicacorreiaaquino@gmail.com) on 2016-01-27T21:51:52Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_dissert_rncarvalho.pdf: 938709 bytes, checksum: 408ba0cab2241231e7b4f01185a31aa5 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-01-27T21:51:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_dissert_rncarvalho.pdf: 938709 bytes, checksum: 408ba0cab2241231e7b4f01185a31aa5 (MD5) Previous issue date: 2013 / The unprecedented growth in the Brazilian credit market in recent years made it possible to reach an impressive level of its GDP. This fact is surely related to economic development experimented by the country in current years. Within this scenario, the price which is charged in credit operations started to play a fundamental role to the maintenance of sustainable growth. Thus, the bank spreads which mean the difference between the interest rate charged to borrowers and the funding cost of funds deposited at financial institutions – also began to be disputed in virtue of their actual high level state. The goal of this work is to evaluate the Brazilian banking spread sector evolution in the last decade and empirically investigate its determinants. Therefore, it may employ tools such as the so-called Vectors Autoregressive in order to figure out and work out the main variables which are related to spread regarding the 2000-2012 period. Making use of impulse-response functions, one intends to show that inflation is one of the main macroeconomic determinants to the Brazilian spread. / Na última década, o mercado de crédito brasileiro experimentou um crescimento inédito na história do país, atingindo o nível de 49% do Produto Interno Bruto. Tal fato está diretamente ligado ao desenvolvimento econômico do país nos últimos anos. Diante desse cenário, o preço que se cobra nas operações de crédito passou a ter importância fundamental para a manutenção de um crescimento sustentável. Nessa perspectiva, os spreads bancários – diferença entre a taxa de juros cobrada dos tomadores de crédito e o custo de captação dos recursos depositados nas instituições financeiras – passaram a ser questionados por conta do elevado nível em que se encontram no Brasil. Esse trabalho se propõe a analisar a evolução do spread bancário brasileiro na última década e investigar empiricamente seus determinantes. Para tanto, empregou-se nesta pesquisa a técnica econométrica de Vetores Autoregressivos de modo a identificar e analisar as principais variáveis que se relacionam com o spread no período de 2000 a 2012. Através da análise das funções de Impulso e Resposta, o trabalho mostra que a inflação é um dos principais determinantes macroeconômicos do spread no Brasil.
3

Desempleo e imperfecciones en el mercado del crédito

Martínez Telchi, Éric January 2014 (has links)
Magíster en Economía Aplicada / En el presente trabajo de Tesis, se prueba la habilidad de un modelo de emparejamiento con fricciones de b úsqueda en los mercados del cr édito y del trabajo para explicar la dispersi ón del empleo entre los distintos pa íses. Al llevar el modelo est ándar a los datos, éste se extiende en diversas dimensiones, consider ándose bancos y firmas grandes. Lo anterior permite usar los datos disponibles para n úmero de bancos, concentración en el sector bancario, tamaño de las firmas y emprendimiento.
4

A importância da regularização do patrimônio imobiliário para a participação econômica das famílias na cidade do Recife: uma análise exploratória

Miranda de Carvalho, Cristiane 31 January 2009 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T17:21:59Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo696_1.pdf: 424142 bytes, checksum: cff6cc5bd00c75d5e78b5688d2f5986c (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2009 / Este trabalho buscou realizar uma rica discussão em torno da influência que a regularização imobiliária causaria à melhoria da participação econômica das famílias na cidade do Recife. Buscando reunir, deste modo, informações relevantes sobre a questão da urbanização irregular e seu impacto sobre a vida sócio-econômica da cidade. Para isso, procurou-se avaliar a legislação que regulamenta a disponibilidade de crédito pessoal e produtivo, bem como a estrutura de exigência das garantias reais ao empréstimo. Também foram discutidas as dificuldades relacionadas à regularização de bens imóveis, analisando inclusive os custos de oportunidade envolvidos no processo. Alem disso, foi realizada uma breve discussão acerca dos benefícios econômicos possivelmente proporcionados pela maior regularização imobiliária para a Cidade do Recife. Verificou-se que a regularização dos imóveis pode contribuir de forma decisiva para a expansão do mercado de crédito na economia brasileira com custos e prazos compatíveis com a viabilidade da maturação dos projetos apresentados (pequenos negócios)
5

Composição da dívida e efeitos patrimoniais de câmbio nas empresas brasileiras

Urani, Tomás 13 April 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Economia, Programa de Pós-Graduação em Economia, 2016. / Submitted by Fernanda Percia França (fernandafranca@bce.unb.br) on 2016-05-05T15:38:48Z No. of bitstreams: 1 2016_TomásUrani.pdf: 1543423 bytes, checksum: fd834b6e1a2be4f5a59fc8c83b15246d (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2016-05-05T21:31:38Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_TomásUrani.pdf: 1543423 bytes, checksum: fd834b6e1a2be4f5a59fc8c83b15246d (MD5) / Made available in DSpace on 2016-05-05T21:31:38Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_TomásUrani.pdf: 1543423 bytes, checksum: fd834b6e1a2be4f5a59fc8c83b15246d (MD5) / Neste trabalho é analisada a interação entre o ambiente macroeconômico e as decisões individuais das firmas desde a livre flutuação do câmbio em $1999$. Num primeiro momento, estima-se a influência do ambiente macroeconômico na estrutura da dívida das firmas. É possível ver que o fator de maior importância para que firmas possam obter endividamento de longo prazo e endividamento em moeda estrangeira é o tamanho das mesmas. Isto é, empresas maiores têm mais acesso ao mercado de crédito de longo prazo e ao mercado de crédito estrangeiro. Em seguida, estima-se os efeitos patrimoniais das variações cambiais, com base no investimento realizado pelas empresas. Os efeitos não são significantes, mas tornam-se negativos e altamente significantes ao se inserir um controle para exportação e importação a nível setorial. Ao controlar para imperfeições nos mercados de capitais, usando a medida Q de Tobin, os resultados voltam a ser insignificantes, apontando que outros fatores podem ser mais importantes nas decisões das firmas nacionais. _______________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / In this work we focus on the interaction between the macroeconomic environment and firms individual decisions since Brazil started a free-float regime in 1999. In a first moment, we estimate the influence of the macroeconomic environment inf firms debt structure. It is possible to observe that the major factor influencing that firms obtain long terms financing or financing in foreign currency is the size of the firms. In other words, larger firms have more access to long term and external credit than smaller ones. The following step was to estimate exchange rate balance sheet effects observing firms investment. The results are inconclusive in a first estimation, but became negative and highly significant when controlled for exportation and importation. However, those same results turned to be inconclusive again when controlled for capital market imperfections using the Tobin’s Q, witch indicates that there are other factors playing a more important role in firms decisions.
6

Conservadorismo e herança institucional de financiamento das companhias abertas do Brasil

Silva, Anderson Roberto Pires e 18 December 2015 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Universidade Federal da Paraíba, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Programa Multi-Institucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, 2015. / Submitted by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2016-05-05T17:34:24Z No. of bitstreams: 1 2015_AndersonRobertoPireseSilva.pdf: 1294899 bytes, checksum: 9500490f3bed44847a78e45389091d8e (MD5) / Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2016-05-26T16:46:54Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2015_AndersonRobertoPireseSilva.pdf: 1294899 bytes, checksum: 9500490f3bed44847a78e45389091d8e (MD5) / Made available in DSpace on 2016-05-26T16:46:54Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2015_AndersonRobertoPireseSilva.pdf: 1294899 bytes, checksum: 9500490f3bed44847a78e45389091d8e (MD5) / O Brasil vivencia um período de transição da forma de financiamento, que agora passa a se basear tanto no mercado de crédito de instituições financeiras quanto no financiamento via mercado de capitais (CORRÊA; ALMEIDA FILHO, 2001). Também passou a adotar, a partir da Lei Nº 11.638/2007, novas práticas contábeis no padrão IFRS, que são, em tese, menos conservadoras. No entanto, pesquisas empíricas no Brasil, como as de Santos et al. (2011), Vieira et al. (2011) e Braga (2011), evidenciaram que essa transição não reduziu, como propõe Nobes (1998), o nível de conservadorismo. Nesse contexto, esta pesquisa tem como objetivo investigar se a prática contábil conservadora depende mais da forma de financiamento das companhias ou do padrão contábil vigente. Para o alcance desse objetivo, utilizou-se uma amostra de 268 companhias abertas brasileiras, gerando 1.243 observações. O período da pesquisa compreende os anos de 2006 a 2013. Esse período permite observar os níveis de conservadorismo antes, durante (período de adoção inicial) e após a adoção completa das normas internacionais de contabilidade pelas companhias da amostra. Capturou-se a presença de conservadorismo condicional a partir do modelo dos componentes transitórios do lucro desenvolvido por Basu (1997), que tem por objetivo avaliar se as companhias estão mais propensas, em média, a reconhecer, de maneira assimétrica, as perdas econômicas. Posteriormente, optou-se em adicionar, no modelo original de Basu, a variável estrutura de capital a partir dos índices de endividamento (PC+PNC)/AT; PO/CI; PC/AT; PNC/AT e PC/PNC, com o objetivo de que a interação com a variável responsável por captar o conservadorismo evidencie a existência de efeitos entre a forma de financiamento e o conservadorismo condicional. Para a análise dos dados, utilizou-se o modelo de regressão para dados em painel. Os resultados permitem evidenciar que a forma de financiamento das companhias abertas brasileiras tem efeitos estatisticamente significativos nas práticas contábeis conservadoras. Ressalta-se que a presença de conservadorismo só se identificou a partir da interação com a forma de financiamento, pois, quando estimado o modelo original de Basu (1997), não se evidenciou a presença de conservadorismo nas três janelas temporais antes da adoção das IFRS (2006-2007), durante a adoção (2008-2009) e após a adoção (2010-2013). Essas evidências confirmam a hipótese principal do estudo, de que a herança institucional de captação das companhias abertas via mercado de crédito de instituições financeiras tem maior influência na característica conservadora da informação contábil do que o impacto da norma IFRS, indicando que as características institucionais, em especial a forma de financiamento, têm um maior poder de explicação das práticas contábeis conservadoras e respectiva qualidade da informação contábil do que o padrão IFRS adotado. / Brazil is experiencing a period of transition from the form of financing, which now is based both in the credit market of financial institutions and in financing via the capital market (Corrêa; ALMEIDA FILHO, 2001). Also started to adopt, from the Law No. 11.638/2007, new accounting practices on IFRS, which are, in theory, less conservative. However, empirical researches in Brazil, such as Santos et al. (2011), Vieira et al. (2011) and Braga (2011), revealed that this transition has not reduced, as proposes Nobes (1998), the level of conservatism. In this context, this research aims to investigate whether the conservative accounting practice depends more on the form of financing of companies or the current accounting standard. To achieve this goal, we used a sample of 268 Brazilian publicly traded companies, generating 1,243 observations. The survey period covers the years 2006-2013. This period allows to observe the conservatism levels before, during (the initial adoption period) and after full adoption of international accounting standards by companies of the sample. We captured the presence of conditional conservatism from the model of transitory components of earnings developed by Basu (1997), which aims to evaluate whether companies are more likely, on average, to recognize, asymmetrically, economic losses. Later, we decided to add in the original model of Basu, the variable capital structure from debt to equity ratio (PC+PNC)/AT; PO/CI; PC/AT; PNC/AT and PC/PNC, in order that the interaction with the variable responsible for capturing conservatism evidences the existence of effects between the form of financing and conditional conservatism. For data analysis, we used regression model for panel data. Results evidenced that the form of financing Brazilian publicly traded companies has statistically significant effects on conservative accounting practices. We emphasize that the presence of conservatism was only identified through interaction with the form of financing because, when estimated the original model of Basu (1997), there was no evidence of the presence of conservatism in the three time windows before the adoption of IFRS (2006 -2007) during the adoption (2008-2009) and after the adoption (2010-2013). These evidences confirm the main hypothesis of the study, that institutional heritage of capture of publicly traded companies via credit market has greater influence in the conservative characteristic of accounting information than the impact of IFRS, indicating that institutional characteristics, in particular the form of financing, have a greater explanatory power of conservative accounting practices and their quality of accounting information than IFRS adopted.
7

Efeitos da adoçao mandatória do IFRS para o mercado de crédito no Brasil / Effects of mandatory IFRS adoption for the credit market in Brazil

Lima, Vinícius Simmer de 24 February 2016 (has links)
A tese investiga três dimensões dos efeitos da adoção mandatória do IFRS para os mercados de crédito no Brasil: 1) para a relevância da informação contábil na perspectiva dos credores; 2) para os termos contratuais de crédito bancário e títulos de dívida; e 3) para a propensão das empresas locais captarem recursos nos mercados de crédito internacionais. As análises contemplam amostras de aproximadamente 6.500 ratings atribuídos por instituições financeiras e agências de risco (Fitch, Standard & Poors e Moody\'s) e 137.000 contratos de crédito bancário e títulos de dívida (debêntures) detidos por 122 grupos econômicos durante o período de 2005 a 2014. A abordagem empírica é construída a partir de um modelo de interação, comparando-se os períodos pré e pós-IFRS e confrontando grupos de adotantes mandatórios e voluntários. Utilizando-se controles relacionados às características do contrato (loan-specific), da empresa (firm-specific) e da instituição financeira concedente do crédito (lender-specific) e a partir de estimações por MQO, MQ2E e regressão logística, os resultados sugerem que os impactos da adoção do IFRS para a relação contratual de crédito exibem considerável heterogeneidade entre as empresas, dependem do tipo de mercado avaliado (crédito bancário x títulos de dívida) e são condicionais aos incentivos das empresas promoverem efetiva melhora na qualidade da informação contábil. Especificamente, a tese encontra que a adoção mandatória do IFRS contribuiu para: (i) aumentar a habilidade dos números contábeis explicarem o rating de crédito das empresas; (ii) reduzir a dispersão das notas de crédito atribuídas por diferentes instituições financeiras; (iii) reduzir o custo do crédito, alongar os prazos de vencimento, aumentar os montantes concedidos e reduzir a probabilidade de exigência de garantia; e (iv) aumentar a propensão das empresas locais captarem recursos nos mercados internacionais. Entretanto, as evidências sugerem que tais efeitos são exclusivos para entidades que possuem incentivos para prover informação contábil de qualidade, suportando que a existência de benefícios econômicos não depende meramente da publicação dos demonstrativos no padrão global, mas sim está condicionada à maneira como as empresas efetivamente adotam os pronunciamentos. Análises adicionais indicam que as consequências econômicas para o mercado de crédito tendem a ser maiores para os títulos de dívida em relação ao crédito bancário e para empresas com piores notas de crédito e maiores reconciliações iniciais entre o GAAP doméstico e o IFRS. Testes de robustez relacionados a variações na especificação da amostra e reduções nas janelas de evento reforçam a validade dos modelos e ajudam a suprimir potenciais preocupações de que os resultados tenham sido provocados por efeitos concorrentes. O estudo reforça a importância do papel informacional das demonstrações financeiras para os contratos de crédito e contrapõe evidências na literatura de que consequências positivas associadas ao IFRS são exclusivas para países que apresentam determinadas características institucionais / The thesis investigates three dimensions of the effects of mandatory IFRS adoption for credit markets in Brazil: 1) to the credit relevance of accounting information; 2) to the contractual terms of bank loans and debt securities; and 3) to the propensity of local firms to raise funds in international credit markets. The analyzes include samples of approximately 6,500 ratings assigned by financial institutions and rating agencies (Fitch, Standard & Poor\'s and Moody\'s) and 137,000 bank loans and debt securities (debentures) contracts held by 122 conglomerates during the 2005-2014 period. The empirical approach is built on an interaction model, comparing the pre- and post-IFRS adopters and confronting mandatory and voluntary groups. After controlling for loan-, firm- and lender-specific determinants of loan terms and using OLS, 2SLS and logistic regression estimates, the results suggest the impact of IFRS adoption for credit markets exhibit considerable heterogeneity between companies, depend on the assessed market (bank loans x debt securities) and are conditional to the companies incentives to effectively improve accounting quality. Specifically, the study finds that the mandatory IFRS adoption has contributed to: (i) increase the ability of accounting numbers to explain credit ratings; (ii) reduce the dispersion of credit scores attributed by different financial institutions; (iii) reduce the cost of credit, lengthen maturities, increase the amounts raised and reduce the likelihood of collateral requirement; and (iv) increase the propensity of local firms to raise funds in international credit markets. However, evidence suggests that these effects are unique to firms that have incentives to increase the quality of accounting information, supporting the existence of economic benefits does not merely depend on the publication of financial statements in the global accounting standard, but is conditional on how companies effectively adopt the pronouncements. Further analyzes indicate that the economic consequences for the credit market tend to be higher for debt securities relative to bank loans and for companies with poorer credit ratings and larger fist-time IFRS reconciliations. Robustness tests related to variations in the specification of the sample and reductions in the event of windows reinforce the validity of the models and help mitigate potential concerns that the results were caused by competing effects. The study reinforces the importance of the informational role of financial statements for lending agreements and contrasts evidence in the literature that positive consequences associated with IFRS are unique to countries with certain institutional features.
8

Transformação estrutural de convenants com a adoção das IFRS no Brasil / Structural transformation of covenants with the adoption of IFRS in Brazil

Beiruth, Aziz Xavier 22 October 2015 (has links)
Este trabalho tem por objetivo analisar as mudanças na estrutura das cláusulas restritivas presentes nos contratos de dívida das empresas emissoras de debêntures, em função da adoção das Normas Internacionais de Contabilidade (IFRS) no Brasil. Adicionalmente busca-se entender quais os desdobramentos econômicos desta adoção em variáveis destes contratos e nos setores que se utilizam da captação de recursos de terceiros. Para isso, foram investigados contratos de dívida de empresas de capital aberto e fechado que emitiram debêntures entre os anos de 2006 a 2008 e 2011 a 2014 para se analisar os períodos antes e depois da adoção das IFRS. Com a coleta de dados realizada a partir dos contratos foi formada uma base de dados com 126 contratos sendo 78 anteriores à adoção das IFRS e 48 posteriores ao evento. A aplicação das técnicas estatísticas de associação, análise de correspondência e análise de correspondência múltipla demonstrou forte associação entre um maior número de covenants e os períodos posteriores à adoção das normas internacionais de contabilidade. Entretanto este crescimento foi constatado apenas para cláusulas restritivas de segurança e não contábeis, excluindo as cláusulas com números contábeis. Resultados adicionais mostraram que setores mais propensos a fomento governamental como infraestrutura, logística e construção apresentam maior número de cláusulas restritivas, o que indica maior receio de fornecedores de capital. Variáveis adicionais dos contratos como prazo de vencimento do contrato e presença de órgãos reguladores não apresentaram resultados significativos. Posto isso, a tese apresenta resultados de que a implantação das normas internacionais de contabilidade modificou a estrutura dos contratos de dívida, com aumento de cláusulas de segurança e não contábeis e perda proporcional de relevância dos números contábeis nestes contratos. Os achados estão em linha com pesquisas internacionais recentes que identificaram redução da utilização da informação contábil nos mercados de crédito, muito por conta do receio por parte dos credores dos critérios de julgamento permitidos pelas normas internacionais de contabilidade. / This study aims to analyze the changes in the structure of the restrictive clauses in debt agreements of the companies issuing debentures due to the adoption of International Financial Reporting Standards (IFRS) in Brazil. Additionally we seek to understand what are the economic consequences of this adoption on variables and sectors of such contracts that use resources from third parties. To reach this goal we investigated debt contracts of public and private companies and that issued debentures between the years 2006-2008 and 2011-2014 to analyze the periods before and after the adoption of IFRS. With data collection performed from contract was formed a database with 126 contracts being 78 prior to adoption of IFRS and 48 post-event. The application of the statistical techniques correspondence analysis and multiple correspondence analysis showed a strong association between a larger number of covenants and the periods after the adoption of international accounting standards. However this growth was observed only for restrictive covenants security and non-accounting, excluding clauses with accounting numbers. Additional results showed that the most likely sectors to government promotion such as infrastructure, logistics and construction with highest number of restrictive clauses which indicates greater fears of capital providers. Additional variables of contracts as contract maturity and presence of regulators were not significant. That said, the thesis presents results of the implementation of international accounting standards changed the structure of the debt contracts, an increase of security non-accounting covenants and a proportional loss of relevance of accounting numbers in these contracts. The findings are in line with recent international research that identified reduction in the use of accounting information in the credit markets, much due to the fear by creditors of the judging criteria allowed by international accounting standards.
9

Análise dos spreads de crédito de debêntures atreladas ao IPCA

Rechtman, Marcos Vinícius Araújo 31 August 2015 (has links)
Submitted by MARCOS VINICIUS ARAUJO RECHTMAN (mvrechtman@gmail.com) on 2016-10-18T21:34:07Z No. of bitstreams: 1 Marcos Vinicius Rechtman.pdf: 3277755 bytes, checksum: 5a20cffed5baa0e415a33214fbd178ff (MD5) / Approved for entry into archive by GILSON ROCHA MIRANDA (gilson.miranda@fgv.br) on 2016-11-01T15:22:46Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Marcos Vinicius Rechtman.pdf: 3277755 bytes, checksum: 5a20cffed5baa0e415a33214fbd178ff (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Almeida (maria.socorro@fgv.br) on 2016-11-08T12:44:30Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Marcos Vinicius Rechtman.pdf: 3277755 bytes, checksum: 5a20cffed5baa0e415a33214fbd178ff (MD5) / Made available in DSpace on 2016-11-08T12:44:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Marcos Vinicius Rechtman.pdf: 3277755 bytes, checksum: 5a20cffed5baa0e415a33214fbd178ff (MD5) Previous issue date: 2015-08-31 / Este trabalho investigou as emissões primárias de debêntures atreladas ao IPCA no Brasil, buscando entender quais são os fatores macro e microeconômicos que influenciam o investidor na decisão de comprar/apreçar esse título privado. Em outras palavras, quais são as variáveis que afetam o spread de crédito da debênture sobre as NTN-Bs, títulos públicos brasileiros atrelados ao IPCA e considerados 'livres de risco', na emissão primária. Com esse propósito, o estudo utilizou regressões multifatoriais, com os resultados indicando que o Rating da companhia é o fator que se mostrou mais significante; outros fatores como setor, duration e tamanho da companhia não se mostraram significativos e, por fim, algumas variáveis apresentaram sinais opostos ao esperado pela teoria econômica – nestes casos buscou-se uma interpretação com base nas características do mercado financeiro brasileiro.
10

What was the bank ownership lending behavior after the financial crisis? : new evidence from an emerging market

Oliveira, Guilherme Solino Evelin 27 March 2017 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Economia, Programa de Pós-Graduação em Ciências Econômicas, 2017. / Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2017-06-13T20:55:14Z No. of bitstreams: 1 2017_GuilhermeSolinoEvelinOliveira.pdf: 205446 bytes, checksum: b71335c4d3f570c3f36ed423f6f9da86 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2017-08-22T16:46:07Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_GuilhermeSolinoEvelinOliveira.pdf: 205446 bytes, checksum: b71335c4d3f570c3f36ed423f6f9da86 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-08-22T16:46:07Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_GuilhermeSolinoEvelinOliveira.pdf: 205446 bytes, checksum: b71335c4d3f570c3f36ed423f6f9da86 (MD5) Previous issue date: 2017-08-22 / Analisamos o comportamento de crédito dos bancos comerciais para o mercado de crédito por localidades no Brasil para o período de 2005 a 2013. Utilizamos uma base de dados de alta frequência do Banco Central do Brasil dos principais itens de balanço de bancos comerciais e bancos múltiplos com carteira comercial, com informações a nível municipal. Mostramos evidências de má alocação de crédito pelos bancos públicos após a crise financeira de 2008- 2009 para o segmento de mercado de crédito livre. Isso ocorreu devido a uma grande expansão do crédito, deterioração da qualidade dos empréstimos e por evidência de que os empréstimos bancários foram politicamente direcionados. Utilizamos um painel de efeitos fixos e painel quantílico de efeito-fixos com termo não aditivo para um universo de 2.601 localidades. / We analyze the lending behavior of the commercial banks in the credit market at the local level by localities in Brazil for the period from 2005 to 2013. We use a high-frequency database from Brazil Central Bank of the main items of balance sheets of commercial banks and multiple banks with commercial portfolio. We used fixed-effects panel and non-additive fixed-effect quantile panel for a universe of 2,601 localities. We find evidence of poor credit allocation by state-owned banks after the 2008-2009 financial crisis for the non-earmarked credit market segment. The larger credit expansion, the deteriorating loan quality and the political targeted bank lending seem to be main determinants of such poor allocation.

Page generated in 1.7553 seconds