• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 319
  • 3
  • 2
  • Tagged with
  • 330
  • 115
  • 76
  • 73
  • 58
  • 57
  • 50
  • 47
  • 46
  • 42
  • 35
  • 35
  • 32
  • 30
  • 29
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Gênero, saúde reprodutiva e trabalho: as formas subjetivas de viver e resistir às condições de trabalho Gender, reproductive health and I work: the subjective forms of to live and to resist to the work conditions

Oliveira, Ana Cristina Oliveira de 2001 (has links)
Made available in DSpace on 2012-09-06T01:12:30Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) 547.pdf: 2216469 bytes, checksum: 2c11ae9d75b6e8cfd8f28a067989728a (MD5) Previous issue date: 2001 A presente proposta de estudo, inserida na problemática saúde e trabalho da linha de pesquisa Relações de Gênero, Precarização do Trabalho e Saúde desenvolvida no Centro de Estudos em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana/ENSP (CESTH) visa discutir a experiência subjetiva das trabalhadoras em relação à sua vida reprodutiva com uma abordagem que assegure sua voz, ou seja, seus sentimentos, referências e linguagem. O estudo tem como objetivo mostrar a importância da articulação entre gênero, saúde reprodutiva da mulher e trabalho. Neste sentido, a preocupação recai, especialmente, sobre a discussão das formas como as mulheres vivem e resistem às condições de trabalho potencialmente prejudiciais à saúde, incluindo-se a saúde reprodutiva. Tratamos do nexo saúde trabalho gênero considerando a pluralidade conceitual e metodológica respaldados nas discussões das novas dimensões em saúde e trabalho nas diferentes perspectivas analíticas dos temas gênero, sexualidade e saúde reprodutiva apoiados na abordagem da psicodinâmica do trabalho. Os procedimentos metodológicos incluem entrevistas individuais, história de vida tópica e análise documental, envolvendo gestantes do Programa da Gestante Trabalhadora, desenvolvida numa maternidade pública do Rio de Janeiro como um estudo preliminar e a análise dos elementos subjetivos dos modos de vida e trabalho de nove operárias da área de produção de uma indústria de fármacos do município do Rio de Janeiro através de suas narrativas, tendo a fonte oral como base de análise. A investigação proposta visa mostrar a formação da qualificação invisível , a construção de novos papéis de gênero, a discussão entre a violência doméstica e a violência no trabalho, a conciliação dos tempos de trabalho, a importância dos laços de cooperação para a defesa da saúde, como se deixa escapar o medo, o desenvolvimento da experiência prática, a conciliação entre gestação, maternidade e trabalho, e as formas de prazer no trabalho. Trata-se de um estudo analítico-exploratório que busca dar visibilidade às experiências femininas na relação saúde reprodutiva e trabalho de forma que contribua para pensar a fronteira entre a busca por saúde e o sofrimento impresso pelo cotidiano de vida e trabalho.
2

Gênero no contexto da reestruturação produtiva

Souza, Antônia Egídia de 2000 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico Made available in DSpace on 2012-10-18T01:42:45Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-25T17:33:50Z : No. of bitstreams: 1 181996.pdf: 5487764 bytes, checksum: 3c8bd7dd7569be13c18fac9f1016300b (MD5) O presente estudo lança um olhar sobre a reestruturação produtiva e o trabalho feminino no setor metalmecânico de Santa Catarina. Busca-se, a partir dessa proposta, fazer um estudo sobre o processo de reestruturação produtiva com enfoque na categoria gênero. A pesquisa caracteriza-se como teórico-empírica e exploratório-descritiva. Trata-se, também, de uma pesquisa qualitativa ao valer-se de um estudo de caso. Para obter os dados primários utiliza-se entrevistas semi-estruturadas e observações, e como fontes secundárias, lança-se mão da pesquisa bibliográfica em periódicos, manuais, documentos oficiais e livros. Foram ouvidas pessoas com cargos de chefia e trabalhadoras ligadas diretamente ao processo produtivo. A pesquisa revela que o impacto das inovações organizacionais e tecnológicas sobre o trabalho feminino é pouco expressivo. As mulheres encontram-se relegadas aos postos mais simples e de menor qualificação. O que se verifica no interior das empresas é uma subutilização do potencial feminino. O estudo mostra que as inovações tecnológicas são, ainda, limitadas a algumas etapas da produção, garantindo, desta forma espaço para as ocupações tradicionais, desenvolvidas, em sua maioria, pelas mulheres
3

Mulheres colaboradoras em empresas de tecnologia e os processos de aprendizagem do empreendedorismo: um estudo de caso na ACATE

Limas, Gabriela Nogueira 5 December 2017 (has links)
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio Econômico, Curso de Administração. Submitted by Gabriela Nogueira Limas null (gabriela.limas@grad.ufsc.br) on 2017-12-05T00:55:40Z No. of bitstreams: 1 TC- versão final.pdf: 931236 bytes, checksum: 1688fd08ee98fcbbd2422862bdaecb00 (MD5) Approved for entry into archive by Martin de La Martiniere Petroll null (martin.petroll@ufsc.br) on 2017-12-05T19:14:34Z (GMT) No. of bitstreams: 1 TC- versão final.pdf: 931236 bytes, checksum: 1688fd08ee98fcbbd2422862bdaecb00 (MD5) Made available in DSpace on 2017-12-05T19:14:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 TC- versão final.pdf: 931236 bytes, checksum: 1688fd08ee98fcbbd2422862bdaecb00 (MD5) O objetivo deste trabalho é analisar quais são os processos de aprendizagem, motivações e dificuldades identificadas pelas mulheres ao empreender na área de tecnologia no Brasil, por meio de uma pesquisa descritiva e qualitativa em um estudo de caso, através de uma análise exploratória dos dados. O universo da pesquisa são as empresas de tecnologia localizadas na ACATE, a amostra se deu por acessibilidade. O primeiro objetivo específico trouxe uma análise da trajetória e perfil das entrevistadas, para dar embasamento para seguir com a pesquisa. As motivações identificadas, em suma, se relacionam com o clima organizacional flexível e criativo que as empresas de tecnologia proporcionam, com uma rotina menos engessada e grandes perspectivas de crescimento. Como dificuldades foram encontradas a necessidade de possuir mais experiência, a dificuldade em inovar, o machismo socialmente construído que traz consequências para a mulher até hoje e a preferência em empreender em outras áreas. Por fim foi analisado que o processo de aprendizagem se dá, em sua maioria, por meio informal e situado, embora os processos formais de aprendizagem sejam bastante incentivados. O trabalho busca entender como essas quatro vertentes estão influenciando no baixo índice de empreendedoras mulheres na área de tecnologia. This project aims to analyze the learning process, motivations and challenges faced by women starting technology companies in Brazil, by means of a descriptive and qualitative research of a case study and an exploratory data analysis. The scope of the project are technology companies located at ACATE, using the convenience sampling method. The first part of the project analyzed the background and profile of the interviewees, to provide a basis for further research. The motivations identified in this study, in short, include the flexible and creative environment that technology companies provide, with flexible routines and great growth prospects. Challenges women in technology face include the need of work experience, the struggle with innovation, sexism which affect the daily lives of women, and preference to innovate in other areas. Finally, this project concluded that the learning process occurs in an informal, localized way, although formal learning processes are strongly encouraged. The project seeks to understand how these four aspects influence the low rate of women technology entrepreneurs in Brazil.
4

O eterno feminino retorno: Marias, Evas e Liliths no discurso de (des)sacralização saramagueano

SOUZA, A. P. 3 March 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2016-08-29T14:11:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_4571_.pdf: 1512296 bytes, checksum: 2ebbb9af1cbf8a8dd615a90fb8f587b2 (MD5) Previous issue date: 2011-03-03 Com base na obra de José Saramago, analisamos a relação conflitante entre o feminino e a religião cristã. Privilegiamos os romances Terra do Pecado, O Evangelho segundo Jesus Cristo e Caim, por entendermos que nesses a temática seja discutida com maior intensidade. No entanto, não deixamos de considerar outros livros do autor que também trazem à tona esta questão. Ao lançarmos mão de conceitos da teoria pós-moderna, de cujos representantes destacamos Linda Hutcheon e Gianni Vattino, procuramos compreender como se estabeleceram as conexões que deram à relação feminino-religião um sentido de (des)sacralização. Por termos constatado em nosso corpora a existência de um movimento cíclico, que oferece um sentido de (re)visão paródica e carnavalesca, empenhamo-nos em refletir sobre o processo de desdobramento de sua obra. A partir de conceituações teóricas, principalmente de Nietzsche e Deleuze, observamos como se inscreveram as concepções de eterno retorno e de diferença e repetição, enquanto mecanismos de (re)leitura cíclica do discurso literário saramagueano. E, nesse sentido, verificamos como ocorreu a (re)inserção do feminino, enquanto elemento da desarticulação, na composição dogmática patriarcal. Na obra de iniciação literária de Saramago, Terra do Pecado, encontramos, nas personagens Maria Leonor e Benedita, um fio que nos auxiliou a percorrer o exterior humano, em uma viagem de (re)leitura e compreensão. Adentramos, a partir de O evangelho segundo Jesus Cristo, guiados por Maria de Nazaré e Maria de Magdala, um labirinto interior, onde permanecemos até encontrar uma nova porta de saída. Em Caim, com a ajuda de Eva e Lilith, visualizamos uma abertura, através da qual saímos para liberar as vozes de todos os personagens. Atamos as pontas do fio orientador, considerando o feminino como chave para abertura e fechamento daquilo que, para nós, configurou-se como o grande ciclo da escrita saramagueana.
5

REPRESENTAÃÃES FEMININAS RESIDUAIS NA LÃRICA DE VINÃCIUS DE MORAES ReprÃsentations fÃminines rÃsidueles dans la lyrique de VinÃcius de Moraes

Mary Nascimento da Silva LeitÃo 12 April 2013 (has links)
CoordenaÃÃo de AperfeiÃoamento de Pessoal de NÃvel Superior La dissertation intitulÃe  RepresentaÃÃes femininas residuais na lÃrica de VinÃcius de Moraes (ReprÃsentations fÃminines rÃsidueles dans la lyrique de VinÃcius de Moraes)  a Ãtà Ãcrite à partir dâune recherche et dâune analyse des diffÃrentes reprÃsentations de types de fÃmmes quâexistent dans lâouvrage du  poetinha Â, au moment oà a Ãtà procÃdà une comparaison avec les paradigmes fÃminines dâÃpoques postÃrieures au Moyen Ãge. Ces comparaisons nous ont permis une Ãtude basà dans la ThÃorie de la RÃsidualitÃ, qui faire des investigations sur ce qui reste dâune culture prÃcÃdente à lâautre qui la suivre. Cette thÃorie a surgi de recherche dÃveloppÃe à lâUniversità FÃderal du CearÃ, spÃcifiquement au DÃpartement de LittÃrature de son Cours de Lettres, et a Ãtà systÃmatisÃe par le Professeur Dr. Roberto Pontes. La RÃsidualità travaille avec les concepts de rÃsidu, mentalitÃ, hybridisme culturel et cristallisation. Ainsi, à partir des diffÃrentes reprÃsentations typologiques fÃminines trouvÃes dans lâouvrage  viniciana Â, nous observons des vestiges de mentalitÃ, prÃsents dans les poÃmes, qui reprendre dâautres temps, ou soit, nous identifions les rÃsidus et nous discutons lâessence de la pensÃe dâune Ãpoque si souvent immortalisÃe dans les ouvres litteraires mÃmorables. Beaucoup a Ãtà dit sur la poÃsie de VinÃcius de Moraes, mais, à notre avis, manquait un travail plus vaste pour embrasser des suggestions prÃsentÃes dans lâÃtude realisà par Elizabeth Dias Martins, qui a comme titre  VinÃcius, uma poÃtica residual (VinÃcius, une poÃtique rÃsiduel)  (MARTINS, 2002). Dans ses pages, lâauteur traite de la mentalità prÃsente dans lâouvrage des auteurs des diffÃrentes Ãcoles littÃraires, prÃcÃdentes ou contemporaines de VinÃcius, et mettre en relief ce quâil y a de rÃsiduel dans les textes du poÃte carioca. A dissertaÃÃo intitulada "RepresentaÃÃes femininas residuais na lÃrica de VinÃcius de Moraes" foi escrita a partir de uma pesquisa e de uma anÃlise das diversas representaÃÃes de tipos de mulheres existentes na obra do âpoetinhaâ, ocasiÃo em que foi procedida uma comparaÃÃo com os paradigmas femininos de outras Ãpocas posteriores à Idade MÃdia. Essas comparaÃÃes nos permitiram um estudo baseado na Teoria da Residualidade, que investiga aquilo que remanesce de uma cultura anterior noutra que a sequencia. Esta teoria surgiu de pesquisa desenvolvida na prÃpria Universidade Federal do CearÃ, mais propriamente no Departamento de Literatura do seu Curso de Letras, e tem como sistematizador o Professor Dr. Roberto Pontes. A residualidade trabalha com os conceitos de resÃduo, mentalidade, hibridismo cultural e cristalizaÃÃo. Desse modo, partindo das diversas representaÃÃes tipolÃgicas femininas encontradas na obra viniciana, observamos os traÃos de mentalidade presentes nos poemas que retomam outros tempos, ou seja, identificamos os resÃduos e discutimos a essÃncia do pensamento de uma Ãpoca tantas vezes eternizada em obras literÃrias marcantes. Muito se tem dito a respeito da poesia de VinÃcius de Moraes, mas, a nosso ver, faltava um trabalho de carÃter mais extenso a dar conta das sugestÃes apresentadas em estudo realizado por Elizabeth Dias Martins, que leva por tÃtulo "VinÃcius, uma poÃtica residual" (MARTINS, 2002). Em suas pÃginas, a autora trata da mentalidade presente na obra de autores de diferentes escolas literÃrias, anteriores ou contemporÃneas de VinÃcius, enfatizando o que hà de residual nos textos do poeta carioca.
6

A saga de uma MacabÃa: corpo e trabalho feminino na indÃstria de beneficiamento de castanha de caju no CearÃ.

NÃgyla Maria Galdino Drumond 13 June 2007 (has links)
The present dissertation analyzes the relationship between female body and work at the cashew industry in Fortaleza, Cearà â Brazil. The data were taken from testimonies of âcastanheirasâ women who live in the outskirts of Fortaleza. These women are single mothers and/ or head of their families. Also called âMacabÃasâ, they tell the story of their daily lives set not only by poor work conditions but also urban and domestic violence. In contrast, these women are subject of their own stories, writing their own saga resulting from a lot of work and resistance. Being a technical assistant of the Labor Party of Cashew Industry, activist, and feminist led me to this field of study. In order to collect data, I arranged interviews, lived with informants on a daily basis, and conducted some research at the Labor Party. The research shows that the female factory workers are still undergoing exploitation, being characterized by the hegemonic capitalist system reinforced by a discourse between capital, gender and work. Linked to these issues, the âMacabÃasâ of this research are women that have fun, play, tell anecdotes about their lives with pain and anguish, but with a dose of happiness for being able to survive. What type of women are these? What kind of factory is this? What types of resistances are these that are able to help them overcome a circle of exploitation, control and discipline, which may seem insurmountable? To sum up, the current study shows ways that avoid seeing these female workers from a reductionism point of view which considers them as eternal victims and/ or robots without desires, will and pleasure Esta dissertaÃÃo analisa as relaÃÃes entre corpo e trabalho feminino na indÃstria de beneficiamento de castanha de caju em Fortaleza â CearÃ/ Brasil, a partir das falas das mulheres castanheiras e do lugar social que ocupam dentro e fora da fÃbrica. Mulheres pobres, migrantes, moradoras da periferia de Fortaleza, mÃes solteiras e/ou chefes de famÃlias. MacabÃas que narram suas vidas cotidianas marcadas pelas mÃs condiÃÃes de trabalho, pela violÃncia domÃstica e urbana, mas, ao mesmo tempo mulheres que se mostram como sujeitos de sua prÃpria histÃria, escrevendo uma verdadeira saga, construÃda com muito trabalho e resistÃncia. A pesquisadora foi assessora sindical do entÃo Sindicato dos Trabalhadores da IndÃstria da Castanha, à militante partidÃria e feminista, arenas de debate que a conduziram a este objeto de pesquisa. Para o desenvolvimento do trabalho, realizou entrevistas, acompanhou o dia-a-dia das informantes, e fez algumas inserÃÃes no Sindicato dos Trabalhadores, nÃo mais no papel de assessora pedagÃgica, mas como pesquisadora. A pesquisa revelou que as mulheres operÃrias da castanha continuam submetidas a um ciclo contÃnuo de exploraÃÃo da mÃo-de-obra, marcadas por caracterÃsticas do sistema capitalista hegemÃnico e reforÃadas por um diÃlogo entre capital, gÃnero e trabalho. De maneira intrÃnseca a estas questÃes, as MacabÃas desta histÃria sÃo mulheres que se divertem, brincam, narram suas vidas com muitas dores e angÃstias, mas com uma boa dose de alegria por conseguirem sobreviver. Que mulheres sÃo estas? Que fÃbrica à esta? Que pequenas resistÃncias sÃo estas capazes de fazer com que burlem um cerco de exploraÃÃo, controle e disciplina que parece instransponÃvel? O trabalho aponta pistas para que se abram caminhos que se distanciem de uma visÃo reducionista que as enxerga, apenas, na condiÃÃo de vÃtimas eternas e/ou de robÃs sem desejos, vontades e prazer
7

As trajectórias profissionais de mulheres na actual economia flexível e sua relação com dinâmicas familiares

Novais, Carina Daniela Costa Pereira 2010 (has links)
O diálogo entre a mulher, o trabalho e a família, sob o ponto de vista das trajectórias profissionais, é um objecto de estudo que destaca como relevante a sua possibilidade de concretização nestas esferas sociais. Conhecer as trajectórias profissionais e sua relação com as estratégias de uma economia flexível e com as dinâmicas familiares, é o objectivo a que nos propomos. A aplicação de questionários a uma amostra de 450 mulheres (idade média=41, 67 anos ± 10,76 anos) foi fundamental. Os registos em diário de campo, a fotografia social e as entrevistas semi-estruturadas complementaram os dados recolhidos. Os resultados sugerem que: (i) a ênfase na intermitência das trajectórias profissionais, desmonta a invisibilidade associada ao trabalho doméstico e mostra que o diálogo estabelecido com a família coloca estas mulheres em desvantagem social; (ii) a relação entre género e mercado de trabalho mostra que os processos de segregação continuam a ser estruturantes e integram as mulheres em ocupações menos qualificadas e em postos com menos autoridade; (iii) o trabalho por turnos e o trabalho em regime de tempo parcial, enquanto estratégias de flexibilização dos horários de trabalho, não fazem parte da vontade de conciliação do emprego com as responsabilidade familiares, confirmando a submissão destas mulheres à precariedade laboral. Entendemos que este estudo poderá contribuir para diluir a subrepresentação do trabalho feminino, identificando os estereótipos de género que persistem na vida familiar e profissional e mostrando como a imprevisibilidade da família afecta as trajectórias profissionais das mulheres.
8

Genero, saude reprodutiva e trabalho: as formas subjetivas de viver e resistir as condicoes de trabalho

Oliveira, Ana Cristina Oliveira de. 2001 (has links) (PDF)
Mestre -- Escola Nacional de Saude Publica, Rio de Janeiro, 2001.
9

Avaliação do estado nutricional do micronutriente ferro em atletas femininas

Nishimori, Ricardo. 2008 (has links)
Orientador: Maria Jacira Silva Simões Banca: Adalberto Farache Filho Banca: Cassiano Merussi Neiva Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar o estado nutricional de ferro de 38 jogadoras profissionais de futebol feminino, com idade superior a 21 anos. Foram analisados: ingestão energética, fibras, macro e micronutrientes (cálcio, zinco e ferro, vitaminas A e C) e avaliados segundo as recomendações da "Dietary Reference Intakes" (DRI, 2000; 2001) e da "American Dietetic Association" (ADA, 2000). Para obtenção dos dados foram utilizados os métodos de registro alimentar de três dias e o questionário de freqüência alimentar. O perfil antropométrico foi caracterizado por meio das medidas do peso corporal, altura, dobras cutâneas e uso de fórmulas específicas para determinação dos percentuais de gordura corporal e massa magra. O estado nutricional do micromineral ferro foi avaliado por meio de parâmetros bioquímicos. O perfil antropométrico das atletas apresentou valor médio de porcentagem de gordura corporal, abaixo do encontrado em outros trabalhos. Os valores do IMC estavam dentro das recomendações da "Food and Agriculture Organization of the United Nations" (FAO, 2003). A média de ingestão de proteínas e lipídeos foi adequada as recomendações da ADA (2000). Porém a ingestão energética e de carboidratos foi abaixo da recomendada para 92,11% e 71,05% das atletas, respectivamente. Da mesma forma, a ingestão de fibras foi adequada para apenas 5,26% das atletas. A meta de ingestão de vitamina A e C foi alcançada por 23,68% e 31,58% das atletas, respectivamente. Apenas, 10,53% das atletas apresentaram ingestão certamente adequada para o mineral cálcio. A porcentagem de atletas que alcançou a meta de ingestão de zinco foi maior, 63,16% de adequação. Abstract: The objective of this study was evaluate the nutritional status for the iron nutrient of the 38 professional female soccer player, aged over 21 years. The following procedures were carried out: the energy ingestion adequacy, fiber, macro and micronutrients (calcium, zinc, iron, vitamin A, vitamin C) were analyzed and verified using the Dietary Reference Intakes (DRI, 2000; 2001) and American Dietetic Association (ADA, 2000), through the methods a 3-day food record and Frequency Questionnaire; the anthropometrical profile was characterized, through body weight, height, skin fold caliper testing and by using specific formulas in order to determine percent body fat and fat free mass; and the iron nutritional status was evaluated via biochemical parameters. The anthropometrical profile of athletes showed an average percentage of body fat, lower than found in other works. And the values of BMI within the recommendations of the FAO (2003). The average intake of proteins and lipids was appropriate the recommendations of the ADA (2000). But the energy and carbohydrates intake was below the recommended for 92.11% and 71,05% of the athletes, respectively. Just as, the intake of fiber was certainly appropriate for only 5.26% of the athletes. The 23.68% and 31.58% of the athletes achieved the goal of intake of A and C vitamin. Only 10.53% of the athletes had ingested certainly appropriate for the mineral calcium. The percentage of athletes who reached their target was higher intake of zinc, 63.16%. While few players, 10.53%, reached their target for the mineral iron intake. But, in hematological and biochemical analysis, only two (5.26%) athletes have iron deficiency. One of them, with depleted stocks of iron, and another one with Iron Deficiency. Mestre
10

Trabalho feminino industrial e gravidez

Fiewski, Marlei Fátima Cezarotto 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. Made available in DSpace on 2012-10-19T18:48:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 190531.pdf: 1403545 bytes, checksum: c0dfbfa1fda7dcb99936fd9b5877dd31 (MD5)

Page generated in 0.0642 seconds