• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 525
  • 70
  • 12
  • 11
  • 11
  • 10
  • 7
  • 7
  • 7
  • 7
  • 7
  • 5
  • 4
  • 4
  • 2
  • Tagged with
  • 768
  • 405
  • 156
  • 153
  • 135
  • 119
  • 109
  • 82
  • 73
  • 72
  • 72
  • 69
  • 62
  • 59
  • 54
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

Consequências das condições de escolha no crescimento e interações agonísticas da tilápia-do Nilo, Oreochromis niloticus /

Silva, Fernanda Pereira Corbeira da. January 2011 (has links)
Orientador: Gilson Luíz Volpato / Banca: Leonardo Barcellos / Banca: Percília Cardoso Giaquinto / Resumo:Nós avaliamos o impacto de uma das definições recentes do estado de bemestar em peixes, que considera que os animais estão em bem-estar quando se encontram nas condições pelas quais livremente optaram por ficar. Assim, avaliamos na tilápia-do- Nilo os efeitos de um conjunto de condições de escolha (coloração ambiental, intensidade luminosa, refúgios, substrato e frequência de alimentação) sobre o crescimento de juvenis isolados por 80 dias e sobre as interações agonísticas de adultos agrupados por quatro dias. Os peixes eram aleatoriamente inseridos em um dos três tipos de ambientes: a) aquário enriquecido com as condições de escolha da espécie, b) aquário enriquecido com condições de não-escolha da espécie, ou c) aquário nãoenriquecido. Os juvenis cresceram menos na condição de escolha, o que sugere que a avaliação do bem-estar da espécie por meio de referenciais de maior crescimento pode não ser adequada. A agressão entre adultos foi mais intensa nas condições de escolha, sugerindo que os recursos presentes foram mais valorizados pelos peixes. Do ponto de vista de seu bem-estar, as condições de escolha da tilápia parecem ser as mais adequadas para sua manutenção, embora não sejam vistas como tal do ponto de vista zootécnico. / Not available / Mestre
42

Modelos preditivos como ferramentas para estimar a quantidade de protozoários parasitos em peixes

Gonçalves, Eduardo Luiz Tavares January 2011 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias, Programa de Pós-Graduação em Aquicultura, Florianópolis, 2011 / Made available in DSpace on 2012-10-26T01:35:50Z (GMT). No. of bitstreams: 1 295284.pdf: 2311004 bytes, checksum: fab22f50694af27ca1997dff869c32c4 (MD5) / Protozoários parasitos são causadores de mortalidade em peixes cultivados, porém existe um número muito pequeno de trabalhos com análises quantitativas sobre o assunto no Brasil. Uma gama de métodos para quantificar parasitos é conhecida, entretanto eles geralmente requerem equipamentos caros e mão de obra especializada. Neste estudo foi desenvolvido um modelo preditivo e, a partir dele, um software, com o objetivo de auxiliar na quantificação de protozoários parasitos nas brânquias de peixe, tornando-a mais precisa e confiável, levando em consideração a realidade brasileira. Tilápias do Nilo (n=129) foram coletadas e tiveram um total de oito variáveis aferidas e testadas no processo de desenvolvimento do modelo preditivo. Os protocolos de coleta e aferição das variáveis, juntamente com a modelagem por meio de MARSplines, provaram ser eficientes e resultaram em um modelo preditivo bastante preciso e robusto. Esses resultados subsidiaram o desenvolvimento de um software, batizado de ProtoCount, que é capaz de estimar a quantidade total de protozoários nas brânquias, a partir dos valores de peso e comprimento do peixe e da média de protozoários observados em amostras de 1,5 ml, retiradas de 200 ml de solução formalina contendo raspado das brânquias do peixe amostrado e contadas em câmara de McMaster. ProtoCount demonstrou ser prático e confiável, assim, espera-se que sua utilização possa contribuir com a expansão, padronização, precisão e confiabilidade das análises quantitativas feitas por laboratórios nacionais de parasitologia de peixes. / Protozoan parasites are a major cause of cultured fish mortality, but there are surprisingly few data with quantitative measurements in Brazil. There are few reliable methods for quantifying parasite protozoa, but either they require expensive equipments or highly specialized professionals. This study has developed a predictive model and a software, with the objective of providing more precise and reliable quantifications of protozoan parasites on fish gills more, considering Brazilian reality. Nile tilapia (n = 129) were collected and a total of eight variables were measured and tested for the predictive model development. Colleting and measurement procedures, along with MARSplines modeling, were efficient and resulted in a very precise and robust predicting model. Resulting data helped in developing a software, called ProtoCount, that manages to estimate the total protozoa burned on fish gills, based on fish#s weight, length and mean protozoa count on a 1,5 ml sample. Each 1,5 ml corresponds to 10 homogenized samples, taken from 200 ml formalin solution, containing scraped gills from sample fish, and counted using McMaster#s chamber. ProtoCount proved itself to be simples and reliable, therefore capable of increasing the number, standardization, precision and reliability of quantitative analysis performed in national fish parasitology laboratories.
43

Avaliação de diferentes densidades de estocagem de Tilápia Nilótica e Litopenaeus Vannamei em sistema de policultivo no sul do Brasil

Rey, Pedro Filipe January 2008 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Agrárias. Programa de Pós-graduação em Aquicultura / Made available in DSpace on 2012-10-24T06:23:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 261118.pdf: 225924 bytes, checksum: 125d1d5a6dc51cf33a64b7a2959043b9 (MD5)
44

The ability of four species of Southern African cichlid fishes to enter deep water

Caulton, Mark S January 1973 (has links)
Using an experimental pressure chamber the rates of descent and the maximum depths of buoyancy equilibrium of some cichlid fishes were tested. Tilapia mossambica juveniles could descend to depths greater than 30 metres very rapidly. At 22°C small sub adult male fish (length ± 160 mm) could descend to a maximum buoyancy depth of 20 metres, small sub adult females to 13 metres while large adults (length ± 200 mm) of both sexes could descend to 11 metres. The fish generally take 4 to 5 days to reach their maximum equilibration depth. At 30°C mature adult male and female T.mossambica increased their maximum equilibration depth to 20 metres and at 15°C showed a decrease to a maximum depth of 6.7 metres. Temperature affects the rates of descent in a similar manner. T.rendalli can descend to 7.5 metres at 22°C. T.sparmanii can descend to 15 metres at 22°C. Hemihaplochromis philander fry and young juveniles are not affected by pressure. Adult males can descend to 16 metres at 22°C and 20 metres at 30°C. Adult females can descend to 26 metres at 22°C and 27 metres at 30°C. In T.mossambica oxygen appears to be the only gas secreted into the swimbladder to compensate for buoyancy loss. The haemoglobin of T.mossambica showed a marked Bohr and Root effect. Increased rates of descent with increased temperature are believed to be due to increased O₂ uptake, heart output etc. rather than as a direct effect of blood chemistry. The swimbladder wall of T.mossambica is extremely thin (2.8 ∕∪ m) and consequently a large amount of gas is lost through passive diffusion. Diffusion is not affected by temperature, consequently the increased secretory rates at higher temperatures are not balanced by a proportionately higher diffusion loss, thus enabling the fish to maintain a deeper buoyancy equilibrium at higher temperatures. Summary, p. 62-63.
45

Bacillus cereus e Bacillus subtilis na suplementação dietária de juvenis de Tilápias-do-Nilo (Oreochromis niloticus) e seu efeito probiótico /

Mello, Hurzana de. January 2012 (has links)
Orientador: Julieta Rodini Engracia de Moraes / Coorientador: Rodrigo Otávio de Almeida Ozório / Banca: Gustavo Henrique Nogueira / Banca: Marco Antonio de Andrade Belo / Resumo: Os objetivos deste trabalho foram os de avaliar o percentual de sobrevivência, a microbiota instestinal, a integridade da mucosa, e a qualidade da carcaça de juvenis de Tilápias-do-Nilo, Oreochromis niloticus, após 80 dias de alimentação com dieta contendo aditvo probiótico (Bacillus cereus 4,0 x 108 UFC g-1 e Bacillus subtilis 4,0 x 108 UFC g-1), na proporção de 4g/kg de ração peletizada. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com dois tratamentos, sendo um grupo controle e outro alimentado com dieta tratado. Os resultados foram analisados estatisticamente pela análise de variância (ANOVA) e, quando significativos, pelo teste de Tukey (P<0,05). Os resultados demonstraram que as tilápias do grupo tratado apresentaram percentual de sobrevivência relativa maior (P<0,05) que o do grupo controle e colonização intestinal por B. cereus e B. subtillis com maior (P<0,05) número de unidades formadoras de colônia em relação ao grupo controle e a integridade da mucosa intestinal avaliada por histomorfometria apresentou valores maiores (P<0,05) que o observado no grupo controle. Neste caso, o grupo alimentado com aditivo probiótico apresentou vilosidades mais altas e mais largas, além de maior número de células caliciformes que o observado no grupo controle. Em relação à qualidade de carcaça os resultados demonstraram que houve interferência positiva (P<0,05) do probiótico no grupo tratado em relação ao controle quanto aos teores de proteína e extrato etéreo. Estes resultados permitem inferir que a suplementação com probiótico, como testado neste estudo, induziu a colonização intestinal por bactérias benéficas, promoveu maior percentual de sobrevivência relativa, diminuiu a descamação da mucosa e favoreceu o aumento do número de células caliciformes / Abstract: Our objectives were to assess the percentage of survival, mucosal integrity, intestinal microbiota and carcass quality of juvenile tilapia, the Nile, Oreochromis niloticus, after 90 days of feeding a diet supplemented with probiotic (Bacillus cereus 4.0 x 108 CFU g-1 and Bacillus subtilis 4.0 x 108 CFU g-1), the proportion of 4g/kg pelleted feed. The experimental design was completely randomized with two treatments, one with a control group and another fed diet supplemented. The results were analyzed statistically by the Tukey test (P<0.05). The experimental design was completely randomized with two treatments, one with a control group and another fed diet supplemented. The results were analyzed statistically by the Tukey test (P<0.05). The results showed that tilapia fed with the supplemented diets obtained the higher survival rates (P<0.05) than the control group and higher integrity (P<0.05) of the intestinal mucosa assessed by histomorphometry. This case, the group fed a diet supplemented presented taller and wider villi, epithelial cells with thicker villous and a increased number of goblet cells than observed in the control group. In relation to carcass quality the results demonstrated that in the treated group there was interference (P<0.05) of the probiotic compared to control group for the levels of protein and acid hidrolyzed fat. The fish fed the diet with probiotics showed intestinal colonization by B. cereus and B. subtilis (P>0.05) and higher number (P<0.05) of colony forming units compared to the control group. These results allow us to conclude that supplementation with probiotics, as tested in this study, can induce the intestinal colonization by beneficial bacteria that decrease the mucosal desquamation and favored the increase in the number of goblet cells / Mestre
46

Probióticos na alimentação de tilápias do Nilo : desempenho produtivo, hematologia e imunologia /

Iwashita, Marina Keiko Pieroni. January 2012 (has links)
Orientador: Maria José Tavares Ranzani de Paiva / Banca: Leonardo Tachibana / Banca: Antenor Aguiar Santos / Banca: Valquíria Hyppólito Barnabé / Banca: Júlio Hermann Leonhardt / Resumo: A atividade do probiótico contendo Saccharomyces cerevisiae, Bacillus subtilis e Aspergillus oryzae foi avaliada através da inclusão de níveis do produto na dieta de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). Foi avaliado seu efeito no desempenho produtivo, na resposta inflamatória e na resposta imune dos peixes, através do efeito protetor contra desafios infecciosos de Aeromonas hydrophila e Streptococcus iniae. Três dietas foram formuladas: uma sem a adição do probiótico (Controle); T1, suplementada com 5g; e T2 suplementada com 10g de probiótico por quilo de ração. As dietas continham os níveis de proteína indicados para a fase de alevinagem. Após 1, 3, 7 e 14 dias do início da alimentação coletas foram realizadas, e foi averiguado a colonização do trato gastrointestinal. Foram recuperados do trato 1,08x106 e 3,81x107 UFC.g-1 de B. subtilis e 1,0x105 e 1,06x106 de S. cerevisiae, dos tratamentos suplementados com 5 e 10g de probiótico respectivamente. Não foi possível recuperar o A. oryzae. Resultados de desempenho produtivo mostraram valores superiores em 30 dias de alimentação com 10g de probiótico por kg de ração. O hemograma e leucograma dos peixes que receberam o probiótico mostraram alterações e melhor resposta inflamatória. Estes peixes mostraram valores de cortisol e glicemia plasmática reduzidos. Os dados hematológicos dos peixes submetidos ao desafio bacteriano mostraram que o probiótico proporcionou maior resistência dos eritrocitócitos às diferenças osmóticas e à produção de ânion superóxido. Doses de 5 e 10g de probiótico por kg de ração garantiu maiores taxas de sobrevivência contra A. hydrophila, e doses de 10g de probiótico por kg de ração, maior sobrevivência à infecção S. iniae / Abstract: The probiotic activity of Saccharomyces cerevisiae, Bacillus subtilis and Aspergillus oryzae was evaluated by including product levels in the diet of Nile tilapia (Oreochromis niloticus). Performance, inflammatory and immune response, and protective effect against challenge infection with Aeromonas hydrophila and Streptococcus iniae was evaluated. Three diets were formulated: without probiotic (Control), T1, supplemented with 5g and T2, supplemented with 10g probiotic per kg of diet. The diets contained protein levels indicated for nursery phase. After 1, 3, 7 and 14 days after the beginning of feeding, samples were taken, gastrointestinal tract colonization was observed. 1.08 x 106 and 3.81 X107 CFU.g-1 of B. subtilis and 1.0 x 105 and 1.06 x 106 of S. cerevisiae, were recovered from the tract from fish fed 5 and 10g of probiotic respectively. It was unable to recover A. oryzae. Performance data showed higher values, in 30 days of probiotic feeding with 10g per kg of feed. The CBC and WBC of fish that received the probiotic showed better changes and inflammatory response. These fish showed levels of cortisol and reduced plasma glucose. The blood of the fish subjected to bacterial challenge showed that the probiotic provided eritrocitócitos greater resistance to the osmotic differences and the production of superoxide anion. Doses of 5 and 10g of probiotic per kg of ration ensured the highest survival rates against A. hydrophila, and doses of 10 g probiotic per kg of diet increased survival against S. iniae infection / Doutor
47

Desempenho zootécnico da tilápia tailandesa, linhagem Chitralada, em tanques-rede no Reservatório de Nova Avanhandava, B uritama, SP : modelo empírico de classificação e repicagem /

Camargo, André Luiz Scarano. January 2007 (has links)
Orientador: Edmir Daniel Carvalho / Banca: Claúdio Angelo Agostinho / Banca: Margarida Maria Barros / Resumo: A tilapicultura em tanques-rede está se desenvolvendo rapidamente por todo o mundo, por suas excelentes características_ como pescado, pela disponibilidade de recursos hídricos já existentes e pela eficiência zootécnica do sistema O Brasil é considerado o maior potencial mundial para o desenvolvimento desta modalidade de produção, uma vez que a matriz energética hidrelétrica brasileira possibilita o uso racional dos grandes reservatórios para fins de aqüicultura. O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho zootécnico da produção comercial de tilápias tailandesas em tanques-rede no Reservatório da Usina Hidrelétrica de Nova Avanhandava, em Buritama-SP, com base no modelo empírico de classificação e repícagem por tamanho. Foram realizadas biometrias mensais (comprimento padrão e peso total) com cerca de 80 peixes por tanques-rede durante 150 dias. Para avaliar o desempenho zootécnico foram determinadas as seguintes variáveis: peso médio, densidade de estocagem, densidade em biomassa, ganho de peso diário, ganho de peso total e taxa de conversão alimentar aparente. Ainda, foram estimadas a curva da relação peso-comprimento, o fator de crescimento, algumas variáveis econômicas, bem como uma breve avaliação de variáveis limnológicas As tilápias apresentaram ganhos de peso totais variando de 209,79 a 495,47 gramas, conforme a classe em que se enquadrou. Os ganhos de peso diários variaram de 1,55 a 3,93 gramas por dia e as taxas de conversão alimentar aparente variaram entre 1,42 e 1,63. A curva da relação peso-comprimento comportou-se de forma semelhante para todas as classes e não teve variação após as classificações, já os fatores de condição apresentaram incremento pós classificação para todos os exemplos. Os custos de produção das tilápias no sistema estudado ficaram entre R$ 2,44 e R$ 2,71, aumentando da cabeceira para o fundo ... / Abstract: The tilapia culture in cages is growing quickly all over the world. This can be accounted for its excellent acceptability as part of people's diet, for the availability of hydric resources existent, and for the technical efficiency of the production systems_. Nowadays, Brazil is considered as the biggest potential country for the development of this modality of production, once its hydroelectric matrix makes the rational use of the reservoirs for aquaculture purposes possible. The objective of this work was to evaluate the technical performance of the tilapia commercial production in cages at the "Reservatório da Usina Hidrelétrica de Nova Avanhandava", Buritama-SP, using a model of empirical c1assification as the culture base. Biometric measures (total length and total weight) were taken monthly from 80 individual fishes per cage for 150 days. In order to evaluate de technical performance, we stated the following variables: average weight, stocking density, biomass density, daily earn of weight, total earn of weight, and alimentary conversion tax. Still, we estimated the curve of weight-Iength relation, the growth factor, some economics variables, as well as a brief evaluation of the environmental variables. The tilapias presented total weight earns varying from 209,79 to 495,47 g, in agreement to the class in which they were sorted. The daily weight earns varied from 1,55 to 3,93 9 and the alimentary conversion taxes varied from 1,42 to 1,63. The weight-Iength relation curve behaved equally for all classes and there was no variation after the c1assification process. The condition factor, by its turn, presented gain after c1assification, for all examples. The production costs of the studied system varied from R$ 2,44 to R$ 2,71. The environmental variables did not presented any difference between the two studied areas, although they pointed necessity of constant accompaniment. We can so conclude that it is possible ... / Mestre
48

Modulação química do crescimento na tilápia-do-Nilo /

Martins, Lígia Ferreira. January 2010 (has links)
Orientador: Gilson Luiz Volpato / Banca: Percília Cardoso Giaquinto / Banca: Eleonora Trajano / Resumo: Crescimento heterogêneo em peixes ocorre como resultado do crescimento reduzido da maioria dos peixes em agrupamento. Neste estudo, avaliamos a via química nesse fenômeno em juvenis de tilápia do Nilo, Oreochromis niloticus (Linnaeus, 1758), testando se os pelxes dominantes liberam fatores químicos que reduzem o crescimento dos coespecíficos. Portanto, estudamos o crescimento de tilápias isoladas (peixes foco) nos seguintes tratamentos: IS = isolado sem contato com coespecíficos; COESP = isolado recebendo água de coespecíficos também isolados; QD = isolados recebendo água de dominantes; e QS = isolados recebendo água de submissos. Para montar os tratamentos QD e QS, peixes de mesmo tamanho foram pareados apenas com comunicação visual entre eles (um vidro transparente os separava). Esses peixes foram removidos e pareados num aquário neutro por 15 min a cada 3 dias para interação fisica para reforçara a hiearquia (a qual era mantida nos outros dias apenas por interação visual). Medidas dos confrontos validaram essas relações hierárquicas (índice de dominância = 0,77 ± 0,05). O tratamento QS afetou o peixe foco reduzindo o crescimento, aumentando a ingestão de alimento e reduzindo a conversão alimentar. O tratamento QD aumentou a ingestão no peixe focal. Concluímos que os peixes submissos liberam fatores químicos que estressam os coespecíficos de forma que o crescimento desses submissos seja prejudicado e a ingestão alimentar aumentada (uma vez que não havia competição alimentar) para sustentar a demanda energética para estresse (assim, prejudicando a conversão alimentar em crescimento). Os fatores químicos dos dominantes podem estressar os coespecíficos, os quais reduzem a alimentação, mas não em nível que prejudique o crescimento. Esses dados demonstram que fatores químicos são importantes na causa do crescimento heterogêneo em peixes / Abstract: Heterogeneous growth in fish occurs as a result of reduced growth in most of the groupedfísh. In this study, we evaluated the chemical avenue in this phenomenon in Nile tilapia,Oreochromis niloticus (Linnaeus, 1758) juveniles, by testing whether dominant fish releasechemicals that reduce growth of the conspecific fish. Therefore, growth of isolated Nile tilapia (focus fish) was studied in the following treatments: IS = isolated fish with no contact with conspecific fish; COESP = isolated fish receiving water conditioned by isolatedconspecific fish; DC = isolated fish receiving water conditioned by a dorninant conspecifíc; and SC = isolated fish receiving water conditioned by a subordinate conspecific.To settle DC and SC treatments, size-matched fish were paired allowing only visualcommunication between them (a transparent glass separated these fish). These físh wereremoved and paired in a neutral aquarium for 15 min every 3 days to allow physical interactionfor hierarchical reinforcement (which was maintained in the next days by visual interaction only). Confrontation measures validated these hierarchical relationships (dominanceindex = 0.77 ± 0.05). SC treatment affected the focal físh by reducing growth, increasingfeeding and reducing food conversion rate. DC treatment increased feeding in the focal físh. We conclude that subordinate fish release chemical factors that stress conspecifícfish so that growth is impaired and feeding increased (as no feed competition exists)to support energy demand for stress (thus, feed conversion is impaired). Chemicals fromthe dominant fish might stress the conspecific fish, which reduce feeding, but not to a leveIthat impairs growth. These data demonstrate that chemical cues are important causal factorsin the heterogeneous growth in fish / Mestre
49

Suplementação de zinco em dietas: desempenho produtivo e resposta hemática e imunológica da tilápia-do-nilo submetida a desafio bacteriano /

Teixeira, Caroline Pelegrina, 1976- January 2013 (has links)
Orientador: Margarida Maria Barros / Coorientador : Luciana Francisco Fleuri / Coorientador : Ricardo de Oliveira Orsi / Banca: Pedro de Magalhães Padilha / Banca: Fabiana Pilarski / Banca: Wilson Massamitu Furuya / Banca: Luiz Edivaldo Pezzato / Resumo: O presente trabalho compõe-se de dois estudos. No primeiro, avaliou-se os efeitos da suplementação de zinco (0, 20, 40, 80, 160 e 320 mg kg-1) na absorção de zinco (Zn), cobre, ferro e manganês de 60 peixes. No segundo estudo, foram avaliados os efeitos do zinco nos parâmetros produtivos de tilápias-do-Nilo. Foram utilizados 288 peixes, com peso de 7,67 ± 0,23 g, distribuídos ao acaso em 36 aquários de 250 L e alimentados com dietas práticas contendo níveis crescentes de zinco suplementar. A fonte de zinco utilizada foi o sulfato de zinco monoidratado. Ao final de 130 dias experimentais, foram avaliados ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, taxa de retenção proteica, sobrevivência, atividade da fosfatase alcalina, retenção de zinco nos ossos e carcaça. A suplementação de Zn não influenciou a absorção de ferro. O excesso de zinco suplementar prejudicou a absorção de cobre pelo epitélio intestinal dos peixes. A absorção de manganês foi prejudicada quando os animais foram alimentados com dietas suplementadas com 320 mg Zn kg-1. A concentração de zinco na carcaça e atividade da fosfatase alcalina responderam positivamente ao aumento de nível de suplementação dietética de zinco. As análises de regressão segmentada demonstraram que maior ganho de peso, retenção proteica e melhor conversão alimentar dos peixes foram estimados em 59,84; 80,00 e 82,62 mg Zn kg-1 da dieta, respectivamente. Com base na retenção óssea de zinco, a exigência deste mineral em dietas práticas para juvenis de tilápia-do-Nilo é de 82,71mg kg-1 / Abstract: This study was divided in two trials. First: the trial evaluated the effects of zinc supplementation (0, 20, 40, 80, 160, 320 mg kg-1 diet) on zinc (Zn), copper (Cu), iron (Fe) and manganese (Mn) availability. Second: a 130-day feeding trial was undertaken to evaluate the effect of zinc on growth performance of Nile tilapia juveniles (Oreochromis nilocticus). 288 Nile tilapia fingerlings with 7.67 ± 0.23 g weight (mean±SD) were randomly stocked into 36 250 L-aquaria and fed practical diets containing graded levels of zinc. Zinc source was zinc sulfate monohydrate (ZnSO4.H2O). Excess of zinc supplement has damaged the absorption of copper by intestinal epithelium. The absorption of manganese was injured when the animals were fed diets supplemented with 320 mg Zn kg-1. Concentration of zinc in carcase and alkaline phosphatase activity increased with the increasing zinc levels. At the end of the experimental period fish were weighed to evaluate weight gain, feed intake, feed conversion ratio, protein retention, survival, alkaline phosphatase activity and zinc tissues saturation. The broken-line analysis showed that the greater weight gain, protein retention and better feed of fish were estimated at 59.84, 80.00 and 82.62 mg Zn kg-1, respectively. Based on bone absorption of zinc, the requirement of this mineral in practical diets for juvenile of Nile tilapia is 82.71 mg kg-1 / Doutor
50

Modulação química do crescimento na tilápia-do-Nilo

Martins, Lígia Ferreira [UNESP] 25 February 2010 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:30:12Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2010-02-25Bitstream added on 2014-06-13T20:00:05Z : No. of bitstreams: 1 martins_lf_me_botib_parcial.pdf: 30318 bytes, checksum: 020b529997201ed642228feffa4b3102 (MD5) Bitstreams deleted on 2015-04-01T12:51:14Z: martins_lf_me_botib_parcial.pdf,Bitstream added on 2015-04-01T12:51:48Z : No. of bitstreams: 1 000608193.pdf: 99471 bytes, checksum: 7883a358dde8e00a3d9b75fe8119448a (MD5) / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) / Crescimento heterogêneo em peixes ocorre como resultado do crescimento reduzido da maioria dos peixes em agrupamento. Neste estudo, avaliamos a via química nesse fenômeno em juvenis de tilápia do Nilo, Oreochromis niloticus (Linnaeus, 1758), testando se os pelxes dominantes liberam fatores químicos que reduzem o crescimento dos coespecíficos. Portanto, estudamos o crescimento de tilápias isoladas (peixes foco) nos seguintes tratamentos: IS = isolado sem contato com coespecíficos; COESP = isolado recebendo água de coespecíficos também isolados; QD = isolados recebendo água de dominantes; e QS = isolados recebendo água de submissos. Para montar os tratamentos QD e QS, peixes de mesmo tamanho foram pareados apenas com comunicação visual entre eles (um vidro transparente os separava). Esses peixes foram removidos e pareados num aquário neutro por 15 min a cada 3 dias para interação fisica para reforçara a hiearquia (a qual era mantida nos outros dias apenas por interação visual). Medidas dos confrontos validaram essas relações hierárquicas (índice de dominância = 0,77 ± 0,05). O tratamento QS afetou o peixe foco reduzindo o crescimento, aumentando a ingestão de alimento e reduzindo a conversão alimentar. O tratamento QD aumentou a ingestão no peixe focal. Concluímos que os peixes submissos liberam fatores químicos que estressam os coespecíficos de forma que o crescimento desses submissos seja prejudicado e a ingestão alimentar aumentada (uma vez que não havia competição alimentar) para sustentar a demanda energética para estresse (assim, prejudicando a conversão alimentar em crescimento). Os fatores químicos dos dominantes podem estressar os coespecíficos, os quais reduzem a alimentação, mas não em nível que prejudique o crescimento. Esses dados demonstram que fatores químicos são importantes na causa do crescimento heterogêneo em peixes / Heterogeneous growth in fish occurs as a result of reduced growth in most of the groupedfísh. In this study, we evaluated the chemical avenue in this phenomenon in Nile tilapia,Oreochromis niloticus (Linnaeus, 1758) juveniles, by testing whether dominant fish releasechemicals that reduce growth of the conspecific fish. Therefore, growth of isolated Nile tilapia (focus fish) was studied in the following treatments: IS = isolated fish with no contact with conspecific fish; COESP = isolated fish receiving water conditioned by isolatedconspecific fish; DC = isolated fish receiving water conditioned by a dorninant conspecifíc; and SC = isolated fish receiving water conditioned by a subordinate conspecific.To settle DC and SC treatments, size-matched fish were paired allowing only visualcommunication between them (a transparent glass separated these fish). These físh wereremoved and paired in a neutral aquarium for 15 min every 3 days to allow physical interactionfor hierarchical reinforcement (which was maintained in the next days by visual interaction only). Confrontation measures validated these hierarchical relationships (dominanceindex = 0.77 ± 0.05). SC treatment affected the focal físh by reducing growth, increasingfeeding and reducing food conversion rate. DC treatment increased feeding in the focal físh. We conclude that subordinate fish release chemical factors that stress conspecifícfish so that growth is impaired and feeding increased (as no feed competition exists)to support energy demand for stress (thus, feed conversion is impaired). Chemicals fromthe dominant fish might stress the conspecific fish, which reduce feeding, but not to a leveIthat impairs growth. These data demonstrate that chemical cues are important causal factorsin the heterogeneous growth in fish

Page generated in 0.0644 seconds