• Refine Query
  • Source
  • Publication year
  • to
  • Language
  • 8
  • Tagged with
  • 8
  • 8
  • 8
  • 5
  • 4
  • 3
  • 3
  • 3
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • 2
  • About
  • The Global ETD Search service is a free service for researchers to find electronic theses and dissertations. This service is provided by the Networked Digital Library of Theses and Dissertations.
    Our metadata is collected from universities around the world. If you manage a university/consortium/country archive and want to be added, details can be found on the NDLTD website.
1

Prevalência de portadores da mutação associada à deficiência da enzima ramificadora de glicogênio (GBED) em cavalos da raça quarto de milha / Prevalence of mutation carriers associated with glycogen branching enzyme deficiency (GBED) in quarter horses

Araújo, César Erineudo Tavares de [UNESP] 30 April 2015 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2016-02-05T18:29:39Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-04-30. Added 1 bitstream(s) on 2016-02-05T18:33:41Z : No. of bitstreams: 1 000854430_20160430.pdf: 194642 bytes, checksum: bb81f6467dc8e778046a85b1a3883c0d (MD5) Bitstreams deleted on 2016-05-04T13:08:34Z: 000854430_20160430.pdf,. Added 1 bitstream(s) on 2016-05-04T13:09:35Z : No. of bitstreams: 1 000854430.pdf: 866908 bytes, checksum: 304d39176d6ab7c06503c5a80740a3e6 (MD5) / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) / A Deficiência da Enzima Ramificadora de Glicogênio (Glycogen Branching Enzyme Deficiency [GBED] em equinos é uma doença hereditária recessiva fatal, caracterizada principalmente por abortos, natimortos e nascimento de potros fracos. A GBED é causada por uma mutação no gene GBE1. Não existem dados acerca da existência de animais com esta mutação no Brasil. O objetivo deste estudo foi verificar a prevalência de animais portadores do alelo mutante da GBED em cavalos da raça Quarto de Milha utilizados em cinco modalidades esportivas equestres no Brasil. Amostras de sangue e pêlo foram obtidas de 740 animais. Após purificação do DNA, foram realizados as reações de PCR, sequenciamento direto automatizado e análise das sequências. Dos 740 animais testados 59 foram considerados heterozigotos para a mutação responsável pela GBED representando uma frequência de 7,97% na população estudada. As prevalências de heterozigotos foram maiores nas linhagens de apartação (20%) e rédeas (10%), seguidos por tambor/baliza (5%) e conformação (3%), não foram encontrados heterozigotos para a modalidade de corrida. Os resultados demostram que a mutação está presente no rebanho brasileiro de cavalos Quarto de milha, e sugere que a doença (homozigotos recessivos) pode estar presente de forma silenciosa. Portanto a GBED deve ser considerada no diagnóstico diferencial nos casos de abortos e morte neonatal em cavalos da raça Quarto de milha no Brasil, e medidas de prevenção da transmissão da mutação devem ser estabelecidas / The deficiency of glycogen branching enzyme [GBED] in horses is a fatal recessive hereditary disease, mainly characterized by abortions, stillbirths and birth of weak foals. The GBED is caused by a mutation in the gene GBE1. The aim of this study was to determine the prevalence of mutation carriers causing GBED in a population of Quarter horse animals used in five equestrian sports practiced in Brazil. Samples of blood and were obtained from 740 animals. After DNA purification, PCR reactions, automated direct sequencing and sequence analysis were performed. Of the 740 animals tested 59 were considered heterozygous for the mutation responsible for GBED representing a prevalence of 7.97% in the population studied. The prevalences of heterozygotes were higher in cutting (20%) and reining (10%) subgroups, followed by barrel racing (5%) and halter (3%), were not found heterozygous for the racing subgroup. The results demonstrate that the mutation is present in the Quarter horse Brazilian herd, and suggests that the disease (homozygous recessive) may be present without being noticed. So the GBED should be considered in the differential diagnosis in cases of abortion and stillbirths in Brazilian Quarter horses and strategies should be developed to prevent transmission of the mutation
2

Prevalência de portadores da mutação associada à deficiência da enzima ramificadora de glicogênio (GBED) em cavalos da raça quarto de milha /

Araújo, César Erineudo Tavares de. January 2015 (has links)
Orientador: Alexandre Secorun Borges / Coorientador: José Paes de Oliveira Filho / Banca: João Pessoa Araújo Júnior / Banca: Luiz Cláudio Nogueira Mendes / Resumo: A Deficiência da Enzima Ramificadora de Glicogênio (Glycogen Branching Enzyme Deficiency [GBED] em equinos é uma doença hereditária recessiva fatal, caracterizada principalmente por abortos, natimortos e nascimento de potros fracos. A GBED é causada por uma mutação no gene GBE1. Não existem dados acerca da existência de animais com esta mutação no Brasil. O objetivo deste estudo foi verificar a prevalência de animais portadores do alelo mutante da GBED em cavalos da raça Quarto de Milha utilizados em cinco modalidades esportivas equestres no Brasil. Amostras de sangue e pêlo foram obtidas de 740 animais. Após purificação do DNA, foram realizados as reações de PCR, sequenciamento direto automatizado e análise das sequências. Dos 740 animais testados 59 foram considerados heterozigotos para a mutação responsável pela GBED representando uma frequência de 7,97% na população estudada. As prevalências de heterozigotos foram maiores nas linhagens de apartação (20%) e rédeas (10%), seguidos por tambor/baliza (5%) e conformação (3%), não foram encontrados heterozigotos para a modalidade de corrida. Os resultados demostram que a mutação está presente no rebanho brasileiro de cavalos Quarto de milha, e sugere que a doença (homozigotos recessivos) pode estar presente de forma silenciosa. Portanto a GBED deve ser considerada no diagnóstico diferencial nos casos de abortos e morte neonatal em cavalos da raça Quarto de milha no Brasil, e medidas de prevenção da transmissão da mutação devem ser estabelecidas / Abstract: The deficiency of glycogen branching enzyme [GBED] in horses is a fatal recessive hereditary disease, mainly characterized by abortions, stillbirths and birth of weak foals. The GBED is caused by a mutation in the gene GBE1. The aim of this study was to determine the prevalence of mutation carriers causing GBED in a population of Quarter horse animals used in five equestrian sports practiced in Brazil. Samples of blood and were obtained from 740 animals. After DNA purification, PCR reactions, automated direct sequencing and sequence analysis were performed. Of the 740 animals tested 59 were considered heterozygous for the mutation responsible for GBED representing a prevalence of 7.97% in the population studied. The prevalences of heterozygotes were higher in cutting (20%) and reining (10%) subgroups, followed by barrel racing (5%) and halter (3%), were not found heterozygous for the racing subgroup. The results demonstrate that the mutation is present in the Quarter horse Brazilian herd, and suggests that the disease (homozygous recessive) may be present without being noticed. So the GBED should be considered in the differential diagnosis in cases of abortion and stillbirths in Brazilian Quarter horses and strategies should be developed to prevent transmission of the mutation / Mestre
3

Transtornos reprodutivos causados por agentes infecciosos em animais de canis comerciais da microrregião de Ribeirão Preto, estado de São Paulo

Tavares, Denise Claudia [UNESP] 30 January 2015 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2015-08-20T17:09:38Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2015-01-30. Added 1 bitstream(s) on 2015-08-20T17:26:44Z : No. of bitstreams: 1 000836708.pdf: 1817578 bytes, checksum: 0849a32e5b604abb3d7dc4c68e0bc37a (MD5) / A criação comercial de cães é uma atividade econômica importante no Brasil e tem aumentado, em média, 20% ao ano. Tais empresas têm se preocupado cada vez mais no aprimoramento das raças, modernização e utilização de biotecnologias da reprodução. Contudo, a performance reprodutiva é desconsiderada neste tipo de criação, apesar de perdas expressivas em vista de transtornos reprodutivos, causados por manejo sanitário inadequado, culminando em abortamentos e perdas de neonatos. Em vista disto, objetivou-se com este estudo efetuar um levantamento epidemiológico do Herpesvírus canino tipo 1, Toxoplasma gondii, Neospora caninum, Brucella canis, Leptospira spp e Ehrlichia canis em canis comerciais e correlacionar os achados com a ocorrência de transtornos reprodutivos, idade, sexo e raça. Foram colhidas amostras de sangue de 400 cães adultos com idade média 29,1 ± 8,9 meses, de canis comerciais localizados na microrregião de Ribeirão Preto, SP, para realização de testes sorológicos e moleculares. Os dados sobre manejo sanitário e reprodutivo foram colhidos em forma de entrevistas aplicados ao proprietários dos canis. O estudo foi baseado na ocorrência de Brucella canis (imunocromatografia), Toxoplasma gondii (reação de imunofluorescência indireta), Neospora caninum (imunofluorescência indireta), Leptospira spp (soroaglutinação microscópica), Herpesvírus canino (PCR), Ehrlichia canis e Ehrlichia sp (PCR). A análise estatística empregada consistiu no tratamento descritivo geral dos resultados obtidos, avaliados pelo software Epi Info 7, com a determinação das estimativas de prevalência e cálculo do intervalo de confiança das taxas de doenças na microrregião de Ribeirão Preto. Essa análise investigou o efeito simultâneo de vários fatores (doenças) em uma variável resposta (abortamento e morte neonatal). A população canina estudada foi constituída de 108 machos (27,0%, IC95%: 22,65-31,35) e... / The commercial kennel breeding is an important economic activity in Brazil and has increased, in media, on 20% per year. The breeding has given importance to concern in the improvement of breeds, modernization and use of reproductive biotechnologies. Nevertheless, the reproductive performance is overlooked in breeding of dogs, though of significant losses due of reproductive disorders caused by inadequate sanitary management, culminating in abortions and neonatal/pup losses. Thus, the aim of this study was investigated the infectious causes of abortion and neonatal/pup deaths in commercial kennels. Blood samples from 400 dogs with an average age 29.1 ± 8.9 months were collected from kennels located in the microregion of Ribeirão Preto, SP, for serological and molecular. The data regarding to health and reproductive management were collected by a questionnaire. The studied was based on prevalence of Brucella canis (imunochromatography), Toxoplasma gondii (indirect immunofluorescence reaction), Neospora caninum (indirect immunofluorescence), Leptospira ssp (microscopic soroagglutination), canine Herpesvirus (PCR), Ehrlichia canis e Ehrlichia sp (PCR). The statistical analysis was descriptive, and we used the simple and multiple linear regressions to verify the interaction between dependent variables (abortion and neonatal/pup deaths) and percent positive cases. Canine population studied consisted of 108 males (27,0%, IC95%: 22,65-31,35) and 292 females (73,0%; IC95%: 68,65-77,35). The prevalence of diseases studied was B. canis (15,0%; IC95%: 11,50-18,50), T. gondii (17,3%; IC95%: 13,55-20,95), N. caninum (30,50%; IC95%: 26,19-35,18), Leptospira spp (34%; IC95%: 29,53-38,77), Ehrlichia sp (4,5%; IC95%: 2,87-7,00) and E. canis (15,5%; IC95%: 11,95-19,05), There was no positive case of canine herpesvirus. When the variable abortion was avaliable we can got one association with T. gondii (p = 0,004260) and B. canis (p = 0,0000012). When ...
4

Transtornos reprodutivos causados por agentes infecciosos em animais de canis comerciais da microrregião de Ribeirão Preto, estado de São Paulo /

Tavares, Denise Claudia. January 2015 (has links)
Orientador: Gilson Hélio Toniollo / Coorientador: Fabiana Ferreira de Souza / Banca: Katia Denise Saraiva Bresciani / Banca: Leandro Luís Martins / Banca: Maria Isabel Mello Martins / Banca: Valeska Rodrigues / Resumo: A criação comercial de cães é uma atividade econômica importante no Brasil e tem aumentado, em média, 20% ao ano. Tais empresas têm se preocupado cada vez mais no aprimoramento das raças, modernização e utilização de biotecnologias da reprodução. Contudo, a performance reprodutiva é desconsiderada neste tipo de criação, apesar de perdas expressivas em vista de transtornos reprodutivos, causados por manejo sanitário inadequado, culminando em abortamentos e perdas de neonatos. Em vista disto, objetivou-se com este estudo efetuar um levantamento epidemiológico do Herpesvírus canino tipo 1, Toxoplasma gondii, Neospora caninum, Brucella canis, Leptospira spp e Ehrlichia canis em canis comerciais e correlacionar os achados com a ocorrência de transtornos reprodutivos, idade, sexo e raça. Foram colhidas amostras de sangue de 400 cães adultos com idade média 29,1 ± 8,9 meses, de canis comerciais localizados na microrregião de Ribeirão Preto, SP, para realização de testes sorológicos e moleculares. Os dados sobre manejo sanitário e reprodutivo foram colhidos em forma de entrevistas aplicados ao proprietários dos canis. O estudo foi baseado na ocorrência de Brucella canis (imunocromatografia), Toxoplasma gondii (reação de imunofluorescência indireta), Neospora caninum (imunofluorescência indireta), Leptospira spp (soroaglutinação microscópica), Herpesvírus canino (PCR), Ehrlichia canis e Ehrlichia sp (PCR). A análise estatística empregada consistiu no tratamento descritivo geral dos resultados obtidos, avaliados pelo software Epi Info 7, com a determinação das estimativas de prevalência e cálculo do intervalo de confiança das taxas de doenças na microrregião de Ribeirão Preto. Essa análise investigou o efeito simultâneo de vários fatores (doenças) em uma variável resposta (abortamento e morte neonatal). A população canina estudada foi constituída de 108 machos (27,0%, IC95%: 22,65-31,35) e... / Abstract: The commercial kennel breeding is an important economic activity in Brazil and has increased, in media, on 20% per year. The breeding has given importance to concern in the improvement of breeds, modernization and use of reproductive biotechnologies. Nevertheless, the reproductive performance is overlooked in breeding of dogs, though of significant losses due of reproductive disorders caused by inadequate sanitary management, culminating in abortions and neonatal/pup losses. Thus, the aim of this study was investigated the infectious causes of abortion and neonatal/pup deaths in commercial kennels. Blood samples from 400 dogs with an average age 29.1 ± 8.9 months were collected from kennels located in the microregion of Ribeirão Preto, SP, for serological and molecular. The data regarding to health and reproductive management were collected by a questionnaire. The studied was based on prevalence of Brucella canis (imunochromatography), Toxoplasma gondii (indirect immunofluorescence reaction), Neospora caninum (indirect immunofluorescence), Leptospira ssp (microscopic soroagglutination), canine Herpesvirus (PCR), Ehrlichia canis e Ehrlichia sp (PCR). The statistical analysis was descriptive, and we used the simple and multiple linear regressions to verify the interaction between dependent variables (abortion and neonatal/pup deaths) and percent positive cases. Canine population studied consisted of 108 males (27,0%, IC95%: 22,65-31,35) and 292 females (73,0%; IC95%: 68,65-77,35). The prevalence of diseases studied was B. canis (15,0%; IC95%: 11,50-18,50), T. gondii (17,3%; IC95%: 13,55-20,95), N. caninum (30,50%; IC95%: 26,19-35,18), Leptospira spp (34%; IC95%: 29,53-38,77), Ehrlichia sp (4,5%; IC95%: 2,87-7,00) and E. canis (15,5%; IC95%: 11,95-19,05), There was no positive case of canine herpesvirus. When the variable abortion was avaliable we can got one association with T. gondii (p = 0,004260) and B. canis (p = 0,0000012). When ... / Doutor
5

Caracterização genomica de isolados brasileiros do herpesvirus equino do tipo 1 / Characterization of Brazilian isolates of equine herpesvirus type A

Carvalho, Rodrigo Franco 12 December 2005 (has links)
Orientador: Clarice Weis Arns / Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Biologia / Made available in DSpace on 2018-08-05T13:06:28Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Carvalho_RodrigoFranco_D.pdf: 1262824 bytes, checksum: 9c044e92e7146ea5bb090e025e656061 (MD5) Previous issue date: 2005 / Resumo: O herpesvírus eqüino do tipo 1 (EHV-1) é um membro da subfamília Alfaherpesvirinae, implicado no surgimento de distúrbios respiratórios, reprodutivos e nervosos em cavalos. A principal forma de contaminação dos animais é através do contato direto com secreções contaminadas pelo vírus. No eqüino, a disseminação do vírus ocorre pela transposição da infecção respiratória a outros órgãos e sistemas através da corrente sanguínea. Pouco se sabe sobre a ocorrência do EHV-1 no Brasil. Dessa forma, este estudo teve por objetivo o isolamento do EHV-1 a partir de material biológico e produção e análise de dados moleculares de isolados brasileiros de EHV-1. Durante este estudo, foi realizado o isolamento de uma amostra de EHV-1 a partir da inoculação de material clínico em células de derme eqüina (ED). Este isolado foi diagnosticado como EHV-1 através da reação em cadeia da polimerase (PCR) para o gene da timidina quinase (tk). Neste trabalho, foram também realizados os seqüenciamentos de fragmentos de PCR derivados do isolado aqui descrito, de uma outra amostra brasileira de EHV-1 e de duas amostras estrangeiras do vírus para análise filogenética. A análise comparativa entre seqüências permitiu inferências sobre o nível de divergência entre os vírus estudados, além da listagem de seqüências regulatórias para atividade gênica em um sítio do genoma localizado próximo ao gene tk. Na região genômica reportada foram contextualizadas ao menos três genes (ORF 38, ORF 37 e ORF 36). Os dados levantados com o seqüenciamento de amostras de EHV-1 de origens geográficas distintas (Brasil, Europa e América do Norte) não mostraram divergências, o que pode estar associado a um processo seletivo constritivo, que impediria a fixação de novas mutações naquela região. A ausência de divergências também pode estar associada à importância dessa região na regulação gênica do EHV-1. Também é um indicativo para a fidelidade dos mecanismos de replicação envolvidos na síntese do DNA viral, o que sugere a importância da região estudada na regulação da expressão gênica do EHV-1 / Abstract: Equine Herpesvirus Type 1 (EHV-1) is a member of Alphaherpesvirinae subfamily implicated with abortions, respiratory and neurological disturbs in horses. The principal mode of viral transmission is through close contact virus-containing secretions of infected horses. Systemic pathogenesis in which this virus is implicated combines primary respiratory infection and spread of viral particles through the circulatory/lymphatic system. Until today, there are only few studies involving the isolation of this virus in Brazil. Thus, the main goal of this study was the isolation of EHV-1 from biological material and the production and analysis of molecular data derived from Brazilian EHV-1 isolates. Clinical samples were screened by inoculation into Equine Dermis (ED) cells monolayers, searching for the characteristic citopathic effect produced by EHV-1. Inoculation of one tissue sample has presented a suggestive citopathic effect. Re-inoculation of the original tissue homogenate in a second, independent experiment reproduced the same positive result. Following these observations, infection agent diagnostic was done by PCR for thymidine kinase (tk) gene. The results demonstrated that sample was EHV-1 positive. In this work, it was done either the sequencing of PCR fragments derived from two Brazilian and two foreign samples of EHV-1 for filogenetic and genomic analyses purposes. It was assigned at least three Open Reading Frames contexts (ORF 38, ORF 37, ORF 36). The data do not show genetic variation between sequences. The high level of genetic conservation for this region, despite the distinct geographic origins (Brazil, Europe and North America) of EHV-1 samples studied, indicates a strong selection process against the fixation of new mutations. It also highlights a high level of fidelity for DNA replication and strongly suggests the importance of the studied region for EHV-1 gene regulation / Doutorado / Microbiologia / Doutor em Genetica e Biologia Molecular
6

Ocorrência de Coxiella burnetii em ruminantes domésticos e selvagens no Brasil /

Zanatto, Diego Carlos de Souza. January 2019 (has links)
Orientador: Marcos Rogério André / Coorientador: José Maurício Barbanti Duarte / Banca: Karina Paes Bürger / Banca: Ana Patrícia Yatsuda Natsui / Resumo: Coxiella burnetii é uma bactéria Gram-negativa intracelular obrigatória, que além de considerado agente zoonótico causador da Febre Q em vários países do mundo, foi classificado como um potencial agente de bioterrorismo. Bovinos, ovinos e caprinos representam as fontes de infecção mais frequentemente associadas à ocorrência da enfermidade em humanos, entretanto animais selvagens também podem atuar como importantes fontes de infecção. Desta forma, o presente estudo tem como objetivo investigar a ocorrência de Coxiella burnetii em ruminantes domésticos e selvagens no Brasil. Para tal, 188 amostras de sangue de cervídeos (143 Blastocerus dichotomus, 11 Ozotocerus bezoarticus, 27 Mazama gouazobira, 4 M. bororo e 3 M. americanum), capturados nos estados de MS, SP e MG, foram submetidas à extração de DNA e, subsequentemente, à nested (n)PCR para C. burnetii baseada no elemento de inserção repetitivo IS1111 do gene heat shock protein (htpAB). Além disso, 169 amostras de soro de cervídeos foram submetidas à Reação de Imunofluorescência para detecção de anticorpos IgG anti-C. burnetii. Amostras de soros de bovinos apresentando desordens reprodutivas foram submetidas às Reações de Vírus Neutralização para BoHV-1 e BVD, Soroaglutinação Microscópica para Leptospira spp., Reação de Imunofluorescência Indireta for C. burnetii e Toxoplasma gondii, e Ensaio de Imunoabsorção Enzimática Indireto para Neospora caninum e Trypanosoma vivax. Todas as amostras de sangue mostraram-se negativas na nP... (Resumo completo, clicar acesso eletrônico abaixo) / Abstract: Coxiella burnetii is an obligate intracellular Gram-negative bacterium, which, in addition to being considered a zoonotic agent that causes Q fever in several countries of the world, has been classified as a potential bioterrorism agent. Cattle, sheep and goats represent the most frequent sources of infection associated with the occurrence of the disease in humans, however, wild animals can also act as important sources of infection. In this way, the present study aims to investigate the occurrence of Coxiella burnetii in domestic and wild ruminants in Brazil. To this end, 188 cervus blood samples (143 Blastocerus dichotomus, 11 Ozotocerus bezoarticus, 27 Mazama gouazobira, 4 M. bororo and 3 M. americanum), captured in the states of MS, SP and MG, were subjected to DNA extraction and, subsequently to the nested (n) PCR for C. burnetii based on the heat shock protein (htpAB) gene IS1111 insertion element. In addition, 169 cervical serum samples were submitted to Immunofluorescence Reaction for the detection of anti-C. burnetii IgG antibodies. Adicionaly, samples of bovine sera presenting reproductive disorders were submitted to the Virus Reaction Neutralization for BoHV-1 and BVD, Microscopic Soroagglutination for Leptospira spp., Indirect Immunofluorescence Reaction for C. burnetii and T. gondii, and Indirect Enzyme Immunoabsorption Assay for N caninum and T. vivax. All blood samples were negative in nPCR, evidencing absence of circulating DNA of C. burnetii in the sampled c... (Complete abstract click electronic access below) / Mestre
7

Soroprevalência e fatores de risco associados ao herpesvírus bovino tipo 1, vírus da diarréia viral bovina em vacas leiteiras mestiças não vacinadas e Neospora caninum no município de Uberlândia / Seroprevalence and risk factors associated with bovine herpesvirus type 1, bovine viral diarrhea virus in crossbred dairy cows vaccines and Neospora caninum in the municipality of Uberlândia

Nasciutti, Nayara Resende 01 June 2017 (has links)
O herpesvírus bovino tipo 1, vírus da diarréia viral bovina e Neospora caninum estão frequentemente associados a casos de abortamento em bovinos de leite. A tese foi fracionada em três capítulos, sendo o primeiro referente às considerações gerais dos tópicos abordados nos demais capítulos. O segundo capítulo objetivou verificar os fatores de risco associados à soroprevalência do herpesvírus bovino tipo 1 (BoHV-1), vírus da diarréia viral bovina (BVDV) e de ambos agentes virais (BoHV-1 e BVDV) em vacas leiteiras mestiças não vacinadas do município de Uberlândia, Minas Gerais, por meio do teste de vírusneutralização. O terceiro capítulo objetivou verificar os fatores de risco associados à soroprevalência do Neospora caninum no município de Uberlândia, Minas Gerais em vacas leiteiras mestiças pela técnica de ELISA. No período de janeiro a julho de 2013 foram colhidas 264 amostras de sangue para determinações dos títulos de anticorpos contra o BoHV e BVDV e 740 amostras para o Neospora caninum. / ABSTRACT Bovine herpesvirus 1, bovine viral diarrhea virus and Neospora caninum are often associated with cases of abortion in dairy cattle. The thesis was fractionated into three chapters, the first one relating to the general considerations about the topics discussed in the following chapters. The second chapter aimed verify the risk factors associated with seroprevalence of bovine herpesvirus 1 (BoHV-1), virus bovine viral diarrhea (BVDV) and both viral agents (BoHV-1 and BVDV) in unvaccinated crossbred dairy cows from the county of Uberlândia, Minas Gerais, through virus neutralization test. The third chapter aimed to verify the risk factors associated with the seroprevalence of Neospora caninum from the county of Uberlândia, Minas Gerais, Brazil, in crossbred dairy cows using the ELISA technique. From January to July 2013, 264 blood samples were collected for determinations of antibody titers against BoHV and BVDV and 740 samples for Neospora caninum. / Tese (Doutorado)
8

Incidência de perdas gestacionais e efeito da vacinação contra doenças da reprodução nas taxas de prenhez em vacas de corte submetidas à inseminação artificial em tempo fixo

Aono, Fernando Henrique Souza [UNESP] 07 February 2012 (has links) (PDF)
Made available in DSpace on 2014-06-11T19:28:22Z (GMT). No. of bitstreams: 0 Previous issue date: 2012-02-07Bitstream added on 2014-06-13T20:57:57Z : No. of bitstreams: 1 aono_fhs_me_botfmvz.pdf: 369733 bytes, checksum: 9c1273e6b7251a105aef760ce4a3a576 (MD5) / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) / Universidade Estadual Paulista (UNESP) / O objetivo deste estudo foi determinar a incidência de perdas gestacionais em vacas de corte e avaliar o efeito da vacina contra IBR/BVD/Leptospirose (5,0 mL, Cattle Master® 4 + L5) na taxa de prenhez e perdas de gestação de vacas submetidas à Inseminação Artificial em Tempo Fixo [IATF, Protocolo; D0: benzoato de estradiol (2mg, Estrogin) e inserção do dispositivo intravaginal de P4 (CIDR, P4,1,9g); D7: dinoprost trometamina (PGF2α, 12,5mg, Lutalyse); D9: retirada do dispositivo intravaginal de P4, administração cipionato de estradiol (0,5mg, ECP) e remoção temporária de bezerros (RTB) por 48 horas; D11: IATF]. A avaliação de gestação foi realizada aos 30 e 120 dias pós IATF, para identificação de vacas prenhas e identificação de perdas gestacionais. No EXP1, foram avaliadas 8725 vacas para determinar a taxa de perda de gestação entre 30 e 120 dias. Foram usadas vacas pertencentes a dezenove propriedades com programas sanitários diferentes: sem imunização para doenças da reprodução (Grupo Sem, n = 7.311); com imunização semestral para Leptospirose (Grupo Leptospirose, n = 738); ou com imunização semestral para leptospirose e anual para Rinotraqueíte Infecciosa Bovina e Diarréia Viral Bovina (Grupo IBR/BVD/Leptospirose, n = 676). No EXP2 (n=1968) e EXP3 (n=2793), as vacas foram divididas aleatoriamente dentro do mesmo lote para receberem ou não a vacina contra IBR/BVD/Leptospirose (5,0 mL, Cattle Master®4 + L5): a primeira dose foi aplicada no início do protocolo de IATF e a segunda dose no momento do primeiro diagnóstico gestacional (US1/30d). No EXP2 as fazendas não utilizavam nenhum tipo de vacina preventiva para as doenças da reprodução, já no EXP3 as fazendas utilizavam vacinação contra Leptospirose. No EXP 4 foram utilizadas 367 vacas da raça Nelore... / The aim of this study was to determine the incidence of pregnancy loss in beef cows, and evaluate the effect of the vaccine against IBR/BVD/Leptospirosis (5.0 mL, Cattle Master ® 4 + L5) in pregnancy rate and pregnancy loss of cows subjected to fixed-time artificial insemination [TAI, Protocol; D0: estradiol benzoate (2mg, Estrogin) and insertion of intravaginal P4 device (CIDR, P4, 1.9 g); D7: dinoprost tromethamine (PGF2, 5mg Lutalyse), D9: withdrawal of intravaginal P4 device, administration of estradiol cypionate (0.5 mg, ECP®) and temporary calf removal for 48 hours; D11: TAI]. The pregnancy diagnosis was performed at 30 and 120 days after TAI for identify cows pregnant and pregnancy loss respectively. In EXP1 8725 cows were evaluated to determine the rate of pregnancy loss between 30 and 120 days. The cows were from nineteen farms with different health programs. Cows without immunization reproductive diseases (Group No, n = 7311), with immunization semester to leptospirosis (Leptospirosis Group, n = 738) or semester immunization against leptospirosis and annual against infectious rhinotracheitis bovine and bovine viral diarrhea (Group IBR/BVD/Leptospirosis, n = 676). In EXP2 (n = 1968) and EXP3 (n = 2793) cows were randomly assigned within the same batch to receive or not vaccine against IBR/BVD/Leptospirosis (5.0 ml, 4 Cattle Master® L5 +): the first dose was administered at the beginning of the TAI protocol and the second dose at the time of first diagnosis of pregnancy (US1/30d). In EXP2 farms did not use any kind of preventive vaccine for diseases of reproduction, as in exp3 farms used vaccination against Leptospirosis. In EXP 4 367 nelore cows were submitted to TAI, the animals were randomly assigned to receive the vaccine at different times. Animals from groups:...(Complete abstract click electronic access below)

Page generated in 0.0777 seconds