• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 72
  • 5
  • 3
  • 3
  • 3
  • Tagged with
  • 86
  • 57
  • 51
  • 40
  • 38
  • 37
  • 37
  • 34
  • 33
  • 33
  • 24
  • 24
  • 19
  • 16
  • 16
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Zur Entstehungsgeschichte der Hochaltar-Architektur von St. Peter in Rom

Thelen, Heinrich. January 1900 (has links)
Habilitationsschrift--Freie Universität, Berlin. / "Literatur-und Abkürzungsverzeichnis": p. 69-[74].
2

Zur Entstehungsgeschichte der Hochaltar-Architektur von St. Peter in Rom

Thelen, Heinrich. January 1900 (has links)
Habilitationsschrift--Freie Universität, Berlin. / "Literatur-und Abkürzungsverzeichnis": p. 69-[74].
3

A igreja progressista no recife: limites e Possibilidades da ação das cebs (comunidades eclesiais de base) Recife pe, 1973 a 1985

Vieira De Souza Junior, Edvaldo January 2006 (has links)
Made available in DSpace on 2014-06-12T18:29:17Z (GMT). No. of bitstreams: 2 arquivo3286_1.pdf: 4169640 bytes, checksum: 63a92703a8b8d1541a968c9f765b2401 (MD5) license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) Previous issue date: 2006 / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico / A presente dissertação aborda o processo de intervenção social do movimento progressista, que se desenvolve dentro da Igreja Católica, e sua atuação na cidade do Recife, especificamente no Morro da Conceição, situado no bairro de Casa Amarela, durante o regime militar. Pesquisou-se o contexto da história da Igreja Católica no Brasil, no período compreendido entre 1973 ano do documento Eu ouvi os clamores do meu povo e 1985 marco de uma nova etapa na política do Brasil, quando assume a Presidência da República o Presidente José Sarney, instituindo-se, assim, o primeiro governo civil, desde 1964. É neste período em que ocorre, também, uma explosão das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) em todo território nacional. Em 1962, como concretização das discussões internas do Concílio Vat i cano II (1962 a 1965) emerge um novo modelo de estruturação dogmática da Igreja, que inaugura uma forma singular de organização, fundada num tipo renovado de catolicismo e numa experiência vol tada para o pobre. Desse modo, a chamada ala progressista da Igreja, em confluência com a Teologia da Libertação, rompe com o Estado autoritário e passa a organizar em todo o país as Comunidades Eclesiais de Base
4

Pio XII e as origens do Concílio Vaticano II / Pius XII and the origins of Vatican II / Pio XII e le origini del Vaticano II

Soffiatti, Elza Silva Cardoso [UNESP] 27 October 2016 (has links)
Submitted by ELZA SILVA CARDOSO SOFFIATTI null (elza-cardoso@hotmail.com) on 2016-11-03T12:31:24Z No. of bitstreams: 1 Pio XII e as origens do Concílio Vaticano II_Elza Soffiatti.pdf: 1743380 bytes, checksum: 045c0b5d36a7e18701516b3618e49f4a (MD5) / Approved for entry into archive by Juliano Benedito Ferreira (julianoferreira@reitoria.unesp.br) on 2016-11-10T12:35:55Z (GMT) No. of bitstreams: 1 soffiati_esc_dr_fran.pdf: 1743380 bytes, checksum: 045c0b5d36a7e18701516b3618e49f4a (MD5) / Made available in DSpace on 2016-11-10T12:35:55Z (GMT). No. of bitstreams: 1 soffiati_esc_dr_fran.pdf: 1743380 bytes, checksum: 045c0b5d36a7e18701516b3618e49f4a (MD5) Previous issue date: 2016-10-27 / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Esta tese apresenta o pensamento social católico da segunda metade do século XX, conforme o discurso do Papa Pio XII (1939-1958) e do Concílio Vaticano II (1962-1965). O argumento central é que a renovação trazida pelo Concílio Vaticano II, as bases eclesiais e as práticas religiosas católicas após a sua promulgação pelo papa Paulo VI já estavam em grande medida expressas nas proposições apresentadas pelo papa Pio XII nos 19 anos do seu pontificado. Tomando como aporte teórico a história das religiões, analisamos comparativamente os documentos produzidos pelo papa Pio XII (SDR – 1) e pelo Vaticano II; neste, principalmente, as Constituições Lumen Gentium e Gaudium et Spes (SDR – 2), com vistas a apreender a gênese das ideias religiosas, suas origens e desenvolvimento, as crenças derivadas e sua incidência nas práticas sociais das sociedades dos pós-guerra. No primeiro capítulo, discutimos as condições de enunciação do discurso religioso e suas interfaces com outras identidades e matizes discursivos, bem como as relações entre teologia e história como saber religioso e instrumento hermenêutico para o objeto de investigação. No capítulo seguinte, mostramos as diversas fórmulas adotadas pelo papa Pio XII para o anúncio do discurso católico, bem como a sua incidência sobre a natureza das relações sociais, internacionais, econômicas e religiosas, ambientadas no contexto do seu pontificado: durante e após a Segunda Guerra Mundial. No capítulo final, apontamos as teses de Pio XII em relação às teses conciliares do Vaticano II, destacando a compreensão em relação ao mundo de então, a proposta de uma ética social de matriz religiosa e cristã, ambas as iniciativas constituintes de um projeto de sociedade propugnado pelo catolicismo, e a ocupação por ele de um novo topoi enunciativo, que buscava acomodação na relação entre as esferas pública e privada, a partir do esforço de construção de referentes comunicacionais que facultassem o diálogo com o mundo contemporâneo.
5

La reforma económica y financiera del Vaticano

Geraldo Gómez, César Andrés January 2016 (has links)
Memoria (licenciado en ciencias jurídicas y sociales) / Autor no autoriza el acceso completo de su documento / La presente memoria estudia la Reforma Económica y Financiera del Vaticano, en curso, iniciada por el Papa Benedicto XVI, y posteriormente continuada por el Papa Francisco. Cronológicamente, se inició primeramente, debido a la necesidad de incorporar la Legislación contra el Lavado de Activos y el Financiamiento al Terrorismo, lo que significó dictar diversas normas tanto en el Estado Ciudad del Vaticano, como para la Santa Sede. Luego fue ampliada, incluyéndose la Reforma de la Institucionalidad Económica del Vaticano. Por lo cual, se verifican sus motivaciones y características. Además, se sigue su desarrollo, en vista de las normativas e instituciones que ha dado origen, y que han significado una profunda reestructuración de la Institucionalidad Económica y Financiera del Vaticano
6

Do catolicismo conservador ao Concílio Vaticano II: a transição do Catolicismo nas Dioceses de Botucatu/Bauru (1948-1970)

Primolan, Emilio Donizete [UNESP] 05 July 2011 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:32:23Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2011-07-05Bitstream added on 2014-06-13T19:21:59Z : No. of bitstreams: 1 primolan_ed_dr_fran.pdf: 1469800 bytes, checksum: d9b9c29d3ace015903be4ef8576d8c62 (MD5) / L‟Objectif de cette thèse est d‟étudier la transition d‟un Catholicisme conservateur vers un Catholicisme renouvelé durant le Council Vatican Deux (1962-1965). Le procès de transition a ses origines dans la nécessité historique d‟établir un dialogue entre l‟Église et le monde moderne. Ce dialogue avait été interrompu pendant le dix-neuvième siècle. Si bien que le Vatican II a consolidé les reformes doctrinaires et pastorales, ceux-ci avaient déjà été introduits depuis le début des années cinquante. Cette étude est basée sur le concept de l‟auto compréhension de l‟Église. Celle-ci détermine à quelle mission l‟Église doit donner sa priorité dans un contexte historique bien déterminé. L‟ analyse des documents originaux écrits par membres du clergé et par des laïques a révélé les conflits, les contradictions e impasses inhérents au procès de transition qui a eu lieu dans les diocèses de Botucatu et Bauru, situés dans la région nord occidentale de l‟Etat de São Paulo, pendant la période de 1948 a 1970. L‟ analyse des documents originaux a révélé quatre différents tipes d‟auto compréhensions de l‟Église pendant la période. Ceux-ci se succédaient ou coexistaient d‟une façon précaire ou conflictuelle. Les contradictions révélées par ces conflits mettaient des difficultés a l‟implantation pleine du programme tel qu‟il fut désigné par le Council / Esta tese tem o objetivo de estudar a transição do catolicismo conservador para o catolicismo renovado consolidado no Concílio Vaticano II (1962-1965). O processo de transição partiu da necessidade histórica de se estabelecer um diálogo entre a Igreja e o mundo moderno, do qual a Igreja havia se afastado desde o século XIX. Embora o Vaticano II tenha consolidado reformas doutrinárias e pastorais, estas já vinham se desenvolvendo desde o início da década de 1950. Este estudo está embasado no conceito de autocompreensão da Igreja. Este determina a missão que a Igreja deve priorizar em determinados contextos históricos. A partir de pesquisa documental original produzida por membros do clero e do laicato, foram discutidos os conflitos, contradições e impasses inerentes ao processo de transição ocorrido nas dioceses de Botucatu e de Bauru, região noroeste do Estado de São Paulo, no período de 1948 a 1970. Constatou-se a existência de quatro autocompreensões de Igreja que se sucederam ou coexistiram em uma convivência precária ou em franco conflito. As contradições evidenciadas por esses conflitos colocaram dificuldades para a implantação plena de uma Igreja conforme tinha sido desenhada pelo Vaticano II / The objective of this thesis is to study the transition from a conservative Catholicism to a renewed Catholicism consolidated during the Second Vatican Council (1962-1965). The transition process originated from the historical necessity to establish a dialogue between the Church and the modern world, from which the Church had distanced itself in the nineteenth century. Although Vatican II consolidated doctrinal and pastoral reforms, these were already being introduced since the beginning of the fifties. This study is based on the concept of self comprehension of the Church. This determines which mission the Church has to prioritize in certain historical contexts. The analysis of original documents written by members of the clergy and laypeople revealed the conflicts, contradictions and impasses inherent to the transition process that occurred in the dioceses of Botucatu and Bauru, situated in the north-western part of the State of São Paulo, during the period 1948-1970. The analysis of the documents revealed four different self comprehensions of the Church during the period. These succeeded each other or had a precarious coexistence and at times were openly in conflict with each other. The contradictions revealed by these conflicts made the full implementation of the program as designed by the Second Vatican Council difficultt
7

The Vatican Necropolis ritual, status and social identity in the Roman Chamber Tomb /

Gee, Regina Lynn, January 2003 (has links) (PDF)
Thesis (Ph. D.)--University of Texas at Austin, 2003. / Vita. Includes bibliographical references. Available also from UMI Company.
8

Revelação e inspiração bíblica: um estudo a partir da constituição dogmática Dei Verbum

Mendes, Jones Talai January 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2013-08-07T19:11:44Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000397626-Texto+Completo-0.pdf: 607014 bytes, checksum: 14bd869f2d5a223b91c93a5de125678b (MD5) Previous issue date: 2007 / The main objective of this research is to make a connection between the concept of Revelation and the concept of Inspiration in the Bible. The Dei Verbum Constitution of the II Vatican Council is the starting point of the study. In the first section of this research we present the process of God’s Revelation as well as the way He communicates with human beings in order to be understood by them. In the second section, we present important aspects to clarify what the Bible Inspiration is and also the multiple comprehensions of the way this phenomenon happens in order to understand how God’s Word can be a divine Word and, at the same time, a human word. In the last section, it is established the objective of the research. The communitarian dimension of Inspiration is highlighted as a challenge to be treated by the theological research. The theoretical support is given by the ideas of Pierre Benoit, Karl Rahner and Luiz Alonso Schökel – they are well known authors that have done many efforts to investigate the Catholic Church in order to understand this issue. / O objetivo deste trabalho é realizar um estudo que relacione o conceito de Revelação com o conceito de Inspiração na Bíblia. A Constituição Dei Verbum do Concílio Vaticano II é o ponto de partida. O primeiro capítulo trata do processo de Revelação de Deus assim como da maneira como Ele se comunica a fim de ser compreendido pelo ser humano. A segunda parte do texto estabelece contornos para compreender o que seja Inspiração na Bíblia assim como diversas compreensões possíveis da forma em que esse fenômeno ocorre na busca de entender como a Palavra de Deus pode ser ao mesmo tempo Palavra divina e palavra humana. O último capítulo estabelece mais claramente o objetivo da pesquisa. Há um acento na dimensão comunitária da Inspiração enquanto um desafio a ser tratado pela pesquisa teológica. As referências teóricas são os pensamentos de Pierre Benoit, Karl Rahner e Luiz Alonso Schökel por se tratar de autores consagrados que investiram esforços no âmbito da Igreja Católica para a compreensão deste problema.
9

Igreja: comunhão ou povo de Deus? estudo comparativo entre as eclesiologias de Antonio Acerbi e de José Camblin na perspectiva da sacramentalidade da Igreja

Fontana, Ricardo January 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2013-08-07T19:11:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 000397531-Texto+Completo-0.pdf: 2106386 bytes, checksum: 57db14a22185c95b9f55e844a656d85d (MD5) Previous issue date: 2007 / The present paper speaks on two ecclesiological views that have become paradigmatic models to describe the Church: Communion and People of God. In the period following the Second Vatican Council (1962-1965), these models became the backdrop for new scenarios of the Church. The reception of the Council brought about different of the approaches on the Church. These approaches, in turn, when individually considered, demonstrated to be partial and unilateral to the extent one model was valued to the detriment of the other. Using the comparative method, this monograph retakes these two concepts from two works of literature: Due ecclesiologie: ecclesiologia giuridica ed ecclesiologia di comunione nella “Lumen Gentium”, by Antonio Acerbi, published ten years after the conclusion of the Council’s works (1975) and after the book O Povo de Deus (People of God), by José Comblin, published in 2002 at the dawn of a new pontificate. Acerbi, a theologian and historian, examines the history of ecclesiology by describing the shift from juridical ecclesiology to the Communion- Ecclesiology in the Dogmatic Constitution on the Church. Lumen Gentium. Comblin, from his vast Latin-American theological-pastoral experience, sees the present time in the Church as being immersed in a dark night, whose hope will be found in the return to the spirit of the Second Vatican, specifically in the theology of the People of God. The comparative study seeks to analyze these ecclesiologies by using the main theological sources: Bible, Tradition and Magisterium. In addition, the study seeks to verify the historic and theological development of concepts and how these concepts are being defined in the theological production. This piece of research, rather than confront, intends to find a fair complementation of both concepts. Finally, it offers a sacramental perspective of the Church by reflecting how a certain ecclesiological model reflects in a certain pastoral action. / O presente trabalho disserta sobre duas visões eclesiológicas que se tornaram modelos paradigmáticos para descrever a Igreja: Comunhão e Povo de Deus. No período Pós-Concílio Vaticano II (1962-1965) eles se tornaram pano de fundo para os novos cenários da Igreja. A recepção do Concílio teve variadas interpretações das abordagens sobre a Igreja. Estas, por sua vez, tomadas individualmente se mostraram parciais e unilaterais, na medida em que se valorizou um modelo em prejuízo de outro. Fazendo uso do método comparativo, esta monografia retoma esses dois conceitos a partir de duas obras: Due ecclesiologie: ecclesiologia giuridica ed ecclesiologia di comunione nella “Lumen Gentium”, de Antonio Acerbi, editada dez anos depois do encerramento dos trabalhos conciliares (1975) e da obra O Povo de Deus, de José Comblin, publicada em 2002 tendo em vista o novo pontificado. Acerbi, teólogo e historiador, faz uma retomada da história da eclesiologia descrevendo a passagem da eclesiologia jurídica para a de Comunhão na Constituição Dogmática sobre a Igreja, Lumen Gentium. Comblin, partindo de sua vasta experiência teológico-pastoral latinoamericana, compreende o tempo presente da Igreja como que imerso numa “noite obscura” e que esta encontrará sua esperança no resgate do espírito do Vaticano II, especificamente na teologia do Povo de Deus. O estudo comparativo busca analisar essas eclesiologias utilizando-se das principais fontes teológicas: Bíblia, Tradição e Magistério. Além disso, o estudo procura verificar o desenvolvimento histórico e teológico dos conceitos e de como estes vêem sendo abordados na produção teológica. A pesquisa mais do que confrontar procura uma justa complementação de ambos os conceitos. Por fim, oferece uma perspectiva sacramental da Igreja refletindo o que determinado modelo eclesiológico reflete em determinada ação pastoral.
10

Diplomacia e religião : encontros e desencontros nas relações entre a Santa Sé e a República Popular da China de 1949 a 2005

Carletti, Anna January 2007 (has links)
O conflito entre a República Popular da China e a Santa Sé, que teve início em 1951 com o rompimento das relações diplomáticas, continua suscitando numerosas perguntas na opinião pública internacional sobre as razões que impedem os dois governos de superarem os obstáculos rumo a uma reconciliação. Neste trabalho analisaram-se as relações entre a China e o Vaticano com o objetivo específico de tornar legíveis os eventos histórico-políticos e religiosos que levaram a tal impasse. Ao mesmo tempo procurou-se identificar os motivos que, por tanto tempo, dificultaram a retomada das relações diplomáticas entre a China e a Santa Sé. O período analisado abrange os anos de 1949, ano da fundação da República Popular da China até 2005, ano da morte do papa João Paulo II e da eleição do novo papa Bento XVI. Analisaram-se os momentos históricos mais significativos, nos quais a Santa Sé e a República Popular da China procuraram manter o diálogo em busca da reconciliação, assim como as fases mais difíceis de suas relações, onde atitudes radicais de rejeição prevaleceram sobre o diálogo. É no âmbito da política interna dos dois países, assim como no seu envolvimento no cenário internacional, que se identificaram os motivos profundos destas atitudes. / The conflict between the People’s Republic of China and the Holy See, which began in 1951 when the two countries broke off all diplomatic relations, continues to stir up numerous questions, in the international public opinion, about the reasons preventing both governments from overcoming the obstacles toward reconciliation. In this work, we analyze the relations between China and Vatican with the specific aim of clarifying the historical, political and religious events that led to the present situation of conflict. At the same time, we will try to identify the reasons that so far have hindered the re-establishment of the diplomatic relations between China and Holy See. The period in exam runs from 1949, the foundation year of the People’s Republic of China, which marked also the establishment of the communist regime, to 2005, the year of the death of the pope John Paul II e of the election of the new pope Benedict XVI. We analyze the most significant historical moments when the Holy See and the People’s Republic of China attempted to build closer bonds in search of reconciliation, as well as the more difficult phases in their relations, where radical attitudes of rejection prevailed over dialog. It is in the sphere of internal politics of the two countries as well as their involvement in the international arena that we looked for the deep motives for these attitudes.

Page generated in 0.0553 seconds