• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 43
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • 1
  • Tagged with
  • 44
  • 39
  • 11
  • 10
  • 8
  • 8
  • 7
  • 7
  • 6
  • 6
  • 6
  • 5
  • 4
  • 4
  • 4
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Avaliação dos níveis de biossegurança das granjas de reprodutores suínos certificadas do Estado de São Paulo

Borges, Silvio Roberto Thimoteo [UNESP] January 2004 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:30:11Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2004Bitstream added on 2014-06-13T18:59:54Z : No. of bitstreams: 1 borges_srt_me_botfmvz.pdf: 543954 bytes, checksum: e9db7a1524342c6af1adf4f74190eb56 (MD5) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / O objetivo do presente trabalho foi o de avaliar os níveis de biossegurança, nos anos de 2001 à 2003, na totalidade das 10 (dez) granjas de reprodutores suínos (GRSC) do Estado de São Paulo certificadas pelo Ministério da Agricultura (MAPA) de acordo com os critérios de pontuação e resultados de provas e testes diagnósticos legalmente estabelecidos. Para o estudo da biossegurança, foram conferidos pontos (variando de 0 a 2) para cada critério (distancia em relação a outras unidades de criação, densidade de rebanhos num raio de 3,5 km, granjas fornecedoras de matrizes para reposição do plantel, distância entre a rodovia que transporta suínos, isolamento da granja (cerca e cinturão verde, controle de visitas, existência de quarentenário, origem da ração, transporte da ração). Foram realizadas 6.297 provas sorológicas para Peste Suína Clássica (2.023), Doença de Aujeszky (2.001), Brucelose (2.085), Leptospirose (188) e 1.001 testes de reação alérgica para tuberculose. Relativamente à biossegurança, 4 (quatro) granjas foram qualificadas com nível A, 5 (cinco) granjas como nível B e 1 (uma) granja com nível C. Relativamente aos resultados de provas e testes de diagnóstico, apenas 1 granja do nível A apresentou testes positivos para leptospirose no primeiro ano de certificação e a partir desta data passou a vacinar seus animais contra leptospirose à semelhança das demais 9 granjas devida à endemicidade da doença. Dentre as de nível B, uma granja apresentou animais infectados com M. avium e em uma granja de nível C foram detectados animais positivos para M. avium e brucelose no quarentenário. Estes resultados indicam necessidade de aprimoramento das medidas de biossegurança no tocante à prevenção e/ou controle de roedores sinantrópicos, de aves de vida livre e aquisição de animais de granjas também GRSC, porém, de nível igual ou superior. / The aim of this research is the evaluation of biosafety levels during the period from 2001 to 2003, in a total of 10 swine breeder farmers located in São Paulo state - Brazil and certificated by the Ministry of Agriculture according to scores and diagnostic tests legally established. For this purpose, each variable scored in 0 to 2 were: distance from other swine farms; herds density in 3,5Km ray area; breeder supplier farms; distance from road for swine transportation; farm isolation; control of visitors; installation for animal quarantine; ration origin and transportation. There were performed 6,297 diagnostic tests for Classical Swine Fever (2.023) - Aujeszky disease (2.001), Brucellosis (2.085), Leptospirosis (188) and 1.001 alergic tests for tuberculosis. As a result of biosafety, 4, 5 and 1 farms were scored respectively as A, B and C levels. For diagnostic tests, only one farm of level A had positive animals for Leptospirosis in the first year of certification and since then all the animals were vaccinated against leptospirosis, as the others 9 did due to the endemicity of this disease. In one farm among those of level B, it was diagnosed the presence of M. avium and in one farm of C level it was detected M. avium and in the quarantine station was diagnosed brucellosis. These results points up the need for improving the biosafety measures related to rodents and free life avian prevention and/or control and selection of GRSC breeder supplier farms with equal or higher biosafety level.
2

Epidemiologia do complexo teníase-cisticercose nas aldeias indígenas Jaguapirú e Bororó do município de Dourados-MS

Aragão, Samuel Carvalho de [UNESP] January 2003 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:30:11Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2003Bitstream added on 2014-06-13T19:18:36Z : No. of bitstreams: 1 aragao_sc_me_botfmvz.pdf: 1383846 bytes, checksum: 4ad44b9b0487d1982de133856216b76e (MD5) / A inspeção de carnes, tanto bovina como suína, tem-se constituído no principal instrumento diagnóstico da cisticercose em animais e conseqüente prevenção da teníase. No presente trabalho foram avaliados 96 bovinos durante o abate, os quais foram criados nas aldeias, bem como 117 amostras de soro de suínos para presença de anticorpos anti-Taenia sp., além de 632 amostras de fezes da população indígena. Observou-se 18,75% de positividade para cisticercose bovina, 9,4% para cisticercose suína e 1,1% de positividade para teníase humana. Os resultados observados sugerem que o fato da população indígena das Aldeias Jaguapirú e Bororó terem ficado à margem de uma grande cidade como Dourados, preservados em áreas com condições precárias de saneamento básico, pode favorecer a transmissão do complexo teníase-cisticercose, não só dentro das aldeias bem como na região da grande Dourados, através da comercialização da carne bovina e suína. / Bovine and pork meat inspection has been the major tool for animal cysticercosis diagnosis and also for taeniasis prevention. In this study 96 bovine carcasses, 117 swine blood serum samples and 632 human stool samples from the Jaguapirú and Bororó villages were evaluated for cyst forms, anti-Taenia sp. antibodies and for Taenia sp. eggs, respectively. We observed cyst forms in 18.75% of the bovine carcasses, 9.4% of the serum samples had antibodies anti-Taenia sp and 1.1% of the examinated human stool showed presence of Taenia sp. eggs. Our results suggest that the Indian population from those villages may favor the maintenance of the taeniasis-cysticercosis complex, because they live in poor sanitary conditions and also because they commercialize bovine and pork meat not only within those villages but also in the metropolitan area of Dourados.
3

Processos de vigilância em saúde do trabalhador: relato de um celeiro de experiências em Barra do Piraí / Surveillance processes in the worker's health

Silva, Denise Torreäo Corrêa da January 1999 (has links)
Made available in DSpace on 2012-09-06T01:11:33Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) 150.pdf: 12700131 bytes, checksum: 30378ed8b789459d85639184edb93d87 (MD5) Previous issue date: 1999 / A partir de uma demanda do Sindicato dos Metalúrgicos de Barra do Piraí, encaminhada ao Programa Estadual de Saúde do Trabalhador do Rio de Janeiro, iniciou-se o Processo de Vigilância em Saúde do Trabalhador na Metalúrgica Barra do Piraí, que, ao longo de quatro anos, de 1993 a 1996, envolveu diversas entidades e suas assessorias técnicas, configurando, assim, uma atuaçao interinstitucional e interdisciplinar vinculada à Câmara Técnica de Siderurgia e Metalurgia do Conselho Estadual de Saúde do Trabalhador do Rio de Janeiro. Em diversos graus de comprometimento e intervençao, cada uma, a seu tempo, tentou contribuir para reduzir, ou mesmo eliminar, os agravos a que os cerca de setecentos trabalhadores estavam submetidos. Pretende-se fazer apenas um relato, dos muitos que ainda poderao existir, do Processo de Vigilância em Saúde do Trabalhador da Metalúrgica Barra do Piraí, numa abordagem qualitativa, utilizando dados coletados pelos vários atores envolvidos ao longo deste processo.
4

Avaliação dos níveis de biossegurança das granjas de reprodutores suínos certificadas do Estado de São Paulo /

Borges, Silvio Roberto Thimoteo. January 2004 (has links)
Orientador: Luiz Carlos de Souza / Resumo: O objetivo do presente trabalho foi o de avaliar os níveis de biossegurança, nos anos de 2001 à 2003, na totalidade das 10 (dez) granjas de reprodutores suínos (GRSC) do Estado de São Paulo certificadas pelo Ministério da Agricultura (MAPA) de acordo com os critérios de pontuação e resultados de provas e testes diagnósticos legalmente estabelecidos. Para o estudo da biossegurança, foram conferidos pontos (variando de 0 a 2) para cada critério (distancia em relação a outras unidades de criação, densidade de rebanhos num raio de 3,5 km, granjas fornecedoras de matrizes para reposição do plantel, distância entre a rodovia que transporta suínos, isolamento da granja (cerca e cinturão verde, controle de visitas, existência de quarentenário, origem da ração, transporte da ração). Foram realizadas 6.297 provas sorológicas para Peste Suína Clássica (2.023), Doença de Aujeszky (2.001), Brucelose (2.085), Leptospirose (188) e 1.001 testes de reação alérgica para tuberculose. Relativamente à biossegurança, 4 (quatro) granjas foram qualificadas com nível A, 5 (cinco) granjas como nível B e 1 (uma) granja com nível C. Relativamente aos resultados de provas e testes de diagnóstico, apenas 1 granja do nível A apresentou testes positivos para leptospirose no primeiro ano de certificação e a partir desta data passou a vacinar seus animais contra leptospirose à semelhança das demais 9 granjas devida à endemicidade da doença. Dentre as de nível B, uma granja apresentou animais infectados com M. avium e em uma granja de nível C foram detectados animais positivos para M. avium e brucelose no quarentenário. Estes resultados indicam necessidade de aprimoramento das medidas de biossegurança no tocante à prevenção e/ou controle de roedores sinantrópicos, de aves de vida livre e aquisição de animais de granjas também GRSC, porém, de nível igual ou superior. / Abstract: The aim of this research is the evaluation of biosafety levels during the period from 2001 to 2003, in a total of 10 swine breeder farmers located in São Paulo state - Brazil and certificated by the Ministry of Agriculture according to scores and diagnostic tests legally established. For this purpose, each variable scored in 0 to 2 were: distance from other swine farms; herds density in 3,5Km ray area; breeder supplier farms; distance from road for swine transportation; farm isolation; control of visitors; installation for animal quarantine; ration origin and transportation. There were performed 6,297 diagnostic tests for Classical Swine Fever (2.023) - Aujeszky disease (2.001), Brucellosis (2.085), Leptospirosis (188) and 1.001 alergic tests for tuberculosis. As a result of biosafety, 4, 5 and 1 farms were scored respectively as A, B and C levels. For diagnostic tests, only one farm of level A had positive animals for Leptospirosis in the first year of certification and since then all the animals were vaccinated against leptospirosis, as the others 9 did due to the endemicity of this disease. In one farm among those of level B, it was diagnosed the presence of M. avium and in one farm of C level it was detected M. avium and in the quarantine station was diagnosed brucellosis. These results points up the need for improving the biosafety measures related to rodents and free life avian prevention and/or control and selection of GRSC breeder supplier farms with equal or higher biosafety level. / Mestre
5

Epidemiologia e determinantes sociais das doenças crônicas não transmissíveis no Brasil / Epidemiology and determining social factors of chronic non-communicable diseases in Brazil

Cesse, Eduarda Ângela Pessoa January 2007 (has links)
Made available in DSpace on 2012-05-07T14:40:40Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) 000006.pdf: 2427213 bytes, checksum: 74e103045716da17dab6461ab670d7ce (MD5) Previous issue date: 2007 / A importância de analisar a evolução das Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) no último século decorre da insuficiência de estudos que resgatem o caráter histórico das mudanças ocorridas na sociedade brasileira, as quais determinam os processos de transição demográfica e epidemiológica, num contexto de relevantes desigualdades sociais. No campo do conhecimento, apesar do avanço dos métodos de análise baseados nos modelos epidemiológicos de associação entre riscos e problemas de saúde, surge a necessidade de um redirecionamento na busca de identificação e de comprovações mais consistentes dos determinantes sociais dessas enfermidades, a partir da construção de modelos conceituais integrativos, que dêem conta da complexidade dos seus níveis de determinação. Os modelos lineares de explicação, como algumas teorias acerca da transição epidemiológica, bem como os que se propõem a explicar componentes específicos do processo de determinação (biologia humana e estilo de vida) mostram-se insuficientes para explicar a determinação das DCNT. Considerando o período correspondente ao século XX, adotamos uma matriz de determinação social como forma de apreender os contextos político, econômico e de ocupação do espaço urbano em diferentes níveis de determinação (macrodeterminações, microdeterminações e determinação individual/de grupos). Na análise temporal de mortalidade, estimamos modelos de regressão linear simples e consideramos os grupos das Doenças do Aparelho Circulatório (DAC), das Neoplasias Malignas e o Diabetes mellitus. Observamos, como conseqüência das transformações ocorridas no país no decorrer do século XX, que ocorre a passagem de um padrão arcaico de transição epidemiológica, em que enfermidades crônicas não transmissíveis ainda não são reconhecidas como questões importantes do ponto de vista da saúde pública, para um padrão de desigualdades, no qual essas enfermidades assumem a supremacia no perfil de morbimortalidade da população. As conclusões indicam a necessidade de ponderação acerca das possibilidades e limites das intervenções pontuais, de caráter conjuntural e compensatório, bem como a relevância de intervenções intersetoriais, integrais que visem a modificar as condições de vida do conjunto da população
6

Instrumento para avaliar a implantação do programa nacional de controle da dengue no âmbito municipal / Instrument to evaluate the implantation of the National dengue control program in the municipal scope

Pimenta Junior, Fabiano Geraldo January 2005 (has links)
Made available in DSpace on 2012-09-06T01:12:36Z (GMT). No. of bitstreams: 2 license.txt: 1748 bytes, checksum: 8a4605be74aa9ea9d79846c1fba20a33 (MD5) 725.pdf: 1336482 bytes, checksum: b14f0e5ccb1cdf95dcdf27082b7370ec (MD5) Previous issue date: 2005 / O presente trabalho propõe um instrumento para avaliar a implantação do Programa Nacional de Controle da Dengue - PNCD no âmbito municipal.A importância da dengue no contexto da saúde pública é apresentada, procurando demonstrar a evolução da situação epidemiológica e as diferentes formas que o governo brasileiro organizou as ações de prevenção e controle.Com o objetivo de fundamentar a proposta são discutidos os conceitos de vigilância, monitoramento e avaliação em saúde pública, ressaltando a oportunidade de eselecer na rotina do PNCD a prática desses conceitos.A proposta do instrumento foi elaborada a partir de um conjunto de indicadores anteriormente selecionados para a construção de um sistema de acompanhamento da implantação do programa - DIAGDENGUE, com a participação dos membros do Comitê Técnico de Acompanhamento e Assessoramento do PNCD, adaptando-os à realidade municipal. Foi também elaborado o modelo lógico do PCND, com os seus dez componentes, concentrando-se nas atividades e responsabilidades da esfera municipal de gestão.O processo de validação do instrumento deu-se a partir da análise e pontuação dos critérios propostos pelos membros do comitê, por intermédio do método delphis simplificado, em duas etapas, incorporando na segunda etapa as sugestões apresentadas pelos especialistas. Nessa etapa buscou-se eselecer uma comparação entre a situação identificada com a aplicação do questionário elaborado e as informações constantes nos sistemas de informação adotados pelo PNCD. Esse processo demonstrou que o instrumento proposto permite um aprofundamento na avaliação da implantação das ações de controle da dengue nos municípios. Após essa etapa, a proposta de questionário foi submetida aos coordenadores do programa de controle da dengue de nove municípios do Estado de Minas Gerais.Comparando-se os resultados obtidos, observa-se uma tendência dos representantes dos municípios valorizarem mais do que os especialistas as ações que fazem parte de sua rotina, como o envio das informações do FAD, de amostras para sorologia e isolamento viral, assim como os especialistas valorizaram mais as ações intersetoriais. Conclui-se apresentando uma proposta de instrumento que permite subsidiar e aprofundar a avaliação da implantação do PNCD, qualificando e apontando os avanços e deficiências de cada um dos dez componentes.
7

Vigilância em saúde na atenção terciária: um estudo sobre os núcleos hospitalares de epidemiologia

Piccoli, Talita January 2015 (has links)
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2015. / Made available in DSpace on 2016-10-19T12:43:46Z (GMT). No. of bitstreams: 1 338836.pdf: 1951872 bytes, checksum: b18e9249fa12ab0ade234a89696d4f33 (MD5) Previous issue date: 2015 / A vigilância em saúde (VS) organiza-se num processo contínuo e sistemático frente aos dados de eventos relacionados à saúde, visando o planejamento e implementação de medidas de saúde pública. A vigilância busca avançar no processo de descentralização da gestão e gerência em saúde, por meio da articulação entre os níveis de atenção à saúde. A vigilância epidemiológica (VE) como componente da VS, tem a finalidade de controlar as doenças transmissíveis, não transmissíveis e seus agravos, recomendar e adotar as medidas de prevenção e controle das mudanças nos fatores determinantes e condicionantes. Na atenção terciária à saúde, a vigilância é representada pelos Núcleos Hospitalares de Epidemiologia (NHE). Este estudo tem como objetivo evidenciar as ações de vigilância desenvolvidas pelos Núcleos Hospitalares de Epidemiologia na região da Grande Florianópolis/SC e sua articulação com os demais níveis de atenção à saúde. Trata-se de um estudo de casos múltiplos, com abordagem qualitativa. Abordou as instituições hospitalares com o NHE implantado. Participaram da pesquisa os coordenadores que atuam junto aos núcleos. A coleta de dados ocorreu no período de fevereiro a junho de 2015, seguindo a técnica de triangulação, por meio de entrevista semiestruturada, observação direta não participante e pesquisa documental. A análise dos dados seguiu a técnica da síntese cruzada dos dados proposta por Yin (2010), com ferramenta de apoio o software MaxQDA®plus, que deu origem aos resultados da pesquisa. Os casos apresentaram-se semelhantes e foram identificadas três categorias: As ações e o uso das informações pelo NHE, que consistem nas ações de notificação, investigação, busca ativa, divulgação das informações e o uso das informações coletadas pelo núcleo; As relações estabelecidas pelo NHE, de modo intra e extra-hospitalar, que demonstra o núcleo como referência para notificação; e As contribuições, conquistas e desafios enfrentados pelo NHE, para o próprio núcleo, para o hospital e para a vigilância epidemiológica. Os resultados deste estudo permitiram explorar as relações estabelecidas pelo NHE, internamente com os profissionais que trabalham nas instituições hospitalares, enquanto as externas são estabelecidas com a vigilância epidemiológica no nível municipal e estadual e com a atenção primária à saúde. O NHE se destaca como um setor de referência para a realização da notificação compulsória e para o manejo das situações de doenças transmissíveis, agravos inusitados e doenças emergentes e reemergentes, ultrapassando as barreiras do ambiente hospitalar, desempenhando um importante papel na comunicação entre os pontos da rede de atenção à saúde. Deste modo, o núcleo representa uma importante fonte de informações, que proporciona a detecção e controle de doenças e agravos de saúde. As informações obtidas no ambiente hospitalar são de grande importância e auxiliam a tomada de decisão, contribuindo no sentido de atender às necessidades do sistema de saúde. / Abstract : Health Surveillance (HS) is organized in a continuous and systematic process compared to the data of health-related events, aimed at the planning and implementation of public health measures. Surveillance seeks to advance in the process of decentralization of health management through the articulation between health care levels. Epidemiological surveillance (ES), as an HS component, is intended to: control communicable diseases, non-communicable diseases and their grievances; recommend and adopt measures of prevention and control of determinants and conditioning factors changes. In tertiary health care, surveillance is represented by the Hospital Epidemiology Cores (HEC). This study aims to show the surveillance activities carried out by the Hospital Epidemiology Cores in Grand Florianopolis Area/SC and their articulation with other health care levels. It is a multiple case study with a qualitative approach. Addressed the hospitals with HEC already implanted. The research participants were the coordinators who work with the cores. Data collection occurred from February to June 2015, following the triangulation technique using semi-structured interviews, direct non-participant and documentary research. Data analysis followed the technique of data cross-synthesis proposed by Yin (2010), with support from MaxQDA®plus software tool, which led to the research results. The cases were similar and three categories were identified: The actions and use of information by HEC, comprising the notification actions, study, active search, dissemination of information and the use of information collected by the core; The relations established by HEC, in an intra and extra-hospital way, which demonstrate the core as a reference for reporting; and The contributions, achievements and challenges faced by the HEC, for the core itself, for the hospital and for epidemiological surveillance. The results of this research allowed exploring the relations established by HEC internally with professionals working in hospitals, while outside relations are established with the epidemiological surveillance at the local and state level and with primary health care. The HEC stands as a reference sector for therealization of mandatory reporting and to manage communicable diseases situations, unusual grievances and emerging and re-emerging diseases, overcoming barriers of the hospital environment, playing an important role in communication between the points of health care network. Thus, the core presents itself an important source of information that provides detection and control of diseases and health grievances. Information obtained in the hospital environment is of great importance and support decision-making, contributing towards meeting the health system needs.
8

Epidemiologia do complexo teníase-cisticercose nas aldeias indígenas Jaguapirú e Bororó do município de Dourados-MS /

Aragão, Samuel Carvalho de. January 2003 (has links)
Orientador : Caris Maroni Nunes / Resumo: A inspeção de carnes, tanto bovina como suína, tem-se constituído no principal instrumento diagnóstico da cisticercose em animais e conseqüente prevenção da teníase. No presente trabalho foram avaliados 96 bovinos durante o abate, os quais foram criados nas aldeias, bem como 117 amostras de soro de suínos para presença de anticorpos anti-Taenia sp., além de 632 amostras de fezes da população indígena. Observou-se 18,75% de positividade para cisticercose bovina, 9,4% para cisticercose suína e 1,1% de positividade para teníase humana. Os resultados observados sugerem que o fato da população indígena das Aldeias Jaguapirú e Bororó terem ficado à margem de uma grande cidade como Dourados, preservados em áreas com condições precárias de saneamento básico, pode favorecer a transmissão do complexo teníase-cisticercose, não só dentro das aldeias bem como na região da grande Dourados, através da comercialização da carne bovina e suína. / Abstract: Bovine and pork meat inspection has been the major tool for animal cysticercosis diagnosis and also for taeniasis prevention. In this study 96 bovine carcasses, 117 swine blood serum samples and 632 human stool samples from the Jaguapirú and Bororó villages were evaluated for cyst forms, anti-Taenia sp. antibodies and for Taenia sp. eggs, respectively. We observed cyst forms in 18.75% of the bovine carcasses, 9.4% of the serum samples had antibodies anti-Taenia sp and 1.1% of the examinated human stool showed presence of Taenia sp. eggs. Our results suggest that the Indian population from those villages may favor the maintenance of the taeniasis-cysticercosis complex, because they live in poor sanitary conditions and also because they commercialize bovine and pork meat not only within those villages but also in the metropolitan area of Dourados. / Mestre
9

Filogenia e filogeografia do vírus da raiva de morcegos insetívoros Nyctinomops spp. no Brasil /

Grisólio, Ana Paula Rodomilli. January 2017 (has links)
Orientador: Adolorata Aparecida Bianco Carvalho / Coorientador: Luiz Fernando Pereira Vieira / Coorientador: Andressa de Souza Pollo / Banca: Ricardo Augusto Dias / Banca: Hélio José Montassier / Banca: Luzia Helena Queiroz / Banca: Ingrid Bortolin Affonso Lux Hoppe / Resumo: A raiva é uma doença viral infecciosa aguda, de caráter zoonótico, que atinge todas as espécies de mamíferos. No meio urbano, os cães e os morcegos, em especial os insetívoros e os frugívoros, são vistos como principais agentes transmissores da enfermidade, e ao pensar na sua interação com os seres humanos, os cuidados se intensificam, tendo em vista o risco de propagação da doença. O avanço nos estudos epidemiológicos baseados na análise molecular do vírus da raiva, nas últimas décadas, permitiu a identificação de reservatórios e a distribuição geográfica das variantes. No entanto, dada a constante adaptação genética do vírus aos seus hospedeiros, o presente estudo objetivou realizar uma análise filogenética e filogeográfica do vírus da raiva (RABV) de amostras provenientes de diferentes estados do Brasil, identificados como positivos pelo Instituto Pasteur, São Paulo/SP. Para tanto, foram analisadas sequências parciais do gene codificador da nucleoproteína de 71 amostras de Sistema Nervoso Central (SNC) de morcegos insetívoros Nyctinomops spp. Observou-se na análise filogenética que 65 das 71 amostras agruparam-se em um mesmo clado juntamente com amostras de morcegos insetívoros do banco de dados, representando uma variante específica desse gênero de quiróptero. As outras seis amostras dividiram-se em outros clados mostrando haver proximidade genética entre isolados de morcegos hematófagos e não hematófagos e também entre estes e outros mamíferos silvestres. Ainda foi possí... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Rabies is an acute infectious viral disease of a zoonotic character that affects all the mammalian species. In the urban area, dogs and bats, especially the insetivorous and frugivorous, are seen as the main transmitters of the disease, and when their interaction with humans is analyzed, care is intensified according to the risk of rabies propagation. Advances in epidemiological studies based on the molecular analysis of the rabies virus in recent decades have allowed the identification of reservoirs and the geographical distribution of variants. However, given the constant genetic adaptation of the virus to the hosts, the present study aimed to perform a phylogenetic and phylogeographic analysis of rabies virus (RABV) from different states of Brazil, identified as positive by Pasteur Institute, São Paulo/SP. For this, partial sequences of the nucleoprotein gene of 71 samples from insectivorous bats Nyctinomops spp were analyzed. It was observed in the phylogenetic analysis that 65 of the 71 samples were grouped in the same cluster with samples of insectivorous bats from the GenBank database, representing a specific variant of this bat genus. The other six samples were divided into other clusters showing genetic proximity between hematophagous and nonhematophagous bats isolates and also between these and other wild mammals. It was possible to find a bat from the municipality of Tabuleiro do Norte/RN with RABV belonging to a variant related to crab-eating foxes (Cerdocyon thou... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor
10

Infecção pelo vírus rábico em quirópteros no município de Botucatu, São Paulo e região, no período de 2003 a 2018

Menozzi, Benedito Donizete. January 2019 (has links)
Orientador: Helio Langoni / Resumo: A vigilância epidemiológica para o vírus rábico (VR) tem como um dos seus pilares o diagnóstico laboratorial. Devido à mudança do perfil epidemiológico da Raiva nas últimas décadas, a vigilância passiva de quirópteros em áreas urbanas é de grande importância, tendo em vista que esses animais passaram a ocupar o papel de principais transmissores do vírus a humanos e animais no Brasil. O objetivo desse estudo foi fornecer um panorama sobre a situação epidemiológica da infecção por VR em quirópteros no município de Botucatu e região. Trata-se de um estudo descritivo de dados epidemiológicos de vigilância passiva, com base no diagnóstico de Raiva em quirópteros no período de 2003 a 2018, realizado no Serviço de Diagnóstico de Zoonoses (SDZ) da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” Campus de Botucatu. Um total de 4.271 quirópteros foram submetidos ao SDZ por 42 municípios da região de Botucatu, São Paulo. O diagnóstico de infecção pelo VR foi realizado utilizando-se a imunofluorescência direta e o isolamento viral em camundongos. Realizou-se um levantamento de informações referentes aos quirópteros positivos quanto ao local de recolhimento, ocorrência de sinais clínicos e de contato com outros animais ou homem. Foram elaborados mapas para ilustrar o local de recolhimento dos quirópteros positivos no município de Botucatu. O percentual de positividade em todo o período foi de 1,3% (57/4.281). O município de Botucatu foi responsável por 76,8% (3.289/4.271) das amo... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Epidemiological surveillance for rabies virus (RV) has laboratory diagnosis as one of its pillars. Due to a change in the epidemiological profile of rabies in the last decades, passive surveillance of bats in urban areas is of great importance, considering that these animals have become the main transmitters of RV to humans and animals in Brazil. The objective of this study was to provide an overview of the epidemiological situation of RV infection in bats in the city of Botucatu and region. This is a descriptive study of epidemiological data on passive surveillance, based on the diagnosis of rabies in bats from 2003 to 2018, performed at the Zoonoses Diagnosis Service (SDZ) of the São Paulo State University at Botucatu. A total of 4,271 bats were submitted to SDZ by 42 municipalities in the region of Botucatu, São Paulo. The diagnosis of RV infection was made using direct immunofluorescence and the biological test. A survey of information regarding positive bats was performed, collection point data, occurrence of clinical signs and contact with other animals or man. Maps were elaborated to illustrate the location of positive bats in the municipality of Botucatu. The percentage of positivity in the period was 1.3% (57/4.281). The municipality of Botucatu was responsible for 76.8% (3,289/4,271) of the bats received in the period and 70.2% (40/57) of positive bats. The percentage of positivity of the municipality was 1.2% (40/3, 289). The 57 positive bats belonged to 11 genera ... (Complete abstract click electronic access below) / Doutor

Page generated in 0.0493 seconds