• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 60
  • 4
  • Tagged with
  • 64
  • 51
  • 25
  • 23
  • 15
  • 13
  • 11
  • 11
  • 10
  • 10
  • 10
  • 9
  • 9
  • 8
  • 8
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

A construção discursiva de masculinidades bissexuais: um estudo em linguística Queer

SANTOS FILHO, Ismar Inácio dos 09 March 2012 (has links)
Submitted by Amanda Silva (amanda.osilva2@ufpe.br) on 2015-03-10T14:37:48Z No. of bitstreams: 2 TESE - ISMAR INÁCIO.pdf: 5232547 bytes, checksum: 1fae2a5adb75ff94ae7ade7d6cf10bb3 (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-10T14:37:48Z (GMT). No. of bitstreams: 2 TESE - ISMAR INÁCIO.pdf: 5232547 bytes, checksum: 1fae2a5adb75ff94ae7ade7d6cf10bb3 (MD5) license_rdf: 1232 bytes, checksum: 66e71c371cc565284e70f40736c94386 (MD5) Previous issue date: 2012-03-09 / CNPq / Nos últimos anos, devido ao boom da Internet, e nessa os chats, tem acontecido um movimento de homens que almejam “conversar” com outros homens, para estabelecimento de relações sexuais. É o homoerotismo entre homens. Assim, nas conversas tecladas as masculinidades têm sido reconfiguradas, forjando, de modo expressivos, homens que se posicionam como bissexuais. Em função disto, este estudo objetivou compreender o posicionamento desses homens nestas conversas e quais performances de masculinidades bissexuais são por eles construídas, na tentativa de compreender que imagens são propostas para esses homens, que comportamentos são propostos, que identificação e ou distanciamento são forjados em relação às masculinidades heterossexual e homossexual e se esses posicionamentos provocam fissuras no sistema de gênero inteligível. A pesquisa se situa como um estudo em Linguística Aplicada, pois tem em seus aportes orientações dos estudos em linguagem – em estudos de gênero discursivo e estudos sociolinguísticos, através da linguística queer, dos estudos socioantropológicos, dos estudos de gênero e dos estudos em sexualidade, bem como dos estudos etnográficos. Dessa maneira, serviram de base os estudos de Austin, Bakhtin, Bauman, Bucholtz e Hall, Butler, Carrara, Connell, Davies e Harre, Foucault, Giddens, Goffman, Hine, Louro, Moita Lopes, Ochs, Seffner e Wortham, dentre outros. Nesse bojo, a Linguística Aplicada necessitou se indisciplinar, pois se constituiu por quadros conceituais híbridos, na tentativa de possibilitar a aproximação com a complexidade da vida em seus sentidos de gênero e sexualidade. O corpus analisado foi formado por conversas tecladas abertas, geradas através da etnografia virtual, sendo, dessas, destacados “nicknames”, “gritos”, “anúncios de si” e “flagras de conversas”. Além das conversas abertas, foram geradas entrevistas com homens que se posicionavam como bissexuais, e nessas, algumas narrativas de si. Após as análises, compreendemos que as configurações dessas masculinidades são realizadas em cumplicidade e com o apoio do ideal de homem, o homem vitoriano, mas que, de todo modo, são “outros” jeitos de encarar as masculinidades que são construídos nesse espaço virtual; são outras compreensão para as masculinidades.
2

Estética heteronormativa nas aulas de Arte e superação pela construção de grupo operativo numa abordagem da Psicologia Social / Aesthetics heteronormative in Art classes and overcoming by the construction of operative group in an approach of Social Psychology

Camargo, Danielle Twerznik [UNESP] 07 January 2017 (has links)
Submitted by DANIELLE TWERZNIK CAMARGO null (danielleartes@ig.com.br) on 2017-01-16T23:39:36Z No. of bitstreams: 1 Dissert Danielle Twerznik Camargo.pdf: 3192807 bytes, checksum: 6b85b8aaec09430ff201afca7b3b2b30 (MD5) / Approved for entry into archive by LUIZA DE MENEZES ROMANETTO (luizamenezes@reitoria.unesp.br) on 2017-01-19T18:48:28Z (GMT) No. of bitstreams: 1 camargo_dt_me_bauru.pdf: 3192807 bytes, checksum: 6b85b8aaec09430ff201afca7b3b2b30 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-01-19T18:48:28Z (GMT). No. of bitstreams: 1 camargo_dt_me_bauru.pdf: 3192807 bytes, checksum: 6b85b8aaec09430ff201afca7b3b2b30 (MD5) Previous issue date: 2017-01-07 / Este trabalho foi desenvolvido a partir de observações cotidianas em sala de aula, na disciplina de Arte, nos anos iniciais do Ensino Fundamental de uma escola pública, no interior do estado de São Paulo, com enfoque nas concepções estéticas de teor heteronormativo, uma vez que se têm constatado falas preconceituosas e sexistas entre os educandos, com atitudes que se reproduzem no ambiente escolar, resultando em posturas de segregação. Daí a necessidade de se discutir tais posturas heteronormativas no âmbito escolar e de se promover, por meio de grupos operativos, mudanças em relação às referidas situações observadas pela arte-educadora e pesquisadora no cotidiano da escola. Assim, por objetivo geral buscou-se desenvolver consciência crítica e reflexiva para superar a estética heteronormativa entre os educandos. Nessa direção, apresentam-se como objetivos específicos: a) A construção e aplicação de uma Sequência Didática utilizando conceitos da Psicologia Social para formação de Grupo Operativo, propiciando a superação de modelos heteronormativos; b) disponibilizar os procedimentos efetuados, ações e orientações, ou seja, o produto integrante à dissertação deste trabalho, em um site. Sob a abordagem qualitativa, o trabalho constitui-se no entrelaçamento de três linhas de estudo, que convergem em sua ideologia e didática: a construção de grupos transformadores de sua realidade (grupo operativo); uso da metodologia em pesquisa-ação (educador fazendo parte/atuando na construção do projeto); e a busca de mudança em relação às situações heteronormativas presentes subjetivamente (relações de gênero) no ambiente escolar. É perceptível encaminhamentos na concepção da Educação Popular pelos textos de Paulo Freire que serviram de base para tal. Os resultados obtidos pela observação sistemática das percepções dos educandos apontam para avanços nas posturas de tolerância, ainda que pequenos, sendo necessário um trabalho contínuo com esta abordagem para que a prática grupal e inclusiva torne-se hábito na Educação Básica. / This work was developed based on daily observations in the classroom, in the Art subject classes on the initial years of a public Elementary School, in São Paulo state, focusing on aesthetic conceptions of heteronormative content, since it has been observed a biased and sexist speech among students, with attitudes that are reproduced in the school environment, resulting on postures of segregation. Hence the need of discussing such heteronormative postures in the school context and to promote, through operative groups, changes in relation to the referred situations observed by the art educator and researcher in the daily life of the school. Thus, the general goal of this work has been to develop critical and reflexive awareness to overcome the heteronormative aesthetics among learners. In this direction, specific purposes are presented: a) the development and application of a pedagogical sequence model using Social Psychology concepts to form an Operative Group, providing the overcoming of heteronormative models; B) provide the procedures, actions and guidelines, that is, the integral product of this dissertation work, in a website. Under a qualitative approach, this work consists in an interweaving of three lines of study, which converge in its ideology and didactics: the construction of transforming groups on their own reality (operating group); The use of a methodology in action research (educator as part / acting in the construction of the project); and the search for change in relation to a present and subjectively heteronormative situation (gender relations) in the school environment. It is noticeable referrals in the conception of Popular Education by the texts of Paulo Freire that served as base for this work. The results obtained by the systematic observation of the students' perceptions pointed to advances on tolerance postures, even it has been a small one. It is necessary a continuously work with this approach method for that practice and inclusive group to become a habit in Basic Education.
3

As diferentes formas de express?o da homofobia e as varia??es nas viv?ncias de gays e l?sbicas de Natal/RN

Oliveira, Rayane Dayse da Silva 25 May 2017 (has links)
Submitted by Automa??o e Estat?stica (sst@bczm.ufrn.br) on 2017-10-04T20:40:41Z No. of bitstreams: 1 RayaneDayseDaSilvaOliveira_DISSERT.pdf: 1412405 bytes, checksum: 40e9729b46a74779e6344129c3aa0bc6 (MD5) / Approved for entry into archive by Arlan Eloi Leite Silva (eloihistoriador@yahoo.com.br) on 2017-10-10T23:25:08Z (GMT) No. of bitstreams: 1 RayaneDayseDaSilvaOliveira_DISSERT.pdf: 1412405 bytes, checksum: 40e9729b46a74779e6344129c3aa0bc6 (MD5) / Made available in DSpace on 2017-10-10T23:25:08Z (GMT). No. of bitstreams: 1 RayaneDayseDaSilvaOliveira_DISSERT.pdf: 1412405 bytes, checksum: 40e9729b46a74779e6344129c3aa0bc6 (MD5) Previous issue date: 2017-05-25 / Coordena??o de Aperfei?oamento de Pessoal de N?vel Superior (CAPES) / Este trabalho consiste em um estudo te?rico-emp?rico acerca das formas de express?o da homofobia e tem como objetivo central analisar as distin??es e as nuances entre os tipos de viol?ncia mais praticados contra gays e l?sbicas. No que se refere ? parte te?rica, utilizamos como referencial, principalmente, obras de autores dos estudos cr?ticos de g?nero e sexualidade e estudos referentes ? quest?o da viol?ncia; quanto ao nosso campo emp?rico, temos a cidade de Natal/RN como l?cus de pesquisa onde realizamos entrevistas estruturadas com gays e l?sbicas. Para atingir os objetivos propostos percorremos os seguintes caminhos: primeiro tratamos de contextualizar o conceito de homofobia considerando a sua g?nese e as ressignifica??es ocorridas, nesse momento, propomos tamb?m a defini??o com que iremos trabalhar. Segundo, abordamos a tem?tica da produ??o social dos g?neros e das sexualidades, uma vez que essa quest?o est? na base constitutiva do fen?meno da homofobia, na sequ?ncia, trabalhamos a tem?tica da viol?ncia no plano geral e tamb?m a partir do recorte de g?nero, apresentando, inclusive, os seus diferentes modos de express?o e as maneiras como as viol?ncias s?o expressas e vivenciadas a partir dos g?neros. Finalmente, em terceiro lugar, apresentamos e analisamos os resultados das entrevistas e propomos a partir do que foi levantado em campo, associado ao nosso referencial te?rico, a apresenta??o das nuances e grada??es das viol?ncias que mais incidem sobre gays e l?sbicas, al?m disso, tecemos an?lises explicativas referentes ?s causas que resultam nessas particularidades que singularizam os tipos de viol?ncia que mais incidem sobre cada um desses dois grupos. / This work consists of a theoretical-empirical study about the homophobia expressions forms and its central objective is to analyze the distinctions and nuances between the violence types which are most practiced against gays and lesbians. Regarding the theoretical part, we use as reference, mainly, books of authors of the critical studies of gender and sexuality and studies on the issue of violence; about to our empirical field, we have the city of Natal/RN as the research's locus where we conduct structured interviews with gays and lesbians. In order to reach the proposed objectives we go through the following steps: At first we try to contextualize the concept of homophobia considering its genesis and the resignifications that happened, at this point, we also propose the definition which we will work with. Second, we address the social production theme of gender and sexuality, since this question is the constitutional basis of the homophobia phenomenon; in the sequence we work the theme of violence in the general plan and also from the gender snip, presenting, including, its different expression modes and the ways in which the violences are expressed and experienced starting the genders. Finally, in third place, we present and analyze the interview results and we propose, from what was raised in the field, associated with our theoretical reference, the presentation of the violence's nuances and gradations which more affect gays and lesbians, moreover, we write explanatory analyzes referring to the causes which result in these particularities which singularize the violence types that most affect each of these two groups.
4

Deixem que digam, que pensem, que falem: a homofobia na visão dos formandos de Licenciaturada UFRPE

TAVARES, Liliana Barros January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T17:21:21Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo5278_1.pdf: 415062 bytes, checksum: 80c9d1a3e90d7b18c8f883feaae7dfaf (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / Este trabalho investiga o posicionamento dos formandos em Licenciatura da UFRPE sobre a homofobia em sala de aula. A pesquisa, realizada primeiramente por meio de um questionário, procurou levantar dados sobre o que os formandos sabem e pensam a respeito da homossexualidade. Em seguida, por meio de entrevistas semidirigidas, buscou-se um aprofundamento das informações coletadas pelo questionário. Os resultados obtidos parecem evidenciar que a homofobia, entre esses formandos, encontra-se, na maioria das vezes, suavizada por um discurso de tolerância. Porém, em geral, suas atitudes perante manifestações de homofobia em sala de aula resultavam, por vezes involuntariamente, em ações de reforço à heteronormatividade. Tal observação, ao longo do percurso teórico-analítico desta pesquisa, ratificou a idéia de que a homofobia consiste numa manifestação de poder forjada pelas instituições dominantes aqui, no caso, a escola e a universidade , para manter a heterossexualidade como a única identidade sexual legítima. À luz da Teoria Queer, levanta-se, então, a discussão se a busca por uma educação livre de homofobia não deveria pressupor um empenho em prol da dissolução da demarcação das identidades sexuais. Nesse viés, é provável que a principal contribuição desta dissertação seja a própria reflexão sobre o seu processo de pesquisa de campo e seus desdobramentos, tanto no que diz respeito a questionamentos que partiram dos participantes da pesquisa, como no que se refere às reformulações ideológicas inferidas a partir da investigação teórica e da interpretação dos dados colhidos
5

Condensação de sentidos e paródia : categorização social sobre sexo, gênero e sexualidade

MIRANDA, Marcelo Henrique Gonçalves de 31 January 2013 (has links)
Submitted by Paula Quirino (paula.quirino@ufpe.br) on 2015-03-10T19:50:43Z No. of bitstreams: 1 Tese Marcelo de Miranda Condensação de Sentidos e Paródia categorização social sobre sexo, gênero e sexualidade.pdf: 1624829 bytes, checksum: 95968b629be9bbbee078844153ce04fd (MD5) / Made available in DSpace on 2015-03-10T19:50:43Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Tese Marcelo de Miranda Condensação de Sentidos e Paródia categorização social sobre sexo, gênero e sexualidade.pdf: 1624829 bytes, checksum: 95968b629be9bbbee078844153ce04fd (MD5) Previous issue date: 2013 / CAPES / Inserida nas reflexões contemporâneas da Teoria Social, relativas à questão da sexualidade e heteronormatividade, a tese teve por objetivo compreender como ocorre o processo de condensação de sentidos por homossexuais masculinos a partir de um contexto paródico, em torno das categorias de sexo, gênero e sexualidade. Como quadro teórico, a tese se insere nas perspectivas Pós-Estruturalistas/Teoria Queer e nas abordagens sociológicas sobre categorização social ancoradas na Etnometodologia e na Análise Conversacional. A metodologia foi de natureza qualitativa, exploratória. Como método foi utilizado o grupo focal cujos participantes foram homossexuais masculinos camada de popular. A técnica de registro foi a videografia. A transcrição dos dados videografados teve por base a sequencialidade e temporalidade da interação e a organização da própria atividade. A análise realizada teve por objetivos (a) identificar de que forma os pares categoriais macho/fêmea; homem/mulher; heterossexual/homossexual foram categorizados pelos integrantes do grupo a partir de um contexto paródico e, (b) identificar de que forma os pares categoriais dicotômicos – macho/fêmea (sexo); homem/mulher (gênero); heterossexual/homossexual (sexualidade) são reproduzidos ou desestabilizados via paródias. Nesta análise focalizamos: a) a forma como os participantes discutiam as categorias de sexo, gênero e sexualidade; b) a seleção e o tratamento dado às categorias pessoais durante a discussão e; c) a trajetória discursiva das categorias em análise. Também fizemos uso das categorias de análise das abordagens Pós-Estruturalistas/Teoria Queer sobre a sexualidade. Quanto ao primeiro objetivo encontramos como resultado um processo contínuo de construção de subtópicos e ou recategorizações que teve como tópico central homossexualidades e o mundo parodiado, subdividido nos subtópicos e ou categorias: (a) vida engraçada/cômica; (b) programas de humor ; (c) ser pintoso e (d) mulher em um corpo de um homem ou um homem no corpo de uma mulher. Em relação ao segundo, a análise revelou que do conjunto das categorias produzidas pelo grupo focal recategorizadas, duas foram reproduzidas e quatro foram desestabilizadas. Esses resultados corroboram a hipótese levantada de que, o processo de condensação de sentidos em relação às categorias da heteronormatividade dos homossexuais não é, simplesmente, uma réplica dos modelos preestabelecidos sobre as categorias hegemônicas de sexo, gênero e sexualidade, uma vez que a existência de uma dimensão contingencial atualiza a instabilidade constitutiva das categorias sociais. Dessa maneira, a ambivalência – constituinte dessas paródias – possibilitou a condensação de sentidos, seja na reprodução ou desestabilização das categorias dicotômicas de sexo, gênero e sexualidade. Por fim, no quadro mais geral da Teoria Social, o presente estudo contribui na consideração das contingências no estudo da realidade social.
6

Do glamour à política: Janaína Dutra em meandros heteronormativos / From glamor to politics: Janaína Dutra in heteronormative meanders

Sampaio, Juciana de Oliveira 13 July 2015 (has links)
Submitted by Rosivalda Pereira (mrs.pereira@ufma.br) on 2017-06-08T18:30:04Z No. of bitstreams: 1 JucianaSampaio.pdf: 10195695 bytes, checksum: d1cd06b6cf6f41e5a3d8b3f47216ff9c (MD5) / Made available in DSpace on 2017-06-08T18:30:04Z (GMT). No. of bitstreams: 1 JucianaSampaio.pdf: 10195695 bytes, checksum: d1cd06b6cf6f41e5a3d8b3f47216ff9c (MD5) Previous issue date: 2015-07-13 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / This thesis focuses on the discussion of the constitution of travestis in the midst of the heteronormativity, analyzing social processes of development of knowledge, categorizations and practices aimed to summarize the experience of these subjects in their gender performances, with centrality in the life experience of Janaina Dutra (1960 -2004), an activist from Ceará considered the "first travesti lawyer in Brazil." Guided by the theoretical frameworks of gender, feminist and queer studies, I rebuild the life experience of this travesti in amid the analysis of normalization, which asks how is established the borders of difference. Understanding that the heteronormativity regulates the lives of individuals and that the social order is a sexual order, I call attention to the constitution of gender in the organization of social relations and how these differentiation axes are related to other social markers such as region, ethnicity, nationality, religion, social class. With this research, I intend to show, among other things, that the subjects are unstable and indeterminate, far from being fixed and self-evident. / Esta tese tem como foco a discussão sobre a constituição de travestis em meio à heteronormatividade, analisando processos sociais de elaboração de conhecimentos, categorizações e práticas direcionadas a encerrar a experiência desses sujeitos em suas performances de gênero, com centralidade na vivência de Janaína Dutra (1960-2004), ativista cearense considerada a “primeira travesti advogada no Brasil”. Guiada pelos referenciais teóricos de gênero, feministas e queer reconstruo a experiência de vida dessa travesti em meio a uma analítica da normalização, que interroga como se dá o estabelecimento de fronteiras da diferença. Entendendo que o padrão heteronormativo regula a vida dos sujeitos e que a ordem social é uma ordem sexual, chamo a atenção para a constituição do gênero na organização das relações sociais e para como esses eixos de diferenciação se relacionam com outros marcadores sociais, como região, etnia, nacionalidade, religião, classe social. Com essa investigação pretendo mostrar, entre outros elementos, que os sujeitos são construções instáveis e indeterminadas, longe de serem fixas e autoevidentes.
7

(AS)Sexualidades: processo de subjetivação e resistência

Santos, Valéria Konc dos 03 October 2016 (has links)
Submitted by Filipe dos Santos (fsantos@pucsp.br) on 2016-11-29T11:28:42Z No. of bitstreams: 1 Valéria Konc dos Santos.pdf: 727860 bytes, checksum: 8d8b61e24491b13f861608825f5e02cc (MD5) / Made available in DSpace on 2016-11-29T11:28:42Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Valéria Konc dos Santos.pdf: 727860 bytes, checksum: 8d8b61e24491b13f861608825f5e02cc (MD5) Previous issue date: 2016-10-03 / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico / The term asexuality is understood in this work as a sexuality array characterized by the absence of sexual attraction or/and sexual activity. Asexuality has become of popular interest over the last years as the mainstream media has given some attention to the subject. Seen as a “novelty” in sexual multiplicities, it still needs further research. This dissertation embraces a theoretical investigation, approaching the locus of communities in virtual space and support forums. It addresses the problem of conceptualization and apprehension of asexuality in a context which many of its features are tangled in essentialist discourses (that define it as a fourth sexual orientation), political and identity discourses (especially when it becomes a movement fighting for recognition — observed in the major asexual communities), or in subject's singular processes. On the other hand, it also can be problematized through the queer approach directed at deconstructing and subverting heteronormative sexuality, as asexuality phenomena also strengthens the struggle and creation of that “new” that disturbs the status quo. People who think of themselves as asexual are beyond the limits of normative sexuality. They affirm that their condition is not a result of trauma, sexual repression, hormonal problems, religious choice, or explained by any other regulatory discourse. Thus, the discussion proposed here indicates that asexual people show rhizomatic and polymorphic sexuality. Although asexuality is encompassed in historical and social conditions that still nourish conservative and colonial thoughts, the conclusion of this work suggests that sexuality may be viewed as a line of flight and, therefore, it entails a micro-political force that struggles to prevent its own suppression as well as its weakening / humana caracterizada pela ausência de atração sexual e/ou ato sexual, vêm se popularizando nas grandes mídias, causando curiosidade e estranheza. Por ser considerada uma “novidade” dentro das multiplicidades sexuais, a assexualidade ainda carece de estudos mais profundos sobre o tema. Esta dissertação faz uma revisão bibliográfica, enfatizando o espaço virtual, lócus de comunidades e fóruns de apoio entre seus membros. A análise sobre o tema, discute sua difícil conceituação e entendimento, sobretudo porque vários aspectos se fundem a discursos essencialistas (quando é caracterizada como uma quarta orientação sexual), políticos e identitários (sobretudo quando se torna um movimento que luta por reconhecimento, tal como observado nas principais comunidades assexuais), até aos processos singulares do sujeito. Por outro lado, também pode ser problematizada através da abordagem queer, que atua na desestabilização e desconstrução da sexualidade heteronormativa, princípio que também se aplica a assexualidade enquanto um fenômeno que atua na resistência e na criação de um “novo” que perturbe o status quo. As pessoas que se autodenominam como assexuais, fogem do padrão da sexualidade normativa e enfatizam que sua condição como tal não está atrelada a traumas, repressão sexual, problema hormonal, escolha religiosa ou qualquer outro discurso regulatório. Desse modo, a discussão provocada sugere que os assexuais apresentam uma sexualidade rizomática e polimorfa. E a conclusão compreende que a assexualidade, apesar de estar elencado a fatores históricos e sociais de uma sociedade que ainda exibe resquícios de um pensamento conservador e colonial, também é uma linha de fuga e, nesse sentido, se modela como uma força micropolítica, que busca não permitir seu esmagamento e tampouco seu esvaecimento
8

Homens parceiros de transexuais: diálogo fenomenológico de vivências afetivo-sexuais / Men in a relationship with a transsexual: a phenomenological dialogue of affective-sexual experiences.

Milene Soares 20 April 2012 (has links)
Na presente dissertação, buscamos situar e (re)conhecer as características típicas do cenário contemporâneo por acreditar que a visibilidade do fenômeno Como são as vivências afetivo- sexuais de homens parceiros de transexuais? encontrou possibilidade de manifestação no contexto da pós-modernidade. Em seguida, mergulhamos nos horizontes em que as diversidades afetivo-sexuais vêm sendo investigadas pelas diferentes áreas do conhecimento científico, tais como a psiquiatria, a sociologia, a psicologia etc. E, apoiadas nesse arcabouço de conhecimento, elegemos a perspectiva da fenomenologia merleaupontyana com o intuito de compreender o existir humano da perspectiva mundana da encarnação corporal e de intersubjetividade. Assim, o presente trabalho tem como objetivo conhecer a história de vida de homens que se relacionam com transexuais para compreender os significados atribuídos por eles às suas vivências afetivo-sexuais. Para realizar tal intento entrevistamos cinco homens que se relacionam com transexuais a partir da questão norteadora: Fale para mim acerca de seus relacionamentos afetivo-sexuais no decorrer de sua vida. Para a análise dos relatos, utilizamos a metodologia qualitativa fenomenológica, que consiste na leitura e releitura dos relatos, discriminação das unidades de significados, elaboração de categorias e identificação das convergências e divergências nos discursos. A compreensão dos relatos foi feita a partir da perspectiva merleupontyana num interdiálogo com perspectivas teóricas biológicas, psicológicas e sócio-culturais. Na análise dos relatos, foram destacadas as seguintes categorias de significados: 1) Nos horizontes da família; 2) Vivências heteroafetivas-sexuais; 3) Vivências homoafetivas-sexuais; 4) Transições e descobertas: orientação e identidade sexual; 5) Nos horizontes da homofobia; 6) A vivência afetivo-sexual com uma transexual; 7) Projeto de vida. Encontramos que a vivência de um relacionamento afetivo-sexual contribui para importantes esferas de produção de sentido existencial, como a construção de um modo conjunto de ver o mundo e se ver enquanto indivíduo. Dar voz aos parceiros de transexuais contribui para deslocar o paradigma da heteronormatividade responsável pelas angústias, medos e estigmas por eles vivenciados enquanto se possibilita a visibilidade das múltiplas possibilidades de vivência da sexualidade. / The present work seeks to locate and recognize/learn characteristics that are typical of the contemporaneity once we believe the visibility of such phenomena as What are the affective- sexual experiences of t-lovers? has been enabled in the post-modern scenario. We then dive into the horizons in which the affective-social diversities have been investigated by the various fields of knowledge, as psychiatry, sociology, psychology etc. Supported by such knowledge base, we elected the phenomenological perspective of Merleau-Ponty as to understand humane existence from the world perspective of body reincarnation and subjectivity. Therefore, we aim to learn the life history of those men who maintain a relationship with transsexuals with the objective of understanding the meanings they attribute to their affective-sexual experiences. We thus interviewed five men in a current relationship with a transsexual to report their views triggered by the following prompt: Tell me about your affective-sexual relationships along the years. We analyzed these mens reports through the qualitative phenomenological methodology, which consists of reading and rereading the reports, identifying the units of meaning, establishing the analysis categories and identifying the convergent and divergent aspects among our collaborators reports. The reports were analyzed through the perspective of Merleu-Ponty in an interdialogue with the biological, psychological and social-cultural theoretical perspectives, among others. The following units of meaning emerged from the reports: 1) In the familys horizon 2) Heteroaffective-sexual experiences; 3) Homoaffective-sexual experiences 4) Transits and discoveries: sexual orientation and identity; 5) In the horizons of homophobia; 6) The affective-sexual experience with a transsexual; 7) Life projects. We found that the experience of an affective-sexual relationship contributes to important spheres of production of existential meaning, such as the creation of a set of ways of regarding the world and oneself as an individual. Moreover, granting t-lovers a voice contributes to displacing the heteronormativity paradigm generator of the anguishes, fears and stigmas they experience as we enable the visibility of the multiplicity of sexual experiences.
9

IdentitÃs ( RE ) voilÃe : CONSTRUCTION DE Characters HomoÃrotiques EN ouver O Ateneu , de Raul Pompeia , ET BOM CRIOULO, Adolfo Caminha / Identidades (re)veladas: a construÃÃo dos personagens homoerÃticos nas obras O Ateneu, de Raul PompÃia, e Bom Crioulo, de Adolfo Caminha

Witallo da Cruz Fontineles 24 September 2015 (has links)
nÃo hà / Ce travail a pour objectif de vÃrifier la relation existante dans la figure des personnages non hÃtÃrosexuels à la fin du XIXe siÃcle en utilisant la ThÃorie et la Critique LittÃraire FÃministe (SCHMIDT 1995; THOME 2004) la Sociologie (FOUCAULT 2002) et lâHistoire Culturelle (DOVER 2007) comme forme de complÃment pour la recherche De cette faÃon pour ce thÃme nous avons choisi les oeuvres O Ateneu (1888) de Raul Pompeia et Bom-Crioulo (1895) de Adolfo Caminha Ces oeuvres prennent pour thÃme tangentiel ou principal lâhomosexualità masculine Nous avons analysà les reprÃsentations des identitÃs homo-affectives dans le contexte socio-historique et dans les discours mÃdical psychanalytique et religieux avec la reprÃsentation de lâhomosexuel dans les oeuvres analysÃes Nous avons lâintention de comprendre quelles sont les raisons qui ont conduit lâhomosexuel à Ãtre poursuivi et pathologisà pendant lâhistoire de lâOccident et comme les Ãcrivains du rÃalisme et du naturalisme ont reprÃsentà ces sujets dans leurs oeuvres Lâanalyse de lâespace se distingue puisque dans les deux narratives le dÃsir homo-affectif commence dans les espaces clos exclusifs aux hommes La relation entre la sociÃtà et le soi et lâautre sont des facteurs fondamentaux pour la construction de lâidentità non hÃtÃrosexuel. / O presente trabalho tem como foco verificar a relaÃÃo existente na figura dos personagens nÃo heterossexuais em fins do sÃculo XIX utilizando a Teoria e CrÃtica LiterÃria Feminista(SCHMIDT 1995; THOME 2004), Sociologia (FOUCAULT 2002) e a HistÃria Cultural (DOVER 2007) como forma de complemento para a pesquisa Dessa forma, para o presente tema foram escolhidas as obras O Ateneu (1888) de Raul Pompeia e Bom-Crioulo (1895) de Adolfo Caminha As obras em questÃo tÃm como tema tangencial ou principal a homossexualidade masculina Analisamos as representaÃÃes de identidades homoafetivas no contexto do final do sÃculo XIX Partindo de conceitos literÃrios sociolÃgicos e histÃricos e confrontando o contexto sÃcio histÃrico e os discursos mÃdico psicanalÃtico e religioso com a representaÃÃo do homossexual nas obras em anÃlise pretendemos entender quais motivos que levaram o homossexual a ser perseguido e patologizado durante a histÃria do Ocidente e como os escritores de literatura realista e naturalista representaram esses sujeitos em suas obras A anÃlise do espaÃo ganha destaque uma vez que em ambas narrativas os desejos homoafetivos se iniciam em espaÃos fechados exclusivos para homens A relaÃÃo entre sociedade o eu e o outro sÃo fatores fundamentais para construÃÃo da identidade nÃo heterossexual
10

Homens parceiros de transexuais: diálogo fenomenológico de vivências afetivo-sexuais / Men in a relationship with a transsexual: a phenomenological dialogue of affective-sexual experiences.

Soares, Milene 20 April 2012 (has links)
Na presente dissertação, buscamos situar e (re)conhecer as características típicas do cenário contemporâneo por acreditar que a visibilidade do fenômeno Como são as vivências afetivo- sexuais de homens parceiros de transexuais? encontrou possibilidade de manifestação no contexto da pós-modernidade. Em seguida, mergulhamos nos horizontes em que as diversidades afetivo-sexuais vêm sendo investigadas pelas diferentes áreas do conhecimento científico, tais como a psiquiatria, a sociologia, a psicologia etc. E, apoiadas nesse arcabouço de conhecimento, elegemos a perspectiva da fenomenologia merleaupontyana com o intuito de compreender o existir humano da perspectiva mundana da encarnação corporal e de intersubjetividade. Assim, o presente trabalho tem como objetivo conhecer a história de vida de homens que se relacionam com transexuais para compreender os significados atribuídos por eles às suas vivências afetivo-sexuais. Para realizar tal intento entrevistamos cinco homens que se relacionam com transexuais a partir da questão norteadora: Fale para mim acerca de seus relacionamentos afetivo-sexuais no decorrer de sua vida. Para a análise dos relatos, utilizamos a metodologia qualitativa fenomenológica, que consiste na leitura e releitura dos relatos, discriminação das unidades de significados, elaboração de categorias e identificação das convergências e divergências nos discursos. A compreensão dos relatos foi feita a partir da perspectiva merleupontyana num interdiálogo com perspectivas teóricas biológicas, psicológicas e sócio-culturais. Na análise dos relatos, foram destacadas as seguintes categorias de significados: 1) Nos horizontes da família; 2) Vivências heteroafetivas-sexuais; 3) Vivências homoafetivas-sexuais; 4) Transições e descobertas: orientação e identidade sexual; 5) Nos horizontes da homofobia; 6) A vivência afetivo-sexual com uma transexual; 7) Projeto de vida. Encontramos que a vivência de um relacionamento afetivo-sexual contribui para importantes esferas de produção de sentido existencial, como a construção de um modo conjunto de ver o mundo e se ver enquanto indivíduo. Dar voz aos parceiros de transexuais contribui para deslocar o paradigma da heteronormatividade responsável pelas angústias, medos e estigmas por eles vivenciados enquanto se possibilita a visibilidade das múltiplas possibilidades de vivência da sexualidade. / The present work seeks to locate and recognize/learn characteristics that are typical of the contemporaneity once we believe the visibility of such phenomena as What are the affective- sexual experiences of t-lovers? has been enabled in the post-modern scenario. We then dive into the horizons in which the affective-social diversities have been investigated by the various fields of knowledge, as psychiatry, sociology, psychology etc. Supported by such knowledge base, we elected the phenomenological perspective of Merleau-Ponty as to understand humane existence from the world perspective of body reincarnation and subjectivity. Therefore, we aim to learn the life history of those men who maintain a relationship with transsexuals with the objective of understanding the meanings they attribute to their affective-sexual experiences. We thus interviewed five men in a current relationship with a transsexual to report their views triggered by the following prompt: Tell me about your affective-sexual relationships along the years. We analyzed these mens reports through the qualitative phenomenological methodology, which consists of reading and rereading the reports, identifying the units of meaning, establishing the analysis categories and identifying the convergent and divergent aspects among our collaborators reports. The reports were analyzed through the perspective of Merleu-Ponty in an interdialogue with the biological, psychological and social-cultural theoretical perspectives, among others. The following units of meaning emerged from the reports: 1) In the familys horizon 2) Heteroaffective-sexual experiences; 3) Homoaffective-sexual experiences 4) Transits and discoveries: sexual orientation and identity; 5) In the horizons of homophobia; 6) The affective-sexual experience with a transsexual; 7) Life projects. We found that the experience of an affective-sexual relationship contributes to important spheres of production of existential meaning, such as the creation of a set of ways of regarding the world and oneself as an individual. Moreover, granting t-lovers a voice contributes to displacing the heteronormativity paradigm generator of the anguishes, fears and stigmas they experience as we enable the visibility of the multiplicity of sexual experiences.

Page generated in 0.1291 seconds