• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 138
  • 5
  • 5
  • 5
  • 4
  • 4
  • 3
  • 2
  • 2
  • Tagged with
  • 146
  • 146
  • 88
  • 84
  • 47
  • 37
  • 20
  • 20
  • 20
  • 19
  • 17
  • 17
  • 16
  • 16
  • 15
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Teorias da conspiração : sedução e resistência a partir da literacia mediática

Silva, Sandra January 2010 (has links)
Apesar de pouco mediatizadas, as teorias da conspiração são hoje um fenómeno que se processa à escala planetária, dispondo de um alcance generalizado sobre as massas. Com a democratização dos média proporcionada pela internet, que permite a qualquer pessoa difundir qualquer mensagem, as teorias da conspiração conheceram um “boom”, ganhando dimensão e visibilidade na última década. Numa era em que as teorias da conspiração, bem como outras informações, estão à distância de um simples clique, levanta-se a questão da educação para os média. Com a profusão de conteúdos disponíveis, e sem garantias de que os mesmos sejam fidedignos, impõe-se que as ferramentas de literacia mediática dotem os indivíduos de capacidade para filtrar a informação, desconstruir mensagens, questionar, interpretar e analisar criticamente os conteúdos. A sedução ou resistência que estas teorias provocam nas pessoas pode ser analisado à luz da sua capacidade para atribuir significado à informação, bem como aos cuidados desenvolvidos, ou não, aquando do seu consumo
2

O CDES na mídia : gênese de uma esfera pública política na disputa pela opinião pública

Bruxel, Laerson January 2005 (has links)
A pesquisa analisa a aparição do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) na cena midiática. Instituído pelo Governo Lula no início de 2003, o Conselho é formado por representantes de diversos segmentos da sociedade e ocupa-se do debate de temas da agenda política. O estudo acompanha a entrada e desenvolvimento desse debate na cena midiática, verificando em especial as vozes que ganharam mais visibilidade. A análise concentra-se sobre o material produzido por cinco jornais – Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, Jornal do Brasil, O Globo e Correio Braziliense – durante os anos de 2003 e 2004. Os dados reunidos para esta pesquisa foram submetidos a um processo de interpretação. O intuito é avaliar se a forma como os temas da agenda política foram lançados para a esfera pública pode privilegiar determinados segmentos na disputa pela formação da opinião pública. É através da midiatização das atividades do CDES que grande parcela da população tem acesso a esses temas. Esses subsídios alimentam o debate público. Ao produzir o material simbólico, a mídia atua como ator importante na disputa pela opinião pública.
3

A política externa do governo Figueiredo : a abertura democrática e o debate na imprensa : o Brasil entre os Estados Unidos, o Terceiro Mundo e o eixo regional

Franco, Geisa Cunha 07 1900 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Relações Internacionais, 2008. / Submitted by Jaqueline Oliveira (jaqueoliveiram@gmail.com) on 2008-11-27T17:13:24Z No. of bitstreams: 1 TESE_2008_GeisaCunhaFranco.pdf: 2962763 bytes, checksum: 5b476e438bd141b066f74deb6d1ea0f9 (MD5) / Approved for entry into archive by Georgia Fernandes(georgia@bce.unb.br) on 2009-01-21T11:41:03Z (GMT) No. of bitstreams: 1 TESE_2008_GeisaCunhaFranco.pdf: 2962763 bytes, checksum: 5b476e438bd141b066f74deb6d1ea0f9 (MD5) / Made available in DSpace on 2009-01-21T11:41:03Z (GMT). No. of bitstreams: 1 TESE_2008_GeisaCunhaFranco.pdf: 2962763 bytes, checksum: 5b476e438bd141b066f74deb6d1ea0f9 (MD5) / O objetivo desta tese consiste em recuperar o debate que se travou na imprensa a respeito da política exterior brasileira executada na gestão do chanceler Ramiro Saraiva Guerreiro, durante o governo de João Batista Figueiredo (1979-1985). O período abrange o processo de abertura política, com o conseqüente declínio do regime militar, e o foco da pesquisa incide em uma das conseqüências da democratização, a saber, a emergência das manifestações da opinião pública sobre as decisões de política exterior. Identificam-se as correntes de pensamento que se manifestavam nos jornais a respeito desse tema, a forma como evoluíram, suas respectivas percepções da inserção internacional brasileira, do modelo de estado desenvolvimentista e da política exterior a ele associada, bem como da escolha dos parceiros preferenciais brasileiros diante das transformações que se verificavam no sistema internacional. Para tanto, priorizam-se três eixos de abordagem: as relações do Brasil com os Estados Unidos, com o Terceiro Mundo e com a Argentina. Demonstra-se, no debate realizado na imprensa, a percepção da crise do modelo desenvolvimentista e a emergência de um modelo de inserção em moldes liberais. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / This paper aims at resuming the debate, which was held in the press, on the foreign policy followed by Foreign Minister Ramiro Saraiva Guerreiro during João Batista Figueiredo’s term of office (1979-1985). That was the moment of democratic opening with the consequent fall of the military regime and the study focuses, more specifically, one of the consequences of democratization, namely the emergence of public manifestations about political decisions. From there, the intention is to identify the currents of thought manifested in newspapers and investigate their perceptions of the Brazilian international insertion, of the model of developing state and the foreign policy associated to it, as well as of the choice of Brazilian preferential partners before the transformations which were taking place in the international system. The research prioritizes three approaches: Brazilian relations with the United States, with the developing countries (Third World) and with Argentina; and it try to show, by following the debate, the perception of the Developmental State crisis and the rise of a liberal model of insertion.
4

O CDES na mídia : gênese de uma esfera pública política na disputa pela opinião pública

Bruxel, Laerson January 2005 (has links)
A pesquisa analisa a aparição do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) na cena midiática. Instituído pelo Governo Lula no início de 2003, o Conselho é formado por representantes de diversos segmentos da sociedade e ocupa-se do debate de temas da agenda política. O estudo acompanha a entrada e desenvolvimento desse debate na cena midiática, verificando em especial as vozes que ganharam mais visibilidade. A análise concentra-se sobre o material produzido por cinco jornais – Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, Jornal do Brasil, O Globo e Correio Braziliense – durante os anos de 2003 e 2004. Os dados reunidos para esta pesquisa foram submetidos a um processo de interpretação. O intuito é avaliar se a forma como os temas da agenda política foram lançados para a esfera pública pode privilegiar determinados segmentos na disputa pela formação da opinião pública. É através da midiatização das atividades do CDES que grande parcela da população tem acesso a esses temas. Esses subsídios alimentam o debate público. Ao produzir o material simbólico, a mídia atua como ator importante na disputa pela opinião pública.
5

Opinião pública e punição: da construção de políticas criminais no estado democrático de direito contemporâneo

Almeida, Débora de Souza de January 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2013-08-07T18:43:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000431083-Texto+Parcial-0.pdf: 313831 bytes, checksum: 835abc32948c0e858f1ca5941c239a46 (MD5) Previous issue date: 2011 / One of the themes of greatest highlight in the present criminological scenario, as is widely known, is the analysis of public opinion towards punishment, due to growing concerns over the punitive populism which has been developing in many countries and has, in the citizens‟ punitive outcries, a significant pillar for the outline of more severe responses to criminality, this thesis, bound to the Criminology and Social Control line of research, belonging to the Post-Graduate Programme in Criminal Sciences of the Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, brings, mindful of this context, an interdisciplinary reflection, involving Criminology, Media and Criminal Policy, about the mentality of public opinion on punishment and its (possible) effects in the formulation of criminal policies in the contemporary Democratic State of the Law. Therefore, throughout the first few pages the present work contemplates the system of construction of social reality by the mass media, its forms of action in the shaping of public opinion and its stance as a powerful pressure group in the formulation of said policies. On this occasion, the dissertation was quick to address the link between punitive and media populisms, discussing also the interaction among media, public and political agendas, which were studied with basis on the „agenda-setting‟ theory. In the second instance, the survey focused on the positioning of public opinion between Criminology of the Self and of the Other, to identify, equally, the emergence of desires of psychosocial and of instrumental nuances contained therein. In this vein, considering Becker‟s premise that social reaction, in view of the provocation of moral entrepreneurs, has the power to trigger the process of primary criminalization and that, according to Garland, social mentalities and sensitivities provide shelter and limits to criminal policies, constituting the position expressed by public opinion in letters published in journals an influence in the formulation of criminal policy, the dissertation in its fabric, with the aim of illustrating the panorama of this view, resorted to an empirical analysis of comments published between 01/08/2009 and 31/07/2010 in the "From The Reader" section of Zero Hora newspaper, the daily newspaper of greatest paid circulation in Rio Grande do Sul, standing, in the year 2010, at No. 6 in the Brazilian ranking category, according to the National Association of Newspapers. The final point brings to light the necessary consideration about the appropriate classification of these comments as public or published opinion. Consequently, the possible reflections of these popular demands in Brazilian criminal policy are encompassed, illustrating the problematic of punitive and symbolic laws. Finally, with respect to the hypothesis of disruption to an eventual populist cycle, some possibilities for change were suggested in media practices, in the executive and legislative powers, evoking also the responsibility of citizens in this task. / Sendo cediço que um dos temas de maior destaque no cenário criminológico atual é a análise da opinião pública frente à punição, devido à crescente preocupação diante do populismo punitivo que vem se desenvolvendo em inúmeros países e que possui nos clamores punitivos dos cidadãos um pilar significativo para o delineamento de respostas mais severas à criminalidade, a presente dissertação, vinculada à linha de pesquisa Criminologia e Controle Social, pertencente ao Programa de Pós-Graduação em Ciências Criminais da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, traz, atenta a esse contexto, uma reflexão transdisciplinar, envolvendo Criminologia, Comunicação Social e Política Criminal, sobre a mentalidade da opinião pública frente à punição e seus (possíveis) reflexos na construção de políticas criminais no Estado Democrático de Direito contemporâneo. Para tanto, foram contempladas no decorrer das primeiras páginas a sistemática da construção da realidade social pela mass media, suas formas de atuação na formação da opinião pública e sua postura enquanto potente grupo de pressão na construção das referidas políticas. Nesse ensejo, a dissertação não tardou em abordar a vinculação entre os populismos midiático e punitivo, discorrendo também sobre a interação entre as agendas midiática, pública e política, estudadas pela teoria da agenda-setting. Em um segundo momento, o exame debruçou-se sobre o posicionamento da opinião pública entre as Criminologias do Eu e do Outro, visando identificar, igualmente, a emersão de anseios de nuances psicossocial e instrumental nela contidos. Nessa senda, partindo da premissa beckeriana de que a reação social, mediante a provocação de empresários morais, possui o condão de desencadear o processo de criminalização primária e que, consoante Garland, as mentalidades e sensibilidades sociais fornecem guarida e limites às políticas criminais, constituindo o posicionamento manifestado pela opinião pública em cartas publicadas em periódicos uma influência na elaboração da política criminal, a dissertação em tela, no fito de ilustrar o panorama dessa opinião, recorreu a uma análise empírica dos comentários publicados entre 01/08/2009 e 31/07/2010 na seção “Do Leitor” do jornal Zero Hora, impresso diário de maior circulação paga no Rio Grande do Sul, situando-se, no ano de 2010, na 6º posição da categoria no ranking brasileiro, de acordo com a Associação Nacional de Jornais. Ao final do ponto, traz-se a lume a necessária reflexão sobre a apropriada classificação desses comentários como opinião pública ou publicada. Por conseguinte, são abarcados os possíveis reflexos dessas demandas populares na política criminal brasileira, ilustrando a problemática de leis punitivistas e simbólicas. Por fim, no que tange à hipótese de rompimento de eventual ciclo populista, são aventadas algumas possibilidades de transformação das práticas da mídia, dos poderes executivo e legislativo, evocando ainda a responsabilidade dos cidadãos nessa tarefa.
6

Tempo, custo e imparcialidade do processo judicial e a transparência do Poder Judiciário brasileiro

Araujo, Igor Vidal 29 February 2012 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Mestrado em Administração, 2012. / Submitted by Elna Araújo (elna@bce.unb.br) on 2012-06-28T23:16:47Z No. of bitstreams: 1 2012_IgorVidalAraujo.pdf: 1539321 bytes, checksum: a8d264fad67a9c573fc9382843c62d16 (MD5) / Approved for entry into archive by Jaqueline Ferreira de Souza(jaquefs.braz@gmail.com) on 2012-07-04T12:48:29Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2012_IgorVidalAraujo.pdf: 1539321 bytes, checksum: a8d264fad67a9c573fc9382843c62d16 (MD5) / Made available in DSpace on 2012-07-04T12:48:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2012_IgorVidalAraujo.pdf: 1539321 bytes, checksum: a8d264fad67a9c573fc9382843c62d16 (MD5) / Durante os últimos anos, parte da população brasileira tem mantido um baixo índice de confiança no Poder Judiciário brasileiro. Com vistas a discutir a capacidade para gerar a confiança da opinião pública, a presente dissertação propõe-se a explorar e identificar as informações publicadas sobre tempo, custo e imparcialidade dos processos judiciais realizadas pelos tribunais e como tais informações podem vir a influenciar a transparência do Poder Judiciário brasileiro, que utiliza como interpretação o fenômeno da “assimetria de informações” da Teoria da Agência e o conceito de publicidade de Jurgen Habermas. Com base em estudos e discussões levantados sobre a publicidade e prestação de contas do judiciário no Brasil e em outros países, estabelecem-se parâmetros para a mensuração da celeridade, custo e imparcialidade processuais. O levantamento dos dados baseia-se nas publicações em sítios da internet, sobre informações processuais de 60 tribunais brasileiros e dos Planejamentos Estratégicos de 49 tribunais. Como resultados, a pesquisa aponta que não existe um consenso entre os tribunais brasileiros sobre como aferir a celeridade processual. Esta falta de consenso inviabiliza a divulgação padronizada da duração processual e das etapas, que podem apresentar maior ou menor eficiência. No que se refere ao custo do processo judicial, o estudo demonstra que os tribunais se focam no custo orçamentário indireto dos cidadãos, ao mesmo tempo em que deixam de lado o custo direto com o qual cada litigante deve arcar durante toda a duração de um processo na justiça. Finalmente, em relação à imparcialidade, além das divulgações do Conselho Nacional de Justiça – CNJ - não existe publicação referente às atividades das corregedorias dos tribunais em relação à conduta dos magistrados nem à divulgação de dados estatísticos sobre resultados de julgamentos que possam descrever os interesses concretos dos agentes jurídicos, seus conflitos e as soluções oferecidas pelos julgadores. Esta ausência de informações dificulta a melhoria na confiança da opinião pública em relação ao Judiciário. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / During recent years the Brazilian Judiciary has maintained a low level of confidence on the part of the population. In order to discuss the ability to generate public confidence, this work proposes to explore and identify the information published on time, cost and fairness of judicial proceedings conducted by the courts and how such information may influence the transparency of Brazilian Judiciary. It was based on the phenomenon of "information asymmetry" from Agency Theory and the concept of advertising of Jurgen Habermas. Based on studies and discussions raised on the publicity and accountability of the judiciary in Brazil and other countries, establishes parameters for the measurement of speed, cost and procedural fairness. The survey data is based on publications in websites, procedural information about the 60 Brazilian courts and 49 courts Strategic Planning. As a result, the research shows that there isn’t a consensus among the Brazilian courts on how to measure the speed of the procedure. This lack of consensus undermines the standard of disclosure and procedural length of the steps that may have greater or lesser efficiency. As regards the cost of the lawsuit, the study demonstrates that the courts focus on the indirect cost budget of citizens, while leaving aside the direct cost to each litigant must bear the entire duration of a case justice. Finally, regarding impartiality, in addition to the disclosures of the National Council of Justice-CNJ, there is no publication of the activities of the internal affairs of the courts in relation to the conduct of judges or the dissemination of statistical data on results of trials that could describe the specific interests of legal agents, their conflicts and solutions offered by the panelists. This lack of information hinders the improvement in public confidence in relation to the judiciary.
7

Contribuições metodológicas para análise do agendamento de políticas públicas de transportes na mídia / Methodological contributions to analysis agenda-setting on public transport policies in the media

Grôppo, Leandro Barreto 13 July 2012 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, 2012. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2012-10-17T11:32:06Z No. of bitstreams: 1 2012_LeandroBarretoGroppo.pdf: 634558 bytes, checksum: e03d61ec165c8900f28d01f52785180c (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2012-10-29T11:00:05Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2012_LeandroBarretoGroppo.pdf: 634558 bytes, checksum: e03d61ec165c8900f28d01f52785180c (MD5) / Made available in DSpace on 2012-10-29T11:00:05Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2012_LeandroBarretoGroppo.pdf: 634558 bytes, checksum: e03d61ec165c8900f28d01f52785180c (MD5) / Os transportes desempenham papel fundamental na economia por ser um dos principais agentes de indução de riqueza e desenvolvimento. Empresas e pessoas dependem dos transportes para o atendimento às demandas e expectativas. O que leva a crescente necessidade de infra-estrutura de transportes eficientes, que permitam o escoamento seguro e econômico de cargas e passageiros, recaindo sobre os governos a premência de políticas públicas para o setor. Contudo, apesar da notória necessidade, nem sempre propostas de políticas são levadas em consideração pelos governos, em detrimento de outras que ocupam a pauta de preocupações dos agentes decisores. Um dos fatores explicativos provém do uso, ou não, de ferramental disponível no âmbito da comunicação, explicitado por meio da Teoria da Agenda, que pode contribuir para que um projeto de política pública possa ser agendado perante a opinião pública de forma a ser transformado em agenda pública e política, para sua implementação. A idéia teórica central é que os elementos proeminentes na agenda da mídia acabam tornando-se igualmente para o público, à medida que fazem a intermediação entre a informação e a realidade. Dado o poder central da mídia nas democracias contemporâneas, como um agente fundamental na definição da agenda pública e política. A investigação sobre o agendamento midiático busca fundamentalmente descortinar o grau de ênfase colocado nos tópicos noticiosos, a ponto de formar uma opinião pública favorável que, por sua vez, influenciará as ações dos decisores de políticas públicas. Desse modo, o presente estudo insere contribuições metodológicas para a análise das variáveis de forma a permitir que uma política pública de transportes seja efetivada, contando com a colaboração de seu agendamento na mídia. Buscou-se elucidar as formas nas quais a mídia é capaz de impactar o ciclo das políticas, inferindo sobre métodos a serem seguidos para análises futuras de políticas públicas de transportes, a fim de facilitar seu ciclo e a implantação de projetos em um dos setores com maior gargalo de ações e investimentos no País. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT / Transport plays a important key at the economic role as one of the main agents of induction, wealthy and development. Companies and people depend on transport to meet their demands and expectations. What drives the growing and for infrastructure, efficient transport, enabling the safe and economical disposal of cargo and passengers, falling on governments to urge public policy for this sector. However, despite the widespread need, not always the policy proposals are taken into consideration by governments at the expense of others that occupy the agenda of concerns of agents makers. One of the explanatory factors derived from the use or not tooling available in communication, as explained by the theory of agenda, which may contribute to a project that public policy can be setting before the public in order to be transformed into public and political agenda for its implementation. The central theoretical idea is that elements prominent on the agenda at the media just making it equally to the public, as do the intermediation between information and reality. Given the central power of media in contemporary democracies, as a key agent in setting the agenda and public policy. Research on agenda-setting primarily seeks to unveil the emphasis degree of placed on news topics, the point of forming a favorable public opinion which, in turn, influences the actions of public policy makers. Thus, this study is included methodological contributions that allow the analysis for variables to be analyzed in order to allow a public transport policy to take effect, with the collaboration of his agenda-setting in the media. We sought to elucidate the ways in which media is able to impact the policy cycle, inferring on methods to be followed for future analyzes of public policies for transport to facilitate cycle and implementation of projects in a sector with greater neck of actions and investments in the country.
8

A busca da informação por parte de entidades representativas enquanto formadoras de opinião : um problema gerencial

Baptista, Dulce Maria 07 July 2000 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2000. / Submitted by Jaqueline Ferreira de Souza (jaquefs.braz@gmail.com) on 2011-04-23T15:18:05Z No. of bitstreams: 1 2000_DulceMariaBaptista.pdf: 8657347 bytes, checksum: 56ccb644275be7b4c520dbff315c6029 (MD5) / Approved for entry into archive by Jaqueline Ferreira de Souza(jaquefs.braz@gmail.com) on 2011-04-23T15:20:14Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2000_DulceMariaBaptista.pdf: 8657347 bytes, checksum: 56ccb644275be7b4c520dbff315c6029 (MD5) / Made available in DSpace on 2011-04-23T15:20:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2000_DulceMariaBaptista.pdf: 8657347 bytes, checksum: 56ccb644275be7b4c520dbff315c6029 (MD5) / Pesquisa qualitativa destinada a investigar as necessidades de informação, bem como formas e mecanismos de sua obtenção por parte de entidades representativas brasileiras em sua qualidade de formadoras de opinião. Tais necessidades relacionam-se aos objetivos de cada entidade e envolvem aspectos políticos e gerenciais. O estudo aborda principalmente os aspectos gerenciais, ao descrever comportamentos de busca de informação, recursos utilizados nessa busca, e a própria utilização da informação, a qual serve, de um modo geral, para fundamentar posições e como subsídio indispensável para a influência que as instituições representativas pretendem exercer. Foi selecionada, para o estudo, uma amostra composta de nove entidades relacionada aos seguintes setores: indústria, educação, sindicatos, trabalhadores, setor bancário, mulheres, cultura negra e consumidores. Para a coleta de dados foi utilizada a triangulação de técnicas, com realização de entrevistas informais, aplicação de questionário e análise documental. Os resultados revelam que as fontes impressas têm, para as entidades, a mesma importância que a Internet; a comunicação informal não constitui o principal recurso informacional; existem convergências tanto em termos de necessidades de informação, como em termos do comportamento adotado pelas entidades ao buscarem a informação de seu interesse. / Qualitative research with the purpose of investigating information needs as well as the forms and mechanisms for its procurement by representative institutions in their role of opinion makers. Such needs are related to each entity's objectives and involve political and managerial aspects. The study deals mainly with the managerial aspects, in describing information search behavior, resources that are used in this search, and the use of information itself, which is generally meant to work as an input for positions to be assumed and for the influence that entities intend to exert. A sample of nine institutions was selected for the study, being it related to the following sectors: industry, education, unions, labor, banking, women, black culture and consumers. Triangulation was used as a means for collecting data, with complementary use of informal interviews, questionnaire and document analysis. The results show that to the studied entities, paper sources and Internet are equally important; informal communication does not constitute the main informational resource; there is convergence, both regarding information needs and behavior in searching the information that is of interest to the entities.
9

O CDES na mídia : gênese de uma esfera pública política na disputa pela opinião pública

Bruxel, Laerson January 2005 (has links)
A pesquisa analisa a aparição do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES) na cena midiática. Instituído pelo Governo Lula no início de 2003, o Conselho é formado por representantes de diversos segmentos da sociedade e ocupa-se do debate de temas da agenda política. O estudo acompanha a entrada e desenvolvimento desse debate na cena midiática, verificando em especial as vozes que ganharam mais visibilidade. A análise concentra-se sobre o material produzido por cinco jornais – Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, Jornal do Brasil, O Globo e Correio Braziliense – durante os anos de 2003 e 2004. Os dados reunidos para esta pesquisa foram submetidos a um processo de interpretação. O intuito é avaliar se a forma como os temas da agenda política foram lançados para a esfera pública pode privilegiar determinados segmentos na disputa pela formação da opinião pública. É através da midiatização das atividades do CDES que grande parcela da população tem acesso a esses temas. Esses subsídios alimentam o debate público. Ao produzir o material simbólico, a mídia atua como ator importante na disputa pela opinião pública.
10

Decifrando a volatilidade da opinião pública no referendo sobre a proibição do comércio de armas e munição no Brasil

Lima, Roberto Santos Leite Falcão de 31 January 2012 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T15:53:49Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo8988_1.pdf: 960541 bytes, checksum: 818ce9af71f4566c28387c3bc2eec286 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2012 / As opiniões a respeito de temas públicos são formadas a partir de complexos processos sociais que envolvem indivíduos, grupos e instituições de comunicação social. A formação da opinião pública envolve diversos fatores como a relação entre os membros de um grupo social, as experiências vivenciadas, as expectativas para com as instituições envolvidas no tema, e a influências da mídia e das elites políticas. Tais fatores podem resultar numa ruptura ideológica. (PAGE e SHAPIRO, 1992). No Brasil, o episódio do Referendo Sobre a Proibição do Comércio de Armas e Munição foi um exemplo sui generis na história do país. A poucos meses do pleito, segundo o IBOPE, cerca de 80% da população era a favor da proibição do comércio de armas e munições. No entanto, ao final da apuração, no dia 23 de outubro de 2005, a medida não foi aprovada pela população, tendo o lado favorável ao comércio de armas e munições vencido em todos os Estados da Federação. Partindo do princípio de que as alterações na opinião pública podem ser explicadas, buscou-se neste trabalho encontrar um nexo explicativo para o resultado do pleito, através de uma discussão teórica acerca da formação e da mudança na opinião pública; da análise de pesquisas de opinião; e verificando o posicionamento dos atores nessa arena de interesses, suas estratégias políticas e de comunicação, e os fatores que influenciaram na recepção dessas mensagens. Concluindo que a falta de confiança e a má avaliação das polícias pelos cidadãos, bem como o uso massivo da propaganda focada nestes pontos por parte da elite política, foram fundamentais para a ruptura ideológica no Referendo de 2005

Page generated in 0.1286 seconds