Return to search

Prevalência e fatores associados às geohelmintíases em crianças do norte/nordeste do Brasil.

p. 1-35 / Submitted by Santiago Fabio (fabio.ssantiago@hotmail.com) on 2013-04-25T19:35:47Z
No. of bitstreams: 1
44444444.pdf: 407582 bytes, checksum: 87a6fe724f6ec0c651df5f9687081e92 (MD5) / Approved for entry into archive by Maria Creuza Silva(mariakreuza@yahoo.com.br) on 2013-05-04T17:36:58Z (GMT) No. of bitstreams: 1
44444444.pdf: 407582 bytes, checksum: 87a6fe724f6ec0c651df5f9687081e92 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-05-04T17:36:58Z (GMT). No. of bitstreams: 1
44444444.pdf: 407582 bytes, checksum: 87a6fe724f6ec0c651df5f9687081e92 (MD5)
Previous issue date: 2008 / Para determinar a prevalência de geohelmintíases e identificar fatores associados a sua ocorrência, realizou-se inquéritos coprológicos em amostra de crianças residentes em municípios com baixo IDH. Aplicou-se questionário aos responsáveis obtendo-se informações socioeconômicas e ambientais e foi feita coleta de fezes. Calculou-se prevalências de geohelmintos segundo variáveis de interesse e avaliou-se os fatores de risco mediante Regressão Logística Multinível. Das 2.523 crianças estudadas, 36,5% eram portadoras de um ou mais geohelmintos (Ascaris lumbricoides 25,1%; Ancilostomideos 15,3%, Trichuris trichiura 12,2%). A prevalência para o conjunto de geohelmintos na zona rural foi 45,7% e na urbana 32,2%. Baixa renda familiar (ÔR =1,75; 1,38–2,23), baixa escolaridade materna (ÔR =1,69; 1,39–2,06), presença de lixo próximo ao domicílio (ÔR =1,50; 1,22–1,84) e maior número de pessoas no domicílio (ÔR 1,41; 1,17–1,71) mostraram-se associadas a estas infecções. Conclui-se que a ocorrência destas parasitoses está relacionada às condições socioeconômicas evidenciando a importância de intervenções públicas direcionadas à melhoria das condições de vida para sua prevenção. / Salvador

Identiferoai:union.ndltd.org:IBICT/oai:192.168.11:11:ri/10384
Date January 2008
CreatorsFonseca, Eduardo Oyama Lins
ContributorsCosta, Maria da Conceição Nascimento
PublisherPrograma de pós-graduação em Saúde Coletiva
Source SetsIBICT Brazilian ETDs
LanguagePortuguese
Detected LanguagePortuguese
Typeinfo:eu-repo/semantics/publishedVersion, info:eu-repo/semantics/masterThesis
Sourcereponame:Repositório Institucional da UFBA, instname:Universidade Federal da Bahia, instacron:UFBA
Rightsinfo:eu-repo/semantics/openAccess

Page generated in 0.0016 seconds