• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 11
  • 1
  • Tagged with
  • 12
  • 12
  • 12
  • 11
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Contabilidade e autogestão: um estudo sobre a dimensão contábil nos processos de autogestão dos empreendimentos de economia solidária / Accounting and self management: a study on the countable dimension in the process of self management of the economy enterprises

Almeida, Edir Antonia de 27 October 2006 (has links)
Neste trabalho, a contabilidade reveste-se de historicidade e insere-se no contexto da Economia Solidária (ES) como um fundamental instrumento de democracia e cidadania. Tendo como foco de estudo a relação entre Contabilidade e Autogestão (modelo de gestão da ES), o objetivo foi compreender e analisar a dimensão contábil nos processos de autogestão dos empreendimentos solidários, levantando desafios e demandas contábeis suscitadas nesse processo. Para tanto, foram criadas seis variáveis de análise que representaram aspectos da dimensão contábil, as quais são: 1) Forma de comunicação; 2) Conteúdo da informação; 3) Utilidade da informação; 4) Apropriação da informação; 5) Relação contador-usuário; 6) Legislação contábil. Os resultados obtidos, por meio do estudo de caso realizado em um empreendimento de ES, estão alinhados com estudos anteriores sobre o tema. As conclusões mais relevantes apontaram para confirmação das demandas e acrescentaram novas, dentre as quais destacam-se: a mudança da linguagem dos relatórios; criação de novos instrumentos contábeis apropriados à ES; novo perfil do profissional da área contábil; uma didática de formação em contabilidade adequada à realidade social dos trabalhadores; uma nova formação do contador baseada na realidade brasileira e preocupada com as questões sociais; e uma nova legislação contábil.Por outro lado, esta pesquisa indicou caminhos ou elementos à superação do hiato existente entre a realidade e necessidades destes usuários e as tradicionais posturas profissionais e instrumentos contábeis disponíveis à autogestão. Portanto, este trabalho contribui para a ampliação do campo de conhecimento sobre a relação contabilidade e autogestão, bem como para a reafirmação da contabilidade enquanto instrumento indispensável ao desenvolvimento econômico dos empreendimentos da ES e ao desenvolvimento de relações mais democráticas e solidárias. Entretanto, há necessidade de novas pesquisas para o aprofundamento das questões aqui levantadas e para desvelamento de outras faces do fenômeno. / In this work, accounting takes on historicity and places itself in the context of Solidary Economy (SE) as a basic instrument of democracy and citizenship. Focusing on the relationship between Accounting and Self management (the model of management of SE’s), the objective of the study was to understand and to analyze the reach of accounting in the processes of self management of the solidary enterprises, raising challenges and possible accounting demands within this process. For this purpose, six variables of analysis were created and they represent aspects of the accounting dimension. They are: 1) Form of communication; 2) Content of the information; 3) Usefulness of the information; 4) Appropriateness of the information; 5) Accountant-user relationship; 6) Accounting legislation. The results reached by means of a case study carried out in an SE enterprise, line up with previous studies on the subject. The most relevant conclusions point to a substantiation of the demands and add some new ones, among which we can highlight: the change in the type of language used in the reports; the creation of new and appropriate accounting tools to be used with SE’s; new profile of the professional of the accounting area; a didactics of education in accounting adequate to the social reality of the workers; new education for the accountant professional based on the Brazilian reality and concerned with the social matters, and new accounting legislation. On the other hand, this research showed ways or elements to overcome the existing gap between the reality and the necessities of these users and the traditional professional positions and accounting instruments available to selfmanagement. Therefore, this work contributes to the broadening of the field of knowledge on the relationship between accounting and self management, as well as to the reaffirmation of accounting as an instrument essential to the economic development of SE enterprises, and to the development of more democratic and solidary relationships. However, more research needs to be carried out for the deepening of the answers to questions raised here and for the unveiling of other aspects of the phenomenon.
2

Contabilidade e autogestão: um estudo sobre a dimensão contábil nos processos de autogestão dos empreendimentos de economia solidária / Accounting and self management: a study on the countable dimension in the process of self management of the economy enterprises

Edir Antonia de Almeida 27 October 2006 (has links)
Neste trabalho, a contabilidade reveste-se de historicidade e insere-se no contexto da Economia Solidária (ES) como um fundamental instrumento de democracia e cidadania. Tendo como foco de estudo a relação entre Contabilidade e Autogestão (modelo de gestão da ES), o objetivo foi compreender e analisar a dimensão contábil nos processos de autogestão dos empreendimentos solidários, levantando desafios e demandas contábeis suscitadas nesse processo. Para tanto, foram criadas seis variáveis de análise que representaram aspectos da dimensão contábil, as quais são: 1) Forma de comunicação; 2) Conteúdo da informação; 3) Utilidade da informação; 4) Apropriação da informação; 5) Relação contador-usuário; 6) Legislação contábil. Os resultados obtidos, por meio do estudo de caso realizado em um empreendimento de ES, estão alinhados com estudos anteriores sobre o tema. As conclusões mais relevantes apontaram para confirmação das demandas e acrescentaram novas, dentre as quais destacam-se: a mudança da linguagem dos relatórios; criação de novos instrumentos contábeis apropriados à ES; novo perfil do profissional da área contábil; uma didática de formação em contabilidade adequada à realidade social dos trabalhadores; uma nova formação do contador baseada na realidade brasileira e preocupada com as questões sociais; e uma nova legislação contábil.Por outro lado, esta pesquisa indicou caminhos ou elementos à superação do hiato existente entre a realidade e necessidades destes usuários e as tradicionais posturas profissionais e instrumentos contábeis disponíveis à autogestão. Portanto, este trabalho contribui para a ampliação do campo de conhecimento sobre a relação contabilidade e autogestão, bem como para a reafirmação da contabilidade enquanto instrumento indispensável ao desenvolvimento econômico dos empreendimentos da ES e ao desenvolvimento de relações mais democráticas e solidárias. Entretanto, há necessidade de novas pesquisas para o aprofundamento das questões aqui levantadas e para desvelamento de outras faces do fenômeno. / In this work, accounting takes on historicity and places itself in the context of Solidary Economy (SE) as a basic instrument of democracy and citizenship. Focusing on the relationship between Accounting and Self management (the model of management of SE’s), the objective of the study was to understand and to analyze the reach of accounting in the processes of self management of the solidary enterprises, raising challenges and possible accounting demands within this process. For this purpose, six variables of analysis were created and they represent aspects of the accounting dimension. They are: 1) Form of communication; 2) Content of the information; 3) Usefulness of the information; 4) Appropriateness of the information; 5) Accountant-user relationship; 6) Accounting legislation. The results reached by means of a case study carried out in an SE enterprise, line up with previous studies on the subject. The most relevant conclusions point to a substantiation of the demands and add some new ones, among which we can highlight: the change in the type of language used in the reports; the creation of new and appropriate accounting tools to be used with SE’s; new profile of the professional of the accounting area; a didactics of education in accounting adequate to the social reality of the workers; new education for the accountant professional based on the Brazilian reality and concerned with the social matters, and new accounting legislation. On the other hand, this research showed ways or elements to overcome the existing gap between the reality and the necessities of these users and the traditional professional positions and accounting instruments available to selfmanagement. Therefore, this work contributes to the broadening of the field of knowledge on the relationship between accounting and self management, as well as to the reaffirmation of accounting as an instrument essential to the economic development of SE enterprises, and to the development of more democratic and solidary relationships. However, more research needs to be carried out for the deepening of the answers to questions raised here and for the unveiling of other aspects of the phenomenon.
3

Economia solidária: um estudo sobre emprendimentos econômicos solidários (EES) apoiados pelo projeto tecnologias sociais para empreendimentos solidários da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS)

Weippert, Rosângela Márcia 23 December 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2015-03-05T18:57:21Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 23 / Nenhuma / Este estudo objetivou analisar os aspectos de formação e de gestão de seis Empreendimentos Econômicos Solidários (EES) incubados pelo Projeto Tecnologias Sociais para Empreendimentos Solidários (Tecnosociais) da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Partiu-se de suas histórias de formação e analisou-se o apoio da UNISINOS para verificar seus processos de gestão do negócio, fundamentalmente: tomada de decisões, verificação de oportunidades de ampliação e prestação de contas interna quanto aos resultados. A metodologia da pesquisa incluiu visitas aos EES e entrevistas com seus participantes através de aplicação de questionário aberto. Esta investigação foi orientada por indagações acerca da viabilidade econômica desses EES e da sua caracterização enquanto empreendimento solidário. Os resultados da pesquisa apontaram afirmativamente para ambas as questões. / This I study planned to analyze the aspects of formation and of management of six Supportive Economic Undertakings (EES) incubated by the Project Social Technologies for Supportive Undertakings (Tecnosociais) of the University of the Order of Rio of the Bells (UNISINOS). It left of his histories of formation and analyzed itself the support of the UNISINOS for verify his trials of management of the business, fundamentally: decision-making, enlargement opportunities verification and installment of you count internal as regards the results. The methodology of the research included visits to the EES and interviews with his participants through application of open questionnaire. This inquiry was oriented by inquiries about the economic feasibility of those EES and of his supportive undertaking while characterization. The results of the research aimed affirmatively for both the questions.
4

DESAFIOS À CONSTRUÇÃO DE UM PROCESSO DE AUTOGESTÃO DA ASSOCIAÇÃO DOS CATADORES DE MATERIAIS RECICLÁVEIS NOVA VIDA DE TEÓFILO OTONI - MG / Challenges for the construction of self-managed process the Nova Vida Association of Recyclable Materials Collectors – ASCANOVI

Simone Gomes da Silva 25 October 2007 (has links)
A crise ambiental contemporânea, resultante do modelo de desenvolvimento capitalista, colocou a reciclagem do lixo como uma necessidade urgente e paliativa ao processo de entropia a que a humanidade está se conduzindo. Entretanto, muitos dos encarregados desta reciclagem são indivíduos excluídos do mercado trabalhista capitalista, não ficando outra opção que se reunirem em organizações de auto-gestão na tentativa de garantir sua sobrevivência. Porém, a estas organizações trabalhistas de auto-gestão urbanas o próprio sistema capitalista lhes coloca diversos desafios para sua consolidação. Neste trabalho, a partir do estudo de caso da Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis Nova Vida – ASCANOVI do município de Teófilo Otoni, Estado de Minas Gerais, buscou-se identificar quais são estes desafios existentes. Verificou-se que na ASCANOVI, o catador vivencia diferentes condições de precarização do trabalho, bem como a mesma lógica de exploração do trabalho existente no modelo capitalista. Deste modo, qualquer tentativa de construção de um novo modelo de produção econômico baseado nos princípios da auto-gestão – participação, democracia e autonomia – fica altamente comprometido ou inviável. / The contemporary environmental crisis, as a result of the capitalist development system, puts garbage recycling as an urgent need and palliative entropy process to which humanity in heading. However, most of the people responsible for this recycling are excluded from the capitalist work market. The have no other option but to form selfmanaged organizations in order to struggle for their survival. However, the capitalist system puts several challenges for the consolidation of self-managed urban work associations. The objective of the present work was to identify, through a case study with the Nova Vida Association of Recyclable Materials Collectors – ASCANOVI, from the city of Teófilo Otoni, the main existing challenges. It was verified that within the ASCANOVI, the garbage collectors experience several precarious work conditions, and face the same exploration logics existent in the capitalist model. This way, any initiative of construction of a new economic production model based in the principles of self-management – participation, democracy and autonomy– remains difficult or impossible.
5

Pré-fabricação por ajuda mútua: conhecer, ensinar e aprender / Pré-fabrication for mutual help: know, teach, learn

Yamaguti, Alexander Syoei 08 December 2006 (has links)
O trabalho aborda o uso de técnicas construtivas industrializadas em processo de produção de moradias por ajuda-mútua. Como enfoque está a Vila Nova Cachoeirinha, referência para profissionais e pesquisadores na área de habitação por sediar durante mais de duas décadas importantes projetos de moradia de interesse social em São Paulo. Neste caso específico trata-se da mais recente etapa de um processo de produção de moradias por mutirão iniciados na década de 80. Enfatiza-se a montagem e gestão de uma usina de pré-moldados dentro de uma organização auto-gestionária (mutirão habitacional da Associação de Moradia Unidos de Vila Nova Cachoeirinha), com apoio de assessoria técnica especializada (Peabiru - trabalhos comunitários e ambientais). A necessidade de abordagens não convencionais tanto em relação à tecnologia utilizada ou à organização comunitária, produziram soluções adequadas do ponto de vista técnico e de processo pedagógico, suprindo deficiências de mão-de-obra qualificada e limitações de ordem técnicas e organizacional. O resultado aparece na consolidação e amadurecimento de uma organização comunitária apta a inovar, reciclar e criar conhecimento e na materialização de moradias executadas com a mesma tecnologia e know-how aplicado pela indústria de pré-fabricação em usinas de médio e grande porte. Apesar de todo este conhecimento gerado e compartilhado a atual situação do mutirão é de incerteza. Há dois depoimentos que ilustram bem o processo pelo qual passou a Associação de Moradia Unidos de Vila Nova Cachoeirinha, o primeiro de 1991 acontece num boom de empreendimentos de interesse social na cidade de São Paulo, euforia portanto para os movimentos de moradia. O segundo, de 2006, é dado quatro dias após terem recebido a notícia de desapropriação da área e das casas do mutirão, após paralização das obras por mais de um ano e meio. / This work presents industrialized building techiques processes, where the emphasis is the self-help building houses in Vila Nova Cachoeirinha. Specifically the introduction of a plant developed by the housing association is the central argument in this work. It was possible because there was a technical team supporting the association and a financial support by São Paulo City Hall. The unusual techniques were developed to get good results, even to dialoging with the association or to make the technical team be well understood. As results we have a qualifying of labors, know-how application from great plants in the housing construction and the progress of the housing association. After 15 years from the first moment with this association the changes it has passed are clearly illustrated with the testimony of the leadership, once in 1991 and another in 2006.
6

Uma experiência de auto-gestão de professores e alunos da E.E.S.G. Prof. Ayres de Moura - 1984 a 1994 / A self-management experience among teachers and students at E.E.S.G. Prof. Ayres de Moura between 1984 and 1994

Riqueti, Carlos Eduardo 04 April 2008 (has links)
No início dos anos 1980, em meio ao efervescente contexto político-social nacional, um grupo de professores e alunos da E.E.S.G. Professor Ayres de Moura, localizada na Vila Jaguara, Lapa, zona oeste da capital paulista, iniciou um movimento que culminou no afastamento do diretor e na apropriação daquele espaço pela comunidade escolar, propiciando condições para práticas didático-pedagógicas arrojadas que ocorreram por aproximadamente dez anos, entre 1984 e 1994. O presente estudo pretende analisar a extensão dessas práticas e seus limites - que subsistem e reclamam para si o direito à memória -, deixando registrado um exemplo alternativo no campo da Educação ocorrido na década de 1980, questionando, dessa forma, o binômio \"escola pública/má qualidade\". A análise do processo de auto-gestão instaurado naquela escola busca também refletir acerca da participação direta e efetiva nas decisões dentro do espaço escolar, do significado de participação política, democracia e cidadania, assim como nas relações de poder existentes no cotidiano. Especificamente no tocante às questões didático-pedagógicas, procura entender como o currículo real dessa escola foi trabalhado ao longo desses dez anos em que ela foi gerida pela comunidade. Em outras palavras, procura entender a dinâmica existente entre as esferas política e pedagógica. Para tanto, utilizou como fontes entrevistas com ex-professores e ex-alunos, artigos de jornais e documentos de natureza diversa produzidos pela escola. Atualmente, a E.E.S.G. Professor Ayres de Moura não difere da média das escolas públicas da periferia da cidade de São Paulo, pouco se assemelhando ao que foi durante o período referido por essa pesquisa. Nesse sentido, também se buscou compreender as razões que levaram aquela experiência ao seu esgotamento. / In the beginning of the 1908s, amidst a roaring social-political national environment, a group of professors and students of the E.E.S.G. Professor Ayres de Moura (located in Vila Jaguara, Lapa, west of Sao Paulo) initiated a movement which had its height with the deposition of their Headmaster. The schooling community then took possession of that space allowing for the appropriate teaching practices to be applied between 1984 and 1994. This work aims at analyzing the extension of such practices and their limits which exist and claim for themselves the right to memory leaving as a mark an alternative example in the education field which took place in the 1980s decade, questioning the alleged correlation between state schools vs. poor quality. The analysis of the self management process adopted by that school looks to reflect over the direct and effective participation within the school space on the meaning of political participation, democracy and citizenship, as well as of the relationships of the existing power of daily life. Specifically on the teaching methodology questions, it looks to understand how the real curriculum was worked during the school creation process undertaken by the community. In other words, the existing dynamics between the pedagogical and political spheres. To that end, interviews with ex-teachers, ex-students and newspaper clippings and documents produced by the school were used. Currently, E.E.S.G. Professor Ayres de Moura does not differ from the average nearby state schools in the outskirts of Sao Paulo, with little resemblance of what was until the mid 1990s. This way, there was also the need to understand the reasons which led to comprehend such experience to come to an end.
7

Pré-fabricação por ajuda mútua: conhecer, ensinar e aprender / Pré-fabrication for mutual help: know, teach, learn

Alexander Syoei Yamaguti 08 December 2006 (has links)
O trabalho aborda o uso de técnicas construtivas industrializadas em processo de produção de moradias por ajuda-mútua. Como enfoque está a Vila Nova Cachoeirinha, referência para profissionais e pesquisadores na área de habitação por sediar durante mais de duas décadas importantes projetos de moradia de interesse social em São Paulo. Neste caso específico trata-se da mais recente etapa de um processo de produção de moradias por mutirão iniciados na década de 80. Enfatiza-se a montagem e gestão de uma usina de pré-moldados dentro de uma organização auto-gestionária (mutirão habitacional da Associação de Moradia Unidos de Vila Nova Cachoeirinha), com apoio de assessoria técnica especializada (Peabiru - trabalhos comunitários e ambientais). A necessidade de abordagens não convencionais tanto em relação à tecnologia utilizada ou à organização comunitária, produziram soluções adequadas do ponto de vista técnico e de processo pedagógico, suprindo deficiências de mão-de-obra qualificada e limitações de ordem técnicas e organizacional. O resultado aparece na consolidação e amadurecimento de uma organização comunitária apta a inovar, reciclar e criar conhecimento e na materialização de moradias executadas com a mesma tecnologia e know-how aplicado pela indústria de pré-fabricação em usinas de médio e grande porte. Apesar de todo este conhecimento gerado e compartilhado a atual situação do mutirão é de incerteza. Há dois depoimentos que ilustram bem o processo pelo qual passou a Associação de Moradia Unidos de Vila Nova Cachoeirinha, o primeiro de 1991 acontece num boom de empreendimentos de interesse social na cidade de São Paulo, euforia portanto para os movimentos de moradia. O segundo, de 2006, é dado quatro dias após terem recebido a notícia de desapropriação da área e das casas do mutirão, após paralização das obras por mais de um ano e meio. / This work presents industrialized building techiques processes, where the emphasis is the self-help building houses in Vila Nova Cachoeirinha. Specifically the introduction of a plant developed by the housing association is the central argument in this work. It was possible because there was a technical team supporting the association and a financial support by São Paulo City Hall. The unusual techniques were developed to get good results, even to dialoging with the association or to make the technical team be well understood. As results we have a qualifying of labors, know-how application from great plants in the housing construction and the progress of the housing association. After 15 years from the first moment with this association the changes it has passed are clearly illustrated with the testimony of the leadership, once in 1991 and another in 2006.
8

Uma experiência de auto-gestão de professores e alunos da E.E.S.G. Prof. Ayres de Moura - 1984 a 1994 / A self-management experience among teachers and students at E.E.S.G. Prof. Ayres de Moura between 1984 and 1994

Carlos Eduardo Riqueti 04 April 2008 (has links)
No início dos anos 1980, em meio ao efervescente contexto político-social nacional, um grupo de professores e alunos da E.E.S.G. Professor Ayres de Moura, localizada na Vila Jaguara, Lapa, zona oeste da capital paulista, iniciou um movimento que culminou no afastamento do diretor e na apropriação daquele espaço pela comunidade escolar, propiciando condições para práticas didático-pedagógicas arrojadas que ocorreram por aproximadamente dez anos, entre 1984 e 1994. O presente estudo pretende analisar a extensão dessas práticas e seus limites - que subsistem e reclamam para si o direito à memória -, deixando registrado um exemplo alternativo no campo da Educação ocorrido na década de 1980, questionando, dessa forma, o binômio \"escola pública/má qualidade\". A análise do processo de auto-gestão instaurado naquela escola busca também refletir acerca da participação direta e efetiva nas decisões dentro do espaço escolar, do significado de participação política, democracia e cidadania, assim como nas relações de poder existentes no cotidiano. Especificamente no tocante às questões didático-pedagógicas, procura entender como o currículo real dessa escola foi trabalhado ao longo desses dez anos em que ela foi gerida pela comunidade. Em outras palavras, procura entender a dinâmica existente entre as esferas política e pedagógica. Para tanto, utilizou como fontes entrevistas com ex-professores e ex-alunos, artigos de jornais e documentos de natureza diversa produzidos pela escola. Atualmente, a E.E.S.G. Professor Ayres de Moura não difere da média das escolas públicas da periferia da cidade de São Paulo, pouco se assemelhando ao que foi durante o período referido por essa pesquisa. Nesse sentido, também se buscou compreender as razões que levaram aquela experiência ao seu esgotamento. / In the beginning of the 1908s, amidst a roaring social-political national environment, a group of professors and students of the E.E.S.G. Professor Ayres de Moura (located in Vila Jaguara, Lapa, west of Sao Paulo) initiated a movement which had its height with the deposition of their Headmaster. The schooling community then took possession of that space allowing for the appropriate teaching practices to be applied between 1984 and 1994. This work aims at analyzing the extension of such practices and their limits which exist and claim for themselves the right to memory leaving as a mark an alternative example in the education field which took place in the 1980s decade, questioning the alleged correlation between state schools vs. poor quality. The analysis of the self management process adopted by that school looks to reflect over the direct and effective participation within the school space on the meaning of political participation, democracy and citizenship, as well as of the relationships of the existing power of daily life. Specifically on the teaching methodology questions, it looks to understand how the real curriculum was worked during the school creation process undertaken by the community. In other words, the existing dynamics between the pedagogical and political spheres. To that end, interviews with ex-teachers, ex-students and newspaper clippings and documents produced by the school were used. Currently, E.E.S.G. Professor Ayres de Moura does not differ from the average nearby state schools in the outskirts of Sao Paulo, with little resemblance of what was until the mid 1990s. This way, there was also the need to understand the reasons which led to comprehend such experience to come to an end.
9

Coerência e aderência da economia solidária: um estudo de caso dos coletivos de produção do MST em Mato Grosso do Sul / Coherence and adherence of solidary economics: a case study of production collective groups of the MST in Mato Grosso do Sul

Vieira, Fabiano Mourão 31 March 2006 (has links)
A presente tese analisa a aderência e a coerência da economia solidária a partir de um estudo de caso descritivo de grupos autogestionários em Mato Grosso do Sul, com ênfase nos coletivos de produção do MST. Para tal, identificam-se os principais elementos formadores da teoria da economia solidária presentes entre os precursores, Owen, Marx e Yunus, e os contemporâneos, Singer, Arruda, Mance, Coraggio e Gaiger. A análise dos contemporâneos é auxiliada por uma pré-estrutura conceitual, que observa uma crítica ao capitalismo, uma teoria da transição e uma utopia. Os elementos identificados têm a aderência testada por meio das generalizações analíticas do estudo de caso. Em complemento, esta tarefa é estendida para abranger outros temas desenvolvidos na literatura específica por autores esparsos. Na conclusão, avalia-se a coerência da economia solidária, verificando os pontos em comum entre experiências endógenas, experiências exógenas e teorias propositivas. Verifica-se que a autogestão é o principal desencadeador da economia solidária, que defende um Estado distribuidor, é capaz de gerar uma distribuição de renda média, conforma uma economia heterogênea, procura superar o subdesenvolvimento, é auxiliada pela militância, mas tem um obstruidor, os dominantes na luta de classes. Apesar dos pontos em comum, a pesquisa confirma a necessidade de se reconhecer uma tripla natureza da economia solidária, como teoria, objeto e movimento social, uma dupla dimensão da teoria, descritiva e propositiva, e a existência de duas modalidades de experiências, exógenas e endógenas. Esta confirmação é realizada pelas diferenças que emergem em tais classificações. Por fim, conclui-se que a economia solidária, na conceituação abrangente, não refere-se à defesa de uma economia cordial e afetuosa, mas sim de uma economia capaz de ampliar os direitos sócio-econômicos, emancipar as pessoas e aumentar a capacidade reivindicativa da sociedade. / The present thesis analyzes the adherence and the coherence of the solidary economics from a study of descriptive case of self managed groups in Mato Grosso do Sul, with emphasis in the production collective groups of the MST. For such, main elements of the theory of the solidary economics are identified among the precursors authors, Owen, Marx and Yunus, and the contemporaries, Singer, Arruda, Mance, Coraggio and Gaiger. The analysis of the contemporaries is assisted by a conceptual prestructure, that observes a criticism to the capitalism, a transition theory and an utopia. The identified elements have their adherence tested by analytical generalizations of the case study. In complement, this task is extended to enclose other issues developed in specific literature among sparse authors. In the conclusion, coherence of the solidary economics is evaluated verifying the points in common among endogenous experiences, exogenous experiences and prepositive theories. It is verified that the self management is the main propelling force of the solidary economy, that supports a distributive State, it is capable to generate a distribution of average income, it conforms a heterogeneous economy, it looks for to surpass the subdevelopment, it is assisted by militants, but has an obstructor, the dominants in the class struggle. Despite the points in common, the research confirms the necessity of recognize a triple nature of the solidary economy, as theory (solidary economics), object (solidary economy) and social movement, a double dimension of the theory, descriptive and prepositive, and the existence of two modalities of experiences, exogenous and endogenous. This confirmation is carried through by the observation of differences that emerge in such classifications. Finally, it concludes that the solidary economy, in the broad conceptualization, does not mean the defense of an economy of cordiality, but an economy responsible for extending the social and economic rights, emancipating the people and increasing the requiring capacity of the society.
10

The organizational model of liberated companies: what they have in common?

Kerloc’h, Gaëtan Samuel Corentin 06 December 2017 (has links)
Submitted by Gaetan Kerloc’h (gaetan.kerloch@gmail.com) on 2017-12-06T12:38:22Z No. of bitstreams: 1 The organizational model of liberated companies.pdf: 1402756 bytes, checksum: 66c9264abe34654405bac966bb388ce2 (MD5) / Rejected by Josineide da Silva Santos Locatelli (josineide.locatelli@fgv.br), reason: Dear Gaetan, Please, see the corrections you need to do in your thesis: The title is different, see how it is: THE ORGANIZATIONAL MODEL OF LIBERATED COMPANIES: WHAT THEY HAVE IN COMMON? Page 1: Put your full name, withdraw the images of the page; Page 2: Put your full name, correct the title, in “Knowledge Field” must to be of the advisor: INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS; Page 3: The Ficha Catalográfica must to be on the end the page; Page 4: correct name, title, knowledge Field, withdraw the little line above the member’s name; Acknowledgements, Abstract, Resumo, e Tables of Content must to be in CAPITAL letters and on the middle of the page. Withdraw all the page numbers before the Introduction, however, they need to be considered, example, if before there are 9 pages, the Introduction will start with the page 10. I am sending again the model on 2017-12-06T13:01:45Z (GMT) / Submitted by Gaetan Kerloc’h (gaetan.kerloch@gmail.com) on 2017-12-14T13:20:43Z No. of bitstreams: 1 The organizational model of liberated companies.docx: 549498 bytes, checksum: e0bc37e2be4b5c2220686c2a107323ee (MD5) / Rejected by Josineide da Silva Santos Locatelli (josineide.locatelli@fgv.br), reason: Hi Gaetan, Your work is ready, but cannot to be in Word, must to be in pdf. on 2017-12-14T14:57:29Z (GMT) / Submitted by Gaetan Kerloc’h (gaetan.kerloch@gmail.com) on 2017-12-14T18:02:57Z No. of bitstreams: 1 The organizational model of liberated companies.pdf: 1403015 bytes, checksum: ace1ab6d3bbe1f1d6849727b278fc7df (MD5) / Approved for entry into archive by Josineide da Silva Santos Locatelli (josineide.locatelli@fgv.br) on 2017-12-20T11:09:48Z (GMT) No. of bitstreams: 1 The organizational model of liberated companies.pdf: 1403015 bytes, checksum: ace1ab6d3bbe1f1d6849727b278fc7df (MD5) / Made available in DSpace on 2017-12-20T11:23:15Z (GMT). No. of bitstreams: 1 The organizational model of liberated companies.pdf: 1403015 bytes, checksum: ace1ab6d3bbe1f1d6849727b278fc7df (MD5) Previous issue date: 2017-12-06 / This study addresses the current debate about the existence of an organizational model in liberated companies, which impacts its generalization and its transmission over time. Our purpose is to determine whether there is any consistency across the various organizational patterns in liberated companies. To reach this goal, 114 liberated organizations and twenty-five of their primary organizational patterns were identified in the literature. Then, a survey was sent to these 114 organizations to see how consistent these twenty-five patterns were across the universe. Data was collected from thirty-nine answers out of these 114 targeted companies. This data led to identifying eleven features that were present in most of the thirty-nine liberated companies who completed the questionnaire. Ten other patterns were found in the majority of the sample, while four patterns were identified as scarce. It was also determined that larger corporations operate differently. The analysis that was conducted will help leaders to understand the features of liberated companies. / Esta dissertação aborda o debate sobre a existência de um modelo organizacional em empresas inovadoras ('liberated companies'). O objetivo é determinar se há qualquer consistência entre os vários padrões organizacionais de empresas inovadoras. Para responder essa questão, primeiro foi identificado na literatura 114 empresas inovadoras (liberated companies) e listado vinte e cinco características organizacionais presentes nessas empresas. Foi enviada uma pesquisa para as 114 empresas identificadas, para verificar a consistência (ou não) dos vinte e cinco características organizacionais. Foram coletados dados de 39 das 114 empresas. A análise dos resultados indicou que onze características estavam presentes na maioria das 39 empresas que completaram o questionário. Dez outros padrões foram encontrados na maioria da amostra, enquanto quatro padrões foram identificados como raros. Também foi identificado uma maneira diferente de funcionamento para empresas maiores. A análise realizada será útil para empresários que queiram compreender melhor quais são as características organizacionais presentes nas 'liberated company'.

Page generated in 0.0498 seconds