• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 145
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • Tagged with
  • 145
  • 145
  • 44
  • 43
  • 40
  • 36
  • 24
  • 22
  • 21
  • 21
  • 21
  • 20
  • 16
  • 13
  • 11
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Redes sociais de adolescentes em contexto de vulnerabilidade social e sua relação com os riscos de envolvimento com o tráfico de drogas / Social networks of adolescents in the context of social vulnerability and its relation to the risks of involvement with drug trafficking

Pereira, Sandra Eni Fernandes Nunes January 2009 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2009. / Submitted by Elna Araújo (elna@bce.unb.br) on 2010-04-07T20:00:36Z No. of bitstreams: 1 2009_SandraEniFernandesNPereira.pdf: 1632802 bytes, checksum: 1f2bfc60eec3b0492e07e7ea776827da (MD5) / Approved for entry into archive by Lucila Saraiva(lucilasaraiva1@gmail.com) on 2010-05-03T20:57:11Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2009_SandraEniFernandesNPereira.pdf: 1632802 bytes, checksum: 1f2bfc60eec3b0492e07e7ea776827da (MD5) / Made available in DSpace on 2010-05-03T20:57:11Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2009_SandraEniFernandesNPereira.pdf: 1632802 bytes, checksum: 1f2bfc60eec3b0492e07e7ea776827da (MD5) Previous issue date: 2009 / O presente trabalho aborda o tema das redes sociais de adolescentes em contexto de vulnerabilidade social e sua exposição ao tráfico de drogas e à violência. Foi definido como objeto da pesquisa o estudo do processo de construção das relações nos diferentes espaços de socialização do adolescente – a família, a escola, entre pares – e sua relação com os riscos de envolvimento com o tráfico de drogas e a violência, identificando e descrevendo a trama relacional complexa que os envolve. Foi tomado como referencial teórico a escola de Psicossociologia Francesa, a qual compreende os grupos e instituições como espaços privilegiados para a investigação dos processos de afiliação e desafiliação social, e os vínculos como parte da identidade-em-contexto do sujeito, respeitando a singularidade e a capacidade de evolução e de aprendizagem de cada um. Diante da complexidade do tema em questão, essa primeira base teórica e conceitual foi complementada, numa proposta de diálogo e aproximação com outros referenciais teóricos, como o Sistêmico. Foi utilizada a metodologia qualitativa de pesquisaintervenção com adolescentes entre 14 e 18 anos, de ambos os sexos, de uma escola pública do DF. Os instrumentos utilizados no trabalho de campo foram entrevistas individuais semi-estruturadas e grupo focal. As entrevistas foram gravadas e o grupo focal foi filmado. Após o registro, as gravações e filmagens foram transcritas na íntegra e analisadas utilizando o método de análise construtivo-interpretativo. A análise resultou na construção das seguintes Zonas de Sentido: “A autoridade líquida”, “Da interrupção dos grupos potenciais à afiliação aos grupos de passagem ao desvio” e “Os grupos de sobrevivência”. A discussão dessas Zonas aponta para os caminhos tortuosos percorridos pelo adolescente no processo de construção de suas relações rumo à inserção nos grupos de risco. Essa discussão amplia-se nos vínculos societais, partindo de uma perspectiva macro-social. Nesta perspectiva, compreende-se que a exclusão gerada pelos princípios da lógica consumista em camadas da população, que estão em situação de vulnerabilidade social, afeta os processos de filiação e afiliação do adolescente, fragilizando suas relações já existentes e dificultando a formação de novas relações mais sólidas e efetivas, o que ocasiona sua inserção em grupos de risco, como o tráfico de drogas. Desta forma, as possibilidades de mudanças efetivas são pensadas no sentido da inclusão de processos de reconhecimento que legitimem o sujeito na sua humanidade. _________________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The present work addresses the theme of the social networks of adolescents in the context of social vulnerability and their exposure to drug trafficking and to violence. It was defined as the object of this research the study of the construction process of the relationships in different areas of the adolescent socialization - the family, the school, between peers - and its relation to the risks of involvement with drug trafficking and violence, identifying and describing a complex relational plot that involves them. It was taken as the theoretical referential the school of French Psychosociology, which includes the groups and institutions as privileged forums for investigating the processes of social affiliation and disaffiliation, and the bonds as part of the identity in the context of the subject, respecting the uniqueness and the ability of each one to develop and learn. Given the complexity of the issue in question, the first conceptual and theoretical basis has been supplemented, in a proposal for dialogue and rapprochement with other theoretical referentials, such as the Systemic. We used the qualitative methodology of research-intervention with adolescents between 14 and 18 years old, of both genders, from a public school of the DF. The instruments used in the fieldwork were semistructured individual interviews and focus group. The interviews were recorded and the focus group was filmed. After the registration, the recordings and films were fully transcribed and analyzed using the constructive-interpretation analysis method. The analysis resulted in the construction of the following Areas of Sense: "The net authority", "From the interruption of the potential groups to the affiliation to groups of transition to the deviation" and "The groups of survival". The discussion of these Zones points to the tortuous paths taken by the adolescent in the construction process of his/hers relationships towards the inclusion in risk groups. This discussion expands in the societal ties, starting from a macro-social perspective. In this perspective, it is understood that the exclusion generated by the principles of the consumerist logic in sectors of the population, who are in a situation of social vulnerability, affects the processes of membership and affiliation of the adolescent, weakening its existing relationships and hindering the formation of new stronger and more effective relationships, which causes his/hers inclusion in risk groups, such as drug trafficking. Thus, the possibilities for effective changes are thought to include recognition processes that legitimize the subject in its humanity.
2

O desenvolvimento do conceito de probabilidade em pré-adolescentes e adolescentes

Paiva, Maria das Graças Vasconcelos de 30 November 1981 (has links)
Submitted by Beatriz_ Estagiaria (marcianb@ig.com.br) on 2012-04-10T19:50:15Z No. of bitstreams: 1 000018685.pdf: 4402807 bytes, checksum: 30aab295ed5a0a3bb80e29c23b8ac5ab (MD5) / Made available in DSpace on 2012-04-10T19:50:41Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000018685.pdf: 4402807 bytes, checksum: 30aab295ed5a0a3bb80e29c23b8ac5ab (MD5) / Este trabalho, baseado na teoria de Jean Piaget sobre o desenvolvimento do pensamento adolescente, visa continuar a mesma linha de investigação no que se refere à aquisição do conceito de probabilidade. O conceito de probabilidade na teoria piagetiana representando a intercepção do real e do possível, foi submetido, neste trabalho, a uma análise crítica e a um projeto de verificação experimental. Em termos teóricos, a crítica orientou-se para a relação entre os canais sensoriais receptores de informação e a organização do nível formal que permite elaborar relações de probabilidade. Importante papel foi atribuído ao estudo da manipulação - expressão direta da ação em seus níveis primordiais - como fator determinante de elaboração específica nas relações de probabilidade. Uma segunda vertente sociogênica do problema foi analisada em termos do nível sócio-econômico como fator que influencia o desenvolvimento do pensamento formal e especificamente a aquisição do conceito de probabilidade. Em termos de verificação experimental, constatou se a possibilidade de se definirem diversos estágios de desenvolvimento, chegando-se a classificar, de modo geral, os sujeitos em: aqueles que ainda não possuem habilidade de pensamento para solução de problema de probabilidade, aqueles que já apresentam tal habilidade, porém, são incapazes de generalização, e outros, em menor parte, que têm estabelecidas as estruturas operatórias do período lógico formal. Dentre estes grupos somente o último faz uso sistemático de estratégias corretas e corresponde aos sujeitos adolescentes do sexo masculino. Isto mostra que existe uma diferença nos resultados devido às diferenças sexuais a favor do sexo masculino e que a capacidade de lidar com relações probabilísticas se torna mais organizada e estruturada com o avanço da idade dos sujeitos. As variáveis ambientais exercem influência no rendimento do sujeito, os resultados variam de acordo com o meio socio econômico, favorecendo os de nível superior, isto é, permitindo-lhes um desenvolvimento normal. / This work, based on JEAN PIAGET'S theory on the development of adolescent thinking, aims to continue in the same line of investigation in relating to the acquisition of the concept of probability. The concept os probability in PIAGET'S theory, representing the interception of the real and the possible, was submitted to critical analysis and experimental verification. Theoretically, he critique oriented on the relation between the information sensory receptor canals and the organisation of standard levels that allow the elaboration of the relations of probability. An important role was attributed to the study of manipulation - a direct expression of action primary levels -as the determining factor of the specific elaboration in the relations of probability. A secondary social approach to the problem was analysed considering the socio-economic level as the factor influencing the development of formal thinking and specifically the acquisition of the concept of probability. Experimentally it verified the possibility of defining several different degrees of development; generally classified as follows: (i) subjects who do not have the thinking ability to solve a problem of probability, (ii) subjects although having such an ability are incapable of generalisation, (iii) subjects who possess on operational structure of logical formal thinking. Amongst these groups the latter, representing a minority, and all male adolescents, is the only one that uses systematically the correct strategies. This shows that there is a difference between the sexes, favouring the males in that capability of dealing with probabilistic problems becomes more organized and structured as they grow older. Various enviromental factors influence the output of the individual, the results vary with the socio-economic level, favouring the ones of higher standards, it allowing their normal development.
3

Comportamento de escolha em adolescentes em conflito com a lei : o efeito do atraso e da probabilidade de consequências hipotéticas

Holanda, Ariela Oliveira 27 February 2012 (has links)
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Programa de Pós-Graduação em Ciências do Comportamento, 2012. / Submitted by Alaíde Gonçalves dos Santos (alaide@unb.br) on 2012-05-30T11:33:28Z No. of bitstreams: 1 2012_ArielaOliveiraHolanda.pdf: 1425664 bytes, checksum: 5a95412602c6f9d719a7a4a378ddec57 (MD5) / Approved for entry into archive by Marília Freitas(marilia@bce.unb.br) on 2012-05-30T11:48:24Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2012_ArielaOliveiraHolanda.pdf: 1425664 bytes, checksum: 5a95412602c6f9d719a7a4a378ddec57 (MD5) / Made available in DSpace on 2012-05-30T11:48:24Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2012_ArielaOliveiraHolanda.pdf: 1425664 bytes, checksum: 5a95412602c6f9d719a7a4a378ddec57 (MD5) / Vinte e quatro adolescentes em cumprimento de Medida Socioeducativa de Internacao foram submetidos a escolhas hipoteticas entre cumprir, por um periodo mais curto, uma das quatro Medidas Socioeducativas previstas no ECA (Prestacao de Servicos a Comunidade, Liberdade Assistida, Semiliberdade e Internacao) imediatamente ou com certeza ou cumpri-la com algum atraso ou com alguma chance por um periodo mais longo. Foram utilizados atrasos variando de 3 meses a 10 anos e probabilidades de 10% a 90%. Os participantes foram divididos em dois grupos: primarios que cumpriam a Medida ha menos tempo (Grupo 1) e reincidentes e/ou que cumpriam Internacao ha mais tempo (Grupo 2). Para as escolhas envolvendo atraso, de forma geral, os participantes apresentaram uma tendencia a manter os valores subjetivos do cumprimento atrasado da Medida aproximadamente constantes com o aumento no atraso, ao passo que, com as escolhas envolvendo probabilidade, observou-se uma tendencia a diminuicao no valor subjetivos do cumprimento probabilistico da Medida com o aumento das chances contra, sem diferencas sistematicas para um mesmo participante entre as curvas obtidas para as diferentes Medidas. Analises dos modelos hiperbolico e potencia descreveram os dados individuais nas escolhas com probabilidade, mas nao com atraso. Nas escolhas com atraso, os participantes tenderam a nao descontar a duracao da Medida. Com os dados de grupo, o Grupo 2 obteve menor taxa de desconto para a Medida de Internacao que o Grupo 1, sendo que este ultimo apresentou taxas de desconto maiores que o primeiro para todas as outras Medidas, exceto para a Liberdade Assistida. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT / Twenty-four adolescents under Confinement as a Socio-Educational Measure were submitted to hypothetical choices between fulfill, by a smaller period of time, one of those Brazilian Socio-Educational Measures set in Child and Adolescent Statute (Community Services, Probation, Semi-Freedom, and Confinement) immediately or for sure, or by a longer period after some delay/according to specified chances. There were used delays ranging from 3 months to 10 years and probabilities from 10% to 90%. The participants were assigned to one of two groups: Primaries who were less time confined (Group 1); or recurrent/confined for a longer time (Group 2). In general, with choices involving delay, the participants showed subjective values of the delayed Measure fulfillment, approximately constants, as the delay was increased, while in choices involving probability, it was observed a tendency to diminish the subjective value with increases in the odds against to fulfill the Measure. Otherwise, there were no systematic differences in the subjective values among differing Measures. The analyses of hyperbolic and power models described individual data in probabilistic choices, but no in intertemporal ones. In the intertemporal choices, the participants tended to show no discount rates. For group data, Group 2 obtained higher discount rates for Confinement than Group 1, and this one had higher discount rates than Group 2 for all other Measures, except for Probation.
4

Filhos do desamparo, filhos que amparam : significações sobre a parentalidade de adolescentes-pais em medida de liberdade assistida

Cestari, Dina Mara January 2008 (has links)
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Departamento de Psicologia Clínica, 2008. / Submitted by Diogo Trindade Fóis (diogo_fois@hotmail.com) on 2009-09-17T12:20:06Z No. of bitstreams: 1 2008_DinaMaraCestari.pdf: 1463332 bytes, checksum: ad841b4c182925126ddc1a3dcc422566 (MD5) / Approved for entry into archive by Luanna Maia(luanna@bce.unb.br) on 2009-09-22T13:20:43Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2008_DinaMaraCestari.pdf: 1463332 bytes, checksum: ad841b4c182925126ddc1a3dcc422566 (MD5) / Made available in DSpace on 2009-09-22T13:20:43Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2008_DinaMaraCestari.pdf: 1463332 bytes, checksum: ad841b4c182925126ddc1a3dcc422566 (MD5) Previous issue date: 2008 / Esta pesquisa teve como objetivo compreender as significações sobre a parentalidade - prática de ambos os pais com os cuidados corporais e psíquicos do bebê - de adolescentes do sexo masculino, em medida de Liberdade Assistida. O enfoque teórico é psicanalítico, articulando-se com contribuições da psicossociologia francesa e da terapia familiar sistêmica. O estudo foi desenvolvido a partir de um projeto de intervenção-pesquisa, denominado Projeto Fênix na Comunidade que atendeu adolescentes em medida de Liberdade Assistida e suas famílias, em uma instituição do Distrito Federal. A investigação priorizou a análise de entrevistas individuais, semidirigidas, realizadas com 11 adolescentes que viviam a experiência de ter gerado um filho. Como fonte de dados complementares foram utilizados entrevistas com familiares e com profissionais responsáveis pela execução da medida, observação participante e análise dos prontuários dos adolescentes. A análise construtivo-interpretativa das entrevistas revelou cinco zonas de sentido assim denominadas: (i) O filho como parceiro do processo de resiliência do adolescente; (ii) A parentalidade como um processo sistêmico e construído no contexto da família; (iii) A nostalgia do "pai presente" na concepção do papel de pai do adolescente-pai em Medida de Liberdade Assistida; (iv) O desamparo como herança transgeracional e (v) Conflitos e possibilidades da parentalidade na adolescência. O estudo indica que a parentalidade - dos adolescentes em medida de Liberdade Assistida - não se configura apenas como um fator adicional de risco, mas, desde que compartilhada, pode ser uma experiência transformadora e gratificante. Conclui-se que o projeto de ser pai torna-se, paradoxalmente, estruturante, na medida em que passa a significar um projeto de vida portador de esperança em face do desamparo afetivo e social predominante em suas vidas. _________________________________________________________________________________ ABSTRACT / The present study has as objective the understanding of the significances about parentality – the practice of parents with psychic and corporal care of a baby – of male adolescent, on condition of Assisted Liberty (on parole-like judicial measure applied to adolescent in Brazil). The theoretical focus is psychoanalytical, articulated with contributions from the French psycho-sociology and from systemic family therapy. The study was developed from a project of research-intervention called “Projeto Fênix na Comunidade” that assisted adolescents and their families on condition of Assisted Liberty, in an institution of the Federal District. The investigations prioritized analyses of semi-directed individual interviews, with 11 adolescents who have generated children. As complementaries data, both family interviews and interviews with professionals responsible for the execution of measurements and participating observations, were taken, with the help of analysis of the adolescent handbooks. Constructive-interpretative analysis of the interviews revealed five sense zones thus denominated: (i) Son as a partner of the adolescent resilience process; (ii) Parentality as a systemic and constructed process in the family context; (iii) The nostalgia of “the present father” in the conception of the paternity role of the adolescent-father in condition of Assisted Liberty; (iv) Destitution as a transgeneration heritage; (v) Conflicts and possibilities of parentality in adolescence. This study displays that parentality – of adolescent on condition of Assisted Liberty – does not signify an additional risk factor but, once shared, can become a transforming and gratifying experience. The conclusion is that the undertaking of being a father is rather paradoxically structuring, once it becomes a hope-bearing life project, if compared with their social and affective perspectives of a future void life.
5

Psicoterapia dinamica breve : uma intervenção alternativa na preparação psicologica de tenistas infanto-juvenis

Rodrigues, Maria Carolina P 11 May 1998 (has links)
Orientador: Pedro Jose Winterstein / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação Fisica / Made available in DSpace on 2018-07-24T22:50:03Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Rodrigues_MariaCarolinaP_M.pdf: 3181099 bytes, checksum: 08c477c5991ca9ed53a557d7f9b30ba1 (MD5) Previous issue date: 1998 / Resumo: Este trabalho tem como objetivo relatar e discutir os processos de diagnóstico e intervenção psicológica de tenistas infanto-juvenis de um centro de treinamento, a partir da Psicoterapia Dinâmica Breve. Levando-se em consideração as características específicas do trabalho psicológico com tenistas infanto-juvenis, são apresentadas as principais premissas para o processo de diagnóstico e intervenção. Foram analisados três adolescentes, dois do sexo masculino e um do sexo feminino, de uma academia de tênis de Campinas na faixa etária entre 15 e 18 anos. Utilizou-se como apoio para a fase de diagnóstico o POMS (Perfil dos Estados de Humor), entrevistas e observações durante treinamentos e competições. Como técnica de intervenção foi utilizada a Psicoterapia Breve com enfoque psicanalítico. Os resultados mostram evidências de evolução na estrutura emocional dos atletas através do trabalho psicológico, trazendo como conseqüência deste processo, além do desenvolvimento e amadurecimento emocional, uma possível melhora no rendimento dos mesmos em treinos e competições. Recomendam-se novas propostas de investigação que possam diversificar a utilização desta técnica no âmbito esportivo e possibilitar o controle de outras variáveis, tais como ambiente, atuação dos técnicos, entre outros / Abstract: This study aims to relate and discuss, from the Brief Dynamic Psychotherapy, the processes of diagnosis and psychological intervention of adolescent tennis players of a training center. Considering the specific characteristics of the psychological work with adolescente tennis players, the major premises are presented for the process of diagnosis and intervention. Three adolescent were analysed, two were male and one female, from a tennis academy in Campinas, ranging from 15 to 18 years old. As a support for the diagnosis phase, the POMS (Profile of Mood States), interviews and observations were used during the trainings and competitions. The Brief Psychotherapy, with a psychoanalytic feature, was used as an intervention technic. The results show evidences of the evolution on the emotional structure trough the psychological work, bringing an emocional development and maturacional, like to possible improvement on the output of this trainings and competitions as a consequence of the process. New proposals of investigations are recommended in order to diversify the use of this technic in sports and enable the control of other variants, such as the environment, coaches atuation and so on / Mestrado / Mestre em Educação Física
6

A auto-estima do adolescente em situação de provação

Oliveira, Gislene de Campos, 1945- 15 July 2018 (has links)
Orientador : Maria Meliane Furtado Montezuma / Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação / Made available in DSpace on 2018-07-15T01:22:29Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Oliveira_GislenedeCampos_M.pdf: 23581963 bytes, checksum: f23109f430bf1e06f55eb33fb99dfa22 (MD5) Previous issue date: 1979 / Mestrado
7

Crepúsculo do adolescer : a literatura como espaço de construção subjetiva na passagem do laço familiar para o laço social / Twilight of the became adoloscence: the literature as place of subjetive construction in the passage from the family link to social bond (Inglês)

Souza, Carla Renata Braga de 31 March 2011 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:29:59Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-03-31 / This research has the prime objective the articulation between become adolescenc and Twilight Saga. We work with the assumption that the Saga has elements in its narrative to which they give grants to link of it as a metaphor for the become adolescence. We pass through the Freudian theory about adolescence,adopting, more precisely, the concept of adolescent passage, thinking this logical moment at which the subject moves toward the subjective transformations required for the exit of the family link to social bonds. The relationship between the adolescent and the literature is in the inception of this research. In this regard, we highlight the literature as a possibility for subjective constitution through the reformulation of identity and the ideals for adolescents. To do so, the dissertation consists of three axes, in which we discussed about: the construction of the adolescent concept in psychoanalysis, from the irruption of the real of the body and the psychological changes of the subject before losses and reconstructions, the closeness between the adolescent and vampire, bringing an exhibition about the Twilight Saga and a brief relationship between the adolescent and the hero, and finally we proposed a thinking on key issues of the adolescence: the subjective process that moves the subject when he leaves home through the reframing parental perspective and the promise of wholeness, in conjunction with narrative passages in the Twilight Saga. Key-words: Adolescence, Psychanalyse, Narrative, Twilight Saga, Interdisciplinary-ness. / Esta pesquisa tem por objetivo primordial a articulação entre o adolescer e a Saga Crepúsculo. Trabalhamos com o pressuposto de que a Saga traz elementos em sua narrativa, aos quais dão subsídios para pensá-la como uma metáfora do adolescer. Passamos pela teorização freudiana a respeito da adolescência, adotando, mais precisamente, o conceito de passagem adolescente, pensando este momento lógico, no qual o sujeito se move em direção às transformações subjetivas requeridas para a saída do laço familiar para o laço social. A relação entre o adolescente e a literatura está na origem desta pesquisa. A esse respeito, destacamos a literatura como uma possibilidade para a constituição subjetiva, esta através da reformulação da identificação e dos ideais para o adolescente. Para isso, a dissertação é composta de três eixos, nos quais discutimos a respeito: da construção do conceito adolescente na psicanálise, a partir da irrupção do real do corpo e das transformações psíquicas do sujeito perante perdas e reconstruções; da proximidade entre o adolescente e o vampiro, trazendo uma exposição a respeito da Saga Crepúsculo e uma breve articulação entre o adolescente e o herói; por fim, propomos uma reflexão sobre questões essenciais da adolescência: o processo subjetivo que move o sujeito em sua saída de casa, através da resignificação do olhar parental e da promessa de completude, em articulação com passagens da narrativa da Saga Crepúsculo. Palavras-chave: Adolescência. Psicanálise. Narrativa. Saga Crepúsculo. Interdisplinaridade.
8

A moda pelo olhar adolescente : o corpo midiatizado como tendência / The fashion through the eyes of adolescents: the mass media body as trend (Inglês)

Pugliese, Flávia Cecília da Silva Medeiros 16 December 2013 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-29T23:47:14Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2013-12-16 / The aim of this study was to seize basting thread between fashion and the adolescent in contemporary times, in an attempt to exalt the fashion and adolescence phenomena more as issues that deserve space in the academic area, due to the complexity, and less with reductionist explanations. The methodological procedure adopted in this research was the qualitative research based on interface with psychoanalysis and sociology, however discussing with anthropology and social communication. The subjects investigated were adolescents of both sexes, aged 13 to 17 years, high school students from the city of Fortaleza and belonging to the economic classes A1, A2 and B1, according to Economic Classification criterion assessment Brazil. The technique of data collection chosen for this investigation was the focal group. In the development of the work were surveyed, initially, the clothing and adornments as relevant elements in the meaning of individuals in their interaction with the world, existing since the most remote civilizations, which investigated the social economic cultural context that enabled the birth of fashion. Then sought to reflect on the present moment and the transformations of this period that affected directly the subjectivities of research subject, and its own variation on way to do fashion. Above this "contemporary catwalk" we analyzed the teenage condition, understanding it as a phenomenon produced socially that is subject, on the one hand, the physical transformations and reconstruction of self-image, inherent to puberty, and on the other hand, the psychic transformations of adolescent pointed out by psychoanalysis. Finally, it was highlighted the voices in common of the subject-teenager who refer to both meanings of fashion, as regards aspects of collective subjective Constitution that pass through the sets of body and the body of fashion, and by the stitching of these bodies the thresholds of fashion. Keywords: Fashion, teen, body, contemporaneity, psychoanalysis. / O objetivo desse estudo foi apreender alinhavos entre a moda e o adolescer na contemporaneidade, na tentativa de exaltar os fenômenos moda e adolescência mais como questões que merecem espaço na área acadêmica, devido à complexidade, e menos com explicações reducionistas. O procedimento metodológico adotado nesta investigação foi a pesquisa qualitativa sustentada na interface com a psicanálise e a sociologia, contudo dialogando também com a antropologia e comunicação social. Os sujeitos investigados foram adolescentes de ambos os sexos, na faixa etária de 13 a 17 anos, estudantes do ensino médio da cidade de Fortaleza e pertencentes às classes econômicas A1, A2 e B1, segundo a avaliação do Critério de Classificação Econômica Brasil. A técnica de coleta de dados escolhida para esta investigação foi o grupo focal. No desenvolvimento do trabalho foram pesquisados, inicialmente, o vestuário e os adornos como elementos relevantes na significação dos indivíduos em sua interação com o mundo, existentes desde as mais remotas civilizações, a partir dos quais se investigou o contexto socioeconômico cultural que viabilizou o nascimento da moda. Em seguida, buscouse refletir sobre o momento presente e as transformações desse período que afetaram, diretamente, as subjetividades do sujeito da pesquisa, bem como a própria variação na maneira de se fazer moda. Sobre essa passarela contemporânea analisou-se a condição adolescente, entendendo-a como um fenômeno produzido socialmente que está subordinado, por um lado, às transformações físicas e de reconstrução da autoimagem, inerentes à puberdade, e por outro lado, às transformações psíquicas do adolescer apontadas pela psicanálise. Por fim, destacaram-se as vozes em comum do sujeito-adolescente que remetem tanto aos significados da moda, quanto aos aspectos de constituição coletiva da subjetividade que passam pela moda do corpo e o corpo da moda, bem como pela costura desses corpos aos limiares da moda. Palavras-Chave: Moda, adolescente, corpo, contemporaneidade, psicanálise.
9

Adolescentes mães em contexto de vulnerabilidade social : uma perspectiva winnicottiana dos cuidados maternos e o ato de alimentar / Mothers adolescents in the context of social vulnerability: a winnicotian perspective of maternal care and the act of food (Inglês)

Moraes, Wecia Mualem Sousa de 31 August 2018 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-30T00:13:44Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2018-08-31 / The main aim of this doctoral thesis was to investigate the maternal care of adolescent mothers in social vulnerability contexts, considering the act of feeding their babies. The specific objectives of this study were: to understand the meaning of maternal care, taking into consideration how these adolescent mothers feed their babies; to analyze, through therapeutic appointments, the experience of being an adolescent mother; to describe the concept of social vulnerability and to reflect about the use of psychoanalysis. The intention of studying adolescent mothers in vulnerability is due to the immersion of the researcher at the Instituto da Primeira Infância ¿ Iprede ¿ in Fortaleza ¿ Ceará. This institute drew our attention to the association between early motherhood and its effects in child care, particularly, when it is related to the act of feeding. We considered that adolescence is market by because of puberty, specially, the one associated to logic, not, necessarily, chronological. These changes face crisis situations, which are characterized by paternal absence, as well as, by the appeal for sexual impulse. We also realized that the fact of offering listening to these teenagers, who are silenced in their suffering, helped them to name and re-signifying their distress, assuming the perspective of an unconscious person. Another important aspect was to believe in the concept that being vulnerable is something that belongs to our formation. The psychoanalysis freudwinnicottiana guided the theorical construction about maternal care and the act of feeding. Three adolescents were attended in the institute, having the therapeutic appointment as a mechanism of psychoanalysis intervention, according to Winnicott. The therapeutic appointments also prepared the inclusion of the psychoanalyst-researcher into the institute, enabling the construction of the analytical setting in the context of institutional clinic. It was possible to observe the singular listening of the healthcare institute, which is seen as a place that can produce analytical effects, stimulating the person to change its subjective position, considering the therapeutic suggestion of the clinical mechanism of therapeutic appointment. From the cases studied, we concluded that this approach brought limitations and scopes, but, in general, it relies on a psychoanalytical dimension, because it believed in a psychotherapy that leads to the thing that is desired. Thinking about our challenging practices and paraphrasing Winnicott about life and what is to live and its transitority, we support the idea that:We are all vulnerable. Keywords: Adolescence, social vulnerability, maternal care, act of feeding, psychoanalysis / Esta tese teve como objetivo geral investigar os cuidados maternos de adolescentes mães em contexto de vulnerabilidade social a partir do ato de alimentar seus filhos. Já como objetivos específicos buscamos: compreender qual o sentido dos cuidados maternos frente à alimentação dos filhos dessas adolescentes mães; analisar, a partir da realização de consultas terapêuticas, a experiência de ser adolescente mãe; descrever o conceito de vulnerabilidade social e refletir acerca de sua utilização à Psicanálise. O interesse em estudar adolescentes mães em situação de vulnerabilidade se relaciona à imersão no Instituto da Primeira Infância - Iprede -, em Fortaleza-Ceará, onde nos chamou atenção a relação entre a maternidade precoce e os seus efeitos nos cuidados com o filho, especialmente, quanto ao ato de alimentar. Os indicadores que nortearam a construção do referencial teórico foram: adolescência, vulnerabilidade social, cuidados maternos e o ato de alimentar. A adolescência foi pensada a partir do real da puberdade, especialmente de ordem lógica e não, necessariamente, cronológica. Essas mudanças são atravessadas por situações de crise, marcadas pelo afastamento da autoridade paterna, bem como pelo apelo das pulsões sexuais. Igualmente, percebemos que a gravidez é sempre da ordem do singular, apresentando nuances relativas à subjetividade de cada uma. Além disso, também pudemos observar que oferecer uma escuta a essas adolescentes, silenciadas em suas angústias, propiciou que elas pudessem nomeá-las e também ressignificá-las, colocando-as em uma perspectiva de sujeito do inconsciente. Outro aspecto importante foi acreditarmos na concepção de que ser vulnerável é próprio de nossa constituição. A psicanálise freudo-winnicottiana norteou a construção teórica acerca dos cuidados maternos e do ato de alimentar. Foram acompanhadas três adolescentes atendidas pela instituição a partir da consulta terapêutica como dispositivo de intervenção psicanalítica, conforme proposto por Winnicott. As consultas terapêuticas também balizaram a inserção da psicanalista-pesquisadora na instituição, possibilitando a construção do setting analítico no contexto da clínica institucional. Foi possível, ainda, assinalarmos a escuta do singular em instituições de saúde e assistência como possível e capaz de produzir efeitos analíticos, impulsionando o sujeito as mudanças em sua posição subjetiva, a partir da proposta terapêutica do dispositivo clínico da consulta terapêutica. A partir destes casos, concluímos que tal abordagem nos trouxe limites e alcances, mas, de forma geral, apoiou-se em uma dimensão psicanalítica por acreditar em uma psicoterapia direcionada para o que se deseja. Pensando em nossa prática desafiadora e parafraseando a questão de Winnicott sobre o que versa a vida, ao expor que é o viver e a sua transitoriedade, apostamos na máxima: Somos todos vulneráveis. Palavras-chave: adolescência, vulnerabilidade social, cuidados maternos, ato de alimentar, psicanálise.
10

A escola como cenário de narrativas da adolescência : escuta analítica de adolescentes que praticam automutilação / The school as the scenario of narratives of adolescence: analytical listening of teenagers who practice self-mutilation (Inglês)

Lopes, Lorena da Silva 13 September 2017 (has links)
Made available in DSpace on 2019-03-30T00:21:21Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2017-09-13 / The present work consisted of a study about the narratives of adolescents who practiced selfmutilation and their subjective implications in the school context, we sought to understand what the analyst does in school and how it is possible to develop clinical listening in institutions through psychoanalysis applied. Self-mutilation is a phenomenon of manipulation of the body, which involves conducts such as cutting off one's own skin, biting, beating and burning. The behaviors of self-mutilation are usually linked to the subject's first relationships with the ¿Other¿ and the conflict between them; from the internalization of this type of relationship, the adolescent inflicts pain about itself. The interest in this theme was due to this researcher acting as a school psychologist in the work with adolescents who are going through processes of distress, family context troubled, sudden changes of routine, among others. Our objectives were to analyze the self-mutilation of adolescents and their narratives in the school context, to understand the place of the psychologist in the school institution, as well as its challenges and annoyances, and to end, to characterize and reflect on the possibilities and effects of analytical listening of adolescents in school. The concepts of adolescence, anguish, body and clinical listening in the institution through extension psychoanalysis guided the integrative research of literature, as well as the issues related to school psychology and school as a space for listening and addressing adolescents in distress. Through the non-directed interview, five female adolescents were heard in a private school in Fortaleza. For the data analysis, the multiple case studies were used, which allowed to discuss the responses obtained in a singular way in each case analyzed. Thus, we observe that the adolescents approach the body as the possible one of being the mouthpiece of their anguish. We find self-mutilation as an attempt to stabilize against malaise when, in the difficulty of using the word resource, we resort to the act of scarification, which results in exposed marks on the body. There was no explicit desire for death; however, adolescents sought ways to contain their suffering through self-harm. We conclude that the school psychologist offering clinical listening, as thought by psychoanalysis, allows that corporal experiences, especially those called by adolescents and that produce self-mutilation, are in some way articulated to the word as the source of production of knowledge about itself. Keywords: Self-mutilation; Adolescence; School; Psychoanalysis. / O presente trabalho consistiu em um estudo sobre as narrativas de adolescentes que praticaram automutilação e suas implicações subjetivas no contexto escolar. Buscou-se, com isso entender o que faz o analista na escola e como é possível desenvolver a escuta clínica nas instituições por meio da psicanálise aplicada. A automutilação é um fenômeno de manipulação do corpo, que envolve condutas como cortar a própria pele, morder-se, bater-se e queimar-se. Os comportamentos de automutilação, geralmente, estão atrelados às relações primeiras do sujeito com o Outro e o conflito que se dá entre eles; a partir da internalização desse tipo de relação, o adolescente inflige dor a si mesmo. O interesse por esse tema se deu em função da pesquisadora atuar como psicóloga escolar no trabalho com adolescentes que estão passando por processos de angústia, contexto familiar conturbado, mudanças repentinas de rotina, entre outros. Nossos objetivos foram analisar a automutilação de adolescentes e suas narrativas no contexto escolar, compreender o lugar do psicólogo na instituição escolar, assim como seus desafios e incômodos, e, por fim, caracterizar e refletir sobre as possibilidade e os efeitos da escuta analítica dos adolescentes na escola. Os conceitos de adolescência, angústia, corpo e escuta clínica na instituição através da psicanálise em extensão guiaram a pesquisa integrativa de literatura, bem como as questões ligadas a psicologia escolar e a escola como espaço de escuta e endereçamento dos adolescentes em sofrimento. Por meio da entrevista não-dirigida, escutou-se cinco adolescentes do sexo feminino em uma escola da rede privada de Fortaleza. Para a análise dos dados, utilizou-se os estudos de casos múltiplos, que permitiram discutir as respostas obtidas de forma singular em cada caso analisado. Desse modo, observamos que as adolescentes abordam o corpo como aquele possível de ser o porta-voz de sua angústia. Constatamos a automutilação como uma tentativa de estabilização frente ao mal-estar, quando, na dificuldade de utilizar o recurso da palavra, recorre-se ao ato da escarificação, o que resulta em marcas expostas no corpo. Não havia um desejo explícito de morte, no entanto, as adolescentes buscavam formas de conter seu sofrimento através da autolesão. Concluímos que o psicólogo escolar oferecendo escuta clínica em extensão, tal qual pensada pela psicanálise, possibilita que as experiências corporais, sobretudo as convocadas pelo adolescer e que produzem automutilação, sejam de algum modo articuladas à palavra como fonte de produção de um saber sobre si. Palavras-chave: Automutilação; Adolescência; Escola; Psicanálise.

Page generated in 0.1096 seconds