• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 448
  • 1
  • Tagged with
  • 449
  • 449
  • 125
  • 101
  • 76
  • 58
  • 57
  • 56
  • 42
  • 34
  • 34
  • 31
  • 31
  • 31
  • 28
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Blumenau

Rocha, Cleiton Junior Pereira da January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2013. / Made available in DSpace on 2013-12-06T00:05:32Z (GMT). No. of bitstreams: 1 320678.pdf: 874322 bytes, checksum: 2e9068dc464488ccbea6dbd6b7e5f16c (MD5) Previous issue date: 2013 / A dissertação analisa a instituição da economia de mercado no Vale do Itajaí e seus efeitos sobre os meios locais de subsistência, a apropriação produtiva e o desenvolvimento estatal a partir do século XIX. Partimos da teoria de Karl Marx sobre a colonização e da metodologia de análise institucional dos mercados proposta por Karl Polanyi, destacando também as interpretações de Florestan Fernandes e Caio Prado Jr. sobre o sentido histórico do desenvolvimento brasileiro, além de tomar como fonte de análise a crítica materialista-histórica conduzida com base nas obras de E. P. Thompson e Ellen Wood. As fontes são predominantemente bibliográficas, partindo-se da apropriação crítica de algumas obras relevantes em torno do tema da formação econômica e política da cidade de Blumenau desde sua origem colonial, com destaque para as publicações de Klaus Richter. A pesquisa releva os determinantes da integração da região do Vale do Itajaí na economia brasileira relacionados a expansão da economia mundial característica do século XIX e início do XX, demonstrando como as relações comerciais e políticas do período estavam voltadas à construção de instituições públicas capazes de constituir disposições jurídicas e políticas para a realização de transações que alimentavam o processo de dependência da economia local a investimentos externos e recursos públicos federais como meio de fomento à infraestrutura voltada ao comércio de importação e exportação, uma dupla articulação dependente sustentada pela exploração sistemática da força de trabalho dos migrantes nacionais e estrangeiros que formaram a população brasileira da região. <br> / Abstract : The dissertation examines the institution of the market economy in the Itajaí Valley and its effects on local livelihoods, empowerment and productive state development from the nineteenth century. Our research is are based upon Marx's theory of colonization and methodology, the institutional analysis of markets proposed by Karl Polanyi, the interpretations of Florestan Fernandes and Caio Prado Jr. on the historical sense of Brazilian development and historical-materialist critique contribution by the work of E. P. Thompson and Ellen M. Wood. The main sources are predominantly bibliographic, conveying critical appropriation of some relevant works on the theme of education and economic policy of the city of Blumenau since its colonial origin and highlighting Klaus Richter´s publications. The integration of the Itajai Valley to the whole Brazilian economy seems to be related to the process of the characteristic global economic expansion of the nineteenth and early twentieth centuries. Such process might reveal how the commercial and political relations of the period were aimed at building public institutions able to provide legal provisions and policies for conducting privately negotiated transactions that fueled the process of dependence of the local economy as it was tied to foreign funds and federal resources as a means of fostering infrastructure dedicated to the import and export trade. The centralization of economic and political power in the hands of business groups which promoted and ran this double dependent articulation and led to the imposition of a local economy highly linked to the systematic exploitation of labor migrants and foreign nationals that formed the Brazilian population in the region.
2

Cotidiano e democracia na organização da UFECO (União Florianopolitana de Entidades Comunitárias)

Luckmann, Ligia Helena H January 1991 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 1991. / Made available in DSpace on 2016-01-08T17:25:10Z (GMT). No. of bitstreams: 1 83634.pdf: 6154738 bytes, checksum: 894e2c013df1e76525edb84a809d0013 (MD5) Previous issue date: 1991 / Este trabalho tem como objetivo analisar as possibilidades e limites na atuação de uma organização de moradores de caráter municipal federativo em Florianópolis (UFECO), partindo do pressuposto de que os movimentos sociais ou organizações da sociedade civil são objetivações importantes, enquanto portadores de um potencial de democratização da sociedade. A análise privilegia a dimensão da subjetividade, dando ênfase nas transformações do cotidiano para um processo de constituição e generalização de uma prática política democrática - que se caracteriza aqui não apenas no sentido de criação de uma nova institucionalidade, como também de novos padrões de convivência, superando no cotidiano a sua dimensão alienada e subordinada a padrões autoritários. Nesta perspectiva, o trabalho pretende demonstrar que, enquanto "canal alternativo" de legitimação na esfera pública, a UFECO representa um exemplo das ambigüidades de um processo de democratização não apenas na esfera da política institucional, mas da cotidianidade de maneira geral.
3

Processo decisório de inovação em uma área estratégica

Brandão, Elisabeth Pazito 05 December 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1989. / Made available in DSpace on 2013-12-05T20:04:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 121794.pdf: 2745875 bytes, checksum: 26029cea7f9cc5b2d6cc22bf951b0dc1 (MD5) / A regulamentação das telecomunicações no Brasil foi consolidada através do Código Brasileiro de Telecomunicações, promulgado em 1962 pelo Congresso Nacional. A preocupação como setor vinha desde a década de 40, mas nunca chegou a ser legislado. No início dos anos 60 vários fatores vão colaborar para a aprovação do código, entre eles, o sentimento nacionalista, o desenvolvimento juscelinista e o colapso total do setor em períodos de intenso crescimento econômico do país. Vários fatos marcaram a história do código, como a construção de Brasília, o governo JÂnio Quadros e a organização formal do empresariado de radiodifusão. Mas, o fator final decisivo, foi a articulação política feita por um grupo de deputados que garantiu a elaboração e a aprovação do texto do código segundo um pacto de forças que arregimentou três segmentos da sociedade, diretamente interessados: o dos empresários de radiodifusão, o da classe política, e o dos engenheiros militares que sustentavam a argumentação tecnológica necessária ao andamento do processo.
4

Da Desvalorização e dominação do mundo

Santos, Leandro dos 25 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2010 / Made available in DSpace on 2012-10-25T02:05:48Z (GMT). No. of bitstreams: 1 277046.pdf: 448594 bytes, checksum: c0e92f92d06e3728de5665505dff0afa (MD5) / O fenômeno da racionalização e o atributo da racionalidade são enfatizados no pensamento sociológico como elementos fundamentais pelo qual se define a modernidade. O presente trabalho tem por objetivo refletir sobre os contornos do racionalismo ocidental, considerando nesse caso o racionalismo como um paradigma sóciocultural que informa uma visão ou imagem de mundo. Para tanto, nossa dissertação se concentra especialmente na contribuição de dois clássicos do assunto em questão, F. Nietzsche e M. Weber, em que se destacam respectivamente os conceitos de niilismo e desencantamento do mundo. Ambos os conceitos são avaliados num par de significados: o niilismo enquanto rejeição dos elementos mundanos e desvalorização dos valores supremos, e o desencantamento enquanto rejeição dos elementos mágicos e perda do sentido do mundo. Ao cabo desse exame, buscamos exprimir uma perspectiva de síntese do diagnóstico sobre o racionalismo ocidental pelo qual denominamos como o racionalismo da desvalorização e dominação do mundo. Ao final, como formulação alternativa a tal diagnóstico, elaboramos um posicionamento teórico que, tendo por referência os desenvolvimentos da perspectiva sistêmica e do pensamento complexo, denominamos como o racionalismo da cultivação do mundo. / The phenomenon of rationalization and the attribute of rationality are emphasized in the sociological thought as fundamental elements for which it defines the modernity. The general objective this work is to reflect about the contours of the western rationalism. The rationalism must be considered, in this case, while a socio-cultural paradigm that informs a vision or image of the world. To think the diagnosis of western rationalism, we concentrated the reflection on the significances of two concepts revealed for F. Nietzsche e M. Weber: nihilism and disenchantment of the world. Both concepts can be evaluated in a pair of definitions. Then, nihilism as 1) the rejection of the life and 2) the depreciation process of supreme values; and the disenchantment of the world as 1) the rejection of magical elements and 2) the loss of the world meaning. To the handle of this search, we try to set up a synthesis perspective which we call as the rationalism of the world mastery and depreciation. To the end, as an alternative formularization to the diagnosis of western rationalism, we elaborate a theoretical positioning that, taking for reference the developments of the systemic perspective and the complex thought, we call as the rationalism of the world cultivation.
5

Fronteiras da &quot;italianidade&quot;: representações entre gerações na cidade de Toledo-Paraná (1990-2014)

Bao, Carlos Eduardo January 2014 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2014. / Made available in DSpace on 2014-08-06T18:09:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 325659.pdf: 1380184 bytes, checksum: 2f4336006da729f157d22bfe6b05cc2e (MD5) Previous issue date: 2014 / A presente dissertação aborda as relações étnicas e geracionais contemporâneas entre os(as) ditos(as) "descendentes de italianos(as)" na cidade de Toledo, Unidade Federativa Paraná. O objetivo da pesquisa pautou-se por compreender a ressignificação das fronteiras étnico-geracionais da "italianidade" nas representações desses(as) "descendentes" explicitando sua gênese e explicando sua (re)configuração social no espaço-tempo como parte integrante de um movimento mais abrangente de modernização das relações sociais no local. Para isso entrevistei 16 "descendentes de italianos(as)" de faixas etárias e gerações diferenciadas, apropriando-me de suas memórias e interpretando suas narrativas partindo de aspectos relativos a suas interações cotidianas. O contraste de suas representações, estabelecido por meio das fronteiras geracionais, permite verificar as consonâncias e as dissidências acerca da "italianidade" entre as gerações, indicando uma possível descontinuidade geracional desse grupo étnico no local, embora também indique a apropriação da lógica hierárquica da diferenciação étnica pela geração mais atual de "descendentes". Por meio desse arranjo, é possível vislumbrar as disputas e negociações geracionais acerca das representações étnicas da "italianidade" na cidade de Toledo em sua interface com o processo mais abrangente de modernização das relações sociais.<br> / Abstract : This dissertation addresses the contemporary ethnic and generational relations between the said "descendants of italians" in the city of Toledo, Paraná Federal Unit, Brazil. The objective of the research was guided by understanding the redefinition of ethnic and generational boundaries of "italianicity" in these representations of "descendants" explaining its origin and explaining its reconfiguration in space-time as part of a movement comprehensive modernization of social relations in this place. Interviewed for this 16 "descendants of italians" of different ages and generations, appropriating me your memories and interpreting their narratives starting with aspects of their daily interactions. The contrast of their representations, established through generational boundaries, to verify these consonances and dissent about the "italianicity" between generations , indicating a possible generational discontinuity of this ethnic group in that place, while also indicating the ownership of the hierarchical logic of differentiation ethnic by most current generation of "descendants". Through this arrangement, is possible to glimpse the generational disputes and negotiations on ethnic representations of "italianicity" in the city of Toledo in its interface with the broader process of modernization of social relations.
6

A hegemonia dos Estados Unidos e a promoção da democracia representativa na Organização dos Estados Americanos - OEA

Nicolazzi, Sabrina Costa January 2014 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2014. / Made available in DSpace on 2015-02-05T20:45:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 328470.pdf: 1015675 bytes, checksum: 2da142cabd54e4da303589e49ae72838 (MD5) Previous issue date: 2014 / O presente trabalho apresenta uma análise de como a democracia representativa liberal contemporânea é reflexo da hegemonia dos Estados Unidos desde sua ascensão após o fim da Segunda Guerra Mundial e que, na dimensão do Continente Americano, essa proposta foi corroborada pela Organização dos Estados Americanos. O estudo inicia-se com a exposição da história do desenvolvimento da democracia desde sua forma original na Grécia antiga até sua versão contemporânea representativa liberal e as forças que a conjugaram até ali.. A fundamentação teórica escolhida foi baseada nos estudos de Robert Cox que enfatiza que a hegemonia nas ordens mundiais está diretamente relacionada a criação de uma sociedade civil global, na qual um modo de produção de extensão mundial faz as ligações entre as classes sociais dos países englobados por essa hegemonia. Argumentando também que como mecanismo dessa hegemonia as organizações internacionais cumprem papel fundamental na universalização de valores. Sob essas perspectivas, foi então analisada a dinâmica de construção da hegemonia dos Estados Unidos, refletindo na promoção da democracia representativa liberal no exterior e consequentemente na Organização dos Estados Americanos.<br> / Abstract : This present paper produces an analysis on how the contemporary liberal representative democracy is a reflection of U.S. hegemony since its' uprise after the end of World War II and that, in the American Continent dimension, this proposition was corroborated by the Organization of American States. This study begins with the display of democracy's development history since its' original form in ancient Greece until its' liberal representative contemporary version and the strengths that it has conjugated up to that point. The theoretical foundation chosen was based on the studies of Robert Cox which emphasizes that the hegemony on world orders is directly related to the making of a global civil society, in which a production mode of worldwide range makes the connections among social classes of countries encompassed by this hegemony. Also reasoning that as a mechanism of this hegemony, the international organizations perform a fundamental part on universalization of values. Under these perspectives, was then analyzed the dynamics of building United States' hegemony, reflecting on the promotion of liberal representative democracy abroad and therefore in the Organization of American States.
7

A política sociolinguística do Brasil

Sané, Abdou January 2002 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política. / Made available in DSpace on 2012-10-19T23:09:01Z (GMT). No. of bitstreams: 1 194170.pdf: 779135 bytes, checksum: 688febce5babd5b1cd053a3804dd2cdb (MD5) / O tema desta dissertação refere-se ao Brasil e examina os mecanismos da hegemonização da língua oficial que se fala no país, o idioma português, visto sob a perspectiva de políticas sociolingüísticas. Também são analisados os pressupostos que fundamentaram as políticas que pretendiam apagar as diversidades etnolingüísticas da terra brasileira. Para atingir este objetivo, foi necessário também um estudo concomitante de sua rica diversidade étnica. O país foi formado, até o final do século XIX, por populações de origem africana, indígena e européia; posteriormente chegariam à terra outros grupos como os japoneses. Houve também necessidade de enfocar, em suas linhas gerais, a política lingüística que se implanta desde a chegada dos descobridores portugueses. São enfatizadas, pela sua importância, as políticas de integração e de assimilação do governo de Getúlio Vargas (1937-1945) quando, sob a lógica da nacionalização, houve muitas tensões no país geradas pela questão idiomática, étnica e cultural. Outro ponto analisado, são as diversas posições do país, especialmente as expressas na Constituição Federal de 1988, que buscaram promover o plurilingüismo no Brasil.
8

A ineficácia do tabelamento dos juros reais na constituição federal de 1988

Laurindo, Marcel Mangili January 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-05-24T17:23:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 338209.pdf: 1487717 bytes, checksum: ccf25c0068e2075f2946444eb3a40edc (MD5) Previous issue date: 2015 / A análise das decisões tomadas por José Sarney e pelo Supremo Tribunal Federal a respeito da eficácia da norma que, na Constituição de 1988, determinava a limitação dos juros reais em 12% ao ano constitui o centro deste trabalho. Nele, as atas da Assembléia Nacional Constituinte de 1987-1988 foram estudadas com o objetivo de trazer à luz os debates travados em torno do tabelamento constitucional do preço do dinheiro. Realizou-se um recorte dos mais significativos pronunciamentos simpáticos ou avessos à idéia. Passou-se, então, às razões que levaram José Sarney a decidir pela inaplicabilidade do § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988. Suas motivações foram expostas pelo Consultor-Geral da República, Saulo Ramos, no Parecer SR-70. Compiladas em uma espécie de clipping, reportagens publicadas, à época da Assembléia Nacional Constituinte de 1987-1988, pela grande imprensa tornaram possível conhecer, neste trabalho, as posições de representantes de setores do governo, da indústria e das finanças sobre a limitação das taxas de juros reais. Instado pelo Partido Democrático Trabalhista a se manifestar sobre a constitucionalidade do Parecer SR-70, o Supremo Tribunal Federal decidiu, por maioria, que a regra enunciada no § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988 dependeria de regulamentação para ser colocada em prática. Cada um dos votos dos Ministros da Corte Suprema foi aqui pontualmente analisado. Alfim, com base em teses desenvolvidas sobretudo por Karl Polanyi, Pierre Rosanvallon e Michel Foucault, defendeu-se que o Presidente da República conferiu ao § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988 uma interpretação que não contrariaria a verdade do mercado ? para quem a limitação das taxas de juros reais em 12% ao ano afrontaria suas próprias leis e instauraria o caos econômico. Afirmou-se, ainda, que seria difícil ou mesmo temerário concluir o mesmo a respeito da atuação do Supremo Tribunal Federal no caso. Certo é, no entanto, que, somados todos os votos, a Corte Suprema optou pela interpretação que, naquele momento, mais interessava ao mercado.<br> / Abstract : The analysis of the decisions taken by Jose Sarney and the Federal Supreme Court regarding the effectiveness of the rule that, in the 1988 Constitution, determined the limitation of real interest at 12% per year is the focus of this work. The minutes of the National Constituent Assembly of 1987-1988 were studied in order to bring to light the debates around the tabulating of the price of the money. There is a cutout of the most significant pronouncements about the idea. After that, this work aims to seek the reasons used by José Sarney to decide by the inapplicability of § 3 of article 192 of the Constitution of 1988. Their motivations were exposed by the Republic Consultant General, Saul Ramos, in a study called SR-70. Compiled into a kind of clipping, reports published at the time of the Constituent National Assembly of 1987-1988, the mainstream press possible to know the positions of representatives from government sectors, industry and finance on limiting rates real interest. Urged by the Democratic Labor Party to issue an opinion on the constitutionality of the SR-70 study, the Supreme Court ruled by majority that the § 3 of article 192 of the 1988 Constitution was not self-executing. Each of the votes of the Supreme Court Ministers was here punctually analyzed. At the end, based on studies by Karl Polanyi, Pierre Rosanvallon and Michel Foucault, this works defends that the President gave the § 3 of article 192 of the 1988 Constitution an interpretation that does not contradict the truth of the market ? to whom the limitation of real interest rates at 12% per year would violate its own laws and would establish the economic chaos. Apart from that, this work concludes that is not possible confirm that the Supreme Court has listened to the truth enunciated by the market, but it is possible to say that the Supreme Court took the interpretation most favorable to the free market.
9

Ser ou não ser antiamericano?

Henrich, Nathália January 2016 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2016 / Made available in DSpace on 2016-09-20T04:21:36Z (GMT). No. of bitstreams: 1 340737.pdf: 2619686 bytes, checksum: dafa0befd339df7d499d53d5dd4c8a14 (MD5) Previous issue date: 2016 / O diplomata e historiador Manoel de Oliveira Lima (1867-1928) exerceu uma longa e intensa atividade jornalística. Fazendo crítica literária, tratando de História ou debatendo os temas mais importantes do seu tempo, firmou seu nome como intelectual no Brasil, na Europa e nos Estados Unidos, alcançando o status de referência em assuntos latinoamericanos. Ao mesmo tempo, os Estados Unidos, como modelo para os republicanos brasileiros, além de potência emergente em fins do século XIX que se tornou um ator global a partir da Primeira Guerra Mundial, não poderiam deixar de ser um tópico recorrente na sua vasta produção. É comum a atribuição do rótulo de antiamericano ou anti-imperialista a Oliveira Lima e sua obra. Isto se deve especialmente a uma análise realizada quase que exclusivamente a partir de uma fonte, o livro Panamericanismo (Monroe, Bolívar, Roosevelt), publicado em 1907, no calor das discussões sobre a III Conferência Pan-americana no Rio de Janeiro. A obra foi produzida em um contexto de debate intenso sobre o papel dos Estados Unidos no continente, especialmente a partir do advento do Corolário Roosevelt à Doutrina de Monroe. O tema marcou ainda o afastamento definitivo entre Oliveira Lima e Joaquim Nabuco e o auge da suas divergências com o Barão do Rio Branco. Todos estes elementos fizeram com que esta obra se cristalizasse como sua palavra final sobre o assunto. Entretanto, uma análise da sua produção intelectual anterior e posterior a Pan-americanismo oferece um panorama bastante diferente. O objetivo desta tese foi analisar as diversas fases da obra de Oliveira Lima, com especial ênfase na sua produção jornalística, para analisar como os Estados Unidos são tratados. Através do uso de um método contextualista para o estudo das ideias políticas e da ampliação das fontes estudadas, resgatando textos pouco conhecidos, foi possível concluir que a interpretação da sua posição como antiamericana não se sustenta. Pelo menos não para a totalidade da sua obra. Concluiu-se que se bem existiu uma fase extremamente crítica aos Estados Unidos e seu papel no continente americano, plasmada em Pan-americanismo, esta foi uma resposta a uma conjuntura específica que não se manteve intacta. Houve uma fase anterior, marcada pela simpatia pelos progressos norteamericanos e até pelo apoio a sua nascente política colonial, que se reflete especialmente em Nos Estados Unidos, Impressões Politicas e Sociaes (1899). Posteriormente, a partir de 1912, Oliveira Lima teve contato com as universidades dos Estados Unidos, ao mesmo tempo em que a ascensão de Woodrow Wilson ao poder e os movimentos progressistas no país promoveram um ambiente propício a reformas domésticas e na política exterior que culminaram com a expansão de ideias como o internacionalismo e o pacifismo. Neste contexto foi que Oliveira Lima redescobriu seu entusiasmo inicial pelos Estados Unidos e seu potencial como agente moralizador das relações internacionais, aproximando-se de pessoas e instituições que promoviam um novo Pan-americanismo, baseado na cooperação e no mútuo entendimento entres os países do continente. <br> / Abstract : Diplomat and historian Manoel de Oliveira Lima (1867-1928) exercised a long and intense journalistic production that spanned his entire adult life. Whether writing about critical literary works, addressing topics of history or debating the most important affairs of his time, he sealed his name as a renowned intellectual in Brazil, Europe and the United States and became a reference on Latin-America issues. At the same time, the United States, which served as a model for Brazilian republicans and ascended from emerging force at the end of the 19th Century towards the status of global power during World War I, never stopped serving as a central focus in his writings. It is common to attribute the label o Anti-American or anti-imperialist to Oliveira Lima and the ideas expressed in his work. This is due in particular to analysis that almost exclusively comes from one source, the book Pan-Americanismo (Monrow, Bolívar, Roosevelt). Published in 1907 in the heat of discussions at the III Pan-American Conference in Rio de Janeiro, the work focuses on the intense debate surrounding the role of the United States in the continent and the role of the Roosevelt Corollary to the Monroe Doctrine. The topic marked the definitive dissention between Oliveira Lima and Joaquim Nabuco and the height of Lima s disagreement with the Barão do Rio Branco. All of these elements led to the crystallization of his status as Anti-American and served as his final word on the topic. Nevertheless, a more detailed analysis of his work preceding and following Pan-americanismo offers a very different view. The objective of this thesis was to analysis the diverse phases of Oliverira Lima s writings on the role of United States, with special emphasis on his journalistic production. By widening the sources studied and resurrecting previously little known texts, it was possible to conclude that the interpretation of his position as Anti-American is not supportable. At the very least, the evidence of his complete work does not sustain this interpretation. It is concluded that although there is a phase of his work that is extremely critical of the United States and its role in the Americas, as manifested by Pan-americanismo, this was a response to a specific episode that was short-lived and did not remain intact. Prior to this was an initial phase that was marked by a sympathetic stance on the progress of Americans and even included support for their bourgeoning colonial policy. This is particularly evident in Nos Estados Unidos, Impressões Politicas e Sociaes (1899). After 1912 a different phase can be observed, in which Oliveira Lima was in contact with universities in the United States. This coincided with the rise in power of Woodrow Wilson in which progressive movements in the country promoted an opportune environment for domestic reform and foreign policy culminated in the expansion of ideas of internationalism and pacifism. In this context, Oliveira Lima rediscovered his initial enthusiasm for the United States and its potential as a moralizing agent in international relations, uniting individuals and institutions to promote a new Pan-Americanism, based on cooperation and mutual understanding between nations of the Western Hemisphere.
10

A ineficácia do tabelamento dos juros reais na constituição federal de 1988: uma interpretação a favor da liberdade de mercado

Laurindo, Marcel Mangili January 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em Sociologia Política, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-10-19T12:40:42Z (GMT). No. of bitstreams: 1 338209.pdf: 1487717 bytes, checksum: ccf25c0068e2075f2946444eb3a40edc (MD5) Previous issue date: 2015 / A análise das decisões tomadas por José Sarney e pelo Supremo Tribunal Federal a respeito da eficácia da norma que, na Constituição de 1988, determinava a limitação dos juros reais em 12% ao ano constitui o centro deste trabalho. Nele, as atas da Assembléia Nacional Constituinte de 1987-1988 foram estudadas com o objetivo de trazer à luz os debates travados em torno do tabelamento constitucional do preço do dinheiro. Realizou-se um recorte dos mais significativos pronunciamentos simpáticos ou avessos à idéia. Passou-se, então, às razões que levaram José Sarney a decidir pela inaplicabilidade do § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988. Suas motivações foram expostas pelo Consultor-Geral da República, Saulo Ramos, no Parecer SR-70. Compiladas em uma espécie de clipping, reportagens publicadas, à época da Assembléia Nacional Constituinte de 1987-1988, pela grande imprensa tornaram possível conhecer, neste trabalho, as posições de representantes de setores do governo, da indústria e das finanças sobre a limitação das taxas de juros reais. Instado pelo Partido Democrático Trabalhista a se manifestar sobre a constitucionalidade do Parecer SR-70, o Supremo Tribunal Federal decidiu, por maioria, que a regra enunciada no § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988 dependeria de regulamentação para ser colocada em prática. Cada um dos votos dos Ministros da Corte Suprema foi aqui pontualmente analisado. Alfim, com base em teses desenvolvidas sobretudo por Karl Polanyi, Pierre Rosanvallon e Michel Foucault, defendeu-se que o Presidente da República conferiu ao § 3º do artigo 192 da Constituição de 1988 uma interpretação que não contrariaria a verdade do mercado ? para quem a limitação das taxas de juros reais em 12% ao ano afrontaria suas próprias leis e instauraria o caos econômico. Afirmou-se, ainda, que seria difícil ou mesmo temerário concluir o mesmo a respeito da atuação do Supremo Tribunal Federal no caso. Certo é, no entanto, que, somados todos os votos, a Corte Suprema optou pela interpretação que, naquele momento, mais interessava ao mercado.<br> / Abstract : The analysis of the decisions taken by Jose Sarney and the Federal Supreme Court regarding the effectiveness of the rule that, in the 1988 Constitution, determined the limitation of real interest at 12% per year is the focus of this work. The minutes of the National Constituent Assembly of 1987-1988 were studied in order to bring to light the debates around the tabulating of the price of the money. There is a cutout of the most significant pronouncements about the idea. After that, this work aims to seek the reasons used by José Sarney to decide by the inapplicability of § 3 of article 192 of the Constitution of 1988. Their motivations were exposed by the Republic Consultant General, Saul Ramos, in a study called SR-70. Compiled into a kind of clipping, reports published at the time of the Constituent National Assembly of 1987-1988, the mainstream press possible to know the positions of representatives from government sectors, industry and finance on limiting rates real interest. Urged by the Democratic Labor Party to issue an opinion on the constitutionality of the SR-70 study, the Supreme Court ruled by majority that the § 3 of article 192 of the 1988 Constitution was not self-executing. Each of the votes of the Supreme Court Ministers was here punctually analyzed. At the end, based on studies by Karl Polanyi, Pierre Rosanvallon and Michel Foucault, this works defends that the President gave the § 3 of article 192 of the 1988 Constitution an interpretation that does not contradict the truth of the market ? to whom the limitation of real interest rates at 12% per year would violate its own laws and would establish the economic chaos. Apart from that, this work concludes that is not possible confirm that the Supreme Court has listened to the truth enunciated by the market, but it is possible to say that the Supreme Court took the interpretation most favorable to the free market.

Page generated in 0.0899 seconds