• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 598
  • 33
  • 6
  • 3
  • Tagged with
  • 651
  • 651
  • 206
  • 123
  • 103
  • 83
  • 74
  • 62
  • 59
  • 59
  • 57
  • 51
  • 48
  • 47
  • 43
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

O senhor dos anéis : a tradutora na obra traduzida

Silva, Patrícia Mara da. 2005 (has links)
Orientador: Cristina Carneiro Rodrigues Banca: Lenita Maria Rimoli Esteves Banca: Álvaro Luiz Hattnher Resumo: Para realizar a tradução, o tradutor lê o texto que se propõe a traduzir, interpretando-o segundo fatores que são de naturezas diversas. Essa interpretação guiará todo o trabalho de escritura desse texto na língua para a qual será traduzido e será fruto da forma como o tradutor concebe o mundo, forma esta que está inevitavelmente ligada aos fatores que o constituem como sujeito: as crenças e valores da sociedade e da época em que vive, além de sua experiência de vida, suas crenças e valores. Assim, determinado por todos esses fatores, o tradutor escreve-se, inevitavelmente, no texto que produz e essa inscrição constitui o tema principal desta pesquisa. Fundamentando-se na desconstrução promovida por Jacques Derrida, no resíduo, relacionado à tradução por Lawrence Venuti e na singularidade, proposta por Maria Paula Frota, o objetivo geral deste trabalho é estudar as inscrições do tradutor na tradução, analisando-as sob o ponto de vista teórico e apresentando também a perspectiva da tradutora Lenita Maria Rímoli Esteves sobre sua prática, já que esta, não sendo mais considerada "invisível", é vista como parte determinante da tradução. Além disso, busco verificar de que forma essas inscrições são perceptíveis em um de seus trabalhos, a tradução do livro The lord of the rings, obra do escritor John Ronald Reuel Tolkien, traduzida por Esteves para o português com o título de O senhor dos anéis. Abstract: In order to translate a text, the translator reads and interprets it according different factors. This interpretation guides all the writing work of the text into the language it will be translated. In addition, the interpretation will be the result of the translator's world conception, which is inevitably associated with the factors that constitute him as a subject: the beliefs and values of the society and the time in which he/she lives, and his/her own life experience, beliefs and values. So, under the influence of these factors, the translator writes him/herself in the text produced and this inscription is the main topic of this research. Based on Jacques Derrida's deconstruction, on the remainder (linked with translation by Lawrence Venuti) and on Maria Paula Frota's singularity, the aim of this work is to study the translator's inscriptions on his/her work. These inscriptions will be analyzed from the theory point of view and I will also present the ideas of the translator Maria Lenita Rímoli Esteves about her practice, which are important because the translator is not considered to be "invisible" anymore, but a part of the translation process. Furthermore, I intend to verify the way in which these inscriptions are perceived in one of her works, a Portuguese translation of The lord of the rings, by John Ronald Ruel Tolkien. Mestre
2

Para uma pedagogia da tradução

Fobe, Nair Leme, 1933- 1981 (has links)
Orientador: Joaquim Brasil Fontes Junior Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Made available in DSpace on 2018-07-14T22:38:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Fobe_NairLeme_M.pdf: 3414712 bytes, checksum: b7e096e7b598a9c518ba15f45e6efe01 (MD5) Previous issue date: 1981 Resumo: Não informado. Abstract: Not informed. Mestrado Filosofia e História da Educação Mestre em Educação
3

Darcy Ribeiro in Italia

Zornetta, Katia 2015 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2015. Made available in DSpace on 2016-01-15T14:49:12Z (GMT). No. of bitstreams: 1 336882.pdf: 13050885 bytes, checksum: b1cc7253d5a215dc704159225efb74ed (MD5) Previous issue date: 2015 Esta tese de doutorado tem por objetivo apresentar um estudo descritivo de dois romances de Darcy Ribeiro: Maíra, publicado em 1979, e Utopia selvagem, editado em 1987, ambos traduzidos por Daniela Ferioli. Além de poder identificar algumas das normas vigentes que estavam na base da tradução literária na Itália entre os anos 70 e 90 do século XX, procura-se reconstruir o sistema cultural italiano em que as traduções se inserem, a partir das perspectivas da teoria do polissistema de Itamar Even-Zohar (1990) e do conceito de norma proposta por Gideon Toury (1995). Esta tese objetiva também descrever a presença de Darcy Ribeiro, um dos mais importantes intelectuais brasileiro, do sistema cultural italiano no período que vai de 1973, ano em que aparecem as primeiras traduções italianas (Il processo civilizzatore. Milano: Feltrinelli, e In difesa delle civiltà-indios. Milano: Jaca Book) até 2007, quando é publicada a última tradução, Brasile. L epopea di un popolo-nazione (Cagliari: Fabula Editore). Durante este período, são publicadas na Itália apenas oito traduções da extensaobra de Darcy Ribeiro, que podem ser divididas em dois blocos: cinco ensaios que compõem os Estudos de Antropologia da Civilização e três romances. Ao fazer o levantamento das obras traduzidas, observa-se que a Itália traduz em um primeiro momento, nos anos 70, o Ribeiro antropólogo e ensaísta e, depois, nos anos 80, o Ribeiro romancista. Ademais, as traduções divulgadas no sistema cultural italiano refletem a imagem que se passou de Darcy Ribeiro, conhecido sobretudo como antropólogo e político latino-americano, mas também como defensor dos índios, atividade que se reflete na sua obra literária. Além destas duas imagens, Ribeiro é também representado como  o brasileiro , aquele que bem expressa o Brasil e seu povo. Apesar do número limitado de traduções para o italiano e da sua importância dentro do sistema cultural italiano, observa-se que Darcy Ribeiro foi traduzido na Itália entre os anos 70 e final dos anos 80 do século XX, diminuindo sensivelmente a circulação da sua obra no decorrer do tempo. Tal fato está diretamente relacionado ao momento histórico e às exigências de um público específico. Esta teseé dividida em três capítulos.O primeiro capítulo,  Darcy Ribeiro, un interprete del Brasile in Italia , divide-se em três partes:  1.1. Darcy Ribeiro, intellettuale poliedrico apresenta elementos biográficos do autor, além da sua intensa produção, evidenciando as relações intelectuais e literárias com diversos autores contemporâneos. Apesar da heterogeneidade da sua obra, destaca-se a existência de elos de ligação entre os diferentes âmbitos pelos quais se interessou, refletindo-se nos romances, como será demonstrado no segundo capítulo. Em  1.2. Darcy Ribeiro nel sistema culturale italiano , destaca-se a presença de Darcy Ribeiro no sistema cultural italiano através das traduções para o italiano, considerando quais traduções foram divulgadas, por quem e como foram apresentadas. Aqui é descrita a situação histórico-política e a cultural do contexto italiano dos anos 70 e 90. Enquanto em  1.3. La ricezione critica italiana , demonstra-se a apreciação que Darcy Ribeiro teve na Itália evidenciando a imagem dele que foi passada em artigos acadêmicos, periódicos e paratextos que acompanham as traduções italianas. O segundo capítulo,  I romanzi di Darcy Ribeiro , é o estudo da parte literária da obra de Darcy Ribeiro e do gênero romance dentro do sistema cultural italiano (2.1. Il romanzo latinoamericano nel sistema culturale italiano). Na parte  2.2. Il romanzo ribeiriano: indianista e/o indigenista? , são destacadas as relações dos romances de Darcy Ribeiro com o romance indianista/indigenista e em parte com o latino-americano, evidenciando as características destas correntes e como se refletem em Maíra e Utopia selvaggia. Em  2.3. I romanzi di Darcy Ribeiro , são apresentados os quatro romances do Autor (Maíra, O mulo, Utopia selvagem, Migo) destacando como as diversas facetas da atividade intelectual de Ribeiro se compenetram e se completam nessa parte da sua produção. O terceiro capítulo,  Analisi descrittive delle traduzioni italiane dei romanzi Maíra e Utopia selvaggia , baseado no modelo teórico proposto por José Lambert e Van Gorp (1985), orientado ao sistema de chegada, apresenta a análise descritiva das traduções Maíra e Utopia selvaggia. Antes de entrar na análise propriamente dita, no subcapítulo  3.1. Daniela Ferioli: traduttrice letteraria , é apresentada a atividade da tradutora, dando atenção à sua poética e experiência da tradução, que será explicitada durante a análise descritiva pontual das traduções dos dois romances (Maíra e Utopia selvaggia). A partir da análise de descrições etnográficas escolhidas precedentemente e presentes nos dois romances, se levará à comparação das traduções com os respetivos textos fonte, com que se procurarão as recorrências, estudadas no nível preliminar (3.2.  Analisi descrittiva delle traduzioni dei romanzi Maíra e Utopia selvaggia ), no nível macroestrutural (3.3.  La macrostruttura dei testi tradotti ) e no nível microestrutural (3.4.  La microstruttura dei testi tradotti ). Em nível preliminar, são analisadas as traduções a partir do aparato paratextual e escolhas editoriais, antes considerando Maíra, depois Utopia selvaggia. As recorrências e normas registradas durante a análise das duas traduções serão comparadas e descritas para criar as primeiras hipóteses, que serão confirmadas ou não durante as fases sucessivas da análise. Esta estrutura será respeitada durante a análise em nível macroestrutural e no microestrutural. Portanto, durante o estudo descritivo, se efetuará uma análise contrastiva entre o texto traduzido e seu respetivo texto fonte, desenvolvendo uma análise que leva à descrição e ao comentário dos procedimentos tradutivos adotados por Daniela Ferioli, assim como será possível a reconstrução de uma parte das normas tradutórias que regulavam a tradução literária entre a década de 70 e 90 do século XX. Seguirão as considerações finais em que se refletirá sobre a análise feita durante este estudo e os resultados atingidos, confirmando ou não as hipóteses iniciais.
Riassunto : Questa tesi di dottoratosi propone come contributo per lo studio descrittivo della traduzione letteraria in Italia attraverso l´'analisi di due romanzi di Darcy Ribeiro: Maíra, pubblicato nel 1979, e Utopia selvaggia, editato invece nel 1987, entrambi tradotti da Daniela Ferioli. Oltre a poter identificare alcune delle norme dominanti che stavano alla base della traduzione letteraria in Italia fra gli anni Settanta e Novanta del Ventesimo secolo, si vuole anche poter ricostruire il sistema culturaleitaliano in cui le suddette traduzioni si inseriscono. Per questo lo studio sarà fatto a partire dalle prospettive della teoria del polisistema di Itamar Even-Zohar (1990) e del concetto di norma proposto da Gideon Toury (1995). La metodologia usata per l'analisi descrittiva delle traduzioni si basa principalmente sul modello teorico proposto da José Lambert (1985), il quale porterà alla comparazione delle traduzioni con i loro testi fonte, da cui saranno individuate ricorrenze, studiate poi a livello preliminare, macrostrutturale e microstrutturale. L?analisi fatta renderà possibile la ricostruzione di una parte delle norme che regolavano la traduzione letteraria fra i decenni del Settanta e Novanta del Ventesimo secolo e porterà a riflettere sulla poetica traduttiva di Daniela Ferioli.
4

Investigando jerônimos : a representação do tradutor como personagem em narrativas contemporâneas

Querido, Alessandra Matias 29 August 2011 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Teoria Literária e Literaturas, 2011. Submitted by Jaqueline Ferreira de Souza (jaquefs.braz@gmail.com) on 2012-09-05T11:07:59Z No. of bitstreams: 1 2011_AlessandraMatiasQuerido.pdf: 2074034 bytes, checksum: 96fd70d6b8657edc3123268f577ac8ae (MD5) Approved for entry into archive by Jaqueline Ferreira de Souza(jaquefs.braz@gmail.com) on 2012-09-05T11:08:33Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2011_AlessandraMatiasQuerido.pdf: 2074034 bytes, checksum: 96fd70d6b8657edc3123268f577ac8ae (MD5) Made available in DSpace on 2012-09-05T11:08:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2011_AlessandraMatiasQuerido.pdf: 2074034 bytes, checksum: 96fd70d6b8657edc3123268f577ac8ae (MD5) O objetivo desta tese é traçar um panorama da representação do tradutor como personagem em narrativas contemporâneas, tendo por base os Estudos de Tradução e a Teoria Literária. O tradutor atua como mediador em diversos campos do conhecimento e em todas as épocas, contudo, poucas parecem ser as reflexões acerca da representação do tradutor como personagem e que implicações ela pode ter sobre a percepção que ele tem de si mesmo e o valor que é dado à profissão em termos sociais. Neste sentido, por meio dos textos literários, discutimos acerca da identidade híbrida ou líquida do tradutor, seu poder simbólico e a maneira como ele é visto na sociedade. O presente estudo aborda narrativas que tratam desde questões relativas às considerações subjetivas do tradutor até a forma como ele exerce seu papel e se torna visível. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT The aim of this study is to provide an outlook at the representation of translators as fictional characters in contemporary narratives, based on Translation Studies discussions and on Literary Theory. The translator has always been a mediator in different fields of knowledge through time, however there are few studies about the way he/she is represented as a fictional character and what this representation can bring in terms of theoretical discussion about the profession. It is important to observe if it affects the way translators see themselves and how their image and professional value are perceived in society. We can discuss these topics through literary texts, paying attention to translator‘s hybrid or liquid identity, his/her symbolic power and visibility. This research presents analysis of narratives that show translators thinking about their personal issues and also those that bring about questions on the profession and how it is seen in social terms.
5

Tradução comentada de Milton de William Blake

Steil, Juliana 2011 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução Made available in DSpace on 2012-10-26T00:41:25Z (GMT). No. of bitstreams: 1 299876.pdf: 2307924 bytes, checksum: 1a2a31ac21f25e65ff1cbd74e5c950b9 (MD5) Partindo de uma análise do percurso da tradução das obras de William Blake no sistema literário brasileiro, esse trabalho discute uma proposta de tradução de Milton, uma das três maiores profecias do autor, como uma possibilidade de reescrita complementar às reescritas existentes do poeta inglês no Brasil. Fornecem dados para essa discussão a própria tradução de Milton e seu confronto com a tradução do mesmo livro realizada por Manuel Portela (Blake, 2009b). Na proposta de tradução apresentada neste trabalho, o ritmo, a pontuação, o uso de adjetivos, as repetições, as aliterações e consonâncias e os nomes próprios são identificados como algumas das características relevantes na totalidade do texto de Milton, e o estudo crítico sobre a obra e seu autor é considerado fundamental para determinar tanto as escolhas de tradução em nível textual como o perfil geral da reescrita
6

Traduzir na contemporaneidade : efeitos da adoção de sistemas de memórias sobre a concepção ética da prática tradutória

Stupiello, Érika Nogueira de Andrade. 2010 (has links)
Orientador: Cristina Carneiro Rodrigues Banca: Alvaro Luiz Hattnher Banca: Lenita Maria Rimoli Esteves Banca: Márcia do Amaral Peixoto Martins Banca: Heloísa Gonçalves Barbosa Resumo: As transformações experimentadas no mundo considerado globalizado têm gerado o crescimento do montante de informações e a urgência de disseminação das mesmas além fronteiras, promovendo o expressivo aumento da demanda por traduções elaboradas de maneira rápida e segundo padrões de produção específicos. Para atender a essas exigências e manterem-se competitivos, tradutores, cada vez mais, estão lançando mão das ferramentas tecnológicas atualmente disponíveis, em especial, sistemas de memórias de tradução. A aplicação dessas ferramentas requer que o tradutor siga determinadas regras que garantam o desempenho prometido, especialmente pela manipulação de termos e fraseologias utilizados na tradução a fim de garantir seu reaproveitamento em trabalhos futuros. A crescente adoção de ferramentas pelo tradutor contemporâneo suscita uma reflexão de cunho ético sobre a extensão de sua responsabilidade pelo material traduzido. Visando a esse fim, nesta tese, investigam-se os pressupostos teóricos que sustentam os projetos dessas ferramentas tecnológicas de tradução, analisando-se tanto as contribuições que elas têm proporcionado ao tradutor, como algumas das questões que procedem do modo como a profissão é concebida como resultado do uso dos recursos por elas disponibilizados. Para fomentar a análise proposta, foram examinados os recursos pressupostos como dinamizadores do trabalho do tradutor, principalmente pelas funções de segmentação do texto de origem, alinhamento de traduções e pelo processo de correspondência textual disponíveis em três sistemas de memória: o Wordfast, o Trados e o Transit. O estudo dos projetos e dos recursos disponibilizados por essas ferramentas auxiliou a análise sobre o envolvimento do tradutor com a tradução, quando esse profissional integra um processo maior de produção... Abstract: Transformations in the globalized world have generated the growth of the amount of information and the urgency of its dissemination beyond borders, promoting a significant increase in the demand for translations performed fast and according to specific production standards. In order to comply with these requirements and remain competitive, translators are more and more embracing the technological tools currently available, mainly, translation memory systems. The application of these tools requires the translator to follow certain rules that guarantee the promised performance, mainly by manipulating terms and phraseologies used in the translation so as to ascertain their reuse in future translations. The growing adoption of tools by the contemporary translator calls for an ethical consideration of the extension of the translator's responsibility for the translated material. In this thesis, the theoretical assumptions supporting the projects of these translation technological tools are investigated through the analysis of both the contributions they have been providing for the translator and some issues that arise from the way the profession is conceived as a result of the use of the resources made available by these tools. To foment the proposed analysis, resources deemed to make the translator's work more dynamic have been examined, mainly through the functions of source-text segmentation, translation alignment and textual matching available in three translation memory systems: Wordfast, Trados and Transit. The study of the projects and resources made available by these tools encouraged the analysis of the translator's involvement with the translation when he/she is part of a larger process of production and distribution of information to audiences located in the most varied places in the world. From this analysis, a survey was carried out of issues... Doutor
7

Of mice and men, de John Steinbeck : a oralidade na literatura como problema de tradução

Faria, Johnwill Costa 17 July 2009 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, 2009. Submitted by Larissa Ferreira dos Angelos (ferreirangelos@gmail.com) on 2010-04-28T19:22:05Z No. of bitstreams: 1 2009_JohnwillCostaFaria_orig.pdf: 6772000 bytes, checksum: 0b82342ff797d62b9b3cee763ad23e5d (MD5) Approved for entry into archive by Daniel Ribeiro(daniel@bce.unb.br) on 2010-05-04T16:40:12Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_JohnwillCostaFaria_orig.pdf: 6772000 bytes, checksum: 0b82342ff797d62b9b3cee763ad23e5d (MD5) Made available in DSpace on 2010-05-04T16:40:13Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_JohnwillCostaFaria_orig.pdf: 6772000 bytes, checksum: 0b82342ff797d62b9b3cee763ad23e5d (MD5) Previous issue date: 2009-07-17 Esta dissertação investiga a atividade tradutória como reescritura, ou seja, a tradução compreendida como um novo texto, construído conforme a subjetividade do tradutor, o qual também dirige seu olhar para o autor, o texto e a cultura de partida, e para a recepção em seus aspectos de aceitabilidade do que será o produto final. Entende-se que a recepção é constituída não só pelo público leitor geral, mas também por vários agentes inseridos na complexa dinâmica social, onde sempre imperam conceitos de ordem ideológica e de poder, que, conseqüentemente, vão interferir de alguma forma no processo de escolha, seleção e publicação da tradução. Estas idéias encontram subsídio na teoria dos polissistemas, particularmente na contribuição de intelectuais como Itamar Even-Zohar, Gideon Toury e André Lefevere, dentre outros. É esta a base teórica principal que fundamentará este trabalho, que consiste no estudo de alguns problemas de tradução, ou seja, as diferenças nem sempre conciliáveis entre a cultura do texto de partida e a cultura do texto de chegada. Dentre esses problemas que causam dificuldades ao tradutor, destaca-se a questão de como traduzir a língua oral utilizada pelos personagens de John Steinbeck em seu romance Of mice and men. Logo, será realizada uma análise descritiva e comparativa de três traduções desse romance publicadas no Brasil em diferentes épocas, todas sob o título comum Ratos e homens: a primeira tradução é de Érico Veríssimo (Porto Alegre: Editora do Globo, 1940); a segunda é de Myriam Campello (São Paulo: Círculo do Livro, 1991); e a terceira é de Ana Ban (Porto Alegre: L&PM, 2005). Para este propósito, como referência teórica de análise, será utilizado como ponto de partida o esquema teórico de descrição de traduções literárias de Lambert e Van Gorp (1985) (dividido em quatro estágios: dados preliminares, macroestrutura, microestrutura e contexto sistêmico). Os dados deste estudo indicam como a dinâmica social e seus agentes interferem no processo de elaboração de uma reescritura, tendo os usos da língua oral como uma dificuldade relevante para o tradutor. Deste modo, observa-se como e por que os tradutores de Steinbeck analisados aqui propõem soluções diferentes para a linguagem dos diálogos em Of mice and men, caracterizada como um dialeto estigmatizado da língua inglesa, mas que ganha perfis diferenciados nestas traduções brasileiras. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT This master s thesis investigates translating as a rewriting activity, that is, the translation is understood as a new text, constructed according to the translator's subjectivity, while looking towards the author, the text and the source culture, and towards the reception, in terms of the acceptability of what is to become the final product. It is understood that reception includes not only readers in general, but also several agents who are part of the complex social dynamics, where ideological and power concepts prevail, the consequence being that they will exert some manner of intervention in the processes involved in the choice, selection and publication of a given translation. These ideas find subsidies in the polysystem theory, particularly in contributions given by intellectuals such as Itamar Even-Zohar, Gideon Toury and André Lefevere, among others. This is the main theoretical basis sustaining this paper, consisting in the study of some translation problems, that is, differences that aren't always reconcilable, between the culture that gave rise to the original text and the target culture of that text. Of special notice, among the problems causing difficulties for the translator, is the question of how to translate the oral language used by John Steinbeck's characters in his novel Of mice and men. A descriptive and comparative analysis of three translations of this novel, published in Brazil in different periods, all under the common title Ratos e homens, will follow. The first translation is by Érico Veríssimo (Porto Alegre: Editora do Globo, 1940); the second, by Myriam Campello (São Paulo: Círculo do Livro, 1991); and the third, by Ana Ban (Porto Alegre: L&PM, 2005). To this end, as theoretical reference for our analysis, Lambert & Van Gorp's (1985) description scheme of literary translations (divided in four stages: preliminary data, macro-level, micro-level and systemic context) will be used as a starting point. The data on this paper indicate how the social dynamics and its agents interfere in the development process of a rewriting, when the use of oral language becomes a relevant difficulty for the translator. They make it possible to note how and why the Steinbeck's translators analyzed in this paper proposed different solutions for the language used in the dialogs found in Of mice and men, characterized as a stigmatized dialect of the English language, but which gains differing profiles in these Brazilian translations.
8

O Grande Cálculo : ensaio sobre a tradução indireta de um texto budista tibetano

Carlucci, Bruno 2 December 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, 2013. Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2014-07-23T15:33:16Z No. of bitstreams: 1 2014_BrunoCarlucci.pdf: 2211187 bytes, checksum: d54804cadb777a756302d9ee530cd5ed (MD5) Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2014-07-23T16:00:28Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_BrunoCarlucci.pdf: 2211187 bytes, checksum: d54804cadb777a756302d9ee530cd5ed (MD5) Made available in DSpace on 2014-07-23T16:00:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_BrunoCarlucci.pdf: 2211187 bytes, checksum: d54804cadb777a756302d9ee530cd5ed (MD5) A dissertação que ora apresentamos na forma de ensaio trata da tradução indireta para o português do texto O Grande Cálculo da Doutrina que Tem a Significância de um Quarto Concílio (The Great Calculation of the Doctrine that Has the Significance of a Fourth Council), ou Quarto Concílio (Fourth Council), de Dölpopa Sherab Gyaltsen (1292-1361), a partir da tradução em língua inglesa de Cyrus Stearns (2010). Desenvolveu-se uma reflexão teórica sobre a tradução indireta desse texto, que dialogou com diferentes vertentes dos Estudos da Tradução, com a Hermenêutica (GADAMER, 1997 e RICOEUR, 2005), a Teoria Comunicativa da Terminologia (CABRÉ, 1999) e a pesquisa do budismo, especialmente de sua história da tradução e de formação do cânone e das escolas. Tal reflexão teve o objetivo de propor uma teorização e uma metodologia de tradução indireta de textos budistas, levando em conta a historicidade do texto, o ambiente sensível, onde foi escrito e posteriormente censurado. Utilizou-se a ideia de resíduo de Venuti (2013) para tradução e discussão dos aspectos históricos, terminológicos e poéticos do texto de modo a abordar a tradução e o texto como parte de um contexto intercultural. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT This is an essay on the indirect translation into Portuguese of the text entitled The Great Calculation of the Doctrine That Has the Significance of a Fourth Council, or Fourth Council, by Dölpopa Sherab Gyaltsen (1292-1361), from the English language translation by Cyrus Stearns (2010). We have developed a theoretical reflection deriving from the indirect translation process of this text relating to different approaches in the field of Translation Studies, Hermeneutics (GADAMER, 1997 & RICOEUR, 2005), the Communicative Theory of Terminology (CABRÉ, 1999) and research on Buddhism, especially regarding its history of translation and development of canon and schools. The aim has been to propose a theoretical framework and a methodology of indirect translation of Buddhist texts, taking into account the historicity of the text, the sensitive environment where it was written and later censored. Venuti’s (2013) concept of remainder has been employed for the translation and discussion of historic, terminological and poetical elements of the text in order to approach the translation and the text as belonging to an intercultural context.
9

José Paulo Paes tradutor de Paul Éluard

Santos, Giovana Bleyer Ferreira dos 4 September 2009 (has links)
Dissertação (mestrado)-Universidade de Brasília, Instituto de Letras, 2009. Submitted by Patrícia Nunes da Silva (patricia@bce.unb.br) on 2011-06-06T20:23:03Z No. of bitstreams: 1 2009_GiovanaBleyerFerreiradosSantos.pdf: 587426 bytes, checksum: 0fd95684e76c8c5ebb9e067873e07c7f (MD5) Approved for entry into archive by Patrícia Nunes da Silva(patricia@bce.unb.br) on 2011-06-06T20:23:20Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_GiovanaBleyerFerreiradosSantos.pdf: 587426 bytes, checksum: 0fd95684e76c8c5ebb9e067873e07c7f (MD5) Made available in DSpace on 2011-06-06T20:23:20Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_GiovanaBleyerFerreiradosSantos.pdf: 587426 bytes, checksum: 0fd95684e76c8c5ebb9e067873e07c7f (MD5) O presente trabalho analisa a tradução de alguns poemas surrealistas do poeta francês Paul Éluard. A pesquisa foi baseada na antologia Poemas (1988), selecionada e traduzida por José Paulo Paes. O objetivo desta análise é verificar se ter um profissional com conhecimentos teóricos e um projeto de tradução bem definido contribui para que os níveis de “fidelidade” pertinentes na tradução de poesia (destacados por Mário Laranjeira, 1993) sejam mantidos. A partir das análises foi possível constatar que a intermediação cultural realizada por Paes é capaz de oferecer aos leitores do texto de chegada uma interação com um texto poético que opera de forma homóloga ao texto de partida. Desta maneira, as características marcantes da poética eluardiana deslocam-se para outro tempo-espaço com uma carga semelhante de especificidades. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT The present assignment brings an analysis regarding the translation of some surrealist poems of the French poet Paul Éluard. The research was based on the anthology Poems (1988), selected and translated by José Paulo Paes. The objective of this analysis is to verify whether a professional with some theoretical knowledge and a clear-cut project of translation is more likely to keep the level of faithfulness requested by the translation of poetry (pointed out by Mário Laranjeira, 1993). From the analysis it was possible to notice that the cultural intermediation accomplished by Paes is capable to offer to readers of the first-version text a similar interaction with the poetic text that operates homologously with the second-version one. In this way, the most important characteristics of the Eluardiana poetry dislocate toward another time-space with a similar amount of specificities that characterizes it.
10

Etnocentrismo na autoria e ideologia na tradução : The burglar of Babylon de Elizabeth Bishop

Azevedo, Jorgiana Antonietta Nunes de 27 August 2013 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, Programa de Pós-Graduação em Estudos da Tradução, 2013. Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2014-01-14T10:52:00Z No. of bitstreams: 1 2013_JorgianaAntoniettaNunesdeAzevedo.pdf: 474063 bytes, checksum: 09b0e1ff911cee181560b4f372f4229e (MD5) Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2014-02-03T14:06:11Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_JorgianaAntoniettaNunesdeAzevedo.pdf: 474063 bytes, checksum: 09b0e1ff911cee181560b4f372f4229e (MD5) Made available in DSpace on 2014-02-03T14:06:11Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_JorgianaAntoniettaNunesdeAzevedo.pdf: 474063 bytes, checksum: 09b0e1ff911cee181560b4f372f4229e (MD5) O avanço dos estudos sociais culturalmente orientados cria ramificações em todas as esferas do pensar a arte e, seguindo esse caminho, perpassa pelo reconhecimento de uma disposição hierárquica entre os sistemas literários de países centrais e periféricos. Para entender esta relação empiricamente, toma-se para observação um microssistema desta natureza: a escrita etnocêntrica de Elizabeth Bishop em The Burglar of Babylon (1965) e a tradução de Paulo Henriques Britto, O Ladrão da Babilônia (1999). Por meio do cotejamento entre original e tradução, faz-se a análise do teor ideológico da escrita autoral e da postura adotada pelo tradutor com relação a ele. Dessa forma, destaca-se a construção poética a partir de uma leitura pós-colonial dos textos, fazendo ver uma tendência contestadora da hierarquia entre os sistemas literários dos Estados Unidos e do Brasil. O estudo das escolhas feitas pelo tradutor demonstra que se trata do coroamento do texto de uma das poetas da literatura inglesa de maior destaque no século passado por seu tradutor para o português. Os efeitos da mudança de tônica que o tradutor causa no texto servem, então, para asseverar que, neste espaço de dominação, tem lugar também a tradução ideologicamente autônoma. Ainda mais importante, a comparação entre os textos permite ver que a integridade poética está absolutamente preservada quando a metodologia de tradução se permite adaptar e criar uma obra inteiramente nova na cultura-alvo. _______________________________________________________________________________________ ABSTRACT The advance of culturally oriented social studies creates branches in all spheres of art thinking. Following this path, it implies the recognition of a hierarchical arrangement between literary systems of central and peripheral countries. In order to understand this relationship empirically, we take one micro system of such nature for observation: Elizabeth Bishop’s ethnocentric writing in The Burglar of Babylon (1965), and its translation by Paulo Henriques Britto, O Ladrão da Babilônia (1999). We use the collation of original text and its translation to analyze ideological purport in the authorial writing and the stance taken by the translator regarding it. The poetic construction stands out through a post-colonial reading of the texts, bringing to light, thus, a tendency that contests hierarchy between the literary systems of the United States and Brazil. By studying the choices made by the translator, it is demonstrated that the text of one of the most notable poets in last century’s English literature is crowned by her translator into Portuguese. The effects of a change in punctuation the translator imprints on the final product serve, then, to assert that ideologically autonomous translations also have place in this space of domination. More importantly, the comparison between these texts makes us see that the poetic integrity is absolutely preserved when translation methodology allows to adapt it and create an entirely new work in the target culture.

Page generated in 0.1348 seconds