• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 41
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 1
  • Tagged with
  • 43
  • 43
  • 13
  • 12
  • 7
  • 7
  • 7
  • 7
  • 6
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • 4
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
21

Pesquisa de mutações nos genes p53 e K-ras em pacientes com carcinoma bronquico atendidos no serviço de oncopneumologia FCM/UNICAMP

Perroud Junior, Mauricio Wesley, 1971- 07 November 2002 (has links)
Orientadores: Lair Zambon, Fernando Ferreira Costa / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas / Made available in DSpace on 2018-08-03T05:49:33Z (GMT). No. of bitstreams: 1 PerroudJunior_MauricioWesley_M.pdf: 3737594 bytes, checksum: a78cb663b274107450c93bc156d89774 (MD5) Previous issue date: 2002 / Resumo: Considerada uma doença rara no início do século XX, o carcinoma de pulmão hoje é a neoplasia visceral mais comum e a principal causa de morte por câncer. O estudo dos eventos moleculares envolvidos no câncer de pulmão é importante para o conhecimento do processo de carcinogênese, e para a determinação do espectro mutacional dos genes relacionados ao carcinoma brônquico. No futuro poderemos empregar as técnicas de biologia molecular no diagnóstico precoce e na correlação entre variáveis clínicas, tumorais e genéticas para definir os fatores de prognóstico e a abordagem terapêutica. Realizamos a pesquisa de mutações nos genes p53 e K-ras em pacientes com neoplasia de pulmão. Em relação ao gene p53, pesquisamos mutações nos exons 5 a 10 em 38 pacientes com carcinoma de pulmão não pequenas células, e nos exons 5 a 9 em nove pacientes com carcinoma de pequenas células. A freqüência de mutações foi, respectivamente, de 21 e 33%. A pesquisa de mutações no gene K-ras foi realizada em 8 pacientes com adenocarcinoma e em quatro com carcinoma de grandes células. Não encontramos mutações, provavelmente, devido ao tamanho da amostra. Nos pacientes com carcinoma não pequenas células a presença de mutação no gene p53 não interferiu na sobrevida (p=0,53), no estadiamento (p=0,67) e no tempo de sintomatologia (p=0,15). Comparamos as mutações encontradas no gene p53 com o banco de dados mantido pela Organização Mundial de Saúde (International Agency for Research on Cancer). Considerando que o banco de dados da IARC foi atualizado em março/2002 (16285 entradas), provavelmente somos o primeiro grupo a descrever a mutação no codon 237 (ATGàAAG) em carcinoma brônquico, independente do tipo histológico; da mutação no codon 337 (CGCàCAC) em carcinoma de grandes células e da mutação silenciosa no codon 295 (CCT>CCC) (IARC, 2002) / Abstract: Considered a rare illness in the beginning of 20th century, the lung cancer today is the more common visceral neoplasia and the main cause of death by cancer. The study of the molecular events involved in lung cancer is important for the knowledge of the process of carcinogenesis and for the determination of the mutational spectrum of the genes related to lung cancer. In the future we will be able to use the techniques of molecular biology in the early diagnosis, and the correlation between clinical, tumoral and genetic variables will be useful for us to define the factors of prognostic and therapeutic approach. We carried out the study of mutations in the genes p53 and K-ras in patients with lung cancer. In relation to the p53 gene, we have looked for mutations in exons 5 to 10 in 38 patients with non-small cell lung cancer, and in exons 5 to 9 in nine patients with small cell lung cancer. The frequency of mutations was, respectively, 21 and 33%. The analysis of mutations in the K-ras gene was carried out in 8 patients with adenocarcinoma and four with large cell carcinoma. We didn¿t find mutations, probably, due to the size of the sample. In patients with non-small cell lung cancer, the presence of mutation in the p53 gene did not correlate with survival (p=0,53), staging (p=0,67) and time of symptoms (p=0,15). We compared the mutations found in the p53 gene with the database kept by the World Health Organization (International Agency for Research on Cancer). Taking into account that the IARC data bank was updated in March/2002 (16,285 entries), we are probably the first group to describe the transversion on codon 237 (ATGàAAG) in bronchial cancer, independent of the histological type and the mutation on codon 337 in large cell cancer (IARC, 2002) / Mestrado / Clinica Medica / Mestre em Clinica Medica
22

Comparação do desempenho do esfregaço citologico cervicovaginal convencional com esfregaço colhido em meio liquido em mulheres com alto risco para neoplasia de colo uterino

Guedes, Ana Claudia 31 October 2018 (has links)
Orientadores : Luiz Carlos Zeferino, Adhemar Longatto Filho / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciências Médicas / Made available in DSpace on 2018-10-31T16:58:53Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Guedes_AnaClaudia_M.pdf: 514325 bytes, checksum: 291835bed8beca40051446dd83381195 (MD5) Previous issue date: 2002 / Resumo: O objetivo deste estudo foi comparar o desempenho da técnica convencional de colheita e confecção do esfregaço cervicovaginal , utilizando espátula de Ayre e escova, com a técnica que utiliza material coletado com escova (Cervex Brush®) e preservado em meio líquido à base de álcool para a confecção do esfregaço. Este foi um estudo prospectivo, comparativo, descritivo e randomizado, constituído de 301 mulheres encaminhadas para os Ambulatórios de Patologia Cervical do Hospital Maternidade Leonor Mendes de Barros e do Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher, no período de junho a dezembro de 2001, alocadas de forma randomizada em dois grupos. Os critérios de inclusão foram mulheres com exame citológico prévio alterado, teste positivo para HIV, pesquisa biomolecular ou sorológica positiva para HPV e qualquer condição clínica suspeita para neoplasia do colo uterino. Foram excluídas as mulheres com diagnóstico de carcinoma invasor e submetidas a histerectomias. O padrão-ouro foi considerado o diagnóstico histológico mais grave, com espécimes coletados por biópsia, cirurgia de alta freqüência e/ou conização a bisturi frio. As variáveis em estudo foram: diagnóstico citológico; qualidade do esfregaço; exame colposcópico; diagnóstico histológico e diagnóstico microbiológico. A associação dos diagnósticos neoplásicos e da qualidade da amostra com as técnicas convencionais e em meio líquido foi analisada com o teste exato de Fisher e medida por valores estimados de odds ratio, com seus respectivos intervalos de confiança de 95%. Os resultados mostraram que as duas técnicas são semelhantes na detecção de lesões pré-neoplásicas do colo uterino, na qualidade do esfregaço, na concordância citoistológica. Observou-se diferença no motivo da limitação dos esfregaços, sendo mais freqüente na técnica convencional o esfregaço hemorrágico/purulento e na técnica em meio líquido, a ausência de células endocervicais. Houve diferença também no diagnóstico microbiológico, sendo que a técnica convencional fez mais diagnóstico de cocos e lactobacilos e a técnica em meio líquido de Gardnerella / Abstract: The purpose of the study was to compare liqüid-based cytology to the conventional Papanicolaou smears, in a high-risk population for cervical intraephitelial neoplasia. This study was prospective, comparative, descritive, randomized. A total of 301 women were included, during the period from june to december 2001. Were included women with abnormal conventional smears, HIV positive, HPV DNA positive or any suspicious clinical condition for cervical cancer. Cytologic diagnosis based on the two techniques, categorized according to the Bethesda System, were compared to a "gold standard" final case diagnosis, the histologic diagnosis. Cytologic diagnosis, specimen adequacy, colposcopy, histologic diagnosis and microbiologic diagnosis were evaluated and compared. For the statistical analysis, differences in the rates of disease detection and in specimen adequacy between the two preparation methods were assessed statistically using Fisher¿s exact test. The comparison of the results between conventional smears and liqüid-based revealed no significant statistically differences in all diagnostic categories. The diagnosis of satisfactory specimen for evaluation but limited by cylindrical endocervical cells or squamous metaplasia absent was higher in liqüid-based and the specimen limited by obscuring blood and obscuring inflammation was higher in conventional smears / Mestrado / Tocoginecologia / Mestre em Tocoginecologia
23

Avaliação do tempo para acesso ao tratamento do câncer de mama no Distrito Federal /

Barros, Ângela Ferreira. January 2011 (has links)
Orientador: Gilberto Uemura / Coorientador: Jefferson Lessa Soares de Macedo / Banca: Juvenal Mottola Júnior / Banca: Maria de Fátima Brito Vogt / Resumo: A alta taxa de mortalidade do câncer de mama em países em desenvolvimento é associada à falta de programas de detecção precoce, ao retardo no diagnóstico e tratamento, bem como às dificuldades para acesso aos serviços de saúde. O objetivo desse estudo foi identificar artigos que associaram o retardo no diagnóstico e tratamento com a evolução do câncer de mama, verificar os fatores associados ao atraso e apontar sugestões para minimizar o atraso no diagnóstico e tratamento do câncer de mama. Foi realizada uma revisão bibliográfica em diferentes bases de dados da internet entre janeiro e junho de 2011. Foram encontrados diversos artigos que associaram o atraso no diagnóstico e tratamento do câncer de mama a menor sobrevida, a estádio mais avançado, a comprometimento de linfonodos axilares e tumor com maior tamanho. Também foi identificada associação desse atraso com a cor negra, baixo nível de instrução e menor renda. Outros artigos não associaram o atraso com pior prognóstico, porém isso pode ser decorrente do uso de diferentes metodologias. Para reduzir o atraso, é fundamental a organização do serviço de saúde a fim de proporcionar o diagnóstico precoce através de maior educação da população sobre o câncer de mama, da implantação de um programa de rastreamento, do rápido encaminhamento dos casos suspeitos para outros níveis de assistência e da adequação dos métodos diagnósticos e de tratamento. Melhorar a estruturação e funcionamento dos serviços de saúde é um fator imprescindível e urgente para atender ao aumento dos casos de câncer de mama de forma adequada / Abstract: The high mortality in breasts cancer in developing countries is associated to the lack of early detection programs, the delay in both diagnose and treatment and to the difficulties to access of health services. The objective of this present study is to identify articles that associated the delay on diagnose and treatment to the breast cancer evolution, verify the factors linked to this delay and to point to suggestions to minimize the delay in the diagnose and treatment of breast cancer. A literature review was made in different data base in the internet from January to June 2011. There were found a number of articles, they have associated the delay on diagnose and treatment in breast cancer to a lower survival, advanced cancer staging, a lymph node axillary metastasis and larger tumor. Also was identified the association of this delay with the darker skin color, low instruction level and lower income. Other articles did not associate the delay with a worse prognosis, although this can be related to the different kind of methodologies. To reduce delay is primordial the organization of the health service to allow the early diagnoses through a larger education with the population about breast cancer, the implementation of screening program, fast indication to suspicious cases to other assistances levels and to the following diagnose and treatment methods. Improving the structure and working function of health services is a very relevant and urgent factor to attend the increase number of breast cancer cases in an adequate way / Mestre
24

Avaliação dos achados mamográficos classificados na categoria 4 do sistema BI_RADS® e sua correlação histopatológia /

Teixeira, Marta de Betânia Rabelo. January 2011 (has links)
Orientador: Gilberto Uemura / Banca: Maria de Fátima Brito Vogt / Banca: Eduardo Carvalho Pessoa / Resumo: Objetivo: Determinar o valor preditivo positivo para malignidade de lesões mamárias classificadas nas subcategorias 4A, 4B e 4C do sistema BI-RADS® pela correlação entre os achados mamográficos e histopatológicos. Sujeitos e métodos: Estudo analítico-descritivo de 89 pacientes submetidas à core biopsy e biópsia cirúrgica com e sem estereotaxia, que possuíam mamografias classificadas nas subcategorias 4A, 4B e 4C do BI-RADS® 4ª edição. Os achados mamográficos foram correlacionados com os diagnósticos histológicos das lesões, calculando-se o valor preditivo positivo para malignidade em cada subcategoria. Resultados: Dentre as 89 pacientes avaliadas foram diagnosticados 50 casos de câncer de mama (56,2%), sendo 9 na subcategoria 4A, 21 na 4B e 20 na 4C. Os valores preditivos positivos encontrados foram, respectivamente, 25,7 %, 63,6 % e 95,2 % para as subcategorias 4A, B e C. O nódulo espiculado foi o achado mais relacionado à doença maligna. Conclusão: Houve elevação progressiva do VPP nas subcategorias 4A, 4B e 4C do BIRADS ® / Abstract: Objective: To determine the positive predictive value for malignancy of mammary lesions classified in the subcategories 4A, 4B and 4C of the BI-RADS® system based on the correlation between the mammographic and histopathological findings. Subjects and methods: Analytical-descriptive study of 89 patients submittted to core biopsy and surgical biopsy with and without stereotatic localization, that possessed mammograms classified as subcategories 4A, 4B and 4C of the BI-RADS® 4th edition. The mammographic findings were correlated to the histological diagnosis of the lesions, then calculating the positive predictive value for malignancy in each subcategory. Results: Among the 89 evaluated patients, 50 were diagnosed as breast cancer cases (56.2%), of which 9 in subcategory 4A, 21 in 4B and 20 in 4C. The positive predictive values found were, respectively, 25.7%, 63.6% and 95,2% for the 4A, B and C subcategories. The spiculated nodule was the finding most related to the malignant disease. Conclusion: There has been progressive elevation of the PPV in subcategories 4A, 4B and 4C of BI-RADS® / Mestre
25

Polimorfismos de nucleotídeo único (SNPs) nos genes codificadores da IL-10, TNF-α e em NFkB1 e sua associação com parâmetros clínicos, laboratoriais e de seguimento de pacientes com linfoma de Hodgkin clássico /

Gaiolla, Rafael Dezen. January 2015 (has links)
Orientador: Deilson Elgui de Oliveria / Banca: Lígia Niéro-Melo / Banca: Daniel Onofre Vidal / Banca: Alexandrona Sartori / Banca: Otávio Cesar Carvalho Guimarães Baiocchi / Resumo: Linfoma de Hodgkin clássico (LHc) é uma neoplasia maligna que apresenta um padrão aberrante de expressão de citocinas, incluindo IL-10 e TNF-a. Polimorfismos de nucleotídeo único (SNPs) nos genes codificadores de IL-10 e TNF-a ou de suas proteínas regulatórias, como NFkB, podem interferir na patobiologia do LHc. No presente estudo, SNPs nas regiões promotoras dos genes de IL-10 (SNP/pIL-10 -592, rs1800872; e SNP/pIL-10 -1082, rs1800896) e TNF-a (SNP/pTNF-a -238, rs361525; e SNP/pTNF-a -862, rs1800630), assim como na região intrônica do gene NFkB1 (SNP/iNFkB1, rs1585215) foram genotipados em 73 pacientes com LHc e avaliados em relação à sua associação com parâmetros prognósticos clínicos e laboratoriais da doença. SNPs/pIL-10 AA foram significativamente associados a maiores contagens de leucócitos e menores valores de linfócitos ao diagnóstico. No caso de TNF-a, SNP/pTNF-a -238 AG foi associado à presença de infecção pelo EBV enquanto SNP/pTNF-a -862 CC apresentou-se mais frequentemente com leucocitose. SNP/iNFkB1 AA associaramse à doença em estádio IV e padrão extranodal de apresentação. Entretanto, nenhum dos SNPs avaliados teve efeito no desfecho do tratamento. Esse estudo mostrou que alguns genótipos de SNPs nos genes de IL-10 e TNF-a estão associados a parâmetros prognósticos no LHc. Adicionalmente, pela primeira vez foram descritas associações entre SNP/iNFkB1 (rs1585215) e aspectos clínicos da doença / Abstract: Classic Hodgkin lymphoma (cHL) is a malignant lymphoid neoplasia that shows aberrant expression of cytokines, including IL-10 and TNF-a. Single nucleotide polymorphisms (SNPs) in genes encoding IL-10 and TNF-a or their regulatory proteins, such as NFkB, may impact cHL pathobiology. In this study, SNPs in the promoter regions of genes encoding for IL-10 (SNP/pIL-10 -592, rs1800872; and SNP/pIL-10 -1082, rs1800896), and TNF-a (SNP/pTNF-a -238, rs361525; and SNP/pTNF-a -862, rs1800630), as well as in the intronic region of the NFkB1 gene (SNP/iNFkB1, rs1585215) were genotyped in 73 patients with cHL and evaluated against clinical and laboratory prognostic parameters for the disease. SNPs/pIL-10 AA were significantly associated with higher leukocyte and lower lymphocyte counts at diagnosis. In case of TNF-a, SNP/pTNF-a -238 AG was associated with EBV infection while SNP/pTNF-a -862 CC presented more frequently with leukocytosis. SNP/iNFkB1AA generally had stage IV and extranodal disease at diagnosis. Nonetheless, none of the studied SNPs had effect on on treatment outcome. This study shows that some SNPs genotypes for IL-10 and TNF-a genes are associated with prognostic parameters in cHL; furthermore, this is the first time that the SNP/iNFkB1 (rs1585215) was implicated in clinical features of the disease / Doutor
26

Expressão de fator de crescimento semelhante à insulina (IGF-1), alvo da rapamicina em mamíferos (M-TOR), fator de célula tronco (SCF) e receptor C-KIT (CD117) em mastocitomas cutânios caninos em lâminas de arranjo de matriz tecidual (TMA) /

Ferioli, Raquel Beneton. January 2012 (has links)
Orientador: Renée Laufer Amorim / Banca: Júlio Lopes Sequeira / Banca: Giovana Wingeter Di Santis / Resumo: O mastocitoma cutâneo (MTC) canino é uma neoplasia maligna constituída por mastócitos, que corresponde a aproximadamente 11% das neoplasias cutâneas do cão. A classificação histopatológica em três graus de malignidade, proposta por Patnaik et al. (1984) para os MTCs é o principal fator prognóstico. Recentemente, uma nova classificação com dois graus de malignidade foi proposta (KIUPEL et al., 2011) e parece trazer menor discordância na graduação. Neste estudo foram avaliadas as expressões proteicas de SCF, IGF-1, m-TOR e c-KIT através da técnica de imunoistoquímica (IHQ) em MTCs caninos em busca de novos fatores prognósticos. Analisaram-se as relações entre estas quatro proteínas e, entre IGF-1 e SCF com fatores prognósticos como o grau histológico, índice mitótico e proliferação celular, além de dados epidemiológicos como idade, gênero, porte físico e localização da lesão. Foram utilizadas 133 amostras de MTCs de 133 cães dispostas em lâminas de microarranjo de tecidos (TMA). A associação estatística foi observada entre a expressão de SCF e grau histológico de acordo com Kiupel et al. (2011), índice mitótico, proliferação celular pelo KI-67, localização da Iesão, idade, c-KIT e IGF-1. A expressão do fator de crescimento IGF-1 teve relação com o índice mitótico, o porte físico dos animais e a expressão de c-KIT e m-TOR. A expressão de SCF está relacionada ao padrão aberrante de expressão do seu receptor c-KIT. Com base nas relações observadas podemos concluir que as proteínas IGF-1, m-TOR, SCF e c-KIT interagem no desenvolvimento dos MTCs caninos e que cães de porte grande e gigante apresentam maior expressão de IGF-1, corroborando com maior incidência de MTCs nestas raças / Abstract: The canine mast cell tumor (MTC) is a malignant neoplasm composed of mast cells, which corresponds to approximately 11% of cutaneous neoplasms of the dog. The histopathological classification in three grades of malignancy, proposed by Patnaik et al. (1984), for MTCs is the main prognostic factor. Recently, a new classification with two malignancy degrees was suggested (KIUPEL et al., 2011) and seems to bring less disagreement in diagnosis. We carried out the study evaluating the protein expression of SCF, IGF-1, m-TOR and c-KIT by immunohistochemical technique (IHC) in canine MTCs searching new prognostic factors. We analyzed the relationships between these four proteins, and between IGF-1 and SCF with prognostic factors such as histological grade, mitotic index and cell proliferation, as well as epidemiological data such as age, gender, physical size and location of the lesion. Were used 133 samples of canine MTCs. The statistical association was observed between the expression of SCF and histological grade according to Kiupel et al. (2011), mitotic index, cell proliferation by Ki-67, Iesion location, age, c-KIT and IGF-1. The growth factor IGF-1 expression was related to mitotic index, the animals physical size and the m-TOR expression. The SCF expression is related to the aberrant pattern of expression of its c-KIT receptor. The association between the IGF-1 expression and the animal size was observed, and seems to interact with the m-TOR co-expression. Based on the observed relationships we can conclude that IGF-1, m-TOR, SCF and c-KIT proteins interacts on the development of canine MTCs, and large and giant-sized animals show higher expression of IGF-1, confirming increased incidence of MTCs on these races / Mestre
27

Expressão de fator de crescimento semelhante à insulina (IGF-1), alvo da rapamicina em mamíferos (M-TOR), fator de célula tronco (SCF) e receptor C-KIT (CD117) em mastocitomas cutânios caninos em lâminas de arranjo de matriz tecidual (TMA)

Ferioli, Raquel Beneton [UNESP] 17 February 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:23:47Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-02-17Bitstream added on 2014-06-13T19:30:24Z : No. of bitstreams: 1 ferioli_rb_me_botfmvz.pdf: 479951 bytes, checksum: 6950eaf7a2aab7b7e904602236642185 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / O mastocitoma cutâneo (MTC) canino é uma neoplasia maligna constituída por mastócitos, que corresponde a aproximadamente 11% das neoplasias cutâneas do cão. A classificação histopatológica em três graus de malignidade, proposta por Patnaik et al. (1984) para os MTCs é o principal fator prognóstico. Recentemente, uma nova classificação com dois graus de malignidade foi proposta (KIUPEL et al., 2011) e parece trazer menor discordância na graduação. Neste estudo foram avaliadas as expressões proteicas de SCF, IGF-1, m-TOR e c-KIT através da técnica de imunoistoquímica (IHQ) em MTCs caninos em busca de novos fatores prognósticos. Analisaram-se as relações entre estas quatro proteínas e, entre IGF-1 e SCF com fatores prognósticos como o grau histológico, índice mitótico e proliferação celular, além de dados epidemiológicos como idade, gênero, porte físico e localização da lesão. Foram utilizadas 133 amostras de MTCs de 133 cães dispostas em lâminas de microarranjo de tecidos (TMA). A associação estatística foi observada entre a expressão de SCF e grau histológico de acordo com Kiupel et al. (2011), índice mitótico, proliferação celular pelo KI-67, localização da Iesão, idade, c-KIT e IGF-1. A expressão do fator de crescimento IGF-1 teve relação com o índice mitótico, o porte físico dos animais e a expressão de c-KIT e m-TOR. A expressão de SCF está relacionada ao padrão aberrante de expressão do seu receptor c-KIT. Com base nas relações observadas podemos concluir que as proteínas IGF-1, m-TOR, SCF e c-KIT interagem no desenvolvimento dos MTCs caninos e que cães de porte grande e gigante apresentam maior expressão de IGF-1, corroborando com maior incidência de MTCs nestas raças / The canine mast cell tumor (MTC) is a malignant neoplasm composed of mast cells, which corresponds to approximately 11% of cutaneous neoplasms of the dog. The histopathological classification in three grades of malignancy, proposed by Patnaik et al. (1984), for MTCs is the main prognostic factor. Recently, a new classification with two malignancy degrees was suggested (KIUPEL et al., 2011) and seems to bring less disagreement in diagnosis. We carried out the study evaluating the protein expression of SCF, IGF-1, m-TOR and c-KIT by immunohistochemical technique (IHC) in canine MTCs searching new prognostic factors. We analyzed the relationships between these four proteins, and between IGF-1 and SCF with prognostic factors such as histological grade, mitotic index and cell proliferation, as well as epidemiological data such as age, gender, physical size and location of the lesion. Were used 133 samples of canine MTCs. The statistical association was observed between the expression of SCF and histological grade according to Kiupel et al. (2011), mitotic index, cell proliferation by Ki-67, Iesion location, age, c-KIT and IGF-1. The growth factor IGF-1 expression was related to mitotic index, the animals physical size and the m-TOR expression. The SCF expression is related to the aberrant pattern of expression of its c-KIT receptor. The association between the IGF-1 expression and the animal size was observed, and seems to interact with the m-TOR co-expression. Based on the observed relationships we can conclude that IGF-1, m-TOR, SCF and c-KIT proteins interacts on the development of canine MTCs, and large and giant-sized animals show higher expression of IGF-1, confirming increased incidence of MTCs on these races
28

FATORES RELACIONADOS AO DIAGNÓSTICO TARDIO DO CÂNCER INFANTO-JUVENIL

Ries, Paula Kieling 08 June 2017 (has links)
Submitted by MARCIA ROVADOSCHI (marciar@unifra.br) on 2018-08-22T13:22:10Z No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Dissertacao_PaulaKielingRies.pdf: 3167125 bytes, checksum: 098524a661311a798864532206adad42 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-08-22T13:22:10Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Dissertacao_PaulaKielingRies.pdf: 3167125 bytes, checksum: 098524a661311a798864532206adad42 (MD5) Previous issue date: 2017-06-08 / Childhood and adolescent cancer is a group of malignant diseases with a multifactorial origin that, despite the low incidence and despite advances in diagnosis and treatment, remains the second cause of infant mortality in developed countries aged from one to 14 years. Currently, early diagnosis is considered the best policy for improving prognosis and reducing treatment intensity. Knowing the factors related to the late diagnosis allows establishing strategies for early diagnosis of cancer in childhood and adolescence. Few studies related to this topic have been carried out in developing countries. Objectives: Report clinical and epidemiological data on cases of childhood and juvenile cancer, know the factors related to the late diagnosis of pediatric tumors; measure the intervals of the initial clinical presentation at diagnosis and treatment and correlate these intervals with larger clinical outcomes. Methods: A retrospective cohort study in which clinical and epidemiological data were collected from 198 patients aged zero to 18 years old, attended at a referral center in a public hospital in the central region of Rio Grande do Sul from January 2008 to December 2015. Results: Of the 198 patients, 56.1% were male, the age group with the highest frequency of diagnosis was from zero to four years. The most frequent diagnosis was leukemia, followed by lymphoma. Most of them, that is, 94.6% of the patients presented specific symptoms of the neoplasia, and yet 67.2% of the cases of solid tumors presented with locally invasive or metastatic disease. The median time for the diagnosis of 31 days, the delay of the parents was of 12 days and the one of the doctors was of six days. Tumor type was the only factor with relevance that interfered in time for the diagnosis (p <0.01). Event-free survival and overall 5-year survival were 73.6% and 80.9%, respectively. When comparing the survival curves for patients with late and non-late diagnosis, there was no significant difference (log-rank = 0.604). Conclusion: The time for diagnosis of childhood and juvenile neoplasms is among the lowest published. The results may reflect the parents difficulty in recognizing the signs and symptoms of childhood neoplasms, since the parents delay in seeking care is superior to that of the physicians in the oncologist. Corroborating, the great majority of patients have specific symptoms at diagnosis and yet they present with advanced disease, indicating the need for educational campaigns, familiarizing the population with the signs and symptoms of neoplasms. / O câncer infanto-juvenil é um grupo de doenças malignas com origem multifatorial que, apesar da baixa incidência e a despeito dos avanços obtidos no diagnóstico e tratamento, permanece como segunda causa de mortalidade infantil nos países desenvolvidos. Atualmente, considera-se o diagnóstico precoce como a melhor política para a melhora no prognóstico e redução da intensidade do tratamento. Conhecer os fatores relacionados ao diagnóstico tardio permite estabelecer estratégias para diagnóstico precoce do câncer na infância e adolescência. Poucos estudos relacionados a esse tema têm sido realizados em países em desenvolvimento. Objetivos: Relatar dados clínicos e epidemiológicos dos casos de câncer infanto-juvenil, conhecer os fatores relacionados ao diagnóstico tardio dos tumores pediátricos; mensurar os intervalos da apresentação clínica inicial ao diagnóstico e tratamento e correlacionar esses intervalos com desfechos clínicos maiores. Método: Estudo de coorte retrospectivo em que foram avaliados dados clínicos e epidemiológicos de 198 pacientes de zero a 18 anos, atendidos em um centro de referência de um hospital público da região central no Rio Grande do Sul, no período de janeiro de 2008 a dezembro de 2015. Resultados: Dos 198 pacientes, 56,1% pacientes eram do sexo masculino, a faixa etária com maior frequência de diagnóstico foi a de zero a quatro anos. O diagnóstico mais frequente foi o de leucemia, seguido pelo linfoma. A maioria, ou seja, 94,6% dos pacientes apresentaram sintomas específicos da neoplasia e, ainda assim, 67,2% dos casos de tumores sólidos apresentaram-se com doença localmente invasiva ou metastática. A mediana de tempo para o diagnóstico de 31 dias, a demora dos pais foi de 12 dias e a dos médicos foi de seis dias. O tipo de tumor foi o único fator com relevância que interferiu no tempo para o diagnóstico (p< 0,01). A sobrevida livre de eventos e a sobrevida global em cinco anos foram de 73,6% e 80,9%, respectivamente. Ao comparar as curvas de sobrevida dos pacientes com diagnóstico tardio e não tardio, não houve diferença significativa (log- rank = 0,604). Conclusão: O tempo para o diagnóstico das neoplasias infanto-juvenis está entre os menores publicados. Os resultados podem refletir a dificuldade dos pais em reconhecer os sinais e sintomas das neoplasias na infância, tendo em vista que a demora dos pais em procurar atendimento é superior à dos médicos em acionarem o oncologista. Corroborando, a grande maioria dos pacientes tem sintomas específicos ao diagnóstico e, mesmo assim, apresentam-se com doença avançada, indicando a necessidade de campanhas educativas, familiarizando a população quanto aos sinais e sintomas das neoplasias.
29

Detecção do linfonado sentinela com o método do azul patente no carcinoma do colo uterino / Felipe Sedrez dos Santos ; orientador, Flávio Daniel Saavedra Tomasich ; co-orientador, Luiz Carlos Von Bahten

Santos, Felipe Sedrez dos January 2011 (has links)
Dissertação (mestrado) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, 2011 / Bibliografia: f. 41-48 / INTRODUÇÃO: A histerectomia radical ou cirurgia de Wertheim Meigs, permanece o padrão de tratamento cirúrgico do carcinoma do colo uterino. Embora tenha baixa mortalidade, tem sua morbidade agravada, principalmente pela linfadenectomia pélvica, que é part / INTRODUCTION: The radical hysterectomy or Wertheim Meigs surgery, still remains the standard surgical treatment of the carcinoma of the cervix. Although it is associated with low mortality, its morbidity is high and is increased mainly by pelvic lymphaden
30

Comparação entre a citologia em base-líquida e a citologia convencional no diagnóstico de carcinomas bucais / Eduardo Bauml Campagnoli ; orientador, Antônio Adilson Soares de Lima

Campagnoli, Eduardo Bauml January 2003 (has links)
Dissertação (mestrado) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, 2003 / Inclui bibliografias / A citologia em base líquida é um aperfeiçoamento da citologia esfoliativa convencional, porém o uso desta tecnologia dentro da odontologia ainda é pequeno. Este trabalho teve por objetivo avaliar a citologia em base líquida em relação à citologia convenci

Page generated in 0.1138 seconds