• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 8715
  • 124
  • 119
  • 119
  • 108
  • 69
  • 46
  • 45
  • 45
  • 44
  • 42
  • 39
  • 10
  • 6
  • 6
  • Tagged with
  • 8888
  • 2114
  • 1098
  • 828
  • 783
  • 757
  • 664
  • 657
  • 654
  • 617
  • 556
  • 539
  • 509
  • 487
  • 480
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
11

Mannheimiose pneumônica experimentalmente induzida em bezerros pela Mannheimia (Pasteurella) haemolytica A1-cepa D153: achados do exame físico, hemograma e swabs nasal e nasofaringeano

Coutinho, Adriana de Souza [UNESP] January 2003 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:31:24Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2003Bitstream added on 2014-06-13T18:41:59Z : No. of bitstreams: 1 coutinho_as_dr_botfmvz.pdf: 748919 bytes, checksum: c3d99611d777fe2a213bb8f475b4bee3 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / A Mannheimia haemolytica A1 é o agente etiológico da Mannheimiose Pneumônica Bovina (MPB), uma doença de grande importância econômica. Um modelo experimental de MPB foi utilizado com o objetivo de avaliar os sinais clínicos, as alterações hematológicas e as espécies bacterianas das cavidades nasais e nasofaringeanas de bezerros com MPB, em diferentes momentos do curso da doença. Um total de 28 bezerros foi divido em sete lotes e os bezerros de cada lote foram distribuídos aleatoriamente em cada um dos quatro grupos. Cada grupo foi avaliado em um momento do curso da MPB: grupo I às 12, grupo II às 24, grupo III às 48 e grupo IV às 72 horas após a inoculação. Após incubação por cinco horas, a 37ºC e sob rotação de 150 ciclos/min, os inóculos da cepa D153 de M. haemolytica A1, com concentrações variando entre 1,5 x 10 8 a 8,20 x 10 9 UFCs (Unidades Formadoras de Colônias), foram infundidos na região da carina em todos os bezerros de cada lote, por via transtraqueal, enquanto eram mantidos em decúbito lateral direito. As respostas dos bezerros de cada grupo, I a IV, à M. haemolytica A1 foram caracterizadas por: hipertermia e taquicardia, com a temperatura corporal e a freqüência cardíaca tendendo a ser mais baixa nos grupos I a III e alcançando valores mais elevados no grupo IV. A freqüência respiratória aumentou em todos os grupos após a inoculação, com os valores dos grupos III e IV tendendo a ser mais elevados. Os sinais clínicos qualitativos da MPB que indicaram alterações da condição física geral, do sistema cardiovascular e alterações oculares tenderam a melhorar à medida que a doença progrediu, quando os quatro grupos foram comparados. Adicionalmente, a freqüência da secreção nasal mucosa e a intensidade da secreção nasal muco-purulenta tenderam a aumentar, concomitantemente com o aumento da... . / Mannheimia haemolytica A1 is the etiologic agent of Bovine Pneumonic Mannheimiosis (BPM), a disease of great economic importance. An experimental model of BPM was utilized with the objective of evaluating the clinical signs, hematologic changes and the bacterial species of the nasal and nasopharynx cavities of calves with BPM at different moments of the course of the disease. A total of 28 calves were divided in seven blocks, and the calves of each block were randomized to take part in one of four groups. Each group was evaluated at one moment of the course of BPM: group I at 12, II at 24, III at 48 and IV at 72 hours after inoculation. After incubation for 5 hours at 37ºC and under rotation of 150 cycles/min, the inoculums of the D153 strain of M. haemolytica A1, with concentrations varying between 1,5 x 10 8 a 8,20 x 10 9 CFU (Colonies Forming Unit), were infused at the karin region in all calves of each block, through transtraqueal route, while the calves were in right side lying. The reaction of the calves of each group (I to IV) to M. haemolytica A1 was characterized by: hipertermia and tachycardia, with body temperature and heart rate tending to be lower in groups I to III and reaching higher values in group IV. Respiratory rate increased in all groups after inoculation, with the values of groups III and IV tending to be higher. BPM qualitative clinical signs which indicated alterations of general physical condition, alterations of the cardiovascular system and ocular changes tended to improve along the progression of the disease when the four groups were compared. Additionally, the frequency of the mucous nasal... (Complete abstract, click electronic address below).
12

Avaliação da utilização da termografia na região umbilical de bezerros holandeses com ou sem sinais clínicos de enterite /

Morelli, Fernando Christiano Gabriel. January 2011 (has links)
Orientador: Juliana Regina Peiró / Banca: Roberto Calderon Gonçalves / Banca: Marion Burkhardt de Koivisto / Resumo: Foram utilizados 20 bezerros holandeses de propriedades produtoras de leite Tipo A na região de Araçatuba-SP, divididos em dois grupos: sem (Grupo controle) e com sintomas clínicos de enterite (Grupo experimental). Os animais foram submetidos a aferição da temperatura nas faces esquerda e direita do umbigo por termografia infravermelha, exame físico (freqüência cardíaca, freqüência respiratória, temperatura retal) e coleta de sangue em tubos com EDTA, para realização de exames laboratoriais (leucócitos, linfócitos, neutrófilos, hematócrito, hemoglobina, proteína plasmática total, fibrinogênio). Os animais foram avaliados no dia do nascimento e 1, 3, 5 e 7 dias após nascimento. Os objetivos foram estabelecer o padrão da temperatura infravermelha na região umbilical de bezerros holandeses sem ou com sinais clínicos de enterite entre 0 e 7 dias de idade; verificar se existe alteração na temperatura na região umbilical de bezerros holandeses sem ou com sinais clínicos de enterite antes e 15 minutos após a imersão do coto umbilical em tintura de iodo a 10%; e observar se bezerros com sinais clínicos de enterite apresentam elevação da temperatura da região umbilical em comparação com bezerros saudáveis. Os valores de referência para temperatura umbilical (faces direita e esquerda) foram estabelecidos para cada grupo. Não houve diferença na temperatura retal entre os grupos (P = 0,6190). Em ambos os grupos, a imersão do coto umbilical em solução de iodo a 10% não alterou significativamente a temperatura das faces esquerda (P = 0,8887) e direita (P = 0,8270) do umbigo em animais do Grupo controle ou experimental 15 minutos após a primeira avaliação. Em ambos os grupos, não houve diferença significativa... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Twenty Holstein calves, from two dairy farms in the region of Araçatuba-SP, were divided into two groups: without (control group) and with clinical signs of enteritis (experimental group). The animals were subjected to measurement of temperature in the left and right sides of the navel by infrared thermography, physical examination (heart and respiratory rates, and rectal temperature) and blood sampling for laboratory tests (leukocyte, lymphocyte, and neutrophil counts; and hematocrit, hemoglobin, total plasma protein, and fibrinogen concentrations). The animals were evaluated at birth and 1, 3, 5 and 7 days after birth. The goals of this study were to establish the pattern of infrared temperature in the umbilical region of Holstein calves with or without clinical signs of enteritis between 0 and 7 days old; determine if there is a difference in temperature in the umbilical region of Holstein calves with or without clinical signs of enteritis before and 15 minutes after dipping the umbilical stump in 10% iodine solution; and observe whether calves with clinical signs of enteritis have elevated temperature in the umbilical region compared with the healthy calves. The reference values for umbilical temperature (right and left sides) were established for each group. There was no difference in rectal temperature between groups (P = 0.6190). In both groups, the dipping of the umbilical stump in 10% iodine solution did not significantly change the temperature of the umbilical left side (P = 0.8887) or right side (P = 0.8270) of calves in the control or experimental groups 15 minutes after the first evaluation. In both groups, there was no significant difference between the temperature in the umbilical left side (P = 0.8541) or right side (P = 0.6828) over 7 days of evaluation. Thus we conclude that the reference values for infrared... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
13

Impacto previdenciário e ocupacional da incapacidade para o trabalho por doenças osteomusculares em sete ramos de atividade, Brasil, em 2002

Gadelha, Ana Paola Gomes 22 June 2006 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2006. / Submitted by Kathryn Cardim Araujo (kathryn.cardim@gmail.com) on 2009-10-29T09:41:28Z No. of bitstreams: 1 2006_Ana Paola Gomes Gadelha.pdf: 294348 bytes, checksum: 4c133678197900b64d935b6d4b4a374f (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2009-10-29T12:50:01Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2006_Ana Paola Gomes Gadelha.pdf: 294348 bytes, checksum: 4c133678197900b64d935b6d4b4a374f (MD5) / Made available in DSpace on 2009-10-29T12:50:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2006_Ana Paola Gomes Gadelha.pdf: 294348 bytes, checksum: 4c133678197900b64d935b6d4b4a374f (MD5) Previous issue date: 2006-06-22 / Objetivo : Avaliar o impacto das doenças osteomusculares (DOM) como fator de incapacidade para o trabalho em sete ramos de atividade no Brasil em 2002. Métodos: Foram estudados os benefícios concedidos pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) por DOM (Cap 13 CID-10) (OMS, 2003) aos trabalhadores celetistas de sete ramos de atividade econômica, CNAE, n=2.838.995, no Brasil em 2002. Avaliou-se tipo, diagnóstico, duração e custo dos benefícios e CNAE. Analisaram-se os dados utilizando-se coeficientes e razão de prevalência, proporções, média e desvio padrão da duração e custo dos benefícios. Os ramos avaliados foram: Fabricação de Produtos Químicos, Metalurgia Básica, Fabricação de Produtos de Metal, Intermediação Financeira, Educação, Transportes Aéreo e Terrestre. Resultados: Em 2002 foram despachados 117.399 benefícios por todas as doenças, sendo 26.550 por DOM (22,6%), resultando em coeficiente de prevalência de 9,4 benefícios por 1.000 vínculos. Quanto ao CNAE, a maior prevalência de benefícios por DOM foi no Transporte Terrestre, 12,9, e a menor no setor Educação, 3,4. Quanto à caracterização do benefício como acidentário, as maiores prevalências foram da Intermediação Financeira, 4,2, e do Transporte Aéreo, 1,8. Os benefícios duraram em média 240,2 dias (±173,1), sendo que esta duração média foi maior no ramo da Educação, 263,9 dias (±210,0). O custo médio por benefício foi de R$7.182,00 (±6.610), sendo os maiores no Transporte Aéreo R$ 10.948,00 (±9.308,00), seguido pela Intermediação Financeira R$ 10.575,00 (±7.747,00). Conclusões: Os trabalhadores do Transporte Terrestre foram os mais incapacitados para o trabalho por DOM. A Intermediação Financeira apresentou a maior relação trabalho-doença, enquanto a Educação demandou o maior tempo de afastamento por DOM. Os ramos da Intermediação Financeira e do Transporte Aéreo foram os que demandaram maior custo médio. ______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Objective: To assess the impact of the musculoskeletal disease (MD) disability in seven branches of labor activity in Brazil in 2002. Methods: The benefits granted by the INSS [National Institute of Social Security] for MD (Chap 13 ICD-10), (WHO, 2003) to selected workers of seven branches of economic activities, NCEA, n= 2.838.995, in Brazil in 2002 were assessed. Data were analyzed using coefficients and ratio of prevalence, proportions, mean and standard deviation of the duration and costs of the benefits. The branches assessed were: Chemical Production, Basic Metallurgy, Metal Products Manufacturing, Financial Intermediation, Education, Airway and Land Transport. Results: 117.399 benefits were issued in 2002 for all diseases, 26.550 for MD (22.6%), resulting in a prevalence coefficient of 9,4 benefits per 1.000 employees. Regarding the NCEA, the highest prevalence of benefits for MD was in Land Transportation, 12,9, and the lowest was in Education, 3,4. As for the characterization of the benefits as accidental, the highest prevalence was found in Financial Intermediation, 4,2. The benefits lasted in average 240,2 days (± 173,1). And the highest average was found in the branch of Education, 263,9 (± 210,0). The average cost of benefits for MD was of R$ 7.182,00 (± 6.610,00). And the highest ones were in the Airway Transport R$ 10.948,00 (± 9.308,00), followed by Financial Intermediation R$ 10.575,00 (± 7.747,00). Conclusions: Land Transportation workers were the most disabled for the work due to MD. Financial Intermediation showed the higher work/disease relation, whereas xiv Education demanded much time of work absence due to MD. Airway Transport and Financial Intermediation were the ones which demanded the highest average cost.
14

Estudos da ação da nifedipina sobre o estado periodontal de ratos

Fernandes, Marilene Issa January 2006 (has links)
Resumo não disponível
15

Inibição da replicação do vírus da leucemia felina (FELV) em células cronicamente infectadas através da utilização de RNA de interferência

Ornelas, Sócrates Souza 12 January 2012 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, Programa de Pós-Graduação em Patologia Molecular, 2012. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2012-10-03T15:21:07Z No. of bitstreams: 1 2012_SocratesSouzaOrnelas.pdf: 2352298 bytes, checksum: 189e074b1e0d80a6a591c19e4e39da32 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2012-10-04T11:57:13Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2012_SocratesSouzaOrnelas.pdf: 2352298 bytes, checksum: 189e074b1e0d80a6a591c19e4e39da32 (MD5) / Made available in DSpace on 2012-10-04T11:57:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2012_SocratesSouzaOrnelas.pdf: 2352298 bytes, checksum: 189e074b1e0d80a6a591c19e4e39da32 (MD5) / O Vírus da Leucemia Felina (FeLV), isolado inicialmente em 1964, corresponde a um retrovírus patogênico, endêmico entre gatos domésticos, que ocasiona uma séria doença entre estes animais. O mecanismo de interferência por RNA, RNA de interferência (RNAi) é um processo no qual moléculas de ácido ribonucléico (RNAs) de dupla fita (dsRNA) induzem a degradação pós-transcricional do RNA mensageiro homólogo, de forma sequência-específica. Até o presente, o RNAi tem se apresentado como ferramenta molecular em potencial para estratégias de tratamento de várias doenças por meio da inibição da expressão de proteínas ou peptídeos desejados. Este estudo se empenhou na aplicação da tecnologia do RNAi na inibição da replicação do FeLV. Examinou-se o efeito da transferência e expressão de pequenos fragmentos de RNA com dobramento na extremidade (shRNA) contra a expressão da proteína p27 e a replicação de FeLV em linhagem de células T cronicamente infectadas com FeLV (3201-EECC), via vetores de expressão de RNAi. A proteína p27 é produzida via expressão do gene gag de FeLV, sendo componente molecular do nucleocapsídeo viral. Esta proteína pode ser encontrada em grande abundância em células sanguíneas infectadas ou de forma solúvel no plasma e soro de gatos virêmicos. Três shRNAs homólogos ao gene gag de FeLV foram sintetizados, clonados e transfectados em linhagens de células fibroblásticas felinas (CrFK), expressando FeLV. A expressão desses shRNAs conseguiram diminuir de forma eficiente a expressão da proteína p27 e, consequentemente, reduziram a replicação viral em linhagem de célula T cronicamente infectada (3201-EECC). A expressão de shRNA contra o gene gag de FeLV mostrou redução dos níveis de p27 e da replicação viral nas linhagens celulares, 3201-EECC e CrFK. Esses resultados fornecem informações importantes para futuro desenvolvimento de estratégias de terapia gênica no controle das infecções por FeLV e infecções retrovirais relacionadas. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Feline Leukemia Virus (FeLV) is a pathogenic retrovirus endemic among domestic cats remaining an important disease since its discovery in 1964. RNA interference (RNAi) is a process in which double-stranded RNA induces the post-transcriptional sequence-specific degradation of homologous messenger RNA. At present, RNAi technology regarded as a potential strategy for the treatment of various diseases as it can be used to inhibit the expression of desired peptides/proteins. The present study aimed to apply the RNAi technology to inhibit the replication of FeLV. We examined the effect of vector-mediated transfer and expression of FeLV specific short hairpin RNA (shRNA) against p27 protein expression and replication of FeLV in a feline T-cell line chronically infected with FeLV (3201-EECC). Three shRNA homologous to the FeLV gag gene synthesized, cloned and transfected into a feline fibroblastic cell line (CrFK) expressing FeLV, efficiently reduced FeLV p27 protein expression, consequently decreased and inhibited the viral replication in a chronically FeLV infected feline T-cell line (3201-EECC). The p27 protein is a structural component of the inner viral core. This protein can be found in great abundance in infected blood cells and in soluble form in plasma and serum of viremic cats. The expression of shRNA against FeLV gag gene showed to markedly lower p27 levels and viral replication in both cell lines, 3201-EECC and CrFK. These results provide useful information to pave the road for the development of gene therapy strategy to control FeLV and related pathogenic retroviruses infection in the future
16

O uso da hipromelose na oclusão dos pontos lacrimais em portadores de olho seco secundário

Oliveira, Leonardo Capita Glória Batista de 03 November 2014 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências Médicas, Programa de Pós-Graduação em Ciências Médicas, 2014. / Submitted by Estágio Supervisionado (gid@bce.unb.br) on 2015-01-08T11:58:36Z No. of bitstreams: 1 dissertação leonardo.pdf: 1117565 bytes, checksum: 266c7acacc17566675384b0c6120692c (MD5) / Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2015-01-14T11:57:53Z (GMT) No. of bitstreams: 1 dissertação leonardo.pdf: 1117565 bytes, checksum: 266c7acacc17566675384b0c6120692c (MD5) / Made available in DSpace on 2015-01-14T11:57:54Z (GMT). No. of bitstreams: 1 dissertação leonardo.pdf: 1117565 bytes, checksum: 266c7acacc17566675384b0c6120692c (MD5) / Objetivo: Avaliar a eficácia da oclusão dos pontos lacrimais com hipromelose 2% em pacientes portadores de olho seco. Desenho: Ensaio clínico prospectivo, randomizado, uni-cego. Métodos: Foram avaliados 76 olhos de 38 pacientes (36 mulheres e 2 homens) portadores de olho seco secundário a doenças reumatológicas. Em cada paciente, o ponto lacrimal inferior de um olho foi ocluído com hipromelose 2% e, no olho contralateral, houve apenas a simulação do procedimento (grupo controle). Foram avaliados através de questionário de escala visual (nota de 0 a 10) ardência, prurido, vermelhidão, sensação de corpo estranho e lacrimejamento, além de propedêutica objetiva para avaliação de 7 olho seco com Teste de Schirmer com anestésico(teste de secreção basal lacrimal), Tempo de quebra do filme lacrimal (BUT), e Teste de coloração com Fluoresceína e Rosa Bengala com 0, 28 e 56 dias pós-tratamento. Resultados: A oclusão com hipromelose mostrou uma significativa redução nos testes de coloração com Rosa Bengala e Fluoresceína. Nos sintomas aferidos pela escala visual, ardência, prurido, vermelhidão, sensação de corpo estranho e lacrimejamento também ocorreu redução significativa. O Teste de Schirmer com anestésico e BUT aumentaram significativamente Os efeitos persistiram por até 8 semanas. Não houve abandono do estudo ou relato de efeitos colaterais no seguimento de 24 meses. Conclusões: Os resultados sugeremque a oclusão dos pontos lacrimais com hipromelose 2% é mais uma ferramenta no tratamento do olho seco. __________________________________________________________________________ ABSTRACT / Purpose: To evaluate the effectiveness of punctal occlusion using hypromellose 2% in dry eye patients. Methods: Prospective, randomized, single-blind clinical trial. We evaluated 76 eyes of 38 patients (36 women and 2 men) with dry eye secondary to rheumatic diseases. In each patient, the lower lacrimal punctum of one eye was occluded using hypromellose 2% whereas the contralateral eye underwent a simulation of the procedure (control group). Patients' eyes were assessed for burning, itching, redness, foreign body sensation, and tearing based on a visual scale questionnaire (score 0-10). We also performed objective tests for evaluation of dry eye using Schirmer's test with anesthesia (basal tear secretion test), the tear film break-up time (BUT) test, and the fluorescein and rose bengal staining test at 0, 28, and 56 days after treatment. Results: The fluorescein and rose bengal staining tests showed that there was a significant reduction in the symptoms after occlusion using hypromellose. The symptoms measured by the visual scale were significantly reduced. The values of Schirmer's test with anesthesia and the BUT test increased significantly. The effects 9 persisted for up to 8 weeks. There were no dropouts or reported side effects during the 24-month follow-up. Conclusion: Our results suggest that punctal occlusion using hypromellose 2% is a low-cost and safe additional treatment for dry eye.
17

Morfologia e morfometriados cascos de bovinos nelorados

Lima, Flávia Barros de 07 February 2011 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária, 2011. / Submitted by Matheus Denezine (matheusdenezine@yahoo.com.br) on 2011-06-17T16:50:40Z No. of bitstreams: 1 2011_FláviaBarrosdeLima.pdf: 6453650 bytes, checksum: d877e3107d71189dc6d3b04cca24e164 (MD5) / Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2011-06-17T17:11:29Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_FláviaBarrosdeLima.pdf: 6453650 bytes, checksum: d877e3107d71189dc6d3b04cca24e164 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-06-17T17:11:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_FláviaBarrosdeLima.pdf: 6453650 bytes, checksum: d877e3107d71189dc6d3b04cca24e164 (MD5) / As lesões de casco são um problema freqüente em bovinos e conduzem a grandes perdas. As estruturas de sustentação, de suporte e amortecimento do casco bovino são de particular importância nas patogêneses das lesões de casco, visto que devem funcionar perfeitamente a fim de prevenir a compressão e o trauma de tecidos adjacentes. Foram avaliadas morfometricamente as dimensões da parede, sola e bulbo do casco; dos coxins digitais abaxial, médio e axial dos dedos III e IV dos membros pélvicos e torácicos, direito e esquerdo, de bovinos nelorados machos (grupo I) e fêmeas (grupo II). Os dados obtidos foram submetidos à aplicação de testes estatísticos. A avaliação estatística dos dados das medidas externas do grupo I verificou-se que nenhum dos parâmetros apresentou diferença estatística. Isto revelou de certa forma uma simetria dos cascos de cada um dos dedos dos membros torácicos e pélvicos direito e esquerdo. O tratamento estatístico das medidas externas do grupo II mostrou diferença significativa na espessura da parede dos cascos dos dedos III (MTE3) e IV (MTE4) do membro torácico esquerdo, na largura da sola dos cascos dos dedos III (MPD3 e MPE3) e IV (MPD4 e MPE4) dos membros pélvicos direito e esquerdo e na espessura do bulbo dos cascos dos dedos III (MPE3) e IV (MPE4) do membro pélvico esquerdo dos animais do grupo II. Em seguida os dados dos coxins relativos aos dedos III e IV de cada membro, dos animais dos dois grupos foram submetidos ao tratamento estatístico verificando-se a ocorrência de diferença estatisticamente significante entre alguns dedos. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Claw lesions are a frequent problem in dairy cows and lead to expensive losses. The properties of the suspensory, supporting, and cushion structures of the bovine claw are of particular importance in the pathogenesis of claw lesions since they must function optimally to prevent soft tissue compression and trauma of adjacent tissue. It has been evaluated morphometrically the dimensions of the wall, sole and bulb claw; abaxial, middle and axial digital cushion, III and IV digits of the pelvic and thoracic, right and left feet of zebu cattle male (group I) and female (group II). The data were submitted to statistic tests. The statistical analysis of external data from group I found that none of the parameters demonstrate a statistical difference. This revealed symmetry of the claws of each limbs from fore and hindlimbs, right and left. The statistical analysis of external measure of group II demonstrated a significant difference in the thickness of the claw wall thickness of digit III (LFL3) and (LFL4) from left forelimb, width of the sole of the digit III (RHL3 and LHL3) and IV (RHL4 and LHL4) of the right and left hindlimb, and thickness of the bulb of digit III (LHL3) and (LHL4) of left hindlimb from group II animals. Then the data for the cushions of III and IV digits of each limb of both animals group were subjected to statistical tests verifying the occurrence of statistically significant differences between some digits of the claw.
18

Estudos da ação da nifedipina sobre o estado periodontal de ratos

Fernandes, Marilene Issa January 2006 (has links)
Resumo não disponível
19

A gastroplastia a Collis associada a fundoplicatura parcial (LIND) ou total (NISSEN) : estudo experimental em cães

Lopes, Luiz Roberto, 1956- 05 June 1991 (has links)
Orientador : Nelson Ary Brandalise / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas / Made available in DSpace on 2018-07-13T23:47:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Lopes_LuizRoberto_M.pdf: 1732939 bytes, checksum: eb2f72e2c2e375ebcd3eb2096d8a20ea (MD5) Previous issue date: 1991 / Resumo: A esofagite de refluxo complicada por contratura da parede do esôfago com estreitamento ou estenose fibrótica, e seguida de encurtamento do orgão, é doença de difícil tratamento cirúrgico e com altas taxas de recurrência de refluxo com as operações convencionais. Das várias técnicas operatórias empregadas hoje para esses casos, a operação da gastroplastia a COLLIS associada à uma fundoplicatura parcial ou total,é considerada eficiente no tratamento do refluxo. Trata-se de um alongamento do esôfago com a pequena curvatura gástrica,confeccionando-se uma gastroplastia tubular de mesmo calibre do esôfago, permitindo que este segmento permaneça no abdome envolto pela fundoplicatura, onde sofre influência da pressão abdominal. Este trabalho experimental foi elaborado com a finalidade de testar a eficiência desta técnica em cães, divididos em dois grupos: Grupo A - sete cães operados com a técnica da gastroplastia a COLLIS associada à fundoplicatura parcial de 270º à maneira de LIND.Grupo B quatro cães operados com a técnica da gastroplastia a COLLIS associada à fundoplicatura total de 360º à maneira de NISSEN. A cirurgia foi realizada após a facilitação do refluxo em todos os cães, através de uma miotomia longitudinal extramucosa da TEG em uma extensão de quatro centímetros. Todos os cães tiveram refluxo livre após a miotomia. Com a realização da técnica operatória, não ocorreu refluxo espontâneo em nenhum dos cães, sendo que houve uma diferença significante entre a média dos volumes que precipitou o refluxo com a miotomia e a média dos volumes que não precipitou o refluxo com a gastroplastia e fundoplicatura. O refluxo ocorreu em dois cães do grupo A (28,5%), quando se aplicou pressão manual sobre o estômago, entretanto a variação da pressão intragástrica medida nos dois grupos não teve diferença estatística. Em seguida a peça sirúrgica era retirada do animal, e submetida a medida das pressões ao nível do estômago, e da gastroplastia tubular envolvida com a fundoplicadura tanto parcial como total. Utilizando-se de cateter acoplado a microtransdutores, foi registrado em fisiógrafo, as variações de pressão com infusão de soro fisiológico no estômago e após aplicar pressão manual sobre o estômago. Os resultados mostraram que não havia diferença nas pressões obtidas ao nível da gastroplastia nas duas situações entre os grupos A e B. Também a extensão da gastroplastia envolvida pela fundoplicatura obtida com a cirurgia foi semelhante nos dois grupos.A conclusão final desta pesquisa,é que a cirurgia da gastroplastia tubular a COLLIS associada à uma fundoplicatura parcial ou total, protege o esôfago contra o RGE espontâneo, permitindo refluxo provocado no grupo A em 28,5% dos cães, sendo esta a única diferença entre elas. Diferentes testes estatisticos utilizados, não mostraram diferenças entre as duas técnicas anti-refluxo. / Abstract: The reflux esophagitis complicated through contracting wall of esophagus with narrowing or stenosis and followed by organ shortening, is a disease of difficult surgical treatment and with high rate of reflux recurrence after the conventional operations. One of the operative techniques employed today for these cases is the COLLIS gastroplasty associated with partial or total fundoplication. This technique consisted of a lengthening of esophagus with the small gastric curvature making a tubular gastroplasty of the same calibre of the esophagus, permitting that this segment stays in the abdomen, wrapped for the fundoplication, and receiving influence of the abdominal pressure. This experimental research was developed to verify the efficiency this technique in eleven dogs, divided in two groups: Group A - Seven dogs operated with a technique of the COLLIS gastroplasty associated with partial fundoplication of the 270º a way of LIND. Group B - Four dogs operated with a technique of COLLIS gastroplasty associated with total fundoplication of the 360º a way of NISSEN. The surgery was performed after reflux facilitation in all dogs through a extramucosal longitudinal myotomy of the esophagogastric junction in a extension. After the realization of operative technique, was not recorded spontaneous reflux in any dogs, and there was a significant difference between the rate of the volumes which precipitate the reflux after the myotomy and the rate of the volumes which not precipitate the reflux after a gastroplasty. The reflux occurred in two dogs of the group A (28,5%}, when was applied manual pressure on the stomach wall, however, the variation of the intragastric pressure measured in the two groups had not statistics differences. The surgical specimen was dissected, separated from the animal and submitted to the measurement of the pressures at the leveI of the stomach and at the tubular gastroplasty wrapped with fundoplication partial as much as total. Using microtransducer catethers were recorded in a phisiograph the pressure variations after fisiological serum infusion into the stomach and after applying manual pressure on the stomach wall. The results showed that there were no differences in the pressures measured at the level of the gastroplasty in the two situations in the both groups. The final conclusions was that the tubular COLLIS gastroplasty associated with partial or total fundoplication protects the esophagus against the reflux of the gastric contents, being that the different statistics tests used not showed significant differences between the both anti-reflux techniques. / Mestrado / Cirurgia / Mestre em Medicina
20

Estudos realizados com o virus do mosaico dourado do feijoeiro do Brasil visando sua transmissão por metodos mecanicos

Figueira, Antonia dos Reis 15 July 2018 (has links)
Orientador : Alvaro Santos Costa / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-07-15T12:31:40Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Figueira_AntoniadosReis_M.pdf: 3215706 bytes, checksum: 8b04f047dfb693174aff7a5d5a5a1b0e (MD5) Previous issue date: 1980 / Resumo: O problema da transmissão mecânica do vírus do mosaico dourado do feijoeiro (VMDF) no Brasil foi abordado sob vários aspectos, tanto em relação às plantas-testes doadoras e receptoras do inoculo, como em relação ao vírus. O inóculo empregado na realização dos testes, sofreu variações quanto a: a) origem ? inóculo coletado em Campinas, SP e região, bem como de outras regiões de São Paulo e Paraná; b) idade ? as folhas infectadas que serviram como fonte de inoculo foram empregadas em vários estágios, desde aqueles na fase inicial de crescimento, até as que já haviam atingido aproximadamente seu tamanho máximo de expansão; c) época de coleta após infecção da planta ? o inoculo foi coletado tanto na época em que apareceram os primeiros sintomas da doença (cerca de 20 dias após inoculação com mosca branca virulífera), como em fases mais adiantadas, quando a planta já estava em início de florescimento; d) concentração ? a quantidade de folha (em gramas) por volume de solução extratora (em ml) foi variável, para se conseguir diversas concentrações do vírus em solução. Na extração e preparação do inoculo foram empregadas muitas das substâncias químicas normalmente usadas na transmissão mecânica dos fitovírus, e muitas outras com propriedades de inibir a ação de nucleases e proteases, visando preservar a integridade e conseqüentemente a infetividade da partícula varial... Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital / Abstract: Bean golden mosaic virus in Brazil has not been transmitted mechanically by investigators that have tried it. Other related viruses associated with similar diseases present in Central America, Porto Rico, and Colombia have been transmitted by routine methods of mechanical inoculation without great difficulty. This apparent discrepancy led the writer to start a series of tests aiming at developing a teshnique that wold permit mechanical transmission of the Brazilian virus. Several approaches were tried ? (1) variations in the source of inoculun: (a) simple collected from several regions in the State of São Paulo and from other parts of Brazil; (b) inocula collected from different donor plant species; (c) inocula prepared at different concentrations. (2) Different methods of extraction and use of various extracting solutions: (a) use of virus activators; (b) use of inhibitors of nucleases and proteases or of other substances employed to preserve the integrity of the viral particles; (c) extraction of the inoculum in different solutions and combination at inoculation time or through two successive inoculation; (d) extration after freezing the samples. (3) different methods of inoculations: (a) rubbing on both sides of the leaves; (b) pin pricks on leaves and stems; (c) repeated inoculation of same leaves wit same or different preparations... Note: The complete abstract is available with the full electronic digital thesis or dissertations / Mestrado / Bioquimica / Mestre em Ciências Biológicas

Page generated in 0.052 seconds