• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 301
  • 28
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 8
  • 7
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • Tagged with
  • 358
  • 157
  • 69
  • 56
  • 54
  • 49
  • 49
  • 44
  • 43
  • 40
  • 40
  • 39
  • 37
  • 34
  • 33
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Em torno da ideia da revolução em Marx, Engels e Lenin

Pizzolatti, Romulo January 1988 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciencias Juridicas / Made available in DSpace on 2013-12-05T20:00:51Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 1988Bitstream added on 2016-01-08T16:03:33Z : No. of bitstreams: 1 82123.pdf: 1577638 bytes, checksum: 55050b92810b77fd292d2a8e86178323 (MD5) / O presente trabalho buscou traçar um perfil das idéias de Marx, Engels e Lênin sobre a revolução, a partir de quatro eixos principais: as idéias que servem de base à teoria revolucionária marxista, a questão do Estado e do poder, o desenvolvimento concreto do processo da revolução e os objetivos da revolução. Apontou-se que a revolução se constitui, em última análise, na materialização do reflexo na consciência do proletariado, das contradições que transpassam o modelo de produção atual capitalista. Demonstra-se que o proletariado não pode iniciar a revolução propriamente dita, ou seja, a passagem do modo de produção capitalista para o socialista, sem antes conquistar a supremacia política, que lhe servirá de alavanca para a transformação econômica. É da experiência das revoluções proletárias que o Estado burguês deve ser desmantelado, sob pena de a revolução proletária não vingar. Verificou-se, que na fase atual do capitalismo monopolista, as revoluções socialistas ocorrem mais facilmente nos países da periferia, porque aí as contradições do capitalismo são mais agudas, e o socialismo vem a coincidir com a própria libertação nacional. O objetivo último da revolução social do proletariado não é uma sociedade sem explorados nem exploradores, mas emancipar toda a humanidade das classes e do trabalho imposto pela necessidade, colocando-a em harmonia com as leis da natureza e tornando-a, finalmente, livre.
2

Um caminho brasileiro para o socialismo: a trajetória política de Mário Alves (1923 – 1970)

Falcón, Gustavo Aryocara de Oliveira January 2007 (has links)
Submitted by Suelen Reis (suziy.ellen@gmail.com) on 2013-04-17T19:07:57Z No. of bitstreams: 2 Tese Gustavo Falcon2.pdf: 6570929 bytes, checksum: 56e836b4e4aad967efc2b3b5a4df8b25 (MD5) Tese Gustavo Falcon1.pdf: 7372293 bytes, checksum: c3e892477bbbd81dc2bf1cefacc20f34 (MD5) / Approved for entry into archive by Rodrigo Meirelles(rodrigomei@ufba.br) on 2013-05-26T11:07:46Z (GMT) No. of bitstreams: 2 Tese Gustavo Falcon2.pdf: 6570929 bytes, checksum: 56e836b4e4aad967efc2b3b5a4df8b25 (MD5) Tese Gustavo Falcon1.pdf: 7372293 bytes, checksum: c3e892477bbbd81dc2bf1cefacc20f34 (MD5) / Made available in DSpace on 2013-05-26T11:07:46Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Tese Gustavo Falcon2.pdf: 6570929 bytes, checksum: 56e836b4e4aad967efc2b3b5a4df8b25 (MD5) Tese Gustavo Falcon1.pdf: 7372293 bytes, checksum: c3e892477bbbd81dc2bf1cefacc20f34 (MD5) Previous issue date: 2007 / A biografia de Mário Alves de Souza Vieira, um dos mais importantes dirigentes comunistas brasileiros entre os anos de 1940 e 1960, é o tema desta tese. A sua vida política e sua atuação à frente do Partido Comunista Brasileiro ocupam papel de destaque na reconstituição da efervescente conjuntura que se desenrola entre o primeiro governo de Getúlio Vargas, a fase da redemocratização do governo Dutra, o retorno de Getúlio, a eleição de Juscelino Kubstchek, Jânio Quadros, a crise do governo João Goulart, o golpe militar e a implantação da ditadura no país. Jovem talento do jornalismo baiano, Mário Alves inicia sua militância muito cedo, aos 16 anos e desde então se entrega completamente às atividades do PCB, onde dirige as publicações mais importantes e chega, no auge de sua ascensão política, ao Comitê Central e à restrita Comissão Executiva do partido. Formado em Ciências Sociais na Bahia, Mário fez curso de especialização na Escola de Leninismo do PCUS e representou o PCB em vários congressos internacionais. No famoso processo da luta interna que eclodiu no PCB após a desestalinização, ocupou posição preeminente nos debates, sendo um dos redatores da famosa Declaração de Março de 1958, documento que mudou totalmente a orientação sectária do PCB e o inseriu de forma criativa na vida institucional brasileira. Desde o começo da década de 1960, liderou a oposição de esquerda ao reformismo prestista no Comitê Central e foi o primeiro membro desse organismo a visitar Cuba em 1961. Seu exemplo como aguerrido militante e boa formação intelectual o levaram a papel de destaque entre os dirigentes e seu pensamento crítico em relação às limitações da burguesia nacional no processo revolucionário do país o levaram a uma crítica radical da política de conciliação do PCB. Desde antes do golpe defendia a tese da luta armada, não de forma incondicionada, mas submetida ao projeto de transformação social marxista que previa ampla mobilização popular e rompimento com o pacifismo paralisante do PCB. O endurecimento que se seguiu à implantação da ditadura e o fracionamento da corrente de esquerda revolucionária que ele liderou no interior do PCB junto a outros companheiros, frustraram o projeto político de Mário Alves que se viu envolvido no torvelinho repressivo, em condições totalmente desfavoráveis para a revolução, sendo transformado pelos algozes do regime militar, desde então, num dos mais “perigosos subversivos” do país. Junto a Jacob Gorender e Apolônio de Carvalho fundou o PCBR, que preservando o espírito combativo da oposição de esquerda não pôde evitar a tentação militarista e passou a ser alvo de uma perseguição implacável pela ditadura. Na condição de secretário-geral desse novo partido, foi preso e barbaramente assassinado em 16 de janeiro de 1970. “Desaparecido” pelo regime de exceção, só quinze anos depois de seu brutal assassinato que em tudo se assemelhou a um martírio, o Estado brasileiro reconheceu a sua responsabilidade pelo seqüestro e sumiço do corpo, que até hoje ninguém sabe onde se encontra. Obliterado pelo comunismo soviético, o militante deixou uma série de ensaios, artigos, resenhas e editoriais que comprovam sua destacada participação no jornalismo, na luta política e na busca incessante de uma saída socialista para a sociedade brasileira. Este tese é uma contribuição para o resgate da figura do intelectual e dirigente comunista baiano, estranhamente “esquecido” tanto pelo stablishement de esquerda no país como pelo Dicionário Histórico e Biográfico Brasileiro que a Mário Alves devia a alusão em um dos seus verbetes. / Salvador
3

A heterodoxia marxista revisitada : Bernstein e Tugan-Baranovsty : interpretes precoces do capitalismo maduro

Cunha, Leonardo Burlamaqui da 13 July 2018 (has links)
Orientador: Antonio Castro / Dissertação (mestrado)-Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciencias Humanas / Made available in DSpace on 2018-07-13T20:20:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Cunha_LeonardoBurlamaquida_M.pdf: 5185391 bytes, checksum: 4924e4280d5080642c7cef1b3f370f55 (MD5) Previous issue date: 1986 / Resumo: Não informado / Abstract: Not informed / Mestrado / Mestre em Sociologia
4

Do liberalismo ao neossocialismo na América Latina : a perspectiva da democracia venezuelana diante da proposta socialista de Hugo Chávez / From liberalism to neosocialism in latin america: the perspective of venezuelan's democracy by the Hugo Chavez's socialist proposal. (Inglês)

Viana, Sarah Araújo 12 November 2010 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:28:55Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2010-11-12 / The development of the state is connected with the social growth and its networks of complexity. The activity of the State in achieving its goals suffers transformations according to the social needs. Therefore, there was the need of remodeling the Absolutist State, free from any responsibility towards his subjects, to achieve the Neosocialist State, that today presents itself mainly in countries of Latin America. The Neosocialist State defends the return to the maximum State, which coordinates, regulates and performs the social and economic order; while defends simultaneously the consolidation of democratic institutions. Venezuela is one of the Latin American countries that suffers with this transformation of detachment from neoliberal ideals, that weren t capable of consolidating the social cohesion in the region, to enter in this State model concerned in ensuring a minimal existential standard. Since the beginning of the mandate of Hugo Chávez as President of Venezuela, the country restructures itself politically, economically and legally to approximate itself to a socialist system based on a participative democracy, which was named by Chávez as the Socialism of the XXI Century . In the ten years of government of Hugo Chávez, due to the economic rise of oil, which is the main revenue in the GDP of the country, Venezuela obtains a considerable increase in its human development indexes, that weren t imagined in the forty years of democracy of the Pacto Punto Fijo. However, while fulfills social rights, Venezuela receives recommendations from International Organizations for violation of human rights, especially those regarding personal liberties, such as freedom of press, speech, opinion and information. This fact disturbs the participation of Venezuela in economic groups such as the Common South Market and the not yet formed Union of South American Nations, that are essential for the progress of Venezuela and South America itself in the international relations. In this paper, there will be presented some reflexions about the weakening of Venezuelan s democracy, according to the socialist proposal of Hugo Chavez s, named Socialism of the XXI Century , that uses the implementation of social rights in a country where 27.6% of the population is in the range of poverty, to legitimate the reforms in the Venezuelan legal system that gives him authoritarian powers. Keyowords: Neosocialist State. Venezuela. Social Rights. Fall of Venezuelan Democracy Amendments in the Constitution. Freedom of Speech. / A evolução do Estado está intrinsecamente relacionada ao desenvolvimento social e suas redes de complexidades. A atividade do Estado na consecução de seus objetivos sofre transformações conforme as necessidades sociais. Por isto, houve a necessidade de remodelação do Estado Absolutista, isento de qualquer responsabilidade perante os seus súditos, para se alcançar o Estado Neossocialista que, hoje se apresenta, principalmente, em países da América Latina. O Estado Neossocialista defende o retorno ao Estado máximo, que coordena, regula e exerce tanto a ordem econômica quanto a social; enquanto que propugna, simultaneamente, a consolidação de instituições democráticas. A Venezuela é um dos países latino-americanos que sofrem por esta mutação de distanciamento aos ideais neoliberais, que não foram capazes de consolidar a coesão social na região, para adentrar neste modelo de Estado preocupado em garantir um padrão mínimo existencial. Desde o início do mandato de Hugo Chávez como Presidente da Venezuela, o país se reestrutura política, econômica e juridicamente para se aproximar de um sistema socialista fundado numa democracia participativa, que foi denominado por Chávez de Socialismo do Século XXI . Nos dez anos de governo de Hugo Chávez, em virtude da ascensão econômica do petróleo, que é a principal renda do PIB do país, a Venezuela obtém um incremento considerável nos seus índices de desenvolvimento humano, que não foram imaginados nos 40 anos de democracia do Pacto Punto Fijo. Todavia, ao passo que efetiva direitos sociais, a Venezuela recebe recomendações de Organismos Internacionais por violação aos direitos humanos, principalmente aqueles voltados para as liberdade individuais, como a liberdade de expressão, de imprensa, de opinião e de informação. Tal fato conturba a participação da Venezuela em blocos econômicos, como o Mercado Comum do Sul, e a ainda não formada União das Nações Sul-Americanas, que são essenciais para o progresso da Venezuela e da própria América do Sul nos foros internacionais. Nesta dissertação, serão apresentadas algumas reflexões sobre o enfraquecimento da democracia venezuelana, conforme a proposta socialista de Hugo Chávez, entendida como o Socialismo do Século XXI , que se utiliza da implementação de direitos sociais num país onde 27,6% da população se encontra na faixa de pobreza, para legitimar as reformas no ordenamento jurídico venezuelano que lhe consolidam poderes autoritários. Palavras-chave: Estado Neossocialista. Venezuela. Direitos Sociais. Colapso da Democracia venezuelana. Reformas a Constituição. Liberdade de Expressão.
5

Utopias realizadas : Da New Lanark de Robert Owen à Vista Alegre de Pinto Basto

Almeida, Olga Maria de Azevedo January 2010 (has links)
No contexto do século XIX, na sequência da Revolução Francesa e em plena Revolução Industrial, New Lanark afirmou-se como a maior fábrica da Grã-Bretanha, palco das experiências sociais que Robert Owen viria a descrever, em termos teóricos em A New View of Society. Robert Owen, gestor de sucesso, tentou obsessivamente convencer os políticos e poderosos do seu tempo da eficácia das suas teorias para a resolução dos terríveis problemas sociais que assolavam a Europa. Em Portugal, a burguesia, mais do que uma revolução industrial, queria “ter sangue azul” e assim se adiavam o progresso e desenvolvimento económicos. O liberalismo, adaptado à realidade portuguesa, permitiu que José Ferreira Pinto Basto ampliasse o seu património imobiliário, se tornasse um homem verdadeiramente rico e persistentemente transformasse uma quinta numa povoação, fundando a primeira fábrica de porcelanas do país. Este trabalho não tratará dos aspectos técnicos do fabrico da porcelana ou do seu papel no desenvolvimento do país, visando antes cotejar New Lanark e a Vista Alegre tendo em consideração seus traços comuns, isto é, a organização espacial das comunidades fundadas e as obras sociais realizadas. Será dado particular destaque aos aspectos tocantes ao tipo de relações estabelecidas entre patrões e operários, à educação e à religião nestas duas utopias paternalistas realizadas.
6

La Renovaci?n Socialista y la contingencia en la d?cada de los ochenta: ?La construcci?n de ?un nuevo? imaginario pol?tico?

Sotomayor Salgado, Hugo January 2006 (has links)
Informe de Seminario para optar al grado de Licenciado en Historia / Seminario de grado: De la historia reciente: cambios ideolo?gicos-poli?ticos en la concepcio?n en la transicio?n a la democracia desde la disidencia a la dictadura en Chile y las poli?ticas pu?blicas sobre las violaciones a los derechos humanos, 1980-2003 / La presente investigaci?n tiene por objetivo conectar los procesos hist?ricos socio- pol?ticos con la constituci?n del discurso de la Renovaci?n Socialista. El identificar las condiciones de producci?n en los que se desenvuelve esta l?nea de pensamiento permitir? establecer, posteriormente, los puntos cr?ticos en que se ha despejado esta corriente pol?tica. En este sentido, se buscar? conformar una correspondencia entre el desarrollo enunciativo renovado y los propios procesos pol?ticos m?s generales de cada momento, en que se vio envuelto el pa?s en la d?cada de los setenta y ochenta. Para, posteriormente, observar sus consecuencias en las aplicaciones pr?cticas de los enfoques explicativos y las propuestas en ?los nuevos dise?os? pol?ticos de esta ?nueva? izquierda postdictadura.
7

Socialismo romántico y socialismo científico en el siglo XIX argentino

Tarcus, Horacio 06 May 2004 (has links)
Sumario: El socialismo utópico en la Argentina I: Los sansimonianos argentinos de 1837 - El socialismo utópico en la Argentina II: Los exiliados románticos en la Argentina de la Organización Nacional - Los emigrados franceses de la década de 1870: La Comuna de París, la Internacional y el Marx revolucionario (l871-l875) - Segunda recepción de Marx: Los emigrados alemanes y la recepción del Socialismo científico (1882-1892) - Tercera recepción: Marx en los orígenes del socialismo argentino: De la edición del <i>Manifiesto comunista</i> (1893) a la traducción de <i>El Capital</i> por Juan B. Justo (1898).
8

A reestruturação das instituições de controle das empresas estatais chinesas (1978-2003)

Pedrozo, Gustavo Erler [UNESP] 29 February 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:23:36Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-02-29Bitstream added on 2014-06-13T19:09:33Z : No. of bitstreams: 1 pedrozo_ge_me_mar.pdf: 980365 bytes, checksum: 9849e25d3558c3d359d6fb8124563d34 (MD5) / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) / A economia chinesa passou por grande transformação ao longo da segunda metade do século XX, desde a fundação da República Popular da China em 1949 até a implantação das reformas a partir de 1978. Durante o período maoísta os chineses foram capazes de estabelecer grande estrutura industrial, sobretudo, no setor da indústria pesada. No entanto, o sistema de planificação centralizado apresentou alguns problemas relativos ao desenvolvimento dos setores leve e de bens de consumo. Representada pela figura de Deng Xiaoping, certa parcela do Partido Comunista optou por empreender um processo gradual de “Reforma e Abertura” da economia, em que o mercado passaria a alocar recursos em detrimento do planejamento, embora o papel do Estado ainda tivesse grande centralidade na condução de políticas específicas aliadas ao mecanismo de mercado. Dada a característica de propriedade pública dos meios de produção do período anterior, as empresas estatais consistiram no maior desafio das reformas pós-1978. Levada adiante em duas etapas, essa reforma transformou significativamente o panorama do setor estatal, reduzindo-o, ao passo que novas formas de propriedade surgiam. Nesta pesquisa buscou-se analisar esse processo de transição por meio de uma revisão histórica das mudanças nas instituições de relação empresa-Estado. Por um lado pode-se dizer que, apesar da relativa diminuição da participação das empresas estatais na economia chinesa e de uma desvinculação da administração cotidiana do Estado nessas empresas, o objetivo foi torná-las importante mecanismo de planejamento dentro do novo paradigma de desenvolvimento chinês, denominado pelos seus líderes: socialismo de mercado com características chinesas. Por outro lado, há a perspectiva de que, embora de maneira gradual, essas empresas caminhem... / The Chinese economy has undergone major transformation over the second half of the twentieth century, from the founding of the People's Republic of China in 1949 until the implementation of reforms since 1978. During the Maoist period the Chinese were able to establish large industrial structure, especially in the heavy industry sector. However, the central planning system showed some problems concerning the development of light industries and consumer goods. Represented by the figure of Deng Xiaoping, a certain portion of the Communist Party chose to undertake a gradual process of Reform and Opening up of the economy, as the market would allocate resources to the detriment of planning, although the role of the state still had greater centrality in conducting specific policies combined with the market mechanism. Given the characteristic of public ownership of means of production in the previous period, SOEs comprised the biggest challenge of the post-1978 reforms. Carried on in two stages, this reform significantly transformed the landscape of the state sector, reducing it, while new forms of ownership arose. In this study we sought to study this process of transition through a historical review of changes in the institutions of the business to the state. On the one hand we can say that, despite the relative decrease in the share of SOEs in the Chinese economy and a detachment of the daily management of the State in these companies, the goal was to make them important planning mechanism within the new paradigm of Chinese development called by their leaders: market socialism with Chinese characteristics. On the other hand, there is the prospect that, although gradually, these companies move towards a... (Complete abstract click electronic access below)
9

Socialismo e mercado: a dialética econômica da transição dos países atrasados e a ruptura stalinista

Balanco, Paulo Antônio de Freitas 10 1900 (has links)
Submitted by Deise Carla Marques Tejas Serpa (deisecarlaserpa@hotmail.com) on 2016-07-08T11:23:53Z No. of bitstreams: 6 PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 1.pdf: 1307669 bytes, checksum: 1fbd60d90852e5d6731255707b7dbbae (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 2.pdf: 1237063 bytes, checksum: a33c068e348f3304dc1e3131dce65c65 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 3.pdf: 1616726 bytes, checksum: 45e66afad6bffaac20f0aca0830dddc1 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 4.pdf: 1294658 bytes, checksum: 849c71843d8ae7a02b9f25678ce42d9b (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 5.pdf: 868991 bytes, checksum: 35341311e4b02a8ca29665176da56765 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 6.pdf: 641150 bytes, checksum: 22b9e2df507e579ede8ce44dc3dd7db5 (MD5) / Approved for entry into archive by Vania Magalhaes (magal@ufba.br) on 2016-07-13T12:50:43Z (GMT) No. of bitstreams: 6 PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 1.pdf: 1307669 bytes, checksum: 1fbd60d90852e5d6731255707b7dbbae (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 2.pdf: 1237063 bytes, checksum: a33c068e348f3304dc1e3131dce65c65 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 3.pdf: 1616726 bytes, checksum: 45e66afad6bffaac20f0aca0830dddc1 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 4.pdf: 1294658 bytes, checksum: 849c71843d8ae7a02b9f25678ce42d9b (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 5.pdf: 868991 bytes, checksum: 35341311e4b02a8ca29665176da56765 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 6.pdf: 641150 bytes, checksum: 22b9e2df507e579ede8ce44dc3dd7db5 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-07-13T12:50:43Z (GMT). No. of bitstreams: 6 PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 1.pdf: 1307669 bytes, checksum: 1fbd60d90852e5d6731255707b7dbbae (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 2.pdf: 1237063 bytes, checksum: a33c068e348f3304dc1e3131dce65c65 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 3.pdf: 1616726 bytes, checksum: 45e66afad6bffaac20f0aca0830dddc1 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 4.pdf: 1294658 bytes, checksum: 849c71843d8ae7a02b9f25678ce42d9b (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 5.pdf: 868991 bytes, checksum: 35341311e4b02a8ca29665176da56765 (MD5) PAULO ANTONIO DE FREITAS BALANCO 6.pdf: 641150 bytes, checksum: 22b9e2df507e579ede8ce44dc3dd7db5 (MD5) / CAPES / Destaca-se neste trabalho a questão primordial do paradigma mercantil na passagem ao socialismo. E, em particular, a preocupação fundamental está voltada para sua aplicação a um evento histórico concreto portador de seus elementos, ou seja, à tentativa socialista pioneira fracassada na URSS. Por conseguinte, procurar-se-á constatar, como um dos principais objetivos do estudo em pauta, que a concretude histórica revelou a supressão do necessário processo de transição ao socialismo solicitado pelas particularidades histórico-sociais que envolviam aquele país após a revolução de 1997, o que implicava, em termos práticos, a implementação de uma orientação econômica em oposição aquela apontada pela reflexão teórica que o marxismo conseguira desenvolver para além dos passos iniciais de seus fundadores. Concluir-se-á, então, que, no plano da ação humana consciente, a recusa, ou a inobservância, de procedimentos econômicos pautados na dialética econômica da transição apresenta-se como o elemento chave, ou a explicação mais plausível da inviabilização da primeira experiência socialista.
10

Os caminhos da ruptura do autoritarismo pedagogico : o estabelecimento de novas relações sociais como possibilidade de novas relações de trabalho

Kassick, Clovis Nicanor January 1990 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciencias da Educação / Made available in DSpace on 2012-10-16T03:15:56Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2016-01-08T16:48:10Z : No. of bitstreams: 1 88726.pdf: 7036285 bytes, checksum: 18c94b7a0315a54ad55dcc095c003d13 (MD5) / O principal objetivo da pesquisa é realizar o estudo sobre as relações de trabalho ocorridas numa organização institucional de uma pré-escola alternativa. As análises realizadas a partir da experiência vivida, tem por referencial teórico os princípios libertários expressos principalmente pelo pensamento de Pierre-Joseph Proudhon. O foco destas análises centra-se sobre os conceitos de "associado" e "empregado" e as relações daí decorrentes.

Page generated in 0.0375 seconds