• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 5818
  • 8
  • 1
  • Tagged with
  • 5827
  • 4387
  • 4286
  • 4269
  • 3793
  • 1291
  • 864
  • 816
  • 777
  • 737
  • 467
  • 448
  • 434
  • 415
  • 395
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
21

Avaliação de performance em IPOs: uma análise comparativa entre Brasil e Estados Unidos

Souza, Wellington Lopes de 05 February 2016 (has links)
Submitted by Aline Martins (1146629@mackenzie.br) on 2016-06-06T22:10:49Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) Wellington Lopes de Souza.pdf: 1570761 bytes, checksum: b276d10906844dfd123c51191f30a2a0 (MD5) / Approved for entry into archive by Paola Damato (repositorio@mackenzie.br) on 2016-06-07T11:59:12Z (GMT) No. of bitstreams: 2 license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) Wellington Lopes de Souza.pdf: 1570761 bytes, checksum: b276d10906844dfd123c51191f30a2a0 (MD5) / Made available in DSpace on 2016-06-07T11:59:12Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) Wellington Lopes de Souza.pdf: 1570761 bytes, checksum: b276d10906844dfd123c51191f30a2a0 (MD5) Previous issue date: 2016-02-05 / The following work analyzed and compared, during the period between 2006 and 2014, the short and long term performance of Brazilian and American companies’ stocks that opened their capital through an Initial Public Offering (IPO). The objective was to identify in these two countries, whose markets find themselves in different stages of development, how the underpricing occurred and if the stocks showed evidences of underperformance. Underpricing is defined as the short-term return equivalent to an increase in a stock’s price in its first day of trading and underperformance is a loss of value in the long term when compared to the appropriate benchmark. The methodology used was the Wealth Relative Buy-and-Hold. The analyzed sample consisted of 104 Brazilian companies and 149 American companies, totaling 253 companies. The empirical results show that underpricing existed in both countries, but it occurred with more intensity in the USA than in Brazil. Results also show that during periods of intense market activity (hot market), the level of underpricing increased in both countries. However, in times of crisis, the effect was reversed and a decrease in the level of underpricing happened in both countries. On the topic of underperformance, the countries displayed opposite behaviors. In Brazil, the IPOs showed a decrease in long-term value when compared to the Ibovespa index. However, companies that opened their capitals in the USA over performed when compared to the Standard & Poor’s 500 index. In Brazil’s case, a subsample of the IPOs that occurred during the boom of the capital markets, specifically in 2006 and 2007, showed negative abnormal returns superior to the complete sample, showing an inverse relationship between abnormal long-term returns and underpricing. An anomalous behavior occurred in the analysis of the period immediately following the Subprime crisis, during which Brazilian stocks also over performed when compared to their benchmark. / O presente trabalho analisou e comparou, durante o período de 2006 a 2014, os desempenhos de curto e de longo prazos de ações de empresas brasileiras e americanas que abriram capital por meio de operações de Initial Public Offering (IPOs). Procurou-se identificar nestes dois países, cujos mercados encontram-se em diferentes estágios de amadurecimento, como se deu o fenômeno do underpricing, definido como sendo o retorno de curto prazo equivalente à valorização do preço da ação em seu primeiro dia de negociação; e se houve underperformance, ou seja, destruição de valor das ações no longo prazo em relação a seus respectivos benchmarks. A metodologia utilizada foi a de Wealth Relative Buy-and-Hold. A amostra analisada consistiu de 253 empresas, das quais 104 brasileiras e 149 americanas. Os resultados empíricos revelam que houve underpricing nos dois países, sendo que nos EUA foram superiores aos ocorridos no Brasil. Verificou-se que, em períodos de euforia do mercado (hot market), os níveis de underpricing aumentaram nos dois países. Já em momentos de crise, o efeito foi inverso e houve queda em ambos. No que se refere a underperformance, os comportamentos foram opostos entre os dois países. Enquanto que, no Brasil, os IPOs apresentaram destruição de valor no longo prazo em relação ao Ibovespa, nos Estados Unidos, as empresas que abriram seu capital superaram o desempenho do índice Standard & Poor´s 500. No caso do Brasil, os IPOs ocorridos na fase do boom do mercado de capitais, mais precisamente nos anos de 2006 e 2007, apresentaram retornos anormais negativos superiores ao da amostra integral, revelando uma relação inversa entre retornos anormais de longo prazo e underpricing. Excessão ocorreu quando se analisou o período pós-crise do subprime, quando as ações brasileiras também superaram o seu benchmark.
22

Realidade e desafios para implementação de critérios de sustentabilidade nas edificações da UFRPE

GASPAR, Ana Dulce da Silveira 01 August 2018 (has links)
Submitted by Mario BC (mario@bc.ufrpe.br) on 2018-09-24T15:01:23Z No. of bitstreams: 1 Ana Dulce da Silveira Gaspar.pdf: 4022758 bytes, checksum: c51673acbd6763979a780824ab7eae0d (MD5) / Made available in DSpace on 2018-09-24T15:01:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Ana Dulce da Silveira Gaspar.pdf: 4022758 bytes, checksum: c51673acbd6763979a780824ab7eae0d (MD5) Previous issue date: 2018-08-01 / The government of an emergency law has an obligation to become public. With regard to research on the sustainability of public enterprises, this response also exists. This research aims to analyze the reality and the challenges for the implementation of sustainability criteria in the buildings of the Federal Rural University of Pernambuco. With this intention, the study was divided into two stages. First, through a direct observation of the buildings and the documentary analysis of their basic projects, a diagnosis of UFRPE buildings was elaborated, in light of Normative Instruction No. 01/2010 - MPOG, which provides for the criteria of environmental sustainability in the acquisition of goods, contracting of services or construction works by the federal public administration. At the end of this diagnosis, it was identified that in reality, UFRPE already obey many of the sustainability criteria, but it still a long way from the university to obey them fully. In the second stage, semi-structured interviews were conducted with engineers from the engineering sector and senior management from UFRPE to identify barriers to the implementation of the sustainability criteria brought by IN n ° 01/2010. The treatment of the collected data was based on the methodological support of the content analysis and among the set of techniques systematized by said method, the analysis by categories was used. The results of this research point out that there are some challenges that UFRPE has encountered in the process of developing sustainable buildings, but two of them deserve special attention: the legislation that needs to be modernized and the high initial investment cost that is still needed. / O desenvolvimento de uma nação sustentável é dever do poder público previsto pela Constituição Federal vigente. No que tange a busca pelo primor da sustentabilidade em obras públicas, essa obrigação também já existe. Esta pesquisa apresenta como objetivo analisar a realidade e os desafios para implementação de critérios de sustentabilidade nas edificações da Universidade Federal Rural de Pernambuco. Para tal, o estudo foi dividido em duas etapas. Primeiramente, através da observação direta das edificações e da análise documental dos seus projetos básicos, foi elaborado um diagnóstico das edificações da UFRPE, a luz da Instrução Normativa n° 01/2010 – MPOG que dispõe sobre os critérios de sustentabilidade ambiental na aquisição de bens, contratação de serviços ou obras pela administração pública federal. Ao final deste diagnóstico identificou-se que na realidade a UFRPE já atende a boa parte dos critérios de sustentabilidade, mas ainda falta muito para que a universidade os atenda em sua plenitude. Na segunda etapa foram realizadas entrevistas semiestruturadas com os técnicos do setor de engenharia e gestores da administração superior da UFRPE com intuito de identificar quais são desafios para implementação dos critérios de sustentabilidade trazidos pela IN n° 01/2010. O tratamento dos dados coletados fundamentou-se no suporte metodológico da análise de conteúdo e dentre o conjunto de técnicas sistematizadas pelo referido método, utilizou-se da análise por categorias. Os resultados dessa pesquisa apontam que alguns são os desafios encontrados pela UFRPE no processo de elaboração de edificações sustentáveis, mas dois deles merecem destaque: a legislação que precisa ser modernizada e o alto custo de investimento inicial que ainda se faz necessário.
23

Alimentação e sustentabilidade : Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) no restaurante universitário da UFRPE e a contribuição da educação ambiental

GONÇALVES, Manuela Medeiros 29 August 2018 (has links)
Submitted by Mario BC (mario@bc.ufrpe.br) on 2018-09-24T15:15:07Z No. of bitstreams: 1 Manuela Medeiros Goncalves.pdf: 2855406 bytes, checksum: db6d6825798ddc74141c52cb507556a8 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-09-24T15:15:07Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Manuela Medeiros Goncalves.pdf: 2855406 bytes, checksum: db6d6825798ddc74141c52cb507556a8 (MD5) Previous issue date: 2018-08-29 / The theme of waste management provokes the discussion that involves the potential of food production and sustainability. The amount of solid waste produced by UFRPE’s University Restaurant – a space where subsidized meals are offered to the university community – is large. Therefore, this research focused on two variables that would enable it to check how managers, employers, and users of UFRPE’s UR can incorporate the policies suggested by A3P in order to promote those same variables: “proper waste management” and “awareness and skill training”. This research aimed to analyze how the policies proposed by A3P, on the variables of “Proper Waste Management” and “Awareness and Skill Training”, can be incorporated by the managers, employers, and users of UFRPE’s UR, in a way to contribute to an educational material which embodies appropriate sustainable actions. The methodology used was of a case study with a qualitative investigative approach. The data collection was conducted through printed surveys with employers and users of the UR, direct observation, and interviews. The results gathered show that 91% of the employers and 85% of the users of the UR have no knowledge about A3P. Besides, 55% of the users tend to leave food waste on their plates, and 53% of those say they serve themselves with lavishness. It is important to point out that over 90% of the employers and users have already heard of or are familiar with Environmental Education, but only 11% of the users are informed about the institutional PLS – Sustainable Logistic Managerial Plan. Lastly, 64% of the commensals believe awareness and schooling actions would make the UR more sustainable. So, it is pertinent to advert the managers of the UR to (1) begin investing in actions that relate to environmental education and policies, as the best way of implementing the variables from the A3P that deal with waste management, awareness and schooling, because those tools assist in developing a mindfulness on the agents that are part of the UR, decreasing the amount of generated waste; (2) a greater integration with the society through community centers and garbage collectors associations; (3) assurance that the specific legislation that deal with waste management will be followed accordingly; (4) a closer relation with the university community; as well as (5) the reduction of the expenditures with waste collection. To conclude and taking into consideration the environmental actions and proposed variables, the research affirms that in order for the A3P to be implemented and properly used at the UR, the environmental education is one of the main instruments to improve the waste management, the awareness and the schooling of those who are part of the UR. Besides, the use of the proposed socio and environmental categories may also be used as a support tool for sustainability management, and to provide a participative process for a shared management between the UR and the university community. / A temática da gestão de resíduos provoca a discussão que envolve o potencial de produção de alimentos e sustentabilidade. É grande a quantidade de resíduos produzida pelo Restaurante Universitário da UFRPE. Assim, a pesquisa teve como objetivo geral analisar como as políticas da A3P, relacionadas aos eixos “Gestão Adequada dos Resíduos Gerados” e “Sensibilização e Capacitação”, podem ser incorporadas pelos gestores, colaboradores e usuários do RU-UFRPE, de modo a contribuir para a elaboração de material educativo contendo práticas sustentáveis apropriadas. A metodologia consistiu em estudo de caso com abordagem qualitativa de investigação. As técnicas de coleta de dados utilizadas foram: questionários impressos aplicados aos colaboradores e usuários do RU, observação direta e entrevista. Os resultados obtidos apontaram que, 91% dos colaboradores e 85% dos usuários do RU não têm conhecimento sobre a A3P. Além disso, 55% dos usuários costumam deixar restos de comida nos pratos, e desses, 53% afirmaram servir-se em excesso. É importante ressaltar que mais de 90% dos colaboradores e usuários já ouviram falar ou conhecem a Educação Ambiental, porém, apenas 11% dos usuários afirmaram conhecer o PLS institucional. Por fim, ressalta-se que 64% dos comensais acreditam na contribuição de ações de sensibilização e capacitação para um RU mais sustentável. Frente a essa realidade, é pertinente salientar que os gestores do RU comecem a investir em ações que envolvem educação ambietal e legislações pertinentes, como a melhor forma de implantar os eixos da A3P que tratam da gestão de resíduos, sensibilização e capacitação, pois essas ferramentas ajudam a desenvolver o processo de conscientização dos agentes que fazem parte do RU, proporcionando diminução dos resíduos gerados; interação com a sociedade através de associações com cooperativas de catadores; garantia do cumprimento de legislações específicas que tratam de gestão de resíduos; relacionamento mais próximo com a comunidade universitária; bem como a redução de custos com coleta dos resíduos. À guisa de conclusão, e levando em consideração a categorização das ações ambientais e os indicadores propostos, concluiu-se que para que seja implementada a A3P no âmbito do RU, se utilizada adequadamente e com conteúdos apropriados, a educação ambiental é um dos principais instrumentos para melhorar a gestão dos resíduos gerados, a sensibilização e capacitação daqueles que fazem parte do restaurante. Além disso, o uso das categorias socioambientais propostas podem atuar como uma ferramenta de apoio à gestão da sustentabilidade, e também, em conjunto com a educação ambiental, subsidiar um processo participativo para uma gestão compartilhada entre RU e comunidade universitária.
24

Suporte à reengenharia de processos e negócios com base em sistemas de workflow

Lopes, Filipe January 2003 (has links)
O mundo globalizado de hoje conduz as organizações a buscarem, cada vez mais, a Reengenharia de Processos de Negócio ou BPR – Business Process Reengineering como uma solução para se manterem competitivas em seus respectivos mercados. Uma das tecnologias de informação que aparece como habilitadora da BPR é a tecnologia de Workflow (fluxos de trabalho), onde os WfMS – Workflow Management Systems ou Sistemas de Gerenciamento de Workflow, através de metodologias e software, facilitam a transformação que está sendo exigida às empresas para se manterem competitivas. Existem, atualmente, muitos estudos sobre WfMS, o que evidência esta como sendo uma área bastante próspera e em desenvolvimento. Apesar de existirem diversos WfMS comerciais com ferramentas para dar suporte à modelagem e, posterior, reengenharia dos processos de negócio, os recursos fornecidos para a reengenharia de processos que são voltados para a análise, teste e monitoramento de workflow, não levam em consideração os mecanismos de coordenação de atividades, inerentes à estrutura organizacional existente. Busca-se, através deste trabalho, estudar o problema do processo de reengenharia e da otimização de processos, a partir da análise de (sub)processos de WfMS, considerando alguns aspetos estruturais das organizações. Neste contexto, o objetivo deste trabalho é identificar e descrever, de forma sistemática, o relacionamento existente entre (sub)processos de workflow e mecanismos de coordenação de atividades. Com isso, pretende-se que com os resultados obtidos possam ser utilizados como ponto de partida para o desenvolvimento de um sistema automatizado para auxiliar na reengenharia de processos com base em WfMS.
25

Comportamento dos custos em hospitais administrados pela Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina

Crispim, Cláudia Hernandez 25 October 2012 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico, Programa de Pós-Graduação em Contabilidade, Florianópolis, 2010 / Made available in DSpace on 2012-10-25T04:19:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 282463.pdf: 1487654 bytes, checksum: 5c19fbeec7344567e6275251cf2c8c80 (MD5) / O presente estudo tem como objetivo analisar o comportamento dos custos segundo as diversas categorias hospitalares das instituições administradas pela Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina nos anos 2007 e 2008. As etapas necessárias para o desenvolvimento da pesquisa passam pela categorização dos hospitais, identificação dos custos e a realização de inferências estatísticas. Quanto à natureza do objetivo, trata-se de uma pesquisa exploratória e descritiva, com aplicação prática, realizada por meio de levantamento de dados secundários, disponíveis nas instituições. A abordagem do problema é predominantemente quantitativa, com procedimentos técnicos, bibliográfico, documental e de levantamento. A análise temporal se deu por meio de cortes transversais nos anos 2007 e 2008. Os seis hospitais pesquisados foram categorizados, por tipos de especialidades médicas, em quatro grupos distintos. Apesar disso, não houve semelhança entre as unidades, haja vista tratar-se de portes diferenciados e com características de atendimento próprias. Na análise do custo total, constatou-se que a maior representatividade está no pagamento dos funcionários próprios, com 71%, enquanto que os outros 29% estão divididos entre os custos com materiais de consumo, serviços de terceiros e custos gerais, que envolvem despesas com água, luz e telefone. As médias dos atendimentos se mostraram distintas de acordo como tipo de atendimento e discrepante de alguns hospitais de menor porte, assim também ocorreu no desvio padrão calculado. A análise de correlação foi realizada em dois momentos: o primeiro, utilizando como observação para os 24 meses utilizados na pesquisa e os grupos de custos apresentados no decorrer do trabalho. Percebeu-se que os hospitais apresentam, em sua maioria, correlação negativa quando analisados número de atendimentos/grupo de custos, embora apresentado na pesquisa casos de correlação nula e/ou positiva fraca. O segundo cálculo envolve número de atendimentos/grupos de custos, em que se identificou que todos os índices de correlação apresentaram valores positivos. Nesse sentido, percebe-se que houve semelhança de comportamento nos cálculos de correlação, haja vista os hospitais terem apresentado, em sua maioria, correlação negativa e no segundo momento todos terem apresentado correlação positiva. Portanto, só se pode afirmar que há variação nos custos hospitalares com o aumento ou a redução no número de atendimentos quando todos os hospitais são analisados conjuntamente. Quando estes são analisados individualmente apresentam, em sua maioria, independência dos custos, quando correlacionados com a variação do número de atendimentos.
26

Fatores delimitantes na implementação de um sistema de gestão de custos em um hospital público do Rio Grande do Sul

Alves, Rodrigo Viega January 2007 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Administração. / Made available in DSpace on 2012-10-23T09:12:45Z (GMT). No. of bitstreams: 1 241831.pdf: 408536 bytes, checksum: 4ad964f590f821fcf5dadf6beafe6f70 (MD5) / Os hospitais são instituições com uma complexa estrutura organizacional, que apresentam dificuldade no processo de gerenciamento das suas atividades. Para facilitar a gestão hospitalar, a implementação de um sistema de custos é importante instrumento para dar apoio as decisões. Este trabalho analisou os fatores que facilitam ou dificultam o processo de implementação de sistemas de custos em um hospital público do Rio Grande do Sul, analisando os pontos de vistas de diferentes profissionais da área da saúde e de gestores do hospital. Além disso, fez uma análise das diferenças entre os dados colhidos com profissionais de nível técnico e superior a respeito da questão em foco. A pesquisa caracteriza-se como um estudo de caso em hospital público do Rio Grande do Sul. Foram feitos levantamentos bibliográficos, aplicados questionário a profissionais da saúde e entrevistas não-estruturadas com gestores da instituição. Os sujeitos da pesquisa constituiu-se de 66 profissionais da saúde e funcionários da unidade de ortopedia do hospital. As quatro principais dificuldades encontradas no processo de implementação em ordem crescente foram: falta de planejamento de um projeto, falta de conhecimento para utilizar as informações, divisão existente entre a área da saúde e a administrativa e resistência cultural. Os três principais fatores que facilitariam o processo de impementação de um sistema de custos em ordem crescente foram: apresentação dos resultados e dos relatórios mensais das unidades do hospital, treinamento constante dos funcionários e treinamento por funcionários da empresa e não por consultores externos. Enfim, os resultados obtidos na presente pesquisa demonstram que a análise inicial das dificuldades e facilidades no processo de implementação do sistema de custos é fundamental para decidir qual o método de custeio adequado e planejar estratégias para combater dificuldades enfrentadas durante a execução do processo.
27

O processo de adaptação estratégica e o ciclo de vida organizacional

Agapito, Fabiana de January 2005 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Administração / Made available in DSpace on 2013-07-15T23:55:37Z (GMT). No. of bitstreams: 1 224085.pdf: 2261637 bytes, checksum: d32b5dcf7dcde91d8f6fbe544345632e (MD5) / A presente pesquisa descreve e analisa o processo de adaptação estratégica do Hospital de Caridade de Florianópolis/SC, uma organização hospitalar filantrópica pertencente ao terceiro setor, no período compreendido entre 1974 a 2004. A teoria processual escolhida para o estudo da adaptação estratégica foi o ciclo de vida organizacional. Foi desenvolvido um estudo de caso (YIN, 1989), longitudinal (VAN DE VEN, 1992), sendo que a coleta de dados se concretizou por meio da realização de entrevistas semi-estruturadas e análise documental. Em linhas gerais, a análise dos dados permitiu constatar que no processo de adaptação estratégica do Hospital de Caridade houve a predominância de um comportamento de caráter incremental (QUINN E VOYER, 2001) e não-planejado. O estudo demonstrou que a organização passou por um processo de profissionalização, que gerou seus maiores impactos, principalmente, a partir do ano de 1997, quando houve o retorno dos mantenedores à direção do Hospital. Percebeu-se também que determinadas peculiaridades da organização influenciaram a dinâmica da adaptação estratégica, entre estas: os valores e princípios de sua mantenedora, o fato de ser administrada por voluntários, de não ter fins lucrativos e possuir razões sociais de existência. O estudo do ciclo de vida organizacional permitiu inferir que o Hospital de Caridade vem vivenciando de 1974 a 2004 um estágio híbrido das fases de formalização (QUINN E CAMERON, 1983) e elaboração de estrutura (QUINN E CAMERON, 1983), sendo que esta última apresenta características mais evidentes nas duas últimas décadas. Partindo para a inter-relação do processo de adaptação estratégica com a fase do ciclo de vida organizacional, observou-se que há algumas evidências empíricas entre o comportamento estratégico adotado e as características da teoria do ciclo de vida organizacional de Quinn e Cameron (1983), principalmente pelo fato dos enfoques estratégicos dos períodos analisados estarem mais voltados ao âmbito interno da organização, mais especificamente, à eficiência de suas atividades, qualidade dos serviços, otimização dos recursos e padronização de serviços, características compatíveis com a fase de formalização de Quinn e Cameron (1983). Em suma, o estudo da adaptação estratégica, alinhado à análise do ciclo de vida organizacional, demonstrou-se válido para compreender o processo evolutivo da organização pesquisada.
28

Benchmarking da implantação de centros de telesserviços comunitários no Brasil

Ferrari, Edson Ney January 2003 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-20T23:50:55Z (GMT). No. of bitstreams: 0 / Os centros de Telesserviços Comunitários, conhecidos no Brasil como Centros de Atendimento ao Cidadão ou Telecentros que foram implantados partir de 1992, deram importante contribuição para a desburocratização das empresas públicas. Neste estudo, utilizou-se a metodologia de benchmarking, identificando as melhores práticas nas experiências de implantação dos telecentros em Santa Catarina, São Paulo e Bahia. Resgatou-se o pioneirismo de Santa Catarina na implantação desses serviços no Brasil e na América Latina, e discorreu-se sobre os Telecentros e suas outras formas de apresentação em todo o país. Relatou-se a história da criação desses centros de serviços oriundos dos países nórdicos, a estrutura organizacional, o modelo de gestão, a demanda dos serviços, a preocupação com a qualidade e a satisfação dos clientes. Discorreu-se também, sobre os telecentros no mundo e seu crescimento em todas as partes. Concluiu-se que o apoio governamental e político é decisivo para o bom funcionamento e sustentabilidade desses centros de serviços. Sentiu-se a necessidade de que os novos estudos e projetos de implantação sejam realizados na área rural, cujo potencial de novas aplicações é grande e hoje está desatendido. Também a desintegração e desinformação entre os vários órgãos federais, estaduais, municipais propiciam um grande número de iniciativas em vários locais e de formas diferentes, contrariando um dos objetivos do projeto que é a concentração dos serviços em um único lugar nas comunidades atendidas.
29

A dinâmica do processo de formação de estratégias de gestão em universidades

Rebelo, Luiza Maria Bessa January 2004 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-21T14:24:26Z (GMT). No. of bitstreams: 1 205899.pdf: 3210072 bytes, checksum: abe4fc3f928b9197c87324a049fee0a2 (MD5) / O objetivo desta pesquisa é conhecer a dinâmica do processo de formação de estratégia de gestão em Instituição Federal de Ensino Superior (IFES), expresso em Planos de Gestão, a partir dos pressupostos teóricos Teoria da Complexidade. Para atingir tal fim, foi apresentado um construto teórico e uma estrutura de referência, ambos elaborados a partir dos pressupostos teóricos presentes na literatura sobre Teoria da Complexidade, Processo de Formação de Estratégia e Universidades, visando o reconhecimento e a análise do processo de formação de estratégias, expresso em Planos de Gestão, em uma dada Instituição Federal de Ensino Superior (IFES), a Universidade Federal do Amazonas (UFAM). O construto teórico elaborado considerou conceitos oriundos da Teoria da Complexidade e de processos de formação de estratégia em ambientes dinâmicos e sua inter-relação com organizações universitárias, para indicar as variáveis agregação, aprendizado, adaptação e auto-organização, como parâmetros de análise do estudo de caso. Essas variáveis têm correspondência com três princípios-chave da Teoria da Complexidade, os quais deram sustentação ao processo analítico: princípio dialógico, princípio hologramático e princípio da recursão. Para isso, a investigação utiliza a abordagem da pesquisa qualitativa do tipo interpretativo, através do uso da técnica do estudo de caso. Os dados foram obtidos a partir de fontes primárias e secundárias, por meio de pesquisa bibliográfica e documental, além das técnicas de observação direta, e entrevistas semi-estruturadas. A análise dos dados foi efetuada a partir das variáveis e princípios apontados no construto teórico, correspondendo à abordagem qualitativa usada como procedimento metodológico. A adoção da metodologia escolhida tem o pesquisador como principal instrumento, e no caso, o pesquisador foi o artífice da construção teórica, além de arquiteto e observador participante da aplicação prática do construto elaborado para tal fim. A análise dos dados permitiu identificar o processo preponderante de formação de estratégia na instituição estudada por três períodos de gestão # 1993 a 2005 #, se racional-formal, negociado ou em construção permanente, relacionando-o com as variáveis e princípios orientados pela Teoria da Complexidade.
30

As estratégias de marketing aplicadas nas instituições de ensino superior do Maranhão

Raposo, Anselmo Baganha January 2003 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Sócio-Econômico. Programa de Pós-Graduação em Administração. / Made available in DSpace on 2012-10-20T14:34:15Z (GMT). No. of bitstreams: 1 196933.pdf: 757338 bytes, checksum: 722e85596b77021644dfa0ce5a98d48c (MD5) / O objetivo principal dessa pesquisa foi fazer um estudo das estratégias de marketing aplicadas a instituições de ensino superior, com enfoque especial na Universidade Estadual do Maranhão. O trabalho se configurou como um estudo de caso, tipo descritivo-analítico, a partir de uma abordagem qualitativa.A análise dos dados permitiu identificar a baixa utilização institucional do marketing como estratégia para atender e/ou superar as expectativas dos clientes.

Page generated in 0.0939 seconds