• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 1178
  • 25
  • 1
  • Tagged with
  • 1204
  • 620
  • 243
  • 242
  • 222
  • 156
  • 154
  • 145
  • 143
  • 131
  • 113
  • 100
  • 86
  • 85
  • 84
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Psicologia e subjetividade

Garcia-Roza, Luiz Alfredo 28 December 1982 (has links)
Este trabalho se propõe como uma análise histórica da questão da subjetividade tal como ela foi pensada desde sua emergência com Descartes, até Freud. Não se trata propriamente da história de um conceito, mas de uma abordagem histórica a um espaço mais amplo de questões que tem como referencial o sujeito e a subjetividade. O texto está dividido em três partes. Na Parte I, é analisada a emergência da subjetividade como objeto do saber e o esforço do racionalismo para identificá-la com a razão. A Parte 11, é dedicada à abordagem empirista e seus desdobramentos psicológicos. A Parte III é toda ela ocupada pela questão da clivagem da subjetividade operada pela teoria psicanalítica. O objetivo mais imediato do trabalho, é o de confrontar as virias concepções da subjetividade considerada como una e identificada com a consciência, ã concepção que nos é oferecida por Freud e que implica numa subjetividade clivada e num descentramento da razão. Face a este objetivo, a divisão do trabalho em suas duas partes iniciais, não se oferece como rigorosa mas visa apenas uma maior comodidade expositiva. O objetivo mais amplo do trabalho é, no entanto a delimitação da questão do platonismo que serve de tessitura ao conjunto dos discursos que compõem o texto, inclusive ao discurso psicanalítico. This work proposes to be a historical analysis of the question of subjectivity such as it has been understood since its inception from Descartes until Freud. It is not the history of a concept actually, but rather the historical approach of a broader area of matters with the individual and subjectivity as references. The text is divided into three parts. In Part I it is analysed the emergence of subjectivity as object of knowledge, and the effort of ·rationalism to identify it with the reason. Part II is concerning the empiricism approach and its psychological unfoldings. Part III is all concerned with the question of cleavage of subjectivity operated by psychoanalytical theory. The most immediate purpose of the work is to confront the various conceptions of subjectivity considered as one and identified with consciouness, with the conception as offered by Freud which implies a cleaved subjectivity and decentralization of reason. In the light of this purpose, the two initial parts of the work do not stand for a strict division, but are rather 50 divided for greater explanatory convenience. The broader purpose of the work, however, is the setting of the boundaries of the question of platonism that serves as tissue to the set of discourses which make up the text, including the psychoanalytical discourse.
2

O interesse pelas subjetivações : a interrogação filosofica na obra de Michel Foucault

Sandra N. C. Caponi 1989 (has links)
Resumo: Não informado Abstract: Not informed
3

A cultura " Psi" das revistas femininas (1970-90)

Dulcina Tereza Bonati Borges 1998 (has links)
Resumo: Não informado Abstract: Not informed
4

Duas diferentes perspectivas para o estudo da consciência na Filosofia contemporânea da mente

Paulo, Gustavo Vargas de. 2012 (has links)
Orientador: Mariana Claudia Broens Banca: João de Fernandes Teixeira Banca: Alfredo Pereira Junior Resumo: O objetivo desta dissertação é propor um estudo comparativo envolvendo duas diferentes perspectivas teóricas para o estudo da consciência situadas no contexto da Filosofia Contemporânea da Mente e das Ciências Cognitivas. Analisaremos criticamente seus pressupostos, suas divergências e o alcance de suas propostas considerando os filósofos da mente John R. Searle e Daniel C. Dennett como paradigmas representantes de cada uma das duas perspectivas. A filosofia da mente de John Searle caracteriza-se por levar em consideração os aspectos subjetivos dos estados conscientes em uma perspectiva que nunca permite dispensar ou desconsiderar os dados de primeira pessoa no estudo da consciência. Estes dados geralmente dizem respeito às experiências conscientes e às peculiares impressões e sensações internas tais como os qualia. Por outro lado, Daniel Dennett adota a perspectiva de terceira pessoa no estudo da consciência, buscando critérios científicos para o desenvolvimento deste estudo sustentado por dados publicamente observáveis e intersubjetivamente definíveis. Estes dados levam em conta as evidências comportamentais, informacionais ou neurofisiológicas que remetem a aspectos mentais, tentando assim estabelecer uma relação explicativa destes com o que se entende por consciência. No atual campo de pesquisas da Filosofia da Mente junto às Ciências Cognitivas não há consenso sobre o método mais adequado para o estudo da consciência sendo, ao contrário disso, composto por várias divergências. Por este motivo, consideramos relevante uma confrontação entre as principais perspectivas utilizadas no estudo do assunto. Buscaremos realizar esta tarefa analisando as contribuições das teorias estudadas para a elucidação da relação subjetividade/objetividade dos estados conscientes Abstract: This research is a comparative study of two different theoretical perspectives on the study of the consciousness, in the context of the contemporary philosophy of mind and the cognitive sciences. We analyze their presuppositions, their differences, and the reach of the two proposals, considering the philosophers of mind John R. Searle and Daniel C. Dennett as paradigmatic representatives of each of the two perspectives. The philosophy of mind of John Searle is characterized by the taking into consideration of the subjective aspects of conscious states, in a perspective that never allows the discarding or ignoring of first person data. These data generally have to do with conscious experiences and with specific impressions and internal sensations such as qualia. Daniel Dennett, on the other hand, adopts the third person perspective in the study of the consciousness, seeking scientific criteria that are supported by publicly observable and intersubjectively definable data. These data take into account behavioral, informational, or neurophysiological evidence that refers to mental aspects, thus attempting to establish an explanatory relation between these aspects and what is understood as consciousness. In the current field of research in philosophy of the mind, as well as in the Cognitive Sciences, there is no consensus on the most adequate method for the study of the conscience, and in fact various tendencies exist within the field. For this reason, we consider it relevant to compare the two main perspectives in the study of the subject. We attempt to carry out this task by analyzing the contributions of the theories under consideration, in order to elucidate the subjectivity/objectivity relationship in conscious states Mestre
5

A casa dos homens : passos de uma mulher entre as masculinidades na prisão

Santos, Cíntia Helena dos. 2013 (has links)
Orientador: Wiliam Siqueira Peres Banca: Sônia Regina Vargas Mansano Banca: Leonardo Lemos de Souza Banca: Fernando Silva Teixeira Filho Banca: Sandra Maria da Mata Azevedo Resumo: Este estudo trata da articulação entre os processos de subjetivação contemporâneos, as relações de poder e as formas sutis com que as tecnologias de gênero naturalizam e perpetuam ações nas relações, parcerias e lutas diárias que ocorrem em uma Penitenciária. Partindo da genealogia foucaultiana, como matriz epistemológica e metodológica, colocamos em análise documentos institucionais e entrevistas realizadas com funcionários do Sistema Penitenciário do Paraná, que atuam na cidade de Londrina. O entrelaçamento destas falas e forças engendra o impacto das tecnologias de gênero, em especial das masculinidades, na dinâmica das relações de poder e de resistência entre os que habitam a prisão. A forma como são caladas e/ou adequadas às diversidades humanas e às maquinarias que compõem os rígidos processos de subjetivação admitidos no cárcere e entre "carcereiros", apresentaram-nos aprisionamentos mais precisos e danosos que as grades. Para além destas, apresentam-nos os modos de aprisionamentos de si e do outro, que cristalizam e empobrecem os corpos e suas possibilidades de novos encontros e afetações. De modo geral, apontam-nos para processos de subjetivação disciplinares e normalizadores. A problematização destas grades biopolitícas binárias tem permitido outros fluxos, no sentido de ampliar a percepção e superação das grades de ferro e de si mesmos. Esta pesquisa caracteriza-se pela decisão de fazer e manter algumas questões quanto aos processos de subjetivação daqueles que representam o Estado perante as pessoas presas, a partir dos passos de uma mulher entre as masculinidades. Em todo seu percurso, esta escolha mostrou-nos ser o caminho possível para o surgimento de linhas de fuga que possibilitam existências mais potentes e, assim, apontam para a concretização da proposta... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) Abstract: This study addresses the link between the processes of contemporary subjectification, the power association and the subtle ways in which the gender technologies naturalize and perpetuate actions in the relations, partnerships and daily struggles that take place in a penitentiary. From the Foucault‟s genealogy as an epistemological and methodological matrix, we analyze institutional documents and interviews performed with officials of the Penitentiary System of Paraná, in the city of Londrina. The intertwining of these speeches and forces engenders the impact of the technologies of gender - in especial of the masculinities, in the dynamics of the relations of power and resistance among those who inhabit prison. The way they are silenced and adequate to human diversity and to the machinery that make up the rigid processes of subjectivation allowed in prison and between "jailers", showed us more effective and injurious incarcerations than the bars. Beyond that, they present us the ways of the self-incarcerations and the other‟s incarcerations that solidify and deplete their bodies and their chances of new findings and affectations. In general, they lead us to processes of disciplinary and normalizing subjectification. The problematization of these biopolitics, binary grids has allowed other fluxes, in the sense of broadening perception and overcoming the iron bars and themselves. This research is characterized by the decision of raising and keeping a few questions about the processes of subjectification of those who represent the State in the presence of the prisoners, and from the moves of a woman among the masculinities. Throughout its course, this choice proved to be the a possible way for the raise of escape lines that enable more powerful existence and thus leading to the completion of the proposed intention to make of the criminal... (Complete abstract click electronic access below) Doutor
6

Efeitos da visibilidade/invisibilidades das pessoas vivendo com HIV/AIDS

Bravo, Paulo Roberto 6 May 2015 (has links)
Dada ?? import??ncia da ades??o ao tratamento para a sobrevida, e considerando o estigma associado ?? condi????o de pessoas vivendo com o HIV/AIDS compromete n??o apenas a sua qualidade de vida, mas tamb??m a qualidade da assist??ncia ?? sa??de. O objetivo geral desta pesquisa foi analisar os efeitos dos processos subjetivos da visibilidade e da invisibilidade em pessoas soropositivas. A metodologia realizada ?? uma investiga????o qualitativa por meio de entrevistas semi-estruturadas individuais e com grupo focal em dois segmentos: institui????o de sa??de p??blica e ONG. Os resultados responderam que os efeitos subjetivos da visibilidade/invisibilidade para o HIV/AIDS comprometem o tratamento, a ades??o e o modo de vida dos pacientes. A atua????o pol??tica das ONGs ?? a principal rede leg??tima de apoio fundamental para os pacientes de HIV/AIDS, que trabalha para diminuir o preconceito, o estigma e o medo, fortalecendo os la??os e a viv??ncia de pertencimento ?? comunidade. Foi poss??vel verificar nestes grupos que a doen??a na maior parte das vezes foi detectada atrav??s de outras doen??as sintom??ticas. Na visibilidade ainda permanecem as limita????es subjetivas do medo da doen??a e da revela????o da soropositividade, pois a visibilidade leva a danos associados aos direitos sociais e nas rela????es interpessoais. Faz-se necess??rio qualificar a assist??ncia levando em considera????o os aspectos subjetivos, sejam estes individuais e sociais, associados ?? viv??ncia do HIV/AIDS. Espera-se com este estudo contribuir para a sensibiliza????o do poder p??blico e de profissionais de psicologia para a import??ncia de sua participa????o no processo de cuidado, de modo a garantir melhoria na qualidade de vida de pessoas vivendo com HIV/AIDS.
7

A aposentadoria policial civil ??? configura????o subjetiva, modo de vida e sa??de. estudos de casos com servidores da pol??cia civil do distrito Federal.

Antunes, Carlos Eduardo Prata 6 May 2015 (has links)
. Este trabalho surge na observa????o deste pesquisador quando no exerc??cio de suas fun????es como psic??logo na Policl??nica da Pol??cia Civil do Distrito Federal. Notou-se a precocidade das aposentadorias desses servidores e tamb??m alguns adoecimentos ps??quicos ???gerados??? no exerc??cio dessa atividade policial. Assim, esse estudo se prop??e compreender os impactos da aposentadoria nos policiais civis da Pol??cia Civil do Distrito Federal. Para tanto, utiliza uma metodologia construtivo-interpretativo, com enfoque na perspectiva epistemol??gica qualitativa. O trabalho foi dividido em duas fases. Na primeira fizeram parte da pesquisa 37 (trinta e sete) policiais civis do Distrito Federal de diferentes cargos e sexos (Agente de Pol??cia, Agente Penitenci??rio, Escriv??o de Pol??cia, Perito M??dico Legista e Perito Criminal). Nesta fase, os participantes integraram grupos de discuss??o sobre a tem??tica ??? aposentadoria. Na segunda fase foram selecionados 6 (seis) policiais civis (4 Agentes de Pol??cia, 1 Perita Papiloscopista e 1 Agente Penitenci??rio) sendo duas mulheres e quatro homens. Desses foram selecionados dois casos (um homem e uma mulher), devido ?? qualidade das informa????es compartilhadas. Os casos foram analisados como Estudos de Casos e serviram de base para a constru????o da informa????o sobre o impacto da aposentadoria nos policiais civis do Distrito Federal. Nesta fase foram utilizados tr??s instrumentos de pesquisa: complemento de frases, question??rio aberto e a apresenta????o de fotos. De modo geral, baseados nas constru????es interpretativas elaboradas na parte emp??rica, os casos estudados a partir da teoria da subjetividade revelam como a aposentadoria policial civil responde a configura????es subjetivas muito distintas e que levam em considera????o aspectos simb??lico-emocionais. Nessa mesma perspectiva a configura????o subjetiva da aposentadoria n??o ?? um fen??meno universal e que se expressa por caracter??sticas comuns entre os servidores da PCDF. Os modelos te??ricos elaborados em cada caso para explicar a configura????o subjetiva da aposentadoria policial trazem em seu bojo a subjetividade social dominante na institui????o policial, bem como outros aspectos compartilhados socialmente que envolvem sentimentos de inutilidade e de perda de valores pessoais como: a investidura da autoridade como parte da identidade desses trabalhadores.
8

Um olhar sobre a discursividade do sujeito em psicoterapia

Sirley Aparecida de Sousa 29 September 2009 (has links)
O presente trabalho visa analisar a discursividade arquivada ao longo do processo de psicoterapia de sujeitos acometidos por forte depressão. Que, em virtude de tal estado psicológico, foram submetidos a um tratamento norteado pelo referencial teórico da Psicanálise, segundo o qual os pacientes são orientados a falar livremente com o intuito de fazer com que sentimentos e pensamentos inconscientes possam se revelar de modo espontâneo. Desta forma, os discursos aqui analisados encontram-se associados a esta orientação, contudo, diferenciam-se do usual encontrado na clínica psicoterápica, por serem relatos escritos pelos próprios sujeitos fora do horário de consulta, servindo como complemento para as sessões. Tais escritos ficaram arquivados sendo, posteriormente, usados em análises cujo referencial teórico abrangia outros conhecimentos, sempre com o intuito de promover avanços na compreensão da estrutura psicológica destes pacientes. A análise aqui apresentada foi embasada nas propostas teóricas da Análise do Discurso de linha francesa, visto que esta se volta para a compreensão de formações discursivas que trazem em seu conjunto o condicionamento ao contexto sócio-histórico e ideológico a que o enunciador pertence. Sendo assim, o entendimento sobre a discursividade presente nestes textos, pode avançar na apreensão das inúmeras fontes que influenciam tais discursos, fontes que o tornam heterogêneo. Assim considerando a análise, neste trabalho, está voltada para a maneira como estes sujeitos pacientes, ao serem convocados a expressarem seus conteúdos emocionais, lidam com as influências decorrentes da presença de outros sujeitos visíveis em seus discursos; revelados pela recorrência de discursos relatados e discursos consolidados socialmente, expressando as formações ideológicas que neles transparecem, e ainda, em meio a isto, como a discursividade responde a necessidade de manutenção da coerência discursiva. The present assigment has the objective to analyze the filed discursivity during the process of psychotherapy of subjects with high depression. That dues to this psychological state subjects that were submitted in a treatment guided by the referential Psychanalyse theory, as that the patients are guided to speak freely with the motif of doing that the unconscious feelings and thoughts can reveal in a spontaneous form. This way, the discourses here analyzed are found associated with this orientation, however, they differ of the common due to being written by the subjects themselves outside the session’s time, this serves as a complement for those. This is about the taken and analyzed discourses based on the psychoanalytic theory, having as objective contribute with the therapeutic process of its announcers and that after were used to help in researches viewing the improve in the comprehension of the psychological structure of patients with similar problems. The analyzed presented was got by the theorical proposes of the discursive analyses of French line, for this we know that the same come back to the comprehension of discursive formations that bring in its set the behavior modification through the socio-historic context that the announcer belongs. Because of this, in this assignment, the analysis is back to the way how this patients, when convoked to express their own emotional contend, can deal with the influences in the presence of other visible subjects in their discourses, showed by the recurrence of the related discourses, social established, expression of ideological formation, and, among that, how these subjects react to the necessity of be discursive coherent.
9

Deusa das noites: personagens (des)veladas

Scaringi, Vanessa Cristina [UNESP] 23 August 2011 (has links)
O curso do imaginário vai para uma esfera coletiva, além do individual. É um dinamismo que surgiu desde a mitologia e que perpassa séculos, transformando-se em si mesmo e antecipando aquilo que ainda não foi vivido. Em um mundo de sonhos, fantasias, imagens, memórias de muitas cenas que fascinam, encantam, seduzem, (des)velam, surge Afrodite - a deusa das noites - de diversas faces e personagens dançantes de tempos (ir)reais que se fazem passado, presente e futuro. Muitos são os caminhos para encontrá-la e o rumo optado faz da experiência um lugar mágico que se mistura a um lugar comum. Falar de DEUSA DAS NOITES: Personagens (des)veladas significa adentrar em um mundo de desejos, (des)encantos e seduções, movido por personagens de um paradoxo: realidade e ficção. Como a dançarina de striptease, por meio da dança erótica, cria as suas personagens entre a realidade e a ficção, possibilitando a e/ou interferindo na produção de subjetividade? Nesta perspectiva, pode-se pensar a referida pesquisa como espaço de experiências, de modos de afetação e produção de sentidos nos/pelos sujeitos em um cenário onde as danças da vida e do imaginário se entrelaçam. Tomando como princípio que a dança, inclusive a erótica, invoca a presença da imaginação, constitui-se como objetivo deste estudo discutir relações presentes entre o real e o ficcional que permeiam a criação da personagem da dançarina de striptease como processo de subjetivação. Esta pesquisa foi sendo produzida a partir de sete encontros com uma jovem dançarina de striptease de 21 anos de idade. Portanto, não busca fechar uma definição sobre o trabalho com o striptease, mas busca aliar-se à dançarina com o intuito de apontar variações e relações construídas no caminho que se traça para além da busca por uma meta... The course of the imaginary goes to a collective domain, beyond the individual. It's a dynamism that has emerged since the mythology and has been running through the centuries, transforming in itself and anticipating what has not been lived. In a world of dreams, fantasies, images, memories of many scenes that fascinate, enchant, seduce, (un)ensure, emerges Aphrodite - the goddess of the love - of many faces and dancing characters of (un)real times that make themselves past, present and future. There are many ways to find her and the chosen path makes the experience a magical place that blends with the commonplace. Speaking of GODDESS OF NIGHTS: Characters (un)veiled means entering a world of desires, (dis)enchantment, seduction and fantasy, driven by characters of a paradox: reality and fiction. How does a stripper, through erotic dance, create her characters between reality and fiction, allowing and/or interfering with the production of subjectivity? In this perspective, one might think of a specific research as a space of experiences, ways of affectation and meaning production in/by the subjects in a scenario where the dances of life and imagination intertwine. Taking the principle that the dance, including the erotic, invokes the presence of the imagination, constitute the aim of this study to discuss present relations between the real and fictional that underlie the creation of the character of the stripper as a process of subjectification. This research is being produced from seven encounters with a young, 21 year old stripper. Therefore, it does not seek for a definition about the work with the striptease, but seeks to ally itself with a dancer in order to point out variations and relationships built in the path that is traced beyond the search for a goal. It's like enjoy the details in a work of art, doubting what is said, building the path to walk, casting off the call ... Do you want to dance with me?
10

A topologia radical do gauche na poética metafísica de Carlos Drumond de Andrade

Zrzebiela, Fernanda Ferrari 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Literatura, Florianópolis, 2015 O presente trabalho toma como objeto de estudo as quatro obras que compõem o chamado "quarteto metafísico" do poeta Carlos Drummond de Andrade, denominação cunhada por José Guilherme Merquior para se referir a "Novos poemas" (1948), "Claro enigma" (1951), "Fazendeiro do ar" (1953-1954) e "Vida passada a limpo" (1959), obras que formariam um coro de indagações e questionamentos do poeta diante da condição do existente. O entendimento da sintomática poesia de Drummond como um movimento de extrapolação da tradição do pensamento metafísico pautada pela noção dual e contraditória e, principalmente, conforme assimilado por Nietzsche, por ignorar os mecanismos da diferença, pode ser observado pelos desdobramentos a que se ateve o presente estudo, a saber: a noção da figura do gauche como instância comunicadora do Fora, a superação da noção tripartida do tempo (presente-passado-futuro), as tipologias duais observadas por Villaça (noite/dia, eterno/fugaz, vida/morte) que, longe de pautarem-se em um esquema dual e opositivo do pensamento, estabelecem justamente a afirmação de uma pluralidade sempre diversa. Entendemos que isso seja possível pela compreensão do Ser enquanto diferença. Questionar a metafísica significa, pois, um questionamento sobre o horizonte no qual se determinam as forças e as potências do pensamento.
Abstract: The present study takes as object four books wich was called "metaphysical quartet" of the poet Carlos Drummond de Andrade, name coined by José Guilherme Merquior. "Novos poemas" (1948), "Claro enigma" (1951), "Fazendeiro do ar"? (1953-1954) e Vida passado a limpo (1959) would form a chorus of existencial questions. The comprehension of symptomatic drummondiana poetry as an extrapolation movement of metaphysics thought tradition, guided by the dual and contradictory notion and, mainly, as assimilated by Nietzsche, to ignore the mechanisms of difference, can be seen by the developments that adhered the present study, such as: the notion of gauche figure as a communicator instance of "Out", the tripartite concept of time (present-past-future), the dual types observed by Villaça (night / day, eternal / fleeting, life / death) that as opposed to establish a dual scheme and oppositional thought, precisely establish the affirmation of a plurality always different. We consider it is possible through the understanding of Being as difference. Questioning the metaphysical means, therefore, a question on the horizon in which determine the strengths and powers of thought.

Page generated in 0.0599 seconds