• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 67
  • 1
  • Tagged with
  • 68
  • 68
  • 59
  • 54
  • 32
  • 25
  • 25
  • 24
  • 22
  • 20
  • 14
  • 12
  • 12
  • 11
  • 11
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Avaliação genética de características produtivas e reprodutivas de animais da raça Girolando

Montenegro, Assis Rubens January 2013 (has links)
MONTENEGRO, A. R. Avaliação genética de características produtivas e reprodutivas de animais da raça Girolando. 2013. 213 f. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2013. / Submitted by Daniel Eduardo Alencar da Silva (dealencar.silva@gmail.com) on 2014-12-01T19:14:17Z No. of bitstreams: 1 2013_dis_armontenegro.pdf: 1006839 bytes, checksum: 1eebcb0ac2adf32fedf14b54e6320e55 (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa(jairo@ufc.br) on 2015-11-27T22:25:45Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_dis_armontenegro.pdf: 1006839 bytes, checksum: 1eebcb0ac2adf32fedf14b54e6320e55 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-11-27T22:25:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_dis_armontenegro.pdf: 1006839 bytes, checksum: 1eebcb0ac2adf32fedf14b54e6320e55 (MD5) Previous issue date: 2013 / In order to estimate genetic parameters and correlated response to first milk production at 305 days (P305), age at first calving (IPP), first calving interval (IDP) and projected production (PP) Girolando created in Brazil, analyzed 9,632 records of births collected in several Brazilian herds in the period 2000-2010. The production of milk in 305 days, age at first calving, first calving interval and projected productions were analyzed using an animal model in univariate and bivariate. For P305 and IDP, the model included the fixed effects of contemporary group (CG), season of calving and cow age in days as a covariate (linear and quadratic) and random direct genetic effect. For IPP, the model was formed by contemporary group, season of birth and random direct genetic effect. The GC for P305, IDP and PP was defined as herd and year of birth, and the IPP effects of herd and year of birth. Variance components were estimated by restricted maximum likelihood (REML). In the first experiment, genetic trends were estimated by linear regression analyzes of breeding values, weighted by the number of observations, depending on the year of birth of the animal. The relative efficiency of indirect selection was obtained by dividing the correlated response for reproductive traits when selection was practiced for milk production and genetic gain direct. In the second experiment, including the random effect of permanent environment for P305 and PP. The lactation projected were from of 151, 181, 211 and 241 days and files formed with three levels (10, 40, 70 and 100%) for milk accumulated at 305 days (P305) projected by lactation (PP), totaling 16 files. Groups were formed coincidence of bulls by their breeding values for each substitution level and data projection. The mean values and standard deviations for P305, IPP and IDP were 4003.80 ± 1568.99 kg, 1071.40 ± 182.52 days and 440.10 ± 100.52 days, respectively. The estimated of heritability were 0.25, 0.20 and 0.03 for P305, IPP and IDP, respectively. The results suggest that the productions up to 305 days and age at first calving have additive genetic variability and can be used as selection criteria of Girolando breed. The genetic correlation between P305 and IDP was 0.13, between IPP and IDP, 0.18; between P305 and IPP, -0.59. The results indicate that the genetically superior animals for milk production are also earlier. However, the genetic gain for IPP will be greater if performed direct selection for the trait. Genetic trends for P305, IPP and IDP were 11.58 kg, -0.30 days and 0.02 days, respectively. The genetic gain IPP will be greater if performed direct selection for the trait. The increase of 257.0 kg of milk will result in 2.7 days more in the first calving interval. The estimate of herdabildiade (h ²) for P305 was 0.16. Already the PP showed h ² average 0.15, varying between from 0.14 to 0.16. Genetic correlations between P305 and PP were all equal to unity. Selecting bulls 1% higher for P305 obtained coincidence of 80% except for PP15070% and PP150100%. For other levels of selection, the coincidences were higher varying from 82 to 100%. It was found that the use of lactation projected from 150 days is an effective methodology for the inclusion of analysis information. / Com o objetivo de estimar parâmetros genéticos e a resposta correlacionada para primeira produção de leite até 305 dias (P305), idade ao primeiro parto (IPP), primeiro intervalo de partos (IDP) e produções projetadas (PP) da raça Girolando criada no Brasil, foram analisados 9.632 registros de partos coletados em vários rebanhos brasileiros no período de 2000 a 2010. A produção de leite em 305 dias, idade ao primeiro parto, primeiro intervalo de parto e produções projetadas foram analisadas por meio de modelo animal em análises uni e bicaracterísticas. Para P305 e IDP, o modelo incluiu os efeitos fixos de grupo de contemporâneos (GC), época de parto e idade da vaca em dias como co-variável (regressão linear e quadrática) e o efeito aleatório genético direto. Para a IPP, o modelo foi formado por grupo de contemporâneos, época de nascimento e o efeito aleatório genético direto. O GC para P305, IDP e PP foi definido como rebanho e ano de parto, e para IPP os efeitos de rebanho e ano de nascimento. Os componentes de variância foram estimados pelo método de máxima verossimilhança restrita (REML). No primeiro experimento, as tendências genéticas foram calculadas por análises de regressão linear dos valores genéticos, ponderados pelo número de observações, em função do ano de nascimento dos animais. A eficiência relativa da seleção indireta foi obtida pela divisão da resposta correlacionada para as características reprodutivas, quando a seleção foi praticada para produção de leite e o ganho genético direto. No segundo experimento, foi incluindo o efeito aleatório de ambiente permanente para P305 e PP. Foram projetadas lactações a partir de 151, 181, 211 e 241 dias e formados arquivos com níveis de substituição (10, 40, 70 e 100%) das produções de leite acumulada até 305 dias (P305) pelas lactações projetadas (PP), totalizando 16 arquivos. Foram formados grupos de coincidência dos touros pelos seus valores genéticos para cada nível de substituição e data de projeção. Os valores das médias e dos desvios padrões para P305, IPP e IDP foram 4003,80 ±1568,99 kg, 1071,40 ±182,52 dias e 440,10 ±100,52 dias, respectivamente. As estimativas de herdabilidade obtidas foram 0,25, 0,20 e 0,03 para P305, IPP e IDP, respectivamente. Os resultados sugerem que a produções em até 305 dias e idade ao primeiro parto possuem variabilidade genética aditiva, podendo ser utilizadas como critério de seleção da raça Girolando. A correlação genética entre P305 e IDP foi 0,13; entre IDP e IPP, 0,18; entre P305 e IPP, -0,59. Os resultados indicam que os animais superiores geneticamente para produção de leite são também mais precoces. Entretanto, o ganho genético para IPP será maior se for realizada a seleção direta para a característica. As tendências genéticas para P305, IPP e IDP foram 11,58 kg, -0,30 dias e 0,02 dias, respectivamente. O ganho genético para IPP será maior se for realizada a seleção direta para a característica. O acréscimo de 257,0 kg de leite resultará em 2,7 dias a mais no primeiro intervalo de parto. A estimativa da herdabildiade (h²) para P305 foi de 0,16. Já as PP apresentaram h² média de 0,15, variando entre 0,14 a 0,16. As correlações genéticas entre P305 e PP foram todas igual a unidade. Selecionando 1% dos touros superiores para P305 obteve coincidência de 80% exceto para PP15070% e PP150100%. Para os demais níveis de seleção, as coincidências foram maiores variando de 82 até 100%. Constatou-se que a utilização de lactações projetadas a partir de 150 dias é uma metodologia eficiente na inclusão de informações para análise.
2

Associação genética entre produção de leite, habilidade de permanência e ocorrência de mastite em vacas da raça holandesa em condições tropicais

Irano, Natália [UNESP] 27 July 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:06Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-07-27Bitstream added on 2014-06-13T19:54:01Z : No. of bitstreams: 1 irano_n_me_jabo.pdf: 187304 bytes, checksum: 9f2cf22f2fa39eab86ecdfc75843adfe (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Objetivou-se com este trabalho estimar parâmetros genéticos para produção de leite, habilidade de permanência da vaca no rebanho e ocorrência de mastite clínica de vacas da raça Holandesa, bem como estudar as associações genéticas entre elas, com intuito de fornecer subsídios para a avaliação genética destas características. Foram analisados dados de 5.090 vacas da raça Holandesa que pariram no período de 1991 a 2010, pertencentes à Agropecuária Agrindus S.A.. Foram feitas duas análises multicaracterísticas, uma contendo as características produção de leite acumulada até 305 dias na primeira lactação (PL1), habilidade de permanência das vacas no rebanho (HP) até a terceira lactação e ocorrência de mastite clínica (OM) e, a outra, produção de leite acumulada até 305 dias (P305), HP e OM, ambas sob modelos animal e considerando as três primeiras lactações como medidas repetidas para P305 e OM. Os componentes de covariância foram obtidos por abordagem Bayesiana, utilizando o programa THRGIBBS1F90. As estimativas de herdabilidade, obtidas pela análise multicaracterísticas com a PL1, foram de 0,19; 0,28 e 0,13 para a PL1, HP e OM, respectivamente, enquanto que, na análise multicaracterísticas com a P305, as estimativas foram de 0,19; 0,31 e 0,14, respectivamente. As correlações genéticas foram de 0,38 entre PL1 e HP, 0,12 entre PL1 e OM e -0,49 entre HP e OM, em análise multicaracterísticas com a PL1 e, de 0,66 entre P305 e HP, -0,25 entre P305 e OM e - 0,52 entre HP e OM, em análise multicaracterísticas com a P305 / The objective of this study was to estimate genetic parameters for milk yield, stayability and the occurrence of clinical mastitis in Holstein cows, as well as studying the genetic relationship between them, in order to provide subsidies for the genetic evaluation these traits. Records from 5,090 Holstein cows with calving varying from 1991 to 2010, belonging to the Agropecuária Agrindus S.A. Two standard multivariate analyses were carried out, one containing the trait of accumulated 305 day milk yields in first lactation (MY1), stayability (SA) to the third lactation and clinical mastitis (CM) and the other, accumulated 305 day milk yields (MY), SA and CM, considering the first three lactations as repeated measures for MY and CM. The covariance components were obtained by Bayesian approach using the program THRGIBBS1F90. The heritability estimates obtained by multivariate analysis with MY1, were 0.19, 0.28 and 0.13 for MY1, SA and CM, respectively, whereas the multivariate analysis with the MY, the estimates were 0.19, 0.31 and 0.14, respectively. The genetic correlations between MY1 and SA, MY1 and CM, SA and CM, respectively, were 0.38, 0.12, and -0.49. The genetic correlations between MY and SA, MY and CM, SA and CM, respectively, were 0.66, -0.25, and -0.52
3

Avaliação genética de características produtivas e reprodutivas de animais da raça Girolando / Genetic evaluation of productive and reproductive characteristics of animals Girolando

Montenegro, Assis Rubens January 2013 (has links)
MONTENEGRO, Assis Rubens. Avaliação genética de características produtivas e reprodutivas de animais da raça Girolando. 2013. 113 f. Dissertação (mestrado em zootecnia)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2013. / Submitted by Elineudson Ribeiro (elineudsonr@gmail.com) on 2016-04-26T18:56:14Z No. of bitstreams: 1 2013_dis_armontenegro.pdf: 1006839 bytes, checksum: 1eebcb0ac2adf32fedf14b54e6320e55 (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa (jairo@ufc.br) on 2016-05-27T19:24:22Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2013_dis_armontenegro.pdf: 1006839 bytes, checksum: 1eebcb0ac2adf32fedf14b54e6320e55 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-05-27T19:24:22Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2013_dis_armontenegro.pdf: 1006839 bytes, checksum: 1eebcb0ac2adf32fedf14b54e6320e55 (MD5) Previous issue date: 2013 / In order to estimate genetic parameters and correlated response to first milk production at 305 days (P305), age at first calving (IPP), first calving interval (IDP) and projected production (PP) Girolando created in Brazil, analyzed 9,632 records of births collected in several Brazilian herds in the period 2000-2010. The production of milk in 305 days, age at first calving, first calving interval and projected productions were analyzed using an animal model in univariate and bivariate. For P305 and IDP, the model included the fixed effects of contemporary group (CG), season of calving and cow age in days as a covariate (linear and quadratic) and random direct genetic effect. For IPP, the model was formed by contemporary group, season of birth and random direct genetic effect. The GC for P305, IDP and PP was defined as herd and year of birth, and the IPP effects of herd and year of birth. Variance components were estimated by restricted maximum likelihood (REML). In the first experiment, genetic trends were estimated by linear regression analyzes of breeding values, weighted by the number of observations, depending on the year of birth of the animal. The relative efficiency of indirect selection was obtained by dividing the correlated response for reproductive traits when selection was practiced for milk production and genetic gain direct. In the second experiment, including the random effect of permanent environment for P305 and PP. The lactation projected were from of 151, 181, 211 and 241 days and files formed with three levels (10, 40, 70 and 100%) for milk accumulated at 305 days (P305) projected by lactation (PP), totaling 16 files. Groups were formed coincidence of bulls by their breeding values for each substitution level and data projection. The mean values and standard deviations for P305, IPP and IDP were 4003.80 ± 1568.99 kg, 1071.40 ± 182.52 days and 440.10 ± 100.52 days, respectively. The estimated of heritability were 0.25, 0.20 and 0.03 for P305, IPP and IDP, respectively. The results suggest that the productions up to 305 days and age at first calving have additive genetic variability and can be used as selection criteria of Girolando breed. The genetic correlation between P305 and IDP was 0.13, between IPP and IDP, 0.18; between P305 and IPP, -0.59. The results indicate that the genetically superior animals for milk production are also earlier. However, the genetic gain for IPP will be greater if performed direct selection for the trait. Genetic trends for P305, IPP and IDP were 11.58 kg, -0.30 days and 0.02 days, respectively. The genetic gain IPP will be greater if performed direct selection for the trait. The increase of 257.0 kg of milk will result in 2.7 days more in the first calving interval. The estimate of herdabildiade (h ²) for P305 was 0.16. Already the PP showed h ² average 0.15, varying between from 0.14 to 0.16. Genetic correlations between P305 and PP were all equal to unity. Selecting bulls 1% higher for P305 obtained coincidence of 80% except for PP15070% and PP150100%. For other levels of selection, the coincidences were higher varying from 82 to 100%. It was found that the use of lactation projected from 150 days is an effective methodology for the inclusion of analysis information. / Com o objetivo de estimar parâmetros genéticos e a resposta correlacionada para primeira produção de leite até 305 dias (P305), idade ao primeiro parto (IPP), primeiro intervalo de partos (IDP) e produções projetadas (PP) da raça Girolando criada no Brasil, foram analisados 9.632 registros de partos coletados em vários rebanhos brasileiros no período de 2000 a 2010. A produção de leite em 305 dias, idade ao primeiro parto, primeiro intervalo de parto e produções projetadas foram analisadas por meio de modelo animal em análises uni e bicaracterísticas. Para P305 e IDP, o modelo incluiu os efeitos fixos de grupo de contemporâneos (GC), época de parto e idade da vaca em dias como co-variável (regressão linear e quadrática) e o efeito aleatório genético direto. Para a IPP, o modelo foi formado por grupo de contemporâneos, época de nascimento e o efeito aleatório genético direto. O GC para P305, IDP e PP foi definido como rebanho e ano de parto, e para IPP os efeitos de rebanho e ano de nascimento. Os componentes de variância foram estimados pelo método de máxima verossimilhança restrita (REML). No primeiro experimento, as tendências genéticas foram calculadas por análises de regressão linear dos valores genéticos, ponderados pelo número de observações, em função do ano de nascimento dos animais. A eficiência relativa da seleção indireta foi obtida pela divisão da resposta correlacionada para as características reprodutivas, quando a seleção foi praticada para produção de leite e o ganho genético direto. No segundo experimento, foi incluindo o efeito aleatório de ambiente permanente para P305 e PP. Foram projetadas lactações a partir de 151, 181, 211 e 241 dias e formados arquivos com níveis de substituição (10, 40, 70 e 100%) das produções de leite acumulada até 305 dias (P305) pelas lactações projetadas (PP), totalizando 16 arquivos. Foram formados grupos de coincidência dos touros pelos seus valores genéticos para cada nível de substituição e data de projeção. Os valores das médias e dos desvios padrões para P305, IPP e IDP foram 4003,80 ±1568,99 kg, 1071,40 ±182,52 dias e 440,10 ±100,52 dias, respectivamente. As estimativas de herdabilidade obtidas foram 0,25, 0,20 e 0,03 para P305, IPP e IDP, respectivamente. Os resultados sugerem que a produções em até 305 dias e idade ao primeiro parto possuem variabilidade genética aditiva, podendo ser utilizadas como critério de seleção da raça Girolando. A correlação genética entre P305 e IDP foi 0,13; entre IDP e IPP, 0,18; entre P305 e IPP, -0,59. Os resultados indicam que os animais superiores geneticamente para produção de leite são também mais precoces. Entretanto, o ganho genético para IPP será maior se for realizada a seleção direta para a característica. As tendências genéticas para P305, IPP e IDP foram 11,58 kg, -0,30 dias e 0,02 dias, respectivamente. O ganho genético para IPP será maior se for realizada a seleção direta para a característica. O acréscimo de 257,0 kg de leite resultará em 2,7 dias a mais no primeiro intervalo de parto. A estimativa da herdabildiade (h²) para P305 foi de 0,16. Já as PP apresentaram h² média de 0,15, variando entre 0,14 a 0,16. As correlações genéticas entre P305 e PP foram todas igual a unidade. Selecionando 1% dos touros superiores para P305 obteve coincidência de 80% exceto para PP15070% e PP150100%. Para os demais níveis de seleção, as coincidências foram maiores variando de 82 até 100%. Constatou-se que a utilização de lactações projetadas a partir de 150 dias é uma metodologia eficiente na inclusão de informações para análise.
4

Avaliação do desenvolvimento ponderal, características de carcaça e carne de ovinos terminados em confinamento em um sistema comercial de produção / Evaluation of growth, carcass and meat traits of sheep finished on feedlot in a commercial production system

Melo Neto, Francisco Vilar de Oliveira January 2014 (has links)
MELO NETO, Francisco Vilar de Oliveira. Avaliação do desenvolvimento ponderal, características de carcaça e carne de ovinos terminados em confinamento em um sistema comercial de produção. 2014. 75 f. Dissertação (Mestrado em zootecnia)- Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2014. / Submitted by Elineudson Ribeiro (elineudsonr@gmail.com) on 2016-05-06T19:17:38Z No. of bitstreams: 1 2014_dis_fvomeloneto.pdf: 696090 bytes, checksum: 7785b6756252a05d7ff7625aa15aa83a (MD5) / Approved for entry into archive by José Jairo Viana de Sousa (jairo@ufc.br) on 2016-05-27T19:43:18Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2014_dis_fvomeloneto.pdf: 696090 bytes, checksum: 7785b6756252a05d7ff7625aa15aa83a (MD5) / Made available in DSpace on 2016-05-27T19:43:18Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2014_dis_fvomeloneto.pdf: 696090 bytes, checksum: 7785b6756252a05d7ff7625aa15aa83a (MD5) Previous issue date: 2014 / Objetivou-se caracterizar o desempenho de cordeiros para a produção de carne, em um modelo comercial de produção e abate de animais mestiços, de composição genética indefinida, terminados em confinamento, além de avaliar a padronização do produto ofertado ao mercado em dois ciclos de produção. Utilizaram se informações da Fazenda Guaiuba, localizada no Município de Guaiuba – CE. Foram utilizadas informações de 68 cordeiros, machos inteiros, com peso médio inicial de 18,77 ± 3,28 kg, recém-desmamados, cujos lotes de confinamento eram formados de acordo com a produção das ovelhas do rebanho e os cordeiros oriundos destes lotes, abatidos ao atingirem peso vivo médio de 30kg. Durante o confinamento, foram realizadas pesagens e mensurações biométricas quinzenais dos animais (alturas, larguras e profundidades). Um dia antes do abate, foram realizadas medidas de área de olho de lombo (AOL) e espessura de gordura por ultrassom. Após o abate foram obtidos peso de carcaça quente, carcaça fria, rendimento de carcaça, temperatura e pH aos 45minutos e 24 horas do abate e componentes não-carcaça. Também foram realizadas medidas morfométricas na carcaça, avaliações visuais de qualidade dessa carcaça, bem como peso e rendimentos de cortes, e mensurações quantitativas e de qualidade do lombo. Em amostras de lombo, foram realizadas análises sensoriais e de qualidade, composição química e perfil de ácidos graxos. A média dos quadrados mínimos entre os dois abates foram comparadas pelo teste de Bonferroni (P<0,05), para avaliar a homogeneidade do produto ofertado ao mercado. Os animais do primeiro abate apresentaram medidas morfométricas superiores durante todo confinamento. As medidas que melhor caracterizaram as diferenças de desenvolvimento entre os cordeiros foram peso, perímetro torácico, altura de cernelha, altura de garupa, comprimento corporal e escore de condição corporal, perímetro da perna, largura de peito, profundidade e largura de garupa. Foi estimada uma correlação de 0,45 entre a mensuração da AOL feita no animal vivo, por ultrassom, e aquela tomada na carcaça, pós-abate do animal. Apesar da associação, esse baixo valor indicou pouca confiabilidade para uso da medida de ultrassom, como estimador do valor verdadeiro, tomado na carcaça. Os cordeiros ganharam em média 0,084 kg/dia no confinamento, que teve duração variando de 103 a 202 dias, e abatidos com peso vivo médio de 32,08 kg, peso de carcaça quente de 14,22 kg e rendimento biológico de 44,41%. No que se refere aos atributos sensoriais (dureza, suculência, sabor, cor, aroma e aceitação global), não houve diferença entre as características avaliadas nos dois abates, com exceção da dureza, que foi maior na carne dos animais do primeiro abate. O mesmo foi observado para a perda de peso ao cozimento, que também foi maior para os animais do primeiro abate. As porcentagens médias de ácidos graxos saturados, monoinsaturados e poli-insaturados na carne dos animais foram de 41,36 ± 2,04 %, 50,84 ± 2,06 % e 7,79 ± 1,63 %, respectivamente. O ácido graxo mais presente foi o ácido oléico (C18:1n9c; 42,24 ± 3,02 %). Os resultados observados indicam a ineficiência deste tipo de sistema para a produção de carne ovina. A diferença nos parâmetros avaliados entre os dois abates não é importante para a comercialização, por parte do produtor. Entretanto, existem diferenças que são importantes para o consumidor, que sempre espera comprar um produto com a mesma qualidade. A escolha e definição dos grupos genéticos para produção e a utilização de melhores práticas de manejo e abate pode contribuir para uma melhor eficiência do sistema.
5

Estimação de parâmetros genéticos e avaliação do progresso genético e fenotípico de características de produção e de qualidade de leite em bubalinos leiteiros /

Sena, Thomaz Marques. January 2019 (has links)
Orientador: Humberto Tonhati / Resumo: A espécie bubalina (Bubalus bubalis) é originária do continente Asiático e hoje encontra-se difundida mundialmente. Os criadores têm optado pela atividade leiteira nessa espécie, destinando a produção leiteira à elaboração de produtos lácteos. A espécie tem como atrativo econômico a alta produção de proteína e gorgura, que aliada a boa capacidade de produção leiteira, resulta em alto rendimento queijeiro. A crescente demanda pelos derivados do leite bubalino nos últimos anos incentivou os produtores a incrementarem a produção iniciando à seleção de animais superiores. O termo repetibilidade é uma estimativa que sugere que as produções anteriores podem ser utilizadas como indicadoras de produções futuras, auxiliando no descarte de fêmeas do rebanho. As estimativas de herdabilidade determina a resposta a seleção e a correlação genética nos informa como as características estão associadas em um nível genético, ambas as estimativas tendo impacto nas estimativas de tendência genética apresentados pelas características. Objetivou-se nesse estudo a avaliação dos parâmetros genéticos e dos progressos fenotípico e genético para produção total de leite truncada aos 305 dias (PL), de gordura (PTG) e de proteína (PTP), em 13 rebanhos que fazem parte do programa de controle leiteiro mantido pelo Departamento de Zootecnia da FCAV/UNESP. As análises foram realizadas considerando um modelo multicaracterística, cujos efeitos fixos considerados foram os grupos de contemporâneos (GC), formados ... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Mestre
6

Associação entre longevidade e características de tipo, produção de leite e saúde do úbere de vacas da raça holandesa / Association between longevity and type traits, dairy production and udder health of holstein cows

Stefani, Gabriela [UNESP] 26 October 2016 (has links)
Submitted by GABRIELA STEFANI null (gabi.zootecnia@hotmail.com) on 2016-11-27T17:28:09Z No. of bitstreams: 1 Dissertação_Gabriela_Stefani.pdf: 811570 bytes, checksum: 19cd52d31ded4433c6c99ac7f93feaee (MD5) / Rejected by Felipe Augusto Arakaki (arakaki@reitoria.unesp.br), reason: Solicitamos que realize uma nova submissão seguindo a orientação abaixo: O arquivo submetido está sem a ficha catalográfica e o Certificado de aprovação fornecido pela Seção de Pós-Graduação. A versão submetida por você é considerada a versão final da dissertação/tese, portanto não poderá ocorrer qualquer alteração em seu conteúdo após a aprovação. Corrija esta informação e realize uma nova submissão com o arquivo correto. Agradecemos a compreensão. on 2016-11-30T13:54:20Z (GMT) / Submitted by GABRIELA STEFANI null (gabi.zootecnia@hotmail.com) on 2016-12-07T15:33:26Z No. of bitstreams: 1 dissertação_Gabriela_Stefani.pdf: 1562667 bytes, checksum: 4273a2517d20bcd60546de814babe20b (MD5) / Approved for entry into archive by Felipe Augusto Arakaki (arakaki@reitoria.unesp.br) on 2016-12-09T13:45:52Z (GMT) No. of bitstreams: 1 stefani_g_me_jabo.pdf: 1562667 bytes, checksum: 4273a2517d20bcd60546de814babe20b (MD5) / Made available in DSpace on 2016-12-09T13:45:52Z (GMT). No. of bitstreams: 1 stefani_g_me_jabo.pdf: 1562667 bytes, checksum: 4273a2517d20bcd60546de814babe20b (MD5) Previous issue date: 2016-10-26 / A realização do presente estudo teve como objetivo estimar as associações genéticas entre produção de leite acumulada até os 305 dias (P305), escore de células somáticas (ECS), habilidade de permanência aos 60 meses de idade (Stay60) e características lineares de úbere e pernas e pés. Foram utilizadas 14.864 avaliações de Stay60, 17.200 classificações lineares, 24.147 registros de P305 e 14.307 de ECS da primeira lactação de fêmeas que pariram entre 19 e 36 meses de idade. Foram realizadas três análises multicaracterísticas contendo as características P305, ECS, Stay60, além das características de classificação linear. Os componentes de (co)variância foram estimados por meio de abordagem Bayesiana, empregando o programa THRGIBBS2F90. Para todas as características foram considerados como efeitos aleatórios no modelo, o genético aditivo e o residual. Como efeitos fixos, o grupo de contemporâneas foi incluído para todas as características, a idade da vaca ao parto como covariável (efeito linear) para P305 e ECS, e idade da vaca na classificação (efeito linear) para as de tipo. Para a Stay60 não foi incluída a covariável idade. As estimativas de herdabilidade obtidas nas análises foram de 0,24±0,02, 0,08±0,02 e 0,09±0,03 para P305, ECS e Stay60, respectivamente. As herdabilidades para as características lineares de úbere variaram de 0,16 a 0,39, e as de pernas e pés, de 0,13 a 0,21. As correlações genéticas estimadas foram de 0,08±0,09 entre P305 e ECS, -0,25±0,12 entre P305 e Stay60 e 0,11±0,20 entre ECS e Stay60. As correlações de maiores magnitudes com as características de tipo foram entre a P305 e a largura do úbere posterior e a profundidade de úbere (0,34 e -0,40), entre a ECS e a profundidade de úbere e pernas traseiras vista posterior (-0,39 e 0,39), e entre a Stay60 e a colocação dos tetos posteriores e as pernas traseiras vista lateral (0,33 e -0,47). A correlação negativa entre P305 e a Stay60 sugere que vacas com produção de leite muito elevada tendem a permanecerem menos tempo no rebanho. A característica pernas traseiras-vista lateral apresentou elevada resposta correlacionada na Stay60, podendo ser usada como um preditor precoce da longevidade dos animais. / The aim of this study was to estimate genetic associations between milk production truncated to 305 days (P305), somatic cell score (ECS), stayability at 60 months of age (Stay60) and type traits of udder and feet and legs.Were used 14,864 evaluations for Stay60, 17,200 type classifications, 24,147 records of P305 and 14,307 of ECS of first lactation belonging to Holstein females that calved between 19 and 36 months old. Three standard multi-trait analyses were carried out, containing P305, ECS, Stay60 and the type traits. The (co)variance components were estimated using Bayesian approach, using the THRGIBBS2F90 program. For all traits were considered as random effects the genetic additive and residual. As fixed effects, the contemporary group was included for all traits, the covariate age of cow at calving (linear effect) for P305 and ECS, and age of cow at classification (linear effect) for type traits. For Stay60 the covariate age of cow was not included in the model. Posterior means of heritability estimates were 0.24±0.02, 0.08±0.02 and 0.09±0.03 for P305, ECS and Stay60, respectively. The udder traits heritabilities ranged from 0.16 to 0.39, and feet and legs, from 0.13 to 0.21 The genetic correlations estimates were 0.08±0.09 between P305 and ECS, 0.25±0.12 between P305 and Stay60, and -0.11±0.20 between ECS and Stay60. The higher correlations magnitudes with the type traits were between P305 and rear udder width, and udder depth (0.34 and -0.40), and between ECS and udder depth and rear legs-rear view (- 0.39 and 0.39), and between Stay60 and fore teat placement and rear legs-side view (-0.33 and 0.47). The negative correlation between P305 and Stay60 suggests that cows with very high milk production tend to remain less time in the herd. The trait rear legs-side view presented a high correlated response in Stay60 (75% of selection efficiency), and can be used as an early predictor of animal longevity.
7

Análise Bayesiana da área de olho do lombo e da espessura de gordura obtidas por ultrassom e suas associações com outras características de importância econômica na raça Nelore

Yokoo, Marcos Jun Iti [UNESP] 23 July 2009 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:15Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2009-07-23Bitstream added on 2014-06-13T20:43:07Z : No. of bitstreams: 1 yokoo_mji_dr_jabo.pdf: 844911 bytes, checksum: ced28ac4ef446ee71a8486d5e86abb80 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / Objetivou-se com esse trabalho estimar os parâmetros genéticos para as características área de olho de lombo (AOL), espessura de gordura subcutânea na costela (EG) e espessura de gordura na garupa (EGP8) obtidas por ultrassom, ao ano (A) e ao sobreano (S). Além disso, foram estimadas as correlações genéticas entre essas características de carcaça obtidas por ultrassom (CCUS), e dessas com outras características de importância econômica em bovinos de corte, como peso (PS), altura do posterior (ALT) e perímetro escrotal (PE450) ao sobreano, idade ao primeiro parto (IPP) e primeiro intervalo entre partos (PIEP). Os parâmetros genéticos foram estimados em análises multi-características pelo modelo animal, utilizando-se a inferência Bayesiana via algoritmo de Gibbs Sampling. As estimativas de herdabilidade a posteriori para as CCUS foram: 0,46 (AOL_A), 0,42 (EG_A), 0,60 (EGP8_A), 0,33 (AOL_S), 0,59 (EG_S) e 0,55 (EGP8_S), mostrando que se essas características forem utilizadas como critério de seleção, as mesmas devem responder rapidamente à seleção individual, sem causar antagonismo na seleção do PE450, PS (A e S) e IPP. A estimativa de herdabilidade a posteriori para as características IPP e PIEP foi de magnitude moderada a baixa, 0,26 e 0,11, respectivamente. A ALT apresentou correlação genética (rg) negativa com a EG_S (-0,38) e EGP8_S (-0,32), evidenciando que a seleção para animais mais altos pode levar a animais tardios em termos de terminação da carcaça. A seleção para melhorar as CCUS, o PIEP e o PE450 não afetará a IPP, contudo, animais mais pesados e mais altos tendem a ser mais precoces sexualmente (rg variou entre - 0,22 e -0,44). Com exceção da EG_S (rg=0,40), a seleção para as CCUS e as características de crescimento não afetará o PIEP, por resposta correlacionada. / The objective of this work was to estimate genetic parameters for the traits longissimus muscle area (LMA), backfat thickness (BF) and rump fat thickness (RF) measured by real time ultrasound at 12 (Y) and 18 (S) months of age. In addition, this study aimed estimate the genetic correlations between these carcass traits measured by real time ultrasound (CTUS), and those with other economically important traits in beef cattle, i.e., weight (W), hip height (HH) and scrotal circumference (SC450 ) at 18 months of age, age at first calving (AFC) and first calving interval (FCI). The genetic parameters were estimated in multi-trait analyses, with animal models, by Bayesian inference using the Gibbs Sampling algorithm. The heritability estimates for LMA (Y and S), BF (Y and S) and RF (Y and S) were 0.46 and 0.33, 0.42 and 0.59, and 0.60 and 0.55, respectively, showing that if these traits will used as selection criteria, they must respond quickly to individual selection, without causing antagonism in the selection of the SC450, W (Y and S) and AFC. The a posteriori heritability estimates for AFC and FCI were from moderate to low, 0.26 and 0.11, respectively. The HH showed negative genetic correlations (rg) with BF_S (-0.38) and RF_S (-0.32), suggesting that long term selection for taller animals would tend to produce animals with less subcutaneous fat, i.e. later-maturing in terms of carcass finishing. Selection to improve CTUS, FCI and SC450 will not affect the AFC, however, heavier and taller animals tend to be more sexually precocious (rg ranged between -0.22 and -0.44). Except for the BF_S (rg=0.40), the selection for the CTUS and growth traits will not affect the FCI, by correlated response.
8

Parâmetros genéticos de características de carcaça e de qualidade da carne de aves oriundas de cruzamento recíproco

Bainy, Adriane Molardi [UNESP] 08 July 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:06Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-07-08Bitstream added on 2014-06-13T19:33:17Z : No. of bitstreams: 1 bainy_am_me_jabo.pdf: 291771 bytes, checksum: 181a81e43cbd92e6f05b2ee0476fce21 (MD5) / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) / A mais recente preocupação quanto à qualidade da carne de frango está associada a características musculares similares a carne pálida, mole e exsudativa (PSE) verificada em suínos. Carne de frango com características indicativas de PSE pode ser detectada pela combinação dos valores de pH (abaixo de 5,8) e cor (valor L* acima de 52,0) medidos 24 horas post mortem. Neste trabalho, o objetivo foi estimar herdabilidades, correlações genéticas e valores genéticos para características de desempenho corporal; pH aferido 15 minutos (PH15) e 24 horas (PH24) após o abate, medida da luminosidade da carne (L*), da cor vermelha (a*) e da cor amarela da carne (b*) de aves pertencentes à terceira geração do cruzamento recíproco entre uma linhagem de corte e uma de postura, desenvolvidas na Embrapa Suínos e Aves, em Concórdia, SC. Com o intuito de caracterizar a variabilidade dos valores genéticos dos animais para as características estudadas, estes foram submetidos à análise exploratória, utilizando técnicas estatísticas multivariadas de agrupamento hierárquico e não hierárquico (k-means) e análise de fatores. Os parâmetros genéticos foram estimados pelo método de máxima verossimilhança restrita. As estimativas de herdabilidade para as medidas de cor (L*, a* e b*) e pH indicaram que grande parte da variância fenotípica destas características pode ser atribuída aos efeitos não aditivos dos genes e ao ambiente, e, conseqüentemente, que a seleção para estas características não seria eficiente. O PH15 e L* apresentaram associação genética moderada com peso corporal, dessa forma, animais selecionados para peso corporal podem apresentar fenótipo de carne PSE, devido à redução do pH e ao aumento da palidez da carne. Não foi observada associação genética entre L* e as medidas a* e b*. Pela análise de agrupamento hierárquico pôde-se perceber a formação de... / The most recent concern about the quality of chicken meat is associated with characteristics similar to pale, soft and exudative meat (PSE) found in pigs. Chicken meat with PSE’s characteristics can be detected by the combination of pH values (below 5.8) and color (L * value greater than 52.0) measured 24 hours post mortem. The objective of this research was to estimate heritabilities, genetic correlations and breeding values for body weight (WT), carcass traits, pH measured at 15 minutes (PH15) and at 24 hours (PH24) after slaughter, measurements of brightness (L*), red color (a*) and yellow color (b*) of the poultry meat belonging to the third generation of a reciprocal cross between a meat and a posture line developed at Embrapa Suínos e Aves, Concórdia, SC. In order to evaluate the breeding values variability of traits, these estimates were submitted to exploratory analysis, using multivariate statistical techniques of clustering, k-means and factor analysis. The estimation of the genetic parameters was performed using restricted maximum likelihood method. The heritability estimates for measures of color (L*, a* and b*) and pH indicated that much of the phenotypic variance of these traits can be attributed to non-additive effects of genes and environment. Therefore the selection for these traits would not be considered efficient. The PH15 and L* were moderate genetic correlated with body weight. Consequently animals selected for body weight may have phenotype of PSE meat due to reduced pH and paler meat. No genetic association was found between L* and a* and b* measures. The cluster analysis showed the formation of four distinct groups in the studied population in relation to the breeding values. In factor analysis, four factors were taken into account. The first factor included the performance body traits, which is responsible for 51.26% of the total variation of breeding values ... (Complete abstract click electronic access below)
9

Associação genética entre produção de mozzarela e produção de leite e teores de gordura e proteína em bubalinos

Campos, Rafael Viegas [UNESP] 27 February 2008 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:07Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008-02-27Bitstream added on 2014-06-13T19:54:01Z : No. of bitstreams: 1 campos_rv_me_jabo.pdf: 253429 bytes, checksum: 8d9f4fe4ec3cc0553b735dfab36c9a5a (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / A eficiência em produção de uma propriedade depende de fatores técnicos, biológicos, financeiros e gerenciais. Avanços na genética, nos métodos estatísticos e na melhoria da capacidade de processamento dos computadores podem contribuir para o progresso genético do rebanho bubalino. Sendo assim, o objetivo deste estudo foi verificar a associação genética entre a produção de “mozzarella” (PM) com a produção e os constituintes do leite bubalino considerando como objetivo de seleção a PM. Para isso, estimaram-se os parâmetros genéticos das produções de leite (PL) e “mozzarella”, bem como das porcentagens de gordura (PG) e proteína (PP), utilizandose 4389 lactações ocorridas entre os anos 1985 e 2005. Estimou-se ainda o ganho e a tendência genética das características ao longo dos anos bem como a eficiência da seleção. Estimou-se os componentes de variância por meio de análises bi-característica usando modelos animal, pela metodologia REML, ao qual foram obtidas as estimativas de herdabilidade que variaram de 0,17 a 0,37 entre todas as características analisadas, o que indica que existe variabilidade passível de seleção. As repetibilidades também foram altas, de 0,42 a 0,63, indicando que poucos desempenhos podem ser considerados para se praticar o descarte de animais através da seleção. A correlação genética entre as PL acumuladas aos 270 (P270) e 305 (P305) dias com a PP foram negativas e mediana (-0,04 e -0,29, respectivamente) e com a PG foram negativas e alta (-0,56 e -0,68, respectivamente) acarretando na diminuição dos constituintes à medida que se seleciona para as PL. Com base nas altas correlações genéticas entre as PL com a PM (acima de 0,86) e nas respostas correlacionadas visando à PM, é mais indicado praticar seleção direta para a PL devido ao seu maior peso na fórmula de estimação da mesma, ainda que os teores dos... / The efficiency in production of a farm depends factors technical, biological, financial and managerial. Progresses in the genetics, in the statistical methods and in the improvement of the capacity of processing of the computers they can contribute with the genetic progress of the herd buffalo. The objective of this study was to verify the genetic association among the mozzarella yield (MY) with the yield and components composition of the milk buffalo considering as selection objective the MY. They were considered the genetic parameters of the yield of milk (YM) and mozzarella, as well as of the fat percentages (FP) and protein (PP), being used 4389 lactations happened among the years 1985 and 2005. Estimation also the genetic gain, the efficiency and the tendency of the selection along the years. It was used for the analysis of the environmental factors and definition of the models of the characteristics the procedure GLM of the SAS. For the study of the genetic factors, they were considered the variance components across analyses bi-characteristic using models animal, across of the methodology REML of MTDFREML, to which was obtained the heritability estimates that varied from 0,17 to 0,37 among the characteristics, what indicates that variability susceptible to selection. The repeatability were also high, from 0,42 to 0,63, indicating that few performance can be considered to be practiced the selection. With base in the correlated answers to the MY, it is more suitable to practice direct selection for the MY due to your largest weight in the formula of estimate of the mozzarella, even if the representative’s component constituents are maximum. Besides, it is treated of a characteristic of easy measure and low cost, allowing larger number of animals to be controlled...(Complete abstract, click electronic access below)
10

Parâmetros genéticos e fenotípicos de peso corporal ao abate e caracterísiticas de carcaça em cruzamentos recíprocos de aves

Nunes, Beatriz do Nascimento [UNESP] 06 December 2007 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:26:07Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2007-12-06Bitstream added on 2014-06-13T20:54:08Z : No. of bitstreams: 1 nunes_bn_me_jabo.pdf: 1008282 bytes, checksum: af0bbfa7cf6b22401973aa6081413945 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / O presente trabalho teve como objetivo estimar parâmetros genéticos e fenotípicos de peso corporal e características de carcaça de 3422 aves nascidas de 17 incubações e resultantes de cruzamento recíproco de uma linhagem de corte e outra de postura, mantidas pela Embrapa Suínos e Aves. As características estudadas foram: peso vivo (PV42), rendimento (RC), matéria seca (MS) e umidade da carcaça (UC) aos 42 dias e proteína bruta, extrato etéreo e cinzas, medidas na carcaça, em porcentagem da matéria natural (PBMN, EEMN e CZMN), da matéria seca (PBMS, EEMS e CZMS) e em gramas (PBG, EEG e CZG). Os componentes de variância foram estimados por máxima verossimilhança restrita, utilizando-se modelo animal uni e bicaracterística, considerando o efeito aleatório genético aditivo e o efeito fixo de grupo (animais de mesmo sexo, incubação e acasalamento). As estimativas de herdabilidade (h2) para PV42, RC, MS e UC foram, respectivamente, iguais a 0,31 ± 0,069, 0,20 ± 0,05, 0,33 ± 0,074 e 0,33 ± 0,074. Melhores estimativas de h2 para as características de qualidade de carcaça foram obtidas quando estas foram expressas em porcentagem da matéria seca (0,48 ± 0,093, 0,55 ± 0,099 e 0,36 ± 0,077, respectivamente para PBMS, EEMS e CZMS). O aumento no PV42 resulta em maior porcentagem de extrato etéreo e menor de proteína bruta e cinzas na carcaça, enquanto que a seleção para rendimento de carcaça pouco irá influenciar os constituintes desta. Correlações genéticas entre características medidas na carcaça em porcentagem da matéria seca indicaram que a seleção para proteína bruta poderia favorecer maiores proporções de cinzas e menores de gordura. / The objective of this work was to estimate genetic and phenotypic parameters of body weight and carcass traits from 3422 chickens born of 17 hatches and originated of reciprocal crosses between a broiler and egg type strain, maintained by “Embrapa Suínos e Aves”, in Concordia, SC. The traits studied were body weight (BW), carcass yield (CY), carcass dry matter (DM) and moisture (MC) of carcass at 42 days of age and protein, fat and ash, measured in carcass, in wet carcass percentage (PW, FW, and AW), in carcass dry matter percentage (PD, FD and AD) and in grams (PG, FG and AG). The variance components were estimated using a REML method, considering a single and bi-trait model that included random additive genetic effect and the fixed effect of group (animals from the same gender, hatch and cross mating procedure). The heritabilities estimates (h2) for BW, CY, DM, MC were, respectively, 0.31 ± 0.069, 0.20 ± 0.05, 0.33 ± 0.074 and 0.33 ± 0.074. Best h2 estimates of carcass composition traits were calculated when they were expressed in carcass dry matter percentage (0.48 ± 0.093, 0.55 ± 0.099 e 0.36 ± 0.077, respectively for PD, FD and AD). The increase of BW would result in amount in fat percentage and reduction in percentage of protein and ash carcass. The selection for carcass yield would have little influence on the carcass composition. Genetic correlations between traits measured in dry matter percentage carcass indicated that the selection for protein could favor increased ash and reduced fat percentage.

Page generated in 0.0869 seconds