• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 449
  • 1
  • Tagged with
  • 450
  • 450
  • 125
  • 101
  • 76
  • 58
  • 57
  • 56
  • 42
  • 34
  • 34
  • 31
  • 31
  • 31
  • 28
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Cotidiano e democracia na organização da UFECO (União Florianopolitana de Entidades Comunitárias)

Luckmann, Ligia Helena H January 1991 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 1991. / Made available in DSpace on 2016-01-08T17:25:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 83634.pdf: 6154738 bytes, checksum: 894e2c013df1e76525edb84a809d0013 (MD5) Previous issue date: 1991 / Este trabalho tem como objetivo analisar as possibilidades e limites na atuação de uma organização de moradores de caráter municipal federativo em Florianópolis (UFECO), partindo do pressuposto de que os movimentos sociais ou organizações da sociedade civil são objetivações importantes, enquanto portadores de um potencial de democratização da sociedade. A análise privilegia a dimensão da subjetividade, dando ênfase nas transformações do cotidiano para um processo de constituição e generalização de uma prática política democrática - que se caracteriza aqui não apenas no sentido de criação de uma nova institucionalidade, como também de novos padrões de convivência, superando no cotidiano a sua dimensão alienada e subordinada a padrões autoritários. Nesta perspectiva, o trabalho pretende demonstrar que, enquanto "canal alternativo" de legitimação na esfera pública, a UFECO representa um exemplo das ambigüidades de um processo de democratização não apenas na esfera da política institucional, mas da cotidianidade de maneira geral.
2

Processo decisório de inovação em uma área estratégica

Brandão, Elisabeth Pazito 05 December 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1989. / Made available in DSpace on 2013-12-05T20:04:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 121794.pdf: 2745875 bytes, checksum: 26029cea7f9cc5b2d6cc22bf951b0dc1 (MD5) / A regulamentação das telecomunicações no Brasil foi consolidada através do Código Brasileiro de Telecomunicações, promulgado em 1962 pelo Congresso Nacional. A preocupação como setor vinha desde a década de 40, mas nunca chegou a ser legislado. No início dos anos 60 vários fatores vão colaborar para a aprovação do código, entre eles, o sentimento nacionalista, o desenvolvimento juscelinista e o colapso total do setor em períodos de intenso crescimento econômico do país. Vários fatos marcaram a história do código, como a construção de Brasília, o governo JÂnio Quadros e a organização formal do empresariado de radiodifusão. Mas, o fator final decisivo, foi a articulação política feita por um grupo de deputados que garantiu a elaboração e a aprovação do texto do código segundo um pacto de forças que arregimentou três segmentos da sociedade, diretamente interessados: o dos empresários de radiodifusão, o da classe política, e o dos engenheiros militares que sustentavam a argumentação tecnológica necessária ao andamento do processo.
3

Blumenau

Rocha, Cleiton Junior Pereira da January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2013. / Made available in DSpace on 2013-12-06T00:05:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 320678.pdf: 874322 bytes, checksum: 2e9068dc464488ccbea6dbd6b7e5f16c (MD5) Previous issue date: 2013 / A dissertação analisa a instituição da economia de mercado no Vale do Itajaí e seus efeitos sobre os meios locais de subsistência, a apropriação produtiva e o desenvolvimento estatal a partir do século XIX. Partimos da teoria de Karl Marx sobre a colonização e da metodologia de análise institucional dos mercados proposta por Karl Polanyi, destacando também as interpretações de Florestan Fernandes e Caio Prado Jr. sobre o sentido histórico do desenvolvimento brasileiro, além de tomar como fonte de análise a crítica materialista-histórica conduzida com base nas obras de E. P. Thompson e Ellen Wood. As fontes são predominantemente bibliográficas, partindo-se da apropriação crítica de algumas obras relevantes em torno do tema da formação econômica e política da cidade de Blumenau desde sua origem colonial, com destaque para as publicações de Klaus Richter. A pesquisa releva os determinantes da integração da região do Vale do Itajaí na economia brasileira relacionados a expansão da economia mundial característica do século XIX e início do XX, demonstrando como as relações comerciais e políticas do período estavam voltadas à construção de instituições públicas capazes de constituir disposições jurídicas e políticas para a realização de transações que alimentavam o processo de dependência da economia local a investimentos externos e recursos públicos federais como meio de fomento à infraestrutura voltada ao comércio de importação e exportação, uma dupla articulação dependente sustentada pela exploração sistemática da força de trabalho dos migrantes nacionais e estrangeiros que formaram a população brasileira da região. <br> / Abstract : The dissertation examines the institution of the market economy in the Itajaí Valley and its effects on local livelihoods, empowerment and productive state development from the nineteenth century. Our research is are based upon Marx's theory of colonization and methodology, the institutional analysis of markets proposed by Karl Polanyi, the interpretations of Florestan Fernandes and Caio Prado Jr. on the historical sense of Brazilian development and historical-materialist critique contribution by the work of E. P. Thompson and Ellen M. Wood. The main sources are predominantly bibliographic, conveying critical appropriation of some relevant works on the theme of education and economic policy of the city of Blumenau since its colonial origin and highlighting Klaus Richter´s publications. The integration of the Itajai Valley to the whole Brazilian economy seems to be related to the process of the characteristic global economic expansion of the nineteenth and early twentieth centuries. Such process might reveal how the commercial and political relations of the period were aimed at building public institutions able to provide legal provisions and policies for conducting privately negotiated transactions that fueled the process of dependence of the local economy as it was tied to foreign funds and federal resources as a means of fostering infrastructure dedicated to the import and export trade. The centralization of economic and political power in the hands of business groups which promoted and ran this double dependent articulation and led to the imposition of a local economy highly linked to the systematic exploitation of labor migrants and foreign nationals that formed the Brazilian population in the region.
4

Entre a europeidade e a africanidade

Fernandes, Gabriel Antônio Monteiro January 2000 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política. / Made available in DSpace on 2012-10-17T22:43:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 231358.pdf: 799704 bytes, checksum: f609d5b7a6ec2c0cf13a15f36a78f3eb (MD5) / No contexto das colônias portuguesas da África, Cabo Verde conheceu uma experiência histórica peculiar que influenciou, de forma decisiva, o processo de construção de identidade individual e coletiva e a estruturação do campo de interação entre o cabo-verdiano, o colonizador português e os restantes povos colonizados da África. Dominado pelo quadro estruturante da Igreja Católica, que desde o início da colonização engajou-se na difusão dos valores da cultura ocidental, e organizado a partir da transposição de arquétipos administrativos europeus, o espaço sociopolítico arquipelágico foi perpassado, desde os primórdios da colonização, e mais intensamente a partir do século XIX, por sucessivas discussões em torno da identidade dos cabo-verdianos e do estatuto a dispensar a Cabo Verde. No presente estudo, procura-se discutir as formulações identitárias processadas pela elite intelectual cabo-verdiana no contexto do colonialismo português, a partir da sua interação com o metropolitano (colonizador) e o africano (colonizado), visando ainda compreender como, a partir dos sinais emitidos e da retroação das partes, os diferentes agentes interatuantes intentaram potenciar a identidade como ferramenta de mobilização, lealdade ou negociação política.
5

A vitoria dos vencidos: (Partido Comunista Brasileiro - PCB - e ligas camponesas, 1955-64)

Aued, Bernardete Wrublevski January 1981 (has links)
Dissertação (mestrado)-Universidade Federal da Paraiba, Centro de Humanidades / Made available in DSpace on 2012-10-16T21:28:39Z (GMT). No. of bitstreams: 0
6

Da Desvalorização e dominação do mundo

Santos, Leandro dos 25 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2010 / Made available in DSpace on 2012-10-25T02:05:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 277046.pdf: 448594 bytes, checksum: c0e92f92d06e3728de5665505dff0afa (MD5) / O fenômeno da racionalização e o atributo da racionalidade são enfatizados no pensamento sociológico como elementos fundamentais pelo qual se define a modernidade. O presente trabalho tem por objetivo refletir sobre os contornos do racionalismo ocidental, considerando nesse caso o racionalismo como um paradigma sóciocultural que informa uma visão ou imagem de mundo. Para tanto, nossa dissertação se concentra especialmente na contribuição de dois clássicos do assunto em questão, F. Nietzsche e M. Weber, em que se destacam respectivamente os conceitos de niilismo e desencantamento do mundo. Ambos os conceitos são avaliados num par de significados: o niilismo enquanto rejeição dos elementos mundanos e desvalorização dos valores supremos, e o desencantamento enquanto rejeição dos elementos mágicos e perda do sentido do mundo. Ao cabo desse exame, buscamos exprimir uma perspectiva de síntese do diagnóstico sobre o racionalismo ocidental pelo qual denominamos como o racionalismo da desvalorização e dominação do mundo. Ao final, como formulação alternativa a tal diagnóstico, elaboramos um posicionamento teórico que, tendo por referência os desenvolvimentos da perspectiva sistêmica e do pensamento complexo, denominamos como o racionalismo da cultivação do mundo. / The phenomenon of rationalization and the attribute of rationality are emphasized in the sociological thought as fundamental elements for which it defines the modernity. The general objective this work is to reflect about the contours of the western rationalism. The rationalism must be considered, in this case, while a socio-cultural paradigm that informs a vision or image of the world. To think the diagnosis of western rationalism, we concentrated the reflection on the significances of two concepts revealed for F. Nietzsche e M. Weber: nihilism and disenchantment of the world. Both concepts can be evaluated in a pair of definitions. Then, nihilism as 1) the rejection of the life and 2) the depreciation process of supreme values; and the disenchantment of the world as 1) the rejection of magical elements and 2) the loss of the world meaning. To the handle of this search, we try to set up a synthesis perspective which we call as the rationalism of the world mastery and depreciation. To the end, as an alternative formularization to the diagnosis of western rationalism, we elaborate a theoretical positioning that, taking for reference the developments of the systemic perspective and the complex thought, we call as the rationalism of the world cultivation.
7

A sociologia antropocêntrica de Alberto Guerreiro Ramos

Mendes, Ariston Azevêdo January 2006 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política. / Made available in DSpace on 2012-10-22T11:50:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 238672.pdf: 1776476 bytes, checksum: e6a1d58758554221ad662d952605ad45 (MD5) / No elenco das diferentes modalidades de estudos que sobre o pensamento sociológico de Alberto Guerreiro Ramos já foram realizadas, esta tese se coloca como uma possibilidade de interpretação que propicie aclarar, não as pontualidades temáticas ou as respostas aos problemas contingentes a que este sociólogo se propôs pensar, mas a coerência de suas crenças no tempo. Segundo pensamos, esta interpretação pautada na coerência das crenças guerreirianas pode trazer elucidações fundamentais acerca do alcance, do sentido e da finalidade da construção teórica à qual ele se dedicou, dos principais conceitos, modelos e proposituras por ele construídas, bem como permite justificar a mobilização e apropriação de conceitos e correntes teóricas por ele procedidas. Neste sentido, a tese que aqui se apresenta defende que há, no conjunto da obra de Guerreiro Ramos, uma forte crença da premência de um novo humanismo e, em termos correlatos, de um novo tipo humano, a partir dos quais seria possível teorizar sobre a vida humana individual e associada. Uma expressão marcante dessa crença do autor está na preocupação e no pressuposto por ele assumidos de que a sociedade deveria ser vertida ao homem, e não o inverso. Esta crença tem seu correspondente na afirmativa de Protágoras, e com a qual Aristóteles estava de pleno acordo: anthrôpos metro panthô chrématon (o homem é a medida de todas as coisas humanas). Munido deste humanismo radical, nosso sociólogo passou em revista os pressupostos sobre o homem que legitimavam a ciência social de sua época, denunciou os principais obstáculos sociais impeditivos de um processo de humanização e articulou a sua proposta de uma nova ciência do social. É neste sentido que afirmamos ser antropocêntrica a sociologia de Guerreiro Ramos. Esta pesquisa, assim, atenta para uma questão que até agora é inédita, tendo-se em conta todos os trabalhos que trataram da obra ou dos estudos de Guerreiro Ramos. Several studies about Ramos#s sociological thought have been written in Brazil. The purpose of this dissertation is to be an interpretation to clarify some elements that support the Ramos#s coherence of beliefs in time. This coherence exists in all Ramos#s work, since his juvenile papers until his last book. We believe that our interpretation can be help in the understanding of the reach, of the meaning, and of the final aim of his theoretical work or of his concepts, models, and sociological proposals. Also we believe that our interpretation can help in the understanding of his displacement of concepts and filiations with currents of thought. In this dissertation we demonstrated that there is in the Ramos#s works a strong belief in the urgency of a new humanism, and a new human type, starting from which would be possible to theorize about the individual and associated human life, in others words, a humanism which the man was the measure of everything. An example of this is his concern and presupposition that the society should be structured for the man and not the opposite. With this radical humanist point of view, Ramos revised the man presupposition of the social science of his time, denounced the main social obstacles to the humanization process, and proposed a new science of social. In this way, we affirm that the Ramos#s sociological thought is anthrophocentric.
8

Fronteiras da &quot;italianidade&quot;: representações entre gerações na cidade de Toledo-Paraná (1990-2014)

Bao, Carlos Eduardo January 2014 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2014. / Made available in DSpace on 2014-08-06T18:09:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 325659.pdf: 1380184 bytes, checksum: 2f4336006da729f157d22bfe6b05cc2e (MD5) Previous issue date: 2014 / A presente dissertação aborda as relações étnicas e geracionais contemporâneas entre os(as) ditos(as) "descendentes de italianos(as)" na cidade de Toledo, Unidade Federativa Paraná. O objetivo da pesquisa pautou-se por compreender a ressignificação das fronteiras étnico-geracionais da "italianidade" nas representações desses(as) "descendentes" explicitando sua gênese e explicando sua (re)configuração social no espaço-tempo como parte integrante de um movimento mais abrangente de modernização das relações sociais no local. Para isso entrevistei 16 "descendentes de italianos(as)" de faixas etárias e gerações diferenciadas, apropriando-me de suas memórias e interpretando suas narrativas partindo de aspectos relativos a suas interações cotidianas. O contraste de suas representações, estabelecido por meio das fronteiras geracionais, permite verificar as consonâncias e as dissidências acerca da "italianidade" entre as gerações, indicando uma possível descontinuidade geracional desse grupo étnico no local, embora também indique a apropriação da lógica hierárquica da diferenciação étnica pela geração mais atual de "descendentes". Por meio desse arranjo, é possível vislumbrar as disputas e negociações geracionais acerca das representações étnicas da "italianidade" na cidade de Toledo em sua interface com o processo mais abrangente de modernização das relações sociais.<br> / Abstract : This dissertation addresses the contemporary ethnic and generational relations between the said "descendants of italians" in the city of Toledo, Paraná Federal Unit, Brazil. The objective of the research was guided by understanding the redefinition of ethnic and generational boundaries of "italianicity" in these representations of "descendants" explaining its origin and explaining its reconfiguration in space-time as part of a movement comprehensive modernization of social relations in this place. Interviewed for this 16 "descendants of italians" of different ages and generations, appropriating me your memories and interpreting their narratives starting with aspects of their daily interactions. The contrast of their representations, established through generational boundaries, to verify these consonances and dissent about the "italianicity" between generations , indicating a possible generational discontinuity of this ethnic group in that place, while also indicating the ownership of the hierarchical logic of differentiation ethnic by most current generation of "descendants". Through this arrangement, is possible to glimpse the generational disputes and negotiations on ethnic representations of "italianicity" in the city of Toledo in its interface with the broader process of modernization of social relations.
9

A hegemonia dos Estados Unidos e a promoção da democracia representativa na Organização dos Estados Americanos - OEA

Nicolazzi, Sabrina Costa January 2014 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2014. / Made available in DSpace on 2015-02-05T20:45:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 328470.pdf: 1015675 bytes, checksum: 2da142cabd54e4da303589e49ae72838 (MD5) Previous issue date: 2014 / O presente trabalho apresenta uma análise de como a democracia representativa liberal contemporânea é reflexo da hegemonia dos Estados Unidos desde sua ascensão após o fim da Segunda Guerra Mundial e que, na dimensão do Continente Americano, essa proposta foi corroborada pela Organização dos Estados Americanos. O estudo inicia-se com a exposição da história do desenvolvimento da democracia desde sua forma original na Grécia antiga até sua versão contemporânea representativa liberal e as forças que a conjugaram até ali.. A fundamentação teórica escolhida foi baseada nos estudos de Robert Cox que enfatiza que a hegemonia nas ordens mundiais está diretamente relacionada a criação de uma sociedade civil global, na qual um modo de produção de extensão mundial faz as ligações entre as classes sociais dos países englobados por essa hegemonia. Argumentando também que como mecanismo dessa hegemonia as organizações internacionais cumprem papel fundamental na universalização de valores. Sob essas perspectivas, foi então analisada a dinâmica de construção da hegemonia dos Estados Unidos, refletindo na promoção da democracia representativa liberal no exterior e consequentemente na Organização dos Estados Americanos.<br> / Abstract : This present paper produces an analysis on how the contemporary liberal representative democracy is a reflection of U.S. hegemony since its' uprise after the end of World War II and that, in the American Continent dimension, this proposition was corroborated by the Organization of American States. This study begins with the display of democracy's development history since its' original form in ancient Greece until its' liberal representative contemporary version and the strengths that it has conjugated up to that point. The theoretical foundation chosen was based on the studies of Robert Cox which emphasizes that the hegemony on world orders is directly related to the making of a global civil society, in which a production mode of worldwide range makes the connections among social classes of countries encompassed by this hegemony. Also reasoning that as a mechanism of this hegemony, the international organizations perform a fundamental part on universalization of values. Under these perspectives, was then analyzed the dynamics of building United States' hegemony, reflecting on the promotion of liberal representative democracy abroad and therefore in the Organization of American States.
10

A ineficácia do tabelamento dos juros reais na constituição federal de 1988

Laurindo, Marcel Mangili January 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-05-24T17:23:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 338209.pdf: 1487717 bytes, checksum: ccf25c0068e2075f2946444eb3a40edc (MD5) Previous issue date: 2015 / A análise das decisões tomadas por José Sarney e pelo Supremo Tribunal Federal a respeito da eficácia da norma que, na Constituição de 1988, determinava a limitação dos juros reais em 12% ao ano constitui o centro deste trabalho. Nele, as atas da Assembléia Nacional Constituinte de 1987-1988 foram estudadas com o objetivo de trazer à luz os debates travados em torno do tabelamento constitucional do preço do dinheiro. Realizou-se um recorte dos mais significativos pronunciamentos simpáticos ou avessos à idéia. Passou-se, então, às razões que levaram José Sarney a decidir pela inaplicabilidade do § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988. Suas motivações foram expostas pelo Consultor-Geral da República, Saulo Ramos, no Parecer SR-70. Compiladas em uma espécie de clipping, reportagens publicadas, à época da Assembléia Nacional Constituinte de 1987-1988, pela grande imprensa tornaram possível conhecer, neste trabalho, as posições de representantes de setores do governo, da indústria e das finanças sobre a limitação das taxas de juros reais. Instado pelo Partido Democrático Trabalhista a se manifestar sobre a constitucionalidade do Parecer SR-70, o Supremo Tribunal Federal decidiu, por maioria, que a regra enunciada no § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988 dependeria de regulamentação para ser colocada em prática. Cada um dos votos dos Ministros da Corte Suprema foi aqui pontualmente analisado. Alfim, com base em teses desenvolvidas sobretudo por Karl Polanyi, Pierre Rosanvallon e Michel Foucault, defendeu-se que o Presidente da República conferiu ao § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988 uma interpretação que não contrariaria a verdade do mercado ? para quem a limitação das taxas de juros reais em 12% ao ano afrontaria suas próprias leis e instauraria o caos econômico. Afirmou-se, ainda, que seria difícil ou mesmo temerário concluir o mesmo a respeito da atuação do Supremo Tribunal Federal no caso. Certo é, no entanto, que, somados todos os votos, a Corte Suprema optou pela interpretação que, naquele momento, mais interessava ao mercado.<br> / Abstract : The analysis of the decisions taken by Jose Sarney and the Federal Supreme Court regarding the effectiveness of the rule that, in the 1988 Constitution, determined the limitation of real interest at 12% per year is the focus of this work. The minutes of the National Constituent Assembly of 1987-1988 were studied in order to bring to light the debates around the tabulating of the price of the money. There is a cutout of the most significant pronouncements about the idea. After that, this work aims to seek the reasons used by José Sarney to decide by the inapplicability of § 3 of article 192 of the Constitution of 1988. Their motivations were exposed by the Republic Consultant General, Saul Ramos, in a study called SR-70. Compiled into a kind of clipping, reports published at the time of the Constituent National Assembly of 1987-1988, the mainstream press possible to know the positions of representatives from government sectors, industry and finance on limiting rates real interest. Urged by the Democratic Labor Party to issue an opinion on the constitutionality of the SR-70 study, the Supreme Court ruled by majority that the § 3 of article 192 of the 1988 Constitution was not self-executing. Each of the votes of the Supreme Court Ministers was here punctually analyzed. At the end, based on studies by Karl Polanyi, Pierre Rosanvallon and Michel Foucault, this works defends that the President gave the § 3 of article 192 of the 1988 Constitution an interpretation that does not contradict the truth of the market ? to whom the limitation of real interest rates at 12% per year would violate its own laws and would establish the economic chaos. Apart from that, this work concludes that is not possible confirm that the Supreme Court has listened to the truth enunciated by the market, but it is possible to say that the Supreme Court took the interpretation most favorable to the free market.

Page generated in 3.0933 seconds