• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 2
  • Tagged with
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Gândavo e a Historia da Prouincia Sãcta Cruz a que vulgarmete chamamos Brasil: estudo do léxico e das marcas de autoria Gândavo and the Historia da prouincia Sãcta Cruz a que vulgarmete chamamos Brazil: study of the lexicon and the authorship marks

22 May 2015 (has links)
Esta tese tem como objetivo apresentar um estudo interdisciplinar da obra Historia da prouincia Sãcta Cruz a que vulgarmete chamamos Brasil, de Pero de Magalhães de Gândavo, publicada em 1576, e os manuscritos que a antecederam: Tractado da prouinçia do Brasil, Tractado da terra do Brasil e Historia da prouincia Sancta Cruz, a que vulgarmente chamamos Brasil. A referida obra trata de aspectos diversos da nova província: fauna, flora, capitanias, riquezas naturais, habitantes, entre outros, sendo selecionados como recorte para amostragem analítica, os capítulos comuns relacionados aos nativos. Sob os fundamentos da Filologia, estudamos a tradição textual, analisamos as dedicatórias e editamos semidiplomaticamente o recorte. Para a discussão da tradição textual, consultamos, além de bibliografia específica, as versões tomadas como corpus, algumas edições das versões e contatamos bibliotecas do Brasil (edição príncipe) e da Europa (versões manuscritas). Fundamentados nos estudos do léxico, elaboramos um Índice de frequência e ocorrência dos substantivos empregados no recorte e categorizamos setenta e uma lexias em seis campos léxicos, de modo a compreender o processo de nomeação do nativo, implementado pelo não nativo. Inventariamos as lexias utilizando o programa de estatística textual Léxico 3; e analisamos os semas das lexias utilizando obras lexicográficas coetâneas e não coetâneas de Gândavo. Tomando conceitos da análise de discurso, analisamos a cena enunciativa do corpus e comparamos o emprego das lexias de um dos campos léxicos nas quatro versões. Entre os resultados atingidos, destacamos: houve diversidade lexical junto ao tratamento sobre o nativo; os campos léxicos indicaram a construção de imagens descaracterizadoras do nativo; o locutor autoapresenta seu texto como História, mas mostra as cenografias de tratados e narração oral de casos; o processo de nomeação não se restringe ao âmbito linguístico, mas também ao discursivo; as dedicatórias e a frequência de lexias em campo léxico puderam indicar marcas autorais. This thesis aims to present an interdisciplinary study of the work Historia da prouincia Sãcta Cruz a que vulgarmete chamamos Brazil, by Pero de Magalhães de Gândavo, published in 1576, and the manuscripts that came before it: Tractado da prouinçia do Brasil, Tractado da terra do Brasil and Historia da prouincia Sancta Cruz, a que vulgarmente chamamos Brasil. This work deals with various aspects of the new province: fauna, flora, captaincies, natural resources, inhabitants, among others, being selected for analytical sampling, the common chapters about the natives. Under the fundamentals of Philology, we studied the textual tradition, analyzed the dedications and edited semidiplomatically the selected parts. To discuss the textual tradition, we consulted, in addition to the specific bibliography, the versions taken as corpus, some editions of the versions and contacted libraries in Brazil (prince edition) and Europe (manuscript versions). Based on studies of the lexicon, we developed an index of frequency and occurrence of nouns employed in the selected parts and categorized seventy-one lexias in six lexical fields, in order to understand the process of naming the native implemented by the non-native. We inventoried the lexias using the textual statistical program \"Lexicon 3\"; and analyzed the semes of the lexias using Gândavos coeval and not coeval lexicographical works. Based on discourse analysis concepts, we analyzed the enunciative scene of the corpus and compared the use of lexias of one of the lexical fields in the four versions. Among the results achieved, we include the following: there was a lexical diversity on the treatment of the native; the lexical fields indicated the construction of natives mischaracterizing images; the enunciator presents his text as History, but \"shows\" the scenographies as treaties and oral narration of stories; the nomination process is not restricted to linguistic, but also to discursive scope; the dedications and the frequency of lexias in lexical field could indicate authorship marks.
2

Diários pessoais na aula de Língua Portuguesa : artesanato com a constituição da autoria e da intimidade

Peres, Danubia Fernanda Zevoli 2017 (has links)
Orientador: Laura Noemi Chaluh Resumo: Um feito-a-mão sobre escrita de si, autoria e intimidade a partir da escrita de diários pessoais na aula de Língua Portuguesa. Este é o resumo mais resumo dessa dissertação. Mas, pede a formalidade da linguagem acadêmica que o resumo seja mais amplo. Pois bem. Temos então: esta dissertação é a compreensão de alguns aspectos desencadeados por uma pesquisa, desenvolvida a partir da perspectiva sócio-histórica (FREITAS, 2003), junto a duas turmas de 8º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública da rede estadual na cidade de Rio Claro/SP. Considerando quinze diários disponibilizados pelos autores-alunos, bem como os diários de campo da professora-pesquisadora e os post its que a mesma foi escrevendo ao longo da compreensão dos dados, por meio do paradigma indiciário de Ginzburg (1996), esta dissertação busca compreender a escrita de diários pessoais como forma de constituição dos sujeitos envolvidos na pesquisa, a partir das marcas de autoria que os mesmos instituíram no gênero discursivo diário pessoal. Na sequência, adentra a intimidade, pensada como amizade, enquanto aspecto inerente das relações estabelecidas entre os sujeitos na escrita dos diários pessoais, a fim de percebê-la como espaço da constituição do “eu” junto ao “outro”, bem como a relevância da responsabilidade ética das relações de intimidade estabelecidas na pesquisa com/na escola e, consequentemente, na/com a aula de Língua Portuguesa. Por fim, traz considerações acerca de “práticas outras” na aula de Líng... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) Mestre

Page generated in 0.0762 seconds