• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 403
  • 14
  • 14
  • 14
  • 13
  • 9
  • 8
  • 6
  • 4
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 420
  • 420
  • 190
  • 155
  • 127
  • 112
  • 108
  • 87
  • 76
  • 71
  • 67
  • 61
  • 56
  • 54
  • 54
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
41

Modelo multiplicador utilizando a aprendizagem por pares focado no idoso

Sales, Márcia Barros de January 2007 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnoloógico. Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento / Made available in DSpace on 2012-10-23T06:06:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 246636.pdf: 928904 bytes, checksum: 54f1eed9e80fc551ddb64621cfe53094 (MD5) / Este trabalho apresenta um modelo multiplicador utilizando a aprendizagem por pares. O objetivo principal da tese foi desenvolver um modelo multiplicador utilizando a aprendizagem por pares focado no idoso, para valorizá-lo e promover seu potencial como agente facilitador da aprendizagem de outros idosos. Trabalhou-se com a aprendizagem por pares para facilitar a comunicação entre idosos, devido à semelhança de linguagem, ritmo e história de vida e segurança no desenvolvimento de atividades com pessoas de mesma faixa etária. O modelo proposto se apóia em quatro processos seqüenciais: abordagem educacional, metodologia de ensino, objetivos e conteúdo. A abordagem educacional do modelo proposto é influenciada pela teoria de Paulo Freire e pelos pressupostos da andragogia alicerçados na interação, afetividade, necessidades e interesses e experiência. A metodologia de pesquisa segue a da pesquisa-ação. O modelo foi aplicado e avaliado com a participação de 66 idosos (nove homens e 57 mulheres) com idade média de 64 anos, todos alfabetizados, 18 deles atuando efetivamente como multiplicadores. Observou-se o processo usando a técnica empírica de oficinas de interação, escolhida por exigir a participação direta dos envolvidos em interação real. O modelo multiplicador aqui desenvolvido com foco na informática é aplicável para aprendizagem por pares que envolvam idosos em outras áreas do conhecimento e em qualquer contexto, como comprovam os resultados, ratificados pelos participantes por meio de entrevistas, questionários e observações durante a execução do projeto.
42

Contribuições da gestão do conhecimento para ações empreendedoras de inclusão digital

Feliciano, Antonio Marcos January 2008 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento / Made available in DSpace on 2012-10-24T04:26:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 257754.pdf: 508447 bytes, checksum: b07f2ed2227c73f593de8311ef328a77 (MD5) / O presente trabalho tem por objetivo analisar as contribuições das práticas de gestão do conhecimento no desenvolvimento de projetos de inclusão digital. Para sua construção, a fundamentação teórica procurou abordar a inclusão digital na perspectiva de um ambiente favorável à produção, registro e compartilhamento do conhecimento, além de se constituir num eficiente canal de comunicação entre organizações e disseminador de ações de políticas públicas. Um projeto de inclusão digital deve ser encarado como algo mais amplo e complexo do que simplesmente se disponibilizar recursos de hardware e software para usuários pouco familiarizados com esse tipo de tecnologia. Incluir pessoas comuns num mundo onde a dinâmica das informações atinge velocidades humanamente difíceis de acompanhar exige a implementação de processos de gestão do conhecimento, visão e atitudes empreendedoras. No caso catarinense, a atuação se dá em locais comuns, o meio rural, onde as carências sociais são semelhantes, o distanciamento geográfico implica necessariamente na atuação em rede, além de os usuários fazerem parte de origens culturais diferentes. Sob o ponto de vista da administração do conteúdo diariamente produzido nas unidades de inclusão digital, à luz da perfeita interação entre, tecnologias da informação e comunicação (TICs), conteúdos e usuários, se pretendeu analisar em que medida as práticas de gestão do conhecimento podem contribuir e permitem, eficazmente, o desenvolvimento de diferentes ações, de variadas organizações num único espaço. Dentre as ações de inclusão digital levantadas, e também o Programa de Inclusão Digital Beija-Flor apresentou características suficientes para ser selecionado como objeto de pesquisa de campo. Entre outras, as unidades de inclusão digital ou telecentros estão instalados no meio rural catarinense. Observou-se uma significativa capilaridade, apoio interinstitucional, e também da disponibilidade de informações necessárias ao estudo. Nesse contexto procurou-se destacar também as características empreendedoras dessa iniciativa, além de apresentar elementos da gestão do conhecimento que contribuem para com o desenvolvimento de suas atividades.
43

A integração de redes sociais e tecnológicas : análise do processo de comunicação para inclusão digital

Mendonça, Ana Valéria Machado January 2007 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação, Departamento de Ciência da Informação e Documentação, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2007. / Submitted by Luis Felipe Souza (luis_felas@globo.com) on 2008-11-13T17:56:15Z No. of bitstreams: 1 Tese_2007_AnaValeriaMendonca.pdf: 7362932 bytes, checksum: 45dfcace6c85969aa6d456dba866540d (MD5) / Approved for entry into archive by Georgia Fernandes(georgia@bce.unb.br) on 2008-12-12T11:45:42Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Tese_2007_AnaValeriaMendonca.pdf: 7362932 bytes, checksum: 45dfcace6c85969aa6d456dba866540d (MD5) / Made available in DSpace on 2008-12-12T11:45:42Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Tese_2007_AnaValeriaMendonca.pdf: 7362932 bytes, checksum: 45dfcace6c85969aa6d456dba866540d (MD5) / Esta Tese trata da validação de um processo de comunicação a ser aplicado às pesquisas em inclusão digital. Ela tem por base as teorias aplicadas às Ciências da Informação (CI) e da Comunicação (CC), e suas evoluções, para uso das Tecnologias para a Informação e Comunicação (TICs). O estudo analisa a experiência brasileira do Programa Governo Eletrônico Serviço de Atendimento ao Cidadão (GESAC), ao longo dos quatro anos da sua implantação e funcionamento, em 3.850 Pontos de Presença (PPs), localizados nas mais diferentes regiões do país. Toma como ponto de partida o levantamento teórico dos processos de comunicação até então sugeridos na bibliografia de referência desde Aristóteles até 2003, quando em 2005 é apresentada por esta pesquisa uma primeira síntese da abordagem que tem como objetivo analisar os diversos modelos dos processos de comunicação, discutindo resultados que apontem para um novo, com ênfase nos processos de inclusão digital e as sociedades da informação e da comunicação, analisando os resultados da validação por meio da produção de conteúdos, dos efeitos da recepção e mediação para a aplicabilidade social do método aqui desenvolvido em forma de oficinas de multiplicadores em projetos comunitários. O objetivo geral do estudo foi validar um processo de comunicação a ser aplicado às pesquisas em inclusão digital, com os indivíduos, famílias e comunidades, a partir da produção de conteúdos nos Pontos de Presença do Programa GESAC, no período de 2005 a 2007. E a hipótese central consistiu em saber se o processo de comunicação para recepção e mediação desse conjunto informacional utilizado pelos usuários do Programa GESAC quando participam da elaboração de conteúdos, facilita na aplicabilidade social da inclusão digital. Fundamenta-se na teoria da Ação Comunicativa, de Habermas, e foi ancorado no método da pesquisa-ação. A pesquisa enquadra-se no tipo qualitativa, onde seus métodos e técnicas constaram em coletar, analisar e interpretar os discursos dos sujeitos coletivos selecionados. Estes foram analisados, organizados, reunidos e sintetizados a partir da técnica de análise de discurso denominada de Discurso do Sujeito Coletivo – DSC, de Lèfevre e Lèfevre. Utilizouse como instrumento de coleta do material discursivo questionários e roteiros de entrevistas. A análise dos dados e dos discursos apontou para as dimensões explicativas da validação do Processo de Comunicação Todos-Todos para inclusão digital e concretizou-se sob dois pontos de vista: o primeiro, referente ao modelo conceitual e o segundo pelo aspecto empírico da pesquisa para atendimento aos seus objetivos específicos. Isto se deu por meio de conteúdos produzidos pelos usuários do Programa, os efeitos da recepção pela identidade cultural das comunidades envolvidas, a mediação pelo acesso à educação e a aplicabilidade social desta iniciativa de governo nos sujeitos da pesquisa por intermédio das oficinas de alfabetização em informação e comunicação. A discussão dos resultados também encontrou dificuldades no processo de aprendizagem e na formação de redes sociais eficazes à política. Detém-se à conclusão, aspectos relevantes sobre a identificação das problemáticas da gestão, dificuldades conceituais acerca do modelo de inclusão digital, a ausência de políticas de monitoramento e avaliação do GESAC, além das práticas pedagógicas em campo utilizadas pelos Implementadores Sociais. ____________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The objective of this thesis is to evaluate a process of communication that will be used in researches on digital literacy (digital inclusion). It is based in theories applied to Information Science and Communication Science and their developments, in order to be used on Information and Communication Technology. The study analyzes the Brazilian experience with the Digital Government Program – Citizen’s Service (GESAC) during four years after the implementation and functioning of 3,850 FTTH (Fiber-to-the-home) sites located in different regions of the country. The theoretical research of the processes of communication suggested in the bibliography from Aristoteles to 2003 is the starting point of this work. In 2005, this research has presented one preliminary synthesis of approach with the objective of analyzing the different models of communication processes, discussing results which lead to new models with emphasis in the process of digital literacy and information and communication societies, analyzing the results of the validation through content production and the effects of the reception and mediation to the social applicability of the method developed resulting in community projects training offices. The overall objective of this study was to evaluate a new model of communication process to be applied in researches on digital literacy with individuals, and individuals and community starting from the production of contents in the FTTH sites of GESAC program, from 2005 to 2007. The first central hypothesis consisted in acknowledging whether the process of communication for the reception and mediation of this set of information used by GESAC program users facilitates the social applicability of the digital literacy when they participate in the elaboration of the contents. It is based in the Habermas theory of the Communicative Action and supported by the method of research-action. The research is classified in the qualitative type where the methods and techniques are based in collecting, analyzing and interpreting the discourses of selected collective subjects. The subjects discourses were analyzed, organized, collected and synthesized through the technique of discourse analysis known as Lèfevre and Lèfevre Collective Subject Discourse (CSD). Questionnaires and interviews were used to collect discursive material. The data and discourse analysis highlighted the explicative dimensions of the validation of Todos-Todos Communication Process and were accomplished under two points of view: first, related to the conceptual model and second, through the empirical aspect of the research in order to fulfill all the specific objectives. It happened through the content produced by the system users, the effects of the acceptance by the cultural identity of the communities involved, the mediation of the access to education and social applicability of this govern initiative together with the subjects of this research in the computer literacy and communication workshops. The discussion of the results also found difficulties related to the learning process and formation of social nets that are efficient for this policy. In the conclusion, relevant aspects about the identification of problems in the management, conceptual difficulties about the model of digital inclusion, the lack of monitoring and assessment policies at GESAC were discussed, besides the pedagogical practices in loco used by the Social Implementation individuals
44

Exclusão social e tecnologia : os desafios da política pública de inclusão digital no Brasil

Sartório, Kelly Cristiane 20 June 2008 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Serviço Social, Programa de Pós-Graduação em Política Social, 2008. / Submitted by Jaqueline Oliveira (jaqueoliveiram@gmail.com) on 2008-12-15T17:08:32Z No. of bitstreams: 1 DISSERTACAO_2008_KellyCristianeSartorio.pdf: 798797 bytes, checksum: 92af78e511efb822acb564005bb5da4e (MD5) / Approved for entry into archive by Georgia Fernandes(georgia@bce.unb.br) on 2009-02-26T14:23:23Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DISSERTACAO_2008_KellyCristianeSartorio.pdf: 798797 bytes, checksum: 92af78e511efb822acb564005bb5da4e (MD5) / Made available in DSpace on 2009-02-26T14:23:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DISSERTACAO_2008_KellyCristianeSartorio.pdf: 798797 bytes, checksum: 92af78e511efb822acb564005bb5da4e (MD5) / O objeto do presente estudo consiste na relação entre o avanço das novas tecnologias da informação e da comunicação (NTICs) e a concomitante existência de um abismo digital que potencializa as desigualdades sociais. A fim de verificar como o Estado brasileiro está respondendo a esse novo paradigma tecnológico, é feita uma análise da política pública de inclusão digital, a partir de ações desenvolvidas pelo governo federal. Sob uma perspectiva dialética e utilizando o método histórico-estrutural, esta reflexão crítica busca identificar os principais desafios à consolidação da referida política, enfatizando as conexões com o ideário neoliberal, num contexto no qual interagem agentes públicos e privados. A não observância das diretrizes governamentais que orientam as ações de inclusão digital no país confirma a distância existente entre o discurso político e a ação pública na condução da questão digital. Além disso, não é possível afirmar que esteja ocorrendo uma transformação da realidade social a partir do acesso e do uso das novas tecnologias, tendo em conta a ausência de mensuração do impacto social da inclusão digital no público beneficiário das ações governamentais. A contribuição maior da pesquisa foi alimentar e aprofundar a discussão sobre a ideologia da inclusão digital, fugindo ao senso comum que a situa como tábua de salvação para as desigualdades sociais. ______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The aim of the present study is to discuss the relationship between the advance of the new information and communication technologies (NICTs) and the concomitant existence of a digital abyss that emphasizes social inequalities. In order to verify how the Brazilian State reacts to this new technological paradigm, the policy of digital inclusion is analyzed, based on the actions undertaken by the federal government. Under a dialectical perspective and using the historical-structural method, this critical reflection proposes to identify the major obstacles in the consolidation of the mentioned policy, highlighting the connections with the neo-liberal system, in a context of interaction between public and private actors. Non-observance to digital inclusion governmental directives in Brazil confirms the distance between political discourse and public action in the conduction of policies concerned to the digital issue. Besides, it is not possible to affirm that there is a social transformation as a result of the access and use of new technologies, considering the absence of measurement of the social impact on the beneficiaries of digital inclusion governmental actions. The main contribution of this research is to stimulate and deepen the discussion about the ideology of digital inclusion, escaping from the common sense of making it the last resource for social inequalities.
45

Governo eletrônico em administrações locais brasileiras : avaliação de progresso, fatores intervenientes e critérios de priorização de iniciativas

Riecken, Rinalda Francesca 04 July 2008 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação, Departamento de Ciência da Informação e Documentação, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2008. / Submitted by Debora Freitas de Sousa (deborahera@gmail.com) on 2009-08-05T12:42:16Z No. of bitstreams: 1 2008_RinaldaFrancescaRiecken (2).pdf: 9656700 bytes, checksum: 6a17ed6521d371ec51cd506d544c30e0 (MD5) / Approved for entry into archive by Tania Milca Carvalho Malheiros(tania@bce.unb.br) on 2009-08-05T13:20:33Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2008_RinaldaFrancescaRiecken (2).pdf: 9656700 bytes, checksum: 6a17ed6521d371ec51cd506d544c30e0 (MD5) / Made available in DSpace on 2009-08-05T13:20:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2008_RinaldaFrancescaRiecken (2).pdf: 9656700 bytes, checksum: 6a17ed6521d371ec51cd506d544c30e0 (MD5) Previous issue date: 2008-07-04 / O presente estudo tem por objetivo a realização de uma pesquisa sobre o progresso e as práticas verificados nas iniciativas do governo eletrônico (e-governo) nos governos estaduais e prefeituras municipais brasileiros, a fim de desenvolver um modelo e recomendações visando a favorecer a disseminação de e-governos nos municípios brasileiros. Insere-se nos temas de estudo da Ciência da Informação, uma vez que aborda a questão da prontidão e transformação de governos e da sociedade para o acesso e uso das tecnologias de informação e das telecomunicações (TICs). Envolve o desenvolvimento de dois métodos principais: um método para avaliar a maturidade dos e-governos estaduais e municipais; e um modelo de decisão – baseado em critérios objetivos – para orientar progressivamente a disseminação de governo eletrônico nas prefeituras municipais. A pesquisa foi desenvolvida com base em quatro estratégias: Inicialmente, verifica-se como organismos internacionais (públicos e privados) vêm medindo a prontidão da população para acesso e uso das tecnologias e o progresso em e-governo. Desse estudo resulta um quadro comparativo entre as pesquisas internacionais (rankings) analisadas, de onde se derivou um modelo experimental de avaliação de progresso em governo eletrônico. Em segundo lugar, com base nesses estudos, em pesquisa empreendida à literatura e na realização de um estudo de caso, são elaborados instrumentos de pesquisa de campo. A terceira estratégia consiste na realização da pesquisa de campo, aplicada aos governos estaduais e às prefeituras municipais, visando a testar o modelo proposto de maturidade em e-governo e levantar os elementos para atender às demais questões de pesquisa. Os resultados dessas pesquisas constituem um conjunto de experiências e práticas sobre o e-governo, permitindo concluir pelo avanço das iniciativas dos e-governos estaduais brasileiros. Por fim, a quarta estratégia consiste no desenvolvimento de um modelo estatístico e de recomendações que apóiem os governos estaduais na seleção de municípios para a implantação ou aprimoramento de iniciativas do governo eletrônico, integrando-os em uma rede intra-estadual de informações, serviços e comunicação eletrônicos, de modo a transferir para as prefeituras municipais os avanços verificados nos e-governos estaduais. _____________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The study is intended to assess progress and practices within the context of Brazilian e-government initiatives at state and local levels, in view of developing a model and establishing recommendations to favor and support de dissemination of those initiatives. It is an information science issue in the sense that it deals with promptness and capabilities of public agencies and individuals in accessing and using information and communication technologies. Two methods were developed: evaluation of local governments regarding their maturity, and decision model – based on objective approaches - aimed at progressively guiding those governments. Four work strategies were established as a research guide. First, it is verified how international public and private organisms have been measuring society and government readiness for access and use of technologies. A comparative ranking of international research works is presented from which derived an experimental maturity model for e-government progress evaluation. Second, based on these studies, on literature review and on a case study, field research tools were elaborated. The third strategy consists of field survey research applied to state and local governments, for testing the proposed e-government maturity model and gathering elements related to remaining research issues. The results of these research works are contained in a set of experiences and practices on e-government that reflect the progress of Brazilian e-government initiatives. The fourth strategy consists of a statistical model and recommendations for supporting state governments in selecting municipalities for implementation or improvement of e-government initiatives, integrating them in an intra-state network of electronic information, services and communication, so that local governments could benefit from the advances verified at states level.
46

Tecnologia da informação, discurso e poder : análise de domínio a partir do conceito de exclusão digital na perspectiva da teoria centro-periferia /

Berrío-Zapata, Cristian. January 2015 (has links)
Orientador: Ricardo Cesar Gonçalves Sant'Ana / Banca: Maria Cláudia Cabrini Gracio / Banca: Ângela Maria Grossi de Carvalho / Banca: Hernando Rojas Hernandez / Banca: Michel Jean Jacques Menou / Resumo: como metarelato deste momento histórico, resgata elementos do iluminismo Europeu da era industrial e do Fordismo Norte-americano, que combinados com o protagonismo da TI e através de uma série de conotações e mitificações, têm afiançado uma ordem neocapitalista cujo centro são os EUA. Essa ordem, descrita pela Teoria de Centro - Periferia mantém e aumenta o fenômeno de dependência dos países em desenvolvimento por meio de mecanismos econômicos, tecnológicos e também discursivos, que funcionam dentro de uma visão de Poder Suave ou Soft Power. A Exclusão Digital é um destes discursos, que por meio de legitimar a inclusão passiva e acrítica de todos os territórios dentro da estrutura digitalizada, espalha formas de Colonialismo Eletrônico. Esta pesquisa procurou evidência empírica desse processo na construção acadêmica dos discursos sobre Exclusão Digital e, para isso, analisou uma amostra da literatura mais citadas deste campo, na língua inglesa, como representante dos países "Centro", e espanhola e portuguesa como representantes das academias da "Periferia". Utiliza-se a Análise de Domínio como metodologia, incluindo quatro tipos de estudo: Estudo de Literatura e Fontes, Histórico, Bibliométrico e Crítico Epistemológico. A amostra documentária foi coletada usando Google Acadêmico. Este trabalho está fundamentado na perspectiva da Teoria Crítica, da Desconstrução e Teoria Fundamentada (Grounded Theory) a partir de um olhar sistêmico, ecológico e de complexidade. Os resultados da pesquisa mostraram grandes diferenças de produção e citação entre as três comunidades, sendo os EUA geradores de mais de 70% da produção e citação do domínio. A comunidade anglófona tem a sua literatura dominada por grandes corporações na publicação, o que limita o livre acesso a estes ... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: This research aims to study the Digital Divide as part of the discourse from the meta-narratives emerged in the XXI century, which form part of the construction of globalization, supported in information technology (IT) and computer networks. The Information Society as a meta-narrative from this historic moment, rescued elements belonging to the European Enlightenment at the industrial age and the American Fordism, that combined with the role of IT and through a series of connotations and mythifications, bailed the neo-capitalist order whose center is the US. This order, as described by the Center-Periphery Theory, maintains and increases the dependency phenomenon in developing countries, by means of economic, technological and discursive mechanisms that work within a vision of Soft Power. The Digital Divide is one of these discourses, that helps legitimizing the passive and uncritical inclusion of all territories within the digital structure, spreading forms of Electronic Colonialism. This research looked for empirical evidence of this process in the academic construction of narratives about the Digital Divide, by examining a sample of the most cited literature of the field in English, as a representative of the "Center" countries, and Spanish and Portuguese as representatives of the academies from the "Periphery". We used Domain Analysis as methodology, including four types of study: Study of Literature and Sources, Historical, Bibliometric and a Critical & Epistemological study. The document sample was collected using Google Scholar. This work applies the perspective of Critical Theory and Grounded Theory from a systemic, ecological and complexity perspective. The results showed large differences of production and citation between the three communities, with the USA retaining more than 70% of production and citation. The Anglophone ... (Complete abstract click electronic access below) / Resumen: Esta investigación tiene por objetivo estudiar la Brecha Digital como parte del discurso de los metarrelatos surgidos en el siglo XXI, y que forman parte de la construcción del proceso de globalización apoyado en tecnología de la información (TI) y redes informáticas. La Sociedade da Informação como metarrelato de este momento histórico, rescata elementos de la ilustración europea de la era industrial y el fordismo norteamericano, lo que combinado con el papel de las TI y a través de una serie de connotaciones y mitificaciones, ha afianzado un orden neo-capitalista cuyo centro es los EUA. Este orden, descrito por la Teoría de Centro - Periferia, mantiene y aumenta el fenómeno de dependencia en los países en desarrollo, por medio de mecanismos económicos, tecnológicos y discursivos que trabajan dentro de una perspectiva de Poder Suave (Soft Power). La brecha digital es uno de esos discursos, que por medio de legitimar la inclusión pasiva y acrítica de todos los territorios dentro de la estructura digital, difunde formas de colonialismo electrónico. Esta investigación buscó evidencia empírica de este proceso en la construcción académica de narrativas sobre Brecha Digital, y para ello examinó una muestra de la literatura más citada de este campo, en el idioma inglés, como representante de los países "centro", y en español y portugués, como representantes de las academias de la "Periferia". Se usó el Análisis de Dominio como metodología, incluyendo cuatro tipos de estudio: estudio Literatura y fuentes, Histórico, Bibliométrico y estudio Crítico-Epistemológico. La muestra documental se recogió usando Google Académico. Este trabajo aplica la perspectiva de Teoría Crítica y Teoría Fundamentada (Grounded Theory) a partir de una visión sistémica, ecológica y de complejidad. Los resultados de la ... (Resumen completo clicar acceso eletrônico abajo) / Doutor
47

Políticas de inclusão digital, governo eletrônico e práticas participativas: uma análise dos portais de e-gov da Região Metropolitana de Salvador (RMS)

Ferreira, Flávia Catarino Conceição January 2012 (has links)
Submitted by Duarte Zeny (zenydu@gmail.com) on 2013-01-13T01:53:01Z No. of bitstreams: 1 Dissertação_FlaviaFerreira_[versão_finalokimpresso].pdf: 870256 bytes, checksum: 0ae0fb379c7b8abacbb13962237dafe5 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-01-13T01:53:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertação_FlaviaFerreira_[versão_finalokimpresso].pdf: 870256 bytes, checksum: 0ae0fb379c7b8abacbb13962237dafe5 (MD5) / A presente pesquisa objetivou investigar como a política de governo eletrônico implementa a inclusão digital nos municípios da Região Metropolitana de Salvador (RMS). Pretendeu-se, especificamente, relacionar os conceitos de informação e conteúdo informacional como partes integrantes do processo de inclusão digital; analisar de que modo tais ações aperfeiçoam a operação inclusiva; indagar de que forma os conteúdos informacionais permitem o efeito da inclusão digital; e avaliar a participação cívica, através do uso das ferramentas das webs 1.0 e 2.0 dos citados portais. Utilizou-se uma metodologia tripartite: abordagem, procedimentos e técnicas. Contextualmente, adotou-se a perspectiva socio-humanista e a interpretação dialético-materialista; analisou-se os portais de e-gov e examinou-se os fenômenos que envolvem a relação entre a inclusão digital e o governo eletrônico. A perspectiva da ação investigativa deu a conhecer a realidade histórica local e as condições materiais de existência dos sujeitos enquanto protagonistas. Procedimentos de análise histórica, quantitativa, qualitativa e comparativa foram empregados . A técnica selecionada consistiu na observação sistemática dos portais municipais da RMS, que foram caracterizados através de respostas a formulários de observação, pré-estruturados. Os principais resultados revelaram que os conteúdos informacionais de utilidade pública e as ações de inclusão digital ainda não foram disseminados amplamente nos portais estudados, de modo a favorecer a desejável atuação social e política do cidadão. O aumento da oferta das ferramentas das webs 1.0 e 2.0, não determinou a dinâmica da participação cívica almejada, fornecendo-lhe apenas um espaço propício de socialização. As conclusões indicam que as melhorias nos portais municipais dependem, sobretudo, da vontade dos seus gestores, através da criação de políticas que aproximassem criticamente os munícipes do recurso digital, estreitando a relação entre os envolvidos. Nesse contexto, sugere-se que a política de governo eletrônico proveria o desenvolvimento do processo de inclusão digital. Tal integração às políticas de inclusão digital, informação e educação também viabilizaria o empreendimento de ações coordenadas, a serem institucionalmente utilizadas na RMS, como estratégias concretas da gestão digital pública. Assume-se que a inclusão digital e o uso crítico dos conteúdos informacionais de utilidade pública são premissas imprescindíveis da apropriação social das tecnologias para o exercício da cidadania e para o respectivo fortalecimento dos processos democráticos de governo eletrônico. / Salvador
48

Sociedade da Informação, Inclusão e Cidade Digital em Palmas - TO

Castro, Darlene Teixeira January 2012 (has links)
Submitted by Pós-Com Pós-Com (pos-com@ufba.br) on 2013-09-11T12:21:43Z No. of bitstreams: 1 DarleneCastro.pdf: 4872030 bytes, checksum: f007980617ffd794869df23aa573fb3d (MD5) / Approved for entry into archive by Rodrigo Meirelles(rodrigomei@ufba.br) on 2013-09-11T17:19:24Z (GMT) No. of bitstreams: 1 DarleneCastro.pdf: 4872030 bytes, checksum: f007980617ffd794869df23aa573fb3d (MD5) / Made available in DSpace on 2013-09-11T17:19:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 DarleneCastro.pdf: 4872030 bytes, checksum: f007980617ffd794869df23aa573fb3d (MD5) Previous issue date: 2012 / Capes / Esta tese teve como objetivo identificar e analisar o conceito de inclusão digital que fundamenta a implantação dos projetos em Palmas - TO, para se verificar se a cidade pode ser considerada uma cidade digital. Abordou sobre projetos e ações governamentais que trabalham com a inclusão digital e discutiu o que as cidades devem ter para que possam ser chamadas de digitais. No decorrer da pesquisa, buscou-se identificar projetos e/ou iniciativas focalizadas nas TIC e descrever e analisar esses projetos para verificação da relação inclusão digital/inclusão social em suas ações. Para isso, o trabalho foi dividido em cinco capítulos. Privilegiou-se a discussão sobre a Sociedade da Informação e da inclusão digital como forma de se chegar às cidades digitais. A tipologia de Holanda e Ávila (2006) foi utilizada para análise e verificação do nível de urbanização digital dos projetos. Foi detectado que Palmas se encontra nos primeiros níveis de urbanização digital. A partir disso, foi proposto um roteiro que orientará a implantação e a efetivação dos projetos focados na inclusão digital, de forma que os gestores possam organizar seus projetos e ações. Este estudo verificou que os projetos de inclusão digital são o alicerce dos projetos de cidade digital. / Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, Faculdade de Comunicação, Universidade Federal da Bahia
49

Comunicação e Governo Eletrônico: Análise da Interface gráfica nos sites governamentais dos estados brasileiros

Santos, Maurício Cunha Dias dos January 2006 (has links)
Submitted by Pós-Com Pós-Com (pos-com@ufba.br) on 2013-09-11T12:14:36Z No. of bitstreams: 1 Mauricio Cunha.pdf: 4446413 bytes, checksum: 650f15dd466d7092106e791f62567ec2 (MD5) / Approved for entry into archive by Rodrigo Meirelles(rodrigomei@ufba.br) on 2013-09-11T17:42:27Z (GMT) No. of bitstreams: 1 Mauricio Cunha.pdf: 4446413 bytes, checksum: 650f15dd466d7092106e791f62567ec2 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-09-11T17:42:27Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Mauricio Cunha.pdf: 4446413 bytes, checksum: 650f15dd466d7092106e791f62567ec2 (MD5) Previous issue date: 2006 / A intenção desta dissertação é avaliar as interfaces gráficas dos portais governamentais dos estados brasileiros, com vistas a construir uma matriz para inspeção de usabilidade desse aparato. Entendemos interface gráfica como o conjunto de elementos técnicos que permitem a interação entre usuário e um sistema computacional e, conseqüentemente, como um item fundamental para o estabelecimento da comunicação. Para tanto, optamos por realizar uma inspeção de usabilidade (cf. NIELSEN, 2000) e utilizar o método heurístico (cf. ROCHA e BARANAUSKA, 2003), que julgamos mais adequado a nosso objeto. As interfaces gráficas de 26 portais governamentais brasileiros e do Distrito Federal foram testadas em três diferentes etapas, de maio de 2004 a maio de 2005, observando os itens acessibilidade, otimização, navegabilidade, tratamento de erros e legibilidade. O resultado do trabalho é a proposta da Matriz para Inspeção da Interface de Websites da Administração Pública Estadual – Brasil – Versão Beta 7.0, que consideramos adequada para verificação da usabilidade dos portais governamentais. A necessidade do estudo das interfaces gráficas é decisiva, em nossa perspectiva, para garantir a ampliação do processo de inclusão digital que não depende apenas da disponibilidade de suporte físico ou de uma interação facilitada com o usuário. / Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas, Faculdade de Comunicação, Universidade Federal da Bahia
50

Portal comunitário : uma ferramenta para auxiliar na construção da cidadania e no desenvolvimento local sustentável estudo de caso: Comunidade Vila Torres Curitiba-PR / Elisamara Ribas Godoy ; orientador José Fernando Arns

Godoy, Elisamara Ribas January 2005 (has links)
Dissertação (mestrado) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, 2005 / Inclui bibliografia / Esta pesquisa objetivou analisar se um portal comunitário na Vila das Torres pode auxiliar nos processos do desenvolvimento da cidadania e na formação de um espaço saudável e sustentado. Este estudo foi delimitado a um público de crianças e adolescentes e

Page generated in 0.337 seconds