• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 1322
  • 94
  • 94
  • 93
  • 92
  • 87
  • 17
  • 13
  • 5
  • 5
  • 4
  • 3
  • 2
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 1383
  • 696
  • 200
  • 146
  • 136
  • 125
  • 119
  • 114
  • 103
  • 96
  • 96
  • 96
  • 88
  • 86
  • 84
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
71

A cidade de papel: cartografia e fotografia na formação do Espaço Litorâneo de Fortaleza-Ceará

Matos, Fábio de Oliveira January 2009 (has links)
MATOS, F. de O. A cidade de papel: cartografia e fotografia na formação do espaço litorâneo de Fortaleza - Ceara. Fortaleza, CE, 2009. 209f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Geografia) - Departamento de Geografia, Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Estadual do Ceara, Fortaleza, 2009. / Submitted by Geovane Uchoa (geovane@ufc.br) on 2017-07-10T12:53:41Z No. of bitstreams: 1 2009_tese_fdeomatos.pdf: 3563644 bytes, checksum: 1d80901c502acee18f247a45fee4001a (MD5) / Approved for entry into archive by Nadsa Cid (nadsa@ufc.br) on 2017-07-17T18:47:27Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_tese_fdeomatos.pdf: 3563644 bytes, checksum: 1d80901c502acee18f247a45fee4001a (MD5) / Made available in DSpace on 2017-07-17T18:47:27Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_tese_fdeomatos.pdf: 3563644 bytes, checksum: 1d80901c502acee18f247a45fee4001a (MD5) Previous issue date: 2009 / These relations between the formation space of the coast of Fortaleza-CE, with the role of cartography and photography in the construction of the forma urbis City. Focusing the analysis of urban form from the perspective of geography- historical, it was with the study of cartographic images, collating and comparing with the photographic records and other documentary sources, to understand the process of occupation of the coastal zone of Fortaleza. Based on a reflection of the image in the ideological construction of urban space, to carry was of the main cartographic records of Fortaleza in the period 1726 to 1947. They are: a) Primeira Planta da Vila de Fortaleza (1726),by Manuel Francês; b) Planta do Porto e Villa da Fortaleza (1813) and Planta da Villa de Fortaleza (1818), both by Silva Paulet c) Planta da Cidade de Fortaleza (1850) by Antonio Simões Ferreira de Farias d) Planta Topográfica de Fortaleza e Subúrbios (1875), by Adolfo Herbst e) Planta de Fortaleza (1899), by Amedeé Mouchez f) Anteprojeto da Cidade de Fortaleza (1932), by Nestor de Figueiredo g) Plano Diretor de Remodelação e Extensão da Cidade de Fortaleza (1947), by Saboya Ribeiro. Photographic images of the main newspaper of the time were also select: Ba-ta-clan, A Jangada, Verdes Mares, Ceará Illustrado, Unitário and O Povo. The images, taken in the period studied as synonym of the real city, now serve as tools for application to public intervention in the city urban structure, which sought a new face to the fortalezense coast. With the research on these images it is expected to contribute to academic debate on the treatment of the urban landscape as a formation of new spaces, and bring to light the role of geography, history as a basis for the understanding of urban structure of Ceará. / Trata das relações entre a formação espacial do litoral de Fortaleza-CE, com o papel desempenhado pela cartografia e fotografia na construção da forma urbis da Cidade. Privilegiando a análise da forma urbana a partir da perspectiva da Geografia-histórica, buscou-se com o estudo das imagens cartográficas, cotejando e confrontando com os registros fotográficos, além de outras fontes documentais, a fim de compreender como se deu o processo de ocupação da zona costeira fortalezense. Pautado numa reflexão entorno da imagem na construção ideológica do espaço urbano, realizou-se levantamento dos principais registros cartográficos de Fortaleza no período de 1726 a 1947. São elas: a) Primeira Planta da Vila de Fortaleza (1726), de Manuel Francês; b) Planta do Porto e Villa da Fortaleza (1813) e a Planta da Villa de Fortaleza (1818), ambos de Silva Paulet; c) Planta da Cidade de Fortaleza (1850) de Antônio Simões Ferreira de Farias; d) Planta Topográfica de Fortaleza e Subúrbios (1875), de Adolfo Herbster; e) Planta de Fortaleza (1899), de Amedeé Mouchez; f) Anteprojeto da Cidade de Fortaleza (1932), de Nestor de Figueiredo e g) Plano Diretor de Remodelação e Extensão da Cidade de Fortaleza (1947), de Saboya Ribeiro. Foram também selecionadas imagens fotográficas dos principais periódicos da Cidade da época: Ba-ta-clan, A Jangada, Verdes Mares, Ceará Illustrado, Unitário e O Povo. As imagens, tomadas no período pesquisado como o sinônimo do real, passaram a servir como ferramentas para solicitação à intervenção pública na estrutura urbana citadina, onde se buscava uma nova face para o litoral fortalezense. Com a investigação entorno dessas imagens se espera contribuir a reflexão acadêmica entorno do tratamento da paisagem urbana como formadora de novos espaços, além de trazer a tona o papel da Geografia-história como base para a compreensão da estrutura urbana cearense.
72

“Navegar é preciso” - cartografando subjetividades em saúde mental. / "Navigating is necessary" - mapping subjectivities in mental health.

Barroso, Claudenia Mesquita 10 August 2017 (has links)
BARROSO, C. M. "NAVEGAR É PRECISO" - Cartografando subjetividades em saúde mental. 2017. 91 f. Dissertação (Mestrado em Saúde da Família) - Campus de Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2017. / Submitted by Mestrado Saúde da Família (saudedafamiliasobral@gmail.com) on 2017-10-09T14:59:20Z No. of bitstreams: 1 Dissertação Claudenia.pdf: 4615659 bytes, checksum: 2f47ae5e19edee790d6af49b1a5626d2 (MD5) / Rejected by Djeanne Costa (djeannecosta@gmail.com), reason: O arquivo está nomeado de forma diferente das orientações. Renomear o arquivo corretamente. on 2017-10-19T12:29:52Z (GMT) / Submitted by Mestrado Saúde da Família (saudedafamiliasobral@gmail.com) on 2017-10-19T12:34:38Z No. of bitstreams: 1 2017_dis_cmbarroso.pdf: 4615659 bytes, checksum: 2f47ae5e19edee790d6af49b1a5626d2 (MD5) / Approved for entry into archive by Djeanne Costa (djeannecosta@gmail.com) on 2017-10-19T12:43:09Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2017_dis_cmbarroso.pdf: 4615659 bytes, checksum: 2f47ae5e19edee790d6af49b1a5626d2 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-10-19T12:43:09Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2017_dis_cmbarroso.pdf: 4615659 bytes, checksum: 2f47ae5e19edee790d6af49b1a5626d2 (MD5) Previous issue date: 2017-08-10 / This work analyses from a mapping prospective the mental health field, the subjectivity, and the cultural influences found throughout the centuries, that involve and define the universe of madness. It also discusses the consequences of labeling, and the insertion of madness among the diseases classification, thus justifying the intervention over the liberty and the right to take care of themselves of those classified as mad, exercising the so-called Psychiatric Authority / Psychiatric Power. Cartography helped us with this task, as a tool borrowed from Geography, where is used in order to map territories and populations, but here we are looking for mapping the social relationships, and their characteristics in the health care processes. The research was conducted at CAPS Geral II, in the city of Sobral, State of Ceara, Brazil, where mental health professionals as well as patients answered a semi-structured interview. It also tells about the Psychiatric Reform, how it was conducted in Brazil, and in the city of Sobral, provoking the surge of new practices of care in mental health. Those processes of change in the ways of dealing with mental health patients led to a transformation not only in the processes of care, but also in a behavioral change, and in the way professionals see the mental illness, which resulted in a deep change of the healthcare system, towards those mentally ill. It also called the attention to the questions about their humanity and their individuality within society. Some questions started to appear, related to the way that CAPS Geral of Sobral takes care of their users: how the professionals conduct the therapeutic activities? Which kind of difficulties happen in a daily basis? In which way could they work to improve patients’ confidence and autonomy? How the creativity could be exercised within the working processes of the mental health professionals, as well within patients’ therapeutic activities? In search for the answers, we understood that the biological and physician-centered approach is still strong, and that there are many barriers to developing or practicing an interdisciplinary teamwork. We also found that the working contracts are precarious, having a negative effect on all, workers and users of the services; we also found, however, that dedicated professionals use their creativity every day in order to provide the users with various activities, attempting to rescue and fortify the individuality and autonomy of the users. / O presente trabalho analisa, a partir de um mapeamento sobre a área de saúde mental, a subjetividade e as influências culturais encontradas nas diversas épocas, que envolvem e definem o universo da loucura; as consequências da rotulação e da inserção da loucura ao rol de doenças, legitimando assim a intervenção sobre a liberdade e a autogestão, através do chamado Poder Psiquiátrico. Nesse sentido a cartografia nos permitiu fazer esse mapeamento crítico, sendo uma ferramenta emprestada da área de geografia, onde é utilizada para mapear territórios e populações; mas aqui buscamos mapear as relações sociais e seus aspectos presentes nos processos de cuidados em saúde. A pesquisa foi realizada no CAPS Geral II de Sobral, onde foram realizadas entrevistas semiestruturadas com profissionais e usuários do serviço. E também traz a narrativa de como se deu a Reforma Psiquiátrica no Brasil e em Sobral especificamente, propiciando o surgimento de novas práticas de cuidado em saúde mental. Houve nesse processo de mudança de postura e de como lidar com a doença mental, não só uma transformação do cuidado e acolhimento, mas uma mudança de comportamento e de visão sobre a doença, que resultou em uma profunda mudança do sistema de saúde, em relação ao doente mental, e que chamou a atenção para a questão da sua individualidade e humanidade na sociedade. Questionamentos foram surgindo sobre de que forma o CAPS II de Sobral direciona os cuidados aos usuários? Como são realizadas suas atividades terapêuticas? Que tipo de dificuldades esse dispositivo enfrenta no dia a dia? De que forma pode ser trabalhada a confiança e a autonomia do paciente? De que forma a criatividade pode estar presente nos processos de trabalho dos profissionais e das atividades direcionadas aos usuários? Questões que nos permitiram entender que a visão biologista e médico-centrada, na prática, ainda é forte; que o trabalho interdisciplinar encontra muitas barreiras; que as relações de trabalho são precárias, e que essa precariedade influencia negativamente a todos, trabalhadores e usuários dos serviços; e também nos permitiu perceber que profissionais dedicados exercitam sua criatividade no dia-a-dia, para poder ofertar diversas atividades na tentativa de resgate e fortalecimento da individualidade, da cidadania e da autonomia dos usuários.
73

Análise de wavelets para detecção e correção do multicaminho no posicionamento relativo GNSS estático e cinemático

Souza, Eniuce Menezes de [UNESP] 21 November 2008 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:22:25Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008-11-21Bitstream added on 2014-06-13T20:09:30Z : No. of bitstreams: 1 souza_em_dr_prud.pdf: 3668689 bytes, checksum: aa9f8f193e7b43db7e93ccc3d9a0428b (MD5) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / O multicaminho é um dos fenômenos que ocorre quando o sinal proveniente do Global Navigation Satellite System (GNSS) reflete em objetos localizados nas proximidades do levantamento e chega ao receptor via múltiplos caminhos. Geralmente, o receptor GNSS recebe além do sinal direto, também o sinal refletido, o qual é atrasado em relação ao sinal direto. Conseqüentemente, as medidas de pseudodistância (PD) e fase de batimento da onda portadora são rastreadas para um sinal composto, e não para o sinal direto, causando o erro do multicaminho. Esse efeito é uma fonte de erro significativa que ainda permanece como um desafio para a pesquisa, especialmente para o posicionamento relativo estático e cinemático em aplicações de alta precisão. Diferentemente dos demais erros, o multicaminho não é atenuado quando se formam as duplas diferenças (DD) em uma linha de base curta, por ser um efeito altamente dependente do local do levantamento. Pelo contrário, os erros de multicaminho podem aumentar no processo de dupla diferenciação. Nessa pesquisa foi proposta uma metodologia, viável em termos práticos e econômicos, capaz de detectar e corrigir o efeito do multicaminho nas observações de fase da onda portadora e PD L1 e/ou L2 para aplicações estáticas e cinemáticas, quer sejam pós-processadas ou em tempo real. Essa metodologia é baseada na Análise de Multirresolução (AMR) utilizando a Transformada de Wavelets (TW). A TW é aplicada para decompor as séries temporais dos resíduos das DDs do ajustamento em componentes de freqüências baixa e alta... / GNSS-multipath is a phenomenon that occurs when the signal from Global Navigation Satellite System (GNSS) reflects on objects surrounding the survey environment and reaches the receiver antenna through multiple paths. Usually, the GNSS receiver also collects the reflected signal, which is delayed in relation to the direct one. Consequently, the pseudorange (code) and carrier phase measurements are tracked for a composed signal, and not for the direct signal, causing a multipath error. This effect is a significant error source that still remains as a challenge for the research, especially for static and kinematic relative positioning in high-precision applications. Differently from other errors sources, multipath is not attenuated when the double differences (DD) are formed in a short baseline, because this error is highly dependent upon the surrounding environment. On the contrary, multipath errors can even increase in the double differentiation process. In this research a feasible and economic methodology, able of detecting and correcting the multipath effect from the carrier phase and pseudorange L1 and/or L2 for static and kinematic applications, post-processed or in real time. This approach is based on the Multiresolution Analysis (MRA) using the Wavelet Transform (WT)... (Complete abstract click electronic access below)
74

Análise de mapas provenientes de planos diretores municipais visando a padronização da representação cartográfica

Cruz, Franciane Santana 15 August 2013 (has links)
Submitted by LIVIA FREITAS (livia.freitas@ufba.br) on 2016-01-29T20:35:26Z No. of bitstreams: 3 Dissertação_Franciane_agosto_2013.pdf: 7492372 bytes, checksum: cd71942bcded03c8a86e8babc793b297 (MD5) Apêndice_ zoneamento salvador.pdf: 2192175 bytes, checksum: 25ff8cc03d95338ee35275cb96b3d1d9 (MD5) Anexo-zoneamento salvador.pdf: 3404476 bytes, checksum: 9d3fd1f433574c5e943a9f5aef4626be (MD5) / Approved for entry into archive by LIVIA FREITAS (livia.freitas@ufba.br) on 2016-03-03T19:00:27Z (GMT) No. of bitstreams: 3 Dissertação_Franciane_agosto_2013.pdf: 7492372 bytes, checksum: cd71942bcded03c8a86e8babc793b297 (MD5) Apêndice_ zoneamento salvador.pdf: 2192175 bytes, checksum: 25ff8cc03d95338ee35275cb96b3d1d9 (MD5) Anexo-zoneamento salvador.pdf: 3404476 bytes, checksum: 9d3fd1f433574c5e943a9f5aef4626be (MD5) / Made available in DSpace on 2016-03-03T19:00:27Z (GMT). No. of bitstreams: 3 Dissertação_Franciane_agosto_2013.pdf: 7492372 bytes, checksum: cd71942bcded03c8a86e8babc793b297 (MD5) Apêndice_ zoneamento salvador.pdf: 2192175 bytes, checksum: 25ff8cc03d95338ee35275cb96b3d1d9 (MD5) Anexo-zoneamento salvador.pdf: 3404476 bytes, checksum: 9d3fd1f433574c5e943a9f5aef4626be (MD5) / A gestão de um território exige conhecimento dos aspectos socioambientais do espaço geográfico, para isso foram criados instrumentos como Estatuto das Cidades através da Lei 10.257/2001 que estabelece a obrigatoriedade na elaboração de um plano diretor para os municípios acima de 20 mil habitantes. Este instrumento legal auxilia na definição do padrão de desenvolvimento da ocupação urbana visando fornecer subsídios para um adequado planejamento e gestão do município. Porém, diante da falta de padronização para auxiliar na elaboração dos planos diretores por parte dos gestores, especialmente quanto à representação espacial dos dados que serão analisados para auxiliar na tomada de decisão, atualmente é crescente a preocupação em estabelecer um padrão para subsidiar os planos diretores. Portanto, o presente trabalho teve como objetivo analisar planos diretores municipais no que tange a necessidade da apresentação de mapas visando à padronização da representação e eficiência na comunicação cartográfica. Para a análise desta pesquisa foram selecionados 50 (cinquenta) mapas temáticos, que compõem 5 (cinco) planos diretores de alguns municípios brasileiros, a partir da análise dos elementos cartográficos, tais como: composição temática, terminologia técnica de feições, tipologia das feições, escala de representação, projeção cartográfica, formato e dados marginais, sistemas de referência, simbologia associada a feições, cor, tamanho, textura e nomenclatura associada às simbologias. Considerando as análises realizadas, foi possível indicar as categorias e feições mínimas necessárias para compor os mapas temáticos, assim como estabelecer uma proposta visando à padronização das representações cartográficas dos planos diretores municipais. Os resultados também demonstram que as técnicas de cartografia temática quando utilizadas adequadamente são de fundamental importância no auxílio da análise, integração e interpretação dos mapas, pois fornecem elementos que auxiliam na gestão do território.
75

As narrativas de professoras reencantadas pela Educação Ambiental: rede de formação tecida no/com o cotidiano

Ferreira, Nadja Valéria dos Santos 04 May 2012 (has links)
Made available in DSpace on 2016-08-29T11:03:39Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_6032_NADJA VALERIA.pdf: 285876 bytes, checksum: 6c6fdfba54769615ae5875185794b870 (MD5) Previous issue date: 2012-05-04 / O objetivo desta pesquisa é compreender a constituição de um movimento instituinte de professoras de uma escola pública municipal localizada no distrito de Xerém, Duque de Caxias (RJ), que aponta para o que pode ser definido como autoformação coletiva e continuada, que traz em seu bojo princípios da Educação Ambiental. A forma processual como se apresenta tem como diferencial trazer uma Educação Ambiental com potencial emancipatório, ancorada na solidariedade, na dialogicidade e na ação coletiva, deflagradora de uma prática pedagógica e política, na Educação de Jovens e Adultos, que privilegia a inter e a transdisciplinaridade.Privilegia-se nesta pesquisa a produção narrativa de professoras de EJA e os processos identitários marcantes dos sujeitos praticantes do distrito de Xerém. A ação coletiva se ampara na cultura e se reflete na complexificação da ideia de uma Ecologia de Saberes que reflete o ambiente em que vivem e convivem os diversos sujeitos. Caminha-se pelos princípios da Cartografia como metodologia para narrar as histórias das professoras praticantes junto a seus educandos e suas educandas a partir da produção de dados que permitiram reencontrar saberes invisibilizados traduzidos em práticas socioambientais.
76

Lucidez-embriaguez, movimento e arrebatamento: homens, (semi)deuses que perambulam e a educação menor num bairro de uma rede municipal.

MACIEL JUNIOR, E. 31 March 2014 (has links)
Made available in DSpace on 2016-08-29T11:03:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 tese_7585_Tese Doutorado 2014 Edson_Maciel Jr PPGE.pdf: 6906466 bytes, checksum: 05710a00a6a0f4531e7804b4916cdd39 (MD5) Previous issue date: 2014-03-31 / A tese afirma a vida por meio das biopotências que se manifestam em movimentações invisíveis aos olhos acostumados a permitir o ver, o julgar e o falar. Foca o tempo presente, na comunicação em redes, traz em si a potência de reatar a multidão, com a capacidade de sondar possibilidades mostrando o que antes parecia opaco e impossível. Perambular é ligar nas redes quentes de um bairro com/no/do território ao privilegiar o movimento, o processo, sempre caminhando pelas vias e conexões abertas, aposta estética-ética-política nos paradoxos sem superação e não hierarquizados. Toma como método de pesquisa-intervenção elementos de uma cartografia de movimentos e devires, traçando um perambular rizomático em que são problematizados a constituição do problema de pesquisa, que considera a construção do conhecimento diversificada, descentralizada e horizontalizada. Problematiza as práticas discursivas de si em suas relações com a biopolítica, a governabilidade e a biopolítica das populações. O que está(rá) rolando nesse bairro, no que foi chamado de criança, adolescente, escola, compor para que as coisas apareçam, junto com outros que vivem a loucura em duplas e trios. A tese é a possibilidade da existência de uma educação menor na periferia para as populações marginalizadas, muçulmanizadas. Educação menor, da sala de aula, do bairro, do cotidiano de professores, familiares e alunos. Educação que permite revolucionários, na medida em que alguma revolução ainda faz sentido na educação nesses dias. A educação menor constitui-se, assim, num empreendimento de militância, de professores militantes. Plano das afecções em que não há unidades, apenas intensidade. A tese fala do processo, de como reproduzir, ou não, os modos de subjetividade dominante, não se trata de medidas - "menor" ou "pequeno". Nesse sentido, é preciso considerar os efeitos de produção de subjetividade e a incorporação dos fatos à própria vida. A tese analisa movimentos instituintes buscando reconhecê-los em sua natureza contestatória e transgressora e ter conhecimento de como se organiza na escola e muito além dela. Discutindo a produtividade dessa coreografia do perambular, esboçamos movimentos que denominamos: estradas que levam a nada, além muros, encontros e composições, currículos perambulantes, afectos, rizomas, [des]caminhos e trilhas.
77

Exatidão cartográfica para as cartas digitais urbanas

Rocha, Ronaldo dos Santos da January 2002 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. / Made available in DSpace on 2012-10-19T15:52:18Z (GMT). No. of bitstreams: 0Bitstream added on 2014-09-26T01:26:12Z : No. of bitstreams: 1 186396.pdf: 13331809 bytes, checksum: 2e523b28747c14c315c6d39d01272002 (MD5)
78

Proposição teórico-metodológica de uma cartografia geográfica crítica e sua aplicação no desenvolvimento do atlas da questão agrária brasileira

Girardi, Eduardo Paulon [UNESP] 18 September 2008 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:33:35Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2008-09-18Bitstream added on 2014-06-13T20:05:43Z : No. of bitstreams: 1 girardi_ep_dr_prud.pdf: 4554443 bytes, checksum: 0922f4d2b6d7db3c90b9f4528c9f3224 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / No movimento de renovação da Geografia brasileira, a Geografia Crítica atuou questionando os princípios e práticas da Geografia Tradicional e da Geografia Pragmática frente aos problemas sociais e propôs uma leitura de mundo direcionada ao entendimento e resolução desses problemas. Contudo, a crítica radical às outras duas correntes fez com que a Geografia Crítica desconsiderasse suas contribuições, como por exemplo, o desenvolvimento no campo da Cartografia. Como o mapa era amplamente utilizado pelas correntes tradicionais e pragmáticas, ele também foi negligenciado pela corrente crítica. A Geografia Crítica confundiu a visão de mundo com os procedimentos metodológicos dessas correntes e com isso ignorou o potencial analítico e discursivo do mapa como inerente ao discurso... / During the revisionist movement to renovate Brazilian Geography, the Critical Geography school questioned the principles and practices of Traditional and Pragmatic Geography, arguing that these schools were inadequate to the times and offering a reading of the world directed at the understanding and resolution of social problems. However, the radical critique of the two older currents caused the Critical Geography school to underestimate some useful contributions of these approaches such as Cartography. In fact, since maps were widely used by Traditional and Pragmatic Geography, Critical Geography tended to dismiss their utility. Critical Geography seemingly confused the worldview and methodology of these schools and thus ignored the analytical and discursive potential of maps as inherent to geographical language. As Critical Geography became predominant, maps became neglected in Brazilian... (Complete abstract click electronic access below)
79

Validação de dados geográficos espaciais em ambiente orientado a objeto / Validation of espacial geographic data in orientaded object environment

Saldanha, Marcus Fabiano Silva January 2005 (has links)
A produção de base cartográfica para os SIG apresenta peculiaridades distintas daquelas produzidas somente para atender os usuários da cartografia. Portanto cartas digitais em formato vetor produzidos em ambiente de CAD devem passar por rigoroso processo de validação geométrica antes de serem usadas por tais sistemas. Este trabalho tem por finalidade apresentar uma metodologia de validação geométrica de dados geográficos para uso em SIG baseada em ambiente orientado a objeto. Pra tanto são apresentados no decorrer do trabalho os principais conceitos relacionados ao assunto, bem como, a descrição da aquisição de dados via digitalização vetorial, as principais fontes de erro oriundas deste processo e o processo de validação em ambiente de CAD. Também é apresentado de forma pormenorizada os conceitos relacionados à tecnologia de banco de dados Orientado a Objeto e o Sistema Gothic, dentro do qual foram realizadas as implementações. Por fim são apresentadas a descrição das rotinas elaboradas e a metodologia desenvolvida, além de resultados obtidos em testes preliminares. Os testes realizados mostram que ocorreram ganhos de produção consideráveis sem que houvesse perda de qualidade. / The production of cartographic base for the SIG presents distinct peculiarities of those only produced to attend the cartographic users. Therefore digital charts produced in vector format in CAD environment must pass for rigorous process of geometric validation before being used for such systems. This work has for purpose to present a methodology of geomettric validation of geographic data for use in SIG based on oriented object environment. For this the main concepts related to the subject are presented during the work, as well as, the description of acquisition of the data by means of vector digitizer, the main deriving sources of error of this process and the process of validation in CAD environment. Also it is presented of detailed form the concepts related to the technology of Oriented Object data base and the Gothic system, which was used for the implementations. Finally the description of the elaborated routines and the developed methodology are presented, beyond some results gotten in preliminary tests. The tests show that considerable profits of prodution had occurred without that had loss of quality.
80

A História através dos mapas : análise da cartografia presente em livros didáticos e o diálogo entre Geografia e História

Santos, Sarah Resende dos 30 December 2016 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de História, Programa de Pós-graduação em História, 2016. / Submitted by Albânia Cézar de Melo (albania@bce.unb.br) on 2017-03-07T15:37:45Z No. of bitstreams: 1 2016_SarahResendedosSantos.pdf: 4966591 bytes, checksum: 029812d1ed4dc4cc92698f74acda869f (MD5) / Approved for entry into archive by Ruthléa Nascimento(ruthleanascimento@bce.unb.br) on 2017-03-21T14:42:18Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2016_SarahResendedosSantos.pdf: 4966591 bytes, checksum: 029812d1ed4dc4cc92698f74acda869f (MD5) / Made available in DSpace on 2017-03-21T14:42:18Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2016_SarahResendedosSantos.pdf: 4966591 bytes, checksum: 029812d1ed4dc4cc92698f74acda869f (MD5) / Esse trabalho se propôs investigar de que forma o conhecimento histórico é representado na cartografia presente nos livros didáticos de História e como essa representação nos ajuda a compreender o desenvolvimento da historiografia e a relação entre a Geografia e a História, em função das transformações teóricas ocorridas no desenvolvimento dessas ciências ao longo do século XX. As mudanças ocorridas no interior dessas disciplinas teriam sido refletidas na representação cartográfica e na elaboração dos mapas, que estiveram presentes nos livros didáticos de história utilizados pelos estudantes. A cartografia representada nesses livros também teria sido utilizada como um instrumento de legitimação da relação interdisciplinar da História com outras ciências humanas, na medida em que há um aumento do número de tipologias e conteúdos abordados nos mapas. / This dissertation proposes to investigate in which ways the historical knowledge is represented in cartography shown in History textbooks and how this representation helps to comprehend the development of historiography and the relation between Geography and History, based on the theoretical transformations ocurred throughout the development of these sciences during the 20th century. The alterations that took place in those field areas can be reflected on the cartographical representation and the production of maps, which have been present in History textbooks used by students. The cartography represented in these books was also used as a instrument of legitimation of the multidisciplinary relations between History and other social sciences, in parallel with the increase of the number of typologies and content approached by the maps.

Page generated in 0.0753 seconds