• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 4509
  • 18
  • 9
  • Tagged with
  • 4537
  • 4537
  • 4537
  • 4163
  • 906
  • 737
  • 552
  • 454
  • 429
  • 403
  • 331
  • 312
  • 300
  • 290
  • 289
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

AVALIAÇÃO MERCADOLÓGICA E DE PRODUÇÃO AGRÍCOLA, VISANDO A PROPOSIÇÃO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS PARA A MESORREGIÃO SUDOESTE DE MATO GROSSO DO SUL / MERCADOLÓGICA EVALUATION IN AGRICULTURAL PRODUCTION, VISANDO A PROPOSAL FOR SAF FOR MESORREGIÃO SOUTHEST MATO GROSSO IN SOUTH

Silva, Jocemar José da 18 April 2009 (has links)
Made available in DSpace on 2016-02-26T12:59:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 jocemarJoseSilva.pdf: 1769957 bytes, checksum: 89d6a79ae35660bad59eb83e507744f6 (MD5) Previous issue date: 2009-04-18 / The present work was perceived in municipal district of Dourados/MS, mesoregion southwest of Mato Grosso do Sul, with he purpose of meeting the socio-demographic profile and the habits of consumers shopping of fruits and vegetables, and obtain social indications and agroeclogical develop models for planning of production systems based on agroforestry sistems as an alterntive to the predominant family farming in the region. The study was based on interviews involving producers, consumers, large and samall traders and fairground participating in the production chain and fruit crop in the region of Dourados/MS, both of the city as of some rural settlements, indepedent producers and reflorestadoras. The results led to the following conclusions: 83,8% of 105 consumers interviewed are female and 16,1% male; on the occupation of heads of families, 16,1% are lousinessman, 14,7% were civil servants, 14,7% professionals, 11,7% retirees pensioners, 10,3% undertakers and 32,3% heads of families who have more than one occupation. The repondents aged up to 35 years totalized 60%, from 36 to 55 years, 32,3% and those over 55 years, 7,7%. About the family income, 55,2% have less income than four minimum wages while between 4 and 10 minimum wages, was 34,2% and of 10,5% for more than 10 minimum wages. There is, between interviewed consumers, preference for buy barn products, that don´t be mixed, with good appearance, coolness and natural look, but 77,9% of these consumers don´t know the origin of products 17,7% of consumers showed interest in obtaining more information about the products that they consume, the benefits that the bing to health and how best to use them, and 16,9% if were produced with or without pesticides. The research results show that the principal obstacles to the marketing of products of the region are the insufficient of production and lack of standardization. The lettwe, tomato, banana, apple and orange are the vegetables and fruits mosta appreciate for consumers. With statement satisfaction of quantity, quality and diversity of products, the interviewed were unamnimous in reply that they were satisfied. On statement organic products, 55,2% of consumers reported that abeady obtained it and the main reason for not purchasing the price is high, and that the most establishments don t sell organic products due to lack of suppliers. The results showed that the various types of friutful, forest and medicinal below, are the best alternatives to be included in the mixture of SAFs, which will meet the needs of small producers in the region, because of its demand and acceptance by consumers and commercial establishments: a) Fruitful: banana, orange, watermelon, papaya and pineapple; b) Forest species: ipê, peroba, cedar, palm trees juçara and pupunha, yerba mate, Eucalyptus grandis e Eucalyptus citriodora; c) Medicinal: boldo, grass-saint, carqueja, chamomile, espinheira-saint. Based on effects of research formulate the following proposals for Agroforestry system for the region: 1) Agrissilvicultural System: having the palm as the main product extracted from palm juçara (Euterpe edulis Mart) associate with agricultural cultures (maize and beans) and timber species (ingá, ipê, and Eucalyptus); 2) Agrissilvicultural system, composed by pupunha (Bactris gasipaes), associate with some agricultural cultures (sweet potato, grass-saint, cassava, watermelon and pineapple) and tree (ingá and peroba); 3) Agrissilvicultural system, with production of bananas, pineapple and cassava, associate with timber species (ingá, eucalyptus, aroeira and guariroba); 4) Agrissilvicultural system, aim to produce of bief cycle of fruitful (pineapple and watermelon), fruitful and palm tree (bananas, guava and pupunha), annual cultures (pig beans and cassava) and forest species (cedar, canafistula, ipê and macaúba); 5) Agrissilvicultural system, with production of fruitful (orange, ponkan, mango and papaya) associated with annual cycle culture (maize, pumpkin and maxixe), tree species (cedar, peroba, canafistula, ingá and gliricídia); 6) Agrissilvicultural system aiming the production of banana, cassava and papaya, associate with forest species (ingá, ipê, cedar and peroba) and bean guandu for covering of soil; 7) Agrissilvicultural system for production of wood, and may be used the Eucalyptus citriodora or E. Grandis in intercropping with agricultural cultures (maize and bean); 8) Agrissilvicultural system having aim of the production of fruitful (banana, papaya), timber species (cedar, ipê, aroeira, ingá, aroeira-red) and palms (macaúba, guariroba and juçara); 9) Agrissilvicultural system, composed of agricultural culture (maize), fruitfues (pineapple, banana and guava) and wood (cedar and aroeira); 10) Agrissilvicultural system, having the main culture the yerba mate, including cassava, pineapple, sweet potato, pumpkin, watermelon, maxixe and guaco; 11) Agrissilvipastoril system aiming the creation of levestock for dairy cattle, based consortuim of maize and cassava with trees (eucalyptus, aroeira and ingá); 12) Silvipastoril system with Eucalyptus (E. Grandis or E. Citriodora) associated with grass Brachiaria brizantha and legume Calopogonium muconoides, having the aim of setting up livestock for daity cattle; 13) Silvipastoril system aiming at the creation of dairy cattle for livestock, composed of scattered or isolated trees in the midst of pasture (hose, leucena, ingá and macaúba); 14) Silvipastoril system, aiming at the creation of daity cattle for livestock, composed of the stock system in the form of wood with cedar, ipê, ingá, jatobá of savannah and peroba. For taining of pasture will be used to B. Brizantha; 15), aiming at the creation of dairy cattle for livestock, composed of tree an shrub species forage such as: canafístula, gliricídia, leucena, mutambo, which will facilitate the creation of the herd, because over the lack of pasture in the station dry, they will exert an important role in the provision of food for cattle. / O presente trabalho foi realizado no município de Dourados/MS, mesorregião Sudoeste de Mato Grosso do Sul, com o objetivo de conhecer o perfil sócio-demográfico e os hábitos de compra dos consumidores de frutas e verduras, bem como obter referências sociais e agroecológicas para elaborar modelos de planejamento de sistemas de produção baseado em Sistemas Agroflorestais como alternativa para a agricultura familiar predominante na região. O estudo foi realizado com base em entrevistas envolvendo produtores, consumidores, pequenos e grandes comerciantes e feirantes que integram a cadeia produtiva olerícola e frutícola da região de Dourados MS, tanto da cidade quanto de alguns assentamentos rurais, produtores independentes e reflorestadoras. A análise dos resultados levou às seguintes conclusões: dos 105 consumidores entrevistados 83,8 são do sexo feminino e 16,1 masculino; sobre a ocupação dos chefes de famílias, 16,1% são comerciários, 14,7% eram funcionários públicos, 14,7% profissionais liberais, 11,7% aposentados/pensionistas, 10,3% empresários e 32,3 chefes de famílias que tem mais de uma ocupação. Os entrevistados com idade até 35 anos totalizaram 60%; de 36 a 55 anos, 32,3% e aqueles com mais de 55 anos, 7,7%. Sobre a renda familiar, 55,2% tem renda menor que quatro salários mínimos, enquanto que entre 4 e 10 salários mínimos foi de 34,2% e de 10,5% para mais de 10 salários mínimos. Há, entre os consumidores entrevistados, preferência por compra de produtos a granel, que não estejam amassados, com boa aparência, frescos e aspecto de natural, porém 77,9 % destes consumidores não sabem a origem dos produtos; 17,7 dos consumidores mostraram interesse em obter mais informações sobre os produtos que consomem, os benefícios que trazem à saúde e as melhores formas de utilizá-los, e 16,9%, se foram produzidos com ou sem agrotóxicos. Os resultados da pesquisa mostram que os principais entraves para a comercialização dos produtos da região são a insuficiência da produção e falta de padronização. A alface, tomate, banana, maçã e laranja são as hortaliças e frutas mais apreciadas pelos consumidores. Com relação à satisfação da quantidade, qualidade e variedade dos produtos, os entrevistados foram unânimes em responder que estão satisfeitos. Em relação a produtos orgânicos, 55,2% dos consumidores informaram que já os adquiriu e o principal motivo para a não aquisição é o preço elevado, sendo que a maioria dos estabelecimentos não vende produtos orgânicos devido à falta de fornecedores. Os resultados obtidos permitiram concluir que as espécies frutíferas, florestais e medicinais abaixo, são as melhores alternativas para serem incluídas na mistura de SAFs, que irá satisfazer as necessidades dos pequenos produtores da região, devido à sua procura e aceitação pelos estabelecimentos comerciais e consumidores: a) frutíferas: banana, laranja, melancia, mamão e abacaxi; b) espécies florestais: ipê, peroba, cedro, palmeiras juçara e pupunha, erva-mate, Eucaliptus grandis, Eucaliptus citriodora; c) medicinais: boldo, capim-santo, carqueja, camomila, espinheira-santa. Com base nos resultados da pesquisa formulou-se as seguintes propostas de Sistemas Agroflorestais para a região: 1- sistema agrissilvicultural, tendo o palmito como produto principal extraído da palmeira juçara (Euterpe edulis Mart), consorciada com cultivos agrícolas (feijão e milho) e espécies madeireiras (ingá, ipê e eucalipto); 2 - sistema agrissilvicultural, composto pela pupunha (Bactris gasipaes), consorciada com algumas culturas agrícolas (batata-doce, capim-santo, mandioca, melancia e abacaxi) e arbóreas (ingá e peroba); 3 - sistema agrissilvicultural, com produção de banana, abacaxi e mandioca, consorciadas com espécies madeireiras (ingá, eucalipto, aroeira e guariroba); 4 - sistema agrissilvicultural, visa a produção de frutíferas de ciclo curto (abacaxi e melancia), frutíferas e palmeira (banana, goiaba e pupunha), culturas anuais (feijão de porco e mandioca) e espécies florestais (cedro, canafistula, ipê e macaúba); 5 - sistema agrissilvicultural com produção de frutíferas (laranja, ponkan, manga e mamão) consorciadas com culturas de ciclo anual (milho, abóbora e maxixe), espécies arbóreas (cedro, peroba, canafistula, ingá e gliricídia); 6 - sistema agrissilvicultural visando a produção da banana, mandioca e mamão, consorciadas com espécies florestais (ingá, ipê, cedro e peroba) e feijão guandu para cobertura do solo; 7 - sistema agrissilvicultural para produção de madeira, podendo ser usado o Eucalyptus citriodora ou E. grandis em consorciação com culturas agrícolas (milho e feijão); 8 - sistema agrissilvicultural tendo como objetivo a produção de frutíferas (banana, mamão), espécies madeireiras (cedro, ipê, aroeira, ingá, aroeira-vermelha) e palmeiras (macaúba, guariroba e juçara); 9 - sistema agrissilvicultural, composto por cultura agrícola (milho), frutíferas ( abacaxi, banana e goiaba) e madeireiras (cedro e aroeira); 10 - sistema agrissilvicultural, tendo como cultura principal a erva-mate, incluindo-se mandioca, abacaxi, batata-doce, abóbora, melancia, maxixe e guaco; 11 - sistema agrissilvipastoril visando a criação de gado para pecuária leiteira, baseado no consórcio de milho e mandioca com arbóreas (eucalipto, aroeira e ingá); 12 - sistema silvipastoril com eucalipto (E. grandis ou E. citriodora) associado à gramínea Brachiaria brizantha e à leguminosa Calopogonium muconoides, tendo como objetivo a criação de gado para pecuária leiteira; 13 - sistema silvipastoril visando a criação de gado para pecuária leiteira, composto por árvores dispersas ou isoladas em meio à pastagem (mangueira, leucena, ingá e macaúba); 14 - sistema silvipastoril, objetivando a criação de gado para pecuária leiteira, composto pela arborização do sistema em forma de bosque com cedro, ipê, ingá, jatobá do cerrado e peroba. Para formação da pastagem será usada a B. brizantha; 15 - sistema silvipastoril, visando a criação de gado para pecuária leiteira, composto por espécies arbóreas e arbusto forrageiro tais como: canafístula, gliricídia, leucena, mutambo, que irão favorecer na criação do rebanho, pois durante a falta de pastagem na estação seca, eles irão exercer um papel importante no fornecimento de alimento para o gado.
2

MESOFAUNA EDÁFICA E A TAXA DE DECOMPOSIÇÃO DA RESTEVA DE TRÊS SUCESSÕES DE CULTURA EM SISTEMA PLANTIO DIRETO

Vieira, Maria Helena Pereira 30 December 2008 (has links)
Made available in DSpace on 2016-02-26T12:59:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 MariaHelenaPVieira.pdf: 2342333 bytes, checksum: fde0f858ac7ca1f3972b7de5cdad763d (MD5) Previous issue date: 2008-12-30 / The mesofauna soil is composed primarily of Mite and Collembola (75 to 97% of total arthropod fauna of the soil) is one of the few groups of human beings who show enormous diversity of forms, habitat and behavior, being found in almost all places accessible to wildlife because they live in regions epi, hemispheric and euedáficas. The components of mesofauna have a very important role in the process of disintegration, decomposition, transport of organic matter, mixed horizon, transport of nutrients, aeration and biological control, thus allowing together with the fungi, a balanced soil. Overall, we found that changes in species diversity and in the community structure of soil organisms, under different management practices, directly interfere in the functioning of soil and hence the sustainability of agroecosystems, acting as indicators of its degradation. The study aimed to evaluate the mesofauna soil, its influence on the decomposition rate of mulch during the crop cycle and its activity as indicators of soil quality, seeking the understanding of its role in the functioning of tillage. The collections were made in the field from October 2006 to September 2007, within a long-term experiment, started in October 1997, using a split-plot experimental design with three replicates per share. The technique employed to study the soil mesofauna, involved the collection of soil in the range of 0 to 5 cm in depth (nine samples of 220cm ³ for environment, totaling 567 samples for analysis of mesofauna), being used to funnel a Berlese (modified). To maintain the much on the site was used to screen a 50cm2, with mesh of 1cm fixed by the edges with vergalhão iron 5.16 (0.8 mm). Where fortnightly was withdrawn, kiln-dried for two days and heavy, to measure the decomposition of organic matter. The decomposition rate of mulch was influenced by the people of mesofauna soil, and good soil conditions (humidity gravimetric and soil cover) and climate. The rate of decomposition of hairy vetch was higher among the three treatments. The action of mesofauna soil was more efficient in reducing the straw of hairy vetch. The rate of decomposition was lower in the treatment Oats black; The diversity of plant species used in crop rotation to influence the occurrence of populations of the group Mite, Collembola, Insecta, Miriapoda and Isopoda. Highest amount of resteva, rainfall and humidity index gravimetric influenced largest stock picks Haughton, Collembola, Miriapoda, Insecta and Isopoda. It was identified 26 genera and two families of Mite, with 13 genera Cryptostigmata, 11, Mesostigmata and 4 of Prostigmata. The predominant genera of Mite Cryptostigmata, Mesostigmata and Prostigmata in all treatments was Mancoribates, Rhodacarus and Cunaxa, respectively. The populations of Mite, Collembola, Insecta, Miriapoda and Isopoda were effective indicators of soil quality in terms of management used. The predominant species of Collembola in the three treatments was Lepidocyrtus. The genus Lepidocyrtus had populations of 81%, 67% and 56% higher than the other genera in treatments + oat mixture of hairy vetch, oats and hairy vetches, respectively. The predominant group of Class Insecta was Formicidae. It was 01 (a) type of Miripoda, Polyxenus. Largest population of Isopoda was found in the treatment of oat mixture + hairy vetch, followed by Oats vetches black and hairy. The largest populations of mesofauna was obtained by the group of Acari (60% of individuals), followed by Collembola (17%), Miriapoda (12%), Insecta (7%) and Isopoda (4%). The largest populations of Mite, Collembola, Miriapoda and Isopoda were found in the treatment mixture (Oats black hairy vetches +), followed by treatment Oats vetches black and hairy / A mesofauna edáfica é composta principalmente por Acari e Collembola (75 a 97% da fauna total de artrópodos do solo) constitui um dos poucos grupos de seres que mostram enorme diversidade de formas, hábitat e comportamento, sendo encontradas em quase todos os locais acessíveis à vida animal pois vivem nas regiões epi, hemi e euedáficas. Os componentes da mesofauna têm um papel muito importante no processo de desagregação, decomposição, transporte de matéria orgânica, mistura de horizonte, transportes de nutrientes, aeração e controle biológico, permitindo dessa forma juntamente com os fungos, um equilíbrio edáfico. De modo geral, observa-se que as alterações na diversidade de espécies e na estrutura da comunidade de organismos do solo, sob práticas de manejo diferenciadas, interferem diretamente no funcionamento do solo e, conseqüentemente, na sustentabilidade dos agroecossistemas, atuando como indicadores de sua degradação. O trabalho teve como objetivo avaliar a mesofauna edáfica, sua influência na velocidade de decomposição da resteva durante o ciclo das culturas e sua atividade como indicadores da qualidade do solo, buscando o entendimento do seu papel no funcionamento do sistema plantio direto. As coletas de campo foram realizadas no período de outubro 2006 a setembro de 2007, dentro de um experimento de longa duração, iniciado em outubro de 1997, utilizando-se o delineamento experimental de parcelas subdivididas com três repetições por parcela. A técnica empregada para o estudo da mesofauna edáfica, envolveu a coleta de solo na faixa de 0 a 5cm de profundidade (nove amostras de 220cm³ por ambiente, totalizando 567 amostras para análise da mesofauna), sendo utilizado o funil de Berlese (modificado). Para manutenção da resteva sobre o local foi utilizada uma tela de 50cm2, com malha de 1cm fixada pelas extremidades com vergalhão de ferro 5.16 (0,8mm). Onde quinzenalmente era retirada, seca em estufa por dois dias e pesada, para mensurar a decomposição da matéria orgânica. A velocidade de decomposição da resteva foi influenciada pela população da mesofauna do solo, e boas condições edáficas (umidade gravimétrica e cobertura do solo) e climáticas. A taxa de decomposição da ervilhaca peluda foi maior entre os três tratamentos. A ação da mesofauna edáfica foi mais eficiente na redução da palha da ervilhaca peluda. A taxa de decomposição menor foi no tratamento Aveia preta; A diversidade de espécies vegetais utilizadas na rotação de cultura influenciou a ocorrência das populações do grupo Acari, Collembola, Insecta, Miriapoda e Isopoda. Maior quantidade da resteva, índice pluviométrico e umidade gravimétrica influenciaram maiores picos populacionais de Acari, Collembola, Miriapoda, Insecta e Isopoda. Identificou-se 26 gêneros e duas famílias de Acari, sendo 13 gêneros Cryptostigmata, 11 de Mesostigmata e 4 de Prostigmata. Os gêneros predominantes de Acari Cryptostigmata, Mesostigmata e Prostigmata em todos os tratamentos foi Mancoribates, Rhodacarus e Cunaxa, respectivamente. Os grupos populacionais de Acari, Collembola, Insecta, Miriapoda e Isopoda mostraram-se eficientes indicadores de qualidade do solo em função do manejo utilizado. O gênero de Collembola predominante nos três tratamentos foi Lepidocyrtus. O gênero Lepidocyrtus apresentou populações de 81%, 67% e 56% maiores que os demais gêneros nos tratamentos Mistura de aveia preta + ervilhaca peluda, Aveia preta e Ervilhaca peluda, respectivamente. O grupo predominante da classe Insecta foi Formicidae. Identificou-se 01 (um) gênero de Miripoda, Polyxenus. Maior população de Isopoda foi encontrada no tratamento Mistura de aveia preta + ervilhaca peluda, seguida por Aveia preta e Ervilhaca peluda. As maiores populações da mesofauna foi obtida pelo grupo dos Acari (60% dos indivíduos), seguidos pelos Collembola (17%), Miriapoda (12%), Insecta (7%) e Isopoda (4%). As maiores populações de Acari, Collembola, Miriapoda e Isopoda foram encontradas no tratamento Mistura (Aveia preta + Ervilhaca peluda), seguido pelo tratamento Aveia preta e Ervilhaca peluda
3

AVALIAÇÃO MERCADOLÓGICA E DE PRODUÇÃO AGRÍCOLA, VISANDO A PROPOSIÇÃO DE SISTEMAS AGROFLORESTAIS PARA A MESORREGIÃO SUDOESTE DE MATO GROSSO DO SUL / MERCADOLÓGICA EVALUATION IN AGRICULTURAL PRODUCTION, VISANDO A PROPOSAL FOR SAF FOR MESORREGIÃO SOUTHEST MATO GROSSO IN SOUTH

Silva, Jocemar José da 18 April 2009 (has links)
Made available in DSpace on 2016-02-26T12:59:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 jocemarJoseSilva.pdf: 1769957 bytes, checksum: 89d6a79ae35660bad59eb83e507744f6 (MD5) Previous issue date: 2009-04-18 / The present work was perceived in municipal district of Dourados/MS, mesoregion southwest of Mato Grosso do Sul, with he purpose of meeting the socio-demographic profile and the habits of consumers shopping of fruits and vegetables, and obtain social indications and agroeclogical develop models for planning of production systems based on agroforestry sistems as an alterntive to the predominant family farming in the region. The study was based on interviews involving producers, consumers, large and samall traders and fairground participating in the production chain and fruit crop in the region of Dourados/MS, both of the city as of some rural settlements, indepedent producers and reflorestadoras. The results led to the following conclusions: 83,8% of 105 consumers interviewed are female and 16,1% male; on the occupation of heads of families, 16,1% are lousinessman, 14,7% were civil servants, 14,7% professionals, 11,7% retirees pensioners, 10,3% undertakers and 32,3% heads of families who have more than one occupation. The repondents aged up to 35 years totalized 60%, from 36 to 55 years, 32,3% and those over 55 years, 7,7%. About the family income, 55,2% have less income than four minimum wages while between 4 and 10 minimum wages, was 34,2% and of 10,5% for more than 10 minimum wages. There is, between interviewed consumers, preference for buy barn products, that don´t be mixed, with good appearance, coolness and natural look, but 77,9% of these consumers don´t know the origin of products 17,7% of consumers showed interest in obtaining more information about the products that they consume, the benefits that the bing to health and how best to use them, and 16,9% if were produced with or without pesticides. The research results show that the principal obstacles to the marketing of products of the region are the insufficient of production and lack of standardization. The lettwe, tomato, banana, apple and orange are the vegetables and fruits mosta appreciate for consumers. With statement satisfaction of quantity, quality and diversity of products, the interviewed were unamnimous in reply that they were satisfied. On statement organic products, 55,2% of consumers reported that abeady obtained it and the main reason for not purchasing the price is high, and that the most establishments don t sell organic products due to lack of suppliers. The results showed that the various types of friutful, forest and medicinal below, are the best alternatives to be included in the mixture of SAFs, which will meet the needs of small producers in the region, because of its demand and acceptance by consumers and commercial establishments: a) Fruitful: banana, orange, watermelon, papaya and pineapple; b) Forest species: ipê, peroba, cedar, palm trees juçara and pupunha, yerba mate, Eucalyptus grandis e Eucalyptus citriodora; c) Medicinal: boldo, grass-saint, carqueja, chamomile, espinheira-saint. Based on effects of research formulate the following proposals for Agroforestry system for the region: 1) Agrissilvicultural System: having the palm as the main product extracted from palm juçara (Euterpe edulis Mart) associate with agricultural cultures (maize and beans) and timber species (ingá, ipê, and Eucalyptus); 2) Agrissilvicultural system, composed by pupunha (Bactris gasipaes), associate with some agricultural cultures (sweet potato, grass-saint, cassava, watermelon and pineapple) and tree (ingá and peroba); 3) Agrissilvicultural system, with production of bananas, pineapple and cassava, associate with timber species (ingá, eucalyptus, aroeira and guariroba); 4) Agrissilvicultural system, aim to produce of bief cycle of fruitful (pineapple and watermelon), fruitful and palm tree (bananas, guava and pupunha), annual cultures (pig beans and cassava) and forest species (cedar, canafistula, ipê and macaúba); 5) Agrissilvicultural system, with production of fruitful (orange, ponkan, mango and papaya) associated with annual cycle culture (maize, pumpkin and maxixe), tree species (cedar, peroba, canafistula, ingá and gliricídia); 6) Agrissilvicultural system aiming the production of banana, cassava and papaya, associate with forest species (ingá, ipê, cedar and peroba) and bean guandu for covering of soil; 7) Agrissilvicultural system for production of wood, and may be used the Eucalyptus citriodora or E. Grandis in intercropping with agricultural cultures (maize and bean); 8) Agrissilvicultural system having aim of the production of fruitful (banana, papaya), timber species (cedar, ipê, aroeira, ingá, aroeira-red) and palms (macaúba, guariroba and juçara); 9) Agrissilvicultural system, composed of agricultural culture (maize), fruitfues (pineapple, banana and guava) and wood (cedar and aroeira); 10) Agrissilvicultural system, having the main culture the yerba mate, including cassava, pineapple, sweet potato, pumpkin, watermelon, maxixe and guaco; 11) Agrissilvipastoril system aiming the creation of levestock for dairy cattle, based consortuim of maize and cassava with trees (eucalyptus, aroeira and ingá); 12) Silvipastoril system with Eucalyptus (E. Grandis or E. Citriodora) associated with grass Brachiaria brizantha and legume Calopogonium muconoides, having the aim of setting up livestock for daity cattle; 13) Silvipastoril system aiming at the creation of dairy cattle for livestock, composed of scattered or isolated trees in the midst of pasture (hose, leucena, ingá and macaúba); 14) Silvipastoril system, aiming at the creation of daity cattle for livestock, composed of the stock system in the form of wood with cedar, ipê, ingá, jatobá of savannah and peroba. For taining of pasture will be used to B. Brizantha; 15), aiming at the creation of dairy cattle for livestock, composed of tree an shrub species forage such as: canafístula, gliricídia, leucena, mutambo, which will facilitate the creation of the herd, because over the lack of pasture in the station dry, they will exert an important role in the provision of food for cattle. / O presente trabalho foi realizado no município de Dourados/MS, mesorregião Sudoeste de Mato Grosso do Sul, com o objetivo de conhecer o perfil sócio-demográfico e os hábitos de compra dos consumidores de frutas e verduras, bem como obter referências sociais e agroecológicas para elaborar modelos de planejamento de sistemas de produção baseado em Sistemas Agroflorestais como alternativa para a agricultura familiar predominante na região. O estudo foi realizado com base em entrevistas envolvendo produtores, consumidores, pequenos e grandes comerciantes e feirantes que integram a cadeia produtiva olerícola e frutícola da região de Dourados MS, tanto da cidade quanto de alguns assentamentos rurais, produtores independentes e reflorestadoras. A análise dos resultados levou às seguintes conclusões: dos 105 consumidores entrevistados 83,8 são do sexo feminino e 16,1 masculino; sobre a ocupação dos chefes de famílias, 16,1% são comerciários, 14,7% eram funcionários públicos, 14,7% profissionais liberais, 11,7% aposentados/pensionistas, 10,3% empresários e 32,3 chefes de famílias que tem mais de uma ocupação. Os entrevistados com idade até 35 anos totalizaram 60%; de 36 a 55 anos, 32,3% e aqueles com mais de 55 anos, 7,7%. Sobre a renda familiar, 55,2% tem renda menor que quatro salários mínimos, enquanto que entre 4 e 10 salários mínimos foi de 34,2% e de 10,5% para mais de 10 salários mínimos. Há, entre os consumidores entrevistados, preferência por compra de produtos a granel, que não estejam amassados, com boa aparência, frescos e aspecto de natural, porém 77,9 % destes consumidores não sabem a origem dos produtos; 17,7 dos consumidores mostraram interesse em obter mais informações sobre os produtos que consomem, os benefícios que trazem à saúde e as melhores formas de utilizá-los, e 16,9%, se foram produzidos com ou sem agrotóxicos. Os resultados da pesquisa mostram que os principais entraves para a comercialização dos produtos da região são a insuficiência da produção e falta de padronização. A alface, tomate, banana, maçã e laranja são as hortaliças e frutas mais apreciadas pelos consumidores. Com relação à satisfação da quantidade, qualidade e variedade dos produtos, os entrevistados foram unânimes em responder que estão satisfeitos. Em relação a produtos orgânicos, 55,2% dos consumidores informaram que já os adquiriu e o principal motivo para a não aquisição é o preço elevado, sendo que a maioria dos estabelecimentos não vende produtos orgânicos devido à falta de fornecedores. Os resultados obtidos permitiram concluir que as espécies frutíferas, florestais e medicinais abaixo, são as melhores alternativas para serem incluídas na mistura de SAFs, que irá satisfazer as necessidades dos pequenos produtores da região, devido à sua procura e aceitação pelos estabelecimentos comerciais e consumidores: a) frutíferas: banana, laranja, melancia, mamão e abacaxi; b) espécies florestais: ipê, peroba, cedro, palmeiras juçara e pupunha, erva-mate, Eucaliptus grandis, Eucaliptus citriodora; c) medicinais: boldo, capim-santo, carqueja, camomila, espinheira-santa. Com base nos resultados da pesquisa formulou-se as seguintes propostas de Sistemas Agroflorestais para a região: 1- sistema agrissilvicultural, tendo o palmito como produto principal extraído da palmeira juçara (Euterpe edulis Mart), consorciada com cultivos agrícolas (feijão e milho) e espécies madeireiras (ingá, ipê e eucalipto); 2 - sistema agrissilvicultural, composto pela pupunha (Bactris gasipaes), consorciada com algumas culturas agrícolas (batata-doce, capim-santo, mandioca, melancia e abacaxi) e arbóreas (ingá e peroba); 3 - sistema agrissilvicultural, com produção de banana, abacaxi e mandioca, consorciadas com espécies madeireiras (ingá, eucalipto, aroeira e guariroba); 4 - sistema agrissilvicultural, visa a produção de frutíferas de ciclo curto (abacaxi e melancia), frutíferas e palmeira (banana, goiaba e pupunha), culturas anuais (feijão de porco e mandioca) e espécies florestais (cedro, canafistula, ipê e macaúba); 5 - sistema agrissilvicultural com produção de frutíferas (laranja, ponkan, manga e mamão) consorciadas com culturas de ciclo anual (milho, abóbora e maxixe), espécies arbóreas (cedro, peroba, canafistula, ingá e gliricídia); 6 - sistema agrissilvicultural visando a produção da banana, mandioca e mamão, consorciadas com espécies florestais (ingá, ipê, cedro e peroba) e feijão guandu para cobertura do solo; 7 - sistema agrissilvicultural para produção de madeira, podendo ser usado o Eucalyptus citriodora ou E. grandis em consorciação com culturas agrícolas (milho e feijão); 8 - sistema agrissilvicultural tendo como objetivo a produção de frutíferas (banana, mamão), espécies madeireiras (cedro, ipê, aroeira, ingá, aroeira-vermelha) e palmeiras (macaúba, guariroba e juçara); 9 - sistema agrissilvicultural, composto por cultura agrícola (milho), frutíferas ( abacaxi, banana e goiaba) e madeireiras (cedro e aroeira); 10 - sistema agrissilvicultural, tendo como cultura principal a erva-mate, incluindo-se mandioca, abacaxi, batata-doce, abóbora, melancia, maxixe e guaco; 11 - sistema agrissilvipastoril visando a criação de gado para pecuária leiteira, baseado no consórcio de milho e mandioca com arbóreas (eucalipto, aroeira e ingá); 12 - sistema silvipastoril com eucalipto (E. grandis ou E. citriodora) associado à gramínea Brachiaria brizantha e à leguminosa Calopogonium muconoides, tendo como objetivo a criação de gado para pecuária leiteira; 13 - sistema silvipastoril visando a criação de gado para pecuária leiteira, composto por árvores dispersas ou isoladas em meio à pastagem (mangueira, leucena, ingá e macaúba); 14 - sistema silvipastoril, objetivando a criação de gado para pecuária leiteira, composto pela arborização do sistema em forma de bosque com cedro, ipê, ingá, jatobá do cerrado e peroba. Para formação da pastagem será usada a B. brizantha; 15 - sistema silvipastoril, visando a criação de gado para pecuária leiteira, composto por espécies arbóreas e arbusto forrageiro tais como: canafístula, gliricídia, leucena, mutambo, que irão favorecer na criação do rebanho, pois durante a falta de pastagem na estação seca, eles irão exercer um papel importante no fornecimento de alimento para o gado.
4

Citotaxonomia de espécies de Cactaceae ocorrentes no nordeste do Brasil

Castro, Juliana Pereira de 28 June 2012 (has links)
Submitted by Katiane Souza (katyane.souza@gmail.com) on 2016-06-05T18:18:33Z No. of bitstreams: 1 arquivototal.pdf: 2456208 bytes, checksum: c8d4f023af4b75f22897ab5d9a8cb347 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-06-05T18:18:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 arquivototal.pdf: 2456208 bytes, checksum: c8d4f023af4b75f22897ab5d9a8cb347 (MD5) Previous issue date: 2012-06-28 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES / Were studied with CMA3 and DAPI fluorochrome staining techniques and in situ hybridization with 45S and 5S rDNA probes, representatives of the subfamilies Pesreskioideae, Opuntioideae and Cactoideae, 28 species of 14 genera, occurring mainly in the Northeast of Brazil, aiming to identify the heterochromatin distribution and location of rDNA sites in these species and their taxonomic implications. In the subfamilies Pereskioideae and Opuntioideae, chromosome numbers range from 2n = 22 in Pereskia aculeata, P. bahiensis, P. grandiflora (Pereskioideae), Brasilopuntia brasiliensis, Tacinga funalis and T. palmadora, 2n = 44 O. dillenii and 2n = 88 in O. ficus-indica (Opuntioideae). All species presented symmetric karyotypes and small chromosomes, with average sizes range from 1.94 μm in O. dillenii to 3.17 μm in P. aculeata. A pair of terminal CMA+ bands corresponding to the NORs occurred in all cytotypes in diploid and also O. dillenii (tetraploid), except in O. ficus-indica (octoploid) that exhibited two pairs of terminal bands. Additional CMA bands were observed in the interstitial region in the long arm of B. brasiliensis chromosome pair, while a variable number of pericentromeric bands were seen in three chromosome pairs in O. dillenii and in the majority of chromosomes in O. ficus-indica. The sites of 45S rDNA bands corresponded to the terminal CMA, while 5S sites were located in the interstitial region of a chromosome pair in P. aculeata, P. bahiensis and P. grandiflora, as in B. brasiliensis the 5S site was subterminal. In the subfamily Cactoideae, there were no previous chromosome records for Arrojadoa, Micrathocereus and Pilosocereus genera, as in Melocactus azureus, M. levitestatus, Stephanocereus luetzelburgii, Discocactus zehntneri, Hylocereus setaceus and Harrisia adscendens. In Arrojadoa, data for chromosome CMA+ banding pattern does not support inclusion of A. aurespina in A. rodantha limits. In Melocactus and Pilosocereus genera, there was a wide numeric variation of CMA+ pericentromeric bands, while CMA+ bands corresponding to the NORs were generally corresponding to the ploidy level. In species where 45S rDNA sites were mapped, there was a complete correspondence with the terminal CMA+ bands, and there were no additional 45S sites. Moreover, 5S sites were extremely variable in number and chromosomal location. 5S sites adjacent to 45S sites were characteristic of all Pilosocereus species analyzed. The variability in the number and distribution of CMA+ bands and 5S sites location were important cytotaxonomic characteristics in the studied taxa delimitation. / Foram estudadas através do bandeamento com os fluorocromos CMA3 e DAPI e hibridização in situ com sondas de DNAr 45S e 5S, representantes das subfamílias Pesreskioideae, Opuntioideae e Cactoideae, em 28 espécies de 14 gêneros, ocorrentes principalmente no Nordeste do Brasil, objetivando identificar a distribuição da heterocromatina e a localização dos sítios de DNAr nessas espéciese suas implicações taxonômicas. Para as subfamílias Pereskioideae e Opuntioideae, os números cromossômicos variaram de 2n = 22 em Pereskia aculeata, P. bahiensis, P. grandiflora (Pereskioideae), Brasilopuntia brasiliensis, Tacinga funalis e T. palmadora; 2n = 44 em O. dillenii e 2n = 88 em O. ficus-indica (Opuntioideae). Todas as espécies apresentaram cariótipos simétricos e cromossomos pequenos, com tamanhos médios variando de 1,94μm em O. dillenii a 3,17μm em P. aculeata. Um par de bandas CMA+ terminais correspondentes as RONs ocorreu em todos os citotipos diplóides e em O. dillenii (tetraplóide), exceto em O. ficus-indica (octaplóide) que exibiu dois pares de bandas terminais. Bandas CMA adicionais foram observadas na região intersticial do braço longo de um par cromossômico de B. brasiliensis, enquanto um número variável de bandas pericentroméricas foi visualizado em três pares cromossômicos de O. dillenii e na maioria dos cromossmos de O. ficus-indica. Os sítios de DNAr 45S corresponderam às bandas CMA terminais, enquanto os sítios 5S foram localizados na região intersticial de um par cromossômico de P. aculeata, P. bahiensis e P. grandiflora, enquanto em B. brasiliensis o sítio 5S foi subterminal. Na subfamília Cactoideae, não havia registros cromossômicos prévios para os gêneros Arrojadoa, Micrathocereus e Pilosocereus, nem para as espécies Melocactus azureus, M. levitestatus, Stephanocereus luetzelburgii, Discocactus zehntneri, Harrisia adscendens e Hylocereus setaceus. Em Arrojadoa, os dados cromossômicos para o padrão de bandas CMA+ não suportam a inclusão de A. aurespina nos limites de A. rodantha. Para os gêneros Melocactus e Pilosocereus, ocorreu uma ampla variação no número de bandas CMA+ pericentroméricas, enquanto as bandas CMA+ correspondentes as RONs, em geral foram correspondentes aos níveis de ploidia. Nas espécies onde os sítios de DNAr 45S foram mapeadas, houve total correspondência com as bandas CMA+ terminais, não tendo sido observados sítios 45S adicionais. Por outro lado, os sítios 5S foram bastante variáveis em número e localização cromossômica. Sítios 5S adjacentes aos sítios 45S foram característicos de todas as espécies analisadas de Pilosocereus. A variabilidade no número e distribuição de bandas CMA+ e localização de sítios 5S foram características citotaxonômicas importantes na delimitação dos táxons estudados.
5

Comportamento do sorgo granífero em função do manejo de nitrogênio / Behavior of grain sorghum in function of the nitrogen management

Silva, Pedro Celso Soares da 15 July 2004 (has links)
The objective of this study was to define the adequate management of the nitrogen fertilization in the culture of grain sorghum, using as source the urea in soil of average texture. In the experiment conducted in 2001/02, was used a population density of 171,000 plants/ha-1, in direct plantation and was characterized by little precipitation. The assay realized in the agricultural year of 2002/03, was characterized by raised precipitation and was used 214,000 plants/ha-1, in conventional plantation. The experimental design was a randomized block with three repetitions and had been constituted by 21 treatments with nitrogen: 200 kg N/ha-1 in the base; 150 kg N/ha-1 in the base more 50 kg N/ha-1 on top on the 20, 44, 55, 66 and 74 days after the emergency of the plants; 100 kg N/ha-1 in the base more 100 kg N/ha-1 on top on the 20, 44, 55, 66 and 74 days after the emergency of the plants; 50 kg N/ha-1 in the base more 150 kg N/ha with on top on the 20, 44, 55, 66 and 74 days after the emergency of the plants; 200 kg N/ha-1 on top on the 20, 44, 55, 66 and 74 days after the emergency of the plants. In relation to the management with nitrogen fertilization in the of grain sorghum arrived the following: the treatments with 50 kg N/ha-1 in the base more 150 kg/ha-1 on top on the 66 and 74 days and 200 kg N/ha-1 on top on the 66 and 74 days in the low precipitation conditions of the agricultural year of 2001/02, had presented the lowest values of index of foliar area, biological productivity and grain yield; the nitrogen fertilization in the high precipitation conditions, registered in the agricultural year of 2002/03, provided to high index of foliar area and grain yield in hall the applied treatments; in experiment 2001/02, o the number of grains for panicle was the variable that more influenced in the grain yield and in 2002/03 it was the harvest index; by that is was observed in terms of grain yield, it could be said that good distribution of rain, the manegement with 200 kg N/ha-1 could be made until the 74 days the emergency, that would not reduce the productivity of grains / O objetivo deste estudo foi definir o manejo adequado da adubação nitrogenada na cultura do sorgo granífero, utilizando como fonte a uréia em solo de textura média. No experimento conduzido em 2001/02, foi usado uma densidade populacional de 171.000 plantas/ha, em plantio direto e foi caracterizado por pouca precipitação. O ensaio realizado no ano agrícola de 2002/2003, foi caracterizado por elevada precipitação e foi usada uma densidade populacional de 214.000 plantas/ha, em plantio convencional. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com três repetições, constituído por 21 tratamentos com nitrogênio: 200 kg N/ha na base; 150 kg N/ha na base mais 50 kg N/ha em cobertura aos 20, 44, 55, 66 e 74 dias após a emergência das plantas; 100 kg N/ha na base mais 100 kg N/ha em cobertura aos 20, 44, 55, 66 e 74 dias após a emergência das plantas; 50 kg N/ha na base mais 150 kg N/ha em cobertura aos 20, 44, 55, 66 e 74 dias após a emergência das plantas; 200 kg N/ha em cobertura aos 20, 44, 55, 66 e 74 dias após a emergência das plantas. Em relação ao manejo com adubação nitrogenada na cultura do sorgo granífero, chegou-se as seguintes conclusões: os tratamentos com 50 kg N/ha na base e 150kg/ha em cobertura aos 66 e 74 dias e 200 kg N/ha em cobertura aos 66 e 74 dias nas condições de baixa precipitação do ano agrícola de 2001/02, apresentaram os mais baixos valores de índice de área foliar, produtividade biológica e rendimento de grãos; a adubação nitrogenada realizada nas condições de alta precipitação, registradas no ano agrícola de 2002/03, proporcionaram elevado índice de área foliar e rendimento de grãos em todos os tratamentos aplicados; no experimento de 2001/02, o número de grãos por panícula foi a variável que mais influenciou no rendimento de grãos e em 2002/03 foi o índice de colheita; pelo que foi observado em termos de rendimento de grãos, poderia se dizer que se houver boa distribuição de chuvas, o manejo com 200kg N/ha poderia ser feito até os 74 dias após a emergência, que não reduziria a produtividade de grãos
6

Dormência e pré-germinação de sementes de arroz

Franzin, Simone Medianeira 20 March 2006 (has links)
No description available.
7

SISTEMAS DE SUPORTE À DECISÃO EM ATIVIDADES DE PRODUÇÃO AGRÍCOLA / SUPPORT SYSTEMS DECISION ON ACTIVITIES AGRICULTURAL PRODUCTION

Yamamoto, Natanael Takeo 13 February 2009 (has links)
Submitted by Cibele Nogueira (cibelenogueira@ufgd.edu.br) on 2016-08-29T18:18:45Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) NATANAELYAMAMOTO.pdf: 1182767 bytes, checksum: 78d571ae99f3c0207ab85ef5283a2265 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-08-29T18:18:45Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) NATANAELYAMAMOTO.pdf: 1182767 bytes, checksum: 78d571ae99f3c0207ab85ef5283a2265 (MD5) Previous issue date: 2009-02-13 / The humanity advances push more and more the production of raw materials for many applications, foods mainly. The reduction of the available areas leads to the necessity of the productive efficiency increase. This paper intends to provide a new approach for agricultural management, which allows a better understanding of the productive variables, by searching solutions to productive and economic efficiency increase. The rural firm used in this case study was localized is in Maracaju, Mato Grosso, Brazil. Each unit was analyzed as an individual company, each one with its productive and economic indices. By congregating the historical production data and the farm maps, it was possible using a Geographic Information System (GIS) in the computational program platform IDRISI Andes to obtain the productivity and profitability maps of each management unit and crop. By using the Data Envelopment Analysis (DEA) for efficiency measure contrast of the production areas, the intensity of the efficiency variability in the production field was observed, and made it possible to spot the targets, recesses and benchmarks in each area. This study made possible the identification of the most efficient units, giving the decision maker powerful tools to improve the efficiency in rural company. / O avanço da humanidade pressiona cada vez mais a produção de matéria-prima para as mais diversas aplicações, principalmente alimentos. A redução das áreas disponíveis conduz à necessidade do aumento da eficiência produtiva, ou seja, maiores produções por unidade de área. Assim, objetivou-se com esse trabalho, desenvolver uma nova abordagem de gerenciamento agrícola, que permita a melhor compreensão das variáveis produtivas buscando soluções para aumentar a eficiência produtiva e econômica. A empresa rural utilizada nesse estudo está localizada no município de Maracaju, estado de Mato Grosso. Cada unidade foi analisada como uma empresa individual, com seus índices produtivos e econômicos. Reunindo os dados históricos de produção e os mapas, foi possível, utilizando um Sistema de Informações Geográficas (SIG) na plataforma do programa computacional IDRISI Andes, confeccionar os mapas de produtividade e lucratividade em cada unidade de manejo e em cada safra. Utilizando a Análise de Envoltória de Dados (DEA) para comparação da eficiência dos talhões, observou-se a intensidade de variabilidade da eficiência no campo de produção, e possibilitou apontar os alvos, folgas e comparativos (benchmarks) para cada talhão. Este estudo viabilizou a identificação das unidades mais eficientes, fornecendo ao tomador de decisão um poderoso conjunto de ferramentas para melhorar a eficiência da empresa rural.
8

APLICAÇÃO DE GESSO AGRÍCOLA E DE MOLIBDÊNIO NA CULTURA DA SOJA / PLASTER APPLICATION OF AGRICULTURAL AND MOLYBDENUM ON SOYBEAN CROP

Gelain, Evandro 25 February 2009 (has links)
Submitted by Cibele Nogueira (cibelenogueira@ufgd.edu.br) on 2016-08-30T17:28:00Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) EVANDROGELAIN.pdf: 403776 bytes, checksum: e2e4dc2009c57316931e2aa89fe578c5 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-08-30T17:28:00Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) EVANDROGELAIN.pdf: 403776 bytes, checksum: e2e4dc2009c57316931e2aa89fe578c5 (MD5) Previous issue date: 2009-02-25 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES / Besides being currently the second largest soybean producer in the world, Brazilian average productivity is high, thus, the correction and fertilization of soils, mainly in tropical savannas, which currently concentrates the largest areas of this legume cultivation, has great relevance, once there is frequent occurrence of high levels of Al and low Ca in this area. As this legume requires large amounts of nitrogen, another factor, which allows the crop to be economically competitive, is the biological nitrogen fixation, efficiently carried out by the bacteria of the genus Bradyrhizobium, once this legume requires great amount of nitrogen to obtain high productivity. The work was conducted under field conditions, no-tillage in rainfed conditions in the city of Maracaju-MS, this work aims evaluate the nodulation, biological nitrogen fixation, the nutrient content, grain yield of soybean under different doses of gypsum and molybdenum, and also the changes in chemical soil properties because of the use of gypsum. It has been used a randomized block design with five replications, arranged in a split plot, and the plots were four rates of gypsum (0, 1,000, 2,000 and 3,000 kg ha-1) and the split, four doses of molybdenum (0, 20, 40 and 60 g ha-1). The cultivar used for the experiment was the BRS Charrua RR. Soil samples were collected six months after treatment. There were no interaction effects on gypsum x Mo in grain yield of soybean. Mo increases the efficiency of biological nitrogen fixation, reflected in increases in foliar N, the dry mass of aerial part of the plant, mass of one hundred grains, grain yield and protein content of grains. The gypsum has promoted increased levels of calcium in the soil up to 60 cm depth, reduced the potassium content in the 0 to 20 cm, reduced levels of aluminum in depths of 40 to 80 cm and had no effect on grain yield soybean. / Além do Brasil ser atualmente o segundo maior produtor de soja do mundo, a produtividade média é alta. Dentro desse contexto, a correção e adubação dos solos, principalmente dos cerrados, onde atualmente se concentra as maiores áreas de cultivo desta leguminosa, assume um papel de relevância, pois nesta região é freqüente a ocorrência de altos teores de Al e baixos teores de Ca. Outro fator que permite a esta cultura ser competitiva economicamente é a fixação biológica do nitrogênio, realizada de forma eficiente pelas bactérias do gênero Bradyrhizobium, já que esta leguminosa necessita de grandes quantidades de nitrogênio para obtenção de altas produtividades. O trabalho foi conduzido a campo, sob sistema plantio direto, em condição de sequeiro, no Município de Maracaju-MS, com o objetivo de avaliar a nodulação, a fixação biológica do nitrogênio, os teores foliares de nutrientes e a produtividade de grãos da soja submetida a diferentes doses de gesso agrícola e molibdênio, e também as alterações dos atributos químicos do solo em função da utilização do gesso agrícola. Foi utilizado o delineamento experimental de blocos ao acaso, com cinco repetições, arranjado no esquema de parcelas subdivididas, sendo as parcelas representadas por quatro doses de gesso agrícola (0, 1.000, 2.000 e 3.000 kg ha-1) e as subparcelas, por quatro doses de molibdênio (0, 20, 40 e 60 g ha-1). A cultivar de soja utilizada para o experimento foi a BRS Charrua RR. O solo foi coletado seis meses após a aplicação dos tratamentos. Não houve efeitos da interação gesso x Mo na produtividade de grãos da cultura da soja. O Mo aumenta a eficiência da fixação biológica do nitrogênio, refletindo em aumentos no teor foliar de N, na massa seca da parte aérea, na massa de cem grãos, na produtividade e no teor de proteínas dos grãos. O gesso promoveu aumento nos teores de cálcio no solo até os 60 cm de profundidade, reduziu o teor de potássio na profundidade de 0 a 20 cm, reduziu os teores de alumínio nas profundidades de 40 a 80 cm e não influenciou na produtividade de grãos da cultura da soja.
9

ATRIBUTOS FISICOQUÍMICOS E ADSORÇÃO DE FÓSFORO NA FRAÇÃO ARGILA DE LATOSSOLOS VERMELHOS EM PRESENÇA DE ÁCIDO FÚLVICO / ATTRIBUTES PHYSICAL CHEMICAL AND MATCH ADSORPTION IN FRACTION CLAY RED LATOSOLS IN ACID PRESENCE FULVIC

Cessa, Raphael Maia Aveiro 28 March 2008 (has links)
Submitted by Cibele Nogueira (cibelenogueira@ufgd.edu.br) on 2016-08-30T17:51:20Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) RAPHAELCESSA.pdf: 1832725 bytes, checksum: 1def6510c511af3dd77d2abc95b51523 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-08-30T17:51:20Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) RAPHAELCESSA.pdf: 1832725 bytes, checksum: 1def6510c511af3dd77d2abc95b51523 (MD5) Previous issue date: 2008-03-28 / This study was conducted in the Dipartimento di Valorizzazione e Protezione delle Risorse Agroforestalle, located at the Facoltà Agrária of University of Torino, Italy, aiming to quantify the adsorption of P and evaluate the influence of the presence of fulvic acid on clay fractions extracted from Rhodic Ferrasol (LVDf) and Rhodic Hapludox (LVD) of the State of Mato Grosso do Sul, natural kaolinite few cristalinized (KGa2) and goethite (Gt) and hematite (Hm) synthetic. First the materials were characterized to the knowledge of their specific surface areas (SBET) and pore through adsorption isotherms of N2. The results for SBET and porosity of the particles were connected with adsorption maximum of P (P - Xmax) as determined by Langmuir model. To help the discussion of the data analysis was performed of the potential of electrostatic surface during the adsorption of P. The SBET of the clay fractions from LVDf and LVD were close together and higher when compared to Gt, Hm and KGa2. The class of predominant pores in the clay fractions of LVDf e and LVD was mesoporous. The fractions extracted clay soil and natural kaolinite were able to adsorve similar amounts of phosphorus (P) per unit area. This indicates that the mechanisms for such materials adsorption P were similar. The difference of values of P adsorption between the clay fractions extracted from soil and clay compared to the values observed for the synthetic oxides was attributed, possibly, to the quantities and types of distributions of OH groups on the surface of the constituents of these fractions, which command the electrochemical processes, and the grooves or imperfections such areas. The kaolinite, although the greater filossilicate on representation in clay fractions of LVDf and LVD, had lower participation on the phenomenon of adsorption of P. The P – Xmax in the presence of fulvic acid (AF) presents different dynamics in low and high concentration of P. The model adjusted to the Langmuir adsorption isotherms of P in the presence of AF was appropriate for the region of low concentration of P. Under high concentrations of P, the model doesn`t fit the Langmuir isotherms due to the fact that in this condition the P and AF have promoted dispersion and/or dissolution of the materials, and precipitation with iron and aluminum. Overall, the AF was able to reduce t the P adsorption on the materials. In low concentrations of P, the P – Xmax on the clay extracted from LVDf doesn`t depended of order incubation of P with AF, but the presence of AF. For the clay extracted from LVD, the orders of incubation with P and AF influenced the P – Xmax. In high concentrations of P, there was no influence of the orders of incubation for P and AF on the P adsorption of extracted clay from LVDf, and the P adsorption on the extracted clay from LVD depended of their order of incubation with the AF, as occurred in low concentrations of P. / Este estudo foi realizado no Dipartimento di Valorizzazione e Protezione delle Risorse Agroforestalle localizado na Facoltà Agrária da Università di Torino, Itália, com objetivo de quantificar a adsorção de P e avaliar a influência da presença de ácido fúlvico sobre frações argila extraídas de Latossolos Vermelhos Distroférrico (LVDf) e Distrófico (LVD) do Estado do Mato Grosso do Sul, caulinita natural pouco cristalinizada (KGa2) e goethita (Gt) e hematita (Hm) sintéticas. Primeiramente caracterizou-se os materiais para conhecimento de suas áreas superficiais específicas (SBET) e porosidade por meio de isotermas de adsorção de N2. Os resultados referentes a SBET e porosidade das partículas foram relacionados com adsorção máxima de P (P – Xmax), determinada pelo modelo Langmuir. Para auxiliar a discussão dos dados foram realizadas análises do potencial eletrostático de superfície durante a adsorção de P. A SBET das frações LVDf e LVD foram próximas entre si e maiores quando comparadas à Gt, Hm e KGa2. A classe de poros predominante nas frações LVDf e LVD foi de mesoporos. As frações argila extraídas dos solos e caulinita natural foram capazes de adsorver quantidades semelhantes de fósforo (P) por unidade de área. Isso indica que para esses materiais os mecanismos de adsorção de P foram semelhantes. A diferença dos valores de adsorção de P entre as frações argilas extraídas dos solos e caulina comparadas aos valores observados para os óxidos sintéticos foi atribuída possivelmente às quantidades e formas de distribuições dos grupamentos OH da superfície dos constituintes dessas frações, que comandam os processos eletroquímicos, bem como a vilosidade ou imperfeições dessas superfícies. A caulinita, embora tenha sido o filossilicato de maior representatividade nas frações argila de LVDf e LVD, teve menor importância sobre o fenômeno de adsorção de P. A adsorção máxima de fósforo (P) na presença de ácido fúlvico (AF) apresenta dinâmica diferente sob baixa e alta concentração de P. O modelo de Langmuir ajustado às isotermas de adsorção de P na presença de AF foi adequado para a região de baixa concentração de P. Sob altas concentrações de P, o modelo Langmuir não se ajustou às isotermas, devido ao fato, que nessa condição, o P e o AF tenham promovido dispersão e/ou solubilização dos materiais, bem como precipitação com ferro e alumínio. De maneira geral, o AF foi capaz de reduzir a adsorção de P nos materiais. Em baixas concentrações de P, a P – Xmax sobre a fração argila do Latossolo Vermelho Distroférrico (LVDf) não dependeu da ordem de incubação de P com AF, mas sim, da presença do AF. Para a fração argila do Latossolo Vermelho Distrófico (LVD), as ordens de incubação com P e AF influenciaram a P – Xmax. Em altas concentrações de P, não houve influencia das ordens de incubação de P e AF sobre a adsorção de P na fração argila do LVDf, e adsorção de P sobre a fração argila do LVD dependeu da sua ordem de incubação com o AF, como ocorrido para baixas concentrações de P.
10

DOSES DE CAMA-DE-FRANGO E FILEIRAS DE PLANTAS NA PRODUÇÃO DE MANDIOQUINHA-SALSA ‘AMARELA DE CARANDAÍ’ / PLANT DOSES OF BED-OF-CHICKEN AND ROWS IN PRODUCTION OF MADIOQUINHA-SALSA 'AMARELA DE CARANDAÍ'

Torales, Elissandra Pacito 21 February 2011 (has links)
Submitted by Cibele Nogueira (cibelenogueira@ufgd.edu.br) on 2016-08-31T14:22:53Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) ELISSANDRATORALES.pdf: 288364 bytes, checksum: 9d01422ebeffbadb916084e341e2263c (MD5) / Made available in DSpace on 2016-08-31T14:22:53Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) ELISSANDRATORALES.pdf: 288364 bytes, checksum: 9d01422ebeffbadb916084e341e2263c (MD5) Previous issue date: 2011-02-21 / The work was carried out in Dourados-MS, between March, 2007, and January, 2008, in Distroferric Red Latossol, very clay texture. The aim was to study ‘Amarela de Carandaí’ peruvian carrot that was cultivated in soil with chicken manure – DF (0, 5, 10, 15 and 20 t ha-1) and under two-2F or three-3F rows of plants per plot, which resulted in 66,000 and 99,000 plants ha-1. Those ten treatments were arranged as 5 x 2 factorial scheme in randomized block experimental design, with four replications. Harvests were done on 210 and 248 days after planting (DAP), when plants showed more than 50% of senescence of foliar part, respectively. Plant heights were not influenced significantly by CF doses neither by number of rows in harvest done on 210 DAP, with average of 30.70 cm. On 248 DAP, plant heights showed linear growth as a function of CF doses, which highest value was 24.20 cm under 20 t ha-1 of CF. Yields of fresh masses of leaves, crowns and shoots were influenced significantly by CF doses. The greatest yield, regarding to number of rows, were obtained under 3F on both two harvests. On 210 DAP, the greatest yield of commercial roots was 10.86 t ha-1 with the use of 16.36 t ha-1 of CF and, on 248 was 14.00 t ha-1 with the use of 20 t ha-1 of CF. Yields of fresh masses of non-commercial roots, on 210 DAP, dried mass of leaf and of commercial root on 248 DAP, were influenced significantly by chicken manure doses as soil covering and number of rows per plot interaction, and showed quadratic growth with different rates. In harvest done on 248 DAP, it was obtained the greatest yields of fresh mass of non-commercial roots (5.94 t ha-1) with the use of 14.86 t ha-1 of CF, and of dried mass of leaves, with 3F (2.11 t ha-1), and of commercial root with 2F (2.87 t ha-1) with dose of 20 t ha-1 of CF. Yields of dried mass of shoot and crown on 210 DAP and of crown and non-commercial root on 248 DAP were influenced significantly by chicken manure doses. The greatest accumulating of dried mass were 1.0 t ha-1 of shoots, with the use of 13.71 t ha-1 of CF; 1.22 t ha-1 of crown with 13.59 t ha-1 of CF, on 210 DAP and 1.18 t ha-1 of no-commercial root with the use of 13.98 t ha-1 of CF, on 248 DAP. The greatest yield of commercial roots of Peruvian carrot was obtained under three rows of plants, using 20 t ha-1 of chicken manure as soil covering, which harvest was done on 248 DAP, with 70% of senescence of aerial part. / O trabalho foi desenvolvido em Dourados-MS, entre março de 2007 e janeiro de 2008, em Latossolo Vermelho distroférrico, de textura muito argilosa. O objetivo foi estudar a mandioquinha-salsa ‘Amarela de Carandaí’, cultivada em solo com cama-de-frango-CF (0, 5, 10, 15 e 20 t ha-1) e sob duas-2F ou três fileiras-3F de plantas no canteiro, resultando em 66.000 e 99.000 plantas ha-1. Os dez tratamentos foram arranjados como fatorial 5 x 2, no delineamento experimental blocos casualizados, com quatro repetições. Foram realizadas colheitas aos 210 e 248 dias após o plantio (DAP), quando as plantas apresentavam mais de 50% e 70% de senescência da parte foliar, respectivamente. As alturas das plantas não foram influenciadas significativamente pelas doses de CF e nem pelo número de fileiras, na colheita aos 210 DAP, com média de 30,70 cm. Aos 248 DAP, a altura das plantas apresentou crescimento linear em função das doses de CF, sendo o maior valor 24,20 cm, sob 20 t ha-1 de CF. As produções de massas frescas de folhas, coroas e rebentos foram influenciadas significativamente pelas doses de CF. As maiores produções, quanto ao número de fileiras, foram obtidas sob 3F, nas duas colheitas. Aos 210 DAP, a maior produção de raízes comerciais foi de 10,86 t ha-1 com o uso de 16,36 t ha-1 de CF e, aos 248 DAP foi de 14,00 t ha-1, com o uso de 20 t ha-1 de CF. As produções de massas frescas de raiz não-comercial, aos 210 DAP, massa seca de folha e de raiz comercial aos 248 DAP, foram influenciadas significativamente pela interação doses de cama-de-frango em cobertura do solo e número de fileiras de plantas no canteiro, apresentando crescimento quadrático com taxas diferentes. Na colheita realizada aos 248 DAP obtiveram-se as maiores produções de massa fresca de raiz não-comercial (5,94 t ha-1), com o uso de 14,86 t ha-1 de CF, e de massa seca de folhas, com 3F (2,11 t ha-1), e de raiz comercial, com 2F (2,87 t ha-1) na dose de 20 t ha-1 de CF. As produções de massa seca de rebento e coroa aos 210 DAP e de coroa e raiz não-comercial aos 248 DAP foram influenciadas significativamente pelas doses de cama-de-frango. Os maiores acúmulos de massa seca foram de 1,0 t ha-1 de rebentos, com o uso de 13,71 t ha-1 de CF; de 1,22 t ha-1 de coroa com 13,59 t ha-1 de CF, aos 210 DAP e de 1,18 t ha-1 de raiz não-comercial com o uso de 13,98 t ha-1 de CF, aos 248 DAP. A maior produtividade de raízes comerciais da mandioquinha-salsa foi obtida sob três fileiras de plantas, utilizando 20 t ha-1 de cama-de-frango em cobertura do solo, realizando a colheita aos 248 DAP, com 70% de senescência da parte aérea.

Page generated in 0.0462 seconds