• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 1015
  • 21
  • 18
  • 8
  • 4
  • 2
  • 1
  • Tagged with
  • 1087
  • 492
  • 254
  • 208
  • 197
  • 196
  • 150
  • 143
  • 143
  • 143
  • 142
  • 130
  • 96
  • 90
  • 89
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Modelos de explicação historica

Teixeira, João de Fernandes 1982 (has links)
Orientador: Michel Maurice Debrun Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas O exemplar CLE pertence a coleção Michel Debrun. Made available in DSpace on 2018-07-13T21:25:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Teixeira_JoaodeFernandes_M.pdf: 28448448 bytes, checksum: 2a84b197c2949b98b355e63573f9ef6a (MD5) Previous issue date: 1982 Resumo: Trata-se de um trabalho na área de Epistemologia das Ciências Humanas focalizando em especial problemas pertinentes a Epistemologia da História. Nosso ponto de partida ¿ constitui uma análise e discussão da tese segundo a qual a sucessão dos eventos históricos constitui uma cadeia de processos regidos por leis gerais. Este ponto de vista, sustentado por C.G.Hempel serve de fio condutor para esta dissertação na medida em que nele esta contida a proposta de que a conduta humana pode ser explicada como uma regularidade causal. A exposição dos principais contra argumentos a proposta hempeliana, elaborados por W. Dray e G.G. von Wright encerra a primeira etapa da dissertação (Cap.1). Estes contra-argumentos baseiam-se sobretudo na tese de que o comportamento humano obedece a uma estrutura teleológica. No cap.2 apresentamos o modelo de explicação histórica proposto por M. Weber. Este modelo é apresentado como uma tentativa de solução para os problemas esboçados na etapa anterior, em especial para o conflito causalidade/teleologia. Neste sentido, o esquema de explicação weberiano pode ser considerado como um modelo satisfatório de explicação histórica, especialmente na medida em que nele são introduzidos os chamados ¿modelos imaginários¿. No cap.3 examinamos alguns problemas que dizem respeito à elaboração dos modelos imaginários weberianos. Estes problemas dizem respeito ao estatuto e natureza dos enunciados que expressam regularidades do comportamento histórico sugerimos então que a metodologia weberiana deve ser suplementada pela introdução do conceito de invariante histórico Abstract: Not informed. Mestrado Mestre em Filosofia
2

Sobre Conceptos: Atomismo Informacional

Rodríguez Tudor, Manuel 2006 (has links)
Lo expuesto en el presente trabajo puede resumirse como un intento de evaluar las teorías de conceptos más relevantes en ciencia cognitiva. Dichas teorías asumen como principio explicativo básico que la cognición consiste en procesos mentales que se realizan sobre representaciones. Se enmarcan dentro de lo que en el campo se denomina Teoría Representacional de la Mente (TRM). La TRM es el intento de reivindicar, dentro de un marco científico aceptable, la Psicología Popular, esto es, aquella explicación de la conducta que apela a los estados intencionales ―creencias, deseos e intenciones― de los individuos como factores causales de la conducta observable.
3

Por uma compreensão conceitual de metodologia : textos científicos em encontros referenciais na Comunicação For a conceptual understanding of methodology : scientific texts in referential meetings in Communication

Barth, Daiani Ludmila 21 February 2018 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Comunicação, Programa de pós-graduação em Comunicação, 2018. Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2018-05-07T21:17:48Z No. of bitstreams: 1 2017_DaianiLudmilaBarth.pdf: 2545426 bytes, checksum: e8f027cc7b27743cd331cdb1a24973fc (MD5) Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-05-15T19:39:53Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_DaianiLudmilaBarth.pdf: 2545426 bytes, checksum: e8f027cc7b27743cd331cdb1a24973fc (MD5) Made available in DSpace on 2018-05-15T19:39:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_DaianiLudmilaBarth.pdf: 2545426 bytes, checksum: e8f027cc7b27743cd331cdb1a24973fc (MD5) Previous issue date: 2018-05-15 A contribuição original ao conhecimento desse trabalho situa-se na compreensão conceitual metodológica, que se localiza na discussão epistemológica da Comunicação, desde textos publicados por grupos de trabalho provenientes de comunidades de encontro referenciais na área. Um conjunto de 140 textos constituem o corpus, na possibilidade de idas e vindas reflexivas. Esses registros compõem a produção de encontros, no período compreendido entre os anos 2012 a 2016, em eventos promovidos pela Associação Latino-americana de Pesquisadores da Comunicação (ALAIC), Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação (COMPÓS) e Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (INTERCOM). A construção do objeto de pesquisa alcança o caráter substancial da discussão metodológica no meio acadêmico, como norte e/ou entendimento do percurso de pesquisa sobre fenômenos que se vinculam a um saber comunicacional. Trata-se, portanto, de uma investigação de cunho epistemológico, que busca compreender o viés metodológico que emerge, desde eixos que abrangem tendências de enfoques textuais, codificação desde esferas analíticas e a contextualização do referencial bibliográfico dos textos. A partir desses movimentos, os operadores de sentido resultantes permitem tecer considerações e inferências acerca do problema e situam um cenário de conformação metodológica. The original contribution to the knowledge of this work is a conceptual understanding of methodology, which lies in the epistemological discussion of Communication, stemming from texts published by work groups deriving out of reference communities in the area. The corpus consists of a total of 140 texts, with possible reflective comings and goings. These records include the production of meetings, between the years 2012 to 2016 at events promoted by the Latin American Association of Communication Researchers (ALAIC), the National Association of Postgraduate Programs in Communication (COMPÓS) and the Brazilian Society for the Interdisciplinary Studies in Communication (INTERCOM). The construction of the research object achieves the substantial character of the methodological discussion in the academic environment, as the direction and/or understanding of the research course on phenomena that are linked to communicational knowledge. It is, therefore, an epistemological research, which seeks to interpret the methodological biases that emerge, from axes that constitute tendencies of textual approach, codification from analytical spheres and the contextualization of bibliographic references. Given these movements, the resulting sense operators allow to make considerations and inferences about the problem and lead to a scenario of methodological conformity.
4

Conceitos de conhecimento no debate contemporâneo : internalismo e externalismo

Rolla, Giovanni 2013 (has links)
A presente dissertação pretende alcançar os seguintes objetivos: (i) esclarecer as intuições subjacentes aos dois lados da disputa entre internalismo e externalismo em epistemologia contemporânea; (ii) oferecer uma crítica ao internalismo, a tese de que, para ter conhecimento, o sujeito deve poder acessar suficientemente por reflexão aquilo que faz com que sua crença seja de fato conhecimento. Atenta-se em especial ao ceticismo – se internalismo for tomado em conjunção com o princípio de fechamento epistêmico – e à insuficiência da análise internalista para a exclusão de crenças verdadeiras em função da sorte (como mostram os contraexemplos apresentados por Gettier); (iii) avaliar algumas concepções externalistas, nomeadamente: a teoria causal, o confiabilismo de processos, a teoria do rastreamento e a teoria da segurança, apresentando uma defesa desta última; (iv) resgatar algumas das intuições internalistas, sejam elas, que o sujeito deve poder ter acesso reflexivo à justificação para crer e que ele acredite responsavelmente, mas como condições não para a posse de conhecimento, mas para a aceitação de alegações de conhecimento. O resultado final é a tese de que a análise correta do conceito de conhecimento é externalista (a condição de segurança), ao passo que o uso do conceito de conhecimento em contextos conversacionais demanda uma justificação reflexivamente acessível. This thesis is intended to achieve the following aims: (i) to shed light on the underlying intuitions to the both sides of the controversy between internalism and externalism in contemporary epistemology; (ii) to offer a critic of internalism, the thesis that, in order to achieve knowledge, one has to be able to access sufficiently by reflection what makes one‟s belief an episode of knowledge. It is specially stressed that internalism in conjunction with the closure principle for knowledge implies skepticism, and that internalism is not sufficient to rule out cases of beliefs whose truth is due to luck (as the Gettier cases most definitely show); (iii) to assess some externalist conceptions, namely: the causal theory, process reliabilism, the tracking theory and the safety theory, and to defend the safety theory; (iv) to redeem some internalist intuitions, namely, that one has to be able to have reflective access to one‟s justification to belief and that one must do so responsibly – but those are conditions not for the possession of knowledge, but for the acceptability of knowledge claims. The final result is the thesis that right analysis of the concept of knowledge is externalist (the safety condition), the uses of this concept, however, in conversational contexts demands a reflectively accessible justification.
5

Conceitos de conhecimento no debate contemporâneo : internalismo e externalismo

Rolla, Giovanni 2013 (has links)
A presente dissertação pretende alcançar os seguintes objetivos: (i) esclarecer as intuições subjacentes aos dois lados da disputa entre internalismo e externalismo em epistemologia contemporânea; (ii) oferecer uma crítica ao internalismo, a tese de que, para ter conhecimento, o sujeito deve poder acessar suficientemente por reflexão aquilo que faz com que sua crença seja de fato conhecimento. Atenta-se em especial ao ceticismo – se internalismo for tomado em conjunção com o princípio de fechamento epistêmico – e à insuficiência da análise internalista para a exclusão de crenças verdadeiras em função da sorte (como mostram os contraexemplos apresentados por Gettier); (iii) avaliar algumas concepções externalistas, nomeadamente: a teoria causal, o confiabilismo de processos, a teoria do rastreamento e a teoria da segurança, apresentando uma defesa desta última; (iv) resgatar algumas das intuições internalistas, sejam elas, que o sujeito deve poder ter acesso reflexivo à justificação para crer e que ele acredite responsavelmente, mas como condições não para a posse de conhecimento, mas para a aceitação de alegações de conhecimento. O resultado final é a tese de que a análise correta do conceito de conhecimento é externalista (a condição de segurança), ao passo que o uso do conceito de conhecimento em contextos conversacionais demanda uma justificação reflexivamente acessível. This thesis is intended to achieve the following aims: (i) to shed light on the underlying intuitions to the both sides of the controversy between internalism and externalism in contemporary epistemology; (ii) to offer a critic of internalism, the thesis that, in order to achieve knowledge, one has to be able to access sufficiently by reflection what makes one‟s belief an episode of knowledge. It is specially stressed that internalism in conjunction with the closure principle for knowledge implies skepticism, and that internalism is not sufficient to rule out cases of beliefs whose truth is due to luck (as the Gettier cases most definitely show); (iii) to assess some externalist conceptions, namely: the causal theory, process reliabilism, the tracking theory and the safety theory, and to defend the safety theory; (iv) to redeem some internalist intuitions, namely, that one has to be able to have reflective access to one‟s justification to belief and that one must do so responsibly – but those are conditions not for the possession of knowledge, but for the acceptability of knowledge claims. The final result is the thesis that right analysis of the concept of knowledge is externalist (the safety condition), the uses of this concept, however, in conversational contexts demands a reflectively accessible justification.
6

Galileu nosso contemporâneo : a dimensão retórica da comunicação científica no primeiro dia do diálogo de Galileu Galilei

Parreira, Susana Margarida Isménio 2002 (has links)
À luz de uma obra de Pselli sobre retórica da ciência, procura-se mostrar como Galileu, no primeiro dia do "Diálogo" sobre os dois grandes sistemas do mundo: o ptolomaico e o copérnicano, através de um subtil uso retórico da linguagem, persuadiu os seus contemporâneos - e os vindouros - acerca da razoabilidade da sua visão da realidade, no sentido de lhes explicar o porquê da possibilidade de uma leitura da natureza através de caracteres matemáticos, do mesmo modo que hoje os cientistas também usam as palavras para entenderem eles mesmos a visão da realidade que está contida nas equações das teorias científicas mais complexas.
7

Os cientistas e a religião : contributos para uma epistemologia do sujeito científico

Bastos, Fernando José Rodrigues Evangelista Machado 1998 (has links)
Terão os pressupostos religiosos/metafísicos interferência na produção e nas mundividências científicas? Que inter-relação poderá ou não haver entre os cientistas e a religião? É partindo destas questões que se procura compreender a relação entre os cientistas e a produção científica. A dimensão epistémica conjuga-se com o campo religioso, dando-lhe uma matriz que nos poderá ajudar a compreender os caminhos, os trilhos seguidos pelas opções científicas. O sentido epistémico resultante da relação (porque convivencial) não se separa da escatologia religiosa. A ciência, procura responder e resolver a questão primordial e final de uma racionalidade que tem fome de eternidade.
8

Kant e o contexto : o problema da omissão de Kant em Epistemologia

Pinto, Nuno Filipe de Queirós 2010 (has links)
O ensino da Filosofia, sendo um tema recorrente das discussões sobre o Ensino Secundário, é alvo de constantes propostas curriculares diferentes. O trabalho que aqui se apresenta, não tendo nem a dimensão nem a pretensão dessas propostas, tem como objectivo, porém, efectuar uma alteração programática e temática no plano curricular da Filosofia, pretendendo a obrigatoriedade da leccionação das teorias explicativas do conhecimento de René Descartes e de David Hume, bem como da filosofia do conhecimento de Immanuel Kant, estabelecendo, deste modo, o número de teorias, não em duas, mas em três teorias explicativas do processo do conhecimento, precisamente as referidas. Para isso, apontam-se aspectos programáticos favoráveis que, através de uma alteração temática, culminam numa proposta prática de solução do problema da omissão de Kant em epistemologia.
9

Teoria e método da climatologia geográfica brasileira: uma abordagem sobre seus discursos e práticas

Ely, Deise Fabiana [UNESP] 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:33:36Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006Bitstream added on 2014-06-13T19:04:44Z : No. of bitstreams: 1 ely_df_dr_prud.pdf: 902098 bytes, checksum: 6c3ecec249be504e708f65dcb2fdee1a (MD5) O presente trabalho constitui um mapeamento e análise sobre os discursos e práticas empreendidos pela climatologia geográfica brasileira. O principal propósito para o seu desenvolvimento foi a verificação de como o conhecimento geográfico do clima encontra-se vinculado aos debates efetivados pelas diversas correntes filosóficas de pensamento e às diferentes concepções de natureza e de geografia. A verificação do processo de inserção e constituição dessa especialidade científica no Brasil demonstrou a existência de duas vertentes metodológicas principais: uma baseada em decomposições analítico-descritivas do fenômeno climático e outra subsidiada nas explicações da meteorologia dinâmica. O estudo geográfico do clima, a partir desse universo de análise, é desenvolvido a partir de cinco recortes temáticos principais: clima urbano, variabilidade pluvial, o clima na análise ambiental e da paisagem, modelagem estatística em climatologia e teoria e método da climatologia; pautados na concepção de natureza dinâmica-sistêmica. Foi verificado que as questões epistemológicas da Geografia não são refletidas enfaticamente pela climatologia geográfica brasileira, tornando a apreensão da espacialidade do clima na composição das novas territorialidades uma tarefa difícil de ser realizada. The main purpose of this following thesis is to verify how the geographic knowledge of the climate relates to debates about diverse philosophical trends and the different conceptions of nature and geography, by mapping out and analyzing discourses and practices within the scope of the Brazilian geographic climatology. The climate geographic study, in this universe of analysis, is developed from five main themes: urban climate, pluvial variability, the climate in the environment and setting analysis, statistical modeling in climatology and climatology theory and method; all of them based on the conception of the dynamic-systemic nature. It was verified that epistemological problems in Geography are not emphatically concerned by Brazilian geographic climatology, what can make the understanding of the climate spatiality in the composition of new territorialities a difficult task.
10

O desenvolvimento da noção de transmissão mediata do movimento na criança: uma pesquisa de epistemologia genética

Souza, Beatriz Braga do Amaral Gurgel Alves de [UNESP] 2001 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:24:21Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2001Bitstream added on 2014-06-13T19:31:11Z : No. of bitstreams: 1 souza_bbaga_me_mar.pdf: 649051 bytes, checksum: d72a6c4444bbfcfb0c1ee10ad7025410 (MD5) Esta pesquisa trata do desenvolvimento da noção de transmissão mediata do movimento na criança segundo a Epistemologia Genética. Tal pesquisa contou com a réplica de uma situação experimental desenvolvida por Piaget e seus colaboradores com crianças genebrinas. (Piaget, 1972) Foram pesquisados cento e sete sujeitos com idade entre quatro e treze anos. A situação experimental envolve a problemática da transmissão mediata e solicita do sujeito a explicação causal. Assim, o desenvolvimento da noção de transmissão mediata foi pesquisado nos limites da noção de causalidade. Os resultados da pesquisa empírica revelam que foram encontrados os mesmos níveis de desenvolvimento que Piaget encontrou com crianças genebrinas, mesmo passados quase trinta anos. Isto mostra que a noção de transmissão mediata do movimento se refere a uma construção operatória que se dá a partir da relação entre o sujeito e o objeto caracterizando-se por uma gradual descentração e espacialização resultante das coordenações. Para se chegar à noção de transmissão mediata do movimento é preciso que o sujeito construa um sistema operatório, componível e reversível. Porém, os resultados gerais, indicam uma progressão (do número de sujeitos segundo a sucessão das faixas etárias) diferente da encontrada por Piaget em relação aos níveis de desenvolvimento da noção de transmissão mediata do movimento, indicando uma dificuldade na passagem para a transitividade operatória. This research is about the development of the notion of mediate transmission of the movement on children according to the Genetic Epistemology. The research took under consideration the reply of a experimental situation with genevan children developed by Piaget and his collaborators. (Piaget, 1972) A hundred and seven people, between four and thirteen years old , have been researched. The experimental situation involves the proposition of mediate transmission and request to the person for a casual explanation. Therefore, the development of the notion of mediate transmission has been researched between the limits of the causality notion. The results of the empiric research reveal that the same levels of the development that Piaget had found with de genevan children, were also found almost thirty years later. It shows that the notion of the mediate transmission of movement refers to an operatory process that derives from the relationship between the subject and the objet and it is distinguished by a gradual descentralization and spacing that are the results of the coordination. To achieve the notion of mediate transmission it's necessary that the person builds na operatory system, composable and reversible. However, the general results indicate a the progress of the levels, according to the succession of the age diferent that founded by Piaget, indicating a difficulty on the passage to the operatory transitivity.

Page generated in 0.0763 seconds