• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 16
  • Tagged with
  • 16
  • 16
  • 13
  • 12
  • 7
  • 6
  • 6
  • 5
  • 5
  • 4
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Comparação da resistência natural a endoparasitas e ectoparasitas em bovinos das raças Criola Lageana e Angus

Cardoso, Cristina Perito [UNESP] 25 October 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:31:28Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-10-25Bitstream added on 2014-06-13T19:20:32Z : No. of bitstreams: 1 cardoso_cp_dr_botfmvz.pdf: 1128230 bytes, checksum: beda813ceba29775170e003ab9fee808 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a resistência natural aos endoparasitas e ectoparasitas em bovinos da raça Crioula Lageana e meio-sangue Angus. Foram utilizados 10 machos castrados em cada grupo, desmamados (6-8 meses), mantidos juntos em pastagens cultivadas no município de Monte Castelo – SC. A cada 28 dias, fêmeas de carrapatos com tamanho acima de 4 mm foram quantificadas nos lados direito e esquerdo do corpo de cada animal. O mesmo foi feito para nódulos de Dermatobia hominis. A espessura da capa do pelame foi também avaliada a cada coleta e os animais foram classificados quanto à coloração do pelame. Foram coletadas amostras de fezes para realização de exames coproparasitológicos e de sangue para quantificação de anticorpos, bem como realizada a pesagem dos animais nessas mesmas ocasiões. Os animais foram abatidos e deles coletadas alíquotas dos conteúdos gastrintestinais para contagem e identificação dos parasitas. Os animais da raça Crioula Lageana apresentaram menores infestações por larvas de D. hominis e Rhipicephalus (Boophilus) microplus. Não houve diferença entre a disposição de carrapatos e bernes conforme os lados do corpo. Os animais de pelagem escura foram mais susceptíveis aos ectoparasitas. Não houve diferença significativa na carga parasitária entre animais da raça Crioula Lageana e meio-sangue Angus. A partir dos 18 meses de idade os animais de ambas as raças mantiveram baixos valores de OPG, dados que sugerem a aquisição de imunidade contra as infecções por nematódeos devido aos constantes desafios / This study was carried out to evaluate the natural breed resistance against nematode infections and ectoparasites infestations in Crioulo Lageano and crossbred Angus male calves. Ten weaned calves (6-8 months) were used in each group and were kept together in winter and summer pastures in Monte Castelo, Santa Catarina State. Every 28 days, female ticks more then 4 mm long were counted on the right and left side of the body of each animal, as well as the Dermatobia hominis nodules. Coat thickness also was measured at each sampling and all animals were classified according coat color. Fecal and blood samples were collected for parasitological and immunological tests. Body weight was recorded in the same occasion. All animals were slaughtered and gastrointestinal contents were collected from each individual for quantification and identification of parasites. Crioulo Lageano group was less infested by D. hominis and by Rhipicephalus (Boophilus) microplus. There were no differences in the distribution of the ticks and grubs between animal body sides. Dark-haired animal in both groups were the most susceptible. There were no significant differences in worm burden between the Crioula and crossbred Angus groups. From 18 months of age, Crioula Lageana and crossbred Angus animals kept low fecal egg counts. These data suggest that the animals acquired immunity resistance against nematode infections, due to constant challenges
2

Caracterização da inibição da proteína glicogênio sintase quinase 3B de Rhipicephalus microplus

Schuler, Aline Domingues January 2014 (has links)
O Rhipicephalus microplus é um parasita obrigatório hematófago, monoxeno, que gera grande impacto econômico a partir da ação espoliativa sobre o seu hospedeiro preferencial. A glicogênio sintase quinase 3 (GSK-3), uma proteína altamente conservada e ubiquamente expressa entre diversas espécies, foi identificada no carrapato bovino sob a isoforma GSK-3β. Envolvida na modulação da atividade da proteína glicogênio sintase, como um agente regulador da síntese de glicogênio, essa proteína atua no metabolismo energético do R. microplus. A GSK-3 também está envolvida na via de sinalização Wnt, e por isso, já foi descrita como uma quinase essencial para a formação do embrião, estando diretamente envolvida no processo reprodutivo deste carrapato. Neste contexto, a GSK-3β é uma candidata para o desenvolvimento de novas alternativas de controle do carrapato bovino. Dessa forma, o objetivo desse trabalho foi estudar a participação da proteína GSK-3β na fisiologia do R. microplus a partir da inibição de sua atividade. Ensaios in vitro e in vivo foram realizados para testar a inibição química e imunológica da atividade dessa proteína. Anticorpos contra peptídeos sintéticos baseados na sequência da GSK-3β (anti- SRm0218 e anti-SRm86100) usados neste trabalho não foram capazes de inibir a atividade dessa proteína, no entanto, a inibição da GSK-3β foi alcançada quando células embrionárias de R. microplus foram submetidas à inibição química, por meio de um inibidor específico. Este resultado sustenta o potencial dessa proteína como alvo para o desenvolvimento de uma alternativa de controle do carrapato bovino, pois a sua inibição possivelmente atuaria negativamente na capacidade reprodutiva do carrapato R. microplus. / Rhipicephalus microplus is a monogenetic, hematophagous ectoparasite that has a large economic impact due to associated losses in the cattle industry. Glycogen synthase kinase 3 (GSK-3) is a highly conserved and ubiquitously expressed protein in several species. It has been identified as GSK-3β isoform in the cattle tick, and is involved in the modulation of glycogen synthase activity, as a regulator of glycogen synthesis with a role in energy metabolism of R. microplus. GSK-3β is also involved in the Wnt signaling pathway. It is a fundamental kinase for embryo development, and is directly linked with R. microplus reproductive process. Thus, the aim of this study was to investigate the role of GSK-3β in R. microplus physiology by inhibiting its activity. In vitro and in vivo assays were carried out to test its immunological and chemical inhibition. Rabbit antibodies against synthetic peptides based on GSK-3β sequence (anti-SRm0218 and anti-SRm86100) used in this work were not capable to inhibit GSK- 3β activity, but GSK-3β inhibition was reached when R. microplus embryo cells were cultivated with a specific inhibitor. This result supports the potential of this protein as a target to develop a new cattle tick control method, because its inhibition probably acts detrimentally in the reproductive capacity of the tick.
3

Caracterização da inibição da proteína glicogênio sintase quinase 3B de Rhipicephalus microplus

Schuler, Aline Domingues January 2014 (has links)
O Rhipicephalus microplus é um parasita obrigatório hematófago, monoxeno, que gera grande impacto econômico a partir da ação espoliativa sobre o seu hospedeiro preferencial. A glicogênio sintase quinase 3 (GSK-3), uma proteína altamente conservada e ubiquamente expressa entre diversas espécies, foi identificada no carrapato bovino sob a isoforma GSK-3β. Envolvida na modulação da atividade da proteína glicogênio sintase, como um agente regulador da síntese de glicogênio, essa proteína atua no metabolismo energético do R. microplus. A GSK-3 também está envolvida na via de sinalização Wnt, e por isso, já foi descrita como uma quinase essencial para a formação do embrião, estando diretamente envolvida no processo reprodutivo deste carrapato. Neste contexto, a GSK-3β é uma candidata para o desenvolvimento de novas alternativas de controle do carrapato bovino. Dessa forma, o objetivo desse trabalho foi estudar a participação da proteína GSK-3β na fisiologia do R. microplus a partir da inibição de sua atividade. Ensaios in vitro e in vivo foram realizados para testar a inibição química e imunológica da atividade dessa proteína. Anticorpos contra peptídeos sintéticos baseados na sequência da GSK-3β (anti- SRm0218 e anti-SRm86100) usados neste trabalho não foram capazes de inibir a atividade dessa proteína, no entanto, a inibição da GSK-3β foi alcançada quando células embrionárias de R. microplus foram submetidas à inibição química, por meio de um inibidor específico. Este resultado sustenta o potencial dessa proteína como alvo para o desenvolvimento de uma alternativa de controle do carrapato bovino, pois a sua inibição possivelmente atuaria negativamente na capacidade reprodutiva do carrapato R. microplus. / Rhipicephalus microplus is a monogenetic, hematophagous ectoparasite that has a large economic impact due to associated losses in the cattle industry. Glycogen synthase kinase 3 (GSK-3) is a highly conserved and ubiquitously expressed protein in several species. It has been identified as GSK-3β isoform in the cattle tick, and is involved in the modulation of glycogen synthase activity, as a regulator of glycogen synthesis with a role in energy metabolism of R. microplus. GSK-3β is also involved in the Wnt signaling pathway. It is a fundamental kinase for embryo development, and is directly linked with R. microplus reproductive process. Thus, the aim of this study was to investigate the role of GSK-3β in R. microplus physiology by inhibiting its activity. In vitro and in vivo assays were carried out to test its immunological and chemical inhibition. Rabbit antibodies against synthetic peptides based on GSK-3β sequence (anti-SRm0218 and anti-SRm86100) used in this work were not capable to inhibit GSK- 3β activity, but GSK-3β inhibition was reached when R. microplus embryo cells were cultivated with a specific inhibitor. This result supports the potential of this protein as a target to develop a new cattle tick control method, because its inhibition probably acts detrimentally in the reproductive capacity of the tick.
4

COMPOSIÇÃO QUÍMICA E AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE CARRAPATICIDA DO ÓLEO ESSENCIAL DE Cinnamomun zeylanicum NO CONTROLE DE Rhipicephalus microplus / CHEMICAL COMPOSITION AND EVALUATION OF THE TICK ACTIVITY OF ESSENTIAL OIL Cinnamomun zeylanicum IN THE CONTROL OF Rhipicephalus microplus

Monteiro, Ildenice Nogueira 29 July 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2016-08-19T12:56:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertacao Ildenice.pdf: 920741 bytes, checksum: cb605055b3e79b9a2a27421635da66c0 (MD5) Previous issue date: 2013-07-29 / The oil constituent of Cinnamomum zeylanicum were identified by gas chromatography-mass spectrometry (GC-MS). The essential oil activity were also evaluated against larvae and engorged females Rhipicephalus microplus(cattle tick). The leaves oil showed a yeld of 1.03% and its main constituints were benzyl benzoate (65.39%), linalool (5.37%), E-cinnamaldeyde (3.97%), α-Pinene (3.95%), β-phellandrene (3.42%), Eugenol (3.36%) e Benzaldeyde (2.68%), corresponding approximately to 88% of the oil. Test package larvae and immersion test of engorged were performed. Similar tests were also performed for the standard benzyl benzoate, the main component of the essential oil. Lethal concentrations of the larvae test were 1.005 mg.mLˉ¹ and 3.368 mg.mLˉ¹ for the essential oil and the standard benzyl benzoate respectively, thus demonstrating that the oil had a better larvicidal activity against the R. microplus. As for the adult immersion test, it was observed that both the essential oil and the standard benzyl benzoate did not cause mortality in direct engorged female R. microplus, but interfered with the process of reproduction of ticks, causing a decrease in egg production and decreased hatchability and mortality of larvae, so thus presenting partial control over the cattle tick. / Os constituintes do óleo de Cinnamomum zeylanicum foram identificados por cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massas (CG-EM). Também foi avaliada a atividade deste óleo essencial contra larvas e fêmeas de Rhipicephalus microplus (carrapato bovino). O óleo das folhas mostrou um rendimento de 1,03% e seus principais constituintes foram Benzoato de Benzila (65,39%), Linalol (5,37%), E-Cinamaldeido (3,97%), α-Pineno (3,95%), β-Felandreno (3,42%), Eugenol (3,36%) e Benzaldeido (2,68%), correspondendo aproximadamente a 88% do óleo. Teste de pacote de larvas e teste de imersão de fêmeas ingurgitadas foram realizados. Testes semelhantes também foram feitos para o padrão Benzoato de Benzila, componente principal do óleo essencial. As concentrações letais do teste de larvas foram de 1,005 mg.mLˉ¹ e 3,368 mg.mLˉ¹ para o óleo essencial e para o padrão Benzoato de Benzila, respectivamente, demonstrando assim que o óleo teve uma melhor atividade larvicida contra o R. microplus. Já para o teste de imersão de adultos, foi observado que, tanto o óleo essencial como o padrão Benzoato de Benzila não ocasionaram mortalidade direta nas fêmeas ingurgitadas de R. microplus, mas interferiram no processo de reprodução dos carrapatos, ocasionando diminuição na produção de ovos e diminuição na eclodibilidade e mortalidade das larvas, portanto, apresentando assim, um controle parcial sobre o carrapato bovino.
5

Bases moleculares da resistência a ivermectina em Rhipicephalus (Boophilus) microplus / Molecular bases of ivermectin resistance in Rhipicephalus (Boophilus) microplus

Valeria Lis Le Gall 03 November 2016 (has links)
O carrapato do boi Rhipicephalus microplus é um ectoparasita de bovinos de grande importância sanitária e econômica, que produz grandes prejuízos na bovinocultura do Brasil. O uso de ivermectina como meio de controle químico, ao longo dos anos, levou à seleção de linhagens de R. microplus resistentes a ivermectina. A consequência desse processo é a perda da eficácia do acaricida. Este trabalho teve por objetivo determinar as bases moleculares da resistência a ivermectina. Para o estudo dos mecanismos envolvidos na resistência a ivermectina de R. microplus foram utilizadas duas cepas de referência: a cepa Mozo, suscetível a ivermectina, e a cepa Juarez, resistente, e duas abordagens experimentais complementares: ensaios enzimáticos com sinergistas e estudos de expressão gênica por meio de sequenciamento massivo em paralelo do RNA ou RNA-Seq. Os resultados deste trabalho permitem afirmar que o mecanismo de desintoxicação metabólica de maior importância é mediado por transportadores ABC, seguido de esterases, glutation-S-transferases e citocromo-oxidases. As diferenças de expressão gênica observadas entre as cepas, e dentro das cepas a diferentes concentrações de ivermectina, confirmam os resultados e permitem concluir que R. microplus apresenta uma resposta poligênica à ivermectina / The cattle tick Rhipicephalus microplus is one of the most important ectoparasites with great sanitary and economic importance for cattle rearing in Brazil. Ivermectin is a drug used in the chemical control of R. microplus. The utilization of ivermectin in the last 30 years has led to the selction of resistant populations of R. microplus, and thus, the loss of efficacy in the cattle tick control. To study the molecular basis of ivermectin resistance in R. microplus, two strains of ticks were used: the susceptible strain Mozo, and the resistant strain Juarez. Two complementary approaches were carried out: enzimatic assays using sinergists and gene expression studies using massive parallel sequencing of RNA or RNA-Seq. The results of this work indicate the involvement of various mechanisms of metabolic resistance. Detoxification mechanisms mediated by ABC transporters are probably the most important. Esterases, gluthathion-S-transferases and citochrome-oxidases play a less important role in detoxification. Differences in gene expression were observed between strains and among samples of the same strain exposed to different concentrations of ivermectin, confirming the result with the assays. Hence, the response of R. microplus to ivermectin is, probably, complex and poligenic
6

Comparação da resistência natural a endoparasitas e ectoparasitas em bovinos das raças Criola Lageana e Angus /

Cardoso, Cristina Perito. January 2011 (has links)
Orientador: Alessandro Francisco Talamini do Amarante / Banca: Lucia Helena O'Dwyer de Oliveira / Banca: Elizabeth Moreira dos Santos Shmidt / Banca: Vamilton Alvares Santarém / Banca: Ricardo Velludo Gomes de Soutello / Resumo: Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a resistência natural aos endoparasitas e ectoparasitas em bovinos da raça Crioula Lageana e meio-sangue Angus. Foram utilizados 10 machos castrados em cada grupo, desmamados (6-8 meses), mantidos juntos em pastagens cultivadas no município de Monte Castelo - SC. A cada 28 dias, fêmeas de carrapatos com tamanho acima de 4 mm foram quantificadas nos lados direito e esquerdo do corpo de cada animal. O mesmo foi feito para nódulos de Dermatobia hominis. A espessura da capa do pelame foi também avaliada a cada coleta e os animais foram classificados quanto à coloração do pelame. Foram coletadas amostras de fezes para realização de exames coproparasitológicos e de sangue para quantificação de anticorpos, bem como realizada a pesagem dos animais nessas mesmas ocasiões. Os animais foram abatidos e deles coletadas alíquotas dos conteúdos gastrintestinais para contagem e identificação dos parasitas. Os animais da raça Crioula Lageana apresentaram menores infestações por larvas de D. hominis e Rhipicephalus (Boophilus) microplus. Não houve diferença entre a disposição de carrapatos e bernes conforme os lados do corpo. Os animais de pelagem escura foram mais susceptíveis aos ectoparasitas. Não houve diferença significativa na carga parasitária entre animais da raça Crioula Lageana e meio-sangue Angus. A partir dos 18 meses de idade os animais de ambas as raças mantiveram baixos valores de OPG, dados que sugerem a aquisição de imunidade contra as infecções por nematódeos devido aos constantes desafios / Abstract: This study was carried out to evaluate the natural breed resistance against nematode infections and ectoparasites infestations in Crioulo Lageano and crossbred Angus male calves. Ten weaned calves (6-8 months) were used in each group and were kept together in winter and summer pastures in Monte Castelo, Santa Catarina State. Every 28 days, female ticks more then 4 mm long were counted on the right and left side of the body of each animal, as well as the Dermatobia hominis nodules. Coat thickness also was measured at each sampling and all animals were classified according coat color. Fecal and blood samples were collected for parasitological and immunological tests. Body weight was recorded in the same occasion. All animals were slaughtered and gastrointestinal contents were collected from each individual for quantification and identification of parasites. Crioulo Lageano group was less infested by D. hominis and by Rhipicephalus (Boophilus) microplus. There were no differences in the distribution of the ticks and grubs between animal body sides. Dark-haired animal in both groups were the most susceptible. There were no significant differences in worm burden between the Crioula and crossbred Angus groups. From 18 months of age, Crioula Lageana and crossbred Angus animals kept low fecal egg counts. These data suggest that the animals acquired immunity resistance against nematode infections, due to constant challenges / Doutor
7

Bases moleculares da resistência a ivermectina em Rhipicephalus (Boophilus) microplus / Molecular bases of ivermectin resistance in Rhipicephalus (Boophilus) microplus

Le Gall, Valeria Lis 03 November 2016 (has links)
O carrapato do boi Rhipicephalus microplus é um ectoparasita de bovinos de grande importância sanitária e econômica, que produz grandes prejuízos na bovinocultura do Brasil. O uso de ivermectina como meio de controle químico, ao longo dos anos, levou à seleção de linhagens de R. microplus resistentes a ivermectina. A consequência desse processo é a perda da eficácia do acaricida. Este trabalho teve por objetivo determinar as bases moleculares da resistência a ivermectina. Para o estudo dos mecanismos envolvidos na resistência a ivermectina de R. microplus foram utilizadas duas cepas de referência: a cepa Mozo, suscetível a ivermectina, e a cepa Juarez, resistente, e duas abordagens experimentais complementares: ensaios enzimáticos com sinergistas e estudos de expressão gênica por meio de sequenciamento massivo em paralelo do RNA ou RNA-Seq. Os resultados deste trabalho permitem afirmar que o mecanismo de desintoxicação metabólica de maior importância é mediado por transportadores ABC, seguido de esterases, glutation-S-transferases e citocromo-oxidases. As diferenças de expressão gênica observadas entre as cepas, e dentro das cepas a diferentes concentrações de ivermectina, confirmam os resultados e permitem concluir que R. microplus apresenta uma resposta poligênica à ivermectina / The cattle tick Rhipicephalus microplus is one of the most important ectoparasites with great sanitary and economic importance for cattle rearing in Brazil. Ivermectin is a drug used in the chemical control of R. microplus. The utilization of ivermectin in the last 30 years has led to the selction of resistant populations of R. microplus, and thus, the loss of efficacy in the cattle tick control. To study the molecular basis of ivermectin resistance in R. microplus, two strains of ticks were used: the susceptible strain Mozo, and the resistant strain Juarez. Two complementary approaches were carried out: enzimatic assays using sinergists and gene expression studies using massive parallel sequencing of RNA or RNA-Seq. The results of this work indicate the involvement of various mechanisms of metabolic resistance. Detoxification mechanisms mediated by ABC transporters are probably the most important. Esterases, gluthathion-S-transferases and citochrome-oxidases play a less important role in detoxification. Differences in gene expression were observed between strains and among samples of the same strain exposed to different concentrations of ivermectin, confirming the result with the assays. Hence, the response of R. microplus to ivermectin is, probably, complex and poligenic
8

Caracterização da inibição da proteína glicogênio sintase quinase 3B de Rhipicephalus microplus

Schuler, Aline Domingues January 2014 (has links)
O Rhipicephalus microplus é um parasita obrigatório hematófago, monoxeno, que gera grande impacto econômico a partir da ação espoliativa sobre o seu hospedeiro preferencial. A glicogênio sintase quinase 3 (GSK-3), uma proteína altamente conservada e ubiquamente expressa entre diversas espécies, foi identificada no carrapato bovino sob a isoforma GSK-3β. Envolvida na modulação da atividade da proteína glicogênio sintase, como um agente regulador da síntese de glicogênio, essa proteína atua no metabolismo energético do R. microplus. A GSK-3 também está envolvida na via de sinalização Wnt, e por isso, já foi descrita como uma quinase essencial para a formação do embrião, estando diretamente envolvida no processo reprodutivo deste carrapato. Neste contexto, a GSK-3β é uma candidata para o desenvolvimento de novas alternativas de controle do carrapato bovino. Dessa forma, o objetivo desse trabalho foi estudar a participação da proteína GSK-3β na fisiologia do R. microplus a partir da inibição de sua atividade. Ensaios in vitro e in vivo foram realizados para testar a inibição química e imunológica da atividade dessa proteína. Anticorpos contra peptídeos sintéticos baseados na sequência da GSK-3β (anti- SRm0218 e anti-SRm86100) usados neste trabalho não foram capazes de inibir a atividade dessa proteína, no entanto, a inibição da GSK-3β foi alcançada quando células embrionárias de R. microplus foram submetidas à inibição química, por meio de um inibidor específico. Este resultado sustenta o potencial dessa proteína como alvo para o desenvolvimento de uma alternativa de controle do carrapato bovino, pois a sua inibição possivelmente atuaria negativamente na capacidade reprodutiva do carrapato R. microplus. / Rhipicephalus microplus is a monogenetic, hematophagous ectoparasite that has a large economic impact due to associated losses in the cattle industry. Glycogen synthase kinase 3 (GSK-3) is a highly conserved and ubiquitously expressed protein in several species. It has been identified as GSK-3β isoform in the cattle tick, and is involved in the modulation of glycogen synthase activity, as a regulator of glycogen synthesis with a role in energy metabolism of R. microplus. GSK-3β is also involved in the Wnt signaling pathway. It is a fundamental kinase for embryo development, and is directly linked with R. microplus reproductive process. Thus, the aim of this study was to investigate the role of GSK-3β in R. microplus physiology by inhibiting its activity. In vitro and in vivo assays were carried out to test its immunological and chemical inhibition. Rabbit antibodies against synthetic peptides based on GSK-3β sequence (anti-SRm0218 and anti-SRm86100) used in this work were not capable to inhibit GSK- 3β activity, but GSK-3β inhibition was reached when R. microplus embryo cells were cultivated with a specific inhibitor. This result supports the potential of this protein as a target to develop a new cattle tick control method, because its inhibition probably acts detrimentally in the reproductive capacity of the tick.
9

Resistência de Rhipicephalus microplus a associações comerciais de organofosforados e piretroides sintéticos no estado do Rio Grande do Sul, Brasil / Resistance of Rhipicephalus microplus to commercial associations of organophosphors and synthetic pyretroides in the state of Rio Grande do Sul, Brazil

Reginato, Caroline Zamperete 19 December 2016 (has links)
Rhiphicephalus microplus is one of the main ectoparasites of cattle in regions of tropical and subtropical climate. The economic losses caused by this parasite are related to treatment costs, decreased productivity and disease transmission. Currently the use of chemical products is still the most common form of control of the cattle tick, however, its use in an inadequate and suppressive way, has been causing the development of resistance to different classes of commercially available acaricides. Thus, the control of this parasite has been characterized by presenting a great challenge for technicians and producers. An alternative to tick control is the association of two different pharmacological bases, and currently this form of presentation is widely found commercially. The objective of this work is to describe the evaluation of the effectiveness of organophosphates and synthetic pyrethroids based on different combinations of R. microplus in the state of Rio Grande do Sul, Brazil. For this, 54 samples of cattle farms were collected, located in different municipalities of the state of Rio Grande do Sul. The evaluation of the in vitro efficacy of the acaricides tested was performed through the adult immersion test (AIT). In order to carry out the tests, four commercially available products were chosen: Ectoparasiticide A - 15% cypermethrin + 25% chlorpyrifos + 1% citronellal - (Colosso®, Ouro Fino Animal Health), Ectoparasiticide B - 15% cypermethrin + 30% chlorpyrifos + 15% fenthion - (Colosso FC30®, Ouro Fino Animal Health), Ectoparasiticide C - 50% chlorpyriphos + 6% cypermethrin high-cis - (Flytion®, Clarion Biosciences Ltda.) and Ectoparasiticide D - 16% ethion + 8.5% chlorpyriphos + 5% alpha-cypermethrin - (Potenty®, MSD Animal Health). The cypermethrin/ chlorpyrifos/ fenthion combination showed the best results, with an average efficiency greater than 95%, being effective in 94.44% (51/54) of the tested farms. The product containing the cypermethrin / chlorpyrifos / citronellal combination had a lower mean efficacy (62.11%), being effective in only 29.62% (16/54) of the properties tested. R. microplus presents different degrees of resistance to the association of organophosphates and synthetic pyrethroids, and multiple resistance was observed in most of the populations studied. Only the cypermethrin/ chlorpyrifos/ fenthion combination showed acceptable mean levels of efficacy in the tick populations studied. In this way, it is essential to establish a frequent monitoring of the effectiveness of the carrapaticides used, in order to prolong their useful life, contributing to their rational use for tick control in cattle. / Rhiphicephalus microplus é um dos principais ectoparasitas de bovinos em regiões de clima tropical e subtropical. As perdas econômicas que este parasita causa, estão relacionadas aos custos com tratamento, diminuição da produtividade e transmissão de doenças. Atualmente o uso de produtos químicos ainda é a forma mais comum de controle do carrapato bovino, no entanto, seu uso de maneira inadequada e supressiva, vem causando o desenvolvimento de resistência às diferentes classes de acaricidas disponíveis comercialmente. Assim, o controle deste parasita tem se caraterizado por apresentar um grande desafio para técnicos e produtores. Uma alternativa ao controle do carrapato é a associação de duas bases farmacológicas diferentes, sendo que atualmente esta forma de apresentação é amplamente encontrada a nível comercial. O objetivo deste trabalho é descrever a avaliação da eficácia de associações carrapaticidas, a base de organofosforados e piretroides sintéticos, em diferentes populações de R. microplus no estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Para isto, foram coletadas amostras de carrapatos de 54 propriedades, localizadas em diferentes municípios do estado do Rio Grande do Sul. A avaliação da eficácia in vitro dos acaricidas testados foi realizada através do teste de imersão de teleóginas (bicarrapaticidograma). Para a realização dos testes, foram escolhidos quatro produtos comercialmente disponíveis, sendo eles denominados: Produto A - 15% cipermetrina + 25% cloripirifós + 1% citronelol - (Colosso®, Ouro Fino Saúde Animal), Produto B - 15% cipermetrina + 30% cloripirifós + 15% fenthion - (Colosso FC30®, Ouro Fino Saúde Animal), Produto C - 50% cloripirifós + 6% cipermetrina high-cis - (Flytion®, Clarion Biosciences Ltda.), Produto D - 16% ethion + 8.5% cloripirifós + 5% alfa-cipermetrina - (Potenty®, MSD Saúde Animal). A associação de cipermetrina/clorpirifós/fenthion, apresentou os melhores resultados, com eficácia média superior a 95%, sendo eficaz em 94,44% (51/54) das propriedades testadas. O produto contendo a associação de cipermetrina/clorpirifós/citronelal, apresentou menor eficácia média (62,11%), sendo eficaz em apenas 29,62% (16/54) das propriedades testadas. R. microplus, apresenta diferentes graus de resistência à associação de organofosforados e piretroides sintéticos, sendo observado resistência múltipla em boa parte das populações estudadas. Apenas a combinação de cipermetrina/clorpirifos/fenthion apresentou níveis médios aceitáveis de eficácia nas populações de carrapato estudadas. Desta maneira, é fundamental estabelecer um monitoramento frequente da eficácia dos carrapaticidas utilizados, a fim de prolongar sua vida útil, contribuindo para o seu uso racional para o controle do carrapato em bovinos.
10

Desenvolvimento e avaliação in vitro da eficácia carrapaticida de formulações de contato à base dos óleos essenciais de Cymbopogon winterianus, Syzygium aromaticum e Rosmarinus officinalis

Mello, Valéria de 21 July 2014 (has links)
Submitted by Renata Lopes (renatasil82@gmail.com) on 2016-02-16T18:15:18Z No. of bitstreams: 1 valeriademello.pdf: 1398962 bytes, checksum: 8f98bff81bd61634bb2f3b2081f6a2db (MD5) / Approved for entry into archive by Adriana Oliveira (adriana.oliveira@ufjf.edu.br) on 2016-02-26T12:40:49Z (GMT) No. of bitstreams: 1 valeriademello.pdf: 1398962 bytes, checksum: 8f98bff81bd61634bb2f3b2081f6a2db (MD5) / Made available in DSpace on 2016-02-26T12:40:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 valeriademello.pdf: 1398962 bytes, checksum: 8f98bff81bd61634bb2f3b2081f6a2db (MD5) Previous issue date: 2014-07-21 / CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / O carrapato dos bovinos, Rhipicephalus (Boophilus) microplus (Canestrini 1887) é responsável por sérios prejuízos à pecuária brasileira, considerando-se os custos do controle, perda de receita devido a menor produção de leite e carne, danos ao couro, além da transmissão de doenças. A utilização de plantas medicinais é considerada uma alternativa a resistência recorrente aos produtos químicos. Diante da necessidade de alternativas eficazes e com menores impactos ambientais o objetivo desse estudo foi desenvolver formulações de contato contendo os óleos essenciais das plantas Citronela-de-Java (Cymbopogon winterianus), Cravo-da-índia (Syzygium aromaticum) e Alecrim-da-horta (Rosmarinus officinalis) e avaliar in vitro os efeitos acaricidas em diferentes etapas do ciclo do carrapato. Para tanto foram utilizadas concentrações que variaram de 0,5 – 15,0% dos óleos essenciais incorporados nas formulações. Os carrapatos provenientes de diferentes regiões geográficas foram tratados com as formulações e avaliados os efeitos das mesmas sobre o índice de produção de ovos, a eclosão larval e a eficácia carrapaticida. Os resultados obtidos foram comparados com produtos acaricidas comerciais. Após o 20º dia do tratamento as formulações contendo o óleo essencial de citronela tiveram eficácia acaricida entre 2,09 – 55,51%, com o óleo essencial de cravo-da-índia, 92,47 - 100% e 26,44 - 40,78% com o óleo essencial de alecrim. Na associação dos óleos essenciais obteve-se eficiência de 84,68 – 90,73% para a associação do cravo-da-índia com o óleo essencial de citronela e 30,54 – 64,25% na associação de citronela com o alecrim. Os resultados demonstraram a atividade carrapaticida das formulações testadas, quando comparadas com os produtos químicos utilizados pelos produtores. Estudos in vivo necessitam ser realizados para validar a eficiência das formulações em condições de campo, visando a utilização desses produtos como uma alternativa para o controle do carrapato bovino. / The cattle tick, Rhipicephalus (Boophilus) microplus (Canestrini 1887) is responsible for serious losses to Brazilian cattle, considering the costs of control, loss of revenue due to lower production of milk and meat, leather damage, beyond the transmission of diseases. The use of medicinal plants is considered an alternative to the applicant chemical resistance. Facing the necessity to effective alternatives with lower environmental impacts, the objective of this study was to develop contacts´ formulations containing essential oils of Citronella (Cymbopogon winterianus), Clove (Syzygium aromaticum) and Rosemary (Rosmarinus officinalis) plants and evaluate in vitro acaricidal effects on different stages of the cycle of the tick. For this purpose, concentrations were used ranging from 0.5 - 15.0% of essential oils incorporated into the formulations. Ticks from different geographic regions were treated with the formulations and their effects on the rate of egg production, larval hatching and its efficiency on ticks were evaluated. The results were compared with chemistry acaricidal products. After the 20th day of treatment formulations containing the citronella´s essential oil had acaricidal efficacy between 2.09 to 55.51 %, with the clove´s essential clove, 92.47 to 100% and 26.44 to 40,78 % with rosemary´s essential oil. The association of clove essential oil with citronella essential oil obtained efficiency from 84.68 to 90.73% and for the association of citronella oil with rosemary oil, was 30.54 to 64.25%. The results showed the acaricidal activity of the tested formulations when compared to the chemicals acaricidal products. In vivo studies need to be conducted to validate the efficiency of the formulations under field conditions in order to use these products as an alternative for the control of cattle tick.

Page generated in 0.0705 seconds