• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 1030
  • 30
  • 17
  • 17
  • 16
  • 15
  • 10
  • 8
  • 7
  • 6
  • 6
  • 6
  • 6
  • 5
  • 5
  • Tagged with
  • 1102
  • 1102
  • 490
  • 377
  • 310
  • 295
  • 251
  • 222
  • 220
  • 205
  • 198
  • 195
  • 195
  • 168
  • 143
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
11

O programa científico de pesquisa da responsabilidade social empresarial

Cardoso, André Coimbra Felix January 2005 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Administração. / Made available in DSpace on 2013-07-16T02:32:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 224486.pdf: 1120397 bytes, checksum: df5ac72ea19af76281de2e5e82384660 (MD5) / Há uma expectativa da sociedade com relação ao papel da empresa, enquanto ator social excepcionalmente poderoso e influente, que deve não apenas não fazer algum mal a qualquer ser-vivo, e remediar se o fizer, mas deve fazer todo o bem possível à sociedade, colocando-se formalmente a serviço do bem comum. A esse comportamento, tem se dado o nome Responsabilidade Social Empresarial (RSE). Quanto às empresas que apresentam esse comportamento, embora vejamos os efeitos sensíveis, suas causas ainda são desconhecidas, assim como os meios e modos pelos quais são produzidos. Com a finalidade de entender a complexidade desse fenômeno, o presente estudo teve como objetivo principal investigar a relação da ética com os mecanismos e processos que estimulam e orientam essa prática para delinear um programa científico de pesquisa, sobre esse fenômeno, e testá-lo empiricamente na empresa Anjo Química do Brasil. Teve como objetivos intermediários caracterizar a visão compartilhada da RSE na referida empresa; identificar e caracterizar os mecanismos e processos que estimulam e orientam essa prática; identificar os mecanismos e processos predominantes na orientação dessa prática; e analisar a relação entre tais mecanismos e processos e a ética. Os procedimentos metodológicos utilizados permitem classificar a pesquisa como quali-quantitativa, isto é, um estudo de caso de natureza predominantemente qualitativa. Os dados foram coletados mediante quatro técnicas: questionários fechado e misto; entrevista pessoal e semi-estruturada; observação participante; e análise de arquivos. O processamento de dados foi feito pela combinação de diferentes técnicas qualitativas e quantitativas. Como resultado o presente estudo identifica, caracteriza e analisa oito mecanismos e processos que estimulam e orientam essa prática, quais sejam: a ética pessoal; valores éticos na cultura organizacional; liderança baseada em valores; clima organizacional ético; racionalidade predominante; ação social predominante; sistemas organizacionais de ética; e mecanismos institucionais de isomorfismo. Finalmente, o estudo conclui que a RSE pode se manifestar na prática organizacional, sob elementos de duas categorias de racionalidade, instrumental e substantiva, e duas categorias de ação social, estratégica e comunicativa. Na vertente instrumental e estratégica, denominada no presente trabalho de Estratégia Social Empresarial (ESE), as ações de responsabilidade social apresentam-se, de alguma forma, atendendo, dentre outros, aos objetivos da empresa de conquista, de ampliação do mercado, de maximização de resultados e de valorização da imagem corporativa. De outro modo, a RSE pode assumir elevado grau de racionalidade substantiva e comunicativa pela via do respeito aos códigos sociais vigentes, da religiosidade, da busca do entendimento pelo diálogo, da preservação ambiental e do compromisso com a qualidade de vida das pessoas, dentre outros valores nobres como solidariedade, justiça e não exploração das pessoas.
12

Responsabilidade social empresarial no campo das corretoras de seguros brasileiras

Guimarães, Jairo de Carvalho January 2009 (has links)
GUIMARÃES, Jairo de Carvalho. Responsabilidade social empresarial no campo das corretoras de seguros brasileiras. 2009. 180 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Programa de Pós-Graduação em Administração e Controladoria, Fortaleza-CE, 2009. / Submitted by Dioneide Barros (dioneidebarros@gmail.com) on 2016-04-07T15:25:24Z No. of bitstreams: 1 2009_dis_jcguimaraes.pdf: 1802958 bytes, checksum: 16f9b255ccb8a187d4a612d3c5643361 (MD5) / Approved for entry into archive by Dioneide Barros (dioneidebarros@gmail.com) on 2016-04-13T15:13:27Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_dis_jcguimaraes.pdf: 1802958 bytes, checksum: 16f9b255ccb8a187d4a612d3c5643361 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-04-13T15:13:27Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_dis_jcguimaraes.pdf: 1802958 bytes, checksum: 16f9b255ccb8a187d4a612d3c5643361 (MD5) Previous issue date: 2009 / Taking the theme of Corporate Social Responsibility (CSR), this study was developed in the Brazilian segment of the insurance brokerage that represents significant role in the economy. In the theoretical framework, the Ethos Indicators (ETHOS, 2007) are used as a parameter. Similarly, field research was conducted in four insurance brokers listed in the Ethos Institute of Business and Social Responsibility, based in 2007. The objective of this research is to investigate the stage of development of indicators related to the themes Values, Transparency and Governance and Internal Public, which are part of the list of seven topics of the questionnaire of the Ethos Institute. The cut made reflects the relevance of these themes and their subthemes for the field in focus. This is a descriptive-exploratory research, conducted through a survey. As for the results, it appears that although there is some concern to deepen the practice of CSR, they are, in general, still in early stages, requiring, therefore, a commitment of companies towards more effective actions. Of the two issues addressed, there is concentration of actions in the Internal Public, through conduct targeted in relations with officials, as seen in indicators related to the subtheme decent work. Despite the complexity of the activity and the ethical underpinning to it, because it relies on a relationship of trust, the insurance brokers show reluctance in terms of socially responsible practices, which indicates a lack of awareness of the importance of this theme in their field of expertise. Because of the broad horizon that represents the subject in the dynamic economy, future studies may contribute to the further deepening of the subject in the activity of insurance brokerage, encouraging other companies to join the CSR movement, enabling a new social reality to arise in the segment. / Tendo por tema a Responsabilidade Social Empresarial (RSE), este estudo foi desenvolvido no segmento brasileiro de corretagem de seguros que representa significativo papel na economia do país. No referencial teórico, são utilizados como parâmetro os Indicadores Ethos (ETHOS, 2007). Do mesmo modo, na pesquisa de campo, são investigadas as quatro corretoras de seguros listadas no Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social, base 2007. O objetivo da pesquisa é investigar o estágio de desenvolvimento dos indicadores relacionados aos temas Valores, Transparência e Governança e Público Interno, que fazem parte do rol de sete temas do questionário do Instituto Ethos. O recorte feito reflete a relevância destes temas e de seus subtemas para o campo em foco. Trata-se de uma pesquisa exploratória-descritiva, realizada mediante um survey. Quanto aos resultados, verifica-se que, embora haja uma certa preocupação em se aprofundar as práticas de RSE, estas encontram-se, em geral, ainda em fase inicial, exigindo, portanto, das empresas um compromisso mais eficaz em direção às ações. Dos dois temas abordados, há concentração de ações no Público Interno, mediante conduta direcionada nas relações com os funcionários, conforme se vê nos indicadores relacionados ao subtema trabalho decente. Apesar da complexidade da atividade e do cunho ético que lhe é subjacente, dado que se assenta em uma relação de confiança, os corretores de seguros demonstram timidez em termos de práticas socialmente responsáveis, indicando desconhecerem a importância deste tema em seu campo de atuação. Em razão do vasto horizonte que o tema representa na dinâmica econômica, estudos futuros podem contribuir para o aprofundamento do assunto ainda na atividade de corretagem de seguros, incentivando outras empresas a ingressarem no movimento da RSE, permitindo que uma nova realidade social imirja no segmento.
13

Compromisso social e inclusão de pessoas com deficiência no quadro de pessoal da Universidade Federal de Santa Catarina

Cardoso, Nilton Orany Bonatte January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Administração Universitária, Florianópolis, 2013 / Made available in DSpace on 2013-12-05T23:17:55Z (GMT). No. of bitstreams: 1 320308.pdf: 1778538 bytes, checksum: c2764ee99f5e63415a5c8a739c9a8c32 (MD5) Previous issue date: 2013 / Abstract: This study aimed to examine the inclusion of Persons with Disabilities - PwD within the workforce of employees of Federal University of Santa Catarina, seeking to assess the working conditions offered and interrelationships of PwD with other servers. In the literature review addressed to relevant aspects of the inclusion policy, chronologically and historically situating the advances in Brazil and the world, and to discuss management issues that related directly to human resources policy and their new values and parameters, focusing the concept of social responsibility. This concept originated in the transformation of the economy, advances in the dissemination of information, and changes in the values of society, making the institutions had to adapt to new times, seeking to meet and collaborate with social expectations. The research methodology used was qualitative questionnaires, which sought to collect data and information regarding the perceptions and opinions on the aspect of adding servers PwD. The research showed advances in integration server PwD in the staff but also the existence of deficiencies relating to the context of accessibility in the campus and the facilities, it was also possible to identify weaknesses in the actions of the inclusion process, both from the point of view of the relationship workforce and more specifically on the changes proposed by the multidisciplinary team.
14

Ferramentas de responsabilidade social

Cortez, Rodrigo Claudino January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Administração, Florianópolis, 2013. / Made available in DSpace on 2013-12-05T23:29:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 320889.pdf: 2034995 bytes, checksum: b823688b291087c07c208e87ea8920ca (MD5) Previous issue date: 2013 / Ferramentas de responsabilidade social (RS) fornecem diretrizes, princípios, critérios, requisitos, sistemas de avaliação, sistemas de gestão, e programas que direcionam organizações a alcançarem objetivos relacionados à RS. Estas ferramentas são cada vez mais necessárias para gerir os desafios da responsabilidade social corporativa (RSC). Pressionados por uma gestão socialmente responsável, líderes empresarias têm aderido a um número considerável de ferramentas de RS. Entretanto, devido à grande quantidade de ferramentas atualmente disponíveis, muitos gestores não sabem quais escolher para construir e gerir a responsabilidade social empresarial. Esta dissertação propôs como objetivo geral realizar uma análise comparativa das ferramentas de RS mais aderidas pelas empresas que compõem o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) de 2012 da BM&FBOVESPA. Para o alcance deste objetivo fez-se uso da pesquisa documental, da análise de conteúdo e da análise comparativa. Os documentos analisados foram os relatórios anuais de sustentabilidade das empresas que compõem o ISE de 2012. A análise dos relatórios revelou 97 ferramentas de responsabilidade social, pertencentes a 4 diferentes tipos de ferramentas. Entre estas ferramentas, 25 foram classificadas como as ferramentas mais aderidas. Estas ferramentas foram descritas e analisadas comparativamente por meio das dimensões da RSC de Carroll (1991) e Dahlsrud (2008), do modelo de desempenho social corporativo de Wood (1991), e dos fatores que devem ser observados para a escolha de ferramentas de RS estabelecidos pela ISO 26000 (2010). Os resultados apontam para uma arquitetura de ferramentas de RS que atendem e/ou fornecem diretrizes para: as dimensões da RSC, a gestão da RSC, os princípios de RS, os temas centrais de RS, e as práticas para integrar a RS na organização. A maior parte destas ferramentas envolveram várias partes interessadas em seu desenvolvimento, têm escopo nacional, alcançam empresas públicas e privadas, são de fácil acesso, e requerem algum tipo de investimento por parte da organização. Gerir a responsabilidade social requer um grande esforço por parte dos gestores. As ferramentas identificadas e analisadas neste trabalho contribuem para o avanço da RS nas organizações, pois representam o que há de mais significativo em termos de instrumentos para construir e gerir a responsabilidade social nas organizações. <br> / Abstract : Tools of social responsibility provides guidelines, principles, criteria, requirements, evaluation systems, management systems, and programs that drives organizations to achieve goals related to social responsibility (SR). These tools are increasingly needed to manage the challenges of corporate social responsibility (CSR). Pressured by a socially responsible management, business leaders have adhered to a considerable number of tools of SR. However, due to the large amount of available tools, many managers do not know which one to choose to build and manage corporate social responsibility. This dissertation proposed as a general objective to perform a comparative analysis of the most widely adhered tools of SR by the companies that comprises the Corporate Sustainability Index (CSI) of 2012 of BM&FBOVESPA. To reach this objective was made use of documentary research, content analysis, and comparative analysis. The documents analyzed were the annual sustainability reports of the companies that comprises the CSI of 2012. The analysis of the reports revealed 97 tools of social responsibility, which belongs to four different types of tools. Among these tools, 25 were classified as the tools more adhered. These tools were described and analyzed comparatively by: the dimensions of CSR of Carroll (1991) and Dahlsrud (2008); the corporate social performance model of Wood (1991); and the factors that should be observed for the choice of tools of SR established by ISO 26000 (2010). The results point to an architecture of SR tools that meets and/or provides guidelines for: the dimensions of CSR, the management of CSR, the principles of SR, the central themes of SR, and practices that integrates the SR in the organization. Most of these tools have involved various stakeholders in their development, have national scope, reach public and private companies, are easily accessible, and require some type of investment by the organization. Managing social responsibility requires a great effort by managers. The tools identified and analyzed in this paper contribute to the advancement of social responsibility in organizations, because they represent what is most significant in terms of tools to build and manage social responsibility in organizations.
15

Uma proposta para elaboração do balanço social

Wissmann, Martin Airton January 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-19T16:32:53Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-26T00:58:04Z : No. of bitstreams: 1 189732.pdf: 5630058 bytes, checksum: 562a07ea7d53330138737a9c5cbba574 (MD5) / O desenvolvimento econômico, promovido ao longo dos tempos, caracteriza a abrangência do processo administrativo a ser desenvolvido pelos empresários, devendo ter uma visão ampliada de suas obrigações, as quais requerem ações bem mais complexas do que o simples objetivo de alcançar o lucro. Adotar procedimentos que demonstrem preocupação com investidores, financiadores, fornecedores, funcionários, sociedade e com o meio ambiente, pode ser identificado como característica de empresa socialmente responsável. A Responsabilidade Social, expressão que identifica o comprometimento de pessoas e instituições com o meio em que estão inseridas, caracteriza o princípio deste estudo, partindo da necessidade do real conhecimento conceitual e sua aplicabilidade, para posteriormente propor uma sistemática de implementação de demonstrativos que facilitem a identificação e análise das ações divulgadas pelas empresas como sociais. A sistemática proposta neste trabalho sugere um grupo de quatro demonstrativos, os quais compõem o que se denomina de Balanço Social, onde alguns princípios que promovem a divulgação das ações sociais são mantidos, porém a diferença principal dos Balanços Sociais, comumente utilizado pelas empresas, está no Demonstrativo de Indicadores Espontâneos e Obrigatórios, que sugere uma sistemática inovadora para apresentação das ações sociais, facilitando a identificação e análise dos dados, pois apresenta o resultado do comportamento social da empresa, num determinado período. Uma proposta de implementação de Balanço Social com a demonstração de indicadores espontâneos e obrigatórios tende a facilitar a análise desenvolvida pelos usuários, podendo identificar com maior clareza as ações sociais promovidas pela empresa, assim como servir de apoio à gestão empresarial, pois busca promover a visualização da postura da instituição frente ao meio, podendo direcionar procedimentos que qualifiquem a empresa como socialmente responsável.
16

Responsabilidade social

Bovo, Vanilda Galvão January 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-19T18:03:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 192825.pdf: 598893 bytes, checksum: 930311164af4373014c4f75d8d8e304a (MD5)
17

Responsabilidade social

Dutra, Arnaldo de Melo January 2001 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-19T12:51:57Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-25T23:42:08Z : No. of bitstreams: 1 185848.pdf: 7064918 bytes, checksum: 1eb7c15ea19793009484bc3d4d436c91 (MD5) / Este trabalho enfoca a responsabilidade social refletida no comportamento das empresas, que procura ainda avaliar a compatibilidade existente entre lucro e desenvolvimento social, isto é, o comportamento de socialmente responsável de uma organização, que a tornam uma "empresa cidadã". Para promover a vinculação entre as informações teóricas sobre a prática social das empresas e a prática, este estudo procurou, então, analisar a realidade de uma empresa, no que se refere ao seu compromisso com as questões sociais. A empresa enfocada foi a MRV Engenharia, através de seu Departamento Administrativo, no qual os dados foram levantados. Através de questionários aplicados em uma amostra composta de 30(trinta) elementos. As perguntas objetivaram constatar a participação da empresa em ações sociais que beneficiam os funcionários, bem como a comunidade, ou seja, constatar os investimentos, de recursos financeiros, tecnológicos e humanos, em projetos de interesse social.
18

"RESPONSABILIDADE Social: uma Abordagem Crítica a Partir do Estudo de Caso em uma Empresa do Setor Farmacêutico de Vitória"

FONTE, A. P. S. D. 11 February 2005 (has links)
Made available in DSpace on 2018-08-01T23:40:30Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_222_Ana Paula S.Della Fonte.pdf: 514224 bytes, checksum: 9cf1d42d4d83fb68e7f94cf6284105fe (MD5) Previous issue date: 2005-02-11 / Atualmente, responsabilidade social é um assunto presente nos discursos de muitas empresas e nos estudos de teóricos da administração e de diversas áreas do conhecimento humano, como a Economia, a Filosofia e a Sciologia. Este trabalho traz um estudo panorâmico sobre o tema, começando por seus diferentes conceitos e justificativas de adoção, passando por uma narrativa sobre a extensão de débito que a empresa capitalista possui tanto com a sociedade quanto com o meio ambiente. Apresenta os principais debates que cercam o tema, os instrumentos utilizados pelas empresas para expressarem sua responsabilidade social, além de várias críticas que o próprio mercado faz aos modelos de gestão da responsabilidade social por ele mesmo criados. Realiza um estudo de caso em uma empresa de pequeno porte, reconhecida pela comunidade local da Região Metropolitana de Vitória como socialmente responsável. Tem como objetivo geral o desenvolvimento de uma avaliação crítica da responsabilidade social a partir da prática da empresa pesquisada e, mais especificamente, verificar quais as concepções de responsabilidade social vigentes, analisar se as práticas da organização pesquisada ratificam ou contradizem a teoria e, também, verificar quais os aspectos envolvidos na adoção de uma proposta de responsabilidade social pela empresa.
19

Construção da cidadania: contribuição do Tribunal Regional Federal da 5ª Região

Maria da Conceição Brito Viana, Inocência 31 January 2009 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:31:44Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo3822_1.pdf: 6837142 bytes, checksum: 8663f54b50ccbf1583449b1a64f3391d (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2009 / Tribunal Regional Federal da 5ª Região / Objetiva-se com esta pesquisa estudar o papel do Tribunal Regional Federal da 5ª Região no processo de construção da cidadania, identificando-se iniciativas que, implementadas, possam contribuir para o fomento do processo de cidadania no ambiente em que está inserido. Ancorado nos preceitos trazidos pela Constituição Federal de 1988, que inclui a cidadania como um dos seus princípios fundamentais, o TRF5, além de sua função de julgar causas em que tenham interesse a União e empresas públicas federais, desenvolve projetos que buscam a superação do panorama nordestino e propicia a aproximação do Poder Judiciário à sociedade. Nesse contexto, buscou-se conhecer, em outras instituições congêneres, programas que contemplassem o crescimento do cidadão com destaque para as ações já experimentadas pelos tribunais localizados em Brasília: Supremo Tribunal Federal, Superior Tribunal de Justiça e Tribunal Regional Federal da Primeira Região, todos objetos da pesquisa. As iniciativas desses tribunais federais harmonizam-se às necessidades das comunidades constituintes de suas jurisdições e alinham-se aos atuais conceitos de Administração Pública que envolvem a vertente gerencial e societal em um modelo de administração preocupada com a transparência na gestão da coisa pública e mais permeável à participação popular. A pesquisa de campo é qualitativa e realizou estudos do tipo exploratório e descritivo. Associadas aos objetivos, foram realizadas entrevistas, in loco, com diversos servidores das quatro instituições (STF, STJ, TRF1 e TRF5) visando compreender os caminhos adotados pelos tribunais com vista à aproximação com a sociedade. O Superior Tribunal de Justiça se destaca por ter institucionalizado um maior número de ações de estímulo à cidadania. Embora o TRF5, dada as suas limitações de ordem operacional, ainda não tenha alcançado o momento da institucionalização de suas ações cidadãs, suas iniciativas na esfera da responsabilidade social contribuem para o empoderamento da sociedade, entretanto, seu contributo à efetiva e célere prestação jurisdicional tem maior alcance e impacto entre os jurisdicionados. Por derradeiro, o trabalho não tem a pretensão de esgotar o assunto, entretanto almeja que outros estudiosos procurem melhor entender o serviço prestado pelos Tribunais Regionais Federais
20

Trilhos da responsabilidade social : o caso do metrô do Recife

SILVA, André Luis José da January 2004 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:36:07Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo7924_1.pdf: 1117959 bytes, checksum: f99edd5973efeee090ab34197d2685fd (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2004 / Uma empresa de transporte público do porte do METROREC, possui uma responsabilidade para com a sociedade intrínseca às suas atividades, pois o transporte interfere na qualidade de vida das pessoas, bem como no processo produtivo da região. Assim a temática deste Trabalho de Conclusão de Mestrado TCM refere-se à análise da incorporação da Responsabilidade Social do Metrô do Recife (METROREC) e o seu reflexo na dinâmica empresarial perante o atendimento das necessidades de transporte de seus usuários, associado aos indicadores do Instituto Ethos de responsabilidade social a partir da visão de seus stakeholders. A pesquisa realizada caracteriza-se como exploratória, sendo um estudo de caso, o que permitiu analisar com maior profundidade a situação em questão. As informações foram coletadas junto aos stakeholders da organização, através da aplicação de entrevistas semi-estruturadas e questionário do Instituto Ethos, além de análise documental e observação direta. Os resultados demonstraram que a responsabilidade social na organização estudada se apresenta de forma ainda incipiente, embora exista por parte da alta administração um real interesse para que a responsabilidade social esteja incorporada na dinâmica do METROREC, através de uma cultura voltada para a prática de ações sociais em todos os níveis da empresa. O estudo permitiu também, verificar que o atendimento das necessidades de transporte dos usuários do metrô ainda não permite considerar a organização estudada como empresa-cidadã

Page generated in 0.0666 seconds