• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 152
  • 9
  • 9
  • 9
  • 9
  • 8
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 157
  • 55
  • 42
  • 30
  • 28
  • 25
  • 24
  • 21
  • 19
  • 16
  • 14
  • 14
  • 14
  • 14
  • 14
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Influência do N amostral e das características do relevo na qualidade de modelos digitais do terreno

Sopchaki, Carlos Henrique January 2016 (has links)
Orientador : Prof. Dr. Tony Vinicius Moreira Sampaio / Tese (doutorado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Programa de Pós-Graduação em Geografia. Defesa: Curitiba, 27/07/2016 / Inclui referências : fls. 120-137 / Resumo: Os Modelos Digitais do Terreno (MDTs) são importantes ferramentas para representação digital do relevo. MDTs são utilizados para obtenção de informações e avaliações de fenômenos e processos, tais como: modelagem do fluxo de água, suscetibilidade a movimento de massas, avaliação de riscos naturais e outros. Por esse motivo têm sido utilizados por diversos ramos da ciência, como Geotecnia, Geografia, Engenharias, Geologia e Gemorfologia. A qualidade dos MDTs e de seus atributos derivados é influenciada por fatores como escala, resolução espacial, interpolador, densidade amostral e morfologia do terreno. No tocante à densidade amostral e à morfologia do terreno, há uma escassez de estudos com o propósito de investigar as influências desses sobre a qualidade dos MDTs e atributos derivados. Esta carência é ainda maior, no que se refere à escalas iguais ou maiores do que 1:5000 e, sob características morfológicas do relevo em paisagens brasileiras. Sendo assim, o objetivo desta pesquisa foi o de verificar a influência do ?? amostral e do relevo na geração de MDTs entre as escalas 1:1000 e 1:5000. Foram analisadas três tipologias de relevo, a saber: terrenos com Índice de Concentração de Rugosidade (ICR) Ondulado, Fortemente Ondulado e Escarpado, todas situadas na região da Serra do Mar (Cajati/SP). Para o levantamento de campo foi utilizada estação total Leica TS12P, tendo sido geradas nuvens de pontos com densidades amostrais de 5,7 pontos/m² na área de ICR Ondulado, 9,6 pontos/m² na área de ICR Fortemente Ondulado e 4,5 pontos/m² na área de ICR Escarpado. Todos os pontos levantados em campo privilegiaram a máxima densidade possível e a identificação de todas as feições relevantes para caracterização do relevo. Foram separados 20 pontos de validação em cada área e gerados 24 pares de MDTs, tendo cada par o mesmo ?? amostral porém diferentes arranjos. Os pares de MDTs foram gerados a partir da densidade de 45 pontos/ha (0,0045 pontos/m²), chegando a 43200 pontos/ha (4,32 pontos/m²). Foi avaliado o enquadramento nas escalas 1:1000, 1:2000 e 1:5000 junto à NBR 13133, ao PEC nas classes A, B e C e ao PEC-PCD nas classes A, B, C e D. Foram efetuadas análises comparativas e estatísticas para os pares de MDTs, tanto para altimetria, quanto para a declividade. Os resultados demonstraram que quanto maior a classe de ICR, maior a densidade amostral necessária para garantir que MDTs gerados na mesma área, com mesmo ?? amostral, porém arranjos amostrais diferentes tenham o mesmo padrão de acurácia. A pesquisa permitiu chegar aos valores aproximados de densidade amostral que são necessários para que um MDT atinja a Classe A do PEC-PCD para as escalas 1:1000 e 1:2000, e 1:5000, nas três classes de ICR distintas. Foram deduzidas equações para o cálculo aproximado da densidade amostral necessária para que se alcance um valor desejado de acurácia (para níveis de significância de 90% e 95%). A qualidade altimétrica observada nos MDTs não foi alcançada na obtenção da declividade, a qual se mostrou extremamente sensível a quaisquer alterações na altimetria. Palavras chave: Acurácia. MDT. Declividade. NBR 13133. PEC-PCD. / Abstract: The Digital Terrain Models (DTMs) are important tools for digital relief representation. DTMs are used to obtain information and assessments of phenomena and processes, such as modeling of water flow, susceptibility to mass movement, natural hazards assessment and others. For this reason it has been used for many areas of science, such as Geotechnical, Geography, Engineering, Geology and Gemorphology. The quality of the DTMs and their derived attributes is influenced by factors such as scale, spatial resolution, interpolator, sample density and terrain morphology. Regarding the sample density and terrain morphology, there is a shortage of studies in order to investigate the influence of these on the quality of DTMs and derived attributes. This shortage is even greater in relation to the scales equal to or greater than 1: 5000 and morphological characteristics under the Brazilian landscapes relief. Thus, the aim of this study was to investigate the influence of sampling density and relief characteristics in the generation of DTMs between the scales 1: 1000 and 1: 5000. Three different types of relief were analyzed: terrains with Roughness Concentration Index (RCI) Wavy, Strongly Wavy and Rugged, all located in the region of Serra do Mar (Cajati/SP). For the field survey was used total station Leica TS12P and point clouds were generated with sample density of 5.7 points/m² in the area of RCI Wavy, 9.6 points/m² in RCI Strongly Wavy area and 4.5 points/m² in the area of RCI rugged. All points measured in the field work emphasize the maximum possible density and the identification of all relevant features to characterize the relief. Twenty check points were separated into each area and 24 pairs of DTMs were generated, each pair having the same sample size but different arrangements. Pair of DTMs were generated from 45 points/ha density (0.0045 points/m²), reaching 43200 points/ha (4.32 points/m²). The acceptance on the scales 1:1000, 1:2000 and 1:5000 of the NBR 13133, the PEC in classes A, B and C and the PEC-PCD in classes A, B, C and D was evaluated. Comparative and statistical analyzes were performed for the pairs of DTMs, both altimetry, and for the slope. The results showed that the higher the RCI class, the greater sample density required to ensure that DTMs generated in the same area with the same sample size, but different arrangements have the same pattern accuracy. The study allowed to infer approximate values of sample density which are required for a DTM reach the Class A PEC-PCD for scales 1:1000 and 1:2000 and 1:5000 in the three different classes of RCI. Equations were deduced for the approximate calculation of the sample density required for achieving a desired amount of accuracy (for significance levels of 90% and 95%). The altimetric quality observed in the DTMs was not reached in obtaining the slope, which proved extremely sensitive to any changes in the altimetry. Keywords: Accuracy. DTM. Slope. NBR 13133. PEC-PCD.
2

ntegração do mapeamento digital do relevo e de solos na Ecorregião do Chapadão do São Francisco

Farias, Marcus Fábio Ribeiro 08 August 2016 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Programa de Pós Graduação em Geografia, 2016. / Submitted by Fernanda Percia França (fernandafranca@bce.unb.br) on 2016-12-08T17:19:18Z No. of bitstreams: 1 2016_MarcusFabioRibeiroFarias.pdf: 7931100 bytes, checksum: 64fa92a59f28530250b5f6dbc1acf405 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2017-01-31T21:12:06Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_MarcusFabioRibeiroFarias.pdf: 7931100 bytes, checksum: 64fa92a59f28530250b5f6dbc1acf405 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-01-31T21:12:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_MarcusFabioRibeiroFarias.pdf: 7931100 bytes, checksum: 64fa92a59f28530250b5f6dbc1acf405 (MD5) / O relevo é o resultado da interação da litosfera com o clima. Os agentes internos promovem a variação de aspectos composicionais e estruturais dos materiais geológicos, enquanto que os agentes externos promovem a meteorização destes materiais a partir da ação climática. Os agentes externos são mais atuantes nas zonas intertropicais, onde domina a ação do intemperismo químico. O modelo que explica a evolução do relevo para estas regiões é o de etchplanação, onde a ação do clima sobre as rochas produz um regolito laterítico espesso, que controla a evolução do relevo nas etapas posteriores de dissecação. A relação solo-relevo delimita sequências de evolução, tanto topossequências, como litossequências. O trabalho foi realizado na ecorregião do Chapadão do São Francisco situado na região Nordeste do Brasil. O objetivo desta tese é propor um modelo pedogeomorfogenético da Ecorregião do Chapadão do São Francisco. Para isso, o metodo utilizado foi mapear o relevo usando os atributos MDE, Declividade e Profundidade de Vale. Em seguida, foi gerado os mapas de solos dentro de cada unidade geomorfológica a partir de amostras de argila e cor para definir as classes de solos. Para isso foi usado o método de interpolação por Krigagem Universal. Também elaborou-se um modelo de evolução pedogeomorfogenético a partir da relação entre relevo, solo e espessura litológica para explicar a evolução da paisagem ao longo do tempo. O resultado do contexto geomorfológico mostra que existem as unidades geomorfológicas de Topos, Chapada Intermediária, Chapada Baixa, Depressão Intraplanáltica, Frente de Recuo Erosivo e Planície Fluvial. As unidades de Topo concentram os Latossolos argilosos e mais avermelhados associados à Formação Chapadão, cronocorrelata com a superfície de aplainamento Sulamericana de King. No modelo de etchplanação corresponde ao ciclo de formação do etchplano, formado no Terciário, entre o Paleoceno e o Mioceno. Esta fase corresponde a uma condição climática muito úmida e muito quente, que permitiu a formação de solos profundos, mais argilosos e intemperizados sobre os arenitos. As outras unidades correspondem a porções de denudação que ocorreram após o Mioceno, onde os solos perderam preferencialmente a fração argila por erosão diferencial. Os solos apresentam aumento da fração areia nas outras unidades em direção às porções mais baixas da paisagem, sobre os arenitos. Dessa forma, pode-se sugerir que o etchplano desenvolvido sobre o Grupo Urucuia foi parcialmente denudado, com as unidades mais rebaixadas aflorando saprólitos sobre arenitos. Na porção mais elevada está preservado os perfis mais antigos, formados na época mais úmida pós-cretácica. As unidades que apresentam os solos menos evoluídos são as unidades de Frente de Recuo Erosivo, onde ocorre solos rasos, a Planície Fluvial, com presença de solos hidromórficos e Depressão Intraplanáltica, esta última apresenta influências marcantes do material de origem (arenito). / The relief is the result of the interaction of the lithosphere with the weather. Internal agents promote the variation of compositional and structural aspects of geological materials, while the external weathering agents promote these materials from the climate action. External agents are most active in the intertropical zones, where it dominates the action of chemical weathering. The model that explains the evolution of relief for these regions is the etchplanação where climate action on rocks produces a laterite regolito thick, which controls the evolution of the relief in the later stages of dissection. The soil-relief relationship defines evolution sequences, both toposequences as litosequency. The work was carried out in the ecoregion Chapadão do São Francisco located in the Northeast of Brazil. The objective of this thesis is to propose a model of pedogeomorfogenético Ecoregion of the Chapadão do São Francisco. For this, the method used was to map the relief using the MDE attributes, declivity and depth Valley. Then, the soil was generated maps within each unit geomorphology from clay and color patches to define soil classes. For this, we used the interpolation method Kriging Universal. Also developed a model of pedogeomorfogenético evolution from the relationship between relief, soil and lithological thickness to explain the evolution of the landscape over time. The result of the geomorphological context shows that there are geomorphological units Topos, Intermediate Plateau, Low Plateau, Intra plateau Depression, Front Erosive and Fluvial Plain. The top units concentrate the clayey Oxisols and redder associated with Training Chapadão, chrono correlated with surface planing Sulamericana King. In etchplanação model corresponds to etchplano of the training course, formed in the Tertiary, between the Paleocene and Miocene. This phase corresponds to a very wet weather conditions and very hot, which allowed the formation of deep soils, clayey and weathered on the sandstones. The other units correspond to denudation of portions that occurred after the Miocene, where soils preferably lost the clay fraction by differential erosion. The soils have increased sand fraction in other units toward the lower portions of the landscape on the sandstones. Thus, it can be suggested that the etchplano developed on Urucuia Group was partially denuded with the most debased units outcropping sandstones on saprolite. The highest portion is preserved older profiles formed in wetter time post-Cretaceous. The units with the less evolved soils are the Indent front units Erosive where is shallow soils, the River Plain, with the presence of hydromorphic and Depression Intraplanáltica soils, the latter shows remarkable influences of the parent material (sandstone).
3

Classificação e fragmentação das formas de terreno na análise do relevo tropical

Souza, Vinicius Vasconcelos de 05 October 2016 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Programa de Pós Graduação em Geografia, 2016. / Submitted by Fernanda Percia França (fernandafranca@bce.unb.br) on 2017-02-02T20:09:32Z No. of bitstreams: 1 2016_ViniciusVasconcelosdeSouza.pdf: 5412199 bytes, checksum: 5a2dc1ee58193ac3f248b2c2e17bf480 (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana(raquelviana@bce.unb.br) on 2017-02-08T20:09:14Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_ViniciusVasconcelosdeSouza.pdf: 5412199 bytes, checksum: 5a2dc1ee58193ac3f248b2c2e17bf480 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-02-08T20:09:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_ViniciusVasconcelosdeSouza.pdf: 5412199 bytes, checksum: 5a2dc1ee58193ac3f248b2c2e17bf480 (MD5) / Relevos tropicais desenvolvem superfícies de aplainamento que podem remontar ao início do Terciário, cujo desenvolvimento é caracterizado pela evolução de etchplanos em paleoclima mais quente e úmido e posterior denudação e dissecação, tornando a paisagem mais heterogênea e fragmentada. O desafio recorrente para a Geomorfometria é modelar relevos suaves de baixa amplitude a partir de Modelo Digital de Elevação (MDE). Assim, o objetivo desse trabalho foi desenvolver uma abordagem de classificação de Formas de Terreno e de fragmentação para avaliar a evolução tropical por etchplanação. A área de estudo localiza-se na Faixa Brasília de Dobramentos, caracterizada por Planaltos Retocados, Planaltos Dissecados e Depressões Cársticas em diferentes estágios denudação. Inicialmente, a classificação das Formas de Terreno foi realizada na bacia de referência do Rio Jardim com as seguintes etapas: (1) obtenção das curvaturas longitudinal, transversal, mínima e máxima a partir de MDE; (2) criação uma assinatura geométrica a partir dessas curvaturas; (3) aplicação dos processamentos digitais sequenciais Mínimum Noise Fraction e Purity Pixel Index para reconhecer e selecionar as assinaturas geométricas; (4) classificação sequencial por similaridade, utilizando o Spectral Correlation Mapper (SCM) e a Mínima Distância (MD). A identificação das assinaturas geométricas evidenciou a existência de curvas formato de “U” (U-Type) e de “N” (N-Type). Os resultados dessa classificação podem ser divididos em três níveis de detalhe: (1) nível simples com três classes (convexo, transicional e côncavo); (2) nível intermediário com as mesmas três classes, mas em padrões diferentes (N-Type e U-Type), totalizando 6 classes; (3) nível mais detalhado com 12 classes. A classificação dentro da bacia do Rio Jardim mostra o contexto das vertentes assimétricas, canais e cabeceiras de drenagem em diferentes níveis de dissecação e interflúvios bem delimitados. Aplicação do procedimento foi realizado no contexto regional que considera 7 compartimentos geomorfológicos: Planalto Retocado do Paranoá (PRP), Planalto Retocado Bambuí-Canastra (PRBC), Planalto Dissecado Araxá-Canastra (PDAC), Planalto Dissecado Paranoá-Canastra (PDPC), Depressão Cárstica Vazante-Bambuí (DCVB), Depressão Cárstica Paranoá-Canastra (DCPC), Depressão Cárstica Paranoá-Bambuí (DCPB). Na abordagem regional a classificação utilizou apenas a MD, visando individualizar uma assinatura única das formas planas, considerada a matriz para o estudo da fragmentação do relevo e sua correlação com o processo de etchplanação. Assim, foram classificadas 7 Formas de Terreno (HiCx, LoCx, Pl, Cx-Cc, Cc-Cx, LoCc, HiCc) correlacionadas, respectivamente, aos relevos: residuais, residuais/denudados, denudados, denudados/dissecados/depositados, dissecados/depositados e dissecados. A organização dessas Formas de Terreno é medida, primeiramente, por compartimento, considerando a Frequência (Fr), Número de Patches (NP) e Proporção de Patches (PP). Os valores desses parâmetros variam de acordo com o estágio de denudação do compartimento que está intimamente relacionado com o balanço entre as formas convexas, côncavas e planas. A partir da Fr e da PP foi gerado o Índice Geomorfométrico de Denudação (IGD), considerando a relação entre relevos convexos e côncavos e entre relevos planos e côncavos, tanto para Frequência (IGDf), quanto para a Proporção de Patches (IGDn). Também foi analisada a diferença dos valores entre PP e Fr, que mostra a fragmentação de uma mesma classe de Formas de Terreno em diferentes compartimentos. As Formas de Terreno também foram medidas por métricas de tamanho do patch (MPS e PSSD), tamanho do contorno do patch (MPE), de complexidade (MPAR), de diversidade (SHDI) e de densidade (PD e ED). Análise de Principais Componentes (ACP) apresenta que as métricas de densidade determinaram Planaltos Dissecados, as métricas de tamanho determinaram Planaltos Retocados e a métrica de diversidade determinaram Depressões Cársticas. A dinâmica do relevo avaliada pela as métricas e auxiliada pelas as informações pedológicas, litológicas e geomorfológicas dos compartimentos possibilitou a classificação dos estágios de etchplanação: Etchplano Mantado levemente dissecado (PRP), Etchplano Mantado dissecado (PRBC) Etchplano Parcialmente Denudado (PDAC), Etchplano Denudado (PDPC e DCVB), Etchplano Coberto (DCPC) e Etchplano Coberto/Exumado (DCPB). / Tropical reliefs develop planning surfaces that can be traced back to the beginning of Tertiary. Etchplanation proccess is characterized by the evolution of etchplains in paleoclimate wetter and warmer, influencing denudation and desiccation, consequently, fragmenting the landscape. Considering the planning surfaces, the applicant challenge for Geomorphometry is to model plain landforms from Digital Elevation Model (DEM). The objective of this work was to develop a landform classification and fragmentation approach to assess the evolution of tropical relief by etchplanation. The study area is located in Brasilia Fold Belt, characterized by Retouched Plateaus, Dissected Plateaus, and Karst Depressions at different stages of differential denudation. Initially, the classification of landforms was held in Jardim River Basin with the following steps: (1) obtaining the longitudinal, cross-section, minimum and maximum curvatures from DEM; (2) creating a geometric signature from these curvatures; (3) application of the sequential digital processing Minimum Noise Fraction and Pixel Purity Index to recognize and select the geometric signatures; (4) sequential classification using similarity by Spectral Correlation Mapper (SCM) and distance by Minimum Distance (MD). The identification of the geometrical signatures showed the existence of curves in the form of "U" (U-type) and "N" (N-type). The results of this classification can be divided into three levels of detail: (1) simple level with three classes (convex, concave and transitional); (2) intermediate level with the same three classes, but with different patterns (N-Type and U-Type), totalling 6 classes; (3) more detailed level with 12 classes. The classification within Jardim River Basin shows the asymmetrical hillsides, channels and drainage headslope in different dissection levels, and well-defined interfluves. Application of the procedure was carried out in the regional context that considers 7 geomorphological compartments: Retouched Plateau of Paranoá (RPP), Retouched Plateau Bambuí-Canastra (RPBC), Dissected Plateau Araxá-Canastra (DPAC), Dissected Plateau Paranoá-Canastra (DPPC) Karst Depression Vazante-Bambuí (KDVB), Karst Depression Paranoá-Canastra (KDPC), Karst Depression Paranoá-Bambuí (KDPB). In the Regional approach, the landform classification only used the MD, aiming to individualize a unique geometric signature of plains shapes, considered the matrix for the study of the relief fragmentation and its correlation with the etchplanation process. So, they were classified 7 landforms (HiCx, LoCx, Pl, Cx-Cc, Cc-Cx, LoCc, HiCc) correlated, respectively, with residual reliefs, residual/denudated reliefs, residual/deposited reliefs, denudated reliefs, denudated/dissected/deposited relief, dissected/deposited relief and dissected relief. The organization of these landforms is measured primarily for geomorphologic compartment, considering the Frequency (Fr) Number of Patches (NP) and Patches Proportion (PP). The values of these parameters vary with the compartment denudation stage that is closely related to the balance between convex, concave and plain landforms. From the Fr and PP was generated Geomorphometric Denudation Index (GDI), considering the relationship between convex and concave reliefs and between plains and concave relief, for Frequency (GDIf), and for Patches Proportion (GDIn). It also analyzed the difference between PP and Fr through the subtraction between the two metrics that presents the fragmentation of a landform class in different compartments. These landforms were also measured by patch size (MPS and PSSD), patch edge (MPE), complexity (MPAR), diversity (SHDI) and density (PD and ED). Principal Components Analysis (PCA) has shown that the density metrics determined Dissected Plateaus, the size metrics determined Retouched Plateaus and diversity metrics determined Karst Depressions. The relief dynamics assessed by theses metrics and aided by the soil, lithological and geomorphological compartments information allowed the classification of etchplanation stages: Slightly Dissected Mantles Etchplain (RPP), Dissected Mantles Etchplain (RPBC), Partly Stripped Etchplain (DPAC), Stripped Etchplain (DPPC and KDVB) Covered Etchplain (KDPC) and Covered/Exhumed Etchplain (KDPB).
4

Classificação das formas de terreno e a sua relação com os solos do Chapadão do Zagaia, Serra da Canastra - MG

Vasconcelos, Vinicius 08 July 2011 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Geografia, Programa de Pós-Graduação em Geografia, 2011. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2012-03-08T12:17:06Z No. of bitstreams: 1 2011_ViniciusVasconcelos.pdf: 7284564 bytes, checksum: 992113670747d6adbce31b79318963dd (MD5) / Approved for entry into archive by Leila Fernandes (leilabiblio@yahoo.com.br) on 2012-03-16T12:43:19Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_ViniciusVasconcelos.pdf: 7284564 bytes, checksum: 992113670747d6adbce31b79318963dd (MD5) / Made available in DSpace on 2012-03-16T12:43:19Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_ViniciusVasconcelos.pdf: 7284564 bytes, checksum: 992113670747d6adbce31b79318963dd (MD5) / O presente trabalho propõe uma nova metodologia para classificar as Formas de Terreno e os Elementos das Formas de Terreno e correlacioná-los com os solos do Chapadão do Zagaia na Serra da Canastra - MG. O método é composto por duas etapas, que se organizam dentro de uma estrutura hierárquica conforme as ordens de grandezas das feições de relevo. A primeira etapa consiste na detecção das feições predominantes caracterizadas pelos atributos de altimetria e declividade (Ambientes Geomorfológicos). A segunda etapa consiste na utilização das classes identificadas na primeira etapa como subconjuntos para a obtenção dos Compartimentos do Relevo e das Formas do Relevo a partir de uma imagem de curvaturas com seis canais: 1-Vertical, 2- Longitudinal, 3-Secção Cruzada, 4-Mínima, 5-Máxima e 6- Horizontal. Para gerar os Compartimentos e Formas, a imagem é submetida às seguintes etapas (a) redução da dimensão espectral (b) redução da dimensão espacial e identificação das assinaturas geomorfométricas. O método de classificação espectral utilizado é o Spectral Angle Mapper (SAM). A partir de uma pedossequência de solos é observado a relação entre os Compartimentos do Relevo e suas respectivas Formas. Os solos do Chapadão do Zagaia apresentam características químicas eletropositivas, altos teores de gibbsita que aumentam em direção aos solos hidromórficos na base da pedossequência. Essa relação mineralógica é incomum em ambientes hidromórficos o que sugere uma inversão de relevo. A morfogênese corrobora essa interpretação pelos abatimentos do terreno promovidos por erosão subsuperficial (piping) e conseqüente coluviamento. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT / This work proposes a new methodology for classifying Landforms and Landforms Elements to correlate with the soils of Chapadão do Zagaia in the Serra da Canastra - MG. The method consists of two steps, which are organized in a hierarchical structure according to orders of magnitude of the relief features. The first step is to detect the predominant features characterized by the terrain attributes, altitude and slope (geomorphic environments). The second step uses the classes identified in the first step as subsets to obtain the Relief Compartments and the Relief Forms from an image of curvature with six channels: 1-Profile, 2-Longitudinal, 3- Cross-Section, 4-Minimum, 5- Maximum and 6- Plan. To generate the Forms and Compartments, the image undergoes the following steps (a) reduction of the spectrum size (b) reduction of the spatial size and identification of geomorphometric signatures. The method of spectral classification used is the Spectral Angle Mapper (SAM). This methodology combined with pedological information, makes possible to clarify the relationship between relief and soil. It is observed from a pedossequence of soil the relationship between the Compartments and the Relief Forms. Soils of the Chapadão do Zagaia have electropositive characteristics, high levels of gibbsite which increase towards the hydromorphic soil, at the pedosequence base. This minerology is unusual in a hydromorphic environment what suggest a relief inversion. The morphogenesis supports this interpretation by terrain collapses promoted by subsurface erosion (piping) and subsequent colluvial deposition.
5

Evolução tectono-sedimentar mesozóico-cenozóica da região de Franca /

Perdoncini, Leila Cristina. January 2003 (has links)
Orientador: Sebastião Gomes de Carvalho / Banca: Nicolau Ladislau Ervin Haralyi / Banca: Yociteru Hasui / Banca: João Batista Moreschi / Banca: Rainer Aloys Schultz-Guttler / Resumo: A região de Franca situa-se na borda nordeste da Bacia do Paraná, sendo margeada a nordeste por um soerguimento regional contemporâneo à individualização da Placa Sul-Americana e abertura do Oceano Atlântico Sul, o Soerguimento do Alto Paranaíba. A área é caracterizada por rochas do Grupo Araxá-Canastra (Pré-Cambriano) sobrepostas discordantemente por, da base para o topo, arenitos e conglomerados glaciogênicos da Formação Aquidauana (Permo-Carbonífero), arenitos eólicos e conglomerados eólico-fluviais da Formação Botucatu (Jurássico-Cretáceo) intercalados por rochas basálticas (derrames e sills) da Formação Serra Geral (Cretáceo), e rochas siliciclásticas do Grupo Bauru (Cretáceo Superior). Estas rochas encontram-se recobertas por sedimentos inconsolidados (Cenozóico), freqüentemente lateritizados. A história geológica mesozóico-cenozóica da região de Franca foi determinada por mecanismos tectono-sedimentares controlando a distribuição da sedimentação detrítica e formação de pláceres diamantíferos. O estudo de fácies sedimentares das unidades mesozóico-cenozóicas permitiu a caracterização das assembléias mineralógicas presentes, sob o enfoque de sedimentação fortemente vinculada a eventos de desnudação continental, com o preenchimento sedimentar de bacias, associado à elaboração de superfícies de aplanamento. O comportamento morfoestrutural e morfotectônico, ao qual as unidades aflorantes foram submetidas, condicionando a morfologia do relevo e a instalação da rede de drenagem num quadro estrutural, permitiu a caracterização da evolução tectono-sedimentar da região, sob um enfoque neotectônico. No Cenozóico, a morfologia do relevo e a instalação da rede de drenagem parecem fortemente controladas por um quadro de estruturas tectônicas... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: The region of Franca is located in the northeastern limits of the Paraná Basin, aside the Alto Paranaíba Uplift, with associated kimbelitic bodies. Its evolution is contemporaneous to the individualization of the South America Plate and by the opening of South Atlantic Ocean. The Mesozoic-Cenozoic geology of the Franca region is characterized by basement rocks of Araxá Group (Pré-Cambrian) overlaid, from bottom to top, by glaciogenic sandstones and conglomerates of the Aquidauana Formation (Permo- Carboniferous), eolic sandstone and fluvial-eolic conglomerates of the Botucatu Formation (Jurassic-Cretaceous), basaltic rocks of the Serra Geral Formation (Cretaceous), and by siliciclastic rocks of the Bauru Group (Late Cretaceous). All these rocks are covered unconformably, by lateritizated eluvial-coluvial cenozoic sediments. The area was conditioned by tectono-sedimentary events, wich controlled the detritic sedimentary distribution and the diamontiferous placers. The sedimentary facies study was done to characterize the mineralogical assemblage, under the light of a sedimentation associated with continental denudation, and planation surface elaboration. The morphotectonic and morphostructural pattern determine the relief features and the instalation of the drainage network on a structural frame, and allow to interpret the tectono-sedimentary evolution of the region in a neotectonic context. During the Cenozoic, the relief and drainage network instalation were controlled by tectonic structures associated with transtensive (NW-SE and E-W) and transpressive (NE-SW) features. The sequence of different tectono-sedimentary cycles resulted, probably, in erosion of kimberlitic of the Alto Paranaíba Uplift, provinding selection and progressive enrichment of resistent material, stable and ultra-stable rocks and minerals in to the Cretaceous (Bauru Group) and Cenozoic... (Complete abstract, access undermentioned electronic address) / Doutor
6

Evolução tectono-sedimentar mesozóico-cenozóica da região de Franca

Perdoncini, Leila Cristina [UNESP] 09 May 2003 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:21Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2003-05-09Bitstream added on 2014-06-13T21:04:07Z : No. of bitstreams: 1 perdoncini_lc_dr_rcla.pdf: 16690104 bytes, checksum: c4766b43925c698a5f5413c30198f9eb (MD5) / A região de Franca situa-se na borda nordeste da Bacia do Paraná, sendo margeada a nordeste por um soerguimento regional contemporâneo à individualização da Placa Sul-Americana e abertura do Oceano Atlântico Sul, o Soerguimento do Alto Paranaíba. A área é caracterizada por rochas do Grupo Araxá-Canastra (Pré-Cambriano) sobrepostas discordantemente por, da base para o topo, arenitos e conglomerados glaciogênicos da Formação Aquidauana (Permo-Carbonífero), arenitos eólicos e conglomerados eólico-fluviais da Formação Botucatu (Jurássico-Cretáceo) intercalados por rochas basálticas (derrames e sills) da Formação Serra Geral (Cretáceo), e rochas siliciclásticas do Grupo Bauru (Cretáceo Superior). Estas rochas encontram-se recobertas por sedimentos inconsolidados (Cenozóico), freqüentemente lateritizados. A história geológica mesozóico-cenozóica da região de Franca foi determinada por mecanismos tectono-sedimentares controlando a distribuição da sedimentação detrítica e formação de pláceres diamantíferos. O estudo de fácies sedimentares das unidades mesozóico-cenozóicas permitiu a caracterização das assembléias mineralógicas presentes, sob o enfoque de sedimentação fortemente vinculada a eventos de desnudação continental, com o preenchimento sedimentar de bacias, associado à elaboração de superfícies de aplanamento. O comportamento morfoestrutural e morfotectônico, ao qual as unidades aflorantes foram submetidas, condicionando a morfologia do relevo e a instalação da rede de drenagem num quadro estrutural, permitiu a caracterização da evolução tectono-sedimentar da região, sob um enfoque neotectônico. No Cenozóico, a morfologia do relevo e a instalação da rede de drenagem parecem fortemente controladas por um quadro de estruturas tectônicas... / The region of Franca is located in the northeastern limits of the Paraná Basin, aside the Alto Paranaíba Uplift, with associated kimbelitic bodies. Its evolution is contemporaneous to the individualization of the South America Plate and by the opening of South Atlantic Ocean. The Mesozoic-Cenozoic geology of the Franca region is characterized by basement rocks of Araxá Group (Pré-Cambrian) overlaid, from bottom to top, by glaciogenic sandstones and conglomerates of the Aquidauana Formation (Permo- Carboniferous), eolic sandstone and fluvial-eolic conglomerates of the Botucatu Formation (Jurassic-Cretaceous), basaltic rocks of the Serra Geral Formation (Cretaceous), and by siliciclastic rocks of the Bauru Group (Late Cretaceous). All these rocks are covered unconformably, by lateritizated eluvial-coluvial cenozoic sediments. The area was conditioned by tectono-sedimentary events, wich controlled the detritic sedimentary distribution and the diamontiferous placers. The sedimentary facies study was done to characterize the mineralogical assemblage, under the light of a sedimentation associated with continental denudation, and planation surface elaboration. The morphotectonic and morphostructural pattern determine the relief features and the instalation of the drainage network on a structural frame, and allow to interpret the tectono-sedimentary evolution of the region in a neotectonic context. During the Cenozoic, the relief and drainage network instalation were controlled by tectonic structures associated with transtensive (NW-SE and E-W) and transpressive (NE-SW) features. The sequence of different tectono-sedimentary cycles resulted, probably, in erosion of kimberlitic of the Alto Paranaíba Uplift, provinding selection and progressive enrichment of resistent material, stable and ultra-stable rocks and minerals in to the Cretaceous (Bauru Group) and Cenozoic... (Complete abstract, access undermentioned electronic address)
7

Superfícies aplanadas do planalto de Guarapuava

Palhares, José Mauro, 1969- 27 February 2012 (has links)
Resumo: A Tese foi construída no âmbito das geociências com foco específico no campo da geomorfologia. O objeto de análise são as superfícies aplanadas do planalto de Guarapuava-PR no transecto entre os rios Piquiri e Iguaçu. A relevância e a importância da Tese se deram no trato da temática na região do Terceiro Planalto, no que se refere aos benefícios diretos e indiretos que os resultados poderão trazer à sociedade, à ciência, à educação e ao estado da arte em pauta. O objetivo da pesquisa é compreender os processos de aplanamento do terreno e recuo lateral das encostas no Planalto de Guarapuava no transecto Leste-Oeste de Guarapuava a Foz do Iguaçu entre os rios Iguaçu e Piquiri. Sua construção ancorou-se em excertos de conhecimento da geomorfologia, da Geografia Física, da Geologia e da Cartografia. Metodologicamente, a pesquisa foi desenvolvida à luz do objetivo explicativo-analítico de caráter básico. Os dados foram coletados na área da pesquisa, por meio de procedimentos de estudo de campo. O tratamento destes dados se deu de forma crítica-dissertativa e também com tabulações. A análise dos dados é quanti-qualitativa, seguindo-se a inspiração do método indutivo. A priori utilizou-se a pesquisa exploratória de caráter bibliográfico longitudinalmente de Davis (1899) a Paisani (2008). Na Tese buscou-se resposta para a seguinte questão: Qual a importância dos processos climáticos na esculturação das superfícies aplanadas do Planalto de Guarapuava? Os resultados da pesquisa indicam que este planalto possui tanto formação estrutural quanto formação escultural. Pôde-se concluir que as superfícies aplanadas do Planalto de Guarapuava, na região objeto da Tese até a presente data (2011), resultam de um processo de transformação concomitantemente de gênese interna e externa. As formações estruturais e esculturais foram notadas na área objeto de estudo. As informações e os dados amostrais expostos na Tese corroboraram e ratificaram a presença do processo evolutivo do Planalto de Guarapuava na perspectiva estrutural e acentuadamente na perspectiva morfoescultural.
8

Cartografia geotécnica da área costeira no município do Conde (PB) : caracterização morfopedológica e processos de urbanização

Rosa, Conrad Rodrigues 20 December 2017 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, 2017. / Submitted by Raquel Almeida (raquel.df13@gmail.com) on 2018-04-09T20:41:01Z No. of bitstreams: 1 2017_ConradRodriguesRosa.pdf: 11422140 bytes, checksum: 57f6dbbfc66f45ef84ddabe7bfd29f9e (MD5) / Approved for entry into archive by Raquel Viana (raquelviana@bce.unb.br) on 2018-04-10T18:36:12Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_ConradRodriguesRosa.pdf: 11422140 bytes, checksum: 57f6dbbfc66f45ef84ddabe7bfd29f9e (MD5) / Made available in DSpace on 2018-04-10T18:36:12Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_ConradRodriguesRosa.pdf: 11422140 bytes, checksum: 57f6dbbfc66f45ef84ddabe7bfd29f9e (MD5) Previous issue date: 2018-04-10 / A ocupação dos municípios litorâneos nordestinos tem intensificado nas últimas décadas, devido a três condições prioritárias de crescimento: urbanização, industrialização e exploração turística. As características desta ocupação podem elevar a pressão sobre os recursos naturais, com repercussões sobre os condicionantes da dinâmica do sistema, produzindo alterações que podem comprometer a estabilidade das feições morfológicas. O município do Conde, na Paraíba, Brasil, se insere neste contexto, tendo sido observada uma projeção de ocupação urbana sobre e/ou próxima à falésia, o que incide na alteração da paisagem, ao mesmo tempo observam-se riscos associados a essa alteração. A partir da análise do relevo e demais fatores geográficos, objetivo principal compreender o comportamento morfopedológico e atributos morfométricos do relevo ante à interação das ações antrópicas na paisagem. Para fins da elaboração cartográfica foram considerados a geologia, a geomorfologia, o solo, a vegetação, o uso e cobertura e seus reflexos na ocupação do solo no município do Conde. A pesquisa foi conduzida com base em vários documentos cartográficos e de cunho geológico, geográfico e de engenharia, como também de relatórios sobre a área selecionada além de intensa pesquisa in loco, por meio de monitoramento, levantamento e coleta de dados de campo, a partir dos quais se procurou identificar as formas de ocupação e os condicionantes naturais da área; o conhecimento das formas de modelagem dos processos geomorfológicos atuantes na dinâmica natural da falésia e tabuleiro costeiro; e, por fim, o mapeamento das unidades do relevo. Resultados desse estudo mostraram que as propriedades geotécnicas dos sedimentos nos tabuleiros costeiros são caracterizadas por movimentos neotectônicos influenciando os processos de deposição sedimentar e formas do relevo, e ainda, que a região costeira do Conde tem passado por processos de modificação acentuados, como processos erosivos nas falésias e tabuleiro. / The occupation of coastal municipalities in the Northeast has intensified in the last decades due to three priority development conditions: urbanization, industrialization and tourism. The characteristics of this occupation may increase the pressure on the natural resources, with repercussions on the dynamics of the system, producing alterations that can put at risk the stability of the morphological features. The municipality of Conde, in Paraíba, Brazil, is inserted in this context, with a projection of urban occupation on and / or near the cliff, which affects the landscape and presents risks associated with this change. From the analysis of the relief and other geographic factors, the objective of this study is to understand morphogological behavior and morphometric attributes of the relief and the interaction of the anthropic actions in the landscape. For the purpose of the cartographic elaboration, we took into account the geology, the geomorphology, the soil, the vegetation, the use of coverage and their impact on the occupation of the soil in the municipality of Conde. The research was conducted on the basis of several cartographic documents and geological, geographic and engineering data, as well as reports on the selected area through intensive on-site research by means of monitoring, surveying and data collection from the field. The goal was to identify the occupancy features and the natural conditioners of the area; to understand the forms of modeling the geomorphological processes acting on the natural dynamics of the cliff and coastal board and finally, to map the relief units. Results from this study showed that the geotechnical properties of the sediments in the coastal plains are characterized by neotectonic movements influencing sedimentary deposition processes and relief forms, and that the coastal region of the Conde has undergone significant modification processes, such as erosive in cliffs and board.
9

Método de classificação semiautomático das unidades básicas de relevo em regiões tropicais / Semi-automatic method of landform main units classification in tropical regions

Soares Neto, Gervásio Barbosa 27 March 2015 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, Pós-Graduação em Geociências Aplicadas, 2015. / Submitted by Ana Cristina Barbosa da Silva (annabds@hotmail.com) on 2015-05-06T18:17:14Z No. of bitstreams: 1 2015_GervasioBarbosaSoaresNeto.pdf: 16276086 bytes, checksum: 022cde3f1e42c068a5df8d4aca1dc396 (MD5) / Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2015-05-07T15:08:44Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2015_GervasioBarbosaSoaresNeto.pdf: 16276086 bytes, checksum: 022cde3f1e42c068a5df8d4aca1dc396 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-05-07T15:08:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2015_GervasioBarbosaSoaresNeto.pdf: 16276086 bytes, checksum: 022cde3f1e42c068a5df8d4aca1dc396 (MD5) / O mapa é uma das formas mais antigas de expressão cultural, acompanhando o processo evolutivo do ser humano. Ultimamente, os mapas digitais de representação da superfície terrestre tomaram o lugar dos formatos físicos. A representação digital do relevo permite o desenvolvimento de modelos de classificação a partir de dados morfométricos. Neste contexto, o objetivo geral dessa Tese é o desenvolvimento de um método de mapeamento de unidades básicas de relevo (UBR) a partir de métricas hipsométricas e clinográficas. A metodologia desenvolvida baseia-se na integração booleana de classes de amplitude altimétrica e de declividade de um modelo digital de elevação. A escolha desses dois parâmetros morfométricos relaciona-se com a primeira percepção da superfície terrestre, que define padrões altimétricos e de inclinação da paisagem. Os intervalos hipsométricos e de declividade são definidos a partir das curvas que relacionam as amplitudes altimétricas e as variações de declividade com a frequência em área de ocorrência dessas variáveis. Os pontos de inflexão e de máxima hipsométricas (Hif e Hmax) e inflexão clinográfica (Cif e Cmax) destas curvas determinam os limites dos intervalos. Os resultados obtidos mostram que as bacias testadas em diferentes regiões do Brasil com diferentes padrões de relevo apresentam UBR que se relacionam com características estruturais da paisagem. A escala do mapa de UBR depende da ordem da bacia e da resolução do dado de entrada. Os estudos mostraram que a escala de 1:100.000 foi obtida com o nível 5 de ottobacia para os dados SRTM- 90. O estudo de caso mostrou a coerência das UBR na bacia do São Bartolomeu, no Planalto Central, com o mapa geomorfológico da Empresa Brasileira de Agropecuária (Embrapa) disponível nessa escala. O nível 4 de ottobacia testado para a Depressão Periférica e o Mar de Morros do estado de São Paulo, além da Planície do Pantanal Matogrossense, mostraram coerência com os mapas geomorfológicos na escala 1:500.000 do Programa Geodiversidade do Serviço Geológico do Brasil (CPRM). O método proposto de delimitação das UBR, além de simples e replicável, aumenta a capacidade de realizar mapeamentos em larga escala e de forma mais rápida. A obtenção do mapa de UBR para a bacia do São Bartolomeu necessitou apenas duas horas de trabalho, enquanto que o método da interpretação da composição colorida do relevo utilizado no mapa da Embrapa obrigou um trabalho de centenas de horas do analista, sempre com a desvantagem da subjetividade. Dessa forma, o método proposto tem o potencial de ser utilizado amplamente em regiões tropicais como uma das etapas de mapeamentos geomorfológicos sistemáticos. / The map is one of the oldest forms of cultural expression, following the human evolutionary process. Recently, digital map representation of the earth's surface have replaced the physical formats. The landform digital representation allows the development of classification models from morphometric data. In this context, the general objective of this thesis is the development of a mapping method of landform main units (LMU) from hypsometric and clinographic metrics. The methodology is based on Boolean integration altimetry and slope range classes of a digital elevation model. The choice of these two morphometric parameters is related to our first perception of the earth's surface defining altimetry patterns and landscape slope. The hypsometric and slope intervals are defined from the curves that relate the altimetric amplitude and slope variations with the frequency area of these variables occurrence. The turning points and maximum hypsometric (Hif and Hmax) and clinographic inflection (Cif and Cmax) of these curves determine the limits of the range classes. The results show that the basins tested in different regions of Brazil with different relief patterns have LMU that relate to structural features of the landscape. The scale of LMU map depends on the basin order and the resolution of the input data. Studies have shown that the scale of 1:100,000 was obtained with 5 level ottobasin for SRTM-90 data. The case study showed the consistency of LMU in the São Bartolomeu basin in the Central Plateau, with the geomorphological map of Brazilian Agricultural Research Corporation (Embrapa) available on this scale. The 4 level ottobasin tested for Peripheral Depression, the Sea Hills of São Paulo and the Mato Grosso Pantanal Plain, were consistent with the geomorphological maps at 1:500,000 from the Geodiversity Program of Brazilian Geological Survey (CPRM). The proposed method of LMU delimitation as well as simple and replicable increases the ability to perform faster and large-scale geomorphological mapping. The LMU map of the São Bartolomeu basin needed only two hours work, while the method of color composite landform interpretation used in the map of Embrapa required hundreds hours work, always with of the subjectivity disadvantage. Thus, the proposed method has the potential to be used widely in tropical regions as one-step of systematic geomorphological mappings.
10

Modelo de depósito do complexo máfico-ultramáfico de Niquelândia, GO, com base em dados multitemáticos

Barbosa, Inara Oliveira 03 September 2012 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Geociências, 2012. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2013-01-07T12:42:05Z No. of bitstreams: 1 2012_InaraOliveiraBarbosa.pdf: 7578661 bytes, checksum: 2cd49a962c2303ae94d609b66d80bbc8 (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2013-01-28T14:18:34Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2012_InaraOliveiraBarbosa.pdf: 7578661 bytes, checksum: 2cd49a962c2303ae94d609b66d80bbc8 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-01-28T14:18:34Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2012_InaraOliveiraBarbosa.pdf: 7578661 bytes, checksum: 2cd49a962c2303ae94d609b66d80bbc8 (MD5) / A integração de dados multitemáticos por meio de geotecnologias têm sido de fundamental importância no mapeamento geológico e definição de modelos de distribuição de depósitos minerais. No caso específico de ambientes mineralizados, objeto do estudo, que apresentam associação de exposição de rochas com suas coberturas superficiais intempéricas, não existe um modelo padronizado a ser utilizado na distribuição espacial das áreas mineralizadas, em função da grande variabilidade que pode ocorrer na geologia, geomorfologia e nas condições de pedogênese e enriquecimento mineral associado aos processos de alteração. Assim, o objetivo desse trabalho foi à correlação de dados aerogeofísicos (magnetométricos e gamaespectrométricos), com relevo, solos e geologia na individualização do Complexo Máfico-Ultramáfico de Niquelândia, GO e de suas unidades adjacentes, bem como gerar um mapa de favorabilidade do depósito do níquel laterítico na porção ultramáfica desse Complexo. Foi criado um banco de dados georreferenciados com informações disponíveis sobre geologia, geomorfologia, solos, dados aerogeofísico e de imagem do sensor ASTER. As feições do relevo foram geradas por meio do Modelo Digital do Terreno (MDT) extraído dos dados do Shuttle Radar Topography Mission (SRTM), sendo dele derivados os mapas de classes declividade, hipsométrica e curvatura, que constituem as feições do relevo que condicionam a formação da mineralização pedogenética de níquel. Os dados aerogeofísicos de magnetometria e gamaespectrometria foram extraídos do levantamento aerogeofísico de Goiás do Projeto “Paleo-neoproterozóico do Nordeste de Goiás”. Com os dados aerogeofísicos (magnetometria e gamaespectrometria) foram gerados dois Índices Máficos (IM) o primeiro do Complexo Máfico-Ultramáfico de Niquelândia e o segundo do depósito de níquel laterítico no município de Niquelândia. Com a imagem de satélite do sensor ASTER foi realizado a razão de +bandas para destacar as áreas ricas em Fe³ e o emprego Modelo Linear de Mistura Espectral (MLME), na identificação de áreas com concentração de minério de níquel oxidado (goethita e hematita) e minério de níquel silicatado (pimelita), com a utilização da biblioteca espectral criada com as amostras dos minérios oxidado e silicatado e solos. Com esses dados processados foi realizado duas abordagens distintas de análise espacial na área de estudo. A primeira foi à individualização do Complexo Máfico-Ultramáfico de Niquelândia de suas unidades geológicas adjacentes por meio do estabelecimento de domínios gamaespectrométricos e magnetométricos associados aos dados de relevo, geologia e solos. A segunda com a geração do mapa de favorabilidade e definição de um modelo descritivo do depósito de níquel laterítico na porção ultramáfica do Complexo de Niquelândia. Os métodos utilizados para geração dos mapas de favorabilidade foram as lógicas booleana e fuzzy. A definição do primeiro Índice Máfico (IM) permitiu a delimitação dos corpos máficos e ultramáficos, eliminando a influência da cobertura pedológica e o segundo Índice Máfico (IM) possibilitou a individualização do depósito de níquel laterítico nas rochas ultramáficas do Complexo. A utilização de imagem do sensor ASTER possibilitou a delimitação de áreas enriquecidas em níquel no minério oxidado, no minério silicatado e nos solos. A correlação com os dados aerogeofísicos, geológicos, relevo e solo permitiu caracterizar e individualizar o Complexo Máfico-Ultramáfico de Niquelândia das suas unidades geológicas adjacentes, constituídas por litologias distintas. O modelo estabelecido e os mapas de favorabilidade de mineralização de níquel no Complexo de Niquelândia, gerados pelas lógicas booleana e fuzzy apresentaram bons resultados, entretanto o fuzzy mostrou-se no mapeamento resultado superior. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT / The integration of data from varied sources has been of fundamental importance for geologic mapping and definition of models for the distribution of mineral deposits. In the specific case of mineralized environments, object of the study, show that the association of exposure with their cover of rocks weathering surface there is no one standard model to be used in the spatial distribution of the mineralized areas, due to the large variability that can occur in geology, geomorphology and conditions of pedogenesis and mineral enrichment processes associated with change. The objective of this study was the correlation of the airborne geophysical data (gammaspectrometry and magnetometric), with relief, soils and geology in the individualization Mafic-Ultramafic Complex Niquelândia, GO, and its adjacent units, as well as generate a favorability of lateritic nickel deposit in portion of ultramafic complex. It created a georeferenced database with information available on geology, geomorphology, soils, airborne geophysical data and ASTER image. The relief features were generated by means of Digital Terrain Model (DTM) extracted data from the Shuttle Radar Topography Mission (SRTM), it being derived from the maps of slope, hypsometric and curvature classes, which constitute the relief features that, influence the formation of nickel mineralization pedogenetic. The airborne geophysical data of magnetometry and gammaspectrometry were extracted from the airborne geophysical survey of Goiás Project "of Northeastern Paleo-Neoproterozoic Goiás". With the airborne geophysical data (magnetometry and gammaspectrometry) were generated two Mafic Indexes (MI) the first Mafic-Ultramafic Complex Niquelândia and the second of nickel laterite of deposit in the city of Niquelândia. With satellite imagery ASTER was carried the reason bands to highlight areas rich in Fe³ + and employment Linear Spectral Unmixing Model (LSUM), to identify areas with concentration of nickel oxides (goethite and hematite) and nickel ore silicate (pimelite), using the spectral library created with the samples of oxidized ores and silicate and soils. With these processed data was performed two distinct approaches to spatial analysis in the study area. The first was the individualization MaficUltramafic Complex Niquelândia its adjacent geological units through the establishment of gammaspectrometric and magnetometric fields associated with data of topography, geology andvi soils. The second generation of the map with the favorability and definition of a descriptive model of nickel laterite deposit in ultramafic portion of the complex Niquelândia. The methods used to generate the maps were the favorability of Boolean and fuzzy logics. The definition of the first Mafic Index (MI) allowed the delineation of mafic and ultramafic, eliminating the influence of pedologic cover and the second Mafic Index (MI) allowed the individualization of lateritic nickel deposit in ultramafic rocks of the Complex. Using ASTER image allowed the delineation of areas enriched in nickel oxide ore, the ore and silicate soils. The correlation with the airborne geophysical data, geology, topography and soil allowed characterizing and individualizing Mafic-Ultramafic Complex Niquelândia its adjacent geologic units, consisting of different lithologies. The established model and favorability maps of nickel mineralization in complex Niquelândia, generated by Boolean logic and fuzzy showed good results, however the fuzzy proved mapping result in higher.

Page generated in 0.0495 seconds