• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 7
  • Tagged with
  • 7
  • 7
  • 4
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Blogs segundo a tipologia textual baseada em contexto

Gysel, Edelweiss Vitol January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão. Programa de Pós-graduação em Estudos da Tradução, Florianópolis, 2013 / Made available in DSpace on 2013-12-06T00:04:58Z (GMT). No. of bitstreams: 1 317917.pdf: 2562803 bytes, checksum: 74c5a0ac025d4e4750433463f75569ea (MD5) Previous issue date: 2013 / Este trabalho, filiado à pesquisa de minha co-orientadora Dra. Elaine Espíndola, realizado na Hong Kong Polytechnic University, tem como objetivo apresentar resultados de uma pesquisa desenvolvida na interface entre Linguística Sistêmico-Funcional (LSF) e Estudos da Tradução com foco em Tipologia Textual baseada em contexto. A base teórica do trabalho está assentada na proposta de 'Atividades Sócio Semióticas', representada graficamente na chamada Esfera de Atividades Sócio-Semióticas, de Matthiessen, Wu e Teruya (2007). Apresenta-se inicialmente uma coleta de dados (blogs) compilados em formato eletrônico e relativos às tipologias textuais nos contextos do português brasileiro (PB) e inglês americano (IA). A seguir, apresenta-se a classificação dos textos coletados nesses blogs com base nas 'Atividades Socio-Semióticas'. Após a classificação sócio semiótica, uma análise de transitividade é realizada com vistas a explorar a relação entre a Tipologia Textual baseada em contexto e os padrões gramaticais do sistema de transitividade que realizam os diferentes tipos textuais. Por fim os resultados dessa análise são comparados para fins de identificar diferenças e semelhanças nas configurações texto-contextuais dos dois conjuntos de textos produzidos em ambos os idiomas. Os desdobramentos dessa comparação buscarão traçar um perfil 'socio-semiótico'dos textos analisados, com vistas a fornecer um modelo de parâmetros textuais para formação de tradutores na dimensão bilíngue/ textual do desenvolvimento de suas competências <br> / This work is affiliated to the research undertaken at the Hong Kong Polytechnic University by my co advisor Dr. Elaine Espíndola. It aims at presenting the results of a research developed at the interface between Systemic Functional Linguistics (SFL) and Translation Studies about Context based Text Typology. The theoretical framework rests on the notion of "Socio Semiotic Activities" graphically represented by the Sphere of Socio Semiotic Activities proposed by Matthiessen, Wu and Teruya in 2007. First, a collection of data (texts from two blogs) from the context of Brazilian Portuguese and American English Text Typology compiled in electronic format is presented. Afterwords, the classification of the selected texts in terms of their Socio Semiotic Activities is exposed, and after this classification, an analysis of transitivity is carried out in order to explore the relation between Context based Text Typology and the grammatical different patterns of transitivity realized in differente types of texts. Lastly, the results obtained from the analysis of the texts in Brazilian Portuguese (PB) and in American English (IA) are compared aiming at identifying differences and/or similarities in the text and contextual configurations in both sets of texts produced in both languages. The unfoldings of this comparison will attempt to draw a Socio-semiotic profile of texts under study with a view to providing a framework for translators' education in what regards the development of their bilingual/textual subcompetence.
2

A preposição até como elemento integrador de eventos

Cesa, Nazaré Nunes Barbosa January 2013 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Linguística, Florianópolis, 2013. / Made available in DSpace on 2013-12-05T22:28:22Z (GMT). No. of bitstreams: 1 321675.pdf: 808384 bytes, checksum: c696b17cf3ab5801c9bdadb635b37e9a (MD5) Previous issue date: 2013 / Esta é uma proposta de análise para o uso da palavra até no Português do Brasil (PB), a partir dos preceitos teóricos desenvolvidos pela Linguística Cognitiva. Para isso, partiu-se da proposta de Leonard Talmy, segundo a qual as línguas organizam-se em duas categorias tipológicas distintas, de acordo com a forma na qual expressam a informação principal de um macro-evento, se no verbo ou num satélite para o verbo. No primeiro grupo se enquadram as línguas românicas chamadas línguas verb-framed e no segundo, as línguas germânicas chamadas línguas satellite-framed. Os exemplos analisados neste trabalho levaram-nos a considerar que, em alguns de seus empregos, o até funciona como um satélite para o verbo especificando-lhe o sentido e, com isso, o português uma língua verb-framed assume o padrão tipológico Satellite-framed.<br>
3

A Tipologia linguística e a língua de sinais brasileira

Pizzio, Aline Lemos 26 October 2012 (has links)
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Linguística, Florianópolis, 2011 / Made available in DSpace on 2012-10-26T07:27:51Z (GMT). No. of bitstreams: 1 291547.pdf: 4144326 bytes, checksum: 6c4f8bf2c936c36818890261150cc67c (MD5) / O trabalho realizado nesta tese buscou identificar elementos que distinguissem os nomes de verbos na Libras, partindo do trabalho de Supalla e Newport (1978) sobre a ASL, em que os autores afirmam que há uma diferença no padrão do movimento entre os nomes e verbos. Essa generalização foi estendida para a Libras, visto que foram encontrados alguns pares de nomes e verbos que apresentavam o mesmo padrão da ASL. Entretanto, percebeu-se que esse padrão não se estendia a todos os pares de nomes e verbos da Libras e, em virtude disso, elaborou-se um teste que pudesse eliciar nomes e verbos relacionados com o intuito de verificar como é a produção dos mesmos. Também foi elaborado um teste de compreensão, para observar como os indivíduos surdos percebem a produção desses pares de nomes e verbos. Os testes foram aplicados em indivíduos surdos adultos, tanto filhos de pais surdos quanto filhos de pais ouvintes, para verificar se há diferença na produção e compreensão entre esses indivíduos, visto que a aquisição da Libras ocorreu de forma diferente para cada um desses grupos. Os resultados obtidos mostram que há bastante variação na produção dos indivíduos. Nem sempre foi observado o padrão esperado para a produção dos nomes e verbos, principalmente para aqueles pares que apresentam ou um movimento circular do sinal ou um movimento alternado de mãos e braços para realizar o sinal. Muitas vezes, os indivíduos não diferenciavam na sua produção o nome e o verbo, produzindo o mesmo sinal para ambos os casos. Em outras situações, a diferenciação ocorreu por meio do uso de sinais compostos, principalmente na produção dos nomes, ou ainda a diferenciação dos pares ocorreu por meio do uso de mouthing na produção simultânea do sinal para o nome e/ou para o verbo. Além disso, não se observou diferença significativa na produção entre indivíduos filhos de pais surdos e filhos de pais ouvintes, o mesmo ocorrendo para o teste de compreensão, em que houve bastante dúvida na identificação da figura que se relacionava com o sinal produzido no vídeo. / The research in this dissertation tries to identify factors that distinguish nouns from verbs in Brazilian Sign Language, based on the paper of Supalla e Newport (1978) on the ASL, in which the authors claim that there is a difference in the pattern of movement between nouns and verbs. This generalization has been extended to Libras, whereas we found some pairs of nouns and verbs that showed the same pattern of ASL. However, it was noted that this pattern did not extend to all pairs of nouns and verbs of Libras and for this reason, we elaborated a test that could elicit related nouns and verbs in order to verify how is their production. We have also developed a comprehension test to see how deaf people perceive the production of these pairs of nouns and verbs. The tests were applied to adult deaf individuals, both children of deaf parents and children of hearing parents, to observe the differences in production and understanding between these individuals, since the acquisition of Libras occurred differently for each group. The results show that there is a significant variation in the production of the individuals. It was not always observed the expected pattern for the production of nouns and verbs, especially for those pairs which have a circular movement of the sign or an alternating movement of hands and arms to produce the sign. Often, individuals did not differ in their production the name and the verb, producing the same sign to both cases. In other situations, the differentiation occurs through the use of compound signs, mainly in the production of nouns, or the differentiation of the pairs occurred through the use of mouthing in the simultaneous production of the sign for the noun and / or the verb. Moreover, there was no significant difference in the production between individuals children of deaf parents and those individuals children of hearing parents, the same happened to the comprehension test, in which there was enough doubt in the identification of the picture that was related to the sign produced in the video.
4

Colisão de identidades, culturas e linguagem: um estudo etnográfico em uma comunidade de descendentes de russos

Campos de Paris, Bianca de January 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Comunicação e Expressão, Programa de Pós-Graduação em Linguística, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-10-19T13:12:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 338151.pdf: 1790431 bytes, checksum: 726e5f2a4cc25a7d2ac51edabefa346d (MD5) Previous issue date: 2015 / Este trabalho tem por objetivo analisar e discutir práticas de linguagem em um cenário em que imigrantes e descendentes de russos e brasileiros interagem. Em tempos marcados pelo processo de globalização, no qual há uma grande mobilidade de pessoas, línguas e textos, é necessário discutir como a escola lida com esse mundo de fronteiras cada vez mais porosas, em que os atores sociais engajam-se em múltiplas práticas culturais cada vez mais híbridas. Considerando a linguagem como uma prática social e cultural (PENNYCOOK, 2010), as discussões abordam o ensino e aprendizagem de línguas adicionais a partir da perspectiva da Linguística Aplicada (LA) (CAVALCANTI, 2007; CANAGARAJAH, 2011, 2013; JAFFE, 2011, 2012; MAHER, 2007; PENNYCOOK, 2001, 2010; GARCIA 2009; MOITA LOPES, 2008), a qual ajuda na compreensão de diferentes práticas linguísticas e em como as ideologias operam dentre do espaço da sala de aula de línguas. Em relação ao ensino de línguas, a LA se preocupa com os processos culturais, permitindo que os estudos sejam realizados a partir de como e de onde são discursivizados (MOITA LOPES, 2006). O presente trabalho foi desenvolvido numa perspectiva etnográfica, que visa à investigação de uma comunidade e sua cultura (HYMES, 1986; ERICKSON, 2001). Os dados foram gerados por meio da observação participante, entrevistas, conversas informais e análise documental. A análise de dados foi categorizada de acordo com três temas centrais quais sejam: práticas de linguagem, educação linguística e identidades. Os resultados desta pesquisa evidenciam como a ideologia monolíngue e monocultural acabam por "inventar" alunos provenientes de grupos "minoritarizados" no espaço escolar. Essa invenção dos alunos dentro da esfera escolar acaba por essencializar suas identidades, sejam elas de ordem linguística ou cultural. Os resultados apresentados nesta pesquisa contribuem para as discussões relacionadas ao ensino e aprendizagem de línguas em cenários sociolinguísticos complexos, mostrando assim a urgência de se (re)pensar os modelos de ensino para uma educação linguística mais sensível às singularidades locais.<br> / Abstract : This work aims to analyze and discuss language practices in a scenario where Russian immigrants and descents interact with Brazilians. In times marked by the globalization process, in which there is great mobility of people, languages and texts, it is necessary to discuss how the school deals with this world of porous borders, in which social actors engage in multiple cultural practices increasingly hybrid. Considering language as a social and cultural practice (PENNYCOOK, 2010), we examine the teaching and learning of additional languages from the perspective of Applied Linguistics (AL) (CAVALCANTI, 2007; CANAGARAJAH 2011, 2013; JAFFE, 2011, 2012; MAHER, 2007; PENNYCOOK, 2001, 2010; GARCIA 2009; MOITA LOPES, 2008), which helps us to understand different linguistic practices and how ideologies operate within the space of the language classroom. With regard to language teaching, the LA cares about cultural processes, allowing studies to be conducted from how and where they are discursivized (MOITA LOPES, 2006). This work was developed in an ethnographic perspective, which aims to investigate a community and its culture (HYMES, 1986; ERICKSON, 2001). The data were generated by means of participant observation, interviews, informal conversations, and document analysis. Data analysis was categorized according to three main themes, namely: language practices, language education and identities. Our results show how monolingual and monocultural ideology "invent" students from "minority" groups at school. This invention of the students within the school sphere essentializes their identities, either in a linguistic or cultural way. The results presented in this research contribute to the discussions concerning the teaching and learning of languages in complex sociolinguistic scenarios, thus showing the urgent need to (re)think the teaching models for a language education more sensitive to local singularities.
5

Considerações sobre a posição dos verbos na língua brasileira de sinais: uma análise descritiva a partir de diálogos entre surdos / Considerations on the position of verbs in the Brazilian sign language: a descriptive analysis based on the dialogues between the deaf

Silva, Sofia Oliveira Pereira dos Anjos Coimbra da 04 December 2015 (has links)
Submitted by Franciele Moreira (francielemoreyra@gmail.com) on 2018-06-08T13:20:47Z No. of bitstreams: 2 Dissertação - Sofia Oliveira Pereira dos Anjos Coimbra da Silva - 2018.pdf: 4631002 bytes, checksum: 33e41732afd4a0f200a09e8ec8ae1229 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) / Approved for entry into archive by Luciana Ferreira (lucgeral@gmail.com) on 2018-06-08T15:05:53Z (GMT) No. of bitstreams: 2 Dissertação - Sofia Oliveira Pereira dos Anjos Coimbra da Silva - 2018.pdf: 4631002 bytes, checksum: 33e41732afd4a0f200a09e8ec8ae1229 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) / Made available in DSpace on 2018-06-08T15:05:53Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Dissertação - Sofia Oliveira Pereira dos Anjos Coimbra da Silva - 2018.pdf: 4631002 bytes, checksum: 33e41732afd4a0f200a09e8ec8ae1229 (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Previous issue date: 2015-12-04 / This study presents a descriptive analysis of Libras about the position of verbs in the turns of a dialogue between deaf people. For this, we resorted to the descriptive analysis, recognizing the dialogical interaction as a textual instrument, and to the semantic-syntactic theoretical base to analyse the documented data, which allowed us to observe the relations between elements that predicate and the position of verbal predication in the analyzed turns. Our analysis favors the typological-functional view, once our hypothesis is that the position of verbs is preferred in certain texts for inherent pragmatic factors and not derived from an underlying basic order.Thus, we use the theoretical bases of prototypicality in the simple sentence composition and in the verb semantics suggested by Givón (2001), in order to analyze the documented data. In the dialogue the verbs present an ending position when the turns contain predications, when relating elements, that represent changing of location and aspectual and descriptive information of the entities. The verbs present a medial and initial position when such predications have the articulated base anchored to the body. Therefore, the position of the verb will follow accordingly the compositional mode of the predicate inserted in the turn. The position of the verbs in Libras is a consequence of the pragmatic influence upon the semantic and syntactic structure of the units presented in turns in the analyzed dialogue. / Este estudo apresenta uma pesquisa de análise descritiva da Libras acerca da posição dos verbos nos turnos de um diálogo entre surdos. Para isso, recorremos à análise descritiva, reconhecendo a interação dialogada como instrumento textual, e à base teórica semântico-sintática para analisar os dados documentados, que permitiu observar as relações entre elementos que predicam e a posição da predicação verbal nos turnos analisados. Nossa análise privilegia a visão tipológico-funcional, uma vez que nossa hipótese é de que a posição dos verbos é preferida em determinados textos por fatores pragmáticos inerentes e não derivada de uma ordem básica subjacente. Para tanto, nos valemos das bases teóricas de prototipicidade na composição sentencial simples e na semântica dos verbos sugerida por Givón (2001), a fim de analisar os dados documentados. No diálogo, os verbos apresentam posição final quando os turnos contêm predicações que, ao relacionar elementos, representam mudança de localização e informações aspectuais e descritivas das entidades. Os verbos apresentam posição medial e inicial quando tais predicações têm base articulatória ancorada ao corpo. Sendo assim, a posição do verbo seguirá o modo composicional do predicado inserido no turno. A posição dos verbos na Libras é uma consequência da influência pragmática sobre a estrutura semântica e sintática das unidades apresentadas por turnos no diálogo analisado.
6

Um mapeamento da função sujeito numa perpectiva tipológicogramatical / A function mapping in a subject perpectiva typological - grammar

Costa, Rodriana Dias Coelho 04 December 2014 (has links)
Submitted by Erika Demachki (erikademachki@gmail.com) on 2015-04-22T20:41:18Z No. of bitstreams: 2 Dissertação - Rodriana Dias Coelho Costa - 2014.pdf: 2770185 bytes, checksum: 49b5510c050635e5ab7c994f8c552bf4 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) / Approved for entry into archive by Erika Demachki (erikademachki@gmail.com) on 2015-04-22T20:42:34Z (GMT) No. of bitstreams: 2 Dissertação - Rodriana Dias Coelho Costa - 2014.pdf: 2770185 bytes, checksum: 49b5510c050635e5ab7c994f8c552bf4 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) / Made available in DSpace on 2015-04-22T20:42:34Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Dissertação - Rodriana Dias Coelho Costa - 2014.pdf: 2770185 bytes, checksum: 49b5510c050635e5ab7c994f8c552bf4 (MD5) license_rdf: 23148 bytes, checksum: 9da0b6dfac957114c6a7714714b86306 (MD5) Previous issue date: 2014-12-04 / Conselho Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq / This study focuses on a literature search about the subject syntactic function. It is objective of this study describe its treatment by main contemporary linguistic theoretical current and its typological description. For that, we turned to some Traditional Grammar representatives who evoke the function of subject in their unmarked prototypical realization passing through the Generative Grammar and refining the reflections starting from the Typological-Functional approach that recognizes the occurrence of the subject in its diversity of achievement and its relationship with other subsystems of languages. We gave special attention to the analysis by a functionalist bias, view since our hypothesis is that there are aspects in different language approaches that integrate in order to form an epistemological function body that defines the subject. Thus, we selected some descriptive studies of Romance languages (Spanish, French and Italian), No-Romance languages (English, Icelandic, Warlpiri) and Brazilian Indigenous languages (Apãniekrá (Macro-Jê), Akwẽ-Xerente (Jê), Avá-Canoeiro and Kamaiurá (Tupi- Guarani) to compose the data of this study. The subject as syntactic or grammatical function takes different proportions in the discussion, since the functional approach considers that the oracional structure begins from the pragmatic-discursive level, it means, the subject is analysed according to the speaker’s cognitive and functional intentions in a natural speech situation. Worldview is another fundamental key to the analysis of the syntactic subject, since the functional approach considers that the speaker’s world experience is function of the updating of language in use. The above-mentioned approaches present some theoretical differences, but all of them recognize a basic oracional structure that begins from the organization of relations in the sentence level, it means, they recognize that the phrase is projected from an argument structure and, thus, they conceive the subject function in his syntactic nature. / Este estudo centra-se numa pesquisa bibliográfica acerca da função sintática sujeito, seu tratamento pelos principais aportes teóricos linguísticos contemporâneos e sua descrição tipológica. Para isso, recorremos a alguns representantes da Gramática Tradicional, que evoca a função sujeito em sua realização prototípica, não marcada, passando pela Gramática Gerativa, e, refinando os reflexos a partir da abordagem Tipológico-Funcional, que reconhece a ocorrência do sujeito em sua diversidade de realização e sua relação com os demais subsistemas das línguas. Privilegiamos na análise uma visão pelo viés funcionalista, uma vez que a nossa hipótese é que existem aspectos nas diversas abordagens linguísticas que se integram para a formação de um corpo epistemológico que define a função sujeito. Assim, selecionamos para compor os dados deste estudo alguns trabalhos descritivos de línguas românicas (Espanhol, Francês e Italiano), não românicas (Inglês, Islandês, Warlpiri) e indígenas brasileiras (Apãniekrá (Macro-Jê), Akwẽ-Xerente (Jê), Avá-Canoeiro e Kamaiurá (Tupi-Guarani)). O sujeito como função sintática ou gramatical toma diferentes proporções dentro da discussão, uma vez que a abordagem funcional considera que a estrutura oracional parte do nível discursivo-pragmático, ou seja, o sujeito é analisado de acordo com as intenções cognitivas e funcionais do falante numa situação natural de fala. A visão de mundo é outro elemento fundamental para a análise da função sujeito, uma vez que a abordagem funcional considera que a experiência de mundo do falante é função da atualização da língua em uso. As abordagens supracitadas apresentam algumas divergências teóricas, mas todas reconhecem uma estrutura oracional básica, que parte da organização das relações no nível da frase, ou seja, reconhecem que a frase é projetada a partir de uma estrutura argumental e, consequentemente, concebem a função sujeito em sua natureza sintática.
7

Um estudo sobre os gêneros textuais no apostilado de Língua Portuguesa da rede pública paulista

Barbosa, Paulo Roberto 12 June 2018 (has links)
Submitted by Filipe dos Santos (fsantos@pucsp.br) on 2018-08-01T11:34:12Z No. of bitstreams: 1 Paulo Roberto Barbosa.pdf: 4034863 bytes, checksum: 144d52c271e54b59797af9f5e32876a3 (MD5) / Made available in DSpace on 2018-08-01T11:34:12Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Paulo Roberto Barbosa.pdf: 4034863 bytes, checksum: 144d52c271e54b59797af9f5e32876a3 (MD5) Previous issue date: 2018-06-12 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES / This study deals with the analysis of issues related to the teaching of the textual genres present in the 9th Elementary School year Portuguese Language Student Notebook, a handout distributed in the public teaching system in the state of São Paulo. Its analysis was motivated by its scope and consequent relevance in the educational panorama of the state, since these handouts are used by all students. The objective that guides this research is to investigate the way in which textual genres are approached in the aforementioned in the Portuguese Language Student Notebook. This general objective is associated to the following specific objectives: to carry out a survey of the textual genres present in the handbook, relating them to their respective discursive domains; identify the typologies mobilized in the textual genres; and carry out an analysis of how and to what extent the argumentative and expository typologies can be internalized by students through proposed notebook activities. The theoretical contribution that guides the research is related to Textual Linguistics postulates, especially the intertextuality, cohesion and coherence concepts presented by the studies carried out by Fávero (2014, 2009 [1991]), Fávero and Koch (2012 [1983]) and Koch (2014 [1989], 2004, in addition to Bronckart's Sociodiscursive Interactionism (2012 [1997], 2006a), with a significant influence by Vygotsky’s (1989 1984) work. The study considers teaching based on the textual genres proposed by Bakhtin (2011 [1979]) and reinterpreted by the theoretical-methodological bias carried out by Bronckart (2012 [1997]), Marcuschi (2008) and Dolz and Schneuwly (2004), according to whom language is a form of action that takes place in the socially situated and shared discourse by means of textual genres. In this context, the present study is based on the resolutions stipulated by the National Curricular Parameters (BRASIL, 1998) regarding suggestions for the teaching of the Portuguese Language, from which the Curriculum of the State of São Paulo was developed (SÃO PAULO, 2012). These documents suggest that, in the 9th elementary school year, argumentative and expository texts should be studied with greater emphasis. In addition, this study also presents the historical course of the notebook in Brazil until its current application in the São Paulo public network. As a result of the notebook analysis, a distance was observed between what is prescribed in the State of São Paulo Curriculum and the proposed student activities concerning the learning of argumentative and exposure genres, since genres that compete in narrating were mostly inserted, while argumentative and expository genres, although appearing, were underexplored. There is, therefore, the understanding that, in order to promote the formation of socially active citizens, it is necessary to emphasize the interactive study of language, which occurs, essentially, through textual genres / Este estudo trata da análise das questões referentes ao ensino dos gêneros textuais presentes no Caderno do Aluno de Língua Portuguesa do 9º ano do Ensino Fundamental, apostilado distribuído na rede pública de ensino do estado de São Paulo. Sua abrangência e consequente relevância no panorama educacional do estado motivaram nossa escolha por analisá-lo, visto que as apostilas são utilizadas por todos os alunos. O objetivo que norteia esta pesquisa é investigar a forma como os gêneros textuais são abordados no Caderno do Aluno de Língua Portuguesa. Esse objetivo geral se associa aos seguintes objetivos específicos: levantamento dos gêneros textuais presentes na apostila; relacionando-os a seus respectivos domínios discursivos; identificação das tipologias mobilizadas nos gêneros textuais; e análise de como e em que medida as tipologias argumentativas e expositivas podem ser internalizadas pelos alunos por meio das atividades propostas no apostilado. O aporte teórico que orienta a pesquisa se relaciona aos postulados da Linguística Textual, sobretudo os conceitos de intertextualidade, coesão e coerência apresentados pelos estudos de Fávero (2014, 2009 [1991]), Fávero e Koch (2012 [1983]) e Koch (2014 [1989], 2004), além do Interacionismo Sociodiscursivo de Bronckart (2012 [1997], 2006a), com grande influência da obra de Vygotsky (1989, 1984). Este estudo considera o ensino com base em gêneros textuais propostos por Bakhtin (2011 [1979]) e reinterpretados pelo viés teórico-metodológico de Bronckart (2012 [1997]), Marcuschi (2008) e Dolz e Schneuwly (2004), segundo os quais a linguagem é uma forma de ação que se realiza no discurso socialmente situado e partilhado por meio dos gêneros textuais. À vista disso, tem-se como base as resoluções dos Parâmetros Curriculares Nacionais (BRASIL, 1998) – no que concerne às sugestões para o ensino da Língua Portuguesa, a partir das quais foi elaborado o Currículo do Estado de São Paulo (SÃO PAULO, 2012). Esses documentos sugerem que, no 9º ano do Ensino Fundamental, sejam estudados com maior ênfase os textos argumentativos e expositivos. Além disso, este trabalho também apresenta o percurso histórico do apostilado no Brasil até a aplicação desse material nos dias atuais na rede pública paulista. Como resultado das análises do apostilado, constatou-se um distanciamento entre o que está prescrito no Currículo Estado de São Paulo e as atividades propostas aos alunos para a aprendizagem dos gêneros da ordem do argumentar e do expor, já que se verificou a inserção majoritária dos gêneros que competem ao narrar, ao passo que os gêneros argumentativos e expositivos, embora tenham aparecido, foram pouco explorados. Houve, portanto, a compreensão de que, para promover a formação de cidadãos ativos socialmente, é preciso dar ênfase ao estudo interativo da linguagem, que acontece essencialmente por meio dos gêneros textuais

Page generated in 0.0976 seconds