• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 2730
  • 32
  • 13
  • 6
  • 2
  • Tagged with
  • 2819
  • 2819
  • 1012
  • 972
  • 425
  • 364
  • 346
  • 333
  • 306
  • 304
  • 253
  • 252
  • 244
  • 230
  • 225
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
31

A formação do projeto teórico de Michel Pêcheux : de uma teoria geral das ideologias à análise do discurso

Costa, Claudiana Nair Pothin Narzetti. 2008 (has links)
Orientador: Silvia Dinucci Fernandes Banca: Maria do Rosário de Fátima Valencise Gregolin Banca: Fernanda Mussalim Resumo: O tema desta Dissertação é a constituição teórica da análise do discurso desenvolvida por Michel Pêcheux. Especificamente, tratamos da constituição da AD (a sua primeira época - o início da teoria com a obra Análise Automática do Discurso, de 1969) e de sua relação com os textos anteriores de Pêcheux, assinados com o pseudônimo Thomas Herbert, "Reflexões sobre a situação teórica das ciências sociais e, especialmente, da psicologia social", de 1966 e "Observações para uma teoria geral das ideologias", de 1968, nos quais o fundador de uma das vertentes da análise do discurso francesa ainda não está engajado na elaboração de uma teoria do discurso, mas no projeto althusseriano de elaboração de uma teoria das ideologias. Acreditamos que o aparato teórico-conceitual apresentado, as temáticas desenvolvidas e as críticas feitas por Pêcheux na obra Análise Automática do Discurso possuem uma estreita relação com idéias e concepções de seus textos anteriores, dedicados à reflexão sobre a ideologia e sobre a história das ciências. Sendo assim, tentamos reconstruir o percurso do projeto teórico de Pêcheux, identificando que problemas o conduziram do projeto inicial de elaboração de uma teoria das ideologias à construção da teoria e da análise do discurso; que relações existem entre esses dois projetos; que problemas teóricos e/ou práticos provocaram esse deslocamento; como Pêcheux foi de uma concepção de ideologia em que a linguagem não é tematizada a uma teoria que a pensa a partir do discurso; qual a função que o instrumento análise do discurso desempenhava nesses projetos; e qual o papel particular que exerceram as três ciências que estão na base da AD: Materialismo Histórico, Lingüística e Psicanálise. Abstract: Le sujet de notre recherche est la constitution théorique de l'analyse du discours développé par Michel Pêcheux. Nous nous intéressons en particulier à la constitution de l'AD (sa première époque - le début de la théorie du discours) et à son rapport avec les textes "Réflexions sur la situation théorique des sciences sociales et, spécialement, de la psychologie sociale" (1966) et "Remarques pour une théorie générale des idéologies" (1968), qui ont été produits antérieurement par Pêcheux sous le pseudonyme de Thomas Herbert. Dans ces textes, le fondateur de l'un des domaines de l'analyse du discours française ne s'est pas encore engagé dans l'élaboration d'une théorie du discours, mais dans le projet althussérien de construction d'une théorie des idéologies. Nous croyons que le dispositif théorique-conceptuel, les thématiques et les critiques que Pêcheux a présentés et développés dans son oeuvre Analyse Automatique du Discours (1969), ont un rapport étroit avec des idées et des conceptions des textes antérieurs de l'auteur qui sont dédiés à la réflexion sur l'idéologie et sur l'histoire des sciences. Ainsi, nous essayons de reconstruire le parcours du projet théorique de Pêcheux à travers l'identification des problèmes qui l'ont mené du projet initial de l'élaboration d'une théorie des idéologies à la construction de la théorie et de l'analyse du discours. Nous explicitons les rapports qui existent entre ces deux projets et les problèmes théoriques et pratiques qui ont provoqué ce déplacement. Nous expliquons comment Pêcheux va d'une conception de l'idéologie où le langage n'est pas abordé à une théorie qui pense le langage à partir du discours. Nous élucidons la fonction que le dispositif instrumental analyse du discours jouait dans ces projets. Mestre
32

Práticas de leitura contemporâneas: representações discursivas do leitor inscritas na revista Veja

Ferreira, Luzmara Curcino [UNESP] 15 December 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:06Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2006-12-15Bitstream added on 2014-06-13T18:42:59Z : No. of bitstreams: 1 ferreira_lc_dr_arafcl.pdf: 2887064 bytes, checksum: 5f9bca4662f51d890ae3082759984bdb (MD5) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) Na contemporaneidade, a mídia ocupa um dos lugares centrais de produção e circulação de discursividades. Tendo em vista que o objetivo fundamental deste trabalho consiste na reflexão e na análise de representações de práticas de leitura contemporâneas, fomos conduzidos a apreendê-las na mídia, justamente pelo fato de que em seu interior é produzida, formulada e veiculada uma ampla gama dos discursos que caracterizam a sociedade contemporânea em suas práticas e em suas representações. Fundamentados na teoria da Análise do Discurso e em princípios da História Cultural, procuramos identificar algumas representações de práticas de leitura contemporâneas inscritas na revista impressa Veja. Iniciamos nossas reflexões, com um breve trajeto que percorre diferentes concepções ocidentais da leitura, do século XVI aos dias atuais, de modo que pudéssemos situar nossa própria prática de leitura. Em seguida, ponderamos sobre a noção de materialidade discursiva, a partir das considerações empreendidas por Michel Pêcheux, Michel Foucault, Roger Chartier e Jean-Jacques Courtine. Focalizamos o alcance e as eventuais limitações dessa noção, com vistas a propor uma ampliação de seu escopo, de modo que nos fosse possível depreender e tentar compreender algumas representações de práticas de leitura inscritas nessa materialidade. As representações discursivas do leitor apreendidas, sobretudo, por meio das análises que incidiram sobre a formulação e a circulação, remeteram-nos inevitavelmente aos processos histórico-ideológicos de constituição dos discursos: o olhar apressado que percorre a página é tocado insidiosa e insistentemente pela aceleração dos ritmos de vida das democracias capitalistas. Actuellement, les médias occupent une place centrale dans la production et la circulation des discursivités. Étant donné que l'objectif fondamental de ce travail consiste à réfléchir et à analyser des représentations de pratiques de lecture contemporaines, nous avons été conduits à les saisir dans les médias, justement du fait que dans ce domaine est produite, formulée et véhiculée une grande gamme de discours qui caractérisent la société contemporaine en ce qui concerne ses pratiques et ses représentations. En nos basant sur la théorie de l'Analyse du discours et sur des principes de l'Histoire culturelle, nous avons cherché à repérer quelques représentations de pratiques inscrites sur le magazine imprimé Veja. Tout d'abord, nous avons commencé notre réflexion en établissant un bref parcours parmi différentes conceptions occidentales de lecture, du XVIème siècle à nos jours, afin de situer notre propre pratique de lecture. Ensuite, nous avons pondéré sur la notion de matérialité discursive, à partir des considérations de Michel Pêcheux, Michel Foucault, Roger Chartier et Jean-Jacques Courtine. Nous avons évalué la portée et les éventuelles limites de cette notion, avec pour objectif de proposer un élargissement de son but, de façon à ce qu'il nous fût possible de saisir et d'essayer de comprendre quelques représentations de pratiques de lecture inscrites sur cette matérialité. À partir des considérations ayant portées sur des représentations discursives du lecteur, principalement obtenues par des analyses qui se sont intéressées à la formulation et à la circulation, nous nous sommes penchés indéniablement vers les processus historiques et idéologiques de constitution des discours: le regard pressé qui parcourt la page est touché insidieusement et avec insistance par l'accélération des rythmes de vie des démocraties capitalistes.
33

Vésper

Prado, Márcio Roberto do [UNESP] 26 February 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:08Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2007-02-26Bitstream added on 2014-06-13T20:42:42Z : No. of bitstreams: 1 prado_mr_dr_arafcl.pdf: 4602613 bytes, checksum: c882974da56f81770b9d4ec43f1608ac (MD5) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) O presente estudo configura-se segundo uma dupla articulação, cabendo a ele, portanto, dois momentos distintos. Em um dos casos, defende-se uma tese a respeito do gênio em quatro literaturas européias (inglesa, alemã, francesa e portuguesa), por meio de alguns autores paradigmáticos (John Milton, William Blake, Johann Wolfgang von Goethe, Thomas Mann, François Rabelais, Michel de Montaigne, René Descartes, Voltaire, Denis Diderot, Jean-Jacques Rousseau, Victor Hugo, Gérard de Nerval, Arthur Rimbaud, Luís de Camões e Fernando Pessoa), pensando a idéia de gênio a partir de um interpretante específico, a saber, a figura diabólica, em uma postura que permite entrever uma perspectiva de genialidade eminentemente agônica. No outro caso, partindo-se desta tese específica, estabelece-se uma reflexão a respeito dos limites do pensamento científico, em especial o literário, através de um movimento antitético que busca ampliar as possibilidades das teses a respeito da Literatura, dos atos intelectuais que nela se embasam, em suma, da própria Literatura. Cette étude présente une double articulation, c'est-à-dire, deux moments distincts. Dans un premier moment, on soutient une thèse à propos du génie dans quatre littératures européennes (l'anglaise, l'allemande, la française et la portugaise) étudiées à partir de quelques auteurs paradigmatiques (John Milton, William Blake, Johann Wolfgang von Goethe, Thomas Mann, François Rabelais, Michel de Montaigne, René Descartes, Voltaire, Denis Diderot, Jean-Jacques Rousseau, Victor Hugo, Gérard de Nerval, Arthur Rimbaud, Luís de Camões e Fernando Pessoa). Dans cette thèse on travaille une idée de génie à partir d'un interprétant spécifique : la figure diabolique dont la nature montre une perspective de la génialité surtout agonique. Dans le deuxième moment, on part de cette thèse spécifique pour établir une réflexion sur les limites de la pensée scientifique (spécialement la pensée scientifique littéraire) avec un mouvement antithétique qui vise explorer les possibilités des thèses sur la Littérature et des actes intellectuels qui naissent de cette source. En somme, de la Littérature elle-même.
34

Discurso sobre a pessoa idosa : vozes que falam e vozes que calam

Machado, Selene Marinho 2008 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Departamento de Lingüistica, 2008. Submitted by Suelen Silva dos Santos (suelenunb@yahoo.com.br) on 2009-09-23T18:29:12Z No. of bitstreams: 1 2008_SeleneMarinhoMachado.pdf: 1231299 bytes, checksum: 7871c02bfde2fc532809b02941f7d6c4 (MD5) Approved for entry into archive by Gomes Neide(nagomes2005@gmail.com) on 2010-12-22T15:22:51Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2008_SeleneMarinhoMachado.pdf: 1231299 bytes, checksum: 7871c02bfde2fc532809b02941f7d6c4 (MD5) Made available in DSpace on 2010-12-22T15:22:51Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2008_SeleneMarinhoMachado.pdf: 1231299 bytes, checksum: 7871c02bfde2fc532809b02941f7d6c4 (MD5) Previous issue date: 2008 Esta pesquisa é originária de meu interesse pela questão social da pessoa idosa, que envolve uma experiência pessoal, familiar. Meu propósito é verificar a representação e as características identitárias da pessoa idosa, nos discursos do(a)s próprio(a)s idoso(a)s e de pessoas que convivem com ele(a)s e nos discursos sobre a pessoa idosa, presentes na imprensa e em dispositivos legais de proteção ao idoso. O suporte teórico-metodológico adotado é a Análise de Discurso Crítica (ADC), baseado principalmente em abordagens de Chouliaraki & Fairclough (1999) e Fairclough (trad. 2001 e 2003), com ênfase nos significados acional, representacional e identificacional dos textos. O referencial teórico é composto, ainda, por: Thompson (1995) e Foucault (2004, 2006 e 2007), nas questões de poder e ideologia; Silva (2000), Giddens (2002) e Hall (2005) nas análises sobre identidade; Halliday (1985; 1994), Halliday & Hasan (1989) e Halliday & Matthiessen (2004), na abordagem sistêmico-funcional da linguagem; Koch (2005, 2006a e 2006b) nos aspectos de argumentatividade e modalidade; e Van Leeuwen (1997), nos modos de representação presentes nos textos. A metodologia utilizada para geração dos dados é a pesquisa qualitativa e os métodos empregados foram a entrevista semi-estruturada e a entrevista narrativa. O corpus da pesquisa é constituído de fragmentos de textos extraídos do Estatuto do Idoso e de matérias veiculadas pela imprensa, sobre a questão da violência contra idosos; e por narrativas de uma idosa asilada e de uma cuidadora profissional. A pesquisa revela características identitárias de dependência, fragilidade e opressão. Das análises realizadas é possível depreender que o discurso sobre idosos é, em grande parte, ideológico, por reforçar crenças e valores hegemônicos do mundo capitalista, que desqualificam as pessoas que perderam sua capacidade produtiva. Em que pese o Estatuto do Idoso estabelecer direitos e garantias para a pessoa idosa, suas prescrições não se realizam na prática em virtude da naturalização da inferioridade do idoso em relação aos mais jovens. _________________________________________________________________ ABSTRACT This research is the result of my interest in the elderly social issue which involves a personal and family experience. One of its main purposes is to verify the representation and identity features of old people in their discourse as well as in the discourse of people who live with them, including the discourses which are presented by the press and established in the legal provisions to protect the elderly. The methodological and theoretical approach is what is known as the Critical Discourse Analysis (CDA), based mainly in approaches to Chouliaraki & Fairclough (1999) and Fairclough (1992 and 2003). Action, representation and identification will also be emphasized. The theoretical reference will be based also on Thompson (1995) and Foucault (2004, 2006 and 2007), in what power and ideology are concerned; Silva (2000), Giddens (2002) and Hall (2005) in analyzing identity; Halliday (1985;1994), Halliday & Hasan (1989) e Halliday & Matthiessen (2004), in Systemic Functional Linguistics approach; Koch (2005, the 2006a and 2006b), in what Modality and argumentation are concerned; and Van Leeuwen (1997), in considering the modes of representation which can be found in the text. The methodology used for data generation is the qualitative research and the methods are semistructured and narrative interviews. The research material was extracted from the Elderly Law and from press news about the violence against elderly, and also from statements made by an old woman and by a caretaker. The research reveals identity characteristics of dependency, weakness and oppression. From the analyses we can conclude that the discourse about the elderly is, mostly, ideological, since it reinforces beliefs and hegemonic values of capitalism, which reduce the importance of people who lost their productive capacity. In spite of the Elderly Law establishing rights and guarantees to the elderly, its recommendations do not work in practice, because of the feeling that the elderly are inferior human beings in comparison to the young people.
35

Discurso e ideologia na propaganda de medicamentos : um estudo crítico sobre mudanças sociais discursivas

Ramalho, Viviane Cristina Vieira Sebba 2008 (has links)
Tese(doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Classicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2008. Submitted by Fernanda Weschenfelder (nandaweschenfelder@gmail.com) on 2009-09-29T19:59:01Z No. of bitstreams: 2 2008_VivianeCVieiraSebbaRamalho_179atefinal.pdf: 4071778 bytes, checksum: b0320877d53335b8082be0be6942270b (MD5) 2008_VivianeCVieiraSebbaRamalho_atepag178.pdf: 1298031 bytes, checksum: 9a51518ed4c373ea988b95dbfc6fe854 (MD5) Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2010-02-04T23:40:42Z (GMT) No. of bitstreams: 2 2008_VivianeCVieiraSebbaRamalho_179atefinal.pdf: 4071778 bytes, checksum: b0320877d53335b8082be0be6942270b (MD5) 2008_VivianeCVieiraSebbaRamalho_atepag178.pdf: 1298031 bytes, checksum: 9a51518ed4c373ea988b95dbfc6fe854 (MD5) Made available in DSpace on 2010-02-04T23:40:42Z (GMT). No. of bitstreams: 2 2008_VivianeCVieiraSebbaRamalho_179atefinal.pdf: 4071778 bytes, checksum: b0320877d53335b8082be0be6942270b (MD5) 2008_VivianeCVieiraSebbaRamalho_atepag178.pdf: 1298031 bytes, checksum: 9a51518ed4c373ea988b95dbfc6fe854 (MD5) Previous issue date: 2008-09 Nesta pesquisa qualitativa, investigamos sentidos potencialmente ideológicos na propaganda brasileira de medicamentos. O objetivo é problematizar o papel do discurso na sustentação de relações assimétricas de poder na modernidade tardia. À luz de pressupostos teórico-metodológicos da Análise de Discurso Crítica (Chouliaraki & Fairclough, 1999; Fairclough, 2003a), mapeamos conexões causais entre aspectos semióticos e não-semióticos implicados na preocupação social em foco. Na faceta mais social do estudo, pesquisamos características e instituições da modernidade tardia relacionadas ao capitalismo avançado. Na análise discursiva, por sua vez, abordamos a prática publicitária a partir do gênero "anúncio de medicamento". Com base em princípios da Nova Retórica (Bazerman, 2005, 2006; Miller, 1994), trabalhamos com um corpus documental composto por seis possíveis exemplares desse (sub)gênero discursivo, produzidos em épocas diferentes. Como instrumento de análise, utilizamos principalmente categorias da Análise de Discurso Crítica e da Semiótica Social (Kress & Leeuwen, 1996, 2001), baseadas na Lingüística Sistêmico-Funcional (Halliday & Matthiessen, 2004). Exploramos, por meio delas, os principais esforços retóricos da publicidade, apontados na literatura especializada (Cooper, 2006; Sampaio, 2003; Vestergaard & Schroder 1994), em busca de sentidos potencialmente ideológicos. À análise discursiva, em que estudamos aspectos referentes à produção e composição textuais, somamos a interpretação de dados quantitativos sobre a recepção dos textos. Esses dados, gerados a partir de aplicação de questionário aberto auto-administrado, informam a explanação sobre investimentos ideológicos de convenções discursivas articuladas em textos. Os resultados da pesquisa apontam que sentidos ideológicos verificados na propaganda de medicamentos praticada na sociedade tradicional e moderna persistem nas amostras produzidas na modernidade tardia. Nestas últimas, entretanto, como resposta a mudanças sociais, exploram-se medos, anseios e desejos relacionados a saúde de modo mais velado e com pronunciada potencialidade para instaurar e sustentar relações de dominação, especialmente entre "leigos/as" e peritos/as. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT In this qualitative research study, we investigated potentially ideological meanings in Brazilian medicine advertisements. The aim was to problematize the role of discourse in maintaining asymmetrical power relations in late modernity. Based upon Critical Discourse Analysis theoretical‐methodological concepts (Chouliaraki & Fairclough, 1999; Fairclough, 2003a), we traced causal connections between semiotic and non‐semiotic aspects in the social issue considered here. For this study’s more social dimension, we examined characteristics and institutions of late modernity related to advanced capitalism. In the discursive analysis, advertisement practice was considered in terms of the “medicine advertisement” genre. Based upon New Rhetoric concepts (Bazerman, 2005, 2006; Miller, 1994), a text corpus made up of six possible samples of this discursive (sub)genre, produced in different time periods, was studied. For the analysis, mainly Critical Discourse Analysis and Social Semiotic categories (Kress & Leeuwen, 1996, 2001), based upon Functional Systemic Linguistics (Halliday & Matthiessen, 2004), were applied. With these categories, we looked at the main rhetorical expressions in advertisement, pointed out in specialist literature (Cooper, 2006; Sampaio, 2003; Vestergaard & Schrodr 1994), with a view to finding potentially ideological meanings. Through the discursive analysis, aspects regarding production and textual composition were considered. Further, the interpretation of quantitative data on text reception. This data, generated through an open questionnaire served to explain the ideological investments in discursiveconventions articulated in texts. Research results indicated that ideological meanings noted in medicine advertisements used in traditional and modern society persist in the examples produced in late modernity. However, in the latter, given social changes, fears, anxieties and desires related to health are exploited in a subtle way but with a marked potential to instill and sustain relations of dominance, especially between lay people and specialists.
36

O funcionamento da referência na perspectiva da análise do discurso : um estudo sobre o discurso do esquizofrênico

Borba, Patrícia Laubino 2006 (has links)
O presente trabalho investiga o funcionamento da referência no discurso do esquizofrênico, tomando como arquivo quatro entrevistas com pacientes esquizofrênicos internados nos hospitais Afonso Martins e Espírita. O referencial teórico-analítico para essa pesquisa é a Análise do Discurso de Michel Pêcheux. A fim de estudarmos tal funcionamento, a dissertação será dividida em duas partes. A primeira, que serve de base para a análise, é constituída de quatro capítulos. A segunda, que trata da análise propriamente dita, possui três capítulos. O primeiro capítulo da primeira parte justifica o acolhimento da teoria da Análise do Discurso para a realização da análise proposta. No segundo capítulo, vislumbramos o sujeito singular que será estudado: o esquizofrênico. Para isso, o esquizofrênico é situado nos diferentes tipos de psicose e colocado em oposição à neurose. Como objetivamos estudar o funcionamento da referência no discurso do esquizofrênico, pesquisaremos, ainda no segundo capítulo, a questão da perda da realidade na psicose, a fim de, posteriormente, percebermos como isso influencia o funcionamento estudado. No terceiro capítulo, definiremos noções da Análise do Discurso pertinentes para a análise pretendida. No quarto, estudaremos a metodologia utilizada nas análises que serão desenvolvidas na segunda parte. Nele, estudaremos a constituição do corpus a partir do arquivo utilizado, refletindo sobre o trabalho do analista do discurso frente ao seu objeto de análise. Também refletiremos a respeito do que permite à Análise do Discurso estudar um corpus de discurso de esquizofrênico. Na segunda parte do trabalho, analisaremos três formas de referência, uma em cada capítulo. No primeiro capítulo, estudaremos a referência estabelecida a referentes préconstruídos em formações discursivas que afetam o discurso do esquizofrênico. Pesquisaremos a noção de referência e analisaremos como ela está sendo estabelecida no discurso estudado. No segundo capítulo, estudaremos a referência estabelecida, nesse discurso, a referentes préconstruídos de discurso-outro. Este funcionamento será estudado a partir da questão das incisas e examinaremos como o referido funcionamento ocorre no discurso do esquizofrênico. No terceiro, examinaremos a referência que se estabelece no intradiscurso, a partir do estudo dos elementos fóricos. Para tanto, faz-se necessário estudar, nesse capítulo, a noção de condensação e de deslocamento, porque tais funcionamentos estão presentes na análise em questão. Esta dissertação se encerra com considerações finais, nas quais pensamos a importância da Análise do Discurso para pensar o discurso do esquizofrênico.
37

A escola, a ruptura, o retorno :a educação de jovens e adultos

Martins, Ana Paula, Heinig, Otilia Lizete de Oliveira Martins, Universidade Regional de Blumenau. Programa de Pós-Graduação em Educação. 2006 (has links) (PDF)
Orientadora: Otilia Lizete de Oliveira Martins Heinig. Dissertação (mestrado) - Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação.
38

Escrita em perspectiva :efeitos de sentido a partir das disciplinas de produção de texto

Alves, Camila Thaisa, Souza, Osmar de, Universidade Regional de Blumenau. Programa de Pós-Graduação em Educação. 2009 (has links)
Orientador: Osmar de Souza. Dissertação (mestrado) - Universidade Regional de Blumenau, Centro de Ciências da Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação.
39

Estrangeiro ou imigrante : o discurso da imprensa construindo a (in)aceitabilidade

Prellvitz, Tani Jacobsen 2006 (has links)
Esta pesquisa, filiada à Análise de Discurso de linha francesa, trata da designação. Neste trabalho, nos perguntamos o que é designar, quais são as conseqüências históricas e sociais que decorrem deste ato que repetimos infinitas vezes. Esta é, essencialmente, a questão que nos move durante este trabalho. Como tema de investigação, nosso olhar se volta para as designações que são conferidas aos estrangeiros e imigrantes pela Imprensa. Portanto, os gestos de análise recortam os enunciados e a imprensa é tomada, teórica e analiticamente, como uma Formação Discursiva que constrói um imaginário de Brasil e determina a (in)aceitabilidade do sujeito. Em seu interior se delineiam “jogos” de forças (e de sentidos), produzidos pelo entrecruzamento das diferentes posições-sujeito. Assim, designar o estrangeiro como clandestino ou a boliviana, por exemplo, não é um gesto destituído de conseqüências. Delimitamos como pertencentes à Formação Discursiva da Imprensa os jornais: Zero Hora, Folha de São Paulo, Agora, São Paulo – Shimbun, Nippo-Brasil e Portugal em Foco, bem como a revista Marie Claire. Este trabalho se baseia em um critério qualitativo, que privilegia a condição de representatividade dos textos em estudo. É a discursivização do estrangeiro e do imigrante que confere unidade às diferentes publicações, tomadas como corpus heterogêneo, em virtude dos comprometimentos ideológicos dos órgãos de imprensa. Nossa fundamentação teórico-metodológica tem como suporte os pressupostos teóricos desenvolvidos por Pêcheux e Courtine, bem como as significativas contribuições teóricas de Orlandi e Guimarães. Além disso, realizamos um profícuo percurso pelos pensamentos filosóficos de Aristóteles, Spinoza e Frege, sempre considerando suas contribuições sob o viés do materialismo histórico. Esse diálogo com o campo da Filosofia se mostra essencial para a realização das análises e nos permite responder às questões a que nos propusemos. E assim, consideramos que a tradicional divisão entre designação e atributo não mais se mantém, pois ambos constituem, igualmente, o cerne de um processo discursivo que constrói (e determina) a subjetividade.
40

Funções metaenunciativas das inserções parenteticas

Paiva, Jaqueline Rodrigues 1999 (has links)
Orientador: Sirio Possenti Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Estudos da Linguagem Made available in DSpace on 2018-07-24T19:58:31Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Paiva_JaquelineRodrigues_M.pdf: 2445504 bytes, checksum: 8d1b10b125ecb6812ce0134f6d280a51 (MD5) Previous issue date: 1999 Resumo: As inserções parentéticas são abordadas em nosso estudo, sob um ponto de vista enunciativo. Nossa proposta de trabalho consiste em apresentar uma releitura das inserções parentéticas, focalizando dois aspectos: a caracterização desses enunciados como elementos que, ao revelarem o Outro na seqüência do discurso, constituem uma forma de heterogeneidade mostrada, e a descrição das funções metaenunciativas desempenhadas por tais enunciados. A caracterização das inserções como uma marca da heterogeneidade mostrada é feita, com base, por um lado, numa releitura devidamente instrumentada nas intuições que tematizam a natureza enunciativa dessas estruturas lingüísticas em três modalidades de estudos: a gramática normativa, a gramática descritiva e a lingüística textual; e, por outro lado, na noção de heterogeneidade enunciativa desenvolvida por Authier-Revuz. A descrição das figuras metaenunciativas que caracterizam as inserções parentéticas, por sua vez, é feita levando em consideração as heterogeneidades que atravessam o sujeito, o discurso e o sentido Abstract: In our current research, the subject of parenthetic insertions is studied from an enunciative point of view. The basic theme of our study involves a reinterpretation of the subject of parenthetic insertions, emphasizing two aspects: a characterization of these expressions as elements that, revealing the Other in the sequence of the discourse, constitute a form of demonstrated heterogeneity, and a description of the meta-enunciative functions employed by these expressions. A characterization of the insertions as an indication of demonstrated heterogeneity is based, on one hand, on a reinterpretation properly grounded in the intuitions that deal with the enunciative nature of these linguistic structures in three modalities of studies: normative grammar, descriptive grammar and textual linguistics; and, on the other hand, in the concept of enunciative heterogeneity elaborated by Authier-Revuz. A description of the meta-enunciative figures that characterize the parenthetic insertions, in turn, is realized taking into account the heterogeneity that traverses subject, discourse and meaning Mestrado Mestre em Linguística

Page generated in 0.0809 seconds